VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Auditora que usaria bomba contra o NE denunciada por incitar ódio
Denúncias

Auditora que usaria bomba contra o NE denunciada por incitar ódio


07/10/2014 - 12h58

ingrid

Segunda, 06 de Outubro de 2014 – 15:40

Auditora fiscal do Trabalho é denunciada por incitar ódio aos nordestinos nas redes sociais

por Cláudia Cardozo, no Bahia Notícias

Auditora fiscal do Trabalho é denunciada por incitar ódio aos nordestinos nas redes sociaisPostagem foi feita depois do resultado das eleições

O resultado das eleições à Presidência da República de2014 repetiu uma cena que foi vista nas eleições de 2010: uma enxurrada de postagens nas redes sociais que incitam o ódio aos nordestinos.

Na época, a estudante Mayara Petruso foi denunciada pelo Ministério Público Federal (MPF) por discriminação e foi condenada a 1 ano e cinco meses de prisão pela Justiça Federal.

Na noite deste domingo, diversos internautas denunciaram usuários de redes como Facebook e Twitter por incitar o ódio contra os nordestinos.

E uma delas, Ingrid Berger, foi denunciada na Ouvidoria do Ministério Público do Trabalho (MTE) por postar em seu perfil no Facebook que o Nordeste “merecia uma bomba como Nagasaki, para nunca mais nascer uma flor nos próximos 70 anos”.

A denúncia foi feita na esfera administrativa, pois a denunciada é auditora fiscal do Trabalho, aprovada em um concurso de 2013, está em estágio probatório, e por isso, ainda não tem o direito à estabilidade funcional dada aos servidores públicos.

Atualmente, a servidora, que é formada em direito, está lotada Superintendência Regional do Trabalho e Emprego em Cuiabá, no Mato Grosso.

A denúncia foi protocolada pelo advogado baiano Durval Saback.

Ao Bahia Notícias, ele afirmou que recebeu a mensagem através de um colega pelo Whatsapp e checou a veracidade da informação, e, através de um colega, que também é auditor fiscal, confirmou que ela foi aprovada no concurso público.

“A denúncia foi feita na ouvidoria do Ministério do Trabalho para apurar se ela cometeu infração que possa ferir o Código de Ética do Servidor, para instaurar um processo administrativo disciplinar. Somente depois é que se saberá se ela cometeu a infração, para ser demitida do serviço público ou não”, explica.

Tempo depois, segundo o advogado, a conta de Ingrid Berger foi deletada, assim como a postagem. Mas o print da tela foi salvo.

Mensagens de incitação ao ódio, discriminação e racismo postados em rede sociais ainda podem ser investigadas pelo MPF.

A denunciada ainda pode ser investigada na esfera cível e penal.

Denúncias parecidas podem ser feitas no site da Polícia Federal e da ONG Safernet.

PS do Viomundo: A tarefa de civilizar parte do eleitorado de Aécio Neves é longa. Leva um tempo para que eles admitam que a riqueza do Brasil está justamente em sua diversidade. Aplicar a lei faz parte do processo educativo. A matriz deste pensamento tosco, obviamente, está nas lideranças do PSDB. Ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, sociólogo, a dois jornalistas do UOL:

“O PT está fincado nos menos informados, que coincide de ser os mais pobres. Não é porque são pobres que apoiam o PT, é porque são menos informados”, afirmou o ex-presidente.

“Essa caminhada do PT dos centros urbanos para os grotões é um sinal preocupante do ponto de vista do PT porque é um sinal de perda de seiva ele estar apoiado em setores da sociedade que são, sobretudo, menos informados”, disse FHC.

Para o tucano, o desempenho do PSDB é diferente, nesse aspecto, uma vez que em Estados como São Paulo seu partido tem maioria.

“Aqui em São Paulo, quando o PSDB ganha, ele ganha porque tem apoio de pobre, não é porque tem apoio de rico. (…) A falta de informação é responsabilidade do Estado, não da pessoa, é uma constatação. Geralmente é uma coincidência entre os mais pobres e os menos qualificados.”

Se a falta de informação é responsabilidade do Estado, como diz FHC, por que ele não fez a democratização da mídia eletrônica em seus dois mandatos? Eu retrucaria dizendo: quanto mais bombardeado pela mídia pró-PSDB, mais o eleitor se inclina a votar no PSDB!

Leia também:

“Nordestinos malditos, quero seca pra sempre”

Colunista que vota em Aécio prega separatismo para se livrar de nordestinos

Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - A mídia descontrolada e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


76 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Elizabete Oliveira

13 de outubro de 2014 às 00h17

Essa é a verdadeira eleitora do PSDB. Seguiu a lição do FHC, o príncipe do tucanato da privataria.

Responder

Márcio

09 de outubro de 2014 às 18h41

Sinceramente? Não gostaria que algo de pior acontecesse, como foi o caso daquela bobinha lá do Grêmio que, num momento de ânimo exaltado, ficou xingando o goleiro. Talvez nem seja racista, talvez até tenha amigos negros…enfim, chegaram a tocar fogo na casa dela.

Sou do NE e acho que ela não deveria ser exonerada, mas transerida para o alto sertão nordestino e conviver com o pessoal lá, ver de perto a luta diária, a falta de oportunidades, a crueldade do clima, o abandono secular e por aí vai. Tenho certeza que ela aprenderia muitas lições…

Responder

    Maria Oliveira

    10 de outubro de 2014 às 12h36

    Prezado Márcio,
    Concordo com você, essa “pessoa” deveria ser enviada aos rincões do Brasil (onde, por 503 anos faltou tudo) e conviver de perto com o verdadeiro povo brasileiro. O povo que construiu e constrói o Brasil como Nacão. Quem sabe ela, conhecendo de perto como é a vida do nordestino, aprenda como deve ser a vida de um ser humano e como não deve ser, de jeito nenhum, a vida em si mesma!
    Para ela eu diria: sai da bolha, menina! Pois a verdade está lá fora!
    Dilma neles!

    daniela

    13 de outubro de 2014 às 08h26

    Excelente ideia! Acredito que, se ela visse as dificuldades e a batalha diária dessas pessoas, passaria a ter mais respeito por elas!

Aroeira

09 de outubro de 2014 às 14h04

Trecho do documentário Zeitgeist Addendum. John Perkins, ex-agente da CIA e autor do livro “Confissões de um Assassino Econômico”, fala de como funciona a tática de guerra econômica usada para subjugar nações.

É foda. Veja antes do segundo turno: http://youtu.be/vO8vPa_H71g

Responder

Aroeira

09 de outubro de 2014 às 12h53

UM VÍDEO que o Brasil, ou melhor, o mundo inteiro deveria ver. No caso do Brasil, antes do segundo turno, para o bem ou para o mal. UM VÍDEO DIDÁTICO, PORÉM FODEROSO, REVELADOR, AVASSALADOR.

http://youtu.be/vO8vPa_H71g

Responder

araujo

09 de outubro de 2014 às 05h38

Esta babaca querendo se aparecer fica postando idiotices sobre o nordeste, e melhor repensar as suas

como também não pensar em vir a nossa região, pois pode até não voltar

Responder

Alcides Libório

08 de outubro de 2014 às 22h15

Não se iludam. Estamos diante de uma manifestação FASCISTA. Essa mazela que aparece de 2 em 2 anos no Brasil. Esse ódio, destilado fundamentalmente pela grande mídia, encontra terreno fértil naqueles cidadãos/cidadãs que tem problemas de ordem pessoal e transferem todo veneno gratuitamente a seus compatriotas. São pessoas formadas pelo “Jornal Nacional” e que nunca leram um artigo até o final. Sem preconceito. O leitor de Veja, por exemplo, só lembra do título, da foto e da legenda da foto. O restante é uma pífia conjectura baseada nas lembranças do caderno de caligrafia (se é que usou). Essas manifestações de ódio a candidaturas ou delas próprias, aos grupos étnicos, de gênero, cor ou status social devem ser caracterizadas com de FASCISTAS. O problema, no Brasil, é que os fascistas não tem ideia do que seja isso.

Responder

José Carlos

08 de outubro de 2014 às 21h08

… essa mulher é um totalmente irracional, merece pena …

Responder

Helena Assumpção

08 de outubro de 2014 às 20h42

Claro que TODOS os que pregam o ódio e incitam a violência têm que responder criminalmente por isso, antes que a violência por preconceito fique fora de controle (tenho dúvida se já não está). Agora, quando este discurso parte de um funcionário público, com estabilidade ou não, o mínimo que deve acontecer é que ele perca o seu cargo. Funcionário público é funcionário do povo; é o povo do país inteiro que paga o seu salário. Ele tem obrigação moral de respeitar o direito à escolha de cada um.

Responder

Estilac

08 de outubro de 2014 às 19h01

Essas pessoas que falam e escrevem nesse tom, faltam muito pouco para se tornarem nazistas!São prepotentes e arrogantes..

Responder

silvia

08 de outubro de 2014 às 18h47

Devemos despachá-la para o Iraque ou para a Síria, que com esta cabecinha de merda que ela tem rolar naquele deserto.

Responder

MARCOS FERREIRA

08 de outubro de 2014 às 18h44

O dinheiro do imposto que pago custeia o salário dela e ela ainda quer que eu morra no calor insuportável de uma bomba atômica.

Responder

    daniela

    13 de outubro de 2014 às 08h29

    Triste né? :(
    Espero que ela não deseje isso de vdd… que tenha falado “da boca pra fora”…

Lu

08 de outubro de 2014 às 17h14

Ingrid retirou do ar a sua postagem? Mas por quê? Não assume o que escreveu? Além de tudo, é covarde..

Responder

Ricardo

08 de outubro de 2014 às 15h54

Essa ameba deve responder a processo administrativo disciplinar e processo criminal. Depois, rua do serviço público.!

Responder

    Galvão

    08 de outubro de 2014 às 22h20

    ela está no período probatório. Vai perder o emprego, e levar nas costas uma condenação, criminal de uns dois anos. Não me compadeço da sua desgraca, ela fez por merecer.

Nelson

08 de outubro de 2014 às 15h38

Concordo plenamente contigo, Azenha.

A maior riqueza do Brasil não é o seu solo ou subsolo, seu minérios ou coisa que o valha. A maior riqueza desse nosso grande país é a sua diversidade cultural; muitos povos coexistindo em um só povo.

Responder

Nelson

08 de outubro de 2014 às 15h34

Como auditora do trabalho, a senhora Berger deve carregar no lombo um curso superior. Possivelmente, tenha uma pós-graduação ou até mais que isso.

É diante de fatos como esse que eu volto a indagar aqueles que vivem a repetir o bordão “só a educação salva o país”: Qual educação, cara pálida, se estamos diante de uma senhora educada que expressa essas ideias e pensamentos indizíveis.

Se essa educação vai nos salvar, que o Patrão Velho lá de cima tenha piedade de nós.

Responder

jose marcos

08 de outubro de 2014 às 15h24

Por favor Azenha ou alguém que saiba responder a seguinte pergunta:

Os marineiros e NORDESTINOS Caetano e Gillberto Gil já se manifestaram sobre esta violência do FHC e de alguns idiotas reacionários contra o nosso querido povo do nordeste ou estão quetinhos, quetinhos…????????????????????

Responder

Elias

08 de outubro de 2014 às 13h59

Quando Dilma venceu em 2010, Mayara Petruso pediu no Twitter: “Faça um favor a SP: mate um nordestino afogado!!”

Condenada a 1 ano e cinco meses de prisão pela Justiça Federal, não se sabe se cumpriu a pena em sua totalidade.

Mayara Petruso desejou matar “um” nordestino e foi condenada a 1 ano e cinco meses.

Quantos anos de prisão merece a servidora Ingrid Berger que desejou matar todos os nordestinos com uma bomba atômica?

Responder

Paulo Henrique

08 de outubro de 2014 às 13h11

Prezados,
Boa tarde.
Amenizando um pouco o clima, mas sem querer fugir do assunto… Essa criatura não dever conhecer as belezas do Nordeste… Precisa ir mais à praia…

Responder

Jonas B. Santana

08 de outubro de 2014 às 09h39

Não é apenas uma eleição para Presidente da República, é a decisão sobre qual tipo de país que queremos: Um país para todos ou um país de alguns.

Responder

Gerson Carneiro

08 de outubro de 2014 às 09h04

Como assim os moradores dos grotões são “menos informados”?

Reinaldo Azevedo, Diogo Mainardi e Marco Antonio Villa estão lá todas as manhãs via parabólica.

FHC, além de tudo, trai o movimento.

Responder

Romanelli

08 de outubro de 2014 às 05h59

evidente que THC fez uma analise, e só

HOJE 25% da população do país (55 mm) esta ligada a um programa assistencial tipo Bolsa Família ..isso tem lá de seus efeitos, NEM sempre positivos ..aliás, chega mesmo a ser um atestado de incompetência, pois ainda há aqueles que querem agasalhar outro tanto (até quando ?).

EM SP ele perdeu em 644 de 645 municípios ..claro que é preocupante perder no berço do nascimento ..eu mesmo, até Haddad (após o apoio a MALUF) sempre tinha votado nele.

A vida nas cidades não esta fácil ..a elite do partido esta insensível não é de hoje, hoje se tornaram arrogantes, CÍNICOS

..o PT perdeu penetração a começar pelos resultados MEDÍOCRES da DILMA (ou há aqui quem os defenda ?) ..depois pq perdeu definitivamente o discurso da honestidade e da eficiência.

30% dos brasileiros NÃO votaram e/ou anularam, é daqui que os estrategistas querem tirar os votos restantes.

isso eu entendo

..agora, o que não perdoo é MAIS UMA VEZ o PT vir usando da sua manipulação rasa, desta dicotomia barata, ao tentar dizer pro povo que a eleição seria fratricida, do norte contra o sul, de branco contra loiro, ou de mulher contra homem, como fez DILMA.

isso é inadmissível ..tomara que o povo desta vez reflita e no mínimo não de corda pra esta ladainha.

O país precisa de gente séria ..e tá difícil de achar

a propósito, hoje tem CPI da Petrobrás, depoimento da contadora.

Responder

    vinicius

    08 de outubro de 2014 às 17h35

    Romanelli, não vou perder muito do meu tempo em te responder pois voce é um troll.
    Dilma perdeu a honestidade? Deve ser um maluco de carteirnha. E voces coxinhas, fiquem espertos, pois a contadora da cpi, não vai indicar ninguem do PT. Aliás a revista veja, aquela que é detrito de maré baixa, inventou como sempre mais uma reporcagem, ela, a contadora negou tudo. Mas cuidado pode e vai aparecer o pessoal do seu partido, deixa de ser sem vergonha rapaz, vai se informar melhor.

Isadora Gonçalves

08 de outubro de 2014 às 03h04

Mas vem cá fhc, sp não é curral eleitoral do psdb? Sem água, sem educação, pedágio em cada esquina e continuam votando psdb, os paulistas são esclarecidos pra caramba hein!

Responder

Flavia

08 de outubro de 2014 às 01h39

São Paulo não é um dos estados com pior educaćão pública? FHC distorcendo números… não creio!

Responder

Helenita

07 de outubro de 2014 às 22h28

Essa fulaninha recem-admitida no serviço público federal cometeu crime inafiançavel, feriu regra Constitucional que tipifica como crime tais comportamentos, e ainda cometeu conduta tipificada como crime no Código Penal. Acontece, que se o MPF não assumir logo esse assunto, essa criatura vai ficar impune, pois os famosos processos administrativos disciplinares são algo ridículo e não têm alcance para assunto dessa ordem. Procedimentos disciplinares nada mais são do que forma de pagar diárias para servidores e isentar de comparecimento tais membros de comissões de inquérito.
Estando no estágio probatório, e cometendo crime de preconceito flagrante, essa mulherzinha há de ser posta no olho da rua, ou melhor, no colo da mamãe, mimada que deve ser…

Responder

Juca

07 de outubro de 2014 às 21h54

Sou auditor fiscal do trabalho e pertenço orgulhosamente a uma categoria comprometida com o direito dos trabalhadores. Repudio completamente este comentario infeliz e que a mesma seja redponsabilizada. Peço encarecidamente que os comentários e críticas sejam para o depoimento dessa moça, e que não resvale de forma negativa para toda a instituição. Ressalto, tambêm, que não conheço essa servidora. Atenciosamente Juarez Coelho Auditor-Fiscal do Trabalho lotado em Minas Gerais.

Responder

Almir

07 de outubro de 2014 às 20h07

Nas duas vezes que FHC disputou a presidência, o PFL dominava o Nordeste inteiro, da Bahia (ACM) ao Maranhão de Sarney. Então FHC convidou Marco Maciel (PFL) para seu vice, e assim colheu os votos dos “desinformados” que ele agora insulta. Vai ter troco. Ah, se vai.

Responder

anac

07 de outubro de 2014 às 20h01

Resposta de um cearense as ofensas aos nordestinos.

Imagine o Brasil ser dividido e o Nordeste ficar independente…

https://www.youtube.com/watch?v=0rBCKrgO3vg

Responder

Lauro Cintra

07 de outubro de 2014 às 19h56

Negar q o Norte e Nordeste, com seus bolsões de pobreza, viraram curral eleitoral do PT por conta do Bolsa Família é faltar com a verdade!!!

E mais:

Aécio Neves, como Senador, propôs transformar o Bolsa Família em programa de Estado, garantindo assim q, qualquer q fosse o Governo, o Bolsa Família seria mantido…

Adivinha quem foi contra!?

O PT!!!

Se o Bolsa Família virasse um programa de Estado, o PT perderia o uso politiqueiro e eleitoreiro q ele tem, inclusive mentindo ao dizer q outros candidatos irão acabar com este programa…

Responder

    elisa

    08 de outubro de 2014 às 18h36

    São Paulo é o segundo estado, só atrás da Bahia, que tem o maior número de beneficiários do bolsa família.

Regina Fe

07 de outubro de 2014 às 19h40

Quem paga essa senhora são os brasileiros, dentre eles os nordestinos. Cometeu, no mínimo crime de racismo. Não pode continuar funcionária pública.

Responder

Leo V

07 de outubro de 2014 às 19h38

O que ele chama de “informação” nós chamamos de propaganda.

O fato é que em junho de 2013 e nessas eleições (principalmente pelos legislativos eleitos) comprovamos que a grande mídia ainda tem um poder enorme.

Responder

Fabricio de Souza Rocha

07 de outubro de 2014 às 19h35

Caros amigos, já postei em alguns Sites isso: Quando fui votar para presidente da república, não ouvir o barulho da máquina. Apenas apareceu na tela um risco – escrito…20%, 30%, 40% depois apareceu voto completado. Por favor, reclamei ao mesário…ele disse que era normal. Repito, não ouvir o barulho quando apertei a tecla confirma. Quem entende favor pesquisar se isso é normal.
Abraços,
Fabricio Rocha – Advogado.

Responder

lukdion mirutnev

07 de outubro de 2014 às 19h35

O seu comentário está aguardando moderação.

O PT é o Partido dos Trabalhadores. Os trabalhadores deveriam votar nos trabalhadores, sejam honestos ou ladrões. Porque a elite vota na elite, seja honesta ou ladra ( em tempo: tenho minhas dúvidas sobre elite honesta, só eles podem ser ladrões). O Brasil tem mais de 60.000.000 de trabalhadores com carteira assinada. Somando os carteiras assinadas com até 3 salários mínimos e os trabalhadores informais com até tres salários mínimos, creio que teríamos 40 milhões de trabalhadores. Vamos supor que cada trabalhador tenha mulher e dois filhos= 120 milhões de pessoas. Dessas, vamos supor que 60 milhões sejam eleitores. Será que fhc chama de grotões esses eleitores? E a maioria está no nordeste? E esses eleitores são mal informados? Mal informados sobre a manipulação das cátedras ou das mídias? A educação dos países capitalistas, nas universidades, preparam futuros capitalistas, ideologicamente futuros fascistas, elitistas, coxinhas. A democracia vem das ruas, dos grotões, não das academias burguesas e vendidas ao grande capital. Os “mal informados” são a maioria, os pais da democracia, os donos do poder, que vem do povo. O fhc que implantar a limpeza étnica? Composta só da minoria bem “informada”, deformada pela mídia corrupta? Sugestões…
Postado por lukdion mirutnev às 20:43 Nenhum comentário:

Responder

Liz Almeida

07 de outubro de 2014 às 17h55

Será que essa ingrid sabe que antes de 2002 os concursos públicos federais eram raros, e se não fosse Lula e Dilma hoje, certamente, ela não seria auditora fiscal do trabalho.

Isso se chama ingratidão… cospe no prato que comeu.

Responder

    Breno

    07 de outubro de 2014 às 20h13

    Estou torcendo para que ela perca o emprego dela…já que a mesma ainda está em estágio probatório!!

    anac

    07 de outubro de 2014 às 20h13

    No estado minimo de aécio, apenas Juízes e membros do MP, por motivos óbvios, são os atuais capitães do mato serviçais da Casagrande, terá vez.

Nelson Sales e Silva.

07 de outubro de 2014 às 17h54

Só não vê a discriminação das elites quem não quer O comentário do FHC serve de exemplo. “Só vota no P.T. os desinformados”.Parece que homem está só no planeta. Com a palavra os milhares de intelectuais que votam no P.T. Em tempo:É melhor desinformado que alienado pela mídia que o exalta .

Responder

Celso

07 de outubro de 2014 às 17h50

Sou paulistano, minha mãe baiana, avós da Bahia, Pernambuco e Ceará. Conheci, tive contato com todos avós. Gente honrada, trabalhadora, de muita fibra, carinhosa com os netos. Comentários desse tipo magoam a minha memória.

Responder

    Natália

    08 de outubro de 2014 às 08h43

    Celso, orgulhe-se da sua família ser nordestina!!!
    Sou paulista e adoro o meu estado, mas infelizmente as pessoas daqui se acham superiores ao resto do Brasil apenas por morar no Estado mais rico do país, mas aí eu te pergunto: Do que adianta morar no Estado mais rico do país, se o pensamento é pobre??? As pessoas aqui não entendem, que para acabar com o abismo da desigualdade social que vivemos, só distribuindo renda (através do Bolsa Família por exemplo), só dando oportunidade aos menos favorecidos para que assim ele tenha tanta oportunidade quanto os filhinhos de papai de SP tiveram. É isso o que o PT faz, governa para a massa, devo confessar que são corruptos sim, mas o PSDB é mais ainda e além de tudo, governa para a elite, por isso a maioria do Estado de SP vota neles.
    Viva a Dilma, viva o PT e a igualdade social (que a elite detesta) que está sendo imposta no Brasil!!!!

    André Marcílio Azevedo

    08 de outubro de 2014 às 13h40

    Parabéns pela análise absolutamente isenta! Seu depoimento mostra que o pensamento dessa futura ex-auditora fiscal não é unânime no sul-sudeste.

FrancoAtirador

07 de outubro de 2014 às 17h45

.
.
E @s [email protected] ainda dizem que é o PT que ‘aparelha’ os órgãos do Governo Federal.
.
.

Responder

    anac

    07 de outubro de 2014 às 20h19

    Aparelhar foi colocar o Brindeiro, o engavetador-mor na PGR para engavetar inquéritos que apuram os inúmeros crimes cometidos pelos tucanos.
    Aparelhar foi colocar Gilmar como Ministro do STF. Figura que ainda hoje serve ao padrinho FHC, inclusive se aliando a criminosos escroques da estirpe de um cachoeira/demostenes na criação de factoide contra o governo federal visando unicamente o golpe.

Francisco

07 de outubro de 2014 às 17h42

São Paulo já tentou detonar o resto do Brasil antes, mas perdeu.

Foi em 1932.

Responder

    Roberto

    07 de outubro de 2014 às 20h10

    A elite de SP (FIESP e bancos e classe média alta reaça) continua tentando, desde 1932. 1964 foi feito por essa mesma elite, a campanha contra a Petrobras (até hoje) é feita pela mesma elite querendo entregar as divisas do país aos estrangeiros.

Urbano

07 de outubro de 2014 às 16h43

Maior do que o ódio dela só a burrice, que lhe é intrínseca. A abjeção de um ser assim causa mais compaixão do que qualquer sentimento de raiva, por exemplo…

Responder

roberto

07 de outubro de 2014 às 16h38

Se ela tiver a casa incendiada,não vai poder reclamar depois. Declarou guerra aos nordestinos, como Hitler aos judeus e outras raças impuras.

Responder

elizabeth pretel

07 de outubro de 2014 às 16h37

Ela escreve como se fossemos a “raça mais pura” do planeta, quando sab emos que somos a “maior mistureba” que existe e isso, deveria ser o motivo pelo qual não deveriamos ter nenhum tipo de preconceio com quem quer seja, principalmente com as regiões a que ela se refere. Essa(s) atitude(s), vinda(s) do povo ou de quem governou o país (fhc) é muito ruim, pois divide nosso país que é continental e, com a união de todos, (vou usar giria), NÃO IA TER PRÁ NINGUÉM.

Responder

O Mar da Silva

07 de outubro de 2014 às 16h23

“A denúncia foi protocolada pelo advogado baiano Durval Saback.”

Parabéns pelo ato cívico Durval.

A OAB deveria processar todo esse pessoal que confunde liberdade de expressão com disseminação do ódio.

Responder

    Eduardo

    08 de outubro de 2014 às 16h27

    Caramba! Ganha quase 15mil por mes!!!!!!

Léo

07 de outubro de 2014 às 16h14

Li que esta senhora esta ainda em estagio probatorio.

Neste caso tem que ser desligada imediatamente, das funçoes. Esta Senhora não serve para trabalhar num Orgão tam competente como o Ministerio do Trabalho.

Responder

ana13

07 de outubro de 2014 às 16h13

Coisa nojenta é ser xingada de nojenta e calhorda, em são paulo, quando passeava de carro com uma bandeirinha da Dilma, no sábado, 4.
Tive medo e na volta pra casa tirei do carro o motivo de tal indignação por parte elite malcheirosa….

Responder

Léo

07 de outubro de 2014 às 16h11

O Ministerio do Trabalho, pelo que conheço é um Orgão de respeito, no minino deverá afastar esta senhora de imediato.

Responder

Léo

07 de outubro de 2014 às 16h09

Esta senhora tem que arcar com as consequencias.

assim como FHC

Acesse: http://odia.ig.com.br/eleicoes2014/2014-10-07/menos-informados-votam-no-pt-diz-fernando-henrique.html

Não é porque FHC, tem mais de 100 anos que é considerado imputavel.

No minimo ele tem que indenizar milhoes e milhoes de eleitores de Dilma no primeiro turno.

Sugiro que alguem entre na Justiça pedindo reparação por danos morais, no minimo, baseado no Código Eleitoral, Constituição Federal e outras leis Federais.

Durante a campanha é proibido denegri imagem e ferir reputação seja de candidato ou eleitores. Qualquer estagiario em Direito sabe.

Responder

lidia virni

07 de outubro de 2014 às 15h43

O que se pode concluir do que ela vomitou na Internet é que ela aprova o bombardeio contra Hiroshima e Nagasaki, pois o sugere como uma fórmula de acabar com os “mal informados”, ou seja, burros como os qualificou o auto-proclamado sociólogo e entreguista FHC, ujm dos inspiradores desses ataques racistas, preconceituosos e fascistas. Demissão já!, pois o povo brasileiro, do qual fazem parte os nordestinos, não merece continuar pagando o salário polpudo dessa coxinha estragada.

Responder

Mário SF Alves

07 de outubro de 2014 às 15h24

Surpreende-me saber que uma pessoa dessa tem diploma de curso superior e que foi aprovada em concurso público federal.

Imagine-se qual poderia ser a situação dessa senhora se os brasileiros, inclusive nordestinos, não tivessem apeado do governo federal aqueles que quebraram o Brasil trẽs vezes consecutivas, época na qual o índice de desemprego foi tão gritante e desumano que ficou como registro histórico aqulela fila de quinze mil pessoas, entre as quais engenheiros e advogados, na disputa de vaga para gari da Comlurb/RJ.

Isso sem dizer daquele governante que à época foi publicamente repreendido pelo Bill Clinton, presidente dos EUA.

Imagine-se a situação dessa senhora se tivesse prevalecido a gestão tucana,sob a ideologia tatcherista do estado mínimo, na qual concursos e cargos públicos fossem banidos sob o argumento de inchar a máquina pública.

Responder

    Pedro Pereira

    07 de outubro de 2014 às 15h42

    Provavelmente, estaria se prostituindo na Europa.

    PS: moderação é pesado o que disse, mas é verdade. Ainda acontece bastante, mas na década de 90 a quantidade de mulheres goianas que foram para Espanha não tá no gibi. Tinha um amigo que foi com uma prima, ele foi catar uva nas vinícolas portuguesas (sub emprego) e ela…

Mariana

07 de outubro de 2014 às 15h23

Azenha, vc viu isso?

O parodoxo de Aécio (ou: por que investigar os resultados do primeiro turno)
Aécio ganhar 14,5 pontos percentuais em 72h, sem nada capaz de explicar tal ascensão, “desafia a lógica e os fatos”, diz professor, estranhando o silêncio sobre a diferença entre votos dados ao tucano e o que previam as pesquisas

POR CONGRESSO EM FOCO | 07/10/2014 12:19
CATEGORIA(S): ECONOMIA BRASILEIRA, ELEIÇÕES 2014, FÓRUM, NOTÍCIAS, OUTROS DESTAQUES
COMPARTILHAR IMPRIMIR
Bajonas Teixeira de Brito Junior *

Imagine-se que um grupo de especuladores do mercado financeiro se dispusesse a manipular a eleição presidencial brasileira. Supondo que isso seja tecnicamente possível, pelo menos a quem se disponha a investir alguns milhões de dólares para ganhar de volta algumas centenas, talvez sequer fosse percebido pelas antenas sensíveis do país. A julgar pela excitação infantil dos comentaristas da Globonews ontem enquanto avançava a apuração da eleição presidencial, a capacidade de dar uma braçada contra a maré ― não diremos nadar, o que seria pedir demais ― foi definitivamente extinta da mídia brasileira. Ao invés de analisarem a situação, repetiram o mesmo mantra da “desidratação de Marina” e fingiram que Dilma não existia. Tudo parecia tão óbvio que dava para desconfiar.
https://www.viomundo.com.br/denuncias/auditora-trabalho-que-usaria-bomba-atomica-contra-o-nordeste-denunciada-por-incitar-odio.html

Responder

Pedro Pereira

07 de outubro de 2014 às 15h22

Cheguei a conclusão de que muitos componentes da antiga classe média, e um percentual considerável dos que acenderam nos últimos 12 anos, nutrem um sentimento de xenofobia contra negros, nordestinos e os brasileiros mais pobres.

Pode parecer errado falar em xenofobia, já que este é o ódio ao estrangeiro, mas assim como muitos americanos nutrem ódio contra latinos e asiáticos, ou europeus contra africanos e árabes, ou japoneses contra decasséquis, muitos das classes mais altas nutrem o mesmo sentimento contra irmãos de nação, já que não os veem como parte de uma mesma nação. Isso dificulta muito qualquer projeto sério e de longo prazo para o Brasil.

Responder

    Roberto

    07 de outubro de 2014 às 20h13

    É um erro o termo pois existe ódio racial/étnico, o que vc citou como “nordestinos” quer dizer caboclo, mestiços. Nordeste ou nordestinos não é etnia e sim situação geográfica, quem atribui questões étnicas a isso são os racistas que pra não usarem a palavra negro ou caboclo usa o termo regional.

Gabriel Braga

07 de outubro de 2014 às 15h17

Tomara que seja demitida pra assim ter bastante tempo pra refletir e se tornar menos selvagem.

O PS foi sensacional.Parabéns!

Responder

raimundo santana novaes

07 de outubro de 2014 às 14h47

Pessoas como esta não gostam do Brasil,não gostam do povo,não gostam da cultura brasileira…O ódio que eles têm do PT, na realidade é a sua frustração de ter nascido no Brasil. Por isso estão sempre apoiando os políticos que querem vender o Brasil. Isso tudo, acompanhado de um profundo ódio de classe herdado do período colonial e do Império,onde a escravidão predominava nas relações sociais de produção que sustentou por tanto tempo as elites brasileiras.É esse ódio de classe que não suporta ver o sucesso do PT na administração do país,fazer o que eles não fizeram…o povo não é bobo! Foi por isso que os mineiros elegeram o candidato do PT, na terra de Aécio.

Responder

Gersier

07 de outubro de 2014 às 14h27

Uma panaca em todos os sentidos.Aposto que essa idiota “adora” frequentar as praias nordestinas e os agitos da noite nas mesmas.

Responder

Vinicius Garcia

07 de outubro de 2014 às 14h20

Essas ações mostram o parque as massas em processos revolucionários agem como júri e executor.
O que ganha o Brasil com essas atitudes?
Essa gente pensa o que, afinal de contas?
Levantam inclusive a bandeira antiga dos Mesquitas, que sonham com a separação do sul/sudeste do restante do país.
Na história de nosso país, muito do progresso do sul/sudeste se deu a migração de nordestinos e nortistas.
Depois de mortos, passadas algumas horas todos começam a feder, mas tem alguns que acham que vão exalar perfume de flores.

Responder

    Mário SF Alves

    07 de outubro de 2014 às 15h58

    “Na história de nosso país, muito do progresso do sul/sudeste se deu devido a migração de nordestinos e nortistas.”

    _______________________________
    Entre as correntes migratórias imigratórias que fizeram a riqueza do Sudeste, especialmente a de SP, encontram-se os italianos, que escolheram o Brasil como alternativa de sobrevivência à crise econômica que assolou a Europa no século XIX; mas, sobretudo, encontram-se os nordestinos.

    A propósito, era nordestino, pobre, viveu em cortiços e trabalhou desde menino um dos maiores intelectuais do mundo e símbolo de SP. Refiro-me ao sociólogo Florestan Fernandes, professor da USP, que, por sinal, foi professor do FHC, guru do PSDB.

O DOUTRINADOR

07 de outubro de 2014 às 13h59

Tem que ser Processada e ser Demitida por incitar o ódio em um País que sempre foi tolerante, ainda mais morando no MT, onde a Grande maioria das Pessoas que foram Colonizar e não Explorar o MT, eram oriundas do Nordeste do Brasil.

Responder

Lukas

07 de outubro de 2014 às 13h15

Já o ódio aos paulistas da filosofa é plenamente justificavel.

Calma, a Dilma vai ganhar… calma…calma…sem apelação.

Responder

    Gabriel Braga

    07 de outubro de 2014 às 15h09

    Como você deturpa as coisas..

    A Marilena Chauí nunca disse ou escreveu nada que chegasse sequer perto do que essa infeliz escreveu.

    Hélio

    07 de outubro de 2014 às 16h29

    A crítica da Marilena Chauí é justamente a essa postura prepotente, preconceituosa e odienta de certas classes médias e altas.

realista

07 de outubro de 2014 às 13h08

coisa nojenta

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.