VIOMUNDO

Propinoduto tucano: Contratos com o governo chegam a R$ 40 bilhões

12 de dezembro de 2013 às 23h17

por Conceição Lemes

O site da bancada do PT na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) disponibilizou nessa semana uma apresentação sobre o propinoduto tucano, que vale a pena ser vista para se entender melhor as teias de relações envolvidas.

Em formato power point, ela é bastante didática. Sistematiza todas as informações disponíveis sobre o esquema de corrupção que fraudou licitações para aquisição e reformas de trens, construção e extensão de linhas metroferroviárias no Estado de São Paulo: cartel de empresas, entre as quais as multinacionais  Alstom e Siemens, altos funcionários do governo paulista, lobistas, “consultores”.

A estratégia da grande mídia tem sido a de apresentar os fatos de forma fragmentada, dificultando uma visão geral da denúncia.

Daí a elaboração desse material. O objetivo é organizar as informações para que os militantes entendam o que está acontecendo, e coloquem o tema no debate do dia a dia.

As investigações sobre o caso Alstom/Siemens, vale lembrar, tiveram início em 2004 na Suiça.

Em 2008, a bancada do PT na Assembleia Legislativa paulista começou a apurá-lo.

De lá para cá, entrou com mais de 15 representações nos ministérios públicos Estadual e Federal, denunciando direcionamento nas licitações do Metrô e da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), prática de corrupção, formação de cartel, lavagem de dinheiro, pagamento de propinas a autoridades públicas e prorrogações ilegais de contratos.

A apresentação (na íntegra, abaixo) exibe, primeiro, um quadro geral do caso Alstom/Siemens:

* Diversas empresas privadas (algumas multinacionais) fornecedoras de material e serviços para o sistema de transporte metro-ferroviário de São Paulo são acusadas de formação de cartel (acordo prévio), reduzindo a concorrência e provocando a cobrança de preços mais altos nos contratos com o governo paulista.

* Para conquistar esses contratos, as empresas do cartel pagariam propinas a altos funcionários do governo. Foram criados, então, vários canais (propinodutos), conectando empresas e autoridades do governo paulista.

*Nesta intermediação, surgem “lobistas”, “consultores fictícios” e suas respectivas empresas privadas, muitos deles com passagens no governo.

* Há indicações de que o cartel teria atuado no Estado de São Paulo nas administrações de Mário Covas, José Serra e Geraldo Alckmin (PSDB), portanto nos últimos 20 anos.

Durante esse período, diversas autoridades do governo paulista assinaram inúmeros contratos com as empresas do cartel. Inclusive prorrogaram indevidamente vários contratos questionados.

Um levantamento feito pela assessoria técnica da bancada do PT na Alesp mostra que, desde 1990, os contratos das empresas do cartel com o governo paulista somam 618. Em volume financeiro, eles chegam a R$ 40 bilhões, em valores atualizados.

Nos cálculos, foi incluído o governo Fleury (1990-1994), pois o seu vice era o hoje senador Aloysio Nunes (PSDB), que acumulava o cargo de secretário dos Transportes Metropolitanos. Ambos na época eram PMDB. Aloysio fez a transição entre os governos Fleury e Covas, daí vem a sua atual força política.  O nome  do senador tucano aparece nas denúncias feitas recentemente  ao  Ministério Público do Estado de São Paulo.

Os prejuízos do propinoduto tucano ao erário público são muito altos. Saíram de R$ 425 milhões denunciados pela revista IstoÉ e já ultrapassam R$ 2 bilhões. Só a reformas dos trens sucateados custaram R$ 1 bilhão. Somam-se aí R$ 300 milhões das compras de trens em 2013, e os R$ 400 milhões do superfaturamento do consórcio Cofesbra, denunciado pelo Viomundo.

Essas perdas, tudo indica, são apenas a ponta do iceberg do rombo tucano, uma vez que, de 1990 para cá, só os contratos do cartel com o Metrô e a CPTM atingem R$ 33 bilhões.

[Clique aqui e ajude-nos a continuar investigando]

QUEM É QUEM NO PROPINODUTO TUCANO PAULISTA

Muito elucidativo na apresentação são os gráficos que mostram os principais personagens do propinoduto. É um quem é quem do esquema, incluindo figuras do governo paulista, cartel, “consultores” e lobistas. Para visualizar melhor os dois quadros abaixo, vá ao documento no final desta matéria. É a apresentação completa.

 

Alstom e Siemens — para subornar as autoridades paulistas e, assim, manter o cartel, a “compra” de licitações e prorrogar licitações de forma irregular — repassaram a agentes públicos porcentagem dos contratos assinados, via offshores e empresas fictícias de consultoria. Elas adotaram três esquemas de pagamento de propinas:

Interessante notar que há grupos. Cada cacique tucano teria os seus operadores no esquema.

CPI DO PROPINODUTO E AFASTAMENTO DOS ENVOLVIDOS

No momento, a bancada do PT coleta assinaturas para apresentar pedido de CPI na Assembleia Legislativa para investigar o esquema do propinoduto.

Já pediu ao Ministério Público o afastamento dos agentes públicos envolvidos e a suspensão dos contratos.

Pediu também o afastamento de dirigentes da CPTM e do Metrô responsáveis por contratos denunciados pela Siemens e dos secretários apontados em denúncias: Edson Aparecido ( Casa Civil), José Aníbal (Energia), Jurandir Fernandes (Transportes Metropolitanos) e Rodrigo Garcia (desenvolvimento Econômico).

Fez ainda ao MP uma representação por ato de improbidade por omissão contra Geraldo Alckmin e o ex-governador José Serra.

A apresentação contém muito mais dados. Recomendo a leitura  da apresentação na íntegra.

Apresentação sobre o propinoduto tucano feita pela assessoria técnica da bancada do PT na Alesp by conceicaolemes

PS do Viomundo: Só podemos pedir a vocês que espalhem!

Leia também:

Propinoduto tucano: Domínio do fato pode pegar Serra e Alckmin

 

85 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

José Ubaldino Motta do Amaral

21/03/2015 - 20h58

E depois esses “santos” acusam a Dilma e o PT.

Responder

souza

17/12/2013 - 18h37

cerra já pulou fora.
próximo picolé de chuchu.

Responder

F.C.Perez

17/12/2013 - 15h36

Grande Simão Pedro, vale lembrar sua grande ousadia em fazer a denuncia no MPF/ MPE, bem como, para a população brasileira, “eu” imaginava que os contrários iriam trucida-lo. Hoje vejo seu grande apreço pelo povo de São Paulo e do Brasil, em defesa do “ERÁRIO” público. Parabéns deputado! É o que precisamos de políticos comprometido com a população.

Responder

Jose Mario HRP

15/12/2013 - 10h14

Responder

carlos

14/12/2013 - 18h59

Penasr que chegarm a processar esse valoroso jornalista, a pagar parece-me a quantia de 1 real pela calunia, só no Brasil, quem trabalha honestamente é espesinhado, eu estou aqui pra reconhecer o seu valor, meu amigo Amaury junior os outros estão contando agora, o que voce já disse antes, voce tem a primazia porque trabalhou duro pra mostrar os fatos de acordo como eles aconteceram, parabens continue assim.

Responder

Paulo Figueira

14/12/2013 - 16h41

Foi censurada a minha resposta ao comentário do Irineu.
É proibido no blog dizer que a Record faz parte do PIG?

Responder

pedro - bahia

14/12/2013 - 15h53

Infelizmente a denúncia será desqualificada e arquivada ao chegar no STF. O Daniel Dantas para Gilmar Mendes e os Psdebistas para Joaquim Barbosa, são inimputáveis.

Responder

José Roberto - SP

14/12/2013 - 14h18

O TUCANO tá tão despenado que deveriam mudar o seu codinome. Vai aqui uma sugestão: aquele peixinho “ROBALO”.

Responder

nei

14/12/2013 - 12h46

Azenha,
O mensalão do PT é de R$ 75 milhões é segundo a mídia o maior do Brasil. Este do PSDB deve ser O MAIOR DO MUNDO.
Nei

Responder

Jose Mario HRP

14/12/2013 - 10h58

Aloysio , tua batata tá assando!

Responder

Jose Mario HRP

14/12/2013 - 10h34

Pouco tempo atrás Aloysio Nunes e Jose Anibal fizeram um carnaval danado , com as alegações de que os documentos que iniciaram as investigações do trensalão eram falsas e montadas.
Mas o ex funcionário da Siemens deu com a lingua nos dentes, ao vivo e a cores, diante dum delegado da PF e de um procurador federal.
Agora não há mais como negar que pela escala e cadeia de comando, tanto um como outro meteram a mão na lama.
Aloysio Nunes, o ” brujo ” do PSDB sempre chamou para si as brigas que o PSDB criou.
Era o machão truculento e ardiloso , pronto a arquitetar sacanagens contra aqueles que se punham a frente dos desejos e luxúrias do tucanato
Agora…….
Desses porcos do PSDB, só não ouvi ainda o nome do Saulo Castro de Abreu, o promotorzinho metido a Rambo do mal, sempre pronto a prender e arrebentar, não roubou junto com a galera da elite tucana?
Se mexer nesse lixo sobra algo para ele sim!
Agora já não se pode chamar o mensalão de maior escandalo da história da república, agora tem o trensalão de bilhão, ou quem sabe, de bilhões!
E eu fiquei vivo para curtir essa malta se borrar de medo.

Responder

Sergio

14/12/2013 - 00h09

Amigos- como eleitor da Dilma, procuro ler todos os blogs que falem positivamente. Mas ao abrir o Pdf feito pela Alesp sobre o escândalo do propinoduto tucano, deparei-me com um erro de português (ou de digitação?) que espantou – Pagina 7 – fazeram. Deixar um erro deste, é deixar uma porta aberta para a desmoralização do documento e da assessoria do PT na Alesp. Portanto, avisem quem é o responsável por este texto, para que seja consertado. Não precisa publicar esta minha nota no seu site, aliás, muito bom, mas é preciso consertar a apresentação de que estamos falando.

Responder

    Mário SF Alves

    21/03/2015 - 17h04

    É. Naquela construção, soou estranho mesmo. Em documentos dessa natureza e de tal importância, sei não, mas bem que podiam contratar um revisor. Ou foi o revisor que não reviu?

Sagarana

13/12/2013 - 23h53

E os contratos do cartel com os governos petistas, montam a quanto? Me refiro ao contratado pois sabemos que o realizado é bem pouco.

Responder

    Jose Mario HRP

    14/12/2013 - 10h36

    Pergunta pra tua mama!
    KKKKKKKKKKK…….

SILOÉ-RJ

13/12/2013 - 20h34

Dessa vez qual será o PAULO Preto a ser abandonado nos trilhos????

Responder

    Mário SF Alves

    21/03/2015 - 17h07

    Bem lembrado. Mas, vai ser difícil arranjarem um substituto; mesmo porque ali, naquela patota, só tem branco.

carlos

13/12/2013 - 20h17

O povo de São Paulo são incauto, votam pelo umbigo ou então pela paixão, e não com a razão, daí se explica essa dinastia do PSDB,acordem seus alienados, não tenham vergonha o importante é não continuarem fazendo a escolha errada.

Responder

Messias Franca de Macedo

13/12/2013 - 19h52

E ATENÇÃO! EXTRA!…

Hoje à noite, no JN, será expressamente proibido ao casal ‘-20′: mencionar as palavras: polícia; federal; ‘impostômetro’ [RISOS]; imposto; renda [mais risos!]; fiscal [nem que seja “os do (S)erra”!]; crime [nem que tenha acontecido na Bósnia – ou na ‘Chechênia’!]; tributos [nem que seja em homenagem ao “dotô” Robert(o) Marinho!]…

O EDITORIAL na voz maviosa de Cid Moreira, o mesmo que narrou o documentário *apologético da globo à ditadura militar no Brasil!
*1 Que faz apologia. 2 Que defende por discurso falado ou escrito. 3 Que reconhece uma culpa ou dela se desculpa. 4 Dito, escrito ou feito em defesa ou à guisa de apologia. Var: apológico.

O DOCUMENTÁRIO (Exaltação e propaganda da Ditadura Militar na Rede Globo 1975): http://www.youtube.com/watch?v=eoJOrwGa0ZU

OUTRO VÍDEO (Globo adulou o regime militar): http://www.youtube.com/watch?v=Yl0CRkXJnaA

Responder

Messias Franca de Macedo

13/12/2013 - 19h26

*O1 BILHÃO DE REAIS!… Daria para construir ‘trocentas’ casas populares, ‘trocentos’ hospitais públicos, ‘trocentas’ creches, ‘trocentos’ Postos de Saúde [com médicos cubanos atendendo 24 horas/dia, todos os dias da semana!], ‘trocentas’ escolas…

O honesto povo trabalhador brasileiro confia na gloriosa, competente e briosa Polícia Federal do Brasil!…

*Bomba! Sonegação da Globo já está na Polícia Federal! – See more at: http://www.ocafezinho.com/2013/12/13/sonegacao-da-globo-ja-esta-na-policia-federal/#sthash.88LW5fe5.dpuf

Responder

Carlos J. R. Araújo

13/12/2013 - 19h24

Não devemos esquecer que o tucano tem um bico enorme, mas, com aquele aspecto de esfomeado, decerto come pouco. Já o tucano paulista ele é um verdadeiro elefante. Cadê minha carteira?

Responder

    pilistrika

    14/12/2013 - 20h12

    Seria muito bom que a Sociedade Protetora dos Animais entrassem na justiça para proibir este bando de ladrões de usar o nome de uma das aves mais bonita da fauna brasileira pq é uma falta de respeito com ela e com nossa fauna!

jõao

13/12/2013 - 19h20

Aprovação de Dilma perto de 70% no Nordeste
Enviado por Miguel do Rosário on 13/12/2013 – 1:16 pm 2 comentários
Pesquisa CNI-Ibope divulgada hoje mostra uma forte recuperação da popularidade da presidente Dilma. .

Responder

    renato

    13/12/2013 - 20h55

    Recuperação???????????
    Dilminha é o maximo…
    Ela caiu dos 100% para 73%…
    Estou aborrecido…

    FrancoAtirador

    14/12/2013 - 00h39

jõao

13/12/2013 - 19h18

Sonegação da Globo já está na Polícia Federal!
13 de dezembro de 2013 | 17:20 Autor: Miguel do Rosário
globogate
A denúncia sobre a sonegação bilionária da Rede Globo, e posterior sumiço do documento da Receita Federal, que o núcleo fluminense do Barão de Itararé, junto com o blog Megacidadania, protocolou no Ministério Público Federal do Rio de Janeiro, seguiu os trâmites internos da instituição e virou o Ofício 13344/2013. O documento foi encaminhado à Superintendência Regional da Polícia Federal no Rio de Janeiro, onde se encontra agora.
A PF apurará dois crimes: 1) contra a Ordem Tributária, que é o crime da sonegação propriamente dita, e que pode envolver evasão de divisas, lavagem de dinheiro e crimes contra o sistema financeiro; e 2) ocultação de bens, diretos ou valores, que corresponde ao misterioso desaparecimento dos documentos originais, nos quais os auditores da Receita decidem pela condenação da Rede Globo pelo crime de sonegação.
Confira o documento:
ScreenHunter_3099 Dec. 13 16.25
Segundo apurado pelo blog, este ofício está sendo analisado pela Corregedoria da PF, procedimento preliminar à abertura de um inquérito policial. Fontes da própria PF nos informaram que a praxe é que o procedimento seja concluído de 60 a 90 dias.
O Barão de Itararé, na próxima semana, enviará uma comitiva às dependências da Superintendência da PF-RJ para pressionar pela abertura desse inquérito, no mais curto prazo possível. Iremos lembrar às autoridades da magnitude do valor em questão, e da importância que ele adquire como exemplo contra a sonegação de impostos.
O sonegômetro atualizado esta semana pelo Sindicato Nacional dos Procuradores da Fazenda Nacional (Sinprofaz) deve chegar a R$ 415 bilhões em 2013. Trata-se de uma das maiores chagas nacionais, ainda mais grave que a corrupção, que sangra os cofres públicos em R$ 50 a 80 bilhões por ano.
*
Abaixo, um fác-símile do protocolo que deu origem ao ofício que está na PF:

ScreenHunter_3100 Dec. 13 16.40

Para saber mais sobre a sonegação da Globo, clique aqui.

Responder

    Mário SF Alves

    21/03/2015 - 19h58

    Muito bem, João.

Scan

13/12/2013 - 19h10

Uai, o MPL não vai chiar? São bem mais do que os 20 centavos, hein?
Cadê as “manifestações”?
Alguém tem dúvida sobre a quem serve o MPL?
Alguém tem dúvidas de que merecem mesmo um cacete?

Responder

Marcos Ferreira

13/12/2013 - 19h03

A plutocraria brasileira é quem mais pilha e depreda o estado, seja por sonegação fiscal ou licitações fraudulentas.Quarenta bilhões desviados do metrô e 397 bilhões de reais em sonegação de impostos.

Responder

Messias Franca de Macedo

13/12/2013 - 18h49

… Vai ter ‘helicoPÓtero’ da globo “sobrevoando a cobertura desta matéria”?!…

Pano rápido!…

Responder

    Messias Franca de Macedo

    13/12/2013 - 19h28

    … Vai ter ‘helicoPÓtero’ da globo “sobrevoando a cobertura desta *matéria”?!

    *Sonegação da Globo já está na Polícia Federal!

    http://www.ocafezinho.com/2013/12/13/sonegacao-da-globo-ja-esta-na-policia-federal/

    Mário SF Alves

    21/03/2015 - 20h14

    Sobre a sonegação da Globo, ou o escândalo Globogate:

    Prezado Messias, por favor, considere o seguinte:

    Se esse imposto sonegado, quase um Bi de reais, for legalmente julgado como recurso perdido, penso que quem o encontrou tem pleno direito a uma justa recompensa legal.
    Portanto, a proceder o raciocínio, parte desse achado – quase bilionário – pertence ao Megacidadania e ao B. de Itararé. Tanto por mérito quanto por por lei.
    ___________________________________
    Aí, Miro…a hora é agora.
    ______________________________________________
    No mais, só desejo que tal recompensa jamais os tire da imprescindível luta que espontaneamente têm travado; que jamais sucumbam ao ideário rentista-neoliberal daqueles que fazem o jogo da neo colonização do Brasil e que sob a hegemonia imperialista que tanto apoiam nada mais serão que futuros tubos de processar m#rd*. Literalmente.

    PS.: Que se crie um fundo de proteção mútua contra os ataques dos representantes das concessões públicas sequestradas e transformadas em corporativismo midiático.

renato

13/12/2013 - 18h13

Meu Deus, ajude o Brasil….
O Estado Mínimo vive por outras vias.
E o muro que os cerca é invisivel e simbiotico.
Se entrelaça com o Estado Maior……
Corrompe a noite, e se camufla de dia…

Responder

    Mário SF Alves

    21/03/2015 - 20h27

    Até gostaria de poder contradizê-lo. Infelizmente isso a cada dia que passa isso se torna mais e mais impossível. É o Estado de Fato ainda se sobrepondo ao Estado de Direito. É o poder de fato, anticonstitucional, ainda se sobrepondo ao poder de Direito.

Regina Braga

13/12/2013 - 17h35

Nada como um bom(a) jornalista para mostrar o domínio da realidade,pois a justiça só fica com o domínio do fato encoberto!

Responder

Urbano

13/12/2013 - 14h33

O poB se especializou em cifras bilionárias… Daí as suas duas principais pastas trabalharem com tanto afinco.

Responder

Julio Silveira

13/12/2013 - 13h55

Se estivessem no governo federal seria quatrocentos.
Tenho dito, e ninguém me engana que foi o contrario, essa turma “esclarecida e culta” elevou o nível dessas ocorrências no Brasil para outro patamar. Gaiatos foram os que seguiram atrás sem ser do time.

Responder

José BSB

13/12/2013 - 11h44

Espero que de cadeia.

Responder

pierre

13/12/2013 - 11h37

Se 450 kg de cocaína, apreendidos no helicóptero dos Perrellas, não escandalizou a justiça e nem a opinião publica (PIG), essa merreca roubada em São Paulo é considerada apenas uma tênue suspeita de petistas visando as próximas eleições. Tá no gavetão! Adeus!!!

Responder

    Mário SF Alves

    21/03/2015 - 20h34

    Pó e CIA, tudo a ver. Vide a exploração dos singelíssimos campos de papoulas na Afeganistão. Vide Colômbia, vide México. Agora ligue tudo: popóptero apreendido no ES, escândalo escandalosamente mal explicado; ligue tudo, ligue com a exploração de singelíssimos campos de papoulas na Afeganistão.

Henrique

13/12/2013 - 11h32

E todo este tempo só 74Km de metrõ!?

O que falta para o paulista sair dessa alienação da mídia e lavagem cerebral de tantos anos?

Acorda SP!

Responder

Alemao

13/12/2013 - 10h56

Se o Lula foi reeleito com o Mensalão, o que os fazem pensar que o PSDB irá perder com o Trensalão?

Responder

    Paulão Fardadão Cheio de Bala

    13/12/2013 - 16h26

    A simples diferença de q o mensalão não passa de uma farsa sem provas, q pode ser exposto como tal internacionalmente, e o trensalão está fartamente documentado, e tem condenações ocorrendo internacionalmente.

    Alemao

    13/12/2013 - 17h27

    Na época nem se cogitava isso meu caro.

    Mlopes

    26/09/2014 - 09h59

    Disse tudo em poucas linhas!

    Scan

    13/12/2013 - 19h47

    O PSDB vai perder.
    Independente de qualquer coisa.

    Luís Carlos

    14/12/2013 - 09h50

    O mensalão foi crime de caixa 2, apesar de ter sido transformado pelo Barbosa e grandes meios de comunicação em outra coisa. Pergunto: o quanto isso afeta o quotidiano das pessoas?
    O trensalão é desvio de dinheiro de obras públicas, especificamente da melhoria do transporte público coletivo que afeta diretamente a vida de milhões de pessoas. Muito mais por isso, a grande mídia o omite, esconde e deturpa as informações sobre o propinoduto tucano, também conhecido como trensalão.
    Terá influência nas eleições. Não sabemos ainda, mas certamente é muito mais provável porque afeta o quotidiano da população do que o “chamado mensalão do PT”

marcio ramos

13/12/2013 - 10h20

… o sistema não muda, as leis facilitam a vida de quem sabe o que faz, todos estes crimes envolvendo em quem vc vota, ou seja, primeiro vc valida o crime, depois eles enriquecem, ficam bilionarios com o trabalho alheio, formam suas instituições, trabalham de forma honesta ou não na Igreja Catolica Apostolica Romana, no PIG, nas grandes empresas, nos sindicatos,assumem o comando das instituições ditas democráticas…

…são 400 bilhões que não são contabilizados nos cofres publicos devido a evasão fiscal, quem mais sonega é Banco, o mesmo que aparece na Globo, que os politicos alisam, que o trabalhador deve, que o black block arranha, que o trafico lava a roupa, que a modelo pousa, que o artista recebe premios…

… quem sonega menos sou eu tu ele… e quem vai parar de sonegar primeiro? Eu não! A Dilma?

… contabiuliza mais 70 bilhões só na corrupção, segundo ninguem mais ninguem menos que a FIESP…

… tem os cobra-criada, do PSDB são profissionais, uma verdadeira mafia, tem os que estão formando a sua mafia lá dentro e acredito nos que estejam honestamente trabalhando com, para e pela instituição carcomida pela corrupção o que é um paradoxo, mas a vida é um paradoxo e foda-se, nunca vou entender isso… sou uma besta…

… tem psicopata pra todo lado, o cara faz o crime e acredita que esta fazendo certo, o outro investiga o crime, vem outro analisa o crime, o criminoso de nada sabe, a imprensa fala do crime, e o crime sai impune com o criminoso, e nas cadeias, vejam só a cadeia, a garotada apinhada que nem sei lá o que… é demais pra cabeça…

https://www.youtube.com/watch?v=REfLDMNvCiA

… lembro do Covas, pq esta m…. me marcou muito, falando na droga da Globo depois de muito terrorismo mandou o choque invadir a FEBEM na leste e disse, aqui não tem bonzinho não… justificando a ignorancia dele e o cara acredita no que fala e o publico muitas vezes tambem, sociedade de psicopatas…

… se houvesse justiça realmente, se estes pilantras que vc vota servissem para alguma coisa, se juiz não vendesse sentença, se o povo parasse com essa servidão, se quem presta parasse de contribuir com as drogas destas instituições podres… se, se, se…

… essa blogosfera está fazendo a diferença,quem sabe um dia ainda vejo estes pilantras na cadeia e a garotada “reeducada” levando a vida numa boa…

Responder

    Mário SF Alves

    21/03/2015 - 20h50

    Ô, Marcio,
    Entendo seu relato como desabafo produtivo. Tem potência e não é fruto da frouxidão moral que assola o Mundo. Um Mundo ainda condenado a viver sob as botas de um dos impérios mais mortíferos da História (inclua aí a morte espiritual, resultante do objetivo megalomaníaco e os resultados trágicos até aqui alcançados em termos de robotização da Humanidade).

jose carlos lima

13/12/2013 - 10h19

A MÃO DE FERRO DO FACEBOOK PARA IMPEDIR A LIVRE INTERLOCUÇÃO NAS FANPAGE – Criei uma fanpage no facebook para mostrar os spin corrptos que a grande mídia joga para debaixo do tapete, não é preciso logar para visitar e aproveito para fazer uma denúncia: O Facebook está agindo com mão de ferro para impedir que eu compartilhe livremente coisas na minha fanpage, o Facebook sabe que a fanpage é uma forma que tenho de sair do gueto que é o facebook uma vez que ali se encontram apenas amigos do campo artistico e politico, a minha caverna de platão que adoro mas que quero sair e dar umas voltinhas, mostrar para as pessoas que não tem facebook,, mas o FB marcou alguns links como perigosos para minhas Fanpages: Tadeu Chiarelli spin cuador(sic curdor) Cecilia Cotrim spin historiadora spin curadora spin fotógrara Cristiana Castro spin advogada interessante se notar que eu posso compartilhar conteúdos destas pessoas na minha linha do tempo mas não nas fanpage,,estranho não…pois eu não sou obrigado a ficar nessa Caverna de Platão

https://www.facebook.com/pages/Spin-Corrupto/589931087734829

Responder

Marat

13/12/2013 - 10h13

O PIG anda triste e calado. Será depressão?

Responder

Vinicius Garcia

13/12/2013 - 09h53

Divulgar, divulgo, porém não creio em maiores desdobramentos além do que tem acontecido, tudo parece devidamente ‘abafado’ pelo PIG.

Responder

Maria Thereza

13/12/2013 - 09h32

Como diria o macaco simão: tucanaram a corrupção. agora é cartel!!! É bom que estejam tentando limpar a área, para que o próximo governador de SP (do PT)possa realemnte governar e não precisar ficar investigando esses “cartéis”.

Responder

Aline C. Pavia

13/12/2013 - 09h06

E o cocainocóptero dos Perrella virou pó.

Responder

Garapuvu

13/12/2013 - 08h29

Desculpa, mas este título não condiz com jornalismo sério que é o nosso foco. Dá a entender que foram desviados cerca de 40 bi. Se for por esse caminho, o governo federal tem contratos com essas mesmas empresas em valores muito superiores. Vamos focar no que foi desviado, superfaturado. Um forte abraço

Responder

    Daniela

    13/12/2013 - 11h30

    Fala-se em 9%. É só fazer as contas… Cerca de 4 bi.

    Garapuvu

    13/12/2013 - 14h01

    Não falei do excelente conteúdo da matéria, apenas da Manchete escandalosa padrão PiG de qualidade.

Gerson Carneiro

13/12/2013 - 08h06

Qual é mesmo o maior escândalo de corrupção do país?

Responder

Mariá

13/12/2013 - 07h54

Que zona, que zona! Se depender do judiciário brasileiro, corrompido até o olho do fiofó, Serra e Alckmin nunca serão punidos pelo domínio dos fatos. E a alegação será a seguinte: “eles não tinha o domínio dos fatos, eles participaram dos fatos”. O que é, diga-se de passagem, muito diferente.

Responder

FrancoAtirador

13/12/2013 - 02h24

.
.
Lobista aconselhou tucano a conseguir recursos no exterior para obra do metrô

Ricardo Chapola, Fausto Macedo e Fernando Gallo – O Estado de S.Paulo

Cópia de e-mail em posse da Polícia Federal mostra que Jorge Fagali Neto, apontado como lobista da multinacional francesa Alstom e intermediador de propinas, fez sugestões, no fim de 2006, sobre como o governo estadual deveria agir no setor metroferroviário ao tucano Aloysio Nunes Ferreira, então coordenador da campanha de José Serra (PSDB) ao comando do Estado.

Uma dessas sugestões – a busca de dinheiro externo para obras de uma linha do Metrô – acabou concretizada depois de Serra ser eleito e Aloysio assumir a Casa Civil do Estado.

A obra foi tocada por um consórcio que tinha a Alstom como sócia.

Anexada nos autos da investigação sobre o cartel de trens suspeitos de atuar nas gestões do PSDB entre 1998 e 2008, a correspondência é de 26 de setembro daquele ano eleitoral.
Faltavam cinco dias para a votação e as pesquisas demonstravam que Serra venceria no 1º primeiro turno, o que de fato ocorreu.

Na ocasião, além de coordenar a campanha de Serra, o hoje senador Aloysio era secretário de Governo de Gilberto Kassab (PSD) na prefeitura paulistana.

Fagali é um dos 11 indiciados pela Polícia Federal por suspeita de ilegalidades envolvendo contratos de energia da Alstom com o governo estadual.
Os investigadores afirmam que ele cometeu os crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e evasão de divisas.
Fagali nega.

Antes de se transformar em consultor do setor metroferroviário, no qual a Alstom também atua e é suspeita de formar cartel, ele havia sido secretário de Transportes do governo Luiz Antonio Fleury Filho por um ano: em 1994.
Fagali sucedeu no cargo justamente Aloysio, que foi secretário de Transportes de Fleury entre 1991 e 1993.
Ou seja, Fagali e Aloysio se conhecem “há muitos anos”, nas palavras do próprio senador tucano, segundo quem o e-mail de 2006 foi apenas um “alerta de um amigo” sobre a situação do setor metroferroviário naquele momento.

O irmão do consultor, José Jorge Fagali, foi escolhido por Serra para presidir o Metrô, estatal do governo, cargo que ocuparia entre os anos de 2007 e 2010.

Fagali, o consultor que mandou o e-mail com as sugestões para Aloysio, está hoje com os ativos bloqueados na Suíça.
São US$ 6,5 milhões travados pela Justiça do país europeu por suspeita de lavagem de dinheiro.

Mensagem.
No e-mail, Fagali sugeriu, entre outras coisas, que Aloysio acionasse o Banco Mundial para angariar recursos para a Linha 4-Amarela do Metrô.
“Para a linha 4, acredito ser possível um aditamento ao contrato do Banco Mundial”, escreveu o consultor no e-mail.

Em abril de 2008, no segundo ano da gestão Serra, o governo assinaria com o Banco Mundial, conforme sugerido pelo consultor, um aditamento de US$ 95 milhões ao contrato de US$ 209 milhões de 2002 para a construção da linha 4-Amarela do Metrô.

O dinheiro extra foi usado para obras de ampliação da linha e aquisição de equipamentos, como trens e trilhos.
Responsável pela construção da Linha 4, o consórcio Via Amarela tinha entre seus sócios a Alstom. A multinacional francesa forneceu toda a infraestrutura dessa linha do Metrô, como sistema de alimentação de energia e sistemas de controle e de comunicação.

Denunciante. O e-mail de Fagali ao tucano chegou às mãos da Polícia Federal por meio de uma ex-funcionária do consultor chamada Edna da Silva Flores.
Ela foi secretária pessoal de Fagali entre 2006 e 2009 e prestou depoimento aos federais no dia 9 de outubro passado.

Edna disse que “Fagali trocava e-mails com Aloysio Nunes acerca de licitações de metrô em SP”. Ainda em seu depoimento, a ex-funcionária de Fagali fala da amizade do consultor com outros políticos, como Serra.

Segundo relatou Edna, Fagali era “muito amigo” do tucano.
“Jorge Fagali Neto (…) viajou com Serra para o Japão com a finalidade de tratar de assuntos financeiros do metrô de São Paulo”, disse no depoimento anexado aos autos da polícia.

O ex-governador [José Serra] diz que nunca esteve no Japão com Fagali.

Edna também relatou ao delegado a relação de Fagali com os irmãos Arthur e Sérgio Teixeira, também consultores apontados como intermediadores de propinas do cartel de trens.
Sérgio já morreu e Arthur está indiciado sob suspeita de atuar ilegalmente para as multinacionais do setor metroferroviário. “Fagali tinha contato quase diário com Sergio Teixeira e Arthur Teixeira.”

Em outra parte do inquérito, há um relatório não assinado, mas escrito em abril deste ano pelo ex-diretor da Siemens Everton Rheinheimer, em que Aloysio é citado como sendo próximo de Teixeira.
No mesmo relatório, o ex-diretor da empresa alemã sugere que o chefe da Casa Civil do governo Geraldo Alckmin, Edson Aparecido, foi destinatário de propina.
.
.
ALESP

OFÍCIO
CE/Ofício GG. JS. Nº 032/08
Senhor Presidente
Tenho a honra de comunicar a essa Augusta Assembléia, por intermédio de Vossa Excelência, que estarei ausente do Estado no período de 15 a 27 de agosto próximo, a fim de empreender viagem ao Japão e Londres, para tratar de assuntos de interesse público.
Informo, ainda, que neste período exercerá a Governança do Estado de São Paulo o Senhor Vice Governador do Estado Doutor Alberto Goldman.
Na oportunidade, reitero meus protestos de alta estima e distinta consideração.
JOSÉ SERRA – GOVERNADOR DO ESTADO
A Sua Excelência o Senhor Deputado Estadual JOSÉ CARLOS VAZ DE LIMA
Presidente da Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo
Publicado: DOE, Legislativo, 16/08/2008, p. 6

(http://www.casacivil.sp.gov.br/biblioteca-ccivil/NomeacoesFile.asp?id=11)
.
.
Publicado em 19/08/2008 15:20

José Serra visita JBIC em viagem ao Japão

O objetivo foi conseguir apoio do JBIC
para projetos de saneamento
e transporte público de São Paulo

Kanto , Tokyo – ipcdigital.com

O governador de São Paulo, José Serra, esteve na sede do Banco de Cooperação Internacional do Japão [Japan Bank for International Cooperation=JBIC] na segunda, 18.

O objetivo da visita foi conseguir apoio do JBIC para projetos de saneamento básico e transporte público no estado de São Paulo.

José Serra chegou dia 17 ao Japão e ontem (18) à tarde foi recebido pelo presidente do JBIC, Koji Tanami.

No encontro o governador pediu apoio do banco para o programa de investimentos do estado de São Paulo. Os principais projetos são na área de saneamento básico.

“A maior parte dos investimentos, são com dinheiros brasileiros, dinheiro do governo de São Paulo. Mas a complementação do financiamento externo é muito importante, porque conseguiremos expandir com mais rapidez os programas”, afirma o governador José Serra.

O JBIC já financia vários projetos em São Paulo, entre eles a expansão do Metrô de São Paulo.

“Estamos modernizando rapidamente com estações novas, os trens da CPTM pouco a pouco vão virando o transporte principal. E para ter uma idéia, nós estamos investindo cerca de 10 bilhões de dólares”, complementa Serra que retorna hoje para o Brasil.

(http://www.ipcdigital.com/br/Noticias/Japao/Jose-Serra-visita-JBIC-em-viagem-ao-Japao)
.
.
“Não se Abandona um Líder Ferido na Linha do Metrô”

(De Jorge Fagali Neto para José Serra)
.
.
Projeto Boa Viagem da CPTM

Responder

Gerson

13/12/2013 - 02h16

O Irineu ta certo Azenha, a Record é o contraponto na midia. Tem que fazer ir pra frente.

Responder

    Aliança Nacional Libertadora

    14/12/2013 - 02h57

    Marromenos….mais pra menos….

Francisco

13/12/2013 - 01h45

Foi o estagiário!!!

Responder

Luís Carlos

13/12/2013 - 00h45

Me pergunto como Serra se mantém nos períodos (vários) em que ele está sem trabalho, quando deixa os cargos para os quais foi eleito ( sempre faz pois não cumpre um único mandato no executivo)?
Teriam os tucanos usado seus longos bicos para fatiarem as propinas entre os grupos citados? Mais uma parte para tucanato mineiro, ou ficaram fora da festa e viram tudo virar pó?

Responder

Messias Franca de Macedo

13/12/2013 - 00h22

Mansão de secretário de Alckmin avaliada em 10 milhões é ‘o assunto’ de Porto Feliz, segundo revista

Postado em 12 de December de 2013 às 6:15 pm

Segundo a revista Veja São Paulo, o assunto entre os moradores da Fazenda Boa Vista, condomínio de luxo em Porto Feliz, a pouco mais de 100 km de São Paulo, é a mansão de 1 400 metros quadrados de área construída do deputado federal do DEM e atual secretário estadual de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Rodrigo Garcia. Recentemente, ele começou conversas para vender a residência para Claudio Lottenberg, presidente do Hospital Albert Einstein. Este confirma que visitou o local com Garcia para conhecer melhor. “Também fui a outras casas no condomínio. Preciso ver se terei dinheiro para comprar alguma delas”, diz. Segundo corretores, o imóvel não custa menos de 10 milhões de reais. Depois de sua assessoria confirmar que a propriedade estava à venda, Garcia mudou de versão, dizendo que ela não está no mercado. A casa pertence à empresa Centroeste Participações Agropecuária, que tem o secretário como sócio principal (99% da empresa é dele). Em 2010, ele declarou patrimônio de 4,3 milhões de reais ao TSE, sendo que 1,9 milhão se referia à Centroeste.

FONTE: http://www.diariodocentrodomundo.com.br/essencial/mansao-de-secretario-de-alckmin-avaliada-em-10-milhoes-e-o-assunto-de-porto-feliz-segundo-revista/

(Ver também em http://vejasp.abril.com.br/blogs/terraco-paulistano/2013/11/a-mansao-do-deputado-federal-rodrigo-garcia/)

Responder

    Mário SF Alves

    21/03/2015 - 21h02

    Brasil… um País tão imenso e tão rico que roubam-no à noite e ele se refaz durante o dia.

Tiago Tobias

13/12/2013 - 00h19

Certo dia, Alckmin disse: “Se o povo soubesse o que se passa contra ele, faltaria guilhotina.”

Ele deve começar a se preocupar…

Responder

Julio

13/12/2013 - 00h07

3… 2… 1… Pra aparecer gente dizendo que é mais um dossiê do PT.

Responder

    Zanchetta

    13/12/2013 - 08h51

    Mais um dossiê do PT… eles não desistem…

    Aliança Nacional Libertadora

    14/12/2013 - 03h00

    A arte de banalizar midiáticamente…
    Particularmente da brasileira reacionária é a mais leviana…

    Luís Carlos

    14/12/2013 - 09h59

    Grande defensor da impunidade tucana. Credibilidade?

Pelika

13/12/2013 - 00h00

É… Tempos bicudos da nossa justiça…

Responder

Irineu

12/12/2013 - 23h56

Azenha e leitores, Boa Noite!
Você trabalha na Record , por favor faça uma reportagem especial de uma semana na Record será muito importante.
Aquelas reportagens especiais que você fez e faz são muito boas.
Fale dessa corrupção em SP que já dura quase 3 décadas.

Abraços
Irineu

Responder

Antonio

12/12/2013 - 23h51

Já tem blog da direita falando que o Trensalão é do PT e do Ministro da Justiça. Nada pega para os tucanos, são livres para fazer o que quiser com o dinheiro público.

Responder

Antonio

12/12/2013 - 23h49

Com tapioca petista até ministro cai, já 2 bilhões dos tucanos não vai dar em nada, ou melhor, vai dar em prescrição e mídia abafando.
Este país só tem uma saída, o aeroporto do Galeão.

Responder

    FrancoAtirador

    13/12/2013 - 02h41

    Maria Thereza

    13/12/2013 - 09h37

    Antonio, nossa saída NÃO é o aeroporto. É mantermos nossas trincheiras, denunciando, divulgando, pressionando. Vale lembrar que a mídia velha já não tem a influência que pensa. Até eles estão sendo obrigados a dar as notícias. Há 10 anos, a gente nem tomaria conhecimento dessas coisas. Firme, porque teremos muito trabalho no próximo ano.

    emerson57

    13/12/2013 - 13h26

    a melhor saida:
    a)copie o link do post,
    b)envie para toda a sua caixa de contatos, assunto: farra do boi.
    c)se alguém te chamar de petralha, não perca o seu bom humor.
    …….
    depois disso feito, vá surfar, leia um livro, faça um churrasco, etc.

    Antonio

    16/12/2013 - 00h43

    Maria parabéns pela sua esperança. Eu já não tenho mais esperança, o Brasil só tinha uma solução: EDUCACAO. Mas os políticos não querem quer educar o povo, nossos políticos mais parecem quadrilhas para assaltar os cofres públicos. Os tucanos assaltam e tem o perdão da mídia e do Judiciário. Triste país…., não acredito mais em solução para o Brasil.
    Veja que a economia está abrindo o bico, não tem país no mundo que aguente tanta corrupção e sonegação. A bomba vai estourar de novo na classe média, enquanto os malandros estarão na Europa curtindo com o nosso dinheiro.

    Marcelo Sant'Anna

    13/12/2013 - 10h29

    Caro Antonio as vezes me passa o mesmo pensamento, mas ai eles ganham a luta e o Brasil perde pra sempre.
    Firme na rocha.

    FrancoAtirador

    14/12/2013 - 01h18

    .
    .
    A MÍDIA BANDIDA DEVE ESTAR MAIS PREOCUPADA COM ESTA QUESTÃO:

    (http://arquivos.portaldaindustria.com.br/app/conteudo_24/2013/12/13/52/20131213112444335098o.pdf)
    .
    .

    Aracy

    14/12/2013 - 15h02

    A solução é lutarmos, e muito. Lutar sempre; desistir jamais!

Deixe uma resposta