VIOMUNDO

Diário da Resistência


Denúncias

CartaCapital: O jornalismo de esgoto corre por outras bandas


02/01/2013 - 19h48

por Sergio Lirio, em CartaCapital

Leio por aí que o Ministério Público de Minas Gerais acusa CartaCapital de forjar documentos do processo do “mensalão tucano”. Repito: a revista teria sido acusada pelo MP mineiro de criar e publicar papéis falsos de uma ação judicial, segundo os relatos na internet. O autor de acusação tão grave terá de provar em juízo suas palavras.

Aos sites que se apressam em reproduzir a “informação” sem ouvir a revista, lembro que CartaCapital não publica fichas policiais nem documentos falsos, não acusa sem provas, não transforma bandidos em heróis da pátria, não converte bolinha de papel em tijolo, não se associa a meliantes da estirpe de Carlinhos Cachoeira nem recorre aos serviços de arapongas (que se converteram nos verdadeiros “repórteres investigativos” de Brasília). Não fazemos parte deste clube e é patético o afã de tentar nos misturar a esta gente. O jornalismo de esgoto corre por outras bandas.

Quanto ao processo do “mensalão tucano”, a exemplo do episódio da famosa Lista de Furnas, mais uma vez fica claro o poder de quem se esforça para desmoralizá-lo. E, desta feita, impressiona a participação do MP mineiro nesta empreitada. A Lista de Furnas também foi descrita como falsa. Até hoje, aliás, o ex-governador e deputado federal Eduardo Azeredo (PSDB) usa este argumento (a de que a lista foi forjada) para responder a textos que descrevem como o valerioduto funcionava em seu quintal. Parte da mídia “isenta e independente” repete a tese de Azeredo para ver se cola. Mas uma perícia do Instituto de Criminalística da Polícia Federal comprovou que a lista não foi adulterada e que as assinaturas são verdadeiras.

A reportagem de Leandro Fortes, como de hábito, baseou-se em documentos obtidos com fontes seguras, participantes ativos do esquema que serviu de laboratório para a tecnologia de caixa 2 desenvolvida pelo publicitário Marcos Valério de Souza e mais tarde adotada pelo PT. Estamos absolutamente tranquilos.

Para refrescar a memória dos leitores, reproduzimos a seguir a reportagem publicada na edição número 723, de 11 de novembro de 2012. Leia clicando AQUI.

Leia também:

Rogério Correia: “Valério operou ao mesmo tempo para o Aécio e o PT”

Amaury promete revelar bastidores do complô para derrubar Lula e Dilma

Antonio Lassance: PSDB tenta tirar o foco do mensalão tucano

Conceição Tavares: Economist no palanque de Aécio

Rogério Correia: Cemig escolhe o lucro da Andrade Gutierrez

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



28 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

MP mineiro: Não acusamos CartaCapital de forjar documentos « Viomundo – O que você não vê na mídia

03 de janeiro de 2013 às 20h33

[…] CartaCapital: O jornalismo de esgoto corre por outras bandas […]

Responder

Bonifa

03 de janeiro de 2013 às 18h31

Gilmar Mendes queria o quê, quando arrolou o advogado da Carta sobre a falsidade da lista em que seu nome, Gilmar Mendes, aparece como havendo sido beneficiado com a distribuição de dinheiro do Valerioduto Tucano? A lista foi periciada pela Polícia Federal e é verdadeira. E Gilmar Mendes sabe disso. Então, qual é o seu plano? Agora, vem o Ministério Público de Minas (Quem, no Ministério Público? É preciso saber nomes, e responsabilidades.) falando que a Carta Capital falseou documentos do inquérito do mensalão tucano. Não há esta possibilidade, e o MP de Minas sabe disso, também. Então, o que está acontecendo? O mais fácil é que um pequeno complô esteja tentando livrar Gilmar Mendes da forca, jogando fumaça no ar. Mas também pode ser que esteja em curso uma gigantesca tentativa de transformar tudo o que é verdadeiro em falso, reduzindo a pó o mensalão tucano com todas as suas provas cabais, livrando Gilmar e também Aécio e muitos outros tucanos do enforcamento certo, passando por cima de tudo e de todos. Esta tentativa seria mais ousada que o próprio golpe do julgamento escandaloso do mensalão 470, e não poderá vingar, esta seria uma empreitada muito grande para vingar, embora todos os tucanos, de Aluysio a Guerra, continuem batendo na mesma tecla da falsidade de documentos. Uma coisa é deixar de julgar ou adiar o julgamento até que todos os mensaleiros tucanos morram de velhice. Outra coisa é apagar todo o processo, todos os indícios, todas as provas. Não há possibilidade de que tal empresa vingue. Não vingaria nem que fosse em Honduras, quanto mais aqui e na atual circunstância.

Responder

Emanuel Cancella

03 de janeiro de 2013 às 17h42

A DIREITA BRASILEIRA E A MÍDIA QUEREM CONTER O CICLO VIRTUOSO DO BRASIL

O ciclo virtuoso do Brasil começou com Lula e continua com Dilma. Quando Lula assumiu o governo, a direita brasileira, que usou todas as armas para impedir sua eleição, apostou no caos. Lula se elegeu e se reelegeu e saiu do governo com índices de satisfação da sociedade pouco vistos no mundo.

Agora a presidenta Dilma enfrenta uma oposição ferrenha, haja vista o orçamento da União que, se não fosse usada uma medida provisória, o Brasil ficaria sem dinheiro para honrar seus compromissos. A oposição, não satisfeita em impedir seção do Congresso Nacional no final de 2012 para votar o orçamento de 2013, ameaça entrar na justiça contra a medida provisória. Na verdade, sem o orçamento da União eles estão prejudicando o Brasil e os brasileiros. E como se o pai ou a mãe de família não tivesse como honrar os compromissos financeiros no inÍcio do ano: IPTU, matrícula na escola das crianças, IPVA etc, seria o caos.

O desempenho pífio da oposição nas eleições municipais e nas prévias para eleição à presidência em 2014, isso depois de todos os escândalos mentirosos, requentados e implantados contra o governo, principalmente com o julgamento do mensalão, mostrou que o povo está apoiando o Lula, o PT e a Dilma. Mas a direita brasileira, aliada à mídia, não desistiu e não dá trégua, funciona como uma quadrilha se revezando, mentindo, requentando e fabricando notícias negativas contra o governo e o Brasil.

Hoje, 3/11, a manchete da Folha tirou a máscara e se apresentou como um panfleto partidário, mentiroso e ridículo contra o governo: “Triênio de Dilma poderá ser o primeiro desde Collor em que o país crescerá menos que todos os vizinhos”. A má fé da Folha é tão grande que já fez projeção catastrófica para os três anos de Dilma. Poderia dizer, por exemplo, que o PIB brasileiro é maior que todos os países vizinhos juntos, assim quantitativamente o Brasil crescerá muito mais.

E usou para subestimar o desempenho econômico do Brasil, dirigentes do Cytibank, e dos bancos privados brasileiros (Itaú, HSBC), todos esses bancos particulares estão morrendo de ódio do governo Dilma que, em beneficio da sociedade, usaram o banco do Brasil e a Caixa Econômica para diminuir os juros bancários e conseqüentemente seus lucros. E o mais ridículo, a consultaria usada pela Folha é Britânica, EIU (Economist Intelligence Unit) da qual faz parte a Inglaterra país da mesma revista, The Economist, que, de forma estapafúrdia, sugeriu a saída do ministro da Fazenda, Guido Mantega.

A Folha esqueceu-se da crise financeira internacional que jogou os Estados Unidos e a Europa no caos econômicos, onde o EUA teve que usar dinheiro público para salvar o Cytibank e a General Motors – GM, símbolos da iniciativa privada. Tanto os EUA como a Europa enfrentam além do PIB baixo, uma onde de desemprego em massa, na Grécia e na Espanha e em Portugal acima dos 20%. E o que essa imprensa não diz é que o Brasil se aproxima do pleno emprego e que agora já somos a sexta economia no mundo!

A despeito dessa má vontade da Folha com o Brasil, os turistas invadiram nosso país na passagem de ano, gerando emprego e renda. O Congresso está discutindo a distribuição dos royalties à União, estados e municípios. E vamos começar a produzir petróleo em grande escala com o pré-sal. Será que a Folha não teria outra noticia econômica sobre o governo Dilma e o Brasil?

