VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Denúncias

Deputados pedem ao MP-SP para apurar rombo de R$ 147,18 milhões nos hospitais gerenciados por OSS


27/06/2011 - 14h03

por Conceição Lemes

Os deputados estaduais João Paulo Rillo, Adriano Diogo e Hamilton Pereira (PT) entraram com representação no Ministério Público do Estado de São Paulo (MPE-SP), solicitando à Promotoria do Patrimônio Público e Social que apure as razões do rombo acumulado de R$ 147,18 milhões de 18 hospitais públicos paulistas gerenciados por Organizações Sociais de Saúde (OSS). A denúncia foi feita aqui pelo Viomundo.

Pedem também que, paralelamente, às investigações criminais feitas pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado, o Gaeco do MPE-SP, a Promotoria do Patrimônio Público e Social investigue atos de improbidade administrativa dos agentes públicos flagrados na Operação Hipócrates. Há indícios de fraudes em licitações e em plantões médicos no Conjunto Hospitalar Sorocaba (CHS) e em mais 11 hospitais do Estado, entre eles o Hospital Geral de Itapevi. Médicos, dentistas e funcionários administrativos recebiam sem trabalhar.

“As fraudes na saúde de Sorocaba ocorrem há mais de 10 anos. Porém, não são exclusivas da região. Esse esquema tem ramificações em todo o Estado de São Paulo”, denuncia o deputado Adriano Diogo. “E se isso acontece nos hospitais sob administração direta do Estado, que dirá nos gerenciados pelas OSS?! Neles a situação é mais grave, já que estão sem controle.”

“O que está acontecendo com as OSS é um descalabro”, continua. “Tudo o que não se pode fazer pela administração pública, como contrato sem licitação e sem fiscalização, é feito escancaradamente pelas OSS. Esse modelo desandou.”

“O poder legislativo, no qual eu me incluo, está sendo omisso em relação às OSS”,  acusa Adriano Diogo. “Nós não temos as prerrogativas de fiscalização dos promotores, mas alguma coisa precisa ser feita – e já. Queremos, por exemplo, que o MP faça o acompanhamento das execuções dos contratos de gestão das OSS a partir de 2008 e do esquema de Sorocaba a partir de 2005. Depois, cobre dos envolvidos em fraudes comprovadas o ressarcimento dos prejuízos causados ao erário púbico e à população, que ficou desassistida  pelos serviços de saúde.”

Íntegra da representação ao MP paulista

Últimas unidades

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



74 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Paulo Capel: As OSs vão continuar dando as cartas na saúde em SP? « Viomundo – O que você não vê na mídia

11 de dezembro de 2012 às 13h49

[…] Deputados pedem ao MP-SP para apurar rombo de R$ 147,18 milhões nos hospitais gerenciados por OSS […]

Responder

Para o bem da saúde pública dos paulistanos, Haddad precisa abrir a caixa-preta das OSs « Viomundo – O que você não vê na mídia

30 de outubro de 2012 às 21h08

[…] Deputados pedem ao MP-SP para apurar rombo de R$ 147,18 milhões nos hospitais gerenciados por OSS […]

Responder

Dilson Luiz Ferreira

10 de julho de 2011 às 23h03

Aqui no Tocantins estão querendo terceirizar a saúde e sabe quem eles(governo) estão querendo contrar; as OSS aí de São Paulo, estão dizendo que a saúde aqui está em calamidade Pública, mas o povo daqui desconhece como opera as OSS, deficitárias, gostaria que o Azenha fizesse uma reportagem aqui no Tocantins sobre as OSS que eles estão querendo enfiar guela abaixo do povo sofrido do Tocantins

Responder

GilTeixeira

29 de junho de 2011 às 07h18

Se fosse o PSOL, PSTU ou PT e teria certeza da pronta ação do MP. Mas com o PSDemB não espero nem sentado.

Responder

yacov

28 de junho de 2011 às 22h15

Me pergunto se o ressarcimento dos prejuízos causados aos hospitais públicos privatizados de São Paulo, incluem ressuscitar aqueles que morreram nas filas à espera de um médico que recebia para não atendê-los????

"O BRASIL PARA TODOS não passa na glOBo – O que passa na glOBo é um braZil para TOLOS"

Responder

    Aline Pernambuco

    03 de julho de 2011 às 23h10

    Yacov, eis a pergunta mais importante. Infelizmente , outros morrerão. e muitos.

ZePovinho

28 de junho de 2011 às 16h17

Da série APARELHAMENTO DO ESTADO:

"NÓS NÃO EXIGIMOS CARGOS;EXIGIMOS COMPETÊNCIA"(adágio fecal de recente propaganda política do PSDB)
http://osamigosdobrasil.com.br/2011/06/28/aecio-p

Aécio pendura mais um tucano desempregado de Mato Grosso na conta do contribuinte mineiro

Terça-feira 28, junho 2011

O consumidor mineiro da CEMIG que paga sua conta de luz e impostos com o suor do seu trabalho está sendo obrigado a sustentar um político tucano desempregado pelo povo Mato Grosso. O ex-prefeito de Cuiabá, Wilson Santos (PSDB/MG), perdeu as eleições para governador de Mato Grosso em 2010, mas ganhou a boquinha de consultor na estrutura da estatal CEMIG (Centrais Elétricas de Minas Gerais), alojado no Conselho Consultivo da Taesa – Transmissora Aliança de Energia Elétrica S.A. (Controlada pela CEMIG). O convite para o cargo teve o apadrinhamento do senador Aécio Neves (PSDB/MG) e do governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, ambos do PSDB. Desta forma, Aécio Neves repete a fórmula utilizada por José Serra (PSDB/SP), quando era governador de São Paulo, de nomear “companheiros” desempregados do Brasil inteiro, em troca do apoio para sua candidatura a presidência em 2010. Santos confirmou que o povo de Minas Gerais lhe paga um salário de… ……………………………..

Eita!!!O "cumpanheiro" do asprirador de pó de Minas vai se deleitar!!!!!!!!!!!

Responder

Antonio

28 de junho de 2011 às 11h44

Demorou para o PT de São Paulo se mexer um pouco. Os tucanos estão há 16 anos detonando nosso Estado e só agora os caras acordaram. Antes tarde do que nunca. Parece até que o PT de SP é do PSDB, ou melhor, ganha do PSDB para não se opor às barbaridades que eles fazem aqui.

Responder

    André Guimarães

    28 de junho de 2011 às 13h01

    Vão tomar mais uma surra aqui. Vão escalar para ser o sparring do Xuxu?

    Panambi

    28 de junho de 2011 às 14h08

    O povo paulista – ninguém tira isto deles!

strupicio

28 de junho de 2011 às 10h57

Saber é foder
Surpresa porque o ônibus acabava de passar direto pelo ponto em que pretendia descer e indignada porque teria de andar um bom trecho a pé com as mãos cheias de sacolas, a senhora indagou: “Ué, esse ônibus não pára mais em frente ao metrô?” De ombros encolhidos e com o olhar desapossado, apontando para o nada, emendou o cobrador: “É, já faz uma semana. Esses caras estuda, estuda, estuda… e só fode com a vida da gente.” Passa Palavra

Responder

    damastor dagobé

    28 de junho de 2011 às 16h32

    Num sistema de debates mais consequente, mais abrangente, e nao no mero nivel de fofocas, chistes e boutades que se vê por toda parte, uma das questões a ser discutida com seriedade seria essa, colocada como blague pelo comentarista; a questão do papel dos beneficiados de nosso sistema de ensino, do produto
    da maquina academica; como profissionais universitarios, e idiot-savants em geral, se relacionam com o povo; seria bom lembrar que esse choque, esse conflito potencialmente venenoso ja esteve na base de fenomenos de radicalismos politico terriveis no seculo XX; a profunda rejeição a tudo que cheire a universidade e educação; a revolução cultural que foi uma revolução dentro da revolução chinesa, o horror do khmer vermelho no Camboja, a ação enlouquecida do Sendero Luminoso..entra outros.
    Acho que esse é um foco de conflito social muito negligenciado pelo debate geral; e de absoluta urgencia
    para uma correção de rumos na vida social em todo o mundo.

    tião medonho

    28 de junho de 2011 às 17h26

    na mosca..se vc pensa no que fazem medicos, advogados, jornalistas, psiquiatras, dentistas…
    não dá para ser otimista com essa questão de jeito nenhum…

Aline C Pavia

28 de junho de 2011 às 10h56

Vocês já querem escolher o sabor da pizza?
Em Taubaté e Campinas também teremos farta distribuição de pizzas.
Servimos bem para servir sempre.

Responder

    rodrigo.aft

    28 de junho de 2011 às 12h49

    Aline,

    na mesma toada, "Obrigado pela preferência e volte sempre". rsrs

    (não usando de tanta ironia, coloquei, mais abaixo, como comentário ao ótimo trabalho da C. Lemes, o q dá vontade de fazer: "ou então, de uma maneira mais drástica, vamos ter q começar espancar (metaforicamente falando… rsrs) político em tudo qto é lugar pra ver se alguns começam criar vergonha na cara e tiram o país dessa rota de colapso.
    se deixar por conta deles, sem pressão popular, é tudo q eles querem da vida"!!!)

Guilherme Milani

28 de junho de 2011 às 10h24

Fraudes como estas se repetirão aos montes, agora amparadas pela famigerada LEI 12.403/2011, aprovada pelo CONGRESSO NACIONAL e sancionada em 05/05/2011 pela Presidenta DILMA ROUSSEFF e pelo Ministro da Justiça JOSÉ EDUARDO CARDOZO. Decepção é a palavra mais educada que posso utilizar nesse momento…
http://forum.antinovaordemmundial.com/Topico-pol%

Responder

ZePovinho

28 de junho de 2011 às 10h23

http://www.conversaafiada.com.br/economia/2011/06

Reforma tributária, sim ! Mas, quem vai pagar a conta ?

O Conversa Afiada recomenda a leitura de artigo do Vladimir Safatle, na pág. 2 da Folha (*):

Alguns trechos:

Ricos pagam pouco

Há alguns dias, uma pesquisa veio mostrar o que todos aqueles que realmente se preocupam com reforma tributária no Brasil sabem: os ricos pagam pouco imposto.

Quem recebe R$ 3.300 por mês, leva para casa, descontados Imposto de Renda e Previdência, 84% do seu salário. Já alguém que ganha R$ 26.600 por mês, leva 74%.

Um profissional holandês, por exemplo, pode contar apenas com 55% de seu salário, e mesmo um norte-americano traz para casa menos que um brasileiro: 70%.

Dentro de alguns anos, a chamada nova classe média descobrirá que não conseguirá mais continuar sua ascensão social. Entre outras coisas, ela tomará consciência de como seu orçamento é brutalmente corroído por despesas com educação e saúde.

Um Estado preocupado com seu povo taxaria os ricos e as grandes fortunas a fim de ter dinheiro suficiente para criar um verdadeiro sistema público de educação e saúde.

Costuma-se dizer que uma das maiores astúcias do Diabo é nos convencer de que ele não existe. Uma das maiores astúcias do discurso conservador é nos convencer, diante de dados dessa natureza, de que conflito de classe é um delírio de esquerdista centenário.

Responder

ZePovinho

28 de junho de 2011 às 10h17

Passamos anos ouvindo a lenga-lenga do chamado "Custo Brasil".Vamos,com o aumento da liberdade de expressão(que é muito maior do que a liberdade de imprensa dos donos da imprensa),começando a ver que uma grande parte do chamado "Custo Brasil" é o custo das margens de lucro dessas empresas protegidas da concorrência porque têm acesso privilegiado às verbas públicas:

"….Que o preço dos automóveis no Brasil é mais alto – e um dos mais altos do mundo – não por uma carga tributária elevada apenas, ou dos encargos trabalhistas – mas porque as margens de lucro das montadoras são muito maiores, aqui, do que em outras partes do planeta.Isto é, que o nome “custo Brasil” camufla, na verdade, outro: o “Lucro Brasil”.
http://www.tijolaco.com/demorou-uol-descobre-que-

Demorou: UOL descobre que “custo Brasil” é o lucro.

O jornalista Joel Silveira Leite prestou um imenso serviço ao jornalismo hoje, em sua coluna “Mundo em Movimento“, no UOL.

Escreveu o que centenas de jornalistas das editorias de economia não escrevem, às vezes nem por censura, mas pelo hábito de repetir, sem pensar, o que lhe dizem empresários, banqueiros e homens do “mercado”, como se fosse apenas transcrever ou propagandear o que estes falam.

Leite vai a um tema sobre o qual muita gente sabe e quase ninguém escreve.

Que o preço dos automóveis no Brasil é mais alto – e um dos mais altos do mundo – não por uma carga tributária elevada apenas, ou dos encargos trabalhistas – mas porque as margens de lucro das montadoras é muito maior aqui do que em outras partes do planeta.

Isto é, que o nome “custo Brasil” camufla, na verdade, outro: o “Lucro Brasil”.

Ele conta que as montadoras no Brasil têm uma margem de lucro muito maior do que em outros países, citando uma pesquisa feita pelo banco de investimento Morgan Stanley, da Inglaterra, e diz que elas respondem por boa parte do lucro mundial das suas matrizes.

As editorias de economia da grande imprensa, quando decidem usar a reconhecida capacidade de suas dezenas de profissionais, desempenham um papel fundamental na informação da sociedade.

Exatamente o que tinha sido apontado aqui, recentemente, quando afirmamos que os lucros da Fiat aqui no Brasil (e na América Latina) haviam ajudado a empresa a pagar parte da dívida da Chrysler com os governos americano e canadense, pela injeção de dinheiro para que esta não falisse, na crise de 2008.

Joel Leite usa um exemplo de um modelo da Honda que, sem considerar os impostos, dá a montadora um “lucro extra” (extra, porque sua margem de lucro “normal” já está embutida no preço de venda mexicano) de R$ 15.518,00 sobre os R$ 56.210,00 por que é vendido no Brasil, embora a versão vendida no México tenha muito mais equipamentos de segurança e acessórios.
“Será possível que a montadora tenha um lucro adicional de R$ 15,5 mil num carro desses? O que a Honda fala sobre isso? Nada. Consultada, a montadora apenas diz que a empresa “não fala sobre o assunto”. “

Mas o analista Adam Jonas, responsável pela pesquisa do Morgan Stanley fala, e diz que “no geral, a margem de lucro das montadoras no Brasil chega a ser três vezes maior que a de outros países”.

A reportagem de Joel Leite é a primeira de uma série que promete muita informação. Merecidamente, era a manchete de hoje de manhã no UOL.

Você pode conferir aqui.

Responder

    Marcelo de Matos

    28 de junho de 2011 às 10h25

    Não adianta. O Jornal Nacional vai continuar mostrando o "Impostômetro" e nem vai dar bola para essa matéria.

Marcelo de Matos

28 de junho de 2011 às 09h48

Entre os casos Palocci e Pagura há semelhanças e diferenças, mormente no que se refere ao conceito midiático de moralidade. Ambos são médicos e eram responsáveis por órgãos governamentais, um do PT e outro do PSDB. Ambos pediram exoneração. O crime de Palocci foi enriquecer em um país de capitalismo ascendente; o de Pagura deveria ser considerado mais grave: enriquecer sem trabalhar, no mesmo país. Na verdade, Pagura trabalha em sua clínica particular, a qual mantém convênio com várias estatais, mas, não no hospital público de Sorocaba, onde alguém marcava irregularmente seu ponto. Que dirão os órgãos da sociedade civil, como a OAB, que sempre se arvora em defensora da moralidade? E o Conselho Regional de Medicina? E as estatais que mantêm convênio como do doutor? Palocci terá de se afastar do trabalho por mais 4 meses, período legal de quarentena para quem deixa o governo. E Pagura? E a clínica predileta dos funcionários de estatais paulistas?

Responder

ZePovinho

28 de junho de 2011 às 09h04

É impressionante e eficiência da iniciativa privada em saquear o bolso do indivíduo racional, que não pode escolher outras estradas para andar porque as empresas capturaram o Estado:
http://osamigosdobrasil.com.br/2011/06/28/psdb-tr

PSDB trabalhando para você: Quem for viajar de São Paulo até Araçatuba gastará R$ 65,20 de pedágio em 12 cabines

Terça-feira 28, junho 2011

Pedágio mais caro do que viajar de avião: De avião, você poderia adquirir uma passagem de ida e volta por R$ 250. Se fizesse o trajeto de ônibus, despenderia com a passagem R$ 97,40. O governo de SP Geraldo Alckmin (PSDB) anunciou ontem os novos valores das tarifas de pedágio nas rodovias, com reajustes que variam de 3,7% a 12%, e que entram em vigor em 1º de julho.Com o aumento, um motorista que viajar de São Paulo até Araçatuba gastará R$ 65,20 de pedágio em 12 cabines. Hoje gasta R$ 59,80. De avião, ele poderia adquirir uma passagem de ida e volta por R$ 250. Se fizesse o trajeto de ônibus, despenderia com a passagem R$ 97,40. A tarifa mais cara continua sendo a do sistema Anchieta-Imigrantes, que passará de R$ 18,50 para R$ 20,10. Os contratos antigos, assinados de 1998 a 2000, têm como base o IGP-M (Índice Geral de Preços-Mercado) e suas tarifas serão reajustadas em 9,77%. Já para os firmados depois, que usam o IPCA (Índice… …………………………………..

Responder

RODRIGO

28 de junho de 2011 às 08h40

Não acho os deputados inocentes, no fundo sabem que o MP não investigará, mas é papel deles provocar o MP, para deixar mais claro ainda que o MP é um braço armado dos PSDB. Assim como os blogues progressistas fazem um levante contra o PIG, (sabendo que o PIG não vai mudar) os deputados devem fazer o mesmo contra o aparelho do PSDB.
ABRAÇO

Responder

Yarus

28 de junho de 2011 às 06h12

Agora vai!

Governo de São Paulo anuncia novos valores de pedágios

O governo de São Paulo divulgou nesta segunda-feira os novos valores que serão cobrados em pedágios nas rodovias privatizadas do estado a partir do dia 1º de julho. Para estipular o aumento foram usados dois indexadores: o IGP-M (Índice Geral de Preços ao Mercado) e o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo).

O primeiro indexador foi aplicado nos pedágios das praças cujas concessões foram assinadas entre 1998 e 200, sendo que o reajuste foi de 9,77%. Fazem parte desse grupo as rodovias Anchieta, Anhanguera, Bandeirantes, Castello Branco, dos Imigrantes, parte da Raposo Tavares e Washington Luís, entre outras.

O IPCA foi aplicado em pedágios cujos contratos foram assinados a partir de 2008 e o reajuste ficou em 6,55%. Nessa situação estão as rodovias Ayrton Senna, Carvalho Pinto, Dom Pedro I e parte da Raposo Tavares.
Os valores são arredondados sempre na casa dos R$ 0,10 e a maior tarifa de pedágio do Estado será de R$ 20,10, cobrada na rodovia dos Imigrantes, que liga a capital à Baixada Santista. http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/sp/governo+

Responder

operantelivre

28 de junho de 2011 às 00h36

Que Mistério Público é esse!!!!!!!!
Ou é Público Privado?

Responder

Lucas

27 de junho de 2011 às 23h53

Azenha, tava demorando.. o PTB convidou Ronaldo para sair candidato ao Senado em 2012!
. http://desatualidadescronicas.blogspot.com/2011/0

Responder

aurica_sp

27 de junho de 2011 às 23h37

Posso rir antes. O MP(SDB) de SP investigar…. creio que é só para fazer média. Não sairá do papel aguardemos.

Responder

monge scéptico

27 de junho de 2011 às 21h43

Vamos aguardar que a" investigação" dê frutos. Se der e os responsáveis explicarem
como e quem arrombou o caixa dessa maracutaia, valeria ver alguém na cadeia.héhéhé!
Vamos investigar tudo e prender todo mundo.

Responder

Tarso

27 de junho de 2011 às 21h31

O MP de São Paulo é eficiente na tentativa de impugnação de candidatua de deputado que recebeu mais de um milhão de votos. Agora, uma besteira dessas, rombo de 147 milhões? Esquece!

Responder

    Panambi

    28 de junho de 2011 às 07h50

    Investigação em SP, contra governos do PSDB? Como você disse, e disse bem, ESQUECE!

nelson freitas

27 de junho de 2011 às 21h12

Estes deputados parece que não conhecem o ministério público paulista, kkkkkkkkkkkk, MP de SP investigar tucanos, kkkkkkkkkkk, estes deputados acreditam em duendes??? O MP paulista gosta de investigar a morte de Celso Daniel, kkkkkkkk. Estes deputados são uns gozadores, pedem para o MP paulista investigar o rombo de 147 bilhões nos hospitais paulistas, é muito engraçado, kkkkkkkk. Peçam também deputados para o MP paulista investigar o metrô, o roubanel, os pedágios, a publicidade dos governos tucanos, kkkkkkk, vai ser uma piada, MP paulista, kkkkkkkkk.

Responder

    Panambi

    28 de junho de 2011 às 07h52

    Triste mas é verdade, kkkkkkk.

Nilton

27 de junho de 2011 às 20h15

Nem o Rodrigo acredita que o MP de São Paulo investigue os Tucanos hehehehehehe

Responder

betinho2

27 de junho de 2011 às 19h30

Sensacional….rsrsrs
"No Reino da Cornualha, a triste história de Fernandus, de Príncipis a Cornus" http://blogdomello.blogspot.com/2011/06/no-reino-

Responder

    kecmaster

    27 de junho de 2011 às 20h34

    Du canário est.
    Show de bola.

Fabio_Passos

27 de junho de 2011 às 19h16

Os tucanos privatizando até a saúde… e deixando um cenário de terra arrasada, como de costume.

Já não basta os serviços péssimos e caros de infra-estrutura?
Legado maldito da direita neoliberal e incompetente

Agora os abutres avançam sobre a saúde.

Não há limites para a ganância e a roubalheira privata?

Responder

Luciano Prado

27 de junho de 2011 às 18h47

Kakakakakakakakaka!!!

Ministério Público estadual de São Paulo?

Kakakakakakakakakak!!!!

Conta outra…

MP paulista é peça decorativa. Serve para enfeitar o pavão e, por omissão, esconder os malfeitos dos governos demotucanos.

Responder

ZePovinho

27 de junho de 2011 às 18h43

E ainda tem gente que apóia,no STF,que o ex-governador da Paraíba Cássio Cunha Lima(PSDB-PB),companheiro de Aécio Neves(PSDB-MG) em negócios com aspiradores de pó,passe a ser senador da República:
http://www.portalcorreio.com.br/noticias/matler.a

Exclusivo: Cássio desapropriou área envolvida em transação de shopping e pagou 2,6 mi a Grupo São Braz

Eduardo Carlos
Representante do grupo São Braz que recebeu R$ 2,6 milhões

O terreno localizado no Ernesto Geisel, em João Pessoa, envolvido nas negociações entre Governo do Estado e empresa Futura (formado por Atacadão dos Eletros e Manaíra Shopping) foi desapropriado em 2008 pelo então governador Cássio Cunha Lima. A área pertencia ao Grupo São Braz, que foi indenizado com R$ 2,630 milhões.

A indenização foi paga com recursos do Fundo de Apoio ao Desenvolvimento Industrial da Paraíba (Fain) para a construção – via Cinep, a companhia de industrialização do Estado – de um showroom para apoio de empresas paraibanas.

A obra nunca saiu do papel.

A informação foi revelada hoje pelo presidente do Conselho de Corretores de Imóveis da Paraíba, Rômulo Soares, em entrevista ao Correio Debate, da Correio Sat.

Soares disse que o Fain vendeu área para a empresa Futura em 23 de julho de 2008, 35 dias após a desapropriação, por R$ 2,650 milhões – R$ 20 mil a mais do que pagou ao Grupo São Braz.

A transação foi parcelada em 72 meses. O contrato previa que, em caso de inadimplência por três meses, o Estado teria direito a reaver a posse.

“Não tenho informação sobre se ocorreu inadimplência, o que provocaria a perda de posse”, disse Soares.

A área tem sido avaliada em aproximadamente R$ 13 milhões pelos empresários da Futura, que desejam permutá-lo por terreno onde hoje funciona a Academia de Polícia em Mangabeira. No local planejam construir um shopping – um investimento calculado em R$ 200 milhões.

Adriana Bezerra e Felipe Silveira

Responder

ZePovinho

27 de junho de 2011 às 18h34

É impressionante a eficiência da iniciativa privada no atendimento das demandas dos indivíduos racionais………

Responder

Zé Fake

27 de junho de 2011 às 18h13

É lógico que não se espera NADA do MP paulista, por isso o que os deputados deveRIAm fazer é ficar pressionando, cobrando, por todos os meios possíveis: falar disso sempre nos discursos na Assembleia, espalhar pelos blogs, Twitter, Facebook, Orkut, o escambau a quatro, que uma hora isso fura o bloqueio do PIG. Alguém aí acha que os deputados vão manter a pressão ? Amanhã já esqueceram do assunto…infelizmente assim é a oposição aos tucanos em SP, medíocre, preguiçosa e desinteressada.

Responder

filho

27 de junho de 2011 às 18h03

Podem desistir ,o MP de São Paulo é tucano desde sempre. Não vão fazer nada, escrevam.

Responder

emdefesadaeducacao

27 de junho de 2011 às 17h25

Médicos que recebem sem trabalhar é algo comum, corriqueiro no complexo HC, em geral, boa parte dos chamados titulares e assistentes deixam tudo nas mãos dos residentes e internos, que ligam para os chamados titulares e assistentes em casos que eles não conseguem resolver de forma alguma. A questão é: na maioria das vezes o sujeito (os chamados titulares e assistentes) deveria estar nalguma das unidades do complexo HC num determinado horário e dia, visto que recebe por isso, mas não está; às vezes, acontece até de ele estar dando plantão num hospitla particular!

Responder

Ana Maria

27 de junho de 2011 às 17h17

Se não contarmos com os blogs progressistas para denunciar as sujeiras do governo de SP vamos contar com quem?????Com o pig??????espera sentado que de pé cansa.
O pig faz a parte em que são especialistas que é difamar . mentir, etc….. afinal, são golpistas .
Quanto MP de SP mesmo não investigando nada sobre o governo de SP eles tem que ser acionados constantemente pois, água mole em pedra dura tanto bate até que fura.

Responder

João PR

27 de junho de 2011 às 17h01

O MP deveria investigar, também, aquele conselheiro do Tribunal de Contas/SP (não me lembro o nome) que é mais sujo que pau de galinheiro.
MAS, como não acredito em duende, acho que o MP paulista vai investigar, investigar, investigar, e não achar nada.

Responder

Avelino

27 de junho de 2011 às 16h55

Caro Azenha
Finalmente o PT parece que está acordando. Durante as eleições também não foi dito que mais de R$ 100 milhões enviado para a saude pública tinha ido para o mercado financeiro?! Parou nisso?!
Saudações

Responder

André Guimarães

27 de junho de 2011 às 16h16

Esse dinheiro é troco pra quadrilha dos 40… surto moral de petista?? contra ou rapaz…

O grande mensalão, foi a mãe e o pai de todas as corrupções… vocês não têm moral pra cobrar honestidade de ninguém..

Por que não vão atrás dos bilhões desviados pelo mansalão da SOC??

Ourtra coisa… e essa bandalheira da copa??? não vai falar nada… isso foi coisa da cabeça do megalomaníaco do Lula… cobrem dele…

Responder

    Ricardo

    27 de junho de 2011 às 17h25

    Pelo Sr. não vamos investigar nada porque o PT um dia errou.
    e o rodoanel e Paulo Preto fica tudo de graça.
    Um abraço
    Ricardo

    M. S. Romares

    27 de junho de 2011 às 22h32

    Mister smith??

    Panambi

    28 de junho de 2011 às 07h54

    Primo burro do Eduardo Guimarães??

    Aline C Pavia

    28 de junho de 2011 às 10h53

    Como sempre, não responde ao assunto e usa nome falso.
    Troll dá até pena na gente.

Waldir Ferreira

27 de junho de 2011 às 15h55

Mp no pé dos TUcanalhos???
conta outra!!!!!!

Responder

@hugohagogo

27 de junho de 2011 às 15h44

MPE-SP investigar possíveis ilícitos em São Paulo? Vão fazer cara de paisagem e não vão se mexer para nada. Afinal para que serve mesmo o MP de São Paulo?

Responder

ricardo silveira

27 de junho de 2011 às 15h34

Ministério Público de São Paulo investigar os tucanos, é? Então tá bom. Vai indo que eu não vou.

Responder

Marcelo de Matos

27 de junho de 2011 às 15h33

Estive viajando e nem sei se apareceu aqui no Viomundo a foto do Dr. Pagura, aquele que recebia sem trabalhar em um hospital de Sorocaba. O que sei é que o site de sua clínica neurológica continua a exibir os convênios da entidade. Ali estão órgãos públicos como Petrobrás, Sabesp, Cetesb, Cesp, CET, Correios, Prodesp, SPTrans, Unafisco, sem contar dezenas de empresas particulares. Não seria o caso de, pelo menos, algum descredenciamentozinho? E por que será que o personagem está sendo tão poupado?

Responder

    Marcelo de Matos

    27 de junho de 2011 às 17h13

    Complementando. O que será que o Hospital Albert Einstein tem a dizer sobre seu funcionário, o Dr. Pagura? Será que acham normal receber sem trabalhar, ainda mais de um hospital que atende o povão, como esse de Sorocaba?

Emília

27 de junho de 2011 às 15h05

O Ministério Público de São Paulo investiga tanto quanto eu que vivo no Ceará. Só pode ser piada, e como boa cearense, vou rir. kakakaka

Responder

Rodrigo Leme

27 de junho de 2011 às 15h03

Eu sei que pelo menos um hosppital de OSS recebeu blitz da secretaria durante o feriado. Então não procede a versão de "ser omisso" do deputado petista.

Sempre a tabelinha: blog "progressista" publica denúncia contra governo – não petista, claro – e deputados do PT, claro, montam pedido de CPI…haja coincidência.

Não que não ache que coisas como essa não devam ser investigadas, mas quem fala de "parcialidade" da grande mídia são as mesmas pessoas que não tem o mesmo ímpeto investigativo em governos petistas. Como no caso do filho de FHC, cada mídia fala o que lhe interessa: seja a grande ou a autoproclamada progressista.

Responder

    Leider_Lincoln

    27 de junho de 2011 às 15h50

    Nossaaaaaaaaaaaaaaa… Então a imprensa progressista investiga e os deputados, que a priori devem legislar, vão conferir? Que horror, hein Jênio? Uma imprensa alternativa que investiga e reúne provas e evidências e uma oposição que tira satisfações? Um horor, não é mesmo!?!

    rodrigo.aft

    27 de junho de 2011 às 16h41

    Leider,

    tbém não entendi se o RL estava contra os blogs progressistas, contra a blitz, contra a C. Lemes ou contra todo mundo?!?!?!

    então não deve ter denúncia, não deve ter blitz, não deve ter CPI, muito menos pedidos pela oposição…

    o fato do Tietê (e Pinheiros) transbordarem por falta de dragagem tbém não deveria ter sido mencionado…

    o fato da Sabesp fazer barberagem técnica no Jardim Romano, Vila Júlia, Franco da Rocha e nos reservatórios (TERCEIRIZADOS), aqui denunciados, e para finalizar, São Luiz do Paraitinga tbém não teve problema nenhum, tanto q ;érra queria manter o carnaval (isso q é jestão… rsrs)…

    concluindo, deve haver desvios nos serviços públicos e ninguém deveria falar nada, muito menos dununciar… é isso?

    Rodrigo

    27 de junho de 2011 às 16h58

    Não entendeu pq não quis: "Não que não ache que coisas como essa não devam ser investigadas…"

    O assunto nunca foi que o assunto não deve ser investigado, mas o 2 pesos 2 medidas que se aplica qdo a denúncia interessa ao PT e quando é contra o PT.

    Se essa imprensa é considerada "alternativa" pq ela é um PIG com sinal invertido aí vou concordar com a denominação.

    Edfg.

    27 de junho de 2011 às 18h11

    Xeque-mate.

    Leider_Lincoln

    27 de junho de 2011 às 19h14

    Leia meu comentário acima. Ele responde a sua dúvida…

    rodrigo.aft

    28 de junho de 2011 às 10h58

    Rodrigo Leme,

    eu, particularmente, não acoberto nada, pois além da vertente social, tenho uma forte tendência iconoclasta e anarquista, então, para mim, pisou fora, RUAAAAA (além de cobrar o ressarcimento do prejuizo, lógico!) com o agente público, seja "companheiro" ou não, seja figurão ou não, seja empresário ou não.

    vou reproduzir um trecho q postei no EduGuim para vc ver q não sou complascente com coisa nenhuma… dinheiro público é SAGRADO, mas só será respeitado se a população fizer uma marcação pressão, homem a homem O TEMPO TODO SOBRE OS AGENTES PÚBLICOS (economia mista, executivo, legislativo e judiciário – PRINCIPALMENTE O JUDICIÁRIO).

    o povo deu mole, começam a pipocar máfias em todas instâncias de governo (união, estado, município; empresas mistas, legislativo, executivo, judiciário)… É CERTO COMO 2 E 2 SÃO QUATRO, e para q fique bem claro, existem máfias de esquerda e de direita – até nos sindicatos.
    as pessoas (agentes públicos) honestas e íntegras são escamoteadas, ameaçados, pelos mafiosos no serviço público, pois estes usam todos os meios (eu disse TODOS OS MEIOS) para fazer seu "trabalho", atigir seus "objetivos" (sempre contra a maioria da sociedade, lógico!).

    do EduGuim
    —————————————————————————–
    muito bem lembrado o q vc comentou, e vou ser sincero logo de cara:
    – primeiro, interessa população burra (sem senso crítico, não sem educação formal) para todos tipos de governos (inclusive os de esquerda) e,
    – segundo, interessa transformar a política em algo emotivo, irracional, como a religião, e não num debate racional e lógico…
    ou vc é de esquerda incondicionalmente e acoberta todas cagadas, desvios de conduta e falcatruas em nome da “unidade de esquerda contra a direita corrupta e os ataques do pig”… (rsrs) ou vc, logo de cara, é taxado de “direita” e “troll” (mesmo q vc jure e prove ser de esquerda e ter bases sólidas para seu argumento) por criticar, com razão, eventuais desvios dos companheiros de “esquerda”.

    esse maniqueísmo e reducionismo é para afastar qquer pensamento “fora da caixa”, e prestigia, quase sempre, a política PERSONALISTA (os tais do “expoentes” do partido, não a política IDEOLÓGICA, que contempla as diretrizes de atuação e correção de rumos do partido como um todo) como seria o correto.

    OU VC ESTÁ CONOSCO OU CONTRA NÓS!
    (ou seja, a arte de DESQUALIFICAR seu interlocutor sem entrar no mérito dos argumentos)

    voltando mais diretamente ao q vc comentou, o setor de comunicação do governo está apostando uma corrida usando um fusca contra um carro biturbo, com intercooler e 16 válvulas usado pela oposição.
    esse know-how midiático é em parte fornecido pelo lobby sionista q domina a grande e significativa maioria dos meios de comunicação… toneladas e toneladas de psicologia aplicada para manter os cidadãos “ocupados e inofensiovos” ao establishment, pensando ter sua própria vida.

    a oposição (apesar da pobreza de fatos e argumentos) pauta sistematicamente o noticiário, papel q deveria ser do governo, se usasse corretamente a rede brasil, o site do planalto, um tal de porta voz da presidência e… e… e se fornecesse um “realese” de atividades e disponibilizasse entrevistas dos ministros e funcionários de 1o. escalão ao blogs “sujos”, tudo em sincronia com as lideranças política e institucional.

    pronto! a oposição ficaria paralizada e a mídia teria de se “abastecer” de notícias junto ao governo e aos blogs “sujos” (nossa… eu ADORARIA ver essa cena… rsrs).

    comunicacão (INFORMAÇÃO E CONTRA-INFORMAÇÃO) é um jogo de xadrez, que se joga prevendo vários lances à frente da movimentação atual… não é lugar para ingênuos ou amadores, eventualmente até bem intencionados.
    —————————————————————————–
    Rodrigo Leme, da outra vez, não precisa se preocupar com minha isenção, mas vamos debater argumentos consistentes, não estereótipos.

    Rodrigo

    27 de junho de 2011 às 16h56

    Hahaaha, é justamente disso que estou falando. Qdo a imprensa "inimiga" denuncia petista e a oposição faz papel de, bem, opoisção, essas páginas de comentários são recheadas de "relações imundas entre imprensa e oposição". Agora, denúncia contra PSDB seguida de ação de petistas é considerado virtuoso.

    Obrigado por provar o ponto.

    Leider_Lincoln

    27 de junho de 2011 às 19h13

    O problema, caro jênio, é que a grande imprensa mente descaradamente, manipula, engana. Para provar que eu estou errado, me mande o "grampo" que a Veja denunciou que foi feito no gabinete do Gilmar Dantas, o número da conta do Lula nas Cayman ou prova de que as FARC financiaram a campanha do Lula, que tal? E isso para ficar somente na Globo…

    Panambi

    28 de junho de 2011 às 08h00

    Caro Leider, este cara é Troll-lo-ló puro, 100% bico grande. Não adianta gastar argumentos com discípulos do Reinaldo Azevedo….

    Rodrigo Leme

    28 de junho de 2011 às 08h16

    Então me mostre a comprovação de que as pesquisas de voto ano pasado foram fraudadas, visto que o resultado das urnas depois confirmou as mesmas, como foi amplamente divulgado pelos "progressistas" (claro, poupando o Vox Populi, pois o Marcos Coimbra é da "tchurma").

    Não adianta, você vai defender sempre quem diz o que você ouvir. É justo.

betinho2

27 de junho de 2011 às 14h52

Foi necessário a Conceição Leme (a quem parabenizo novamente) fazer a excelente reportagem/investigação para que o PT de São Paulo acordasse e se coçasse.
Tá na hora de fechar o ralo sumidouro do dinheiro da saúde de Sampa e meter os ratos na ratoeira, de ex e atual governador pra baixo.

Responder

    Radamés A. P. Silva

    27 de junho de 2011 às 16h06

    A operação do Gaeco e do Ministério Público de São Paulo no Conjunto Hospitalar de Sorocaba foi a partir denuncia em agosto do ano passado quando Carlos Neder (PT-SP), no exercício do mandato de deputado estadual, revelou irregularidades graves na dinâmica do complexo hospitalar de Sorocaba. A principal denúncia se referia à utilização imprópria de dinheiro público. http://www.carlosneder.com.br/site/noticias-integ

    betinho2

    27 de junho de 2011 às 17h18

    Radamés
    De qualquer maneira informação ao público tem um enorme peso. E reportagem da Conceição diz respeito ao rombo de 147 milhões. Se o PT não tem como divulgar suas ações, por blindagem do PIG, que aja e passe cópia aos blogs, para que possamos estar informados , formar opinião e divulgar.
    Abc.

    betinho2

    27 de junho de 2011 às 17h33

    Radamés
    Um adendo: Atente que na representação acima está citada a reportagem da Conceição Leme. Mérito a quem tenha.

rodrigo.aft

27 de junho de 2011 às 14h51

Eita Conceição Lemes,

Congrats! (melhor ainda, traduzindo, P-A-R-A-B-É-N-S-!-!-!)

vamos ver se isso vira alguma coisa… aqui do meu canto, torcendo para a denúncia vingar…

senão, vamos todo(as) sair cantando Furacão 2000 (Tá Tudo Dominado):

Geral! Geral!
Porque!
Tá dominado
Tá tudo dominado
( Eu quero ouvir vocês! )
( Mais uma vez )
Tá dominado
Tá tudo dominado (rsrs)

ou então, de uma maneira mais drástica, vamos ter q começar espancar (metaforicamente falando… rsrs) político em tudo qto é lugar pra ver se alguns começam criar vergonha na cara e tiram o país dessa rota de colapso.
se deixar por conta deles, sem pressão popular, é tudo q eles querem da vida!!!

Responder

betinho2

27 de junho de 2011 às 14h46

Azenha/Conceição

Fora de pauta, achei impressionante essa reportagem da Aljazeera feita em Belém. Vale um artigo.
http://english.aljazeera.net/programmes/2011/05/2

Responder

Paulo Villas

27 de junho de 2011 às 14h26

Pedir ao MP de São Paulo para investigar ações do executivo . Quanta inocência , esperem sentados!

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.