PATROCINE O VIOMUNDO

SOMOS 31.817 FAÇA PARTE !

O projeto de Kassab para o centro de SP e a Favela do Moinho

publicado em 9 de janeiro de 2012 às 15:59

 

33 Comentários para “O projeto de Kassab para o centro de SP e a Favela do Moinho”

  1. [...] O projeto de Kassab para o centro de São Paulo e a favela do Moinho [...]

  2. qua, 11/01/2012 - 11:56
    LuisCPPrudente

    Alguém comentou sobre a casualidade dos incêndios em locais degradados de São Paulo, este projeto Luz Kassab-Empreendimentos Imobiliários mostra que os incêndios não são casuais, eles são planejados pelo exterminador Kassab em associação com os assassinos do Mercado Imobiliário e grandes empreiteiras.

    Esses fascistas querem a limpeza total da região, ou seja, expulsão dos pobres dessa região.

    Os eleitores paulistanos têm que se lembrar disto e não votar em bandidos como o atual prefeito e os privateiros do PSDB (e seus assemelhados tipo Chalita).

  3. ter, 10/01/2012 - 17:45
    Raul

    Vejam o chamado para a nova edição do churrascão de gente diferenciada: http://coletivodar.org/2012/01/sabado-14-churrasc

  4. ter, 10/01/2012 - 14:37
    Schirlei

    Pois agora Azenha… depois de ver o video… como acreditar em incendio acidental…

  5. ter, 10/01/2012 - 12:43
    Vlad

    Párem de bater no Kassab que ele vai apoiar o Haddad, com a ajuda do Temer e contra o Alckmin e o Maluf.

    Allah Akhbar!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

    • ter, 10/01/2012 - 15:13
      Antonio

      Maluf com toda a roubalheira e desvios do seu governo, era infinitamente melhor que esta quadrilha que domina o estado a quase vinte anos.
      As maiores obras e as mais importantes foram feitas pelo Maluf

      A cambada do PSDB e esse piu-piu na prefeitura nada fizeram e roubam muito.
      É preciso uma privataria tucana só para São Paulo para que muitos ex-governadores tidos como honestos tenham sua verdadeira face revelada e não tentem continuar através de um netinho bobalhão.

  6. ter, 10/01/2012 - 11:25
    Aline C Pavia

    Não sei qual a surpresa, ficaram com "dozinha" dele qd Marta perguntou na campanha se ele era casado ou não, gostaram dos "Kassabinhos" e "Kassabões" nos cruzamentos, taí, pior que Pitta e Maluf somados, e agora lambe as botas de Lula ao oferecer o nome do PSD como vice de Haddad?
    SP MERECE os governantes que tem.

  7. ter, 10/01/2012 - 10:45
    Romanelli

    Informação, ética (boa vontade, honestidade), respeito e transparência é tudo ..e ta faltando a todos

    INICIALMENTE gostaria de deixar muito claro que sou contra a PRIVATARIA de espaço público (assim como de mercados e empresas) desbravado e revitalizado com dinheiro público ..isso cheira a bandidagem, coisa entre amigos mesmo, máfia

    ..por outro lado

    SOU daqueles que acho que a terra, o espaço, tanto no campo como nas cidades, deve respeitar o interesse COLETIVO, e que se interesses menores forem feridos, paciência, indeniza-se e bola pra frente

    mas, acho que nesta briga tem muita gente que por anos só colheu do LIXO, e que agora lamenta, pois diante da possibilidade de melhora, se vê brigada pela prefeitura a ir embora ..aqui, difícil ..há que se ir no caso a caso

    Acho mais, acho que pela ausência de autoridade e de Estado é que aquele descalabro ocorreu, guetos de viciados, marginalizados e traficantes pra todo lado ..a população ordeira e o cidadão expulsos ..aquelas favelas verticais, dentro dum festival de IRRESPONSABILIDADE, inconsequência e prevaricação tb

    POBRE não nasce em árvore ..de algum lugar eles vieram ..eu também gostaria, mas princípios me impedem de invadir uma área mais nobre e bem servida pra morar ..precisamos encontrar soluções maduras e responsáveis pra eles SIM, mas não com assistencialismo que pode perpetuar de outros exemplos, muito menos em lhes passando a mão na cabeça

    ..vejam vocês por exemplo o que esta acontecendo com os Cingapuras, projeto em que seus "moradores" venderam e alugaram os bens concessionados, ou que outros se NEGAM a pagar R$ 58 por mês ..e pq? pq o brasileiro aprendeu que se insistir o RESTO DO POVO (Estado), vem e banca

    Por outro lado, acho que o vídeo é interessante, mas sem apresentar alternativas, falar bobagens do tipo "extermínio", que Londres é 500 ou 1000 vezes melhor sem mostrar a régua, ou falar que os outros são burros e "eu" só sou a esperta ..desculpe, não me convence ..EU QUERO VER argumentos e alternativas sérias

    no mais, pela ausência de transparência, acho melhor mesmo parar com a brincadeira antes que qq Bradesco ou Andrade Gutierrez assuma em definitivo pra repartir mais uma vez o patrimônio coletivo entre os amigos

    • ter, 10/01/2012 - 12:49
      Luiz Carlos

      Romanelli,
      Esta visão ponderada é louvável mas incabível com este tipo de gente. Os empresários aprendeream a se inserir nos espaços públicos muito melhor que os pobres que todos condenam. A questão destes é a sobrevivência.
      A área está degradada, ninguém discute. Mas onde esta o plano discutido com a sociedade. Vários espaços já foram demolidos há anos e estão foram utilizados, portanto não há interesse público.Outra prova disto é que espalharam os drogados pela cidade pois só estão querendo limpar aquela área.
      E mais, o governo paga as desapropriações e depois faz um leilão a preços mínimos para os amigos escolherem. Isto é ação mafiosa ou privataria, como quiser.

  8. <img src="http://blogdomaurosilva.files.wordpress.com/2012/01/kassab_corretor32754f.jpg&quot; alt="" title="kassab_corretor32754f" class="alignnone size-full wp-image-719" height="369" width="500">
    O prefeito Gilberto Kassab é corretor de imóveis e está cumprindo direitinho sua vocação: vender a Cidade de São Paulo para a especulação imobiliária e para a ganância das grandes construtoras.

    Alguém esperava uma atuação diferente de um corretor de imóveis?
    Será que já se esqueceram que um dos principais financiadores da campanha do prefeito e de outros 25 vereadores foi uma tal AIB (Associação Imobiliária Brasileira)? Leia &lt;a href="http://g1.globo.com/Noticias/SaoPaulo/0,,MUL1500350-5605,00-DOACOES+ILEGAIS+OSCILAM+ENTRE+E+DA+VERBA+DE+CAMPANHA+DE+VEREADORES.html" target="_blank"&gt;aqui.
    Criada única e exclusivamente para financiar campanhas políticas, a AIB injetou R$ 10 milhões de reais nas candidaturas de seu interesse… e os frutos estão sendo colhidos com fartura…

    No caso da chamada “cracolândia”, o prefeito-corretor Gilberto Kassab, com o conluio da dócil mídia complacente e mais 40 vereadores amiguinhos do prefeito, está entregando 44 quarteirões da região da central de S. Paulo para a pura especulação imobiliária.O Projeto Nova Luz, através de uma ilegal “concessão urbanística”, vai conceder a empresas imobiliárias o direito destas empresas expulsarem 5 mil lojistas e acabar com 50 mil empregos de comerciários diretos na região da Santa Ifigênia, por exemplo… as empresas-concessionárias-especuladoras é que escolherão as áreas que serão desapropriadas, áreas estas que poderão ser revendidas com lucro para as próprias empresas-concessionárias-especuladoras…
    E não se diga que o dinheiro da enganação, digo revitalização da Nova Luz virá dos empresários, pois a prefeitura e a câmara dos vassalos já aprovaram mais de R$ 1 bilhão dos cofres públicos para serem entregues às empresas-concessionárias-especuladoras na suas desapropriações especulativas…
    Uma pergunta que não quer cala: por que os representantes dos empregados dos comércios pararam de fazer passeatas contra o projeto de especulação imobiliária na região da Santa Ifigênia? Será que houve alguma “mudança de rumo” com vistas às eleições municiais em 2012? Quem viver, verá…

    Continua…

    São Paulo, 10 de janeiro de 2012.
    Mauro Alves da Silva <a href="http://blogdomaurosilva.wordpress.com/” target=”_blank”>http://blogdomaurosilva.wordpress.com/

    • ter, 10/01/2012 - 11:52
      Maria do Carmo

      Caro Mauro A. Silva, ate que enfim alguem rasgou a fantasia , parabens o mal tem que ser cortado pela raiz, esse prefeito corretor Kassab ja passou dos limites esta administrando a cidade como se fosse sua propriedade com os 39 vereadores, alias nao podemos nos esquecer que na camara de sao paulo e tradicao nao aprovar cpis . As privatarias do Serra foram assim, rapida quando o povo viu ja era.Lembrem-se quando do leilao da vale desvalorizaram para ser rapido e justificar a doacao e sair as propinas. Tempos atraz Kassab diminuiu as creches e reduzio o horario para justificar a desapropriacao e a necessidade de construcao das creches, assim vai, daqui a pouco teremos outro Serra a familia enriquece do nada…

  9. ter, 10/01/2012 - 10:19
    Caracol

    Bonito, o trabalho dos jovens do Escritório Modelo. É reconfortante perceber que existe uma geração assim, em anteposição a esse lixo de alucinados pelo Big Brother.
    Agora… um alerta para eles: os patifes já mudaram até a letra do samba do Adoniran, não é "palacete abandonado" mas sim, no original, "palacete assobradado". No contexto, a diferença é sideral.

  10. ter, 10/01/2012 - 9:39
    Julio Silveira

    Prezado Azenha, hoje pela manhã fiquei indignado com uma reportagem da Globo, no seu jornal "bom dia Brasil". Que francamente nada apresenta que possa animar um cidadão lucido. O motivo, de mais essa minha indignação, foi por conta de uma lei, que parece ser municipal, saudada pelo jornal como benefica para a cidade, mas que ao contrário do que pensa o jornal pareceu-me, mais uma vez, tratar-se de gatunagem publica, ardil para enfiar as garras sobre os bolsos dos cidadãos paulistas. Alem, é claro, dos tradicionais pedágios, e outras onerações sobre os particulares, que a cidadania paga tão complacentemente e confortavelmente sem revoltar-se. A lei diz respeito aos passeios publicos, que mal cuidados, passarão a ter multas, que foram dobradas, para os responsaveis. Alguns poderão dizer ser isso justo. Minha revolta vem da consideração de que o Municipio é leniente e perdulário com suas atribuições, mantem precariamente passeios, como vemos em diversas reportagens, quando são de suas responsabilidades. Na vida aprendemos que imorais não devem ser arvorar em dar lições. Como pode alguem que sequer presta com qualidade serviços no metier querer justiça, isso é coisa de justiceiros. Na mesma reportagem vi um representante municipal, já se eximir de responsabilidades pela má conservação sobre os passeios de responsabilidade municipal. Já disse que isso não se corrige imediatamente, depois de anos e sucessivos governos descuidados. O escapismo municipal, já estava preparado, sequer foi objeto de punição. A cidadania paulistana não terá garantias de melhorias na área é tão somente arrecadação. Está aí uma situação deseducadora para a cidadania, que já paga seus impostos constitucionais e não tem sequer o respeito de ver administrações publicas exemplares, antes de serem cobrados. Traduz que seu futuro, de municipes, será tão somente de mantenedor obrigatorio da farra de seus edis, prepotentes e irresponsaveis, como gatos gordos. Nem sou paulistano, mas me revolta ver, alem da indecente informação que me cheira a despautério e falta de respeito aos cidadãos dessa cidade, o conteudo de má educação politica, passada como genial pela globo, que nos afronta, imaginem se essa moda se alastra.

    • ter, 10/01/2012 - 11:06
      Caracol

      Em compensação, Julio, a Votorantim, do Sr Antonio Ermirio, vai ficar mais rica pelo tanto de cimento que vai vender…

    • ter, 10/01/2012 - 11:19
      Romanelli

      JULIO, vc não sabe de nada ..antigamente cada um cuidava da sua, e o poder publica tratava de tirar as tiriricas que estouravam o cimento ..hoje, nem isso

      Há cerca de 3 anos o Kassabinho BANCOU em véspera de eleição, com dinheiro público, a reforma de calçada nas principais avenidas de SP (tipo como bancou agora a construção de estádio de futebol) ..notadamente os locais eram ocupados pelo COMÉRCIO ..muitas calçadas sequer precisavam ser refeitas (como algumas do Ipiranga) ..nem preciso te dizer que passado pouco tempo as calçadas novas já estão arrebentadas

      e agora essa ..ignorando completamente a topografia da cidade, os projetos de garagens das casas APROVADAS, o cara vem e diz que será proibido ter degrau etc ..a éh, e o que fazer com o desnível de Santana, Lapa, Perdizes e Aclimação por exemplo? ..sinceramente, e a população é que terá que bancar a reforma (enquanto que os empresários receberam as deles "de graça")

      olha, vou te dizer, pior que isso é ver o LULA receber o Kassab e vazar a informação de que ambos estão maquinando a tomada de poder ..como ?

      LULA ? Kassab ? um cara que vem desde P.Maluf. passa por Pitta e se elege com Serra ? sei não ..isso me cheira a mais um cavalo de Tróia dos eternos encastelados no poder desta cidade

      • ter, 10/01/2012 - 13:29
        Alvaro Tadeu Silva

        Romanelli, posso falar da reforma das calçadas da Avenida Paulista, em 2008. Trocaram as pedras portuguesas por calçadas lisas, perigosas, sem drenagem. Quando chove, as calçadas empoçam. Procurei saber o destino das pedras portuguesas com engenheiros e operários da obra. Ninguém sabia. Perguntei no comércio local, qual o preço das pedras. Custavam R$ 40,00 o metro quadrado. A Avenida tem cerca de 2500m, isso dá aproximadamente R$ 3 milhões. Onde foi parar essa dinheirama? O paulistano que frequenta essa avenida não se fez essa pergunta.

  11. ter, 10/01/2012 - 9:38
    Lucas Salles

    Eu não gosto quando fazem algum vídeo falando mal de algum projeto mas não propõe solução nenhuma.

    • ter, 10/01/2012 - 13:01
      Luiz Carlos

      A solução é discutir com as partes envolvidas na questão. A Prefeitura e o Estado devem dialogar com os comerciantes, os proprietários de imóveis com valor e os degradados pela omissão dos governos passados, até com os catadores do lixo local, e com a cidade como um todo para ver o interesse de todos (o plano deve pensar no interesse coletivo). O que não pode é decidir desapropriar e entregar aos amiguinhos para futura especulação. Isto é crime.
      Em todas as cidades decentes do mundo faz-se isto. É claro que sempre há desvios. Mas não pode já nascer desviado, ou, destinado a um único segmento.

  12. ter, 10/01/2012 - 8:41
    maria_do_carmo

    A desapropriacao do Itaim o ministerio publico tentou evitar, mas o Kassab conseguiu. O transito no Itaim ja e um
    caos apos esse mega empreendimento vai ficar intransitavel, os moradores terao dificuldades para comerciliazar
    seus imoveis (mas a ganancia dos governantes sao imediatistas vide as privatizacoes, o povo que se dane), Itaim
    ficara intransitavel. Os interesses excusos estao correndo solto, porque tanta pressa? A populacao nao tem tempo de pensar, Ministerio Publico usem de suas atribuicoes. O Kassab era da area imobiliaria…

  13. ter, 10/01/2012 - 2:48
    Antonio

    O blog do Brizola tocou em um ponto que considero crucial, a ausência total de compaixão para com os desvalidos. A total falta de solidariedade do povo paulistano para com os desvalidos.
    Que cidade pensamos criar continuando a agir desta forma?
    Em que lugar do mundo existe uma situação como aquela mostrada em uma foto de dois edifícios com uma imensa favela nas paredes das garagens?
    O que vinte anos, praticamente uma geração, de governo tucano neoliberal fez com a população paulistana?
    Fizeram com que acreditássemos viver em uma Bélgica e para tanto esconderam e espalharam os mais pobres e os presos pelo interior. Tiraram da capital expulsando para a periferia e o interior ao invés de assistir e incentivar o progresso desta gente que por serem pobres não deixaram de ser humanos como qualquer um de nós.
    Pitta, Maluf, Serra, Kassab, Covas, Alckmin continuam incentivando construções com o pagamento de taxas adicionais que só servem para aumentar o lucros dos construtores e incorporadores.
    Observem o que está acontecendo na Barra Funda, um bairro sem saídas de circulação difícil separado pelas linhas de trem que será tomado por edifícios de "alto padrão".
    Kassab, abriu mão de uma fábula de impostos para um time de futebol ( sou corinthiano) enquanto quer trocar o parque do povo pelas creches que não construiu.
    Nossas construtoras sabem superfaturar obras para os governos ou fazerem casas como as que foram entregues pelo Alckmin na semana passada. Goteiras, infiltração, nivelamento do piso e o construtor disse que repara desde que o governo pague.
    A Favela do Moinho é um caso à parte, não me lembro de ocorrência policial grave envolvendo seus moradores. Pelo vídeo parece uma comunidade pequena e bem organizada e não há notícias de assaltos e outros crimes graves no entorno. São apenas cidadãos mais pobres do que nós.
    A prática de incendiar favelas não é nova, um recente "grande incêndio" na favela do Jaguaré serviu apenas para que uma acessora muito especial do José Serra fosse lá para distribuir algumas cestas básicas e colchões. Lembro que aquela área é cobiçada por um sem número de construtoras.
    Sabemos que a campanha do Kassab foi generosamente abastecida por dinheiro do SECOVI dado indiretamente através de terceiros e a justiça eleitoral não considerou crime apesar de ser proibida esta prática.
    Alckmin é um político menor que o destino colocou no comando do estado, seus seis anos anteriores foram desastrosos e o primeiro ano de mandato está sendo ainda pior. Um hipócrita com ar professoral que se exime de toda responsabilidade.
    Sob o governo tucano São Paulo continua sendo a locomotiva. A LOCOMOTIVA DO ATRASO!
    Um freio que fez o estado perder sua condição de maior estado do Brasil, não tem mais a melhor média salarial nem a maior massa salarial, perde indústrias a cada dia, o ensino e a saúde, lastimáveis.
    Segurança fornecida pelo PCC, criação do Alckmin e o secretário que ainda precisa explicar o massacre da Castelinho.
    Dos recentes casos de erros que resultaram em mortes ocorridos em hospitais municipais e estaduais, nenhum jornal, ninguém citou que ocorreram em hospitais entregues a terceiros que como toda empresa visa lucro e contrata pessoas sem qualificação.
    Algumas mortes que tem ocorrido na marginal são de responsabilidade moral do Padim Serra que fez aquela meleca para obter dinheiro para a campanha. Alguém acredita que aquilo pôde custar R$ 1,6 bilhão?
    O que estes dois estão fazendo na cracolândia e querem fazer na Favela do Moinho é crime e nenhuma organização ou entidade deste estado abre a boca ou toma qualquer medida para acabar com isto.
    Infelizmente fazem parte dos paulistanos que acreditam viver nos melhores pontos de Bruxelas, Milão ou Paris e de alguma forma ganham ou vão ganhar com esta situação e outras armações tucanas e do emplumado prefeito.
    O paulistano esta anestesiado há muito tempo!
    Até quando esses vão continuar pensando em gradear seus edifícios e casas, blindar os veículos e contratar como seguranças os moradores destas comunidades para passearem no circuito Moema, Itaim, Jardins.
    A oposição no Brasil está desmontada, em São Paulo ainda pensam que vão ganhar a quartelada de 32.
    Pelo menos um dos jornalões ainda acredita!
    Deveriam ler os escritos de Darcy Ribeiro e se espelhar na política de governo adotada pelo Presidente Lula.
    Perceberiam porque um presidente pôde sair do governo com aprovação maior da que tinha quando assumiu. Por que elegeu a Presidente Dilma e elegeria qualquer um que indicasse.
    Espero que o Presidente Lula tenha uma recuperação rápida e saudável, indique quem ele apoia para prefeito de São Paulo.
    É PRECISO VARRER ESTA QUADRILHA QUE SE APOSSOU DO ESTADO E DA CIDADE!

    • ter, 10/01/2012 - 12:43
      maria_do_carmo

      PREZADO ANTONIO, parabens temos que rasgar a fantasia, divulgar as manobras para privatizacao de Sao Paulo pelo oportunista arrivista da vez Kassab. Sao Paulo ja e uma selva de pedra intransitavel com os planos do Kassab onde ira parar, predios de mais de 12 andares, 4 apto por andar, 2 ou mais garagens por apto. edificios em regioes com ruas do principio do seculo passado. Sao Paulo ira literalmente parar, provavelmente teremos de pagar para sair de carro as ruas , isso significa que so alguns terao esse privilegio. Kassab governa para as elites, muito bem dito por voce; E PRECISO VARRER ESTA QUADRILHA QUE SE APOSSOU DO ESTADO E DA CIDADE. PARABENS POR SUA EXPLANACAO!

  14. ter, 10/01/2012 - 2:03
    João-PR

    Azenha, os moradores daquelas favelas de São Paulo que "pegaram fogo" voltaram para os terrenos que foram "limpos" pelo fogo?
    Sei que o viomundo não é um "jornalão", mas seria possível nos informar a respeito?
    Grato
    João

  15. seg, 09/01/2012 - 23:40
    O_Brasileiro

    Muito bom!
    Fiquei pensando: no Brasil, o Estado existe para proteger e servir aos ricos… E os pobres? Quem os defenderá do Estado?
    Num país onde os mais pobres pagam mais impostos do que os mais ricos…
    Num país onde só os ricos têm direito à terra…
    Num país onde polícia e judiciário são os braços armado e jurídico dos ricos…
    Quem irá nos defender???

  16. seg, 09/01/2012 - 23:37
    Marcus Fitz

    O Alcaide Kassab, junto com o Sacerdote Secular Alckmin ninguém pode…

    Estão querendo criar um novo Gueto de Varsóvia em algum limite da cidade.

    Aliás, a política daqui de São Paulo é valorizar os empreendimentos imobilíarios a todo custo, tornando inviável morar na cidade, forçando silenciosamente estas pessoas a deslocarem-se para bairros mais distantes.

    Esseas ações mostram que querem a qualquer custo 'encarecer' a cidade e deixar só os ricos morarem na cidade.

    Tenho vergonha de quem governa esse estado e nossa capital (em minúsculo, porque diminuíram seus significados tamanha falta de civilidade com seus cidadãos)

    MF

  17. seg, 09/01/2012 - 23:35
    Marisa

    Azenha e Conceicao,
    Serah possivel que os paulistas e paulistanos permitirao que a privataria do patrimonio brasileiro continue sem protestar ou contestar essas acoes antes que seja tarde

    • ter, 10/01/2012 - 3:04
      Antonio

      Marisa, como paulistano tenho vergonha disto tudo.
      Uma geração inteira, praticamente vinte anos de governo neoliberal que começou com o Mário Honesto Covas e continua do o filhote de cruz credo, o Alckmin fizeram isto.
      E vão continuar fazendo porque todos eles tem casas na europa e a qualquer sinal fogem.
      Fogem como fugiu o FHC dois dias depois do lançamento da Privataria Tucana.
      Foi dar uma palestra.
      Na semana do natal!!!!!!!!!!!!!!!
      Rezo e torço para que o Presidente Lula se restabeleça e participe da campanha para prefeito.
      Talvez seja a única forma de varrer este bando de tucanos e outros pássaros alegres como nosso prefeito dos postos de mando neste estado.

  18. seg, 09/01/2012 - 23:28
    Gerson Carneiro

    Imaginem a grana que rola solta nesse projeto.

    Só aquela brincadeirinha naquele domingo chuvoso de 1º de janeiro custou R$ 3,5 milhões.

    Muita gente descendo a lenha em Belo Monte e o a madeira deitando na cidade de São Paulo.

  19. seg, 09/01/2012 - 22:00
    Outro Antonio

    Para Kassab, o fino e honesto rapaz, pobre quase não existe. Com meninos de rua, é só esguichar água com o carro pipa, dar umas cacetadas e jogar o que deixam para trás no lixo. Os viciados em crack. são tratados com gás lacrimogênio, bofetadas, atiram-se balas de borracha. Assim, os bichos se afugentam.

    É o Governo de São Paulo, trabalhando para uma vida melhor.

  20. seg, 09/01/2012 - 21:32
    altamiro

    Pelo visto a globo está pouco a pouco sendo desmascarada…
    Mas cada coisa a seu tempo, a hora dela vai chegar…
    Gostaria de pedir aos bravos blogueiros sujos para não esquecerem, porém, de um outro episódio importantissimo que está perdendo notoriedade com a avalanche provocada pela privataria: o caso controlar.
    Devemos manter vigilancia severa para que o proposto pela justiça não seja alterado: nova licitação e reembolso aos cofres públicos do montante surupiado por cassab e compania).
    Vamos levantar tambem esta bandeira.

    • ter, 10/01/2012 - 8:51
      maria_do_carmo

      Caro Altamiro, muito bem, temos que estar vigilantes e verdade eles aproveitam a notoriedade dos novos escandalos para passarem desapercebidos, sao ousados por que contam com a impunidade.

  21. seg, 09/01/2012 - 20:45
    souza

    mui valioso o vídeo "privatas do caribe – o butim".
    quanto a favela do moinho, mesmo simples mas claro a fala dos moradores.
    o escritório modelo tem colaborado.
    aquela pequena comunidade do moinho deverá nós ajudar a extirpar do governo paulistano kassab e cia.

  22. seg, 09/01/2012 - 20:41
    João-PR

    Depois que vi os dois vídeos (o do projeto "Nova Luz", e o da "Favela do Moinho"), algo me veio à mente: este é um processo higienista! Querem "limpar" a pobreza do centro de São Paulo,e levar para sei lá onde. Esconder que há problemas na "Chuiça" (como diria o Paulo Henrique Amorim) tucana.
    Outras questões não me saem da mente: será que os incêndios que ocorreram em favelas em Sampa foi acidente? Azenha e Conceição, os moradores das favelas queimadas voltaram a morar onde estavam antes do incêndio? Era só uma curiosidade, pois eu não creio em bruxas, mas que elas existem, ah existem!

  23. seg, 09/01/2012 - 17:09
    Yarus

    O Projeto dos Privatas do Caribe:[youtube fq4tH1XK4Eg&feature=player_embedded http://www.youtube.com/watch?v=fq4tH1XK4Eg&feature=player_embedded youtube]

Comentar