VIOMUNDO

Diário da Resistência


Política

Pinheirinho: PSDB acusa governo federal de “politizar”


25/01/2012 - 12h07

Nota oficial do PSDB

do site do PSDB, sugerido pelo Tiago Silva

É deplorável a intromissão do governo federal, através do ministro-chefe da Secretaria-Geral da Presidência da República, no processo de reintegração de posse da área invadida do Pinheirinho, em São José dos Campos. Ao politizar um assunto que se transformou em drama que sensibiliza a todos nós, mas sobre o qual nunca procurou encontrar uma solução, o ministro ignorou o princípio da separação entre os poderes e a autonomia dos entes federativos. Mais: ao dizer que o “método” do governo federal não é esse, sugeriu à nação que não se acatem decisões judiciais. Fato grave quando a atitude vem de um ministro que tem a obrigação de zelar pela Constituição.

O método do ministro e de seu governo é conhecido. O cumprimento da decisão judicial fez com que o PT movimentasse todos seus tentáculos políticos e sua máquina de desinformação, com o intuito de atingir três metas: culpar o Governo do Estado pelo fato, caracterizar como de extrema violência a intervenção policial no local e se apresentar como paladino da justiça social, fazendo falsas promessas e criando expectativas irreais para os moradores do local.

Criaram, o ministro e seu partido, nos moradores do Pinheirinho, uma falsa expectativa, nunca concretizada, de resolver a questão. Ao invés de fazer proselitismo político, o Governo Federal poderia ter publicado decreto de desapropriação da área, mas não o fez.

É temerário que, mal se tenha iniciado o processo eleitoral deste ano, o PT já disponha de uma fábrica tão ampla de mentiras. Pior ainda é ver esse projeto de poder ser traçado às custas da ordem democrática e do sofrimento de pessoas que os petistas, hipocritamente, fingem confortar.

O governo de São Paulo agiu em cumprimento de determinação do Judiciário, e a operação foi comandada diretamente pela Presidência do Tribunal de Justiça paulista. Enquanto o governo federal só agride, o governo paulista e a prefeitura do município providenciam a ajuda necessária para minorar o sofrimento das famílias desalojadas.

Brasília, 24 de Janeiro de 2012
ALBERTO GOLDMAN
Presidente Interino
Comissão Executiva Nacional

Leia também:

Tropa de Choque começa a reintegração de posse do Pinheirinho





32 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Luiz Clete

03 de fevereiro de 2012 às 06h42

Uma mentira contada cem vezes vira verdade. Metodo mais nazista que esse, impossivel. Goldman brinca com a inteligencia da galera.

Responder

JUAREZ ,STURVO

27 de janeiro de 2012 às 22h02

AINDA BEM Q O POVO BRASILEIRO ESTA DE OLHO
NESSES VAGABUNDOS Q ODEIA OS POBRES Q AJUDARAM A LEVANTAR NOSSO PAIS……

Responder

girlene reis

26 de janeiro de 2012 às 23h40

Quanto mais imagens e informações tenho deste triste episódio, mais indignada eu fico. Será que em nosso país o pobre tem culpa de ser pobre e porisso tem que continuar pagando por não conseguir mudar o rumo da própria vida? Srs representantes do povo vocês foram eleitos para construir alternativas que melhorem a vida de seus eleitores. Sra. Juíza a sua função é fazer valer a justiça, mas não uma justiça cega que só observa o argumento normativo e sim uma justiça que garanta e proteja a vida , esta decisão autorizada por vsa. feriu vários direitos legais como o Estatuto da Criança e do Adolescente, o Estatuto do Idoso e principalmente a Constituição Brasileira que expressa de forma clara a garantia dos direitos fundamentais do povo brasileiro.

Responder

Cleverton_Silva

26 de janeiro de 2012 às 18h39

Goldman diz: "É TROLOLÓ PETISTA LALALALALA!". A questão do Pinheirinho é de política desde o começo, e envolve política pública de habitação, que ficou no impasse por má vontade e inoperância do município. Para Goldman, só existe política partidária e o resto é resto. Que absurdo. O Pior Salário do Brasil diz que tudo é culpa da Dilma.

Responder

Eugenio, OFS

26 de janeiro de 2012 às 04h37

Paz e bem!

É dura admitit,
mas depois que foram
por este caminho sangrento,
jogar a culpa no Governo Federal
(que em minha opiniõ
poderia ter feito mais antes)
me parece politicalhamente
a melhor opção —
é tentar tirar o seu da reta –.

Responder

Fabio_Passos

26 de janeiro de 2012 às 00h31

Este sem-vergonha do goldman pensa que todos os brasileiros estão idiotizados pela mídia-corrupta – rede globo / quadrilha veja / estadão / fsp – que recebe propina do governo de são paulo para defender a violência contra trabalhadores pobres.

Não é mais assim.
Agora a sociedade já consegue acesso as informações que a "elite" branca, rica… e ladra tenta esconder:

[youtube FL-9vTQ6Sko http://www.youtube.com/watch?v=FL-9vTQ6Sko youtube]

Responder

Marcio H Silva

25 de janeiro de 2012 às 23h44

Eles, os Tucanos, pararam mesmo no tempo. Estão achando que o povo é idiota! por isto que a cada eleição o PSDB diminui!

Responder

Marcos

25 de janeiro de 2012 às 22h52

Este Goldman é muito cara de pau, e sabe usar a imprensa "amiga" para plantar a versão que quiser. O Brasil não merece o Judiciário, o pig e a oposição que tem.

Responder

Zamora

25 de janeiro de 2012 às 22h27

A propósito, por acaso vocês não viram o ex-governador de São Paulo José Maria Marin ROUBANDO a medalha dos juvenis do Corinthians, durante a entrega da taça de campeão da Copa São Paulo?
A justificativa da FPF é que, em muitas ocasiões (quais?), dirigentes recebem o objeto para guardarem de lembrança. E, ainda, segundo a assessoria, o próprio presidente Marco Polo Del Nero teria entregado a ele o 'presente', embora no vídeo fique claro que o cartola pega uma delas da bandeja e guarda para si.
Deveriam estar presos o José Maria Marin (furto qualificado) e o Marco Polo por co-autoria.
Leia mais: http://www.meutimao.com.br/materia/69032
Ora, convenhamos, ladrão agora tem outro nome: Aniversariante. Ele não ganhou um presente. Imagine o que essa figura não roubou quando era governador.
Será que ele é tucano? Claro que é…
Como se diz lá no Nordeste: essa é prá arrombar. Vixxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxe.

Responder

Dirlei

25 de janeiro de 2012 às 22h10

Sr. Goldmann tá de brincadeira ou é um sujeito muito mal informado! Veja esclarecimento do Ministério das Cidades que relatam oferecerem ajuda e apoio ao município desde 2005 e os psdbestas não fizeram nada, sequer aceitaram o convite do Ministério! Agora quem paga o preço da incompetência tucana é o povo do Pinheirinho, e o Sr. Goldmann tem a cara-de-pau de vir a público falar besteira culpando o PT!

Responder

Zamora

25 de janeiro de 2012 às 21h57

Azenha, meu filho, poderia me explicar de onde é que saiu essa figura? Que maluco.
A polícia dele, e a mando dele, escorraça e destrói a vida de milhares de miseráveis, material e socialmente, e ele ainda tem a cara de pau de dizer que age de acordo com a Lei? Que lei, do Naji Nahas? Do Opus Dei? Do TJSP que a Ministra Eliane Calmon tá babando de vontade de fazer um faxina? E que está mais desmoralizado que as promessas do Çerra?
Pergunto: onde foram parar os celulares do moradores do Pinheirinho? Será que não havia nenhum? Impossível, pois mesmo pobre é fã das maquininhas comunicadoras. Foram roubados pela polícia tucana? Roubo é o termo correto haja vista a presença de armas. E as imagens que ali estavam não poderiam explicar, com imagens, a barbaridade cometida pelos tucanos sanguinários?
E mais, o Presidente do TJSP invadir a seara do executivo, e ainda ter a cara de pau de dizer que estava no camando da PM. Ora, faça-me o favor. E a Constituição Federal? Aonde vamos parar com essa gente?
Acho, sinceramente que São Paulo não deveria lutar pela Secessão, e sim ser excluído da Federação.
Que vergonha.
É caso para a Corte de Haia resolver.

Responder

Ricardo JC

25 de janeiro de 2012 às 21h44

Só tenha uma coisa a dizer, antes de ser patética, esta nota é deplorável. Vinda de um tucano, eu não esperaria outra coisa.

Responder

sebastiãn

25 de janeiro de 2012 às 19h39

Caro azenha; É deploravel sob todos os sentidos o que se fez ali no pinheirinho, acredito muito nas muitas formas que existiu de se resolver esse problema sem exterminar com essas centenas de familias que la estão a mercê da propria sorte; com projeto minha casa minha vida e o comprometimento de nossa presidenta com essa causa, nos leva a crer mais uma vez, que esses nazistas do PSDB, preferem ver essa gente humilde jogada na sarjetas, a compartilhar um programa social desses que resgata a diguinidade humana dessa gente, ferrou com todas essas familias apenas por orgulho. Esse PSDB odeia pobres.

Responder

Jotage

25 de janeiro de 2012 às 19h25

Sr. goldman o senhor está tentando convencer a população brasileira que o holocausto era necessário?
Me desculpe, eu continuo contra o holocausto tanto na Europa quanto no Pinheirinho.
O senhor como descendente de judeus deveria se rebelar contra seu amo exterminador de indefesos.
Já notou que ele só ataca minorias e usa o que de mais sórdido que tem na alma? O pu seis!!!!!

Responder

Alexandre Bitencourt

25 de janeiro de 2012 às 16h39

"…Enquanto o governo federal só agride, o governo paulista e a prefeitura do município providenciam a ajuda necessária para minorar o sofrimento das famílias desalojadas…." Nós sabemos, expulsam com balas de borracha e gás de pimenta enquanto improvisam alojamentos sem condições humanas e sem garantia de que essas pessoas serão realocadas num imóvel. Dessa boas intenções o inferno está cheio.

Responder

zezinho

25 de janeiro de 2012 às 16h35

Até que enfim uma voz sensata da oposição semi-moribunda. Que se coloquem os pingos nos i's

Responder

Julio Silveira

25 de janeiro de 2012 às 16h27

Acho o cumulo do ridiculo um sujeito, que escolheu fazer carreira politica, reclamar sobre criticas de quem quer que seja sobre um ato nocivo da gestão de seu governo. O governo federal, neste interim, foi até omisso. A critica politica, da forma como foi colocada pelo Gilberto Carvalho, foi mais uma satisfação a sociedade mesmo que uma reação. Levantem as mãos para o céu por tantas semelhanças. Essa turma de "democratas" de ocasião, que enchem a boca para usar a expressão "regime democratico de direito" quando é para escorraçar os cidadãos mais humildes da sociedade, e que na hora de cumprirem as determinações judiciais desse mesmo sistema no beneficio de cidadãos de fora de suas aristocrácias, buscam formas de protelar e aí vale desrespeitar os direitos. Deviam sim, mas é sair da vida publica, se enfiar dentro de suas mansões, que fariam assim um grande serviço a nação. Com certeza não haveria esse peso pago em ouro e sangue pelos cidadãos.

Responder

Ramalho

25 de janeiro de 2012 às 15h57

E o Beócio Neves, hem? Foge do imbróglio como o diabo da cruz. O silêncio do pretenso futuro presidente psdbista é ensurdecedor.

Responder

kalango Bakunin

25 de janeiro de 2012 às 15h22

goldman não passa de um nazionista como netaniahu

o psdbesta ou psdbosta cada vez tem mais saudades da ditadura militar

quese todos os brasileiros (infelizmente ainda existem as viuvas da ditadura) estão chocados e envergonhados pela brutalidade tucana

mas podem deixar, eles serão defenestrados nas três próximas eleições

Responder

Obsol

25 de janeiro de 2012 às 15h14

Era uma vez um governador que não cumpriu uma ordem judicial igual a do #Pinheirinho.

O STJ decidiu que ele fez bem: http://bit.ly/A4TXBZ

Responder

    Renato

    26 de janeiro de 2012 às 07h49

    Ou seja, o que O STJ fez foi legalizar o crime de invasão.

Alberto

25 de janeiro de 2012 às 14h49

"Enquanto o governo federal só agride, o governo paulista e a prefeitura do município providenciam a ajuda necessária para minorar o sofrimento das famílias desalojadas."

Uma boa providência teria sido não desalojá-las.

Responder

    Fabio_Passos

    25 de janeiro de 2012 às 23h56

    Exato.

    O cinismo deste goldman é estarrecedor.
    Será que ele pensa que todo brasileiro é imbecil?

    Talvez os eleitores dele… mas a maioria da população não se engana ao ver estes crápulas covardões que mandam 2.000 policiais para arrebentar trabalhador pobre a fim de favorecer um bandido rico.

    girlene reis

    26 de janeiro de 2012 às 23h23

    porque será que o sr. Goldman e seu partido PSDB não ajudou a negociar uma alternativa , é inacreditável e inconcebivel verrmos cenas de tanta violência e desrespeito aos brasileiros moradores de Pinheirinho.

JOSE Antonio Batata

25 de janeiro de 2012 às 12h22

PSDB é um partido NAZISTA e Mentiroso. Na noite dos CRISTAIS os nazistas afirmavam que eram os comunistas. EM São Paulo os NAZISTAS estão dizendo que o Comando da PM era do PT e do PSOL. Estes NAZISTAS sempre foram mentirosos. NAZISTAS e Mentirosos.

Responder

    Julio Silveira

    25 de janeiro de 2012 às 16h39

    Tá brincando José, é serio mesmo? esses caras de pau estão tendo coragem de atribuir ao PT essa infamia dizendo que os seus comandantes, escolhidos por eles para os cargos, são petistas?. Não resido em São Paulo, mas só posso acreditar que estás de gozação. Esses caras não podem ser tão dissumulados e indescentes assim.

    Jose Antonio Batata

    26 de janeiro de 2012 às 09h11

    O PSDB, depois da derrota de 2010, foi se inclinando para a DIREITA. Não tem volta O PSDB joga com atos FASCISTAS para ganhar o eleitora de Extrema-Direita que se formou após a eleição da Presidenta DILMA. Estes atos hora fascistas, hora nazistas são todos calculados, extremamente calculados. O PIG depois defende estes atos fascistas. esta jogada do PSDB e PIG são extremamente planejadas. Quem militou no PCB com o senhor Alberto Goldman sabe que tudo é muito bem calculado. O PIG esta ajudando o PSDB a criar uma militância de extrema-direita. Estes atos são um anúncio de como será a eleição de 2012. O caminho do PSDB para a extrema-direita é muito ruim para a democracia . Em 2012 eles serão mais GOLPISTAS que em 2010. BOLINHA DE PAPEL.

Marcelo Rodrigues

25 de janeiro de 2012 às 12h16

É isso mesmo? Um senhor judeu de cabelos brancos chamado Goldman está defendendo métodos nazistas?

Responder

    Geysa Guimarães

    25 de janeiro de 2012 às 12h49

    Não é de hoje, Marcelo.

    pinto silva

    25 de janeiro de 2012 às 21h39

    E eu que votei nesse pulha qdo ele era do antigo PCB. Jamais podia imaginar que decairia no que é hoje. Mas não é só ele. A extrema-direita está coalhada de ex-comunistas. Por isso que a esquerda nunca chegou a lugar nenhum, pois sempre esteve minada por dentro.

    Marcio H Silva

    25 de janeiro de 2012 às 23h42

    Muito boa sua análise, gostei!

    Fabio_Passos

    25 de janeiro de 2012 às 23h50

    É isso mesmo.
    alberto goldman: Um judeu-nazista.

    E infelizmente não é o único.


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding