VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Política

Relator confirma recuo e “esquece” procurador e jornalistas


29/11/2012 - 08h33

28/11/2012 – 16h33
Jornalistas e procurador ficam fora do relatório da CPMI do Cachoeira

Texto poderá ser votado na quarta-feira (5)

Alexandra Martins, na Agência Câmara

O relatório da CPMI do Cachoeira foi modificado após pressão do “grupo independente” de parlamentares.

O relator da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) do Cachoeira, deputado Odair Cunha (PT-MG), modificou, nesta quarta-feira, o seu parecer inicial e retirou o pedido de indiciamento de jornalistas e de investigação do procurador-geral da República, Roberto Gurgel. Com as alterações, o relatório final pede oindiciamento de 29 pessoas e a responsabilização de 12 agentes com foro privilegiado na Justiça.

Hoje, o relator apenas leu o resumo do parecer, que tem 89 páginas e está disponível na internet. A votação do texto ficou para a quarta-feira (5), depois que foi aprovado o pedido de vista coletivo pelo período de cinco dias úteis. Os parlamentares terão uma semana para sugerir novas modificações no relatório.

Segundo Cunha, a mudança foi possível porque o indiciamento de jornalistas e a investigação de Gurgel não eram questões centrais, como o “núcleo da organização criminosa”. Agora ele espera aprovar o texto. “Esse relatório, com as alterações que fizemos, significará a intenção da maioria da comissão”, afirmou.

Pressão

Na opinião do deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), a exclusão desses itens do relatório só aconteceu graças à pressão de parlamentares da CPMI. “A pressão exercida pelo grupo independente teve a sua primeira vitória”, disse. Segundo ele, ainda faltam a inclusão no relatório de outras linhas de investigação, como a relação da construtora Delta com agentes públicos de outros estados além de Goiás, assim como com o governo federal. Onyx faz parte de um grupo de parlamentares que entregou uma representação a Roberto Gurgel na semana passada.

O deputado Miro Teixeira (PDT-RJ) disse que o pedido de indiciamento de jornalistas e a investigação do procurador-geral da República funcionavam como uma cortina de fumaça para esconder interesses de grupos contra e a favor da presença do dono da construtora Delta, Fernando Cavendish, no relatório. “A CPMI retornou ao seu foco. Desfez-se a cortina de fumaça e cada um vai ter de dizer se quer investigar ou não”, afirmou Miro. Segundo Lorenzoni, o “duelo agora vai ser da bancada do Cavendish contra a outra, que quer ver tudo investigado”.

Sem acordo

O relator não aceitou o acordo firmado, pouco antes do início da reunião, entre o presidente da CPMI, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), e parlamentares da base governista e da oposição. Segundo o acordo, as sugestões enviadas pelos parlamentares e aceitas pelo relator entrariam no texto final. Já as rejeitadas pelo relator poderiam ser votadas no plenário da comissão. Cunha foi contra a última parte do acordo. “Quem não concorda com o texto completo precisa votar contra todo o relatório”, disse.

Para o deputado Vaz de Lima (PSDB-SP), a posição de Cunha foi intransigente. “Vossa senhoria é o ditador do relatório? Que conversa é essa? Onde vossa senhoria está com a cabeça?” reclamou.

Reportagem – Tiago Miranda
Edição – Newton Araújo

Leia também:

Marcos Coimbra: A história do mensalão faz água por todos os lados

Lincoln Secco: A guerra contra a esquerda no Brasil

Rodrigo Vianna: Inglaterra investiga crimes de imprensa; no Brasil, não pode: seria “revanchismo”!

Mauricio Dias: Roberto Gurgel volta a atacar

Santayana: Julgamento da AP 470 corre o risco de ser um dos erros judiciários mais pesados da História

PT: STF não garantiu amplo direito de defesa, fez julgamento político e desrespeitou a Constituição

Nassif: Por que o ministro Ayres Britto se calou?

Marcos Coimbra: A pretexto de ‘sanear instituições’, o que a mídia e o STF desejam é atingir adversários

Leandro Fortes:Trâmite do mensalão tucano desafia a noção de que o Brasil mudou

Lewandowski: “A teoria do domínio do fato, nem mesmo se chamássemos Roxin, poderia ser aplicada”

Jurista alemão adverte sobre o mau uso de sua “Teoria do Domínio do Fato”Patrick Mariano: Decisão do ministro Joaquim Barbosa viola a Constituição e as leis vigentes

José Dirceu acusa Joaquim Barbosa de “populismo jurídico” e diz que “não estamos no absolutismo real”

Bernardo Kucinski: Macartismo à brasileira

Ramatis Jacino, do Inspir: O sonho do ministro Joaquim Barbosa pode virar pesadelo

Comparato: Pretos, pobres, prostitutas e petistas

Dalmo Dallari critica vazamento de votos e diz que mídia cobre STF “como se fosse um comício”

Rubens Casara: “Risco da tentação populista é produzir decisões casuísticas”

Luiz Flávio Gomes: “Um mesmo ministro do Supremo investigar e julgar é do tempo da Inquisição”

Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

O lado sujo do futebol: Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - O lado sujo do futebol e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


39 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Todos os royalties de novos contratos de petróleo irão para a educação « Viomundo – O que você não vê na mídia

30 de novembro de 2012 às 22h59

[…] Relator confirma recuo e “esquece” procurador e jornalistas […]

Responder

Leandro Fortes: Cardozo fica de fora da Operação da PF, constrangendo governo e PT « Viomundo – O que você não vê na mídia

30 de novembro de 2012 às 20h51

[…] Relator confirma recuo e “esquece” procurador e jornalistas […]

Responder

pina

30 de novembro de 2012 às 17h25

a questão é o PMDB estar envolvido etc…. o governo não é do PT é uma coalizão….

unica solução seria o parlamentarismo, ou a clausula de 5% de representação para o partido obter representatividade no legislativo…

com essa imensa quantidade de partidos é impossível governar e enfrentar o quarto poder.

mera ilusão nossa acreditar que a veja e o ministério publico seriam investigado…

enquanto isso a sangria da imagem do LULA e do governo continua eternamente até eles derrubarem via voto, ou via judiciário esse governo de CENTRO.

Responder

Safatle: O segundo mandato de Obama será brutalmente igual ao primeiro « Viomundo – O que você não vê na mídia

30 de novembro de 2012 às 16h06

[…] Relator confirma recuo e “esquece” procurador e jornalistas […]

Responder

Messias Franca de Macedo

30 de novembro de 2012 às 00h17

“… Numa verdadeira democracia minimamente civilizada, deve-se temer as Leis e não os juízes!”

Enunciado provavelmente presente no Direito Penal!

Que país é este, sô?!..

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

    razumikhin

    30 de novembro de 2012 às 14h38

    Exato: nunca houve mensalão – só o do PSDB; Lula nunca soube de nada, ele foi apunhalado 2 vezes; e José Dirceu é 10!, três vezes! Viva o socialismo.

Messias Franca de Macedo

29 de novembro de 2012 às 22h15

… E o inclemente e perscrutador “menino pobre que mudou o ‘Brazil'” inovou mais uma vez [“roda gira, roda gigante…!”]: surpreendendo até os mais incrédulos representantes do reino mineral(!), o atual presidente do *”supremoTF” tomou a iniciativa de adornar a pílula do escroque “quatro milhões de reais no bolso, nem um mísero centavo de troco o PTB viu!”… Enquanto isto, Álvaro [Em] Dias [Com a Corrupção] quer porque quer indiciar o eterno presidente Lula!…

*”supremoTF”: aspas monstruosas e letras submicroscópicas!…

República da DIREITONA OPOSIÇÃO AO BRASIL, fascista eterna, MENTEcapta, aloprada, alienada, histriônica, impunemente terrorista, antinacionalista, golpista de meia-tigela, corrupta… ‘O cheiro dos cavalos ao do povo’!… (“elite estúpida que despreza as próprias ignorâncias”, lembrando o enunciado lapidar do eminente escritor uruguaio Eduardo Galeano)

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Paulo Roberto Álvares de Souza

29 de novembro de 2012 às 21h56

Fui!!!!!

Responder

Julio Silveira

29 de novembro de 2012 às 21h05

A questão para esses recuos é que o partido tem medo de um mergulho investigativo na pureza de seus dirigentes e de seus ideais renovados e reformulados. Como quem tem…tem medo, peitar o PIG e seus parceiros em todas as instancias de poder só quando tiver gente que se garanta dentro do estrito cumprimento do dever legal. Como politica virou sinonimo de estratégias para negócios pelo poder de minorias, ficam muitos rabos presos pelo caminho, e assim, melhor é não arriscar.

Responder

Jair de Souza

29 de novembro de 2012 às 19h35

Eu queria muitíssimo que o canalha representante da máfia midiática e o canalha representante do Ministério Público tivessem sido incluídos no relatório. Seria mais do que justo! Mas, quais dos integrantes do CPMI também desejavam isto? Até onde eu pude entender, só os membros do PT tinham expressado esse interesse. Quase todos os outros partidos ameaçaram votar contra o relatório se a inclusão fosse feita.

Horrível, sem nenhuma dúvida. Agora, eu me indago, o que deveria fazer o relator (do PT) diante dessa realidade? Partir para o tudo ou nada (já sabendo de antemão que ia dar nada) ou tentar conseguir alguma coisinha?

É a velha história que desagrada a muitos, inclusive a gente bem intencionada. Para avançar é preciso dispor de força real para tal. Num regime em que as forças populares se impõem através da luta armada, levando as hostes reacionárias a um derrota inapelável, não há motivos para contemplações e concessões para com os inimigos de classe. O povo pode se impor, apesar das tentativas de esperneio dos reacionários.

Outra perguntinha, quais são as forças revolucionárias que teriam condições de bancar de modo irredutível a consecução do processamento dos nefastos seres já mencionados? Se existem tais forças, por que elas não apareceram em grande número e não forçaram os parlamentares do atraso a aceitar sua inclusão no relatório? Por que essas forças não estão presentes no parlamento em número suficiente para garantir que o avanço seja sempre grande e decisivo?

No final da história, fico com o pressentimento de que o relator do PT preferiu engolir a bronca a seco para garantir que pelo menos algo saísse de positivo. Creio que há muita gente que preferiria que ele chutasse o pau da barraca e deixasse que a CPMI concluísse sem conclusão (redundãncia proposital). Talvez estas pessoas ficassem felizes e satisfeitas, algumas por acharem que o que vale é não ceder nunca (mesmo que não se avance um passo sequer), outros porque, no fundo, desejavam mesmo era que nada acontecesse.

Mas, se conseguirem me provar que havia plenas condições de o PT fazer valer a inclusão no relatório dos facínoras já citados, reconhecerei em público meu erro de avaliação. Enquanto tal coisa não acontecer, vou também engolindo minha bronca a seco e tratando de encontrar maneiras de contribuir com a luta popular para que, no mais breve prazo possível, as conquistas populares não possam ser detidas por nenhum grupo de facínoras.

Responder

    Cibele

    29 de novembro de 2012 às 19h45

    Jair, você é o cara!

José Ricardo Romero

29 de novembro de 2012 às 17h46

Tenho lido vários blogs até então simpáticos ao PT e ao governo e a indignação dos comentaristas, às centenas em cada blog, é imensa. PT e petistas covardes é quase um atributo unânime entre aqueles que antes aplaudiam esse partido. A coisa parece que virou feio para o lado dessa caricatura mal-ajambrada de partido popular. Até no blog “Os amigos do presidente Lula”, onde normalmente não há comentários, um artigo da Helena defendendo o Odair recebeu 78 comentários, apenas 6 concordando com o artigo e todos achincalhando o PT e o Odair. Covardes é o adjetivo quase unânime dessas pessoas que, para desgraça do PT, são eleitores como eu que confessam, como eu, que não mais votaremos no PT. Há uma revolta que talvez seja de gravíssimas consequências para o PT e para o governo (Dilma foi bastante criticada também, com fúria e decepção). Torço para que essa decepção seja irreversível e que os eleitores deixem de votar no PT, de apoiar o governo e se desloquem para a esquerda (PSB nem me passa pela cabeça; é pior que o PT), já que essa agremiação de puxa-sacos da mídia velha não tem traços de vergonha na cara e de ideologia qualquer que seja.

Responder

ZePovinho

29 de novembro de 2012 às 17h45

http://www.hariovaldo.com.br/site/2012/11/28/pt-reconhece-sua-posicao-e-se-prosta-de-quatro-para-os-homens-bons/

PT reconhece sua posição e se prosta de quatro para os homens bons
28 de novembro de 2012
By Professor Hariovaldo
Petista

<img src="“>
Posiçào Correta – Todo integrante do Partido dos Trabalhadores será orientado a participar do ato de pedido de perdão e desagravo ao chefe de redação do semanário dos homens bons e ao PGR

Alvíssaras! A vitória é nossa, hoje e sempre! Os ignaros usurpadores reconheceram sua inferioridade ante aos varões da Pátria e já preparam para se prostarem de quatro em frente à Editora dos Homens de Bem, na marginal Pinheiros num ato de desagravo e pedido de perdão pela insolência de um dos seus deputados ao querer importunar o repórter do semanário que luta contra as mazelas do comunismo do partido bolchevista que ora ocupa o poder indevidamente.
Novo símbolo

<img src="“>
Novo símbolo oficial do partido

Ao assumir sua real condição, os galinhas vermelhas já aceitaram suas punições pelos anos de infâmia que conseguiram infringir à Pátria e sabem que só penas sobrarão. Seus líderes já estão mobilizando seus deputados, senadores e ministros para o grande ato, além de convocarem a militância e os filiados para que todos juntos abaixem as calças e fiquem a disposição na posição adequada para que os editores, repórteres e outros grandes membros da oposição possam castigá-los merecidamente. Posteriormente outro grande ato será realizado em frente à PGR em Brasília, completando o pedido de perdão dos ex-comunistas que daqui para frente adotarão a alcunha de galinhas vermelhas.
Genoíno
<img src="“>
José Genoíno será colocado pela direção do partido bem a frente da manifestação, puxando a fila dos participantes

Sabíamos que era questão de tempo para que a real consistência dos petralhas viessem à tona, revelando que nada eram frente à bravura, firmeza e galhardia dos homens de bem. Agora é questão de poucos dias para que o apedeuta-mor e ex-usurpador eneadáctilo seja recolhido ao xadrez, de onde ele nunca deveria ter saído e a usurpadora de saias seja apeada do poder pelas nossas forças.
Petistas
<img src="“>
Devido ao grande número de integrantes petistas que participarão do ato, a Força Pública organizará e manterá a ordem durante o desagravo

Responder

    renato

    29 de novembro de 2012 às 22h01

    Eu vou, mas não fico pelado!
    Fui claro.
    Quando você quer dar um sacode em seu filho
    (importante: só você pode!Entendeu?)
    Você começa o dia assim: ACORDA!!! Vadio!!
    Vai arrumar um serviço, ou vai estudar.
    Mas larga do Computador. Mas que saco.
    Ainda vou deixar de escrever para o VIOMUNDO
    e vender esta droga de PC. Voce não larga este
    troço….
    Dá um exprr..e depois diz assim…já baixou aquele
    filminho para nois ver de noite..
    Entendeu porque, eu vou mas não fico pelado!
    O PT é nosso, nosso rei é LULA!!
    Tranquilo aí CIBELE!
    Quem não é troll é o que? Juro que não sei.
    Só sei ser troll! Me lembra Odin!

Cibele

29 de novembro de 2012 às 17h26

Parem com isso! Vocês estão cada vez mais parecidos com os trolls, reparem bem. Agora entendo o sumiço de muitos comentaristas sensatos daqui…

Responder

    renato

    29 de novembro de 2012 às 18h43

    Cibele do céu! Parar com o que!
    Ainda bem que você ficou, que é para iluminar
    nosso pensar, instrua-nos! Nos dê a direção!
    Se você esta lendo isto é porque existe democrácia!

    Cibele

    29 de novembro de 2012 às 19h36

    Legal, renato. Tô achando o seguinte: as pessoas esperavam demais da CPI, como sempre. No Brasil a coisa é punk, só isso. Talvez o PT pudesse manter o relatório, talvez tenha errado feio. Ainda bem que existe este espaço, onde podemos expressar SEM medo aquilo que estamos sentindo e pensando, não é? Onde podemos construir uma opinião, pois estamos construindo, neste momento, uma nova mídia. Parabéns a todos nós!

Pedro

29 de novembro de 2012 às 16h51

Temos que concordar, o PT virou um partideco, frouxo, tímido, sem personalidade, borrando as calças e ficando de quatro para a mídia podre. Caro Lula, no que se transformou o seu partido que um dia apontou novos caminhos para este país???? Se essa corja liderada por Globo,FSP, Estadão e Veja tem moral pra deitar e rolar em cima do PT, só pode significar duas coisas: O Pt é formado por um bando de bunda-mole, ou, o PT esta com os dois pés metidos na mesma lama que eles. Qual das duas opções ??? com a palavra Lula e Dilma respectivamente, pois o primeiro é fundador do partido, e a segunda “ainda” conta com a confiança e , respeito daqueles que a elegeram!!!!

Responder

mario

29 de novembro de 2012 às 16h39

a nós que votamos na presidenta Dilma é com muita estranheza que vemos o deputado Odair cunha retirar o nome do Gurgel e do Policarpo das investigações da CPMI, para dizer a verdade foi uma broxada de fazer vergonha aos que acreditaram que o PT seria um partido diferente são nestes momentos que a 3º via começa a interessar.

Responder

    Cibele

    29 de novembro de 2012 às 17h52

    Mario, não estamos numa democracia. Basta olhar pela janela. Não há decepção de minha parte porque nunca esperei indiciamento de jornalista do PIG. Fiquei feliz só em saber que o relator tinha a intenção de fazê-lo. Todos sabemos quem manda de fato no país. Nossa atitude é fundamental. Façamos uma campanha junto ao povo, para que ele mude sua postura e se junte a nós. É o único jeito. Sem apoio popular, não rola. Tipo “Entendam o que é a Veja e a Globo” e “Votem melhor para o legislativo”, coisas assim. Coisas que só os cidadãos podem fazer, nenhum partido sozinho pode.

    Mário SF Alves

    29 de novembro de 2012 às 21h29

    Cibele,

    Já lhe ocorreu pensar sobre quão grande pode ser índice de desperdício de neurônios que ainda acontece em todos os blogs sujos?
    ________________________________________________

    Não seria essa a melhor hora de nos organizarmos no sentido de apresentar e discutir hipóteses que pudessem ser aproveitadas pelo PT como estratégias na consolidação da democracia no Brasil?
    ____________________________________________________________
    A propósito, não seria o caso de os nossos blogs sujos reservarem um espaço (mínimo que fosse) unicamente dedicado a tal discussão?

    _________________________________________________________________

    Att.,

    Mário SF Alves

    Cibele

    30 de novembro de 2012 às 20h06

    Sim, deveríamos direcionar melhor a discussão, focar na educação política. Isso é, na minha opinião, a coisa mais urgente. Poderia deixar como sugestão ao Viomundo criar uma seção colaborativa com esse único foco. Como se fosse um curso mesmo, só que livre.

Regina Braga

29 de novembro de 2012 às 15h38

VEXAME…Nacional e Internacional.O PT por TEMER a CPI ,recua.Deixa o poder de vez, pra quem o exerce de fato.

Responder

    Cibele

    29 de novembro de 2012 às 18h00

    Pelo amor de Deus, quem pode enfrentar isso praticamente sozinho? Vá lá para o planalto, tome o poder e exerça-o! Vocês estão piores que os trolls! O relator não manda nada, lembre-se de outras CPIs. Isso tudo só prova que o único a tentar foi um cara do PT. Povo desesperado…

Urbano

29 de novembro de 2012 às 15h21

A imbecilidade maior vem sempre com a tentativa de se explicar um erro grosseiro…

Responder

Pelika

29 de novembro de 2012 às 13h32

Amarelo… O PT é vermelho, covardão! Muda de partido oportunista.

Responder

lulipe

29 de novembro de 2012 às 13h12

É o que sempre repito por aqui:

Manda quem pode, obedece quem tem juízo!!!

Responder

Júlio De Bem

29 de novembro de 2012 às 12h18

Mandem uma mensagem pra ele. Aqui vai a minha:

Dados Pessoais
Nome: júlio De Bem

Mensagem
Assunto: Deputados
Ação: Reclamar
Data de Cadastramento: 29/11/2012 12:16
Mensagem:
Parabéns por jogar no time dos sujos. És um cagalhão com todas as letras. Não honraste nem as cuecas que usa ao abrir as pernas para a VEJA e o PSDB. Políticos covardes como você transformam em realidado o golpe que está em curso.

Responder

    Rodrigo Leme

    29 de novembro de 2012 às 15h12

    Tenho certeza que essa mensagem convencerá os envolvidos a mudar de idéia. Mandou bem.

    Júlio De bem

    29 de novembro de 2012 às 19h44

    Obvio que não vai mudar merda nenhuma, mas é bom xingar quando me sinto roubado. Xingo o juiz qndo rouba do Inter, mas também não muda nada. Então pra esse sem vergonha ai do PT, que com certeza tem o rabo preso nessa CPI (vide a grana que a delta deve ter dado pra pt psdb e tudo mais) uma xingadinha pra quebrar um pouco o protocolo.

Júlio De Bem

29 de novembro de 2012 às 11h50

Pra mim não é novidade.

Responder

LEANDRO

29 de novembro de 2012 às 11h39

Quando é que os petistas vão assumir que o partido é frouxo? Que nunca enfrentou nada polêmico, sempre preferindo o caminho mais fácil?

Responder

Rodrigo Leme

29 de novembro de 2012 às 11h20

A pergunta permanece: do que o PT tem medo? O que será que um aprofundamento das investigações da CPI deve levantar? Pq pra abrir mão de Gurgel e Veja, na Jihad petista que virou essa CPI, é pq o payoff é extremamente desfavorável, inexistente.

Agora fiquei curioso…o que será que fez o relator (e por conseguinte o PT) mudar de idéia? Será que é pq é difícil tocar o caso sem implicar a Delta, e implicar a Delta significa abrir uma caixa de Pandora que não interessa?

Responder

abolicionista

29 de novembro de 2012 às 10h18

Frustração total, o PT virou um partideco. Perdeu todo o fundo político. Vergonhoso.

Responder

J Souza

29 de novembro de 2012 às 09h53

O PT virou um PMDB… Desmoralizado pela mídia, mas continua vencendo eleições…

Responder

Ulisses

29 de novembro de 2012 às 09h44

Tem o fator PMDB. Não foi ele que fez o acordo com o Gurgel para evitar mais um escândalo da família Sarney? Mas que o PT é um borrabosta, isto ele é.

Responder

Mardones Ferreira

29 de novembro de 2012 às 09h44

Depois daquele recado do Vacarezza ao Governador do Rio, ficou difícil acreditar que o PT faria algo de bom nessa CPMI. Sem falar na posição do Miro e do Temer como defensores dos desejos da Globo e cia ltda.

Responder

marcos de desterro

29 de novembro de 2012 às 09h37

A única forma de “higienizar” – risos!!!!! – a mídia é organizarmo-nos e começar a fazer campanha contra a reeleição de figuras para lá de controversas como Miro Teixeira e demais deputados da bancada da mídia.

Responder

Willian

29 de novembro de 2012 às 08h36

Não foi o relator que recuou, foi o PT. Ele faz o que lhe mandam. É um pobre coitado.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!