VIOMUNDO

Diário da Resistência


Política

Teresina: Policiais infiltrados usam caneta especial


06/01/2012 - 17h52

Policiais infiltrados usam caneta especial para marcar líderes de protestos

quarta, 04 de janeiro de 2012 • 12:50

do Portal AZ, via blog do Sakamoto

Por Jéssica Monteiro e Rômulo Maia

Fotos: Dantércio Cardoso

Policiais militares sem farda ou qualquer identificação estão infiltrados nas manifestações contra o aumento da passagem de ônibus de Teresina. A informação foi confirmada pelo coronel Adonias Amorim, comandante da tropa da Polícia Militar que acompanha o terceiro dia de protestos.

De acordo com o oficial da PM, os homens à paisana são do Serviço de Inteligência da Polícia Militar. Eles estão municiados com uma caneta especial, capaz de deixar marcas invisíveis a olho nu.

O equipamento está sendo usado para identificar os chamados “líderes” do movimento e pessoas envolvidas com incidentes durante os atos. As marcas da caneta, explicou o coronel Adonias, só podem ser vistas com o uso de um óculos especial.

Protesto

No terceiro dia de protestos contra o aumento da passagem, estudantes e trabalhadores se reuniram na Praça do Fripisa, centro de Teresina, de onde seguiram em passeata até a Prefeitura de Teresina. Durante o percurso, ruas e cruzamentos são momentaneamente bloqueados, deixando o trânsito lento.

Os manifestantes são contra o aumento da passagem – reajustada para R$ 2,10 no dia 02 deste mês – e contra a tarifação do segundo embarque no sistema de integração das linhas adotado pela PMT. Segundo Daniel Solon, diretor do Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior (Andes), outras solicitações estão sendo feitas. “Queremos discutir a Municipalização do Transporte Público e o passe livre para estudantes e desempregados. Não é utópico, tudo depende da política de governo”, relata o docente.

Segundo ele, cerca de 100 cidades no país já adotam o passe livre para estudantes. “O que acontece é que os empresários do Setut querem lucrar. Se o transporte público fosse municipalizado essas questões seriam possíveis”, explica.

Ministério Público

O promotor Francisco Jesus Lima acompanhou as manifestações durante toda a manhã desta quarta-feira (04). Segundo ele, os estudantes solicitaram a presença do Ministério Público através de mensagens e e-mails.

“A violência não tem que acontecer, o direito de se manifestar é legítimo. A constituição garante isso”, relata o representante do Ministério, que acrescenta não ter visto nenhum excesso durante o protesto que acompanhou.

PS do Viomundo: Publicamos erroneamente um texto antigo do Portal Terra sobre as manifestações em Teresina, que foi substituído por este graças ao alerta preciso de um internauta. Obrigado ao leitor e desculpem a nossa falha.

Leia também:

A briga entre o patrão e o empregado





10 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

André

09 de janeiro de 2012 às 22h19

"O promotor Francisco Jesus Lima acompanhou as manifestações durante toda a manhã desta quarta-feira (04). Segundo ele, os estudantes solicitaram a presença do Ministério Público através de mensagens e e-mails.

“A violência não tem que acontecer, o direito de se manifestar é legítimo. A constituição garante isso”, relata o representante do Ministério, que acrescenta não ter visto nenhum excesso durante o protesto que acompanhou."

XXXXXXX

Esse promotor é um MENTIROSO.

Ocorreram vários atos de vandalismo, até tentativas de saque em lojas. Além de enormes engarrafamentos, patrimônio alheio depredado (público e privado), velhos, crianças presso em ônibus sem poderem ir pra casa.

A causa dos verdadeiros estudantes que protestam é até justa, afinal o serviço prestado é ruim, mas nada justifica o que estão fazendo todos os dias na capital desde a semana passada.

Inclusive a população já começa a ficar contra os protestos, pois o vandalismo está tomando conta, eis algumas fotos:

<img src="http://images.orkut.com/orkut/photos/PQAAAAs1mlwCQxYsmcmLBPHM8H9e4N32r9Uj3gblYtliPvL5Lmi4Ape5sI4MhVZG8FSXhlg9l7prUnSWqz_pxuuUBRgAm1T1UOovUWWdLLDA12XeaGahbS7otI5g.jpg">

<img src="http://images.orkut.com/orkut/photos/PQAAAEwLdjj-zcbGwgnfPvyRgCAj5EFhnFnKhB0D0TVtjj-W4v7bv1jE0KHaIcCb-u77KyyraPTRckhDIFEOg0DRaWIAm1T1UIuhXwhYgrvbDXaZQJpcjShPCvzd.jpg">

<img src="http://images.orkut.com/orkut/photos/PQAAAF6MF1dEAxGIoAgHFOkUxx_6Rf_vyYQyD4_qT8VNbQp1cAc2x1sDNd9G5Fpa-1iNBrhFy2QvVZohbzKqpWklF2AAm1T1UD7DEG9-whJ1zgcnrna5qT3oI6Er.jpg">

<img src="http://images.orkut.com/orkut/photos/PQAAAEsVd6kKONG97jurLEWC2LznQi_qAQs_r5tOUz5e1nki1naciA1Jy-LV4NeeVEZTau2-2OoaFTDO0etbTE-WhmMAm1T1UG0DURojnBS_Ah95FKy20_Cd0V9H.jpg">
http://180graus.com/geral/contraoaumento-ii-prote…
http://180graus.com/politica/manifestantes-pedem-…

Vídeo:

[youtube M28-dH4uUNU http://www.youtube.com/watch?v=M28-dH4uUNU youtube]

E então promotor, os "manifestantes" não cometeram nenhum excesso? As cenas acima mostradas são protegidas pela Constituição Federal?

Responder

O projeto de Kassab para o centro de SP e a Favela do Moinho | Viomundo - O que você não vê na mídia

09 de janeiro de 2012 às 17h49

[…] Teresina: Policiais infiltrados usam caneta especial […]

Responder

ricbq

08 de janeiro de 2012 às 15h00

Na Alemanha usavam tatuagens com números para marcar os judeus, aqui usamos canetas invisíveis. O princípio é o mesmo, só tempo e a tecnologia que os distancia. Vivemos uma ditadura disfarçada de DEMOCRACIA.

Responder

Jose Mario HRP

08 de janeiro de 2012 às 09h11

Bandidos disfarçados de PM a paisana!
Isso é que é samba do crioulo doido!
Equipamento sofisticado em policia a mando de coronéis, num dos estados mais pobres do país, rasgando nossa Constituição!
Mas vejam que não é só aqui que essa ralé direitista apronta: http://www.forte.jor.br/2012/01/06/a-hungria-e-o-…

Responder

Julio Silveira

07 de janeiro de 2012 às 13h32

Cada vez mais esses elementos investidos pela sociedade subvertem o conceito e se apropriam da investidura como se donos dela fossem. Como representantes de uma sociedade sem força deveriam ser é demitidos por não terem capacidade de entendimento sobre até aonde vai seu limite legal.
O cidadão, numa sociedade democratica tem pleno direito de gritar pacificamente contra qualquer ato que considere injusto, mas diferente desse entendimento os senhores do povo que uma civilização de cordeiros.
Onde o local e o momento do abate deve ser escolhido apenas por eles sem qualquer contestação.

Responder

João-PR

07 de janeiro de 2012 às 01h34

Essa prática é dos tempos da ditadura!
Não se criminaliza movimentos sociais!
Agora só falta um jornal de lá ceder carros para o "transporte" dos "subversivos" até algum lugar secreto para que "sejam ouvidos".
Azenha e Conceição: essa prática lembrou-se dos "prisioneiros" de Guantánamo (aquela prisão que o Obama – a fraude – disse que ia acabar). Vocês tem notícias de Guantánamo?

Responder

Michael Lima

06 de janeiro de 2012 às 21h03

O cara responsável por essa abaordagem policial deveria responder pelos atos ilegais. É vedado a qualquer um o ato de fazer marcas em terceiros, sem o seu prévio consentimento ou pedido do mesmo. O se foi o coronel, ele incorreu nesse delito e ainda tem o agravante de a pessoa não saber. Essa suposta demonstração da inteligência da pm (com minúsculo mesmo) é na verdade uma total demonstração de violação de direitos e de burrice institucional. O mesmo pm que é subserviente e cerceia o direito constitucional à livre expressão e protesto (demonstrando seu desconhecimento da lei ou a sua deliberada escolha pelo errado), amanhã pode tentar exercer o seu direito de greve e ser vetado pelo judiciário. Quanta insensatez, meu amigo!!!!!!! Tem que lembrar a esses caras que a ameaça comunista, se é que existiu por aquí, ficou na década de 80. Não convém usar de métodos inconstitucionais e criminosos para coibir o livre protesto contra abusos. De que planeta esses caras vieram?

Responder

Michael Lima

06 de janeiro de 2012 às 20h52

Esse coronel Adonias Amorim deveria responder pelos atos ilegais. É vedado a qualquer um o ato de fazer marcas em terceiros, sem o seu prévio consentimento ou pedido. O coronel incorreu nesse delito e ainda tem o agravante de a pessoa não saber. Essa suposta demonstração da inteligência da pm (com minúsculo mesmo) é na verdade uma total demonstração de violação de direitos e de burrice institucional. O mesmo pm que é subserviente e cerceia o direito constitucional à livre expressão e protesto (demonstrando seu desconhecimento da lei ou a sua deliberada escolha pelo errado), amanhã pode tentar exercer o seu direito de greve e ser vetado pelo judiciário. Quanta insensatez, meu amigo!!!!!!! E olha que sou de outro estado.

Responder

Bruno

06 de janeiro de 2012 às 18h49

E desde quando espião/batedor/infiltrado precisa estar com "farda ou qualquer identificação"?

Isso SE for verdade, claro.

Responder

Luiza Senna

06 de janeiro de 2012 às 18h37

Só sei que comprei uma caneta dessas na internet e amanhã vou sair riscando todo mundo na manifestação com elas. Quero ver o que eles vão fazer… Vão me prender também?

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding