Lentes da mídia turvam a mente do PSDB

Tempo de leitura: 3 min

por Luiz Carlos Azenha

Prefiro duvidar, sempre, das pesquisas eleitorais. E acreditar na volatilidade dos eleitores, que colocaram Marina Silva no caminho de Dilma Rousseff e tiraram Celso Russomano do caminho de Fernando Haddad, respectivamente em 2010 e 2012.

José Serra enfrenta graves obstáculos, mas nada é impossível faltando uma semana para o segundo turno.

Dito isso, porém, uma eventual derrota de José Serra deveria servir ao menos para acordar os tucanos.

Gilberto Kassab fez o Cidade Limpa. Boa decisão numa questão que não era central à qualidade de vida do conjunto de paulistanos, ou pelo menos não tão importante quanto o transporte público, a saúde e a educação. O Cidade Limpa deslocou milhões de reais de publicidade antes investidos em espaços públicos para dentro dos jornais, que se não apoiaram Kassab abertamente foram cruciais para a reeleição do aliado de José Serra. Vamos dizer que os jornais pouparam Kassab de um tratamento tão rigoroso quanto aquele destinado, por exemplo, aos governos petistas.

Kassab encarna a especulação imobiliária e o higienismo social. Os principais jornais paulistanos vivem dos anúncios imobiliários e representam, basicamente, aquela classe média que se identifica com as rampas antimendigo. A simbiose entre os interesses de Kassab/PSDB e a mídia alimentou nos tucanos a impressão de que seriam imbatíveis em São Paulo, seu principal reduto, especialmente se lançassem o experiente José Serra. Deram de barato que a experiência do candidato aliada ao antipetismo seriam suficientes para garantir a vitória.

Estavam cegos no nevoeiro, parcialmente por “ler”  São Paulo a partir da lente turva da mídia, que é de classe média e para a classe média. Foram pegos de surpresa pela revolta dos grotões, que primeiro produziu Celso Russomano e agora é o principal motor a impulsionar Fernando Haddad.

É preciso ir aos extremos de São Paulo para entender o que significa ausência de Estado.

Já fiz isso dezenas de vezes, mas me lembro especialmente da cobertura que fiz das eleições presidenciais de 2010, quando minha pauta foi explicar o motivo de Dilma Rousseff ter obtido votações expressivas em algumas regiões da Grande São Paulo.

Fui à casa de algumas famílias que tinham sido beneficiadas pelo programa Luz para Todos, por exemplo, que haviam entrado no século 21 sem energia elétrica em casa no estado mais rico e mais desenvolvido do Brasil.

As famílias vibravam pelo fato de, agora, ter geladeira e água quente no banheiro!

Não quero sugerir que a maioria dos votos de Fernando Haddad se deve ao patrocínio de Lula, nem esse é o ponto da reflexão.

O ponto é que só raramente os tucanos e os jornais dos tucanos vão aos extremos de São Paulo. Colunistas desinformados produzem previsões sombrias sobre o futuro do PT e os tucanos acreditam. É o equivalente a uma fábrica de espelhos e fumaça, que encena um universo paralelo calcado em teses que acreditam autorealizáveis.

Este universo frequentemente encontra um poste pela frente. Derrotas eleitorais deveriam servir para uma correção de rota, uma mudança de rumo. Mas, não é o caso. Hoje, por exemplo, uma colunista da Folha sugere que, depois da ditadura militar, vivemos uma espécie de ditadura lulista (o jornal é o mesmo que, através de um colunista gringo, conseguiu provar que Hugo Chávez perdeu na Venezuela). Fica implícito que remover Lula é a solução para os tucanos. Depois,  é só remover o povo.

Leia também:

Toni Reis: “A estratégia do Serra de rifar os direitos dos homossexuais implodiu”

As entrevistas de Fernando Haddad e José Serra ao SPTV

Toledo: Serra cai de 37% para 28% entre os evangélicos

Toni Reis: “Ele está cuspindo no pote em que comeu”

“Vai lá para o Haddad. É a pauta dele. Não precisa ter uma assessora a mais para ele”

Maria do Rosário: Campanha promove ódio contra a comunidade LGBT

Marinha concede identidade a casal gay no Rio

Alípio de Sousa Filho: Quantos artistas perderemos mais?

Se você é estudante e foi vítima de bullying homofóbico, denuncie

Apoie o jornalismo independente


Siga-nos no


Comentários

Clique aqui para ler e comentar

paulo Sergio

Uma derrota de José serra nnao ensina nada aos Tucanos , Azenha , ela simplesmente abre o caminho , tão esperado por gente tão ruim qto esse senhor . Vem aí Aécio Neves , o Brasil terea a honra de conhece-lo bem de perto e saber das suas especialidades . Calar a boca de jornalistas , fechar redações , dominar completamente os togados e … aguardem , pq nós , mineiros já conhecemos seu estilo prá lá de play , boy serão que farnao oservicinho pra ele .

Urbano

Na verdade, a tunganagem foi criada através de mentes por demais turvadas. Aí os obscurantistas do pig percebendo que o tunganato em seu nascedouro já exalava forte cheiro de cadeverina, então passaram a degradá-lo ainda mais, através do seu canto de sereia. Com a adesão de outras forças e poderes detentores de um volume inimaginável de escatol, veio a surgir então essa escaterina que se encontra nos quatro cantos do país, que é popularmente conhecida por ‘oposição ao Brasil’.

Lula Miranda

Muito bom o texto, Azenha! Excelente reflexão!Arrematou com chave de ouro. Afinal, para os tucanos e “demistas” o povo é só um detalhe na paisagem.

Paulo Moreira Leite: Quem não tem voto diz que eleitor está cansado « Viomundo – O que você não vê na mídia

[…] Lentes da mídia turvam a mente do PSDB […]

Francisco

A direita brasileira não é liberal, é oligárquica.

Para ela, é “ditadura” qualquer regime democratico em que ela não ganhe as eleições.

Nessa crença, derrubaram Getulio, derrubaram Jango, criaram os senadores e prefeitos “biônicos” e darão o p´róximo golpe.

O próximo golpe acontecerá no exato dia em que a sorte não sorrir providêncial para o trabalhista da vez, no poder.

Digo “sorte”, porque o minimo que se esperaria de uma democracia não é feito: pelo menos “enquadrar” os oligárcas e a sociedade civil entender de onde essas pessoas pensam, falam e interpretam o Brasil.

Pela Lei vigente, graças ao STF, o Regime Militar foi um “mal menor”. O “mal maior” é a democracia…

José Antônio P Pereira

A mídia pensa na sua arrogância que o povo vê o mundo através das suas lentes 3 e/ou 4D. Se o STF, elitizado se deixou pautar, o POVO não se deixa pautar. O discurso de que o POVO é analfabeto, porque vota em LULA/DILMA é no mínimo indecente. Esses senhores ainda não se deram conta que no mundo pós internet a informação é interativa, os telespectadores começam a fazer parte do passado. Hoje somo todos atores da informação. Viva a internet e VIVA o PT, LULA, DILMA e HADDAD.

FrancoAtirador

.
.
.
ÚLTIMA SEMANA ANTES DO PLEITO ELEITORAL

DÁ ATÉ UMA TRISTEZA TER DE REPETIR ISSO, A CADA ELEIÇÃO, DESDE 1989:

Preparem-se para enfrentar a Oligarquia Famigliar Mafiosa
(Cartel Empresarial Midiático e Oligopólio Partidário Conservador)

O TRIVIAL, CORRIQUEIRO E PREVISÍVEL,
ROTEIRO DO GOLPE ELEITORAL MIDIÁTICO

24/10: Previsão de divulgação das sondagens do DataFrias e do Globope, mostrando a surpreendente recuperação do Coiso Ruim e a queda de Haddad nas pesquisas.

(http://pesqele.tse.jus.br/pesqele/publico/pesquisa/Pesquisa/visualizacaoPublica.action?id=18181)
(http://pesqele.tse.jus.br/pesqele/publico/pesquisa/Pesquisa/visualizacaoPublica.action?id=18188)

A partir de 25/10: Repercussão das pesquisas eleitorais e do ‘Pré-Julgamento do Século’ em jornais, revistas, rádios e TVs do Grupo G.A.F.E.*
Petralha, Petralha, Petralha… Mensalão, Mensalão, Mensalão…

26/10: Petralha, Petralha, Petralha… Mensalão, Mensalão, Mensalão…
Debate na SPTV (Globo-SP).

27/10: Manipulação do “resultado” do debate.
Petralha, Petralha, Petralha… Mensalão, Mensalão, Mensalão…

27/10: Repercussão da matéria de capa da revista Veja no Jornal Nacional da Rede Globo.
Petralha, Petralha, Petralha… Mensalão, Mensalão, Mensalão…

28/10: Rede Globo abre os microfones para os tucanos, com entrevistas durante o dia inteiro da votação.
Petralha, Petralha, Petralha… Mensalão, Mensalão, Mensalão…
Urna Eletrônica sem possibilidade de conferência e de recontagem de votos.
VITÓRIA DE SERRA !!!
Brindes dos capos dos clãs midiáticos, com champanhe francês, nas redações de jornais e emissoras de rádio e televisão.
Gargalhadas de Merval! Cantanhêde se mija de tanto rir!
Reinaldo ‘Azeredo’ recupera a lucidez e sai do sanatório!
.
.

    FrancoAtirador

    .
    .
    A FRASE DO SÉCULO

    “Vamos tirar ideias e projetos do papel.
    Me especializei em tirar projetos do papel
    e fazer acontecer…”

    (O COISO, candidato do PSDB a qualquer Coisa)

    abrantes

    O Cerra é especialista em tirar os projetos dele no papel e também inaugurar maquetes.

Nestor Calazans

“Constituição Federal – Título I – Dos Princípios Fundamentais – Art. 1º – Parágrafo único. Todo o poder emana do povo, que o exerce por meio de representantes eleitos ou diretamente, nos termos desta Constituição.”

Messias Franca de Macedo

[SEN-SA-CI:O-NAL, SENSACIONAL!]

É PRA RICO OU PRA POBRE?!
Em http://revistaforum.com.br/blogdorovai/2012/10/21/e-pra-rico-ou-e-pra-pobre/#comment-41437

######################################

LÁ VEM O MATUTO ‘BANANIENSE’!

OS MENSALÕES DO *DEMoTUCANATO DA BAHIA SE SUCEDEM IMPRETERIVELMENTE! ENTENDA ‘O MAIS RECENTE DOS ÚLTIMOS’ (sic)!

NOTA: na propaganda política do neto do ‘Malvadeza’ já “baixaram” os tucanoDEMonícos ‘Aécio Never em Campanha Presidencial’, o [ilibado!?] Álvaro [Em] Dias [com a Corrupção], aGRIPEno Suína Maia – derrotado fragorosamente em sua terra [Natal!], viajou para São Paulo levando na bagagem a sacolona do mais recente MENSALÃO do DEMotucanato baiano, rogando recursos não contabilizados (sic) a 33 megaempresários, no sentido de irrigar “o tabuleiro da baiana do acarajé com pimenta (sic) do ‘Valerioduto’ da campanha do neto do ‘Malvadeza'” [RISOS]

##########################

[EM TEMPO DE AZEITE NO MENSALÃO DO DEMoTUCANO BAIANO!]

Novos escândalos surgem e expõem ainda mais a relação íntima de ACM Neto com o prefeito João Henrique. Mais do que isso, essas denúncias apontam como o candidato do DEM está interferindo na atual prefeitura, utilizando-se da máquina pública para conseguir votos.
Ou seja, três dias após a demissão do secretário da Fazenda de Salvador, Ruy Marcos Macedo Ramos, e da subsecretária, Lisiane Guimarães, a controladora-geral do Município, Herculina Martinez, e a contadora-geral, Simone Andrade Silva, também foram exoneradas dos seus cargos.
Assim como no caso do secretário da Fazenda, as motivações para a saída de Herculina Martinez e Simone Andrade estariam ligadas ao fato de não terem cedido às pressões da administração da prefeitura, que envolveriam João Henrique e sua mulher, a secretária de Saúde, Tatiana Paraíso.
O que parece ficar claro nessas sucessivas demissões é a tentativa da prefeitura de influenciar seus funcionários e demais servidores. Além disso, informações coletadas pelo site Bahia Notícias indicam que recursos públicos que seriam destinados à Saúde e à Educação estariam sendo desviados para pagar despesas de campanha do PTN, partido do secretário João Carlos Bacelar, que recentemente foi denunciado por coagir funcionários e fazer campanha a favor de ACM Neto.

O que acontece? A prefeitura está sendo saqueada?
por Samuel Celestino – [centenário jornal ‘A Tarde’, veículo de comunicação ferozmente perseguido e censurado na “era auspiciosa” do carlismo! – adendo do matuto ‘bananiense’!]
http://www.bahianoticias.com.br/
Sábado, 20 de Outubro de 2012 – 09:26

O que de real está acontecendo no setor operacional das finanças de Salvador? É um enigma que terá que ser decifrado porque correm rumores de que as finanças estão sendo pilhadas, saqueadas, no final de governo. Já são quatro importantes quadros do setor que pediram demissão, entre eles o secretário da Fazenda e a subsecretária (…) Não tenho conhecimento de que algo parecido tenha acontecido. Com as demissões, estabeleceu-se uma desconfiança geral e anda a se falar em desvios, em saques ao tesouro, enfim coisas que tais que, em situação semelhante, emergem sem que isso signifique uma verdade, mas, sim, uma natural desconfiança. Salvador será entregue ao prefeito com os cofres zerados? Ou os pedidos de demissão têm outra conotação diferente do ruído que está nas ruas e dentro da prefeitura de maneira geral? É preciso saber e a verdade terá que ser cobrada (…)

###################################

EM TEMPO DE SUPREMO!: durma com um barulho deste e diga que sonhou ouvindo a voz maviosa de Leila Pinheiro!

Que país é esse, sô?! República da DIREITONA OPOSIÇÃO AO BRASIL, fascista eterna, MENTEcapta, impunemente terrorista, antinacionalista, corrupta, golpista de meia-tigela, “estúpida, despreza as próprias ignorâncias”, lembrando o enunciado lapidar do eminente e humanista pensador uruguaio Eduardo Galeano …

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Mauricio Dias: A manipulação escancarada da “ética” « Viomundo – O que você não vê na mídia

[…] Lentes da mídia turvam a mente do PSDB […]

Rogerio

O PIG e a elite esquece que o pobre vota. Vivem como num outro planeta. Sentem tanta repulsa do pobre que só se for político para lembrar do trabalhador. E só em época de eleição. O PT não. Lembra do povo pq petista é povo.

Fabio Passos

O psdb é apenas um tentáculo político do PiG.

O PiG é a verdadeira oposição e porta voz dos donos do poder.
É o PiG o incitador da classe média racista e raivosa.
O PiG é quem despreza o povo pobre e defende os privilégios indecentes da “elite” branca e rica.

Já passou da hora de acabar com a farra destas oligarquias midiáticas:

“ONU considera Ley de Medios argentina exemplar”
http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/onu-considera-ley-de-medios-argentina-exemplar


Ley de Medios argentina é modelo, diz relator da ONU
“A Argentina tem uma lei avançada. É um modelo para todo o continente e para outras regiões do mundo”, afirmou Frank La Rue, relator especial da Organização das Nações Unidas (ONU) para a Liberdade de Opinião e de Expressão, ao se referir à Lei de Serviços de Comunicação Audiovisual. “Eu a considero um modelo e a mencionei no Conselho de Direitos Humanos da ONU, em Genebra. E ela é importante porque para a liberdade de expressão os princípios da diversidade de meios de comunicação e de pluralismo de ideias é fundamental”, defendeu.

clodoaldo

LCA, esses dias eu comentava com um grupo de colegas, em um churrasco no dia das eleições municipais (1º turno), que, democraticamente eu havia sido obrigado a votar e que também domocraticamente eu, após exercer esse “direito” não poderia tomar minha cervejinha para relaxar. Enquanto isso na ditadura chavista os cidadãos venezuelanos, de forma ditatorial (imposta), não eram obrigados a ir às urnas, iam se assim o desejassem.
Mas mulas de nossa mídia tentam desesperadamente nos dizer o contrário, só que isso será a ruína deles.

    Fabio Passos

Maria Thereza

Aproveitando o título da matéria, o STF também se deixou iludir pelas lentes da mídia e conseguiu chegar ao nível mais baixo de crdibilidade perante a opinião pública (não a publicada). As jogadas da mídia, representante “com voz” do que há de mais retrógado no país buscou uma entidade que era até temida, por seu distanciamento das atividades comezinhas como, por exemplo, buscar votos, e arrastou o stf e grande parte de seus membros para o setor de “espetáculos e entretenimento”.
Vamos São Paulo! Haddad no dia 28, para que a população desse grande estado possa se integrar às mudanças que ocorrem no Brasil há 10 anos!

Wilson Garcia

Fico pensando ca com meus botoes, o Aercio diz que sobe em qualquer palanque pra derrotar o pt que é Lula,e O Lula já sentenciou que outro tucano nao subira ao poder novamente nos próximos 8 anos,se for preciso ele se candidata. e ai a coisa fica difícil pro ancinho, porque o serrote já era.

Antonio Marcos

A fase obscurantista da Zélite + seus braços políticos e midiáticos PSDB-DEM + PIG acabou em 2002 quando o metalúrgico foi eleito presidente do Brasil.

geniberto campos

O PIG deu o “beijo da morte” na Oposição, cujo réquiem está previsto para 28 de outubro, domingo, em Sampa.
Agora, pegou de jeito o STF, com as exéquias ainda sem previsão.
Corretíssima a imagem do Azenha: “quem usa os óculos do PIG acaba no fundo do abismo”.
Descansem em Paz!

ricardo silveira

Tenho a esperança, talvez ingênua, de que os tucanos e a mídia que os acompanha partidariamente estão deixando de ter a importância que sempre tiveram.

Leo V

Mas discordo que o Estado está ausente nas periferias. Pelo contrário, ele está muito presente. Nas periferias o Estado mata e reprime, está bem presente.

abolicionista

O PSDB está no rumo certo, basta que se mantenham nessa direção para que voltem ao nada de onde nunca deveriam ter saído.

sergio m pinto

Pois é, Azenha, de poste em poste, o Lula vai iluminando o Brasil.
(parabéns a quem criou a frase)

    Scan

    Foi o próprio Lula.

Jose Mario HRP

LULALÁ!!!!
Como é bom ver a turma do PIG estrebuchar!

Pedro

Muito bem, Azenha. Meus parabéns. Essa sua simplicidade, sem lances teóricos, é fundamental para se entender, melhor, como anda esse nosso mundo.
Azenha, uma opinião: saiu no Carta Maior um manifesto dos economistas da Unicamp – Manifesto pela Civilização -, que tal divulgá-lo no seu blog?
Creio que acertaram no título e no conteúdo.
Fico pensando, se todos os blogs o publicassem simultaneamente, não teríamos um efeito maior? Teríamos, não?

FrancoAtirador

.
.
GREVE DE JORNALISTAS CONTRA DEMISSÕES EM PORTUGAL

Protesto de jornalistas: “o que está em causa é a defesa da democracia”

Mais de duas centenas de jornalistas concentraram-se em frente à redação do Público, em Lisboa, em protesto contra os despedimentos e os cortes orçamentais no setor.

A deputada do Bloco Catarina Martins, que participou neste protesto, sublinhou que “esta grande convergência da comunicação social na defesa da democracia é essencial”.

“O que dá voz a todo o país, o que nos permite dizer aquilo que é necessário dizer em cada momento e ter informação do que se está a passar no país, é a comunicação social”, frisou a dirigente bloquista, adiantando que “estamos a viver momentos muito perigosos, muito sombrios” e que “esta mobilização, esta grande convergência da comunicação social na defesa da democracia é essencial”.

“Não é só a defesa dos seus postos de trabalho” que está em causa, “é a defesa da democracia”, defendeu. “Os problemas não estão só no Público, na RTP e na Lusa. Sabemos que todos os órgãos de comunicação social estão a sofrer uma fragilização da sua capacidade. Sem imprensa, sem comunicação social, é um país que fica calado, sem democracia”, rematou a deputada do Bloco de Esquerda.

A concentração, que decorreu em frente da redação do Público, na Rua Viriato, n.º 13, em Lisboa, e que teve início às 11h, reuniu trabalhadores do jornal Público, que agendaram uma paralisação para o dia de hoje como forma de luta contra a intenção da Sonaecom de proceder ao despedimento de 48 trabalhadores;
da agência Lusa, que cumprem hoje o segundo dia de greve contra os cortes orçamentais no contrato de programa de 2013;
e da Comissão de Trabalhadores da RTP, que manifestaram a sua solidariedade para com os trabalhadores do Público e da Lusa e anunciaram a sua presença nas iniciativas de protesto.

Nesta concentração participaram ainda vários jornalistas veteranos, como é o caso de Diana Andringa e Adelino Gomes.

A partir das 13h, a concentração deslocou-se para a sede da agência Lusa, onde continuará a decorrer o protesto. Para sábado, os órgãos representativos dos trabalhadores da agência Lusa marcaram uma ação de sensibilização junto ao café A Brasileira, à saída do metro da Baixa-Chiado, às 12h, e para domingo foram agendadas ações de sensibilização feitas por diversos piquetes de greve junto dos restantes órgãos de comunicação social, clientes dos serviços da Agência Lusa.

Já na segunda feira, realizar-se-á uma conferência de imprensa, às 11h, nas instalações do Sindicato dos Jornalistas, em Lisboa, com os representantes dos órgãos representativos dos trabalhadores.

Várias personalidades e coletivos já vieram manifestar a sua solidariedade para com os trabalhadores da agência Lusa, entre os quais a Federação Nacional da Educação (FNE), que saúda a sua “coragem e determinação”, e a Associação Portuguesa de Realizadores (APR), que se afirma indignada “contra mais um golpe no Serviço Público”, considerando que “o Governo de Passos Coelho faz um cerco mortal à informação independente”.

A greve no jornal Público conta com uma adesão de 90% no Porto e de 86% na redação de Lisboa.

http://esquerda.net/artigo/protesto-de-jornalistas-o-que-est%C3%A1-em-causa-%C3%A9-defesa-da-democracia/25106

    FrancoAtirador

    .
    .
    Greve do “Público” e da Lusa: a união faz a força

    ESQUERDA.NET | Reportagem |

    O Esquerda.net esteve na concentração de jornalistas e outros trabalhadores diante do jornal “Público, com a presença dos grevistas dos dois órgãos de comunicação e o apoio da CT da RTP e muitos jornalistas.

    Ouvimos Sofia Lorena, da Comissão de Trabalhadores do “Público”, e Sofia Branco, do Conselho de Redação da Agência Lusa.

    http://www.youtube.com/watch?&v=SfYpqpJkRVc

    FrancoAtirador

    .
    .
    O ATAQUE AOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO SOCIAL
    PÚBLICOS E ALTERNATIVOS INDEPENDENTES
    ESTÁ OCORRENDO EM ESCALA GLOBAL

    O que os governantes da direita portuguesa estão fazendo agora em Portugal é o mesmo que o governo do PSDB paulista fez e continua fazendo com a TV Cultura de São Paulo
    e o que os tucanos, desde sempre, pretenderam e ainda pretendem fazer, no Brasil, com os meios públicos de comunicação social e com os canais brasileiros de mídia alternativa, hoje, principalmente na internet,
    com o evidente objetivo de privilegiar algumas poucas e bem determinadas empresas jornalísticas privadas e manter cada vez mais concentrado o poder para manipular a notícia, pela falsificação da realidade dos fatos, restringindo o acesso à Verdade, monopolizando os meios de divulgação,
    para finalmente cercear aos cidadãos o direito fundamental à informação, um dos princípios dos Direitos Humanos universais garantido em toda Democracia Constitucional.
    .
    .

Jean Souza

“É que Narciso acha feio o que não é espelho.” (compositor “tucano”)

Hiro

É equivocada a visão de que o psdb possa “voltar a ser o que era”, segundo alguns pensam, supostamente com monthoro, kovaz etc. Ou mesmo reorientar-se e “mudar de rumo”. A origem e natureza desse partido é de direita e sua base são os 20% da população, da ponta da pirâmide. O psdb nunca foi um partido de esquerda. Nunca. Sempre foi um partido unicamente compromissado com o capitalismo total e, logo, a privataria. É de kovaz p.ex., a noção do “choque de capitalismo”. Ou seja, ser mais e verdadeiramente capitalista do que a antiga agremiação, o pmdb. Não à toa, o estado de SP foi totalmente privatarizado a partir e principalmente com kovaz. Nada restou de patrimônio estadual. Tornou-se inteiramente dependente federal. E desde a redemocratização em 1985 nunca houve “alternância política”, como mistifica çerra: são 27 anos de uma mesma e única dominação em SP. Os únicos beneficiados dessa ditadura de extrema-direita entreguista foram as multinacionais e os 20% da ponta da pirâmide. Não à toa querem privatarizar o SUS em 25% de seu atendimento. O único objetivo tungano é o de vencer e dominar o PT, visto que a base desse partido é o Povo (80%). Logo, vencer o psdb representa libertar SP e o Brasil.

Hildermes José Medeiros

Não só o PSDB, mas acredito que a maioria dos partidos sofrem desse mal de acrditar na mídia, até mesmo parte do PT, principal partido de apoio ao Governo, onde milita Lula e Dilma. A dependência de nossa mídia dos ditames da mídia internacional, seu compromisso com divulgar e apoiar tudo, mas tudo mesmo, principalmente nos assuntos de interesse político e econômico do comando do capitalismo, expresso no chamado G-7, que é a gerência maior do sistema, que ainda impõe as diretrizes do Consenso de Washington, cuja globalização se dá pela condução econômica dentro do neoliberalismo. Essa mídia cuja expressão maior de controle, que envolve o Brasil, dá-se através da Sociedade Interamericana de Imprensa-SIP, que pauta toda imprensa nas Américas, tendo como sócios todos os grandes jornais do continente, que tratam os interesses de seus países como secundários, diante dos interesses políticos e econômicos dos ricos países capitalistas. Para dificultar ainda mais, países como o Brasil são figurantes nesse comando capitalista, através do G-20. Outros instrumentos de controle são os organismos bilaterais como a Organização das Nações Unidas-ONU, principalmente o Conselho de Segurança, que conta com membros com direito de veto, impedindo qualquer ação, que mesmo não interessando a mais 190 países, será adotada, se somente os cinco membros desse Conselho forem contrários. Também o Fundo Monetário Internacional e o Banco Mundial exercem controles nos países mais frágeis. É por essas e por outras, que em nosso Brasil. O resultado de tudo isso é claro no Brasil, embora nos últimos anos haja melhorado também para os pobres. Nosso economia é totalmente dominada pelos países ricos, e vem aumentando essa dominação. A figura de Brasilino, criada na década de sessenta do século passado pelo Sociólogo Paulo Guilherme Martins, somente vem se abastardando tal o domínio de nossa economia pelo capital multinacional, sua marcas mais famosas, embora muitas delas produzam por aqui mesmo. Esses compõem o verdadeiro Leviatã, não os estados nacionais.

Amauri Teixeira: ACM Neto diz que é de seu avô o Bolsa Família criado por Lula « Viomundo – O que você não vê na mídia

[…] Lentes da mídia turvam a mente do PSDB […]

Donizeti – SP

Excelente artigo Azenha, vou repassar.

Roberto Locatelli

Muito importante o Azenha mostrar a verdadeira cidade de São Paulo, uma cidade na qual a grande maioria é pobre. Por exemplo, 75% dos paulistanos não têm carro.

É emblemático o caso das famílias paulistanas que ficaram eufóricas porque o Luz para Todos levou eletricidade para suas casas. É o caso de se perguntar: porque a prefeitura ou o governo do estado não levaram eletricidade para lá. E a resposta é dividida em duas partes: 1) para a mídia e para os demotucanos, essas famílias simplesmente não existem. 2) os tucanos governam para a minoria rica de São Paulo.

Fabio Passos

O psdb já é apenas o tentáculo político do PiG.
Estão em uma luta duríssima… contra a realidade.

Roberto Locatelli

O PIG protegeu tão completamente os demotucanos, que eles se infantilizaram. Não conseguem andar pelas próprias pernas.

Se Haddad ganhar, teremos um prefeito fiscalizado e, mais do que isto, atacado pela carcomídia, o que não acontece com Serra e Kassab.

Só para dar um pequenino exemplo: a famigerada duplicação das marginais. Vejamos alguns pontos
1) essa obra eleitoreira de Serra custou até agora R$ 2 bilhões. O valor originalmente contratado era de R$ 1 bilhão.
2) A empreiteira é a Delta.
3) A obra não resolveu o problema dos congestionamentos. Aliás, os técnicos já haviam avisado disso muito antes da obra ser iniciada.
4) Por meses a fio as novas pistas ficaram sem sinalização, levando insegurança aos motoristas.
5) A impermeabilização da área agravará o problema de enchentes.
6) Árvores foram extirpadas e, supostamente, novas mudas de árvores foram replantadas em outros lugares da cidade para substitui-las. Sei, sei…

O PIG deu uma noticinha aqui, outra ali, e o assunto foi EXTINTO. Imagine-se se fosse um prefeito do PT a fazer uma barbaridade dessas…

Então, é melhor votar no PT. Do contrário, teremos um prefeito que poderá fazer o que quiser que a carcomídia se calará, em troca de milhões de reais em compras de jornais e revistas, tudo sem licitação.

    Rose PE

    Sr. Roberto, tens toda razão, vamos votar no PT. Haddad 13 dia 28 de outubro.

Bonifa

Azenha, creio que agora você tocou no ponto nevrálgico. Se Kassab encarna a especulação imobiliáia e o higienismo social, então ele é o mesmo que os governos de São Paulo representavam para a cidade já lá se vai um século. Uma tradição cheia de ramificações históricas que custam a morrer, mas que não interessam mais a uma São Paulo que não só deve como quer se reconciliar com um novo tempo do país ao qual pertence. E que demanda um novo tipo de governante, preferivelmente de um autentico partido e não de uma conferência de grupos, que compreenda, interprete e represente as forças populares que em São Paulo lutam para se impor, elevandose acima dos orgulhos elitistas.

Roberto Locatelli

O fato é que há um golpe de estado em gestação. A primeira fase – condenar Dirceu e Genoino – já foi completada.

O PT e a esquerda cresceram eleitoralmente, no nível municipal. A elite não vai esperar até 2014 para dar o golpe. O STF já se mostrou disponível como ferramente principal desse golpe.

Fernando Soares

Análise simplesmente espetacular e verdadeira, parabéns.

Fabio Passos

Márcio Oliveira

Afinal, o PIG precisa ter alguma utilidade, uai!

nona fernandes

A elite ainda não entendeu, ou finge que não entendeu, que,admitindo ou não, o PT é um fenômeno. Muitos comentaristas, devido a interesses escusos diversos, também fingem acreditar que PT e PSDB são iguaisinhos,cara de um, focinho do outro. Mas, se gente imaginar que nas mesmas proporções que a mídia bombardeia o PT negativamente, faz vista grossa para todas as falcatruas do PSDB, dá todo o espaço aos álvaros dias da vida,e que, mesmo após dois meses diários de mensalão, o PT cresceu mais do que o PSDB, nessas eleições, aí minha gente, cego é quem não quer ver. O PT incomoda tanto, que a mídia tucana caiu na besteira de divulgar em quase todos os jornais de hoje, uma declaração de Aécio Neves, que diz que sobe no palanque “até” do PCdoB, e de qualquer outro partido, para tentar barrar o avanço do PT em Minas Gerais. Isso para mim,quer dizer, entregar o ouro ao bandido, ou admitir que o PT é mais poderoso do que se imagina.

rodrigo

Apesar de não se tratar só disso, a alegoria da caverna de Platão ajuda muito bem a explicar…

Fabio Passos

Imaginem só o quão desorientados estão aqueles que acreditam no PiG.

E a cada derrota eleitoral emergem manifestações raivosas e preconceituosas dos militantes do PiG contra os pobres, negros, nordestinos…

O PiG é uma máquina de idiotizar brasileiros.

1 min de silêncio pelo contínuo sofrimento das viúvas do PiG!

Rose PE

Está difícil remover Lula, pois foi um governo que enxergou que deveria investir no social, na classe menos favorecida, na classe média, lembro que no governo FHC ouvi de um corretor do empreendimento que fui ver sonhando com a casa propria ” que o governo federal (época FHC) não tinha investimento para pessoas com minha renda, infelizmente senhora é isso”, fui embora dali revoltada, porém em 2003, logo governo Lula já ouvi o contrário de outro corretor ” senhora , o governo (Lula) tem maior interesse que a senhora sendo funcionário venha financiar sua casa própria”, está ai a grande diferença de Lula e FHC, realmente desse jeito não dar para remover Lula, nem dando GOLPE. Para São Paulo haddad 13.

Ulisses

Engraçado que são os mesmos que quando o PSDB anunciava que tinha chegado para ficar no governo federal por 20 anos a mídia aplaudia de pé e achava salutar para democracia. Quanta diferença

Deixe seu comentário

Leia também