VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Denúncias

As pesquisas eleitorais e o resultado das urnas


09/10/2012 - 18h40

Do Valor Econômico

Pesquisas x resultados

Em capitais importantes do país, entre elas São Paulo, o resultado das urnas superou a margem de erro nas pesquisas, em %

* Em porcentagem de votos válidos

** Margem de erro de três pontos percentuais

*** Margem de erro de dois pontos percentuais

Setas indicam que candidatos inverteram posições

Bolinha preta indica que foi fora da margem de erro

Fonte: TSE/Datafolha/Ibope

Leia também:

Zé Dirceu: ‘Não me calarei, não abandonarei a luta’

Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF

Lewandowski: Genoino será condenado apenas por ter sido presidente do PT

Saul Leblon: Engrenagem se move para esmagar referência de luta

Rubens Casara: “Risco da tentação populista é produzir decisões casuísticas”

Paulo Moreira Leite: O lugar de Genoino

Genoino: “Vocês são urubus e torturadores da alma humana”

Leonardo Boff: Justiça ou preconceito jurídico?

Lewandowski: Cabe qualquer um no “figurino genérico”

 

Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

O lado sujo do futebol: Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - O lado sujo do futebol e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


13 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Datafolha: Haddad lidera com 47%; Serra tem 37% « Viomundo – O que você não vê na mídia

10 de outubro de 2012 às 20h17

[…] As pesquisas eleitorais e o resultado das urnas […]

Responder

Apavorado por Vírus e Bactérias

10 de outubro de 2012 às 12h55

Sem auditagem de votos não há democracia.
Dá para confiar?
Ainda mais depois do Supremo Golpe Brasilguaio?

Será que o problema não são as urnas caixas pretas, sem possibilidade de auditagem?

Não fizemos a Ficha Limpa?
Vamos fazer a auditagem de votos.
Sem auditagem de votos não há democracia.
Só nosso Supremo insiste nessas urnas. Porque será?

Responder

José do Carmo Ribeiro de Paiva

10 de outubro de 2012 às 11h22

há muito tempo venho quardando a mainupulação da política no pais, com o esplícito propósito do enriquedimento da elite. Esta elite doina o poder de forma escandalosa, e quando ocorre, diga-se esporadicamente, a ascensão de pessoas do povo, como foram os casos do Lula e da Dilma, eles se apavoram se apresentam dispostos a tudo para barar e aniquililar o crescimento destas pesquizas.
Juntam-se À imprensa golpista (pig) ao conglomerado de partidos de direita e dos partidos de aluguel e manipulação e partem para o tudo ou nada. Estee ano estamos percebendo a armação de um golpe de estrema direita, que aos moldes do Paraguaievitam a trulência, o uso de forças bélicas/militares e na ” na forma das leis” (que eles interpretam a bel prazer, basta dizer que agora no Supremo o STF criaram uma jurisprud^ncia que descarta a apresentação de provas, e pasmem, justo no supremo, na última instância, cm todo mundo vendo, com a “imprensa divulgando”. Estamos diante de um tribunal de exeção, sustentado por uma ditadura sustentada pelos donos da imprensa. queles, jornalisstas, colunistas e donos da imprensa que reclama liberdade de imprensa, mesmo diante da totalidade de liberdade, praticam a libertinagem de imprensa, a imposição do poder financeiro e jurídico.
Quando sairmos desta catastrofe abusiva de direita e inconstituional termos que provideniar uma enorme mudança, alteração neste setor. Não é possível una população sofrer e sobreviver a isto tudo.
Vivemos no s´culo 21, em um pais diversificado e que deveria estar protegido por um sistema políco democrático. Não à opressão da elite, não à especulação midiática, liberdade de imprensa já, nunca à libertinagem de imprensa. Queremos respeito aos direitos das pessoas, seja pelos jurístas, seja pelos poíticos, seja pelos donos da imprensa ou pelos jornalista e editores(puxa-sacos). UM RECADO ATODOS VOCES SE COMEÇARAM A MONTAGEM DE UM GOLPE POLÍTICO/JURÍDICO COM O OBJETIVO DE EXPLORAÇÃO E DOMINAÇÃO DOS BRASILEIRO, FIQUEM SABENDO QUE INICIAMOS TAMBEM UMA REAÇÃO POPULAR DE QUERRILHA, E AQUI NA INTERNETE, E EM MUITO MAIS LUGARES DA ATUAÇÃO POPULAR.

Responder

João Maurício Gomes Neto

10 de outubro de 2012 às 10h33

Faltou Natal!

Na última sexta-feira,05/10, o IBOPE divulgou sua última pesquisa de intenção de votos para a prefeitura de Natal. Os números eram os seguintes:
Carlos Eduardo (PDT): 44% (está no PDT, mas é da tradicional família Alves, primo de Henrique e Garibalde Alves, do PMDB)
Hermano de Morais (PMDB): 18% (oficialmente apoiado pelo PMDB.
Fernando Mineiro (PT): 13% (Candidatura independente – chapa “puro sangue”)
Rogério Marinho (PSDB): 7%.
Robério Paulino (PSOL): 3%
Roberto Lopes (PCB): 1%.
O número de eleitores que somaram brancos e nulos era de 10% e indecisos somam 4%.
Detalhe: a margem de erro era de 3 pontos percentuais e a expectativa era de que não haveria segundo turno na capital dos potiguares.

Quando as urnas foram abertas:

Carlos Eduardo: 40,42%
Hermano de Morais: 23,01%
Fernando Mineiro: 22,63%

Qual seja: Mineiro teve nas urnas quase 10% a mais de votos do que o Ibope previa. Foi um erro muito além da margem de erro. E haverá segundo turno,ao contrário do que previam as pesquisas.
Aqui, uma análise mais competente da pleito:

http://www.cartapotiguar.com.br/2012/10/08/as-pesquisas-tiraram-fernando-mineiro-do-segundo-turno-em-natal/

Responder

Bruno

10 de outubro de 2012 às 10h29

Sem proposta e sem discurso, José Serra insiste em tema desgastado

“(…)”detalhe” que chama atenção é o fato de muito pouco ou quase nada ter sido divulgado sobre os Tribunais Regionais Eleitorais (TREs) terem barrado a candidatura de 56 políticos fichas sujas do PSDB, o equivalente a 3,5% dos tucanos. O levantamento não teve nenhuma repercussão na mídia.”

http://www.redebrasilatual.com.br/blog/helena/sem-proposta-e-sem-discurso-jose-serra-insiste-em-tema-desgastado

Responder

rios

10 de outubro de 2012 às 06h45

Faltou Fortaleza, onde o quarto colocado nas pesquisas com 14% ficou em terceiro na apuração. Faltaram 2% dos votos para passar para o segundo turno. Essa informação com certeza foi preponderante na decisão de voto de muitos eleitores.

Responder

    rios

    10 de outubro de 2012 às 06h47

    No caso o terceiro colocado terminou com 21% dos votos.

Pitagoras

09 de outubro de 2012 às 23h00

Já perceberam o clima de carnaval que são as vésperas de eleições nesse país? É um frenesi só. Dos candidatos, não do povo. É verossímil que alguém se empolgue tanto para assumir um cargo que envolve uma baita dor-de-cabeça? Se for honesto, preparado e bem intencionado, é claro.
Assim, revivemos periodicamente o carnaval dos corruptos e aspirantes à corruptos..

Responder

Neiva

09 de outubro de 2012 às 22h33

A “margem de erro” virou motivo de piada

Responder

Fabio Passos

09 de outubro de 2012 às 22h18

E não vamos esquecer do datafraude que é responsável por um furo gigantesco: No erário público. rsrs

O frias está tentando manter a boquinha com o dinheiro dos impostos do povo de SP desviado diretamente para seu bolso. Propininha paga pelo psdb de SP, é claro.

Responder

Marat

09 de outubro de 2012 às 22h09

Datafolha manipulou o tempo todo para o Serra. Deveria haver uma CPI do romance impren$$$a x PSDB

Responder

Hélio Pereira

09 de outubro de 2012 às 21h40

Eu acho que em João Pessoa o candidato do PT que aparece em primeiro se chama Luciano Cartaxo e não Luciana.
Quanto as pesquisas eu acho que estão normais como sempre(Todas erraranm).

Responder

Luana

09 de outubro de 2012 às 21h06

Tanto Ibope quanto Datafolha tentaram favorecer Serra, Azenha. Trabalharam dentro do tradicional 30% dos tucanos a fim de levá-lo para o segundo turno e, enquanto isso, pela influência que tem, não divulgava o crescimento de Haddad, pois este já estava em segundo desde 28 de setembro, mas omitiram, porque queriam o crescimento de Serra, não dele.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!