VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Política

Base governista quer CPI do Cachoeira até 22 de dezembro


01/11/2012 - 11h36

CPMI do Cachoeira adia votação de 533 requerimentos de quebra de sigilo e convocação de autoridades

31/10/2012 – 17h12

Política

Karine Melo
Repórter da Agência Brasil

Brasília – Em uma sessão tensa, a Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do Cachoeira decidiu hoje (31) adiar a votação de 533 requerimentos. Na lista estão 13 considerados prioritários pela oposição, porque pedem a quebra do sigilo bancário de empresas que teriam recebido dinheiro da Construtora Delta. Os pedidos adiados também incluem convocação de autoridades e acareação de envolvidos.

O deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) e o senador Randolfe Rodrigues (PSOL- AP) reagiram à decisão de adiar a votação dos requerimentos. “A derrota deixa clara a farsa que se instalou hoje, de que não se quer investigar as relações entre os corruptores. A Delta não virou maior empreiteira do governo de graça, ela pagou por isso”, acusou Onyx.

Oficialmente, os trabalhos da CPMI terminam no próximo domingo (4), e a falta de acordo entre governo e oposição sobre o prazo de prorrogação dos trabalhos acirrou os ânimos na comissão. A oposição queria estender os trabalhos da comissão por 180 dias, mas até agora não reuniu o mínimo de 171 assinaturas na Câmara e 27 no Senado.

Já a base do governo protocolou hoje na Secretaria-Geral da Mesa do Congresso requerimento com 212 assinaturas de deputados e 34 de senadores pedindo que os trabalhos da comissão se estendam por mais 48 dias, ou seja, só até 22 de dezembro.

“Não temos esperança. Nós estamos aqui com uma minoria, numericamente insignificante, sem poder interferir no processo. E nós sucumbimos sempre diante da força de uma maioria esmagadora”, disse o líder do PSDB no Senado, Alvaro Dias (PR). Segundo a Secretaria-Geral da Mesa do Congresso, o prazo para apresentação de requerimento para prorrogação da CPI termina no próximo domingo às 18h30.

O relator da comissão, deputado Odair Cunha (PT-MG), rebateu as críticas de que “a morte” da CPMI tenha sido decretada hoje. “A morte da CPI seria se nós não tivéssemos condições regimentais de encaminhar toda a documentação que a CPI tem para os órgãos permanentes de investigação”, ressaltou. Segundo ele, a próxima etapa dos trabalhos da comissão é discutir o relatório e apresentar a versão final até 20 de novembro.

Ao fim dos trabalhos, a oposição promete apresentar ao Ministério Público Federal uma representação paralela com indícios que não chegaram a ser investigados pela comissão. A CPMI do Cachoeira investiga as relações do empresário goiano Carlos Augusto de Almeida Ramos, o Carlinhos Cachoeira, com agentes públicos e privados.

Edição: Davi Oliveira

Leia também:

Promotor Arthur Filho: “A primeira grande vitória no Brasil contra a dupla porta em hospitais públicos”

Alma lavada: Entidades comemoram decisão contra lei da dupla porta

Secretaria reconhece que lei cria vagas para planos privados em hospitais públicos

Justiça derruba a lei da dupla porta nos hospitais públicos de SP

Conselho Nacional de Saúde diz não à lei da dupla porta nos hospitais públicos de São Paulo

Médicos residentes rejeitam a dupla porta no SUS paulista

Presidente do Conselho de Medicina de SP condena a lei dos fura-fila no SUS

Mário Scheffer: “Lei da Dupla Porta é o maior ataque ao SUS desde o PAS, do Maluf”

Arthur Chioro: Planos privados de saúde vão economizar e paulistas pagarão a conta

Deputados pedem ao MP-SP para apurar rombo de R$ 147,18 milhões nos hospitais gerenciados por OSS

Hospitais públicos de SP gerenciados por OSs: Rombo acumulado é de R$147,18 milhões

Neder: OSs, uma praga que veio para ficar?

Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

O lado sujo do futebol: Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - O lado sujo do futebol e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


19 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

As mortes atribuídas a Bill Clinton « Viomundo – O que você não vê na mídia

04 de novembro de 2012 às 21h28

[…] Rui Falcão, a Globo e o mensalão do PSDB Base governista quer CPI do Cachoeira até 22 de dezembro […]

Responder

Carta Maior e o filme B de Marcos Valério: Amanhã tem mais « Viomundo – O que você não vê na mídia

04 de novembro de 2012 às 21h27

[…] Rui Falcão, a Globo e o mensalão do PSDB Base governista quer CPI do Cachoeira até 22 de dezembro […]

Responder

Altamiro Borges: Mídia prepara bote contra Lula « Viomundo – O que você não vê na mídia

02 de novembro de 2012 às 21h45

[…] Rui Falcão, a Globo e o mensalão do PSDB Base governista quer CPI do Cachoeira até 22 de dezembro […]

Responder

Rogério Barros

02 de novembro de 2012 às 18h39

coisa engraçada…

estranho o pequeno numero de comentários pra esse post. Os petistas devem ter ficado meio sem jeito de comentar sobre o papel da base governista nessa CPI, o pouco (ou nenhum) empenho em se investigar a Delta, o receio das coisas fugirem do controle e parar no PAC da mãe Dilma e sei mais lá o q…

o q interessava era pegar a VEJA e colocar o tal Policarpo Jr pra depor… Bora esquecer a Delta aí, gente!!

é, pode ser…

Responder

    marcosomag

    04 de novembro de 2012 às 08h29

    Coisa “engraçada” é a oposição posar de vítima enquanto a Delta ganhou a toque de caixa a obra da Nova Marginal (Serra, Black Paul…) de mais de R$1,4 bilhão. Também é “engraçado” os boçais oposicionistas reclamarem de “operação abafa” quando foram eles a tropa de choque da VEJA na CPI… “Engraçado” também foi o senador Purpurina reclamar de ser “minoria”… Maioria é ganha no voto que vocês não têm, oposições podres!

Álvaro Santos: O lixo não é o vilão das enchentes « Viomundo – O que você não vê na mídia

02 de novembro de 2012 às 14h33

[…] Rui Falcão, a Globo e o mensalão do PSDB Base governista quer CPI do Cachoeira até 22 de dezembro […]

Responder

Piero Locatelli: PSOL dialogará com Sarney, cogita elo com parte do DEM e apoio ao PT « Viomundo – O que você não vê na mídia

02 de novembro de 2012 às 13h28

[…] Base governista quer CPI do Cachoeira até 22 de dezembro […]

Responder

JC: Flertando com uma teoria da conspiração « Viomundo – O que você não vê na mídia

02 de novembro de 2012 às 13h07

[…] Rui Falcão, a Globo e o mensalão do PSDB Base governista quer CPI do Cachoeira até 22 de dezembro […]

Responder

Lincoln Secco: PSDB e Eduardo Campos só têm chance em 2014 se houver ”crise catastrófica” « Viomundo – O que você não vê na mídia

02 de novembro de 2012 às 12h27

[…] Base governista quer CPI do Cachoeira até 22 de dezembro […]

Responder

Francisco

01 de novembro de 2012 às 22h30

A única e exclusiva coisa que me interessa nessa CPMI é a convocação do réu Civita pelo crime de “dominio do fato”. O empregado dele, Policarpo, se meteu com um mafioso, Cachoeira, para achacar politicos de vários partidos.

Isso eu exijo do PT.

Responder

    Willian

    01 de novembro de 2012 às 23h57

    Delta roubar tudo bem; reportagens denunciando o PT, não.

lulipe

01 de novembro de 2012 às 21h42

Até as pedras sabiam que a CPMI terminaria em uma grande pizza, agora com o aval dos governistas!!!E viva o Brasil…

Responder

    Zezinho

    02 de novembro de 2012 às 11h43

    Como assim aval dos governistas?? A CPI só foi criada para atacar o mensalão Federal do PT e a revista Veja. Acharam que iriam conseguir manter a DELTA fora da história e como não conseguiram vão encerrá-la. Já avisaram que a prorrogação foi feita apenas para dar tempo de preparar o relatório final.

Anônimo

01 de novembro de 2012 às 21h18

Se o PT se calar diante de tal disparate, vou torcer para que o procurador acate pedido para investigá-lo sobre o mensalão.

Responder

Vlad

01 de novembro de 2012 às 15h54

Belo título.
Quem ler terá uma boa impressão da base.
Muito bem.

Responder

Urbano

01 de novembro de 2012 às 15h44

Por que a base governista se esquece do mensalão e da privataria dos abutres? Será que não consegue ver que a cavalgada da justiça de boston vai ao encontro da prescrição do mensalão tungano? Tanto é verdade que preteriu este ao mensalão do PT, quase sete anos mais novo. Esse acontecimento foi devido a quê?

Responder

Jorge Souto Maior: Um legítimo gol de mão « Viomundo – O que você não vê na mídia

01 de novembro de 2012 às 14h59

[…] Rui Falcão, a Globo e o mensalão do PSDB Base governista quer CPI do Cachoeira até 22 de dezembro […]

Responder

francisco niterói

01 de novembro de 2012 às 13h28

Caso seja novamente votada a convicaçao do Policarpo, e nesta hipotese a mesma seja aprovada pelo PMDB ( que é quem está impedindo a convocaçao), uma leitura possivel é a seguinte:
O PMDB barganhou com o PT a midia pelo Cabral.

Ate dezembro seria impossivel aprofundar na DELTA sudeste e sobre o Policarpo já há muta coisa.

Gostaria que a coisa fosse diferente, mas correlacao de forcas é isso aí e dela nao podemos fugir.

Como todo o material vai pro MPF, se este quiser( e o gurgel for substituido por alguem nao prevaricador) esta investigacao pode continuar sobre a Delta.

Caindo na realidade, e vendo qquem é o maior inimigo do avanco institucional do país, abrir as vísceras da midia é mais importante do que focar só em determinado politico, mesmo que esse seja o Cabral, mais sujo que pau de ganhireiro ( eu sou do rio e sei do que falo).

Uma midia isenta nos ajudara a prevenir novos cabrais, enquanto uma midia corrupta ira escolher os cabrais que ela julgará e os cabrais que ela protegerá.

Responder

Darcy Brasil Rodrigues da Silva

01 de novembro de 2012 às 12h34

É bom mesmo que os deputados e senadores da “base do governo” consiga nos convencer do porque que a CPI do Cachoeira não produziu as investigações que esperávamos. A meu ver, o PMDB trabalhou a todo momento para sabotá-la. Desse modo, com resultados pífios, permitindo que a oposição se apresente como mais interessada nas apurações do que a “base governista”, a CPI ´terá servido muito mais aos propósitos da oposição do que aos da base governista, ou pelo menos do que aos nossos que somos da esquerda. Não se convocou o senhor Policarpo Junior, não se aprofundou as investigações relacionadas ao governador Marcondes Perillo, permitiu-se ser pautado pelo PIG, que, certamente conhecedor dos rabos presos existentes na “base governista” ( coloco aspas nessa expressão enquanto Gedel Viera Lima e os membros do PMDB baiano que trabalharam para ressuscitar o “carlismo” não forem substituídos dos cargos que preencheram no governo Dilma por aliados políticos confiáveis) com a empresa Delta insistiu em salientar a necessidade de se investigar os contratos do governo federal com essa empresa, ao mesmo tempo em que tirava o foco das investigações contra elementos ligados à oposição.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!