VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.
Cartas de Minas
Cartas de Minas

Apresentadora: “Candidato, a Globo não sonegou nada!”; Garotinho: “Quem está dizendo isso é inquérito aberto pela PF”

18 de setembro de 2014 às 17h25

Captura de Tela 2016-11-20 às 21.58.09

Garotinho, em entrevista ao RJ TV: “Eu acredito [que a Globo] sonegou”

A prova de que a emissora foi multada (clique neste link para ver o processo completo):

sugerido pelo leitor Adilson, nos comentários

18/09/2014 12h24 – Atualizado em 18/09/2014 16h34

RJTV entrevista Anthony Garotinho, candidato ao governo do RJ

Garotinho respondeu a perguntas sobre habitação, educação e segurança.
Também foram entrevistados os candidatos Crivella, Pezão e Lindberg.

Do G1 Rio

O candidato do PR ao governo do Estado do Rio, Anthony Garotinho, foi o último a ser entrevistado pelo RJTV 1ª edição na série que conversou com os quatro candidatos mais bem colocados nas pesquisas. Nesta quinta-feira (18), Garotinho respondeu a perguntas sobre habitação, educação, corrupção e segurança pública. (Assista à íntegra da entrevista no vídeo).

Questionado sobre o fato de prometer fazer 40 mil casas populares se for eleito, apesar de ter construído apenas 12.554 quando foi governador, segundo dados da Companhia Estadual de Habitação, o candidato rebateu afirmando que o ano de 1999 foi marcado pela renegociação da dívida do estado. “O estado estava falido, quebrado e eu levantei o Estado. Eu governei 2000 e 2001. Em 2002, eu deixei o governo para ser candidato a presidência. Agora eu vou fazer 40 mil casas, 10 mil por ano”, afirmou o candidato.

A proposta do candidato de dar desconto de 50% no IPVA para proprietários de carros também foi questionada, já que quando foi governador do estado ele aumentou de 3% para 4% a alíquota do IPVA para automóveis de passeio e caminhoneiros. “Aquele estado estava falido. Eu tive que renegociar a dívida do estado e essa foi uma exigência da Secretaria do Tesouro Nacional, que nós aumentássemos a arrecadação própria. E uma das arrecadações próprias era o IPVA”, disse.

O candidato ainda acusou o atual governador do Rio, Luiz Fernando Pezão, de falta de coerência em relação ao assunto. “Sabe em quem falta coerência? