VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Política

Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF


09/10/2012 - 20h37

de CartaCapital

A maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal condenou por corrupção ativa nesta terça-feira 9 o ex-ministro da Casa Civil José Dirceu, os ex-dirigentes petistas José Genoino e Delúbio Soares e cinco réus do núcleo publicitário do chamado “mensalão”, entre eles Marcos Valério.

Até agora, oito dos dez ministros da Corte votaram neste item do julgamento. Todos foram unânimes em apontar a culpa de Delúbio Soares pelo crime. Dirceu teve dois votos pela absolvição e Genoino, apenas um. Assim, a maioria da Corte desconstruiu a tese das defesas de que eles não tinham responsabilidade sobre os acordos financeiros do partido. Os magistrados rechaçaram também a defesa do ex-tesoureiro, a de que os acertos, embora ilícitos, eram para formar caixa 2, e não para comprar apoio de parlamentares, conforme a denúncia da Procuradoria Geral da República.

O voto que condenou Dirceu foi dado por Marco Aurelio, o oitavo ministro a se pronunciar sobre a acusação. O ministro rechaçou de forma veemente a tese de que o tesoureiro Delúbio Soares foi o responsável por todo o esquema. “Tivesse Delúbio Soares a desenvoltura material e intelectual atribuída a ele, certamente não seria apenas tesoureiro do partido”, disse. Para Marco Aurélio, Delúbio é colocado como bode expiatório e estranhamente, segundo o ministro, aceita esta condição. Atribuir toda a culpa a Delúbio, como fizeram as defesas, “subestima a inteligência mediana”, disse Marco Aurélio.

Segundo o ministro, ao chegar ao poder com Lula, em 2003, o PT buscou uma base de apoio no Congresso “até mesmo se desfigurando”, ao perder parlamentares antigos, como Luciana Genro e Heloísa Helena, e buscou apoio de partidos como o PP.  Marco Aurélio disse se recusar a aceitar a tese de que José Genoino não participou do esquema. “Genoino era o presidente do partido que esteve envolvido nessa tramoia”, afirmou. Para Marco Aurélio, aceitar a tese de que não há provas para a condenação de José Genoino é “passo demasiadamente largo”. Para provar a culpa de José Dirceu, Marco Aurélio citou um depoimento de Emerson Palmieri, do PTB. Segundo Palmieri, Dirceu “homologava todos os acordos” com o PTB.

Antes dele, o ministro Gilmar Mendes já havia condenado Dirceu afirmando que, após os encontros entre os dirigentes petistas e líderes dos partidos denunciados, sempre havia ligações para o ex-ministro, o que ligaria o Planalto aos acordos partidários.

Embora tenha afirmado não haver provas documentais contra Dirceu, o ministro atribuiu a responsabilidade do ex-ministro no esquema citando a participação dele nessas reuniões fechadas citadas nos depoimentos. A ilicitude, disse ele, está no teor das reuniões realizadas para se advogar “em favor de interesses privados”

Segundo ele, tanto o ex-presidente petista como Dirceu tinham conhecimento e participaram do esquema porque Delúbio, o único réu a assumir a culpa (por caixa 2), não “faria carreira solo”.

“O ex-ministro tinha grande poder e influência no governo”, disse Mendes, que seguiu o voto do relator, ministro Joaquim Barbosa.

O mesmo fez a ministra Carmen Lúcia.

Em seu voto, ela rechaçou os argumentos da defesa do ex-tesoureiro segundo os quais a ação ilícita era para fazer caixa 2 de campanha e não para comprar apoio político. “O ilícito não é normal num Estado de direito”, disse. “Mesmo que tivesse sido só isso, caixa 2, é crime. E não foi só isso.”

Sobre o ex-presidente do PT, a ministra disse ser impossível entender como o partido, que estava com as “finanças em frangalhos” pode, desde o início de 2003 até a metade de 2005, oferecer dinheiro a outros partidos sem gerar estranheza a Genoino. Assim, concluiu, “todas as provas dos autos indicam que houve a prática ilícita, de corrupção ativa” contra o réu.

Sobre Dirceu, Cármen Lúcia afirmou não haver documentos assinados por ele que sustentem a acusação de corrupção ativa.

Mesmo assim, ela afirmou que todas as falas de Delúbio Soares demonstram que o ex-tesoureiro tinha respaldo do então ministro.

A ministra citou reuniões entre Valério e Dirceu e afirmou que havia relações entre os dois. “Lobistas fazem assim: fazem uma oferta como se fossem amigos”.

Antes dela, o ministro José Antonio Dias Toffoli havia votado pela absolvição do ex-ministro da Casa Civil e pela condenação dos ex-dirigentes petistas José Genoino e Delúbio Soares.

Sobre Dirceu, Toffoli declarou: “A simples condição de chefe da Casa Civil, sem a demonstração inequívoca de que ofereceu vantagem indevida, não conduz automaticamente à tipificação do ilícito”.

Segundo ele, durante os depoimentos à Justiça dos envolvidos, apenas Roberto Jefferson fez referências a Dirceu. Toffoli lembrou que o ex-deputado do PTB é “inimigo” fidagal” do ex-ministro, o que lança dúvidas sobre as acusações feitas por ele. “Não há nada nos depoimentos que o incrimine”, disse.

Segundo o ministro, os fatos usados na denúncia (a garantia dada aos integrantes do esquema de que as operações financeiras não seriam fiscalizadas) não correspondem ao crime de corrupção ativa, da qual foi acusado. Os fatos, disse ele, “ensejariam um oferecimento de denúncia por distintos crimes, como corrupção passiva, advocacia administrativa ou tráfico de influência”.

Sobre Genoino, considerado inocente apenas pelo revisor Lewandowski, o ministro afirmou ser inverossímil que o ex-presidente do PT assinasse contratos de empréstimos com as empresas envolvidas sem conhecer a origem ilícita dos recursos. Ele considerou pouco plausível que o ex-dirigente se preocupasse apenas com as alianças partidárias e não tivesse interesse sobre as questões financeiras. “As provas testemunhais não deixam dúvidas. É firme a demonstração de oferecimento da vantagem indevida”, disse.

Neste Capítulo 6 da denúncia do Ministério Público Federal (MPF), os ministros analisam as acusações de corrupção ativa imputadas a dez pessoas do núcleo político e publicitário. Na primeira etapa deste capítulo, concluída no dia 1º de outubro, os ministros condenaram dez pessoas por corrupção passiva, entendendo que houve venda de apoio político entre partidos da base aliada. Agora, o STF define quem foram as pessoas responsáveis por comprar esses políticos.

Todos os oito ministros pediram a condenação de Delúbio Soares, dos publicitários Marcos Valério, Cristiano Paz e Ramon Hollerbach e da ex-diretora financeira da SMP&B Simone Vasconcelos. O advogado Rogério Tolentino, ligado a Marcos Valério, foi inocentado apenas por Lewandowski e Toffoli. O revisor entendeu que as acusações de corrupção ativa contra Tolentino são as mesmas do crime de lavagem de dinheiro, do qual o absolveu em outra etapa do julgamento.

Anderson Adauto, ex-ministro dos Transportes, foi absolvido pelos oito ministros por falta de provas. A ex-gerente financeira da SMP&B Geiza Dias só teve um voto pela condenação, o do ministro Marco Aurélio. A maioria considerou que ela teve um papel irrelevante no esquema.

A votação deste capítulo não foi concluído em razão da ausência do decano Celso de Mello. Seu voto será colhido apenas na quarta-feira 10, assim como o do presidente da Corte, ministro Ayres Britto.

Com informações da Agência Brasil

Leia também:

Zé Dirceu: ‘Não me calarei, não abandonarei a luta’

Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF

Lewandowski: Genoino será condenado apenas por ter sido presidente do PT

Saul Leblon: Engrenagem se move para esmagar referência de luta

Rubens Casara: “Risco da tentação populista é produzir decisões casuísticas”

Paulo Moreira Leite: O lugar de Genoino

Genoino: “Vocês são urubus e torturadores da alma humana”

Leonardo Boff: Justiça ou preconceito jurídico?

Lewandowski: Cabe qualquer um no “figurino genérico”

 



Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

O lado sujo do futebol: Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - O lado sujo do futebol e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


143 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

ccbregamim

22 de outubro de 2012 às 01h30

a absolvição da geisa faz parte da moralera
juízes não fazem justiça
executam moralera

Responder

Antonio Marcos

21 de outubro de 2012 às 12h54

Golpe imaginario…

Temos que ficar atentos, O presidente do Supremo Ayres Brito fez declarações semelhantes daquelas que foram usadas para derrubar o Jango em 64

“[O objetivo do esquema era] um projeto de poder quadrienalmente quadruplicado. Projeto de poder de continuísmo seco, raso. Golpe, portanto”

Em 31 de março de 64, tivemos um golpe de Estado de verdade, que jogou o país em 21 anos de ditadura.

O golpe foi preparado pela denúncia permanente de um “golpe imaginário”, que seria preparado por João Goulart para transformar o país numa “república sindicalista.” Basta reconstituir os passos da conspiração civil-militar para reconhecer: o toque de prontidão do golpismo consistia em denunciar projetos anti democráticos

Não há e nunca houve um projeto de golpe no governo Lula. Nem de revolução. Nem de continuísmo chavista. Nem de alteração institucional que pudesse ampliar seus poderes de alguma maneira.

Lula poderia ter ido as ruas pedir o terceiro mandato. Não foi e não deixou que fossem.

Em 1954, no processo que levou ao suicídio de Getúlio Vargas, também se falou em golpe.

Com apoio de uma imprensa radicalizada, em campanhas moralistas e denuncias – muitas vezes sem prova – contra o governo, dizia-se que Vargas pretendia permanecer no posto, num golpe continuísta, com apoio do ”movimento de massas.”

Era por isso, dizia-se, que queria aumentar o salario mínimo em 100%. Embora o mínimo tivesse sido congelado desde 1946, por pressão conservadora sobre o governo Eurico Dutra, a proposta de reajuste era exibida como parte de um plano continuísta para agradar aos pobres – numa versão que parece ter lançado os fundamentos para as campanhas sistemáticas contra o Bolsa-Família,agora, 50 anos depois.

O jurista Aliomar Baleeiro, um dos grandes conspiradores contra Getúlio Vargas, especialista em denunciar “golpes imaginários”, foi parar no Supremo. Chegou a presidente, teve direito a um livro luxuoso com uma antologia de suas sentenças.

RESUMINDO : ESTÃO USANDO O MESMO “MODUS OPERANT” DO PASSADO PARA DERRUBAR O PT-DILMA-DILMA, NÃO PODEMOS PERMITIR QUE MAIS UMA VEZ UM GOVERNO VOLTADO PARA A JUSTIÇA SOCIAL e DESENVOLMENTO NACIONAL, SEJA DERRUBADO PELA ELITE GOLPISTA

Responder

Antonio Marcos

12 de outubro de 2012 às 18h08

Azenha e amigos navegantes, devemos dar um BASTA!!!
Já é hora de todos nós que se indignam com injustiças, nos levantarmos e termos “CORAGEM de colocar a luta política acima do conforto e do bem estar individual, de enfrentar dor e injustiça em nome da democracia” (como tão bem escreveu Miruna Kayano Genoino)
Ficarmos só nas palavras… Precisamos de ATITUDES!!!
Que tal mobilizarmos uma grande multidão cercando as residências de Dirceu e Genoíno, impedindo suas detenções???
Será um ato cívico e histórico!!!
Abraços

Responder

Santayana: O STF abre precedentes perigosos « Viomundo – O que você não vê na mídia

12 de outubro de 2012 às 15h18

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Hermes de Melo Oliveira

12 de outubro de 2012 às 11h17

Depois que o Supremo Tribunal Global condenou os supostos mentores do suposto mensalão com supostas provas, abriu um grave precedente. Darei um exemplo bem simples: se eu não gostar de um vizinho, é só denunciá-lo como sendo um criminoso, que este será preso e condenado, mesmo sem provas, apenas por suposições.

Responder

    Mário SF Alves

    13 de outubro de 2012 às 18h54

    Bom, penso seria exatamente assim no caso de você acender charuto com nota de cem dólares. Ou seja, se você estivesse literalmente nadando em dinheiro.

    Mário SF Alves

    13 de outubro de 2012 às 18h55

    Desculpe, em dinheiro sujo, eu quis dizer.

Hermes de Melo Oliveira

12 de outubro de 2012 às 11h08

Depois que o Supremo Tribunal Global, condenou os supostos mentores do suposto mensalão com supostas provas,abriu um precedente em toda a relação humana. Por exemplo: se eu não gostar de um vizinho,´poderei dizer que este é um suposto criminoso e ele será preso e condenado, mesmo sem provas.

Responder

Cristina Kirchner: “Ninguém pode estar acima dos três poderes do Estado” « Viomundo – O que você não vê na mídia

11 de outubro de 2012 às 23h48

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Paulo Moreira Leite: Denunciar golpe é recurso “quando se pretende promover ruptura” « Viomundo – O que você não vê na mídia

11 de outubro de 2012 às 23h44

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Centrais consideram Serra e PSDB “inimigos da classe trabalhadora” « Viomundo – O que você não vê na mídia

11 de outubro de 2012 às 23h41

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Amanda Gurgel se elege com mais de 30 mil votos « Viomundo – O que você não vê na mídia

11 de outubro de 2012 às 23h34

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Willian

11 de outubro de 2012 às 15h57

Quem chorará por Delúbio Soares? Só sua mulher e filhos… Coitado, usado e largado.

Responder

Vargas Llosa e a máquina de propaganda contra Chávez « Viomundo – O que você não vê na mídia

11 de outubro de 2012 às 14h34

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Saul Leblon: Uma nova contribuição do iluminismo do Higienópolis « Viomundo – O que você não vê na mídia

11 de outubro de 2012 às 12h05

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Barão de Itararé: Vamos organizar o nosso ato contra os golpistas midiáticos da SIP « Viomundo – O que você não vê na mídia

10 de outubro de 2012 às 20h20

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Mário SF Alves

10 de outubro de 2012 às 15h04

O corporativismo venceu. Muito provavelmente o STF a partir de hoje seja tratado como corporação. Algo como um STF(CB) – Supremo Tribunal Federal Corporation of Brazil, quem sabe. Afinal, que tipo de instituição encontra-se acima de todas as leis, senão as corporações? Que tipo de instituição é incorpórea para os efeitos da lei? Ou, dito de outra forma, que leis regem o STF? Quem ou que poder é capaz de julgar erros do STF? Ora, não determina a Constituição Federal que os poderes da União sejam independentes e harmônicos entre si? É lícito o Judiciário julgar o Executivo? Ainda que seja. Mas, afinal, e é isso que importa, quem julga os erros do Judiciário?

Resposta: A Corte Interamericana de Direitos Humanos.

Responder

Leandro Fortes: A direita que ri extasiada « Viomundo – O que você não vê na mídia

10 de outubro de 2012 às 13h05

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Luiz Henrique

10 de outubro de 2012 às 13h02

Golpismo? Fala sério, o pessoal que gosta do pt perdeu o rumo neste caso. Existia uma quadrilha, e isto já foi provado. O Genuíno quis dar uma de “João sem braço”, dizendo que assinou os empréstimos sem ler, mas a desculpa esfarrapada, querer fingir que é um retardado, não colou. O Dirceu foi condenado por crime de mando. Realmente é difícil de condenar alguém por mando, pois as provas são quase sempre indiretas, mas os mandantes existem, e eles sempre são os piores das quadrilhas. Discordar do julgamento faz parte, mas fingir que a quadrilha não existia, é querer demais…

Responder

    Luiz Fortaleza

    10 de outubro de 2012 às 13h12

    Querer tapar o SOL com a Peneira.

Mário SF Alves

10 de outubro de 2012 às 12h53

O brasileiro José Dirceu é CULPADO. Pronto! O brasileiro Zé Dirceu é culpado por:

1- Errar em alguns milímetros na estratégia de transformar o Brasil numa democracia de direito em detrimento da democracia relativa (de fato)imposta/concedida “pelo general Figueiredo”;

2- Andar rápido demais com andor e dar pouca importância ao fato de que o santo ainda é de barro;

3- Ser brasileiro num Brasil condenado ao eterno, deplorável e vergonhoso (e injustificado) subdesenvolvimento.

Portanto, nada de novo. Foi assim com outros brasileiros. O herói Tiradentes que o diga.

Responder

Miruna Genoino: A coragem é o que dá sentido à liberdade « Viomundo – O que você não vê na mídia

10 de outubro de 2012 às 12h44

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Francisco

10 de outubro de 2012 às 11h31

Foi condenado no dia seguinte a uma eleição.

É como se prendessem Mandela no dia seguinte ao do fim do Apartheid…

Esta explicado por que o Brasil não tem heróis: os que tem a gente degola em Palmares, enforca em Minas, pressiona até o suicidio no Catete ou tortura até a loucura como Frei Tito.

Brasil: aqui soltamos os torturadores e prendemos os torturados.

Responder

    assalariado.

    10 de outubro de 2012 às 12h34

    Francisco afirma: “Esta explicado por que o Brasil não tem heróis: os que tem a gente degola em Palmares, enforca em Minas, pressiona até o suicidio no Catete ou tortura até a loucura como Frei Tito.”

    Oras, aqui cabe algumas interrogações: Quem degolou quem? Quem enforcou quem? Quem torturou quem? Em beneficio de que, e de quem?

    E, por fim, erra na resposta quando diz: “… aqui soltamos os torturadores e prendemos os torturados.”

    Será que isto tudo que afirmas não são efeitos colaterais de uma sociedade dividida em luta de classes? Mas que se expressa através de seu Estado burgues, dominador e repressor em favor, de quem mesmo? Onde só quem perde são os de condição de explorados, mais aqueles que se propoem ou, um dia tentou defender o Brasil e os pobres?

    Por final, pergunto: Quem é o sujeito oculto nisso tudo?

    Com todo respeito.

    Abraços Fraternos.

Mário SF Alves

10 de outubro de 2012 às 11h15

Vamos resumir a coisa da seguinte maneira:
1- A humanidade, exceto ligeiros ou breves períodos de sua história, sempre esteve condicionada pelas ideologias e respectivos meios (estruturas) de dominação do homem pelo homem. Tal dominação, cuja dinâmica é determinada e condicionada pela concentração de poder, pressupõe a constituição e manutenção da chamada sociedade de classes.
2- Em situações extremas, tal dominação do homem sobre o homem pode exigir completa sujeição da sociedade de classes ao mais absoluto autoritarismo, cuja forma mais radical expressa-se no totalitarismo nazi-fascista, sionista ou não.
Não vivemos situação tão extrema, certamente, mas…. pelo andar da carruagem… Mitt Romney nos EUA, PiG desesperado/alucinado no Brasil, sei não… é bom termos mais cuidado porque os subdesenvolvimentistas e seu séquito de bajuladores adeptos do vale tudo da selvageria capitalista ainda estão bem fortes por aqui.

Responder

Fabio

10 de outubro de 2012 às 11h02

Na Alemanha, na Áustria, na França (aqui talvez esteja enganado), na América e em vários outros países democráticos, os ministros das Cortes Supremas ou Constitucionais têm mandatos cuja duração que vai de 8 à 12 anos. No Brasil não há duração no mandato de ministro. Geralmente ocorre a aposentadoria compulsória ao completarem 70 anos. É urgente uma nova reforma do Judiciário quanto a esse tema.
Democracia? Vejamos. Pela composição do atual STF, considerando que os ministros se aposentarão pela compulsória (70 anos), temos Ayres Britto no poder há 9 anos; Joaquim Barbosa no poder há 9 anos (podendo ficar mais 12 anos, totalizando 21 anos de mandato); Celso Mello no poder há 23 anos (podendo ficar no poder mais 3 anos, totalizando 26 anos de mandato); Marco Aurélio Mello no poder há 23 anos (podendo ficar no poder mais 4 anos totalizando 27 anos de mandato); Gilmar Mendes no poder há 10 anos (podendo ficar no poder mais 13 anos, totalizando 23 anos de mandato); Ricardo Lewandowiski no poder há 6 anos (podendo ficar mais 6 anos, totalizando 12 anos de mandato); Carmen Lúcia há 6 anos no poder (podendo ficar mais 12 anos, totalizando 18 anos de mandato); Dias Toffoli no poder há 3 anos (podendo ficar mais 25 anos, totalizando 28 anos de mandato); Luiz Fux no poder há 1 ano (podendo ficar mais 11 anos, totalizando 12 anos de mandato) e Rosa Weber no poder há 1 anos (podendo ficar mais 6 anos, totalizando 7 anos de mandato), todos sem um voto direto que qualquer cidadão.
Chavez está faz 13 anos no poder e é considerado ditador pela mídia. A grande imprensa comenta sobre os 23 anos de Celso Mello ou Marco Aurélio Mello para ficar nos ministros mais antigos? Não me recordo de ter lido algo do gênero. Lembro que não é o presidente o homem mais poderoso do País, é o Presidente da República, o Presidente do “Legislativo” e o Presidente do “Judiciário”, pois os poderes são independentes e harmônicos entre si.
Enquanto não emendarmos a Constituição Federal, teremos um judiciário mais do que conservador e ministros acreditando serem Deuses, resgando a própria Constituição que deveriam defende-la.
Dados tirados da página http://www.stf.jus.br/portal/cms/verTexto.asp?servico=sobreStfComposicaoComposicaoPlenariaApresentacao

Responder

    Willian

    10 de outubro de 2012 às 11h57

    Você sempre pensou assim ou só agora que alguém do PT foi condenadado que a ideia lhe surgiu?

Romanelli

10 de outubro de 2012 às 10h47

deixe-me tentar entender ..eu me julgo civilizado

..são vocês que querem a feitura de um código de ética pra mídia ? ..um que se diga ético, transparente, que promova a pluralidade e a democracia, o DEBATE respeitoso, feito em regras claras e isonômicas, que dê espaço para o contrário, pro contraditório, pra PROVA e para a defesa de opinião franca, feita em legalidade ?

São vocês, os mesmos que cortam e ceifam todo dia, uns 50% dos meus comentários que busco, juro_por_deus, de todas as formas, NÃO ofender ninguém e nem trazer palavras de baixo calão ?

entendo, sei sei ..se assim, com tantas incoerências, NÃO conte comigo não

de Mahatma Gandhi:

“A lei de ouro do comportamento é a tolerância mútua, já que nunca pensaremos todos da mesma maneira, já que nunca veremos senão uma parte da verdade e sob ângulos diversos.”

“Olho por olho, e o mundo acabará cego.”

Responder

    Mário SF Alves

    13 de outubro de 2012 às 17h28

    Tudo bem, Romanelli. Eu confesso que respeito a essência do seu argumento. No entanto, gostaria muito de ver igual postura frente aos blogs de direita, naturalmente antidemocráticos. Você acha possível?

Hélio Pereira

10 de outubro de 2012 às 10h34

Brasileiro em geral detesta os Politicos e considera que sendo Politico sempre é culpado e quando ocorre qualquer condenação geralmente bate Palmas e não questiona se foi realmente feita Justiça ou não!
No caso de José Dirceu e Genuino que nossa midia vive descendo a lenha e já os considerou culpados apenas por serem do PT não é diferente.
Se o Povo não tem conhecimento da realidade deste Julgamento a culpa é principalmente do PT,que abandonou sua Base,se esqueceu de politizar seus militantes e entrou no Jogo da Elite que sempre dominou o Supremo e a Imprensa Golpista.
Ora o PT entrou no “jogo” e aceitou as Regras impostas pelo pessoal que sempre teve o Poder de Fato no Brasil,isto desde a chegada de Cabral ao Brasil em 1500,sendo assim o PT pode “espernear” mas não pode contestar este Julgamento do Supremo.
Eu não sou filiado ao PT,mas já apoiei Luiza Erundina,Marta Suplicy,Lula,Mercadante e Dilma e por eles fiz campanha porque achei que eram melhores que os outros candidatos,nesta eleição estou apoiando Haddad pelo mesmo motivo,mas não me filiaria ao PT,pois este Partido mudou muito e mudou para pior!
O PT deveria voltar as suas origens,respeitar e ouvir suas bases,pois esta ficando igual o PSDB.
Eu cheguei a participar de reuniões do PT,acompanhei alguns congressos e achava interessante a Participação de seus filiados nas reuniões,hoje o PT desrespeita decisões de Diretórios Municipais como fêz vergonhosamente em Recife,impondo um candidato que nem participou da convenção e depois que perde,fala em expulsar o Prefeito João da Costa que foi o menos culpado da derrota em Recife,logo ele que seguiu as regras e o estatuto do próprio PT.
Com tanta coisa errada no PT fica dificil a militância se unir em torno de José Dirceu e José Genuino,eles estão colhendo o que semearam ao permitir que o PT mudasse de rumo e passasse a adotar o esquema de Marcos Válerio,que alias foi mais uma das coisas Ruins que o PT copiou do PSDB.
Resta ao Partido exigir que o Supremo tenha o mesmo rigor que teve com o PT,quando for analisar casos que envolvem o PSDB/DEM.

Responder

    Mário SF Alves

    10 de outubro de 2012 às 12h29

    Você disse que o povo detesta os políticos, estou certo, entendi direito? Concordo com você, desde que adotadas as seguintes premissas/considerações:
    1- É inegável que os políticos no Brasil, em sua maioria, são políticos eleitos pelo poder econômico para defender os interesses desse mesmo poder econômico. Portanto, em um País tão rico como o Brasil, mantido a ferro e fogo na eterna condição de subdesenvolvido, onde ainda impera a mais tacanha concentração de renda , nada mais natural que tais políticos mais e mais se desacreditem junto à opinião pública;
    2- Tal poder econômico sempre se impôs mediante a elaboração e propagação de ideologias que sustentam a consolidação de estruturas jurídicas conservadoras e/ou (exemplo mais recente no STF) neoconservadoras;
    3- No Brasil, tal conservadorismo (e respectiva ideologia) é o mesmo que permeia ou perpassa toda a mídia privada corporativa, cuja finalidade atual é nada mais nada menos que a manutenção desse deplorável e medíocre regime de exceção travestido de democracia; o mesmo regime de exceção adjetivado pelo general Figueiredo como sendo democracia relativa.

mello

10 de outubro de 2012 às 10h33

a História julgará os juizes e juizas q atores e atrizes do vergonhoso ato jurídico- midiático .

Responder

Gerson Carneiro

10 de outubro de 2012 às 10h33

meu Heroi

Responder

    Edu Lemos

    10 de outubro de 2012 às 11h46

    Meu também!!!!!

Jairo Beraldo

10 de outubro de 2012 às 10h29

Quando a ministra Carmen Lucia leu seu voto, pagou sapo geral para os causídicos dos reus da AP-470, por segundo ela, quererem mudar a tese da promotoria de “compra de votos” para “caixa 2″. Agora, como cidadão e eleitor que não vende seu voto, desafio a senhora ministra a condenar os candidatos que tiveram suas candidaturas indeferidas pelas mesmas razões que teceu sua posição contra os causídicos – “a compra de votos é uma afronta ao país”. Aqui em Goiás, mais especificamente na cidade de Catalão, o presidente da AL-GO teve sua candidatura indeferida pelos crimes eleitorais “compra de votos e abuso de poder econômico”. Mas vale ressaltar que ele é do PSDB. Eu agora vou ter a oportunidade de ver como realmente agem os senhores togados do STF. Pois até agora, tenho observado que historicamente, ricos, DEMotucanos e assemelhados tem sido beneficiados na alta corte. E que as sentenças são implacaveis contra pretos, pobres, p…. e….petistas!Aguardarei com extrema confiança que o país mudou realmente, como gostam de frisar no PIG, depois deste cinematografico julgamento do “mensalão do PT”.

Responder

Jose Mario HRP

10 de outubro de 2012 às 10h00

Uma pequena pergunta?:
Será que alguém em sã consciência considerou esse julgamento sério?

Responder

    Rodrigo Leme

    10 de outubro de 2012 às 11h13

    Só não levou a sério o julgamento quem considera o PT acima do país.

    Quem considera políticos companheiros como inimputáveis.

    Ou seja, só não levou a sério quem acha que o país e suas leis só servem para o inimigo.

    A minha mão está aberta para o que aconteceu ontem continue, nos Azeredos, nos Demóstenes, nos Arrudas, nos Malufs. A mão sua e de outros está fechada para brigar por parasitas desse país. Ainda dá tempo de mudar de idéia.

    O tempo para passar o país a limpo é agora.

Jose Mario HRP

10 de outubro de 2012 às 09h57

http://www.baraodeitarare.org.br/noticias/tv-justica-efeito-pedagogico-da-acao-penal-470.html#.UHVsJBXA98I

STF virou um trapo.
Será que o negocio do Azeredo vai prescrever antes da hora H?
Será que a logica intempestiva da 470 será usada depois?
Juizes sérios Brasil afora arriscarão suas carreiras( e promoções) usando está técnica “revolucionária”, ou continuarão a usar a velha cautela que permite a boa prática do direito??
O futuro a Deus pertence mas são coisas que gostaria de poder prever.

Responder

Beto São Pedro

10 de outubro de 2012 às 09h42

Acho que o Dias Tofoli teve um curto circuito na meia dúzia, se tanto, de seus neurônios. Com certeza ele não conhece a foto referida acima na qual Genuíno está amarrado. Genuíno tem a saúde debilitada em razão das torturas que sofreu mas, como o conheço pessoalmente e o tenho entre os meus mais diletos amigos sei que não vai se deixar vencer.

Responder

Pedro

10 de outubro de 2012 às 09h33

É evidente, no caso do Gilmar, que a sua condenação do Dirceu é a absolvição dos crimes dos Dantas. Dirceu é criminoso porque é petista. Para o Gilmar todo petista é criminoso. A sua justiça é de classe. Duvido que o Gilmar Mendes condene alguém do partido do seu patrão, o Fernando H. Cardoso. Já demonstrou isso sobejamente ao dar dois habeas corpus ao Dantas, amigo do peito do seu patrão, em tempo récorde.

Responder

João Brasileiro

10 de outubro de 2012 às 09h02

Apesar da sensação de frustração, a verdade é que o stf cumpriu o que prometeu antes do início do julgamento: condenar sem provas!!!!
Não há surpresa alguma.
Por mais que os mensalões do psdb e do dem sejam julgados e o resultado venha a ser a condenação dos envolvidos jamais o stf livrará de si essa mácula que foi de condenar sem provas!!!
A vida segue.

Responder

Luiz Fortaleza

10 de outubro de 2012 às 08h55

Não só Roberto Jefferson, mas outras pessoas viram Genoíno ligar pra Dirceu, depois dos encontros. Como bom stalinista, Dirceu morrerá dizendo que é inocente. É preciso aprender que não se coopta o inimigo facilmente. Fez merda, agora aguente.

Responder

Mardones Ferreira

10 de outubro de 2012 às 08h53

Espero que depois da reunião da SIP – com ou sem a presença da Dilma – o PIG jogue o STF para cima de Dilma e sua aprovação popular. k k k k k k

O PT brincou com fogo quando abandonou sua história no salão de Washington DC ao receber a Carta ao Povo Brasileiro dos banqueiros dos EUA.

Vestiram a roupa de progressista nos petistas-atores e expulsaram os petistas-políticos. Casaram com o PP e o PMDB do Sarney, do Temer e do Renan.

Alimentaram o PIG com verbas infindáveis, promoveram o crescimento com quase as mesmas marcas do FHC (comodities, carro e endividamento da população , com mais distribuição de renda).

Esqueceram as reformas estruturais naquela reunião de Washington. Resultado:

Ao jogar igual ao PSDB – comprando apoio político (regra da política!)- foi condenado pelo PIG e pelo STF que não viu ainda os crimes do Collor, do PSDB, do Daniel Dantas, da Camargo Correa, do Banestado, não viram nada antes dos crimes do PT.

Ainda que assumam a falta de provas, os ministros do STF alegram aquela turma que foi expulsa do PT por não se dobrar ao ”progressismo” adotado pelo partido depois de 2002.

Vida que segue. E Dilma que se cuide.

Responder

    Julio Silveira

    10 de outubro de 2012 às 11h05

    Não escreve isso, eles se recusam a reconhecer.
    O mundo pagará por isso.

Donizeti

10 de outubro de 2012 às 08h39

O protesto indignado de um cidadão brasileiro contra esse julgamento de exceção político do STF contra José Dirceu e o PT.

Sinto “vergonha alheia” dessa decisão da suprema corte brasileira, um tribunal civil, em plena vigência do Estado Democrático de Direito, ironicamente fruto da luta desse brasileiro que agora condenam, se dobrou a pressão do aparato midiático conservador e se comportou como um verdadeiro ” Tribunal de Exceção Político “, daqueles que são montados para condenar um inimigo político nas ditaduras, neste caso o cidadão José Dirceu.

Agora o passo seguinte das forças políticas reacionárias é tentar criminalizar seu partido político, o PT – Partido dos TRABALHADORES, com mais de 1 milhão de filiados e que teve a maior votação no primeiro turno destas eleições (!!!), com mais de 17 milhões de votos, partido gestado no seio do povo e seu legítimo representante e por isso mesmo tão odiado e perseguido pelas elites economicas, políticas e agora judiciárias deste país.

O grande e imperdoável pecado do PT e do governo Lula/Dilma foi desmascarar as mentiras da elite política brasileira de que o Brasil não tinha jeito, que a desigualdade e a injustiça social nunca teriam fim, que essa era a ordem natural das coisas e não mudaria nunca, que o povo tinha de se conformar com sua vida de gado e rezar agradecendo sua miséria, sempre tangido pela insensibilidade manipuladora de uma eleite branca de 1% da população que detinham mais de 50% da riquesa do país. O govero Lula/Dilma desmontou essa farsa centenária em nosso país, porisso a elite nunca vai perdoar o PT por desmontar seu curral eleitoral e ensinar ao pobre que o voto dele vale tanto quanto o de um milionário e que ele pode decidir seu futuro votando em quem defende seus interesses e não o interesse das elites.

Condenaram José Dirceu sem provas, com base em ilações, suposições e a inovadora e famigerada teoria totalitária do ” domínio do fato”, contrariando garantias individuais constituicionais, ministros que se esconderam atrás da toga e da liturgia do cargo para fazer o jogo da oposição de direita no Brasil, voces envergonham a tradição de um Rui Barbosa, de um jurista do porte de um Raimundo Faoro, Presidente da OAB nos anos de chumbo, que lutaram sem medo contra uma ditadura feroz, a perseguição política e a injustiça neste país nos anos de chumbo. Voces se acovardaram ante a pressão de uma insitutição civil, a mídia conservadora e a oposição de direita, que não tem tanques, fuzis nem torturadores de plantão, esse é o tamanho da covardia desse STF.

Hoje é um dia de luto para a justiça neste país, o STF jogou na lata de lixo todos os principios jurídicos processuais penais previstos na Constituição Federal nesta ação penal 470 e quando o judiciário se ajoelha perante a vontade ou capricho da mídia e faz o jogo político da oposição conservadora, está aberta a porta para tudo que se possa imaginar no plano político, como um “golpe de estado branco”, respaldado pelo STF, isso não é alucinação política, já aconteceu em Honduras e no Paraguai recentemente.

O STF com essa decisão que estuprou os valores e garantias jurídico-processuais da Constituição Federal abriu a “caixa de pandora” da intolerância política e a porta para uma grave crise institucional no Brasil, como diz ditado popular, “de onde menos se espera, é de onde vem o golpe.”

A ironia é que o STF que devia aplicar o direito e a lei com serenidade, imparcialidade e rigor técnico, desprovido de paixões políticas e ser o garantidor da paz social, com essa decisão dá a gasolina e o fósforo para os golpistas tentarem incendiar o país mais uma vêz.

Os dias que nos aguardam são sombrios, pois a partir de agora, a mídia brasileira, golpista desde sempre, usará essa decisão de exceção do STF para fazer o mais descarado proselitismo político contra o PT e o governo Dilma, está aberto o embate entre as forças progressistas democráticas e os adoradores da escuridão, da injustiça social e da força bruta.

Todo meu apoio e solidariedade ao cidadão José Dirceu, se nem a ditadura militar conseguiu calar esse brasileiro corajoso, não será um tribunal vergonhosamente politizado que o fará.

A luta continua, José Brasileiro Dirceu.

Responder

Julio Silveira

10 de outubro de 2012 às 07h58

Nesse vale de lagrimas pelo Zé Dirceu farei um minuto de silêncio.

Responder

Alexandro Rodrigues

10 de outubro de 2012 às 07h20

Como diria Galvão Bueno: “as coisas já estiveram melhor para o PT”…

Agora o PT já não esperava por isso? Que partido foi para a capa da Veja em 2003 dizer que “respeitaria contratos, domesticaria radicais e não promoveria rupturas”?

Bem feito… Bye Bye José Dirceu!

Esse é preço que o PT paga por sua covardia. Deveria ter partido pra cima do PSDB já no longínquo ano de 2003, abrindo a caixa preta de nossa republiqueta e mostrado para o país tudo aquilo que o partido dizia ser crime quando fazia oposição à FHC. Preferiu entrar para o clube. Preferiu ser o novo rico das festas, aquele que não sabe o que é proseco. Preferiu ser a P*** que apanha calado, com medo da reação !

O partido que um dia usou a esperança pra vencer o medo, teve medo de ousar e continuar sendo a fonte de esperança da maioria da população. Qual será o efeito disso tudo? Em 2014 veremos: anotem esse nome, o verdadeiro candidato tucano de 2014: Eduardo Campos!

Responder

Gilberto

10 de outubro de 2012 às 04h35

Eu tenho mais dúvidas que certezas em relação a este julgamento.

não tenho expertise em termos juridicos… então provavelmente vou usar temos leigos, senso comum

1- houve um mal feito, no Brasil e talvez em outros paises, parece que o importante não é provar inocencia, é mostrar que “legalmente” não podem ser punidos…isso pode até ser legal, mas é imoral… houve um mal feito e é preciso moralizar este país, quem errou tem que pagar;

2- é lamentável, que em um pais com politicos sabidamente corruptos, se esteja tratando os safados do mensalão como os unicos safados de Brasilia. Espero, ainda que sem otimismo, que a mesma medida seja usada para Furnas e para o Mensalão do PSDB, para a comprar da re-eleição de FHC. para as privarizações fraudulentas;

3- na minha infancia, se dizia que o problema do Brasil eram os politicos corruptos e incompetentes, na minha juventude se dizia que o problema era o risco Brasil, hoje ouço a toda hora que o problema do Brasil é o judiciario com juizes corruptos e sem isenção…

o conceito de risco Brasil foi substiuido pelo “lucro Brasil”… se entendeu que a ganancia, usura e corrupção está também no setor privado e que parte do problema é a margem absurda de lucro e nao os impostos (que via de regra as empresas tentam sonegar)

O conceito de politicos corruptos se mantem e vem se disseminando, cada dia mais partidos são tidos como maus partidos…

habeas corpus cangurús, liberação de pedofilos, liberação de banqueiros, estupradores fugindo para o libano, juizes do supremo com “jagunços” mostram que o problema do judiciario é real, e vai se agravar se a mesma medida do mensalão não for usada em furnas, no mensalão do PSDB e na privataria tucana.

o chato desse espetaulo midiatico que está sendo a crucificação dos mensaleiros, não é a condenação (são culpados) é a sensação de excessão.

finalmente se revela que o problema do Brasil é a falta de informação, é a veiculação de informação de má qualidade, é o partidarismo da midia… pros amigos tudo, para os inimigos a lei, ou pior uma nova lei.

Responder

Gerson Carneiro

10 de outubro de 2012 às 03h31

A sensação é a de que esse julgamento se deu no balcão de um buteco. Tamanho amadorismo das argumentações para justificar as condenações.

Qualquer calouro do primeiro semestre do curso de Direito sabe as aberrações que foram cometidas nesse julgamento.

Enquanto o Supremo Cabo Eleitoral do PIG condena Dirceu e Genoíno sem provas, e reconhece que não as tem, o Principado de São Paulo elege dois vereadores que juntos, oficialmente, somam 77 mortes nas costas.

Responder

    Rodrigo Leme

    10 de outubro de 2012 às 11h22

    Uau, conseguiu colocar São Paulo no assunto?!?!?! 10 pontos pra vc!!!

    Deve ter sido São Paulo que indicou os juízes do STF, incluindo o empregado do condenado. Pq só assim para alguém no Nordeste falar dessa cidade em um assunto que nem compete a ela.

sandro

10 de outubro de 2012 às 01h53

Temo pela saúde do Genoíno.
Tenho aquela foto do mesmo amarrado a uma arvore,mas atualmente ele não me parece tão forte assim.Quanto ao Dirceu..bem esse não morre ,
Roberto Jefferson “bate as botas” bem antes .Dirceu não perde nunca.
Vai dar muito trabalho ao “PIG” ainda, isso se ainda houver “pig”
no segundo tempo da partida.

Responder

Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF « Viomundo … | Media Brasileiro

10 de outubro de 2012 às 01h44

[…] here: Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF « Viomundo … Tweet This Post Posted on 09/10/2012 by CordiaWilford2341, Reply Posted in Comentário, […]

Responder

Messias Franca de Macedo

10 de outubro de 2012 às 01h34

OS PRIMEIROS SINAIS DOS EFEITOS DA ‘DISENTERIA DA LEGALIDADE’ DOS “supremos” do “supremoTF”! ENTENDA

Na TV, nós testemunhamos os semblantes cínicos de alguns ministros misturados com certo tremor nas mãos! A ficha está começando, objetivamente, a cair no colo dos “supremos”, daí, também, os tremores nos intestinos, senão vejamos o noticiário da “grande” mídia nativa!:
Na semana passada, em seu voto, o ministro Celso de Mello considerou que essas legislações poderiam ser invalidadas. O ministro Ricardo Lewandowski apontou que o tema é grave e precisa ser discutido pelo plenário.
“A validade e a eficácia de uma lei não depende e nem pode depender de forma alguma aos motivos da sua formulação”, disse Gilmar Mendes.
Barbosa afirmou que é preciso analisar caso a caso, pois as motivações dos legisladores não necessariamente invalidam a lei. “O fato de grupo ter motivação ilícita não se comunica com o produto Legislativo ainda que decorra parcialmente dessa motivação espúria”.
Fux disse que já há jurisprudência na Corte de que essas leis não estariam necessariamente viciadas. “Desse risco [invalidade], o Brasil não vai sofrer”.
Por sua vez, Lewandowski afirmou que não estava antecipando sua avaliação, mas disse que a revogação de leis municipais é comum, quando comprovado que houve fraude na votação na Câmara Municipal da cidade e que isso também pode ocorrer com leis da União.

EM TEMPO: você, leitor(a), percebeu a premissa do ministro Fux: “Desse risco [invalidade], o Brasil não vai sofrer”. Quer dizer, o ministro do “supremoTF” tranquiliza a sociedade brasileira: “calma, gente, o golpe não é um risco, é uma necessidade imperiosa (sic)! No entanto, nós saberemos ‘dosar’ a dimensão dos estragos, ainda que os estragos façam parte do mesmo ‘domínio do fato’ que comprovou, sem provas (idem sic), os autores da delinquente ‘e plausível’ (ibidemsic) compra da consciência dos parlamentares, inclusive os da bancada oposicionista que votaram a favor de tais projetos de Lei e reformas! Mais uma pérola belíssima entre tantas lidas proferidas por esses seres etéreos de sabedorias (sic).
Agora, “escuta essa” do [ilibado] Gilmar Mendes: “A validade e a eficácia de uma lei não depende e nem pode depender de forma alguma aos motivos da sua formulação” A asneira formulada pelo Gilmar Mendes virou pó depois do argumento impactante do ministro Ricardo Lewandovki: “A revogação de leis municipais é comum, quando comprovado que houve fraude na votação na Câmara Municipal da cidade e que isso também pode ocorrer com leis da União.”
Só faltou o Gilmar – “dos dois [amorais] habeas corpus notívagos em prol do Daniel Dantas”- dizer, no plenário, que não tinha conhecimento destes precedentes!”

EM TEMPO: e a panela [quente] da feijoada ainda está no fogão!

República de ‘Nois’ Bananas e Babacas
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Lourdes

10 de outubro de 2012 às 01h21

Por que a velha mídia (principalmente a Globo) odeia José Dirceu? Antes de Dirceu a Globo ficava com 80% das verbas publicitárias do governo. Não é curioso?! Abaixo, as doze razões pelas quais a oligarquia midiática brasileira odeia José Dirceu

Foi Dirceu, quando Ministro da Casa Civil, (chefe do Gushiken), que deu a ideia de se regular as mídias. Criar uma Ley De Medios, e a Globo não perdoa.

Foi Dirceu que acabou com a farra da Globo. Antes de Lula, toda a verba de publicidade do governo era dividida somente entre 499 veículos.
E para cada R$ 1,00 de verba publicitária do governo, a Globo ficava com R$ 0,80 (80%).

Dirceu redistribuiu a verba publicitária do governo entre quase 9.000 veículos. Antes eram só 499. Agora, Globo só recebe 16% do total.
Foi ideia do José Dirceu criar o Ministério das Cidades que acabou com o poder dos coronéis locais. Oposição e velha mídia não perdoam.

Foi Dirceu quem acabou com a farra dos livros didáticos que eram publicados pela Editora Abril e Fundação Roberto Marinho.

Foi Dirceu que articulou e viabilizou a governabilidade do governo Lula.

Foi Dirceu que BARROU Demóstenes de ser o Secretário Nacional de Justiça. Demóstenes e Cachoeira se juntaram para ferrar Dirceu.

Por que Dirceu sofre perseguição do Ministério Público? Em 2004, foi ideia de Dirceu de se criar um controle externo sobre o MP.

Por que Peluso não gosta de Dirceu? Márcio Thomaz Bastos indicou a Lula o nome de Peluso para o STF. Dirceu barrou. Márcio Thomaz Bastos forçou a barra.

Dirceu, quando Ministro Chefe da Casa Civil, fechou as portas do BNDES à mídia: “dinheiro só para fomentar desenvolvimento, jamais pagar dívidas“.

Dirceu fez o BNDES parar de financiar as privatizações e deixar de ser hospital para empresas privadas falidas.

Fonte: blog ComTextoLivre

Responder

    Nizinha

    10 de outubro de 2012 às 09h24

    Lourdes. Muito importante este arrolamento que você faz para explicar as razões pelas quais a direita odeia tanto o Dirceu. Importante, até, para entendermos as razões pelas quais o STF se desmoraliza, assim, publicamente, condenando sem provas. Evidentemente eles são juízes de uma classe e não estão aí para fazer justiça, mas para defender a sua classe. No entanto, são sábios e mestres na dissimulação dos seus reais interesses. No entanto, no caso do Dirceu, eles exageram até chegar ao escândalo. Eles se desmascaram, o que não é uma característica sua e você nos ajuda a entender porque.

    Arnaldo Luis Reis

    10 de outubro de 2012 às 09h58

    No entanto ele não foi condenado por nada disso e sim por corrupção ativa!

Renata Mielli: O assédio eleitoral telefônico na Venezuela « Viomundo – O que você não vê na mídia

10 de outubro de 2012 às 01h21

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Tucanos querem que STF investigue Lula « Viomundo – O que você não vê na mídia

10 de outubro de 2012 às 01h19

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

J Souza

10 de outubro de 2012 às 00h45

Os militares torturaram e o STF… nada!
Collor ganhou presentes para a casa da Dinda e o STF… nada!
Fernando Henrique comprou a reeleição e o STF… nada!
Roubaram bilhões nas privatizações e o STF… nada!
O PSDB inventou o “mensalão” em MG e o STF… nada!
Daniel Dantas e Camargo Correa se locupletaram com o patrimônio público e o STF… nada!
Perillo e Demóstenes trabalham “para” um bicheiro e o STF… nada!
Agora, quando o PT (PÊ-TÊ) “compra” apoio político, o STF… condena os petistas e os enviaria à pena de morte, se pudesse!
Por isso que o Brasil ainda É o “país do futuro”, porque o presente…

Responder

    Romanelli

    10 de outubro de 2012 às 10h03

    em tese eu pensaria que é pq hoje o STF é mais ético, graças ao PT

    Agora, boa parte mesmo foi pq PAPARAM MOSCA e acreditaram numa tese FURADA ..a do CAIXA 2 em ano EM eleição, tese que por esta “vencida”, fora de prazo e do processo, os doutos e milionários dEvogados, achavam que iriam abafar.

    Verdade mesmo é que muitos dos casos que cita ainda dependem da POLICIA FEDERAL PROGRESSISTA pra tentar catar os PUNGUISTAS (a privataria de Serra por exemplo) ..e ao nosso legislativo e MINISTÉRIO DA JUSTIÇA em nos fazerem leis que sejam mais OBJETIVAS, cidadãs, e menos corporativas e/ou protelatórias, hipócritas

    a propósito, contra Collor vc se esquece de falar do empréstimo fraudulento, e NUNCA o pago, no Uruguai

marcosomag

10 de outubro de 2012 às 00h42

Eu já esperava por este desfecho no STF quando no dia 23 de agosto de 2007, ví com estupefação as correspondências entre os Ministros Ricardo Lewandowski e Carmen Lúcia estampadas na capa de “O Globo”, com a inacreditável inação dos magistrados diante do crime.

Alí, o STF aceitara ser emparedado pela mídia corporativa. Então, concluí que o STF iria condenar de forma envergonhada os réus do chamado “mensalão”.

Porém, fiquei muito surpreso com as palavras pesadas usadas pela “Excelências” naquilo que foi um estupro coletivo da Constituição Federal e chamado pela imprensa de “julgamento do século”. Violaram a Constituição com desenvoltura, desfaçatez e até alegria.

A pergunta que não quer calar é esta: que ameaças podem ter feito os barões da imprensa ao STF para que fizessem o que fizeram, em transmissão ao vivo pela televisão? Foram as mesmas que os blogs independentes noticiaram quando as cúpulas da Globo e Abril foram a Brasília e calaram o PMDB na CPI do Cachoeira?

A decisão de José Dirceu é muito pessoal e não vou fazer crítica a ela. Mas, caso fosse eu o atingido por tão brutal injustiça iria até os confins da Terra em busca da Justiça e dos motivos pelos quais os ministros pusilânimes do STF ficaram de joelhos perante um mídia corrupta!

Viva José Dirceu, guerreiro do povo brasileiro!

Responder

Aldo

10 de outubro de 2012 às 00h41

Pelo jeito, o próximo passo é destruir o legado do GRANDE Lula, e depois partir pra cima da Dilma, que parece inerte diante de tanta canalhice. O PIG, tão abastecido pelo governo federal, irá destruí-lo se nada for feito urgentemente.

O que sinto por esse povo, não posso expressar aqui…

Responder

    LEANDRO

    10 de outubro de 2012 às 06h18

    Ué, é o mesmo povo que elegeu lula e dilma.

Elias

10 de outubro de 2012 às 00h09

Folha digital estampou hoje (09/10/2012) que Serra não comemora condenação. Ah! Deixa disso, Senhora Ditabranda. Serra não comemora a condenação dos seus aliados. A condenação do senador Demóstenes Torres, Serra não comemorou, óbvio.

Responder

As pesquisas eleitorais e o resultado das urnas « Viomundo – O que você não vê na mídia

10 de outubro de 2012 às 00h06

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Eduardo Vieira Miranda

10 de outubro de 2012 às 00h04

Como diria Lula. O povo está mais preocupado com o Palmeiras.

Eles (o PIG) e os conservadores só ganham no tapetão mesmo.

Zé Dirceu – que sempre esteve ao lado de Lula – pagou o preco não aceitar a Alca, por não impor a agenda de privatizações, por não flexibilizar as leis trabalhistas, e por elevar o Brasil a um patamar de potência internacional.

Zé Dirceu pagou o preço para que o amigo Lula colhesse os frutos.

Bela prova de amizade.

Não se importe com essa condenação Zé. O povo é soberano. A história dos ministros do Supremo passa. A sua fica. Vamos ver quem será mais lembrado – e melhor lembrado – daqui 100 anos.

Por exemplo, hoje em dia, quem é lembrado pela história como grandioso? Getúlio Vargas ou Carlos Lacerda? Já sabem a resposta.

Tranquilidade Zé. A história e a maior parte do povo está do seu lado. O resultado disso está nas urnas.

Responder

J Souza

09 de outubro de 2012 às 23h57

O pior desta história é que dezenas de milhões de brasileiros hoje vão dormir sabendo que não podem confiar em imparcialidade no STF.

Responder

    Arnaldo Luis Reis

    09 de outubro de 2012 às 23h59

    outras muitas dezenas de milhões dormiram mais tranquilos, sabendo q foi feita justiça!

    Vê? é apenas uma questão de ponto de vista…

    Bonifa

    10 de outubro de 2012 às 03h35

    É uma questão de ponto de vista, sim. O ponto de vista de quem conhece e de quem desconhece a verdade. O ponto de vista de uma Murici antes de conhecer quem de fato era a Carminha, e o ponto de vista da Nina, que já conhecia a bisca de outros carnavais. Ainda bem que a Murici pôde reformar sua opinião sobre a Carminha. Mas um leitor de Veja ainda não sabe do veneno terrível que está tomando.

    Eduardo

    10 de outubro de 2012 às 06h22

    Tá mais pra ponto de “veja”

    Márcia

    10 de outubro de 2012 às 08h48

    E outras dezenas de milhões esperam que o STF julgue ações importantes pra que toquem suas vidas e o STF, nada. O próprio JB está sentado sobre uma montanha delas. Os ministros estão com o gabinete abarrotado enquanto ficam sorridentes sob os holofotes.

    Mário SF Alves

    10 de outubro de 2012 às 10h34

    Que jus… jus… o quê? Justiça?!! Que justiça é essa cujo conceito varia ao sabor das conveniências? Justiça da casa-grande submetendo a senzala, isto sim. Regime de exceção travestido de democracia; estado de fato travestido de estado de direito. Exceção, exceção e exceção. Exceção travestida de julgamento, isso sim.

    Arnaldo Luis Reis

    10 de outubro de 2012 às 11h17

    Bonifa

    Verdade? q verdade, a sua?

    A tese petista de “condenação sem provas”, “tribunal de exceção”, “golpe do PIG com a direita de olhos azuis”… essa verdade?

    O Sr confunde a sua opinião com a verdade…

    abolicionista

    10 de outubro de 2012 às 20h26

    Gostei do ponto de Veja, mas, no caso desse comentador, está mais para ilusão idiótica…

Cláudio Pereira

09 de outubro de 2012 às 23h40

Tá na hora é de sair da internet para sair às ruas. Ninguém cansa de digitar e sente falta de ação, não? Ninguém aqui é povo, gente, massa, não? Ninguém aqui aprendeu nada com o Zé Dirceu? Nem com o Lula? Como o PT não aprendeu? Ora de tirar as mãos das teclas e colocar a mão na massa!

Responder

    Messias Franca de Macedo

    10 de outubro de 2012 às 00h25

    Prezado, valoroso e lúcido brasileiro Cláudio Pereira,

    Onde eu assino?!

    Parabéns!

    Vamos esquecer desta p…. de série do “brasileirinho”, o famigerado e nefasto ‘JN’… Isso, o teclado do computador!…

    “A praça é do povo,
    como o céu é do condor”

    Castro Alves

    (… pensem naquela jovem mulher, Dilma Rousseff, nos porões da ditadura militar, sob os auspícios da ‘ditabranda’!]

    MOBILIZAÇÃO CONTRA O GOLPE BRANCO JÁ!

    O POVO UNIDO JAMAIS SERÁ VENCIDO!

    GOLPE NUNCA MAIS!

    AS RUAS ESPERAM, ANSIOSAS, POR VOZES! OU NÃO?!…

    Saudações democráticas, progressistas, nacionalistas, civilizatórias e anti-golpistas,

    BRASIL NAÇÃO
    Bahia, Feira de Santana
    Messias Franca de Macedo

    Messias Franca de Macedo

    10 de outubro de 2012 às 00h44

    … p…. de série ‘A’ do “brasileirinho”

Marat

09 de outubro de 2012 às 23h29

É chegada a hora de todos os blogues “sujos”, a revista Carta Capital, os jornais Hora do Povo e Brasil de Fato, além de todos os setores que desejam um Brasil mais limpo, datem as mãos e exigirem um julgamento rápido e de exceção para o mensalão do PSDB!

Responder

    Romanelli

    10 de outubro de 2012 às 10h12

    esquece colega ..os caras souberam trabalhar melhor os processos e BRECHAS, só isso

    ..estas que inclusive após 10 anos de governos progressistas, NINGUÉM se atreveu a mexer (foro especial, direitos especias, prisão especial, direito a MENTIRA, inúmeros foros e instancias pra recorrências protelatórias, códigos de execução penal e civil FRÁGEIS, o direito a forma e não ao mérito da prova etc)

    Aqui, pra mim, caberia sim um movimento pra que ENDURECÊSSEMOS e purgássemos nossas as leis ..que a fizéssemos mais CIDADÃ e isonômica, acessível a todos, de forma transparente e célere

    JUSTIÇA que tarda, é justiça falha

    só assim ..e até lá, vai ser isso, quem pode mais, chora menos

Messias Franca de Macedo

09 de outubro de 2012 às 23h16

ADVERTÊNCIA ÓBVIA!

Ninguém, absolutamente ninguém, considere que os mensaleiros de todos (todos, exceto os do PT, revisor!) os outros partidos políticos desta Republiqueta de ‘Nois’ Bananas serão julgados, muito menos condenados a um dia de ‘trabalho social sugerido’ (sic), notadamente os do PSDB e do DEMo…

… Felizmente ou não, não tem jeito: é resistir repudiando nas ruas, denunciando o golpe a múltiplos organismos internacionais – incluindo os veículos de comunicação destes países -, recorrendo a uma Corte Internacional que delibera sobre golpismos e violações dos direitos humanos…

MOBILIZAÇÃO CONTRA O GOLPE BRANCO JÁ!

O POVO UNIDO JAMAIS SERÁ VENCIDO!

GOLPE NUNCA MAIS!

AS RUAS ESPERAM, ANSIOSAS, POR VOZES! OU NÃO?!…

EM TEMPO: lembrem-se, também, de Leonel de Moura Brizola, Luís Carlos Prestes, Olga Benário, Jango, Marighela, Rubens Paiva, Vladimir Herzog e tantos outros brasileiros e brasileiras, muitos dos quais mortos no anonimato…

Saudações democráticas, progressistas, nacionalistas, civilizatórias e anti-golpistas,

BRASIL NAÇÃO
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Fabio Passos

09 de outubro de 2012 às 22h59

A “elite” e seus cãezinhos adestrados da classe-média pensam que vão intimidar a população com estas condenações absurdas baseadas em reporcagens do PiG.

É no voto que o povo vai continuar surrando a “elite” canalha e o PiG.

Responder

    Aldo

    10 de outubro de 2012 às 00h47

    Fábio, a primeira intenção deles é de intimidar os políticos, que consequentemente irão fazer de tudo para “agradá-los”. O nosso Lula e a Dilma vem como bônus de volume…

Zé Dirceu: ‘Não me calarei, não abandonarei a luta’ « Viomundo – O que você não vê na mídia

09 de outubro de 2012 às 22h57

[…] Dirceu, Genoino e Delúbio são condenados pelo STF […]

Responder

Rodrigo Mello

09 de outubro de 2012 às 22h51

É uma pena que pessoas ainda pensem assim. Comparar a maior instância democrática do país( diga-se de passagem, que alguns dos Ministros do STF, foram nomeados pelo presidente ao qual acusa-os de querer dar golpe), com uma “quadrilha” formada desde a Época da ditadura, é extremamente prejudicial à sociedade.( antes era “ideal”, e hj?) Não sou a favor de nenhuma forma de censura, ou privação de direitos e garantias individuais, mas tenho certeza que o julgamento favorece a todo mundo, inclusive ao próprio PT, e deveria ser encarado assim pela sua militância. Respeito a opinião de muitos, mas não concordo. Não existe ELITE separatista e nem golpistas, e sim, pessoas que ainda não aprenderam a viver em uma democracia e respeitar as formas republicanas de enfrentar os desvios de condutas de seus cidadãos. FOI com COLLOR, agora é DIRCEU, DELÚBIO e GENOINO.

Responder

    eduardo souto jorge

    09 de outubro de 2012 às 23h11

    O Collor foi absolvido pelo STJ, nao tinham provas. Voces sao os da pior especie de pessoas, sao os que pensam que sabem.

Marcus R da Silva

09 de outubro de 2012 às 22h45

Azenha

Manda seus leitores irem chorar na cama que e lugar quente. Os caras parecem zumbis não tem um pingo de cérebro.

Responder

Fabio Passos

09 de outubro de 2012 às 22h28

Toda minha solidariedade a José Dirceu e José Genoino que são heróis do povo brasileiro e exemplos de resistência a ditadura.

Os golpistas que apanham nas urnas recorrem ao stf da mesma forma que outrora corriam atrás dos generais.

Os udenistas e o PiG que foram “vivandeiras de quartel” agora são “vivandeiras de tribunal de exceção”.

Responder

Rodrigo Leme

09 de outubro de 2012 às 22h25

A soma dos comentários aqui mostra o real apreço das esquerdas pela democracia: ou serve a eles, ou não presta. Não se pode julgar, se julgar não pode condenar, se condenar não pode ser preso.

Ao invés de pedirem com que o judiciário continue a condenar políticos bandidos, não importa de que partido, querem livrar seus quadrilheiros.

Quem se alia com bandido será tratado como bandido.

Responder

    rodrigo

    09 de outubro de 2012 às 23h18

    Aquele teu comentário ali embaixo era mentira então? ‘Tava condicionado?
    Eita…

    sandro

    10 de outubro de 2012 às 01h34

    Zoinho virado hj tá feliz.

    Rodrigo Leme

    10 de outubro de 2012 às 11h21

    Feiz eu não estou não. Estou satisfeito de ver que existe esperança para esse país. Que não existe ninguém acima da lei, que vale a pena brigar por isso.

    Satisfeito é a palavra. Perplexo tambem, porque achei que não viveria para ver alguém desse patamar ser condenado por seus crimes. Quem venham mais!

regina gonçalves

09 de outubro de 2012 às 22h21

Um absurdo. Lastimável que condenem pessoas sem provas. Querem destruir o PT,Lula e Dilma. Agora mais do que nunca temos que eleger o Haddad prefeito de São Paulo.

Responder

    Arnaldo Luis Reis

    09 de outubro de 2012 às 23h10

    O PT é muito bom em criar “mantras”…

    O primeiro foi “O Mensalão nunca existiu”
    Depois veio o mantra “era cx 2”
    E agora tem o famoso “condenar sem provas”

    a única explicação aceita pelos petistas para a condenação de José Dirceu (esqueceram do pobre Genoino q foi condenado até por Toffoli)é “golpe das elites de direita reacionária”!

    Alguém, sinceramente, acha q José Dirceu não estava comandando a “repartição” do dinheiro? Alguém acha q o “nosso” Delubio fez mesmo tudo isso sozinho e sem o conhecimento e AUTORIZAÇÃO dos poderosos do PT?

    5 ministros já votaram pela condenação de Dirceu e pelo andar da carruagem mais 2 seguirão o relator, finalizando um placar provável de 8 x 2, e ainda ficam falando em “falta de provas”?

    sandro

    10 de outubro de 2012 às 01h36

    Rs.
    Cândido cândido.
    Vou criar um mantra prá vc tambem.
    “melo” do lumpen aplicabilis”

Apolônio

09 de outubro de 2012 às 22h12

Muito simples vamos fazer campanha para que outros mensalões sejam julgados com maior rapidez. Se é para julgar, vamos julgar todos. O pau que dá no Chico, dá no Francisco. Vamos fazer campanha para que saia a outra CPI.

Responder

    marcelo

    09 de outubro de 2012 às 23h07

    Concordo plenamente.
    Tem que julgar todo mundo.
    Assim acaba esse chororô do PT de achar que se todo mundo rouba ele também pode… Só que como o roubo do PT tem ideologia por trás ele é válido.

    Rodrigo Leme

    10 de outubro de 2012 às 11h24

    Aleluia!!! É isso aí!!!! Vamos trabalhar para acelerar o mensalão mineiro, o do DEM, as investigações de Furnas, o raio que o parta!!!!

    Eu vou junto com quem for que quiser isso.

    Respondo

    10 de outubro de 2012 às 12h07

    xiiii….s´´o não valo do Cachoeira…pq este assunto ja deu pizza

    Mário SF Alves

    10 de outubro de 2012 às 12h40

    Assim diria o Robin: Santa ingenuidade, Batman!

Avelino

09 de outubro de 2012 às 22h10

Mais uma vez uma classe social pisou na cabeça de outra.E é a mesma que apoiou a ditadura, que apoia o Serra.Não só ZD e Genoino foram condenados, ams sim a opção de classes de ambos.
Que achou que o resultado seria diferente, não conhece o Brasil.

Responder

    Fabio Passos

    09 de outubro de 2012 às 22h37

    O papel do stf neste linchamento é vergonhoso:

Zé Brasil

09 de outubro de 2012 às 21h59

Este julgamento do STF repete toscamente o julgamento de Giordano Bruno, que o condenou a morte na fogueira do filósofo, em 20 de janeiro de 1600, em Campo di Fiori, Roma.
Força, Dirceu,lute sempre, pois você combateu a luta justa, por um Brasil melhor, ajudando, junto com tantos outros Brasileiros, com sua coragem a retirar o País das garras da ditadura patrocinada por aqueles que hoje, nas trevas se vangloreiam de seu infortúnio.Eles passarão, você sempre será lembrado.Difrentementre dos covardes que hoje o acusam e posam como éticos e democratas e que na ditadura foram dar de costas nos EUA, o patrocinador do golpe militar que desgraçou o Brasil por 21 anos.
Vamos denunciar este ato tosco nos fóruns mundiais e mostrar como a justiça opera neste País. Vamos fazer muito barulho, pois na Democracia pela qual lutamos e muitos de nós deram sua própria vida, o seu futuro, ela não comporta este tipo de violência contra Cidadania.

Responder

    Mário SF Alves

    10 de outubro de 2012 às 11h42

    Zé, meu caro, você não é só Zé Brasil, não; você é Zé Mundo; é Zé Universal.

    Parabéns.

    Abs,

    Mário.

Fabio SP

09 de outubro de 2012 às 21h56

E continua a tentativa de golpe… Fechamos o Judiciário, aproveita e fecha o Legislativo também… E porque não acabar com as eleições, afinal esses idiotas insistem em votar na oposição!!!

Responder

Messias Franca de Macedo

09 de outubro de 2012 às 21h53

JUÍZES DO BRASIL:
ÀS FAVAS COM AS PROVAS
Publicado em 09/10/2012
em http://www.conversaafiada.com.br/brasil/2012/10/09/juizes-do-brasil-as-favas-com-as-provas/

###############################

DESABAFA MATUTO ‘BANANIENSE’!

JUÍZES DO BRAZIL(!):
ÀS FAVAS COM O ESTADO DEMOCRÁTICO E DE DIREITO!

República Destes Bananas da [eterna] OPOSIÇÃO AO BRASIL, fascista, terrorista, histriônica, MENTEcapta, aloprada, entreguista, antinacionalista, golpista de meia-tigela…
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Fabio Passos

09 de outubro de 2012 às 21h48

Responder

lulipe

09 de outubro de 2012 às 21h41

http://noticias.terra.com.br/brasil/politica/julgamento-do-mensalao/noticias/0,,OI6217362-EI20760,00-Barbosa+recorrer+a+OEA+contra+mensalao+e+enganar+as+pessoas.html

Até hoje só um recurso deste tipo chegou à OEA, o da Jorgina, e foi solenemente ignorado.Resta recorrer ao Vaticano ou alguma mãe de santo.

Responder

    Bonifa

    10 de outubro de 2012 às 03h41

    Não substime a corte da OEA. O Supremo ainda pode passar por um suadouro.

mariazinha

09 de outubro de 2012 às 21h28

Não há mais o que fazer? Acabou-se ou tem mais por aí? O medo dessa gente era DIRCEU ser presidente; ELE não foi cambadas, mas D. DILMA foi e, se tentarem algo contra LULA/DILMA, vão ter que se entender com o povo brasileiro.

Responder

    LuizCarlosDias

    09 de outubro de 2012 às 23h18

    Faltava uma nova bandeira ao PT
    Dirceu será um nosso injustiçado
    nas caravanas do segundo turno
    por onde o PT vai disputar,
    quem viver verá.
    Não vamos abaixar a cabeça, um
    bom partido tem seus herois.
    Viva Lula/Dilma/Haddad/Dirceu e
    tantos outros e do lado de lá?

Fabio Passos

09 de outubro de 2012 às 21h28

É o stf funcionando como uma extensão do PiG.
Condenar heróis brasileiros como Genoino e Dirceu sem provas… este é o grande feito deste tribunal de merda.

Responder

    ricardo

    10 de outubro de 2012 às 09h18

    Heróis??? Agora conta a do papagaio.

Admar

09 de outubro de 2012 às 21h26

Lei de Medios Já!!!

Responder

Messias Franca de Macedo

09 de outubro de 2012 às 21h26

Prezado, competente, impávido e radicalmente democrático jornalista brasileiro Luiz Carlos Azenha, respeitosa e humildemente, sugiro que o senhor disponibilize em sua conspícua e democrática casa cibernética um documento manifestando o repúdio veemente do verdadeiro povo brasileiro ao golpe perpetrado pelo conluio mídia hegemônica e STF. O documento deve enfatizar a lídima não aceitação de uma condenação sem provas contidas nos autos, eivada de subjetivismos e desprezo aos mais elementares pressupostos jurídicos. Uma afronta inaceitável ao Estado Democrático e de Direito.

O documento serviria, também, para compor o recurso a ser encaminhado à Corte Internacional da OEA… Corte do Direito do Direito de Defesa…

NOTA: o documento teria como primeiros signátários “os blogueiros sujos”! Em seguida, o abaixo-assinado ficaria disponível na internete, nas Igrejas, nos sindicatos, nas vilas, nas ruas…

O POVO UNIDO JAMAIS SERÁ VENCIDO!

GOLPE NUNCA MAIS!

AS RUAS ESPERAM, ANSIOSAS, POR VOZES! OU NÃO?!…

Saudações democráticas, progressistas, nacionalistas, civilizatórias e anti-golpistas,

BRASIL NAÇÃO
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

SERGIO SANTANA

09 de outubro de 2012 às 21h24

ESTÁ NA HORA DE FAZEMOS UM MOVIMENTO DE MUDANÇA RADICAL NO JUDICIÁRIO. ESSE JULGAMENTO SÓ PROVA QUE ESSE PODER ESTÁ TOTALMENTE APODRECIDO E PRECISA SER RENOVADO COM URGÊNCIA! O stf SE DIMINUIU, PERDEU A AUTORIDADE E ISSO É PERIGOSO! AGORA QUALQUER UM PODE ACUSAR OUTRA PESSOA DE QUALQUER CRIME, SEM PROVAS, QUE A JUSTIÇA CONDENA! ISSO É INADMISSÍVEL!!!!!! TEMOS QUE EXIGIR ESSA MUDANÇA O MAIS RÁPIDO POSSÍVEL, POIS SENÃO VOLTAREMOS AO ESTADO DE EXCEÇÃO!!!! E VC, AZENHA E OUTROS BLOGUEIROS PODEM INICIAR ESSE MOVIMENTO CÍVICO E JUSTO!!!!

Responder

FrancoAtirador

09 de outubro de 2012 às 21h22

.
.
José Dirceu: ao povo brasileiro

Hoje, a Suprema Corte do meu país, sob forte pressão da imprensa,
me condena como corruptor, contrário ao que dizem os autos,
que clamam por justiça e registram, para sempre, a ausência de provas
e a minha inocência.

O Estado de Direito Democrático e os princípios constitucionais
não aceitam um juízo político e de exceção.

Vou acatar a decisão, mas não me calarei.

Minha sede de justiça,
que não se confunde com o ódio, a vingança, a covardia moral e a hipocrisia que meus inimigos lançaram contra mim nestes últimos anos,
será minha razão de viver.

Do blog de Zé Dirceu, via Carta Maior.

No dia 12 de outubro de 1968, durante a realização do XXX Congresso da UNE, em Ibiúna, fui preso, juntamente com centenas de estudantes que representavam todos os estados brasileiros naquele evento. Tomamos, naquele momento, lideranças e delegados, a decisão firme, caso a oportunidade se nos apresentasse, de não fugir.

Em 1969 fui banido do país e tive a minha nacionalidade cassada, uma ignomínia do regime de exceção que se instalara cinco anos antes.

Voltei clandestinamente ao país, enfrentando o risco de ser assassinado, para lutar pela liberdade do povo brasileiro.

Por 10 anos fui considerado, pelos que usurparam o poder legalmente constituído, um pária da sociedade, inimigo do Brasil.

Após a anistia, lutei, ao lado de tantos, pela conquista da democracia. Dediquei a minha vida ao PT e ao Brasil.

Na madrugada de dezembro de 2005, a Câmara dos Deputados cassou o mandato que o povo de São Paulo generosamente me concedeu.

A partir de então, em ação orquestrada e dirigida pelos que se opõem ao PT e seu governo, fui transformado em inimigo público numero 1 e, há sete anos, me acusam diariamente pela mídia, de corrupto e chefe de quadrilha.

Fui prejulgado e linchado. Não tive, em meu benefício, a presunção de inocência.

Hoje, a Suprema Corte do meu país, sob forte pressão da imprensa, me condena como corruptor, contrário ao que dizem os autos, que clamam por justiça e registram, para sempre, a ausência de provas e a minha inocência. O Estado de Direito Democrático e os princípios constitucionais não aceitam um juízo político e de exceção.

Lutei pela democracia e fiz dela minha razão de viver. Vou acatar a decisão, mas não me calarei. Continuarei a lutar até provar minha inocência. Não abandonarei a luta. Não me deixarei abater.

Minha sede de justiça, que não se confunde com o ódio, a vingança, a covardia moral e a hipocrisia que meus inimigos lançaram contra mim nestes últimos anos, será minha razão de viver.

Vinhedo, 09 de outubro de 2012
José Dirceu

http://www.cartamaior.com.br/templates/materiaMostrar.cfm?materia_id=21046

Responder

    Fabio SP

    09 de outubro de 2012 às 22h26

    Quase chorei!

    Arnaldo Luis Reis

    09 de outubro de 2012 às 22h46

    Uma pergunta sincera:

    Independentemente do processo, da sua interpretação de não haver provas…

    Qual a sua OPINIÃO (apenas opinião… nem ´precisa de provas, pra ter opinião)…

    Delubio agiu sozinho?

    O Sr sinceramente acha q José Dirceu e Genoino (nem vou citar o Lula) não sabiam de nada?

    Um esquema q “arrecada” R$ 70 MM pra ser distribuido entre parlamentares é montado e Delubio é q decidia sozinho quem do outro lado iria receber?

    Lembre-se, é só opinião… nem será usado no julgamento do Mensalão!

    Bonifa

    10 de outubro de 2012 às 03h46

    Quanto a nosotros, acreditamos que sempre haverá gente desmiolada que confunde o Direito com os artigos de uma imprensa tendenciosa.

    Arnaldo Luis Reis

    10 de outubro de 2012 às 11h56

    Bonifa

    Fiz uma pergunta tão simples e direta!

    Pena q o Sr preferiu não responde-la… Estava curioso pra saber a sua opinião, quer dizer, a “verdade dos fatos”!

    De novo:

    Delubio agiu sozinho e montou todo o esquema ou José Dirceu e Genoino sabiam ?

    (nem vou colocar o Lula nessa pergunta pra não criar constrangimento ainda maior!)

José X.

09 de outubro de 2012 às 21h20

Te cuida Dilma, você pode ser a próxima.

Responder

Carlos G P Lenz

09 de outubro de 2012 às 21h18

pra mim stf significa : Só Tem Farsante

eles são a escória do pig, pois aviltam a própria honra, pelos lampejos da notoriedade fugaz lançada por um setor altamente corrupto da sociedade brasileira.

Biltres.

Viva o Brasil !

Responder

trombeta

09 de outubro de 2012 às 21h18

Esse tribunal de araque que sempre estave ao lado dos ricos e protege os verdadeiros corruptos da direita não merece o mínimo respeito do povo brasileiro, vão enganar na globo e na veja.

Fica claro que sendo essa condenação sem provas e nitidamente política tem direito os condenados a requererem asilo político em outro país com toda a legitimidade.

Responder

Mario

09 de outubro de 2012 às 21h14

Tudo mais ou menos dentro do figurino pré-estabelecido. Aliás, diga-se de passagem, a condenação dos réus já vem sendo exigida pela mídia há 7 anos.

Sem dúvida, um julgamento político e os réus já entraram condenados.E qualquer prova documental que apareça contra a decisão da maioria dos juízes da suprema corte será jogada na lata do lixo pela mídia e pelos senhores juízes.

Nunca pensei nos meus 62 anos de vida assistir a um espetáculo tão vergonhoso e deprimente dessa natureza. E numa período de eleição.
Um péssimo exemplo para o mundo.

E eu fico pensando se um dia eu for julgado por esses senhores, qual será o meu distino. Bom, é fácil prever que tudo vai depender da “simpatia” que a mídia tiver pela minha pessoa.

Se a mídia abaixar o polegar quando eu adentrar à arena, eu estarei liquidado. Deus que me guarde!

Responder

    Fabio Passos

    09 de outubro de 2012 às 21h29

    É realmente assustador.
    O stf condenando cidadãos baseado em reporcagens do PiG.

Patricio

09 de outubro de 2012 às 21h07

Que lástima.
Nunca gostei do José Dirceu. Acho que é um burocrata consumado. Genoíno nem tanto. Mas respeito o passado honroso de lutas de ambos. Essa questão está acima de qualquer crítica política que se faça a qualquer um dos dois.
Outra coisa é condenar sem provas. Essa ignomínia não pode ser entendida como descolada do contexto político mundial. Está em ascensão um novo “modus operandi” da direita – que não é tão novo assim: o golpe “à jurídica”, já comprovado e aprovado recentemente em Honduras, Paraguai e segue adiante.
Acerta quem diz que esse desvio está na gênese do capitalismo. Está na gênese do poder, do autoritarismo. Quem sabe ver, também o verá no fascismo.

Responder

Messias Franca de Macedo

09 de outubro de 2012 às 20h58

ATENÇÃO, MUITA ATENÇÃO!

– Oráculo de Delphos, confirmando as [óbvias!] previsões dos ‘bananienses’, o golpe estava (sic) sendo televisionado…
– perdão, matuto: como assim “estava sendo televisionado”?
– perdão peço eu, Iluminado oráculo… Pois tenho que fazer-lhe uma pergunta!
– Não se acanhe, “seu moço”!
– Bom, o senhor já leu as manchetes disponibilizadas na internete pelos portais do PIG nesta “boca da noite”?!
– Confesso que não! “A internete deu pau” por aqui!
– Por aqui a internete “está dando pau no Dirceu e no Genoino!”
– Dirceu e Genoíno, aqueles dois jovens “que davam pau nos milicos”?!
– “Sem tirar nem por”, tirante os cabelos grisalhos e as rugas nas testas…
– Senhor matuto, não brinque com as minhas coronárias… Os ‘milicos’ deixaram, novamente, as casernas e o povo brasileiro está resistindo bravamente?!…
– Antes fosse, estimado oráculo!… Antes fosse!
– Os seus olhos estão marejados, matutos!
– “a rinite” voltou a me atacar, ‘companheiro’!
– E as manchetes – em letras garrafais – o que dizem?
– “supremoTF” acolhe denúncia do [gângster] Roberto Jeferson e condena José Dirceu e José Genoino!
– Ah, o PIG aprontando mais uma!… Acertei?!
– Óbvio que sim!
– E as eleições municipais de 2012 se aproximam?(!)
– Ao que parece, há muito tempo “a internete deu pau, aí, em Delphos!”…
– Senhor matuto, recorrendo aos meus instintos mais perversos (sic), “o estava sendo televisionado” é porque o golpe já aconteceu?! Antes de ouvir a sua resposta, permita-me beber um pouco da água daquela cachoeira (idem sic)!
– Pois não, mestre!
– E eu preocupado com o Chávez! [Não o do SBT! O Chávez da Venezuela, revisor!]
– Na verdade, divino oráculo, o golpe está acontecendo…
– E televisionado?
– Sim! E em tempo real!
– E o povo brasileiro está preocupado?!
– Está!…
– Ufa! Por um instante, temi uma resposta negativa!…
– Perdão, sábio oráculo! No Brasil o senhor seria um blogueiro ansioso – e sujo!
– Não entendi a ofensa!
– É, realmente, faz muito tempo que o senhor não acessa a rede!
– Todos os dias, após o almoço, e trazida do Ceará pelo pai do Genoino!
– Conspícuo oráculo, o povo brasileiro está preocupado…
– Sim, você já me disse isto!…
– Mas, não concluí a frase!
– Então…
– O povo brasileiro está preocupado com a Carminha da Avenida Brasil e com a Hebe Camargo…
– Não diga que as esposas do Dirceu e do Genoino, respectivamente, já estão no exílio!
– Somente a segunda, atualizado oráculo(!) “O exílio de Carminha” talvez se dê no último capítulo! É bastante ‘plausível o domínio deste fato’!…

– Realmente, matuto: “A história se repete como tragédia e farsa!”
%¨&*(*&¨%$#$%¨&*()_)(*&¨%$#@#$%¨&*()_(*&¨%2¨&*
(-Queda!
– Da Dilma Rousseff?!
– Por enquanto não! Até este exato momento o que caiu foi a conexão via internete!)

[Quem (sobre)viver, verá!]

República de ‘Nois’ Bananas
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Rodrigo Leme

09 de outubro de 2012 às 20h53

ATENÇÃO PETISTA: se depois de hoje você quiser brigar pela condenação do mensalão tucano, tou contigo. Se quiser brigar pra libertar corrupto será combatido. Simples assim.

Justiça foi feita, por mais impossível que isso parecesse nesse pais até poucos anos atrás.

Responder

    rodrigo

    09 de outubro de 2012 às 22h19

    Xará, tenho que concordar contigo…
    E ainda mais, que me desculpem os Ubaldos de plantão (quem leu Henfil sabe) mas tenho que por pra fora:
    — Substituiram algum presidente? Existiu algum coup de force como no Paraguay? Não? Então aprendam com a estória de Pedro e o Lobo!

    Arnaldo Luis Reis

    09 de outubro de 2012 às 22h46

    Perfeito! Tô nessa…

    sandro

    10 de outubro de 2012 às 01h42

    Ei “zoinho virado”, vc não esta com ninguem ou com alguma coisa.
    Vc esta num “blog”.Sinta-se aceito, vou te condenar pois vc tem cara
    de “dedo-duro da época da ditadura.Domínio do fato.

    Rodrigo Leme

    10 de outubro de 2012 às 11h26

    Você não tem cara de nada, pois não a mostra. Nem sobrenome tem. Não tem nada, nem conteúdo, visto que está focado em me discutir.

    Romanelli

    10 de outubro de 2012 às 10h30

    eu TAMBÉM selarei fileiras, se assim o quiserem ..e não só contra o mensalão tucano

    Inclusive pela investigação da PRIVATARIA do SERRA ..da conta do URUGUAI de COLLOR que deve estar pendente ..pela retomada da grana e PRISÃO de Paulo Maluf ..pelo fim do voto secreto que deixou duvidas sobre a posição da HELOÍSA ..pela citação do PALLOCCI por enriquecimento ilícito e trafico de influência ..pelo enjaulamento do LALAU, devolução de salários e perda de benefícios pra todo juíz ordinário ..pela decodificação dos arquivos do DANTAS, da divulgação da CC5, por esperarmos que as investigações da CPi do Cachoeira se aprofundem e não virem PIZZA ..eticéterrrra

    Corruptos, NÃO PASSARÃO !!!!!

    Paulo Figueira

    10 de outubro de 2012 às 11h56

    Esse posicionamento de apoio à condenação sem provas, sob o argumento de que apoiará também a condenação do mensalão do PSDB, o assalto aos cofres públicos ocorrido durante as privatizações de FHC, compra de votos para aprovar a emenda da reeleição e etc, nada mais é do que jogar para a galera, pois sabem muito bem, que esses casos jamais serão julgados.

abolicionista

09 de outubro de 2012 às 20h46

Não sou especialista em direito, mas sei reconhecer uma injustiça quando vejo uma. Passo frequentemente em frente à casa de Genoino, no Butantã, quando vou visitar minha mãe (já o vi em entrando em casa, inclusive). É uma casa pequena, de classe média, sem luxo. É esse o gênio do crime? O petralha que roubou milhões? Será que alguém realmente acredita nisso? Não obstante, logo fiquei sabendo que o candidato José Serra possui uma mansão milionária no Alto de Pinheiros, que ele esqueceu de declarar à receita (a reportagem está aqui: http://www.redeblogo.com.br/2010/07/serra-nao-declara-ao-tse-mansao-milionaria-que-possui-em-sao-paulo/). Esse é o paladino da justiça? O rei dos justos? O PIG pensa que o povo é tonto, só pode. P.S.: Não achei nenhuma foto da fachada da casa de Genoino na net, mas dá para ver o interior da casa do Genoino nessa foto: http://www.smabc.org.br/smabc/materia.asp?id_CON=30277&id_SUB=81 ” A casa [de José Serra] foi comprada em 2001 pela empresa IRR LATIN AMERICA S/C LTDA, de propriedade de Verônica Serra, filha do candidato. A empresa tinha como capital apenas R$ 2 mil, mas desembolsou R$ 475 mil pelo imóvel. É impressionante como esta moça tem empresas. Se você quiser saber de mais detalhes sobre este negócio, de muitos detalhes estranhos, leia a ação cautelar de improbidade administrativa que o corajoso procurador da república, Luiz Francisco de Souza, moveu em 2002 contra 18 pessoas e empresas ligadas ao ex-diretor do Banco do Brasil, Ricardo Sérgio de Oliveira. Nesta ação, o atual candidato à presidência é citado 40 vezes.” saiba mais em: http://abundacanalha.blogspot.com.br/2010/10/google-street-view-flagra-estranho.html

Responder

    Bonifa

    10 de outubro de 2012 às 03h52

    Parabéns pelo comentário, Abolicionista. Recuperou a tradição perdida da lucidez brasileira no jornalismo.

    Zezinho

    10 de outubro de 2012 às 05h38

    Dois errados não fazem um certo.

    O Genoíno participou sim do esquema de compra de apoio político visando a manutenção do projeto de poder do PT.
    Não interessa se o crime praticado foi em benefício próprio ou à uma causa nobre, o crime foi praticado e ponto final.

    Estou esperando até hoje que alguém dê entrada no processo contra o Serra. Porque não o fazem?

    abolicionista

    10 de outubro de 2012 às 20h23

    Não sou vidente, não sei porque a CPI da privataria não vai para frente, mas, provavelmente, isso ocorra pelos mesmos motivos pelos quais o massacre do Carandirú nunca será julgado, pelos quais os torturadores foram anistiados, pelos quais a Satiagraha foi desativada, pelos quais o mensalão mineiro não vai punir ninguém. É justa uma justiça que só funciona para um dos lados? Que só pune os mais fracos? Você quer que eu a aplauda?

Francisco de Assis

09 de outubro de 2012 às 20h43

Quem muda um país ?

Responder

Aline C Pavia

09 de outubro de 2012 às 20h42

E agora o que vai ser? Apedrejamento, esquartejamento, cadafalso ou crucificação? O que mais querem? Condenou, fim da ação penal 470? Passaram o país a limpo? Não há mais corruptos nem corruptores de outros partidos a serem punidos? Ressurge a Santa Inquisição onde se condena a revelia e sem provas? A imprensinha e a direita neo-fascista estará satisfeita? Querem os corpos de Dirceu, Genoíno e Delúbio para chuparem a carniça? Três meses dando no saco essa história e domingo o PT teve 17,3 milhões de votos, pronto, já dá pra voltar a falar do rebaixamento do Palmeiras?

Responder

    FrancoAtirador

    09 de outubro de 2012 às 23h30

    .
    .
    O SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL ACABA DE ALTERAR A REDAÇÃO DO ARTIGO 5º, E DOS RESPECTIVOS INCISOS, DA CONSTITUIÇÃO FEDERAL DA BRASIL:

    Constituição Federal de 1988

    Art. 5º. [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS] todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:

    I – [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS] homens e mulheres são iguais em direitos e obrigações, nos termos desta Constituição;

    II – [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS] ninguém será obrigado a fazer ou deixar de fazer alguma coisa senão em virtude de lei;

    III – [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS] ninguém será submetido a tortura nem a tratamento desumano ou degradante;

    IV – [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS] é livre a manifestação do pensamento, sendo vedado o anonimato [DE PETISTAS];

    V – [À EXCEÇÃO DOS PETISTAS] é assegurado o direito de resposta, proporcional ao agravo, além da indenização por dano material, moral ou à imagem;

    VI – [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS] é inviolável a liberdade de consciência e de crença, sendo assegurado o livre exercício dos cultos religiosos e garantida, na forma da lei, a proteção aos locais de culto e a suas liturgias;

    VII – [EXCETUADOS OS PETISTAS] é assegurada, nos termos da lei, a prestação de assistência religiosa nas entidades civis e militares de internação coletiva;

    VIII – [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS] ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei;

    IX – [EXCETO AOS PETISTAS] é livre a expressão da atividade intelectual, artística, científica e de comunicação, independentemente de censura ou licença;

    X – [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS]são invioláveis a intimidade, a vida privada, a honra e a imagem das pessoas, assegurado o direito a indenização pelo dano material ou moral decorrente de sua violação;

    XI – a casa, EXCETUADA A PETISTA, é asilo inviolável do indivíduo, ninguém nela podendo penetrar sem consentimento do morador, salvo em caso de flagrante delito ou desastre, ou para prestar socorro, ou, durante o dia, por determinação judicial;

    XII – é inviolável o sigilo da correspondência e das comunicações telegráficas, de dados e das comunicações telefônicas, salvo, no último caso, por ordem judicial, nas hipóteses e na forma que a lei estabelecer para fins de investigação criminal ou instrução processual penal;

    XIII – [EXCEÇÃO FEITA AOS PETISTAS] é livre o exercício de qualquer trabalho, ofício ou profissão, atendidas as qualificações profissionais que a lei estabelecer;

    XIV – é assegurado a todos [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS] o acesso à informação e resguardado o sigilo da fonte, quando necessário ao exercício profissional;

    XV – é livre a locomoção no território nacional em tempo de paz, podendo qualquer pessoa [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS], nos termos da lei, nele entrar, permanecer ou dele sair com seus bens;

    XVI – todos [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS] podem reunir-se pacificamente, sem armas, em locais abertos ao público, independentemente de autorização, desde que não frustrem outra reunião anteriormente convocada para o mesmo local, sendo apenas exigido prévio aviso à autoridade competente;

    XVII – [EXCETO AOS PETISTAS] é plena a liberdade de associação para fins lícitos, vedada a de caráter paramilitar;

    XVIII – a criação de associações e, na forma da lei, a de cooperativas independem de autorização [EXCEÇÃO FEITA AOS PETISTAS], sendo vedada a interferência estatal em seu funcionamento;

    XIX – as associações [COM EXCEÇÃO DAS PETISTAS] só poderão ser compulsoriamente dissolvidas ou ter suas atividades suspensas por decisão judicial, exigindo-se, no primeiro caso, o trânsito em julgado;

    XX – [EXCEÇÃO FEITA AOS PETISTAS] ninguém poderá ser compelido a associar-se ou a permanecer associado;

    XXI – as entidades associativas [EXCETO AS PETISTAS], quando expressamente autorizadas, têm legitimidade para representar seus filiados judicial ou extrajudicialmente;

    XXII – [À EXCEÇÃO DOS PETISTAS] é garantido o direito de propriedade;

    XXX – é garantido o direito de herança [EXCETO SE O “DE CUJUS” ERA PETISTA];

    XXXII – o Estado promoverá, na forma da lei, a defesa do consumidor [A NÃO SER QUE ESTE SEJA PETISTA];

    XXXIII – [À EXCEÇÃO DOS PETISTAS]todos têm direito a receber dos órgãos públicos informações de seu interesse particular, ou de interesse coletivo ou geral, que serão prestadas no prazo da lei, sob pena de responsabilidade, ressalvadas aquelas cujo sigilo seja imprescindível à segurança da sociedade e do Estado;

    XXXIV – [EXCEÇÃO FEITA AOS PETISTAS] são a todos assegurados, independentemente do pagamento de taxas:

    a) o direito de petição aos Poderes Públicos em defesa de direito ou contra ilegalidade ou abuso de poder ;

    b) a obtenção de certidões em repartições públicas, para defesa de direitos e esclarecimento de situações de interesse pessoal;

    XXXV – a lei não excluirá da apreciação do Poder Judiciário lesão ou ameaça a direito [EXCETO SE DIREITO DE PETISTAS];

    XXXVI – [EXCEÇÃO AOS PETISTAS] a lei não prejudicará o direito adquirido, o ato jurídico perfeito e a coisa julgada;

    XXXVII – não haverá juízo ou tribunal de exceção [EXCETO EM JULGAMENTO DE PETISTAS];

    XXXVIII – é reconhecida a instituição do júri, com a organização que lhe der a lei, assegurados:

    a) a plenitude de defesa [EXCETO A PETISTAS];

    XXXIX – [À EXCEÇÃO DE JULGAMENTOS ENVOLVENDO RÉUS PETISTAS] não há crime sem lei anterior que o defina, nem pena sem prévia cominação legal;

    XL – a lei penal não retroagirá, salvo para beneficiar o réu [EXCETO SE O RÉU FOR PETISTA];

    XLI – a lei punirá qualquer discriminação atentatória dos direitos e liberdades fundamentais [EXCETUADOS OS DOS PETISTAS];

    XLII – a prática do racismo [POR PETISTAS] constitui crime inafiançável e imprescritível, sujeito à pena de reclusão, nos termos da lei;

    XLIII – a lei considerará crimes inafiançáveis e insuscetíveis de graça ou anistia a prática da tortura, o tráfico ilícito de entorpecentes e drogas afins, o terrorismo e os definidos como crimes hediondos, por eles respondendo [EXCLUSIVAMENTE] os mandantes [PETISTAS], os executores [PETISTAS] e os [PETISTAS] que, podendo evitá-los, se omitirem;

    XLIV – constitui crime inafiançável e imprescritível a ação de grupos armados [PETISTAS], civis ou militares, contra a ordem constitucional e o Estado Democrático;

    XLV – nenhuma pena passará da pessoa do condenado,[EXCETO SE PETISTA] podendo a obrigação de reparar o dano e a decretação do perdimento de bens ser, nos termos da lei, estendidas aos sucessores e contra eles executadas, até o limite do valor do patrimônio transferido;

    XLVI – a lei regulará a individualização da pena [DE PETISTAS] e adotará, entre outras, as seguintes:

    a) privação ou restrição da liberdade [DE PETISTAS];

    b) perda de bens [DE PETISTAS];

    c) multa [NOS PETISTAS];

    d) prestação social alternativa [POR PETISTAS];

    e) suspensão ou interdição de direitos [DOS PETISTAS];

    XLVII – [EXCETO SE FOREM APLICADAS A PETISTAS] não haverá penas:

    a) de morte, salvo em caso de guerra declarada, nos termos do art. 84, XIX;

    b) de caráter perpétuo;

    c) de trabalhos forçados;

    d) de banimento;

    e) cruéis;

    XLVIII – a pena será cumprida em estabelecimentos distintos, de acordo com a natureza do delito, a idade e o sexo do apenado [EXCETO SE PETISTA];

    XLIX – é assegurado aos presos [EXCETO AOS PETISTAS] o respeito à integridade física e moral;

    L – às presidiárias [EXCETO ÀS PETISTAS] serão asseguradas condições para que possam permanecer com seus filhos durante o período de amamentação;

    LI – [EXCETO PETISTAS] nenhum brasileiro será extraditado, salvo o naturalizado, em caso de crime comum, praticado antes da naturalização, ou de comprovado envolvimento em tráfico ilícito de entorpecentes e drogas afins, na forma da lei;

    LII – não será concedida extradição de estrangeiro [EXCETO SE PETISTA] por crime político ou de opinião;

    LIII – [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS] ninguém será processado nem sentenciado senão pela autoridade competente;

    LIV – [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS] ninguém será privado da liberdade ou de seus bens sem o devido processo legal;

    LV – aos litigantes [EXCETO PETISTAS], em processo judicial ou administrativo, e aos acusados em geral [COM EXCEÇÃO DOS PETISTAS] são assegurados o contraditório e ampla defesa, com os meios e recursos a ela inerentes;

    LVI – são inadmissíveis, no processo, as provas obtidas por meios ilícitos [EXCETO NOS JULGAMENTOS DE PETISTAS];

    LVlI – [À EXCEÇÃO DOS PETISTAS] ninguém será considerado culpado até o trânsito em julgado de sentença penal condenatória;

    LVIII – o civilmente identificado não será submetido a identificação criminal, salvo nas hipóteses previstas em lei [E SE FOR PETISTA];

    LIX – será admitida ação privada nos crimes de ação pública, se esta não for intentada no prazo legal [E SE FOR CONTRA PETISTAS;

    LX – [EXCETO SE ENVOLVER PETISTAS] a lei só poderá restringir a publicidade dos atos processuais quando a defesa da intimidade ou o interesse social o exigirem;

    LXI – ninguém [EXCETO OS PETISTAS] será preso senão em flagrante delito ou por ordem escrita e fundamentada de autoridade judiciária competente, salvo nos casos de transgressão militar ou crime propriamente militar, definidos em lei;

    LXII – a prisão de qualquer pessoa [EXCETO PETISTAS] e o local onde se encontre serão comunicados imediatamente ao juiz competente e à família do preso ou à pessoa por ele indicada;

    LXIII – o preso [EXCETO PETISTAS] será informado de seus direitos, entre os quais o de permanecer calado, sendo-lhe assegurada a assistência da família e de advogado;

    LXIV – o preso [EXCETO PETISTAS] tem direito à identificação dos responsáveis por sua prisão ou por seu interrogatório policial;

    LXV – a prisão ilegal será imediatamente relaxada pela autoridade judiciária [EXCETO A PRISÃO DE PETISTAS];

    LXVI – [EXCETO PETISTAS] ninguém será levado à prisão ou nela mantido, quando a lei admitir a liberdade provisória, com ou sem fiança;

    LXVII – não haverá prisão civil por dívida, salvo a do responsável pelo inadimplemento voluntário e inescusável de obrigação alimentícia e a do depositário infiel [E A DOS PETISTAS];

    LXVIII – conceder-se-á habeas-corpus sempre que alguém [EXCETO PETISTAS] sofrer ou se achar ameaçado de sofrer violência ou coação em sua liberdade de locomoção, por ilegalidade ou abuso de poder;

    LXIX – [EXCETO AOS PETISTAS] conceder-se-á mandado de segurança para proteger direito líquido e certo, não amparado por habeas-corpus ou habeas-data, quando o responsável pela ilegalidade ou abuso de poder for autoridade pública ou agente de pessoa jurídica no exercício de atribuições do Poder Público;

    LXX – o mandado de segurança coletivo pode ser impetrado por:

    a) partido político com representação no Congresso Nacional, EXCETO O PT;

    b) organização sindical, entidade de classe ou associação legalmente constituída e em funcionamento há pelo menos um ano, em defesa dos interesses de seus membros ou associados [EXCETUADAS AS CENTRAIS SINDICAIS, AS FEDERAÇÕES, AS ASSOCIAÇÕES E SINDICATOS DE TRABALHADORES];

    LXXI – [EXCETO AOS PETISTAS] conceder-se-á mandado de injunção sempre que a falta de norma regulamentadora torne inviável o exercício dos direitos e liberdades constitucionais e das prerrogativas inerentes à nacionalidade, à soberania e à cidadania;

    LXXII – [EXCETO AOS PETISTAS] conceder-se-á habeas-data:

    a) para assegurar o conhecimento de informações relativas à pessoa do impetrante, constantes de registros ou bancos de dados de entidades governamentais ou de caráter público;

    b) para a retificação de dados, quando não se prefira fazê-lo por processo sigiloso, judicial ou administrativo;

    LXXIII – qualquer cidadão [EXCETO PETISTAS] é parte legítima para propor ação popular que vise a anular ato lesivo ao patrimônio público ou de entidade de que o Estado participe, à moralidade administrativa, ao meio ambiente e ao patrimônio histórico e cultural, ficando o autor, salvo comprovada má-fé, isento de custas judiciais e do ônus da sucumbência;

    LXXIV – o Estado prestará assistência jurídica integral e gratuita aos que comprovarem insuficiência de recursos [EXCETO AOS PETISTAS];

    LXXV – o Estado indenizará o condenado [EXCETO OS PETISTAS] por erro judiciário, assim como o que ficar preso além do tempo fixado na sentença;

    LXXVI – são gratuitos para os reconhecidamente pobres [EXCETO OS PETISTAS], na forma da lei:

    a) o registro civil de nascimento;

    b) a certidão de óbito;

    LXXVII – [EXCETO AOS PETISTAS] são gratuitas as ações de habeas-corpus e habeas-data, e, na forma da lei, os atos necessários ao exercício da cidadania.

    § 1º. As normas definidoras dos direitos e garantias fundamentais têm aplicação imediata [EXCETO OS DIREITOS E GARANTIAS DOS PETISTAS].

    § 2º. Os direitos e garantias expressos nesta Constituição não excluem outros decorrentes do regime e dos princípios por ela adotados, ou dos tratados internacionais em que a República Federativa do Brasil seja parte. [REVOGADO!!!]

    http://www.dji.com.br/constituicao_federal/cf005.htm

    Sagarana

    10 de outubro de 2012 às 11h41

    Noosssaaaa, quem foi que escolheu esses “antipetistas” do STF?

    Mário SF Alves

    10 de outubro de 2012 às 13h37

    No “Brasil de Uns Poucos”, no Brasil da oligarquia USA-dependente, no Brasil da elite mais miserável do mundo, a regra é:
    .
    .
    Ao PT nada; direito/reconhecimento algum. Ao PT os rigores da lei (volúvel, conveniente e conivente de um estado camaleônico, travestido de estado de direito). Ao PT todo o ódio dos eternos subdesenvolvimentistas. Ao PT e aos brasileiros eternamente excluídos nada.
    .
    .
    Ufa! Ainda bem. Imagine se fosse o contrário.


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!