Alerta geral: Matéria enviada à Folha, O Globo, Estadão, JB, Veja, e Época, entre outros jornais e revistas para publicação. Enquanto a “lei dos meios” não chega em nosso país, vamos usar as redes sociais para divulgar noticiais verdadeiras sobre nosso país. A orientação da direita e da mídia brasileira a exemplo dessa matéria da Folha é pautar noticias negativas contra o governo e o Brasil, para conter nosso ciclo virtuoso, não importa que sejam fabricadas, requentadas, mentirosas tem que falar mal.

RIO DE JANEIRO, 03 de janeiro de 2013

Responder

Edno Lima

03 de janeiro de 2013 às 15h09

Vereadora de Ponta Grossa Ana Maria Branco forja o próprio sequestro. Só podia ser petista!

Responder

    Bonifa

    03 de janeiro de 2013 às 22h55

    Só podia ser petista? Que babaquice é esta? E o presidente da Câmara Municipal que assumiu e é do PC do B? Também só podia ser comunista?

J Tavannes

03 de janeiro de 2013 às 11h54

Por favor não deixem de ler, neste mesmo blog, a entrevista com o grande e legítimo João Stedille. Vale a pena. Por exemplo, é incontestável o que diz sobre o imprensalão QUE SE PASSA POR POPULAR mas está nas mãos da burguesia retrógrada deste país. Não adianta querer se politizar lendo os jornalões ou assistindo a TV. Tem de saber quem está por detrás do meio de comunicação. Ou então, meus caros, vcs irão morrer achando que só existiu o mensalão do PT.

Responder

Julio Silveira

03 de janeiro de 2013 às 11h12

É isso aí, tem que processar o acusador por calunia, injuria e difamação. Mas mantendo informados todos aqueles que sabem poder confiar na revista. Será um tremendo exemplo de cidadania vindo de uma referência jornalistica.

Responder

Francisco

03 de janeiro de 2013 às 10h28

Eu nem esquento mais com essas coisas…

Chega lá, na hora “h”, o PT afina, a justiça brasileira tem interesse zero em fazer cumprir as Leis (embora tenha muitos interesses…) e fica tudo por isso mesmo.

Na hora do assalto ao Palácio de Inverno, o PT chama o Odair.

Responder

Ramalho

03 de janeiro de 2013 às 09h25

A iniciativa do MP mineiro põe a nu a inoperância dos MP em geral. Por exemplo, nenhum MP se mexeu para dar consequência às denúncias gravíssimas feitas pelo senador Fernando Collor contra o procurador geral da república. Nenhum MP se mexeu para investigar a denúncia do ministro Gilmar Mendes e do ex-senador Demóstenes Torres de um grampo sem áudio, uma, portanto, falsa comunicação de crime, no mínimo. Nenum MP investiga as repetidas enchentes em Sampa, sem que providências efetivas sejam tomadas. O MP não se mexeu para investigar as denúncias feitas no livro “A Privataria Tucana”.

O MP é instituição que frustra o país e que está sendo, pelos exemplos elencados, usada politicamente em desfavor do Povo. Isto é lamentável também porque no MP há jovens profissionais idealistas que, se pudessem, estariam trabalhando efetivamente em favor do país. A esperança que resta é a de que estes profissionais não desanimem e que em algum momento façam a diferença em favor da Sociedade.

Responder

henrique de oliveira

03 de janeiro de 2013 às 08h48

MP é uma filial dos demos tucanos no BRASIL inteiro eo stf nada mais é ou se transformou numa especie de tribunal midiatico , Carta Capital tem muito mais credibilidade do que stf e mps.

Responder

João-PR

03 de janeiro de 2013 às 01h23

Por que o MP mineiro, então, não processa a Carta Capital?
Será que aprenderam que não se processa quem tem razão? Sim, pois o Amaury Ribeiro Jùnior teve acesso aos documentos que embasam “A privataria tucana” justamente porque foi processado, e pediu a exceção da verdade.
Entre o MP mineiro, e a Carta Capital, acredito mais na revista.

Responder

    Jairo Falcucci Beraldo

    03 de janeiro de 2013 às 09h48

    João, me diga …. quem re-al-men-te tem medo do tal mensalão tucano ir para o plenário do STF? O Ban-co-do-Bra-sil que não é, te garanto! Quem foi que disse, eu seu vo-to que o dinheiro da AP-470 era “pú-bli-co”? Por o ilustre não re-co-men-dou que o Ban-co-do-Bra-sil processasse o “ladrão”?

paulo roberto

03 de janeiro de 2013 às 01h18

“Ocultação de Patrimônio”. Laranja complica Aécio e Andréa Neves
Arrolada como testemunha de acusação, ex “sócia” dos irmãos Andréa e Aécio Neves abre o jogo na PF e confessa que era apenas laranja.
A situação do Senador Aécio Neves (PSDB/MG), complica-se cada vez mais, depois de divulgada por Novojornal a “Lista de Danilo de Castro”, que fundamentou a “Lista de Furnas”, descrevendo como foram distribuídos os recursos arrecadados ilicitamente por Dimas Fabiano na campanha de Aécio para governador de Minas em 2002.
Decisões idênticas foram tomadas em relação a todas as iniciativas de investigações contra Aécio Neves e integrantes do Governo de Minas Gerais, que tramitaram na PGJ-MG nos últimos 10 anos. Atualmente encontra-se pendente de julgamento o pedido de reconsideração da decisão tomada.

Em Brasília, o Procurador Geral da República, Roberto Gurgel, determinou “sigilo total” sobre as investigações. Porém, procuradores críticos de sua atitude, por considerá-la partidária, informam que na semana anterior ao natal de 2012 chegou à mesa de Gurgel parecer de 35 páginas contendo levantamentos preliminares recomendando que fosse aberto procedimento investigatório.

Fonte: http://www.novojornal.com/politica/noticia/ocultacao-de-patrimonio-laranja-complica-aecio-e-andrea-neves-02-01-2013.html

Responder

Messias Franca de Macedo

02 de janeiro de 2013 às 23h45

… Estamos em guerra!…

… Agora não se trata de defender a reputação da revista ‘Carta Capital’; a credibilidade do egrégio, competente e honesto jornalista Leandro Fortes; o ‘José Genoino do Brasil’, o João Paulo Cunha, o [eterno presidente] Lula, a presidente Dilma Vana Rousseff, A Magnífica… Agora a resistência democrática tem que ir até as últimas consequências!… Defender a esquerda! Defender a nossa ‘tênue’ subdemocracia – e o nosso tíbio Estado de Direito ! Defender os 10 últimos anos de avanços instituídos neste país! Defender a paz, a verdade… E a honra!…

… E o que poderiam ser ‘os primeiros passos de uma longa marcha, triunfante'(!): Convocar o eminente e impávido Franklin Martins; demitir o (quase-)tucano ministro da Justiça; “conceder asilo”(!) ao egrégio delegado Paulo Lacerda; exigir que a Polícia Federal “vá a fundo nas investigações”!; a depender dos resultados do processo policial, exonerar por justa causa e *processar criminalmente o tal promotor do MI(ni)STÉRIO Público (MG) “do Gurgel”!…
*crimes de calúnia e difamação, estelionato, falsidade ideológica, prevaricação, ‘flexibilização à [espúria] pressão do [DEMo]tucanato’ & outras delinquências mais a surgir durante o inquérito!…

AS RUAS, AVENIDAS, BECOS, ALAMEDAS, GUETOS… ESPERAM – E CLAMAM -, ANSIOSOS, POR VOZES! OU NÃO?!…

É VAPT VUPT!…

… Estamos em guerra!…
… Quem (sobre)viver, verá!…

BRASIL (QUASE-)NAÇÃO
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

assalariado.

02 de janeiro de 2013 às 23h24

O esgoto burgues vai muito além do jornalismo de classe. As instituiçoes contidas neste artigo fazem parte de um mesmo saco de maldades ideologico. Vejamos, só neste artigo da Carta Capital: MP, STF, PIG, Partidos e tals. Percebam, estou falando (de regra) e (não de exceção). De cada 10(quarteis) digo instituições, 9 pelo menos, dos seus (soldados), são ideologicamente controlados, por quais ideias mesmo? Isto, quando os atores que fazem as leis, não são os próprios donos dos meios de produção com roupagens diferentes e, em lugares também diferentes. Fragmentar, confundir, dominar para explorar.

Oras, o que é o Estado constituído, senão um covil de instituições dominadas pelos donos do capital e seus soldados, para agirem segundo preceitos ideologicos da burguesia capitalista? Com certeza, o “Estado de Direito”, no sentido burgues da palavra, nada mais é que, um aglomerado de quarteis (instituições) para tramoias e normas juridicas que agem “democraticamente” de forma legalista e invisivel da classe socialmente dominante, para dominação e exploração sobre o todo social. Enfim, são organizações e mecanismos que controlam e manipulam o funcionamento da sociedade e os indivíduos. São produtos do interesse social que refletem os interesses economicos opostos (antagonicos), de uma sociedade de luta de classes, na luta pelo poder governamental ( executivos, parlamentos, poder judiciário e tals), que se da através da HEGEMONIA, da classe socialmente dominante sobre a dominada.

Esta é a tática do capital, tempo inteiro. Ou seja, na cabeça do povo: o STF é um, a rede globo é outra, o MP é outro, o congresso é outro, enfim as massas não sabem que são atores diferentes e ‘independentes’ (MAS), com o mesmo manuscrito, digo ideologia. Só está faltando avisar o povo, não é mesmo partidos das esquerdas? Por mais que tentem esconder, esta é a luta do CAPITAL X TRABALHO, estupidos!

Rumo a construção de uma sociedade/ Estado Socialista.

Responder

Jacó do B

02 de janeiro de 2013 às 23h15

MP Advogando para os tucanos. 2013 promete!

Responder

Jose Saguy Tenorio

02 de janeiro de 2013 às 23h09

Ah, sabe que eu acho isso muito bom? pois assim, voltamos a discutir o assunto. E eu acredito piamente na conduta e postura da Carta Capital. É muito bom que haja discussões a respeito desse tema, uma vez que nenhuma matéria séria, que acusa o pessoal da direita ganha o seu devido espaço na mídia tradicional. E agora com essa controversa a coisa ganha proporções maiores e traz para um debate mais clareado.
Eles vão usando todos os poderes que a eles se aliaram, mas ainda assim estão desesperados e o STF agora não pode dá outro rumo a esse que não seja o mesmo do caso anterior. A Carta Capital tem que se manter firme e calçada de todos os documentos que serviram de base para construir a matéria. E aqui esfregando as mãos para um desfecho altamente favorável a quem realmente faz jornalismo sério, imprcial e honesto.

Responder

Messias Franca de Macedo

02 de janeiro de 2013 às 22h47

CARTA REAFIRMA DENÚNCIA
CONTRA TUCANOS (DE MG)
Publicado em 02/01/2013
em http://www.conversaafiada.com.br/brasil/2013/01/02/carta-reafirma-denuncia-contra-tucanos-de-mg/#comment-1011644

Marcos Valério informa ter sabido que “a velha cúpula do PSDB”, segundo ele formada por FHC, os ex-senadores Tasso Jereissati (CE) e Arthur Virgílio Neto (AM), além do senador Álvaro Dias (PR), teria convencido alguns ministros do STF “a julgar o processo do mensalão do PT primeiro.

Jornalista Paulo Henrique Amorim

A VERSÃO DO MATUTO ‘BANANIENSE’, (QUASE-)UM PLÁGIO! QUASE!…

Marcos Valério informa ter sabido que “a velha cúpula do PSDB”, segundo ele formada por FHC, os ex-senadores Tasso Jereissati (CE) e Arthur Virgílio Neto (AM), além do senador Álvaro Dias (PR), teria convencido alguns ministros do STF “a julgar EXCLUSIVAMENTE o processo do mensalão do PT, primeiro e único!…”

PANO RÁPIDO!

… Que país é este, sô?!… O fim do mundo é aqui!…

“… Vou-me embora para Pasárgada!…”
Manuel Bandeira

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Messias Franca de Macedo

02 de janeiro de 2013 às 21h57

O GOLPISMO NÃO SOSSEGA! OU [MAIS] UMA BLINDAGEM ESPÚRIA AOS CRIMES DO [DEMo] TUCANATO! ENTENDA

MP-MG ACUSA CARTA CAPITAL DE FORJAR DOCUMENTO

O Ministério Público de Minas Gerais (MP-MG) requisitou instauração de inquérito policial à Delegacia do Departamento de Falsificações e Defraudações de Belo Horizonte, para apurar eventual estelionato jornalístico em reportagem de capa da revista Carta Capital de 9 de novembro. O Coordenador do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça Criminais (Caocrim), Joaquim José Miranda Júnior, acusa a revista de forjar documento reproduzido em reportagens relacionadas ao chamado mensalão mineiro (ou tucano).
(…)
Em férias, o jornalista Leandro Fortes, que assina a matéria em questão (à época, ele resumiu a reportagem no site da revista), disse ao *Comunique-se não ter conhecimento da acusação por parte do MP-MG.

FONTE: http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/89500/MP-MG-acusa-Carta-Capital-de-forjar-documento-MP-MG-acusa-Carta-Capital-forjar-documento.htm

*http://portal.comunique-se.com.br/index.php/editorias/28-carreira/70521-carta-capital-e-acusada-de-forjar-documento-em-reportagem-sobre-mensalao-tucano.html

RESCALDO: “NUMDISSE”?!… O MENSALÃO TUCANO SERÁ JULGADO PELO “INCLEMENTE STF” NO DIA EM QUE NASCER DENTES EM *AVES, INCLUINDO TUCANOS(!)!…

[Por que as aves não têm dentes?
por Yuri Vasconcelos
Porque eles não são mais necessários. Os antepassados desses animais, como o Archaeopteryx, uma mistura de ave com lagarto que viveu há cerca de 150 milhões de anos, tinham dentes bem desenvolvidos. Mas, com o tempo, a dentadura perdeu sua função e deixou de existir, dando lugar ao bico, que é um prolongamento das maxilas, os ossos responsáveis pela movimentação da boca. Como qualquer processo evolutivo, essa transformação radical não aconteceu de uma hora para outra e só foi concluída há algumas dezenas de milhões de anos, quando surgiram as aves atuais. Em vez de triturar a comida na boca, elas engolem a refeição inteira. E como elas se viram sem os dentes? A ausência de mastigação é compensada por um sistema digestivo poderoso, que conta com dois estômagos: um químico – o proventrículo, que começa a dissolver o alimento – e outro mecânico – a moela, que destroça o que sobrou do rango (veja ilustração abaixo). Só depois de passar por esse triturador natural é que a comida segue para o intestino e é absorvida.

FONTE: http://mundoestranho.abril.com.br/materia/por-que-as-aves-nao-tem-dentes%5D

… ADEMAIS, o conluio PIG/MP/STF é ‘peixe’ dos [DEMo]tucanos!…
… Viva a [seletiva!] prescrição no Direito Penal!…
… Viva “o ‘Brazil’ mudado radicalmente [risos] por um menino pobre chamado Joaquim!”…
… Viva o carnaval – as máscaras e as togas – que vão “bombar em vendas” – do justiceiro (sic) Joaquim do **“supremoTF”! Viva o Lucro e o capital!… Capital, leia-se, “grana”! [Carta] Capital, a revista, agora, pasme, ***“ré do MENSALÃO DOS [DEMo]TUCANOS”!
**“supremoTF”: aspas monstruosas e letras submicroscópicas!

***EM TEMPO: em se tratando de uma republiqueta de bananas, parodiemos o ex-governador da Bahia, Octávio Mangabeira: “Pense num absurdo! No ****Brasil tem precedente!”
****originalmente, “… Na Bahia tem precedente!”

RESCALDO: preparemos a ‘vaquinha’ para ajudar o jornalista Leandro Fortes pagar ‘a dosimetria da multa [a galopar(!)] cavalar’!…

República de ‘Nois’ Bananas
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Emanoel Neto

02 de janeiro de 2013 às 21h31

fazer o mesmo o que fez o autor da privataria tucana entre com uma ação de exceçao da verdade

Responder

Messias Franca de Macedo

02 de janeiro de 2013 às 21h31

… ‘O GOLPISMO CONTINUA’, EDIÇÃO 2013, DOIS DIAS, EM DOIS ATOS! ENTENDA

ATO GOLPISTA I – primeiro de janeiro, feriado [não para o PIGolpista/terrorista/antinacionalista!]: ‘Ocorrido 05 (cinco) anos antes do mensalão do PT, MENSALÃO mineiro não será julgado em 2013’ CACHOEIRA – perdão, ato falho -, FONTE: PIG, sucursal ‘Folha da ditabranda dos Frias’!

ATO GOLPISTA II – dois de janeiro: *MP-MG ACUSA CARTA CAPITAL DE FORJAR DOCUMENTO
(…)
O Coordenador do Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça Criminais (Caocrim), Joaquim José Miranda Júnior, acusa a revista de forjar documento reproduzido em reportagens relacionadas ao chamado mensalão mineiro (ou tucano)
(…)

FONTE: http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/89500/MP-MG-acusa-Carta-Capital-de-forjar-documento-MP-MG-acusa-Carta-Capital-forjar-documento.htm

*MP: MI(ni)STÉRIO PÚBLICO (sic)

O PANO DE FUNDO GOLPISTA/TERRORISTA! O PIG é rápido no gatilho(!): aproveitou as merecidas e legítimas férias de muitos blogueiros sujos, e tome-lhe metralhadora giratória a blindar o [DEMo]tucanato!…

RESCALDO I – esse é “o **’brazil’ mudado por um menino pobre chamado Joaquim!”
**’brazil’: aspas monstruosas, letras submicroscópicas e grafado ‘z’,
faça o favor,
revisor!

RESCALDO II – RESCALDO: “NUMDISSE”?!… O MENSALÃO TUCANO SERÁ JULGADO PELO “INCLEMENTE STF” NO DIA EM QUE NASCER DENTES EM *AVES, INCLUINDO TUCANOS(!)!…

RESCALDO III – comecemos a preparar ‘a vaquinha’ para ajudar o jornalista Leandro Fortes pagar ‘a dosimetria da multa [a galopar(!)] cavalar’!…

NOTA FÚNEBRE: somos um povo ou uma penca de bananas?!…
… Com a palavra a reação!…

Que país é este, sô?!…

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Messias Franca de Macedo

02 de janeiro de 2013 às 21h28

EM TEMPO DE GOLPISMO TELEVISIONADO, CONLUIO PIG/STF!: ‘mensalão mineiro’ significa uma ‘neoexpressão’ criada, ardilosa e capciosamente, pelo PIG objetivando anuviar/ocultar as delinquências contumazes da [nefasta, famigerada, entreguista/antinacionalista…] sigla PSDB/DEMo!…

NOTA FÚNEBRE: somos um povo ou uma penca de bananas?!…
… Com a palavra a reação!…

Que país é este, sô?!…

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

jofra

02 de janeiro de 2013 às 21h24

A CC têm a credibilidade. Passo a desacreditar no MP/MG! Acho que é TUCANO! Estamos fuzilados neste País! Os Tucanos é quem manda em TUDO!!!! No STF, no MP/MG……..que tristeza!

Responder

    José de Almeida Bispo

    02 de janeiro de 2013 às 23h36

    Você… acha! Eu, tenho a certeza: tem bicão comprido, sim. E não somente o mineiro.

jofra

02 de janeiro de 2013 às 21h22

Podem ter a certeza que ao menos a mâo de um dos ministros do STF existe neste procedimento! Adivinhem quem?

Responder

Urbano

02 de janeiro de 2013 às 21h11

Para acreditar numa ação dessa feita pela Carta Capital, o zé-mané precisa ser muito cretino. Vai ver que confundiram com algumas daquelas outras, de lá do outro lado…

Responder

Rasec

02 de janeiro de 2013 às 20h09

Só os ingênuos pra não perceber que o Ministério Público de SP e de Minas são vendidos ao tucanato a preço vil. Veremos o que Haddad vai sofrer com o MP Estadual de SP! Marta Suplicy provou da dose. Eles pedem ao Judiciário paulista, também vendido, que a Prefeitura crie vagas em creches. O Judiciário dava um mês ou mais quando não era governo petista. Com Marta o prazo era de 15 dias! Sim, 15 dias para criar 100 vagas em creches! O olha que Marta pegou a Prefeitura falida do finado Pitta, preso pela Polícia Federal no Governo Lula!
Que venha o valerioduto tucano!
CartaCapital tem que partir pra cima!

Responder

sergio m pinto

02 de janeiro de 2013 às 20h01

Vamos até o fim, com esse tucanoduto.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.