VIOMUNDO

Diário da Resistência


Política

OEA abre investigação sobre a morte de Vladimir Herzog


29/03/2012 - 16h36

Enviado por Rose Nogueira, via e-mail

A Comissão de Direitos Humanos da OEA – Organização dos Estados Americanos – comunicou oficialmente ao governo brasileiro que aceitou a denúncia sobre o caso de Vladimir Herzog, morto nas dependências do DOI-CODI em 25 de outubro de 1975.

A denúncia foi feita a pedido do Cejil (Centro de Justiça e Direito Internacional), do Grupo Tortura Nunca Mais de São Paulo, do Centro Santo Dias e da Federação Interamericana de Direitos Humanos.

Segue o comunicado completo no anexo.

Rose Nogueira

Pela Vida, pela Paz – Tortura Nunca Mais

Leia também:

Ivan Seixas: “O ‘Capitão Lisboa’ deu a paulada final que matou meu pai”

Luiz Cláudio Cunha: A verdade não se fantasia com pijamas

Lista de clientes de ex-torturador some de site da empresa

No RJ, manifestação foi na frente de empresa de segurança

Relatório da Secretaria de Direitos Humanos confirma: Reitor da USP votou contra vítimas da ditadura

CartaCapital: Torturadores da ditadura impunes. Até quando

MPF recorre para transformar Curió em réu

Criméia Almeida: “Quem já luta há mais de 30 anos, não vai desistir agora”





13 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

ZePovinho

30 de março de 2012 às 12h12

A irmã de Stuart Angel Jones na passeata contra a homenagem ao golpe militar de 1964,no Rio:
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/os-joven

Os jovens na manifestação no Clube Militar, por Angel
Enviado por luisnassif, sex, 30/03/2012 – 09:56

"….Até que fui denunciada pelas lágrimas. Uma senhora me reconheceu, jogou um beijo. E mais outra. Pessoas sorriram para mim com simpatia. Percebi que eu representava ali as famílias daqueles mortos e estava sendo reverenciada por causa deles. Emocionei-me ainda mais. Então e enfim os PMs me viram. Eu, que estava todo o tempo praticamente colada neles! Um me perguntou se não era melhor eu sair dali, pois era perigoso. Insisti em ficar, mesmo com perigo e tudo. E ele, gentil, quando viu que não conseguiria me demover: "A senhora quer um copo d'água?". Na mesma hora o copo d'água veio. O segurança do Clube ofereceu: "A senhora não prefere ficar na portaria, lá dentro? ". "Ah, não, meu senhor. Lá dentro não. Prefiro a calçada". E nela fiquei, sobre o degrau recuado, ora assistente, ora manifestante fazendo coro, cumprindo meu papel de testemunha, de participante e de Angel. Vendo nossos quixotinhos empunharem, como lanças, apenas a sua voz, contra as pás lancinantes dos moinhos do passado, que cortaram as carnes de uma geração de idealistas.
A manifestação havia sido anunciada. Porém, eu estava nela por acaso. Um feliz e divino acaso. E aonde estavam naquela hora os remanescentes daquela luta de antigamente? Aqueles que sobreviveram àquelas fotos ampliadas em PB? Em seus gabinetes? Em seus aviões? Em suas comissões e congressos e redações? Será esta a lição que nos impõe a História: delegar sempre a realização dos "sonhos impossíveis" ao destemor idealista dos mais jovens?".

[youtube t-ADA-FZKVg http://www.youtube.com/watch?v=t-ADA-FZKVg youtube]

Responder

helio

30 de março de 2012 às 00h48

Diário de Natal,30 de março de 2012
PGR pode investigar Agripino.A divulgação, ontem, por parte das redes sociais, do termo de interrogatório do empresário Gilmar de Carvalho Lopes, proprietário da Montana Construções, até então mantidas em sigilo, do processo da Operação Sinal Fechado, trouxe novidades para o caso, que foi deflagrado pelo Ministério Público no fim de novembro do ano passado.O Senador Agripino, citado por Gilmar da Montana, teria recebido R$ 1 milhão do consórcio.

Responder

Marat

30 de março de 2012 às 00h09

Será necessário a OEA reclamar para nossas autoridades tomarem algum tipo de decisão?

Responder

Che da Fiel

29 de março de 2012 às 22h38

Azenha, dê uma olhada, n'O GLobo, nos comentários à reportagem sobre a confusão no Rio, por ocasião da comemoração do golpe de 1964. O Globo libera todo tipo de comentário nazista, inclusive alguns incentivando extermínio de comunistas. Incrível!!!!! SERIA O CASO DE FECHAR O GLOBO POR PERMITIR ESSE TIPO DE COISA. A Internet virou um esgoto no Brasil, Azenha!

Responder

    Lu_Witovisk

    30 de março de 2012 às 06h52

    Pois é, permitir a divulgação de mensagens que podem incitar crimes não seria crime?? Ahhhh se fosse, seria uma limpeza: Veja, Globo, o pig todo fechado…. "sonha, sonha, Marcelino" :P

Fabio_Passos

29 de março de 2012 às 21h44

A insistência da justiça(?) brasileira em proteger torturadores e assasinos que atuaram durante a ditadura é um absurdo que envergonha nosso país diante do mundo.

Como pode o stf proteger facínoras covardes que cometeram crimes contra a humanidade?

Responder

emerson57

29 de março de 2012 às 20h54

sigam o dinheiro !
investiguem quem "enricou" e as valorizações patrimoniais de quem prestou serviço à ditadura.

Responder

Renato M

29 de março de 2012 às 18h52

Parabéns aos argentinos e aos uruguaios que julgaram e condenaram os torturadores que estiveram à serviço das suas truculentas ditaduras militares. Jorge Rafael Videla – ex-presidente argentino- está apodrecendo no cárcere. Pena que no Brasil muitos dos covardes torturadores apareçam na mídia vangloriando-se de seu atos assassinos. Lamarca, Marighela e tantos heróis viverão eternamente na memória daqueles que sonham com um Brasil mais justo. Os torturadores deveriam ser julgados e condenados. Como isto não acontecerá, o que nos conforta é que muitos estão decrépitos e logo deixarão de empestear este mundo, pois estão de partida para o Além (inferno, espero). Que sofram muito e morram lentamente…. Serão esquecidos, lançados no lixo da História.

Responder

    Luana

    29 de março de 2012 às 23h50

    É…temos muito que aprender com os argentinos e com os uruguaios!

Vergonha: OEA denuncia o Brasil por Herzog | Conversa Afiada

29 de março de 2012 às 17h30

[…] Extraido do Viomundo: […]

Responder

Taiguara

29 de março de 2012 às 17h10

Já que os milicos de pijama estão reunidos, bem que poderiam escalar o Coronel Job (se é que está vivo) para ir lá dar explicações.Ele é um craque.

Responder

    pperez

    29 de março de 2012 às 22h55

    E, tambem o hoje coronel Wilson Dias que foi promovido por ter falhado no atentado do Riocentro em abril de 81que poderia ter assassinado milhares de pessoas,no dia do trabalhador!
    Imagina se tivesse dado certo!

    Lu_Witovisk

    30 de março de 2012 às 06h55

    Promovido por ter falhado??? Fala serio… é igual o juiz que decidiu que o marginalzinho da Veja era inocente pq a camareira impediu a invasão do quarto de hotel. O Bruno que matou o indio pataxó, dizem que passou pra segurança em concurso federal e foi promovido a dentista, ganhando 6.600 mensais…. só tosquera.


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding