VIOMUNDO

Diário da Resistência


Política

Carta Maior e o filme B de Marcos Valério: Amanhã tem mais


03/11/2012 - 11h29

‘VEJA’, O ATIRADOR CARECA E A MULHER BARBADA

da Carta Maior

A revista ‘Veja’ e a crosta que orbita em torno dela decidiram que o Brasil é um parque de diversões do conservadorismo decadente.

Um ‘focinho de porco’ onde se vende desde o elixir da juventude dos livres mercados, a tucanos sábios e o túnel dos horrores da esquerda.

Tudo meio gasto, decrépito, exalando picaretagem e golpe.

Um dos caça-níqueis do negócio é a barraquinha do ‘tiro ao Lula’.

Pouca demanda.

Pintura descascada e balcão sujo.

Para animar a freguesia, Veja & a crosta volta e meia instalam Marcos Valério no meio a clientela; ele faz uns disparos com a espingardinha de rolha.

Atrás da cortina colunistas isentos sacodem os bonequinhos de Lula, fingindo que a rolha desta vez acertou.

Tudo um pouco capenga.

Às vezes sacodem o bonequinho antes do tiro e continuam sacudindo depois, sem parar, mesmo sem nenhum disparo.

Valério franze o cenho e olha em volta, como se perguntasse – ‘E agora, o que eu faço?’

Os patrocinadores tentam compensar o descrédito com decibéis, alardeiam prêmios milionários ao misterioso ‘atirador careca’.

Os transeuntes olham aquilo com ar de enfado.

Moscas zumbem.

A mulher barbada tira os pelos postiços e se troca em público.

Amanhã tem mais.

Leia também:

O pedido de CPI dos institutos de pesquisa

Rui Falcão, a Globo e o mensalão do PSDB

A foto que causou demissão de professora

Universidade Federal de Campinas é pra valer ou só promessa de campanha?





40 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Francisco de Assis

04 de novembro de 2012 às 20h56

—————————————————————–
Imagem editada da original “Lição de anatomia do Dr. van der Meer”
Quadro de van Mierevelt, 1617. Museu de Delft

Responder

Douglas Otaviani Tôrres

04 de novembro de 2012 às 20h11

Comentário feito no blog do Eduardo Guimarães de um Major das forças armadas,e que este reproduziu no face,um vento fresco nestes dias quentes :
Leiam interessante comentário de um oficial de infantária do Exército colocado no Blog:

—–

Maj. Mascarenhas Maia 4/11/2012 • 17:56 (Edit)

Prezado Eduardo Guimarães,

É um grande prazer em contactar consigo novamente. É dispiciendo reafirmar o meu respeito por sua pessoa e suas posições enquanto militante da blogosfera. Espero ser recíproco esse respeito, dadas as nossas interlocuções, já de alguma data.

A respeito de suas postagens em seu prestigioso blog Cidadania, em especial as duas últimas, considero ser necessário algumas colocações sobre as considerações ali contidas. Ressalto que falo apenas em meu nome, não me cabendo externar nenhuma posição em nome da Força. Falo como cidadão brasileiro, pois o fato de ser um oficial de Infantaria não me restringe os direitos de cidadão; ao contrário, às vezes, de forma equivocada, até hiperboliza esses direitos.

Um filósofo disse certa vez, que o homem é ele e suas circustâncias. Plenamente de acordo. E as circustâncias da realidade sócio-política do Brasil, de agora, caro Eduardo, são de apreensão quanto ao futuro de nossa novel democracia. Apreensão que se justifica ao ler suas arrazoadas análises.

Embora concordando com suas acuradas análises sobre o quadro político atual, permita-me discordar do desfecho que você propõe como possível. Um golpe que rompa o tecido democrático-institucional, em países como o Brasil, só é possível com o apoio do aparato militar. Mesmo em Honduras e no Paraguai, onde houve golpes heterodoxos, houve também um considerável suporte militar (em Tegucigalpa, uma guarnição militar prendeu o presidente Zelaya e o segregou). Isso nos permite várias leituras:

__ Alguns governos de esquerda/trabalhistas governam (governavam) ainda com certo ranço sectário e anti-militar (mormente no Paraguai e em Honduras);

__ Alguns governos de esquerda/trabalhistas não se preocupam em formar um sólido suporte militar, que lhes permitam neutralizar esses tentames golpistas. Apesar de profissionalizadas, as Forças Armadas, notadamente seus comandos, são compostas por agentes também políticos e, como tais, sensíveis a articulações políticas que, minimamente, atendam seus pleitos no que concerne à recuperação de sua capacidade dissuasória. A Força Armada do Brasil não está dissociada de seu povo.

No caso da realidade brasileira, vejo um segmento político-ideológico (PSDB/DEM/PPS) articular-se com parcelas consideráveis da mídia impressa/falada/televisada, para criminalizar e alijar do jogo democrático um outro agrupamento partidário (o PT), usando para isso técnicas e táticas de contra-informação, aliadas, em algumas vezes, à manipulação da informação, pura e simples.

Aí você me pergunta: onde é que essas práticas podem levá-los? Eu diria, Eduardo, que tais práticas, por mais nefandas que se possa qualificá-las não terão o condão de romper com a normalidade democrático-institucional; quando muito, podem desgastar o agrupamento oponente. E supondo que tais desgastes venham, num crescendo, para desembocar em uma subversão da ordem constitucional, para se efetivar em uma quebra dessa ordem e depor um governo legítima e constitucionalmente eleito, eles precisarão de um apoio militar efetivo. Parafraseando o general Castelo Branco, eles terão que vir aos bivaques bulir com os granadeiros…

E hoje, posso lhe afiançar, se esses segmentos políticos que namoram práticas golpistas, vierem aos quartéis, ganharão um sonoro não como resposta. O conjunto da minha Força, e creio que também da FAB e da Armada, tem muito claro as responsabilidades de nossas missões primordiais: garantir a soberania do território nacional, garantir e manter a integridade de nosso tecido democrático-institucional e evitar a deposição de um governo constitucionalmente eleito, fora das soluções prescritas pela Constituição da República. O que exceder a isso será considerado por nós como golpe contra o ordenamento constitucional vigente. E como golpe será tratado.

Quanto ao resto, o jogo político-eleitoral propriamente dito, que as várias forças políticas joguem o jogo, respeitem e sigam as regras. E que vença a que o povo escolher.

E não venham aos bivaques bulir com os granadeiros.

Cordialmente,

Maj. Mascarenhas Maia
Oficial de Infantaria – EB

Responder

Maria

04 de novembro de 2012 às 19h43

ACORDA LULA,ACORDA DILMA! Vou te contar tenho 58 anos, nunca fui filiada a partido algum mas sinto cheiro de golpe e sou capaz até de pegar em armas, caso o golpe do pig vá adiante. Estamos todos a chamar a atenção do circo que tá sendo armado e,só o PT não se dá conta do golpe (ST da vida,pig Etc). Bando de gente leniente, que não faz nada para regulamentar a mídia. USA, Inglaterra, todos o do dito primeiro mundo exigem denúncias com provas. Aqui é uma esculhabacao, qq um denuncia e fica por isso mesmo. A mídia q apoiou a ditadura (globo,folha, estadão etc) fazem o q querem e fica por isso MESMO! QUE diabo é ISSO?
PT vcs estão dando espaço para que essa gente pequena, metida a grande, faça a festa.ACORDA! Aqui em Salvador que sempre foi oposição o DEM ganhou. Culpa do PT que tá negando suas origens (classe média principalmente ) e fazendo governo para elite de meia tigela. Viva Gurgel, viva G.Mendes, viva Mellos, viva Policarpo, Ali e acolá! Acorda Bernardo, ou será q essse povo tem r PRESO?

Responder

Fabio Passos

04 de novembro de 2012 às 19h30

Os leitores de veja são indigentes ético-intelectuais.
E ainda tem min do stf que fica envaidecido em ser capa do esgoto. rsrs

Responder

Eduardo Guimarães

04 de novembro de 2012 às 19h07

Amei!!!

Responder

Zhungarian Alatau

04 de novembro de 2012 às 18h46

Quem mais critica o Lula é quem mais se beneficiou do governo dele. Ridículos.

Responder

sandro

04 de novembro de 2012 às 17h59

De boa.
Pior que ver (vejo não leio) a veja nas bancas é ter que ouvir
as opiniões de seus leitores. As vezes fico em dúvida,seria inocência
ou mau-caratismo mesmo.

Responder

    vinicius

    05 de novembro de 2012 às 16h32

    Sandro, nem são inocentes, nem são mal-caráter.
    As pessoas são influenciadas, torcem por determinado time, gostam de ter opinião, etc e etc.
    Alguns, um dia, quem sabe, poderão ler e entender as notícas com outro viés.
    Essa revista semanal (InVeja)apenas cumpre o papel que cabe a ela.
    A velha e antiga luta pelo poder ainda move a nossa vida diária.

ROBERTO

04 de novembro de 2012 às 17h57

A reação deve ser inteligente, O julgamento de exceção do “mensalão” prova que A justiça é parcial, politica, conservadora de direita(vide Celso de MElo Marco Aurélio, Gilmar e Ayres Brito) e “maria vai com as outras”vota onforme a “onda” da grande mídia com Excessão d Ricardo Levandowski . Não vejo outra maneira, a ser de ir a ruas e denunciar este Golpe do PIG e a direitona, como LULA e Dilma estes canalhas não vão mexer.

Responder

Marcos Coimbra: Me engana que eu gosto… « Viomundo – O que você não vê na mídia

04 de novembro de 2012 às 11h42

[…] Carta Maior e o filme B de Marcos Valério: Amanhã tem mais […]

Responder

Gerson Carneiro

04 de novembro de 2012 às 05h27

Não vou esperar até amanhã, não. Vou contar o final.

No último ato a Mulher Barbada se transforma em….

MONGA – A Mulher Gorila.

Responder

    rita

    04 de novembro de 2012 às 15h18

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Francisco

03 de novembro de 2012 às 23h55

As moscas tanbem zumbem na CPMI de Cachoeira.

Logo mais, farão o mesmo ruido na CPI da Privataria.

O país é um cemitério…

Responder

Emir Sader: Antes, a direita recorria aos quartéis, agora usa a mídia para apelar ao Judiciário « Viomundo – O que você não vê na mídia

03 de novembro de 2012 às 22h11

[…] Carta Maior e o filme B de Marcos Valério: Amanhã tem mais […]

Responder

Horridus Bendegó

03 de novembro de 2012 às 20h04

O Goela Abaixo
Edição Ultimato

O Goela Abaixo, esse prosaico instrumento de comunicação que ousa substituir o canto mandálico de nossa pro$tituída Mídia, que martela na cabeça de uma gente do bem, em sua maioria, seus dogma$ ideológico$ com a força do braço de Thor e o repicar insuportável de um Araponga às 5 da matina, “que o Lula é um demônio que apareceu em nossa vida política”, avisa:

DECLARARÁ GUERRA SEM QUARTEL E SEM PIEDADE A TODO AQUELE, AMIGO OU INIMIGO; CRENTE OU ATEU; PARENTE OU DISTANTE; RICO OU POBRE; BRANCO OU NEGRO; DO BEM OU DO MAL; CORINTIANO OU PALMEIRENSE; VIVO OU MORTO; QUE ENTRAR NA ONDA DE DOUTRINAÇÃO MIDIÁTICA ENCETADA PELA MAIS PROSTITUÍDA DAS PROSTITUÍDAS IMPRENSAS DO PLANETA!

Vocês sabem, principalmente vocês, meus colegas de trabalho, que a imprensa brasileira, que sempre tratou de deixar-nos, nós Servidores Públicos, em má situação perante à opinião pública, tem seus interesses comerciais para além da ética e do respeito à menor verdade, quando estes interesses estão em jogo, ou seja, sempre!

Os que labutam no Judiciário Federal sabem o quanto trabalham para dar ritmo célere às demandas processuais que ultrapassam em muito suas capacidades de vê-lo à razoabilidade de seus transcursos, (enxugam um gelo num calor de 40º C) e sabem também o histórico de afrontas e desfeitas que a mídia nos oferece em qualquer oportunidade!

Só para dar um exemplo dessa má fé da Mídia, um dia, li uma manchete de um desses prostituídos jornais:

!”Servidor Público agora terá direito à soneca no trabalho”!

Curiosos, fomos ler a matéria, que quase ninguém nunca lê, por falta de tempo ou por preguiça, e lá, em letras bem menores estava escrito:

“foi aprovado para servidores públicos o intervalo de duas horas para o almoço”

e nada de soneca no interior da matéria!!!!

As duas horas para o almoço, a má intencionada Mídia “transformou” em hora da sesta!

Então, caros leitores, como dar crédito a uma imprensa que usa e abusa da má fé para com uma categoria imprescindível à organização do Estado?

Não seria o caso de também se refletir o por quê dessa mídia ser tão anti-Lula?

Quais as causas de uma e de outra razão para a Mídia tratar Servidores Públicos como indesejáveis e o mesmo tratamento ser dispensado ao Lulismo?

Por que a Mídia nunca repercute denúncias contra os representantes de sua corrente ideológica, se é que prostitutas têm alguma ideologia, que não seja a do Cifrão?!

Infelizmente, toda uma gente de bem, se bem a conheço, tem aceitado a tese da Mídia com uma verdade absoluta que se impõe!

Sei que poucos desses tiveram oportunidade de se aprofundarem na História política do Brasil e de sua formação, lendo clássicos como Os Donos do Poder, de R Faoro; ou a Formação Econômica do Brasil, de C Furtado, porém, o desconhecimento de uma verdade, ou Lei, não exime de suas responsabilidades o cidadão que as viola!

Cuidado com a manipulação, gente!

Por todo o exposto, O Goela Abaixo dá o seguinte ultimato:

Nem sorria mais para mim se você der crédito à conspiração midiática que visa liquidar o Lulismo, o primeiro grande movimento político de uma linha ideológica a se preocupar o mínimo com os 80% de excluídos históricos deste País, sem a inclusão dos quais, jamais teremos a liberdade de entrar numa Farmácia sem ter medo de morrer pelas mãos de um desvalido social!

Responder

Apolônio

03 de novembro de 2012 às 19h03

Continuo insistindo que os blogueiros progressistas, deveriam criar uma associação e, imediatamente, criar um jornal escrito, que traria todo o pensamento dos blogueiros. Esse periódico se possível deveria ser distribuido gratuitamente para o povão pelo menos em algumas capitais. A distribuição poderia ser semanal, ou quinzenal. Os custos poderiam ser cobertos por doações, publicidades, assinaturas, etc. Acho que isso serviria como contraponto à grande mídia.

Responder

    fernando

    04 de novembro de 2012 às 09h34

    com certeza, um jornal de esquerda com união de todos os blogueiros progressistas do Pais, é uma forma de resposta a toda ditadura midiatica…

    temos que falar para o povão, que nem sempre possui internet ou frequenta esses blogs…

    a unica resposta a midia é começar com um grande jornal de esquerda, e quem sabe no futuro, com uma tv que possa ter 10 % da audiência nacional, sendo uma emissora de esquerda …
    isso é possivel, ja que eleitores nós temos, basta mais e mais leitores.

    mas temos de deixar de ser puritanistas e aprender ser comerciais , para sobreviver o jornal ou quem sabe uma TV,, o caminho é dificil.

    strupicio

    04 de novembro de 2012 às 18h23

    isso mesmo, EM TEMPOS DE INTERNET, um jornal IMPRESSO EM papel onde as noticias seriam escritas com penas de ganso e copiadas em mosteiros silenciosos no alto da colinas por monges de esquerda que os distribuiriam em camelos ágeis e jumentos velozes…
    depois esperaríamos o GutemBerg inventar a imprensa de tipos móveis…
    e essas ideias são de nossos “progressistas” imaginem os ‘atrasistas”…

Jorge Souto Maior: PT, saudações « Viomundo – O que você não vê na mídia

03 de novembro de 2012 às 18h55

[…] Carta Maior e o filme B de Marcos Valério: Amanhã tem mais […]

Responder

Rogério Barros

03 de novembro de 2012 às 17h07

e pensar q essa “revistinha” VEJA, meio gasta, decrépita, exalando picaretagem e golpe, foi responsável pela demissão/renuncia de 7 ministros do atual Governo!

q coisa, né?

Responder

    Mário SF Alves

    03 de novembro de 2012 às 17h21

    Prezado Rogério,

    Não foi apenas ela, a (in)Veja. Foi ação articula; foi todo o consórcio.

    FrancoAtirador

    03 de novembro de 2012 às 18h44

    .
    .
    É verdade, Mário.

    A Veja isolada só serve
    para entupir o esgoto
    com 1 milhão de capas.

    Quem derruba ministro
    é a Rede Globo de TV,
    por intermédio do JN.
    .
    .

Messias Franca de Macedo

03 de novembro de 2012 às 14h59

[ALGUNS HOMENS DA DIREITONA]

Ricardo disse:
Alguém poderia me dizer o que Tancredo Neves já fez por esse país? Desconheço na História.
em ‘Os vencedores ainda’, editorial da Carta capital escrito por Mino Carta
http://www.cartacapital.com.br/sociedade/os-vencedores-ainda/#todos-comentarios

3 de novembro de 2012 às 13:07

Responder

LÁ VEM O PITACO DO MATUTO ENXERIDO!

Prezado Ricardo, o avô do Aécio ‘Never’ conseguiu a façanha histórica de ser ‘muito mais moderado do que o velho e bom Ulysses Guimarães’! Tancredo Neves, homem de confiança até dos ‘milicos’ “da ‘ditabranda’ da Folha de São Paulo”! Realmente, ‘o domínio do fato’ não deixa de ser um legado deveras significativo!…

Felicidades!

Hasta la Victoria Siempre!

República de ‘Nois’ Bananas
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

abolicionista

03 de novembro de 2012 às 14h36

Que o golpismo do PIG tem um quê de circense, é inegável, mas isso não significa que não seja perigoso, todo golpismo assume, pelo menos inicialmente, um aspecto burlesco e até mesmo cômico. Isso porque os protagonistas do golpismo atuam nos bastidores, no palco estão apenas atores medíocres nos quais ninguém acredita. O paradoxo do golpismo está aí: em precisar encenar uma tragicomédia inverossímil (um julgamento, no caso tupiniquim mais recente)para aplicar a força bruta nas coxias. Acho que o único motivo pelo qual o PIG procura esse caminho, por assim dizer, duplo, é a tentativa de salvar sua imagem futura, de escrever a história com a “tinta da galhofa” de que falava Machado, na esperança de que essa venha a ser tomada a sério no futuro.

Responder

    Mário SF Alves

    03 de novembro de 2012 às 17h27

    Uma das características do estado é o monopólio da violência. Foi o que vimos no linchamento. A diferença é que, neste caso, quem fez uso dela foi o ESTADO de FATO e não o Estado Democrático de Direito.

    vinicius

    05 de novembro de 2012 às 17h36

    Abolicionista, é essa possibilidade de a mídia vir a ser levada a sério que me preocupa.

    Há um grande número de brasileiros em processo de construção de sua cidadania ou de conquista sócio-econômica que a mídia pretende atingir.

    Assim, em breve, busca-se formas de construir uma dúvida. Ou seja, esse tal de Lula foi tão bom assim!?!?!
    O objetivo da mpidia está muito claro em outro post deste site.
    https://www.viomundo.com.br/opiniao-do-blog/lula-e-o-exorcismo-que-vem-ai.html/comment-page-1#comment-390103

laura

03 de novembro de 2012 às 14h06

Está faltando uma análise sobre a estranha capa de Carta capital sobre “aécio vitorioso”. Já tinha aparecido a também forçada capa do eduardo Campos como o grande “vitorioso ” das eleições. Carta Capital para mim acabou aqui. Esta segunda “reportagem/propaganda”, alavanca/escada para certas pretensões, acabou com qualquer credibilidade da revista como jornalismo para mim. MUITO ESTRANHO.

Responder

    FrancoAtirador

    03 de novembro de 2012 às 18h38

    .
    .
    Caríssima Laura.

    O Mino Carta é um jornalista bastante experiente em política.

    Creio que ele sabe exatamente onde pode chegar com esta capa.

    Conheces aquela história: ‘quanto maior o pulo, maior o tombo’?

    Pois é: se você pensa que cachaça é água, cachaça não é água não…
    .
    .

anac

03 de novembro de 2012 às 13h58

Não poderia ser diferente o ódio mortal a Lula, o operário que conquistou por mérito a presidencia da república salvando o Brasil da incompetencia e desonestidade dos doutos.
Alem de sentar na cadeira que por direito é destinada aos eleitos da Casa Grande, Lula elegeu sua sucessora. E o pior dos pecados: retirou milhões da senzala, reduzindo de sobremaneira os serviçais da latrina e fogão da Casa Grande. Pior para classe media que pode reclamar mais ainda pois seus filhos terão que dividir as cadeiras das universidades e as poltronas dos aviões com os filhos da senzala. Não bastasse perder a fachineira ainda terá que aturar os filhos delas nas universidades. Restando o consolo aos membros da classe media reclamar de suas agruras nos templos cristãos.
Ignorantes, mal sabem que são os chamados sepulcros caiados, hipocritas fariseus que Jesus vomita.

Responder

    Mário SF Alves

    03 de novembro de 2012 às 17h38

    É… E que saudades devem ter do tempo da caridade, ingênua ou não; cristã ou pagã; não importa. Caridade quase sempre Mercantil; quase sempre conservadora.
    ______________________________

    E la nave vá. A nave, a galáxia, o universo, tudo flui; menos a ignorância.

Messias Franca de Macedo

03 de novembro de 2012 às 13h02

O CONTRAGOLPE!

Após tantos acintes… Após tantas provocações… Após inúmeras e reiteradas tentativas de desestabilização de governos democraticamente eleitos… Portanto, após sucessivos atos escabrosos de desrespeito à legalidade, a sociedade civil brasileira deve exigir a instalação imediata das seguintes CPMIs: CPMI da [indecorosa] compra de votos para a re-eleição de FHC; CPMI da ‘Privataria Tucana’; CPMI do PIGolpista/terrorista/antinacionalista.

… Ao PT e ao governo da presidente Dilma Rousseff, A Magnífica, a tarefa de discutir democraticamente com a sociedade civil e demais interessados a elaboração e instituição da Lei dos Meios [já passou da hora!]…

AS RUAS, BECOS E AVENIDAS ESPERAM – E CLAMAM -, ANSIOSAS, POR VOZES! OU NÃO?!…

AVANTE POVO BRASILEIRO!

Hasta la Victoria Siempre!

República de ‘Nois’ Bananas
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Messias Franca de Macedo

03 de novembro de 2012 às 12h54

DURANTE O FERIADO DE FINADOS, OS [IMPUNES FUNDAMENTALISTAS] INSEPULTOS DA DIREITONA PRODUZIAM OS CONTORNOS E OS MEANDROS MACABROS DO ‘GOLPE QUE ESTÁ SENDO TELEVISIONADO’! ENTENDA COMO O PIG ESTÁ ‘APOSTANDO TUDO NAS ÚLTIMAS CONSEQUÊNCIAS’ (SIC)

ATO TERRORISTA-GOLPISTA I

(…)
Para eles [*ministros do STF], se Marcos Valério afirma temer pela sua vida, isso não pode ser subestimado. O empresário se diz disposto a revelar ao Ministério Público detalhes inéditos sobre o esquema que ajudou a organizar **durante o governo Lula.
*ministros [‘escolhidos a dedo’(!)] ouvidos pela ‘Folha de São Paulo’ “da ‘ditabranda’” – realmente, esta memória é de arrepiar! A reportagem publicada hoje (03/11/12), um sábado teoricamente esvaziado – “feriadão de finados” e ‘Joaquinzão’ na Alemanha [nazista e racista(!)]; **o “durante o governo Lula” é deveras e elementar sintomático: por um lado, “descola” o nascedouro do ‘Valerioduto’ [Minas Gerais do tucanoDEMoníaco Eduardo AZARedo]; por outro lado, colabora para amplificar a acusação de que o ****eterno presidente Lula é réu da Ação Penal 470, ainda que o nome Luiz Inácio [do Povo] Lula da Silva não conste nos autos do processo! ‘RESCALDOZINHO I’: uma vez instituído ‘o domínio do fato’ [seletivo], a nossa subdemocracia de bananas “abriu as porteiras” para qualquer tipo de “moagem de reputações” e “golpes os mais chinfrins”!…
(…)
… Um dos ministros, que pediu reserva, afirmou que não há mais espaço para suas promessas [as de Marcos Valério]. Já [já, adendo nosso!] o ***Marco Aurélio Mello afirma que está na hora de o operador do mensalão “desembuchar, não falar em doses homeopáticas”… “Depois da porta arrombada, não adianta colocar cadeado”, justificou. “Na área da delinquência, falo de forma geral, o jogo é pesado.”
***Porque Diabos o mesmo ministro do STF [‘Mello’, hein!] – que afirmou “ter sido a ditadura militar no Brasil um mal necessário” – não ter seguido o recato do ministro que, segundo a reportagem, pediu para não ser identificado, rito compatível com um magistrado, especialmente envolvido num julgamento em curso?!… Ademais, “desembuchar”, porta “arrombada”… São “jargões” mais afeitos a ‘advogados de porta de cadeia’ ou a um ministro de uma Corte, ainda que “suprema”?!…
(…)
Reportagem da revista ****”Veja” desta semana afirma que Valério também teria informações sobre o envolvimento do PT com o assassinato do prefeito petista de Santo André, Celso Daniel, em 2002.
****Quem tiver “estômago” para assistir ao ‘JN’ [Nacional?!…] desta noite, constatará que não haverá “assombração”: tudo conforme ‘o tenebroso, lúgubre, fajuto, esgarçado e decrépito script’!…
Segundo a *****revista, Valério diz que o PT pediu dinheiro, em 2003, para silenciar pessoas que ameaçavam implicar no crime o ex-presidente Lula e o ministro Gilberto Carvalho, que chefiou o gabinete de Lula e hoje chefia a Secretaria-Geral da Presidência.
*****Se o atual ministro da Justiça – este senhor, sim, com credenciais e plumagens tucanas – tivesse convocado, através da Polícia Federal, os Civitas para “provarem as declarações não proferidas” (sic) por Marcos Valério em recente matéria de capa do referido períodico… Se o atual ministro da Justiça tivesse adotado esta lídima, prudente, elementar, justa e democrática providência, talvez… Talvez os Civitas tivessem pensado duas vezes antes de publicizar mais esta patranha, mais este arsenal terrorista!…

QUESTÃO DE ESCLARECIMENTO: as considerações correspondentes aos asteriscos são de total responsabilidade do matuto ‘bananiense’, escriba incidental!

Responder

    Mário SF Alves

    03 de novembro de 2012 às 18h24

    É… a coisa tá braba. Razões de Estado; as razões que movem (ou aparentemente imobilizam) o Governo/PT?
    ______________________

    Seja como for:

    “Quem tem noção da batalha, não fala muito e desconfia do brilho
    Não se atém ao detalhe de que o fogo ainda não pegou… ”
    ___________
    Carlinhos vergueiros

francisco niterói

03 de novembro de 2012 às 12h26

Azenha

Ta na hora do enfrentamento, porem sem nos igualarmos.

Por ex: apresentar a lei anti monopolios e oligopolios na comunicacao( prefiro chamar a regulacao da midia desta forma, mesmo que redutora, mas acredito ser de melhor explicacao pra sociedade).

Outra coisa: a dilma foi eleita pra escolher chefe do MPF, entao ela tem que exercer o poder. Lista triplice traz candidatos “eleitos” pelos procuradores, logo eles nao podem substituir o poder que o povo deu a dilma atraves do voto. Escolha de ministro do STF de forma republicana, mas entendendo isto como eliminar deste poder o rançao reacionario. Isso simé republicanismo.

Verbas publicitarias: nao gosto de fulanizar, mas um pe na bunda da helena chagas e a volta do franklin.

Dar um chega pra la no PMDB, mesmo mantendo a alianca, mas deixando claro que no Brasil, gracas à personalizacao do voto, esta historia de palanque esta super-dimensionada. A dilma tem o palanque da “convocacao de horario gratuito” para anunciar medidas de interesse da populacao. Deixa a midia estrebuchar.

Em suma: perder um certo medo que o PT todo tem. Temos que lembrar o Malafaia que em 2010 foi um pouco norte da eleicao e em 2012 foi um entrave pro SERRA. Ou seja, ousar mais. Aqui no RIO, o lindeberg, um cara progressista, comecou a flertar com o malafaia deixando de criticá-lo. De certa forma, o dialogo com a populacao “liberta” de certos condicionamentos impostos pelos conservadores.k

NOS LIVRARMOS DO MEDO PARALISANTE.

Acordar para aspectos da eleicao que estamos suoerdimensionando, como por ex., milhares de pessoas segurando bandeirinhas e inflando custos. Basta um telejornal da globo pra detonar tudo.

POR FIM, ADOTAR A POSTURA DO CONFRONTO MAS DE FORMA BASTANTE ETICA, SAINDO DO TUDO OU NADA. EXIGIR JULGAMENTO JUSTO NO MENSALAO DO PSDB PARA DIRERENCIAR POSTURAS E DEMONSTRAR A FRAUDE DO STF.

Responder

MANOEL

03 de novembro de 2012 às 12h22

que saco essa veja. já cansou…..
até quando vai ficar este jogo sujo, só pros convertidos e necessitados de golpe….
o Brasil mudou meus caros…..não somos um Paraguai…será que não dá pra acordar?
Aliás o que mais cansa é a revista vir com estas matérias podres e termos que tomar conhecimento dela por toda a imprensa.
Tá fedendo muito…esqueçam esta revista de esgoto

Responder

Hélcio

03 de novembro de 2012 às 12h07

Logo logo, a “honesta” Folha vai republicar a ficha falsa da Dilma.

Responder

Marat

03 de novembro de 2012 às 12h07

Eu não sei não, o dono do circo tem amigos poderosos no Executivo, no Legislativo e no Judiciário. E essa turma não usa espingardinha de rolha, as balas costumam ser de prata. Eles são uma espécie de Billys the Kids ou Jesses James no século XXI, gente da pesada, sem o menor escrúpulo ou pudor. Todo cuidado é pouco. Eles inventam verdades e há um público pequeno, mas ruidoso e poderoso que paga por essas “verdades”… Atentemos, pois, que a baixaria está só começando. Sugiro aos interessados, que preparam logo o contragolpe, pois precisarão. A direita brasileira nasceu com o que há de mais sujo: grana do imperialismo internacional!

Responder

    José X.

    03 de novembro de 2012 às 13h11

    “Eles são uma espécie de Billys the Kids ou Jesses James no século XXI, gente da pesada”

    Não, eles são uma espécie de Goebbels e Hitler, isso sim.

Luís Carlos

03 de novembro de 2012 às 12h01

É isso mesmo. Novas tentativas de atacar Lula com base em desejo. Não pega e só isola cada vez a própria grande mídia. Não perceberem que o excesso de estímulo, o abuso referente ao mensalão teve efeito bumerangue? Virou contra eles mesmos. Continuarão com os mesmos movimentos e perderão mais credibilidade. Defendem a impunidade deles escandalosamente e querem punição a outros, seus adversários de classe. Esta falta de escrúpulos é nítida a toda a classe trabalhadora.

Responder

Indio Tupi

03 de novembro de 2012 às 11h51

Aqui do Alto Xingu, os indios acham que não se deve deixar o inimigo definir como devemos ver a realidade.

O esforço desesperado da oposição político-jurídico-midiática, na tentativa de retirar de seu moinho satânico arremedos Franksteinianos de escândalos, é o de desconstruir todas as realizações dos governos Lula e Dilma.

Como a cereja no bolo desse verdadeiro bacanal diabólico de tentativa de desconstrução e destruição de imagens está, agora, a artilharia voltada para o ex-Presidente Lula.

A hora, agora, mais do que nunca, é a de realçar e relembrar todas as realizações e conquistas obtidas pela massa de trabalhadores e dos excluídos sociais ao longo do mandato do ex-metalúrgico e da Presidenta Dilma.

Não nos restrinjamos à pauta de escândalos da oposição político-jurídico-midiática.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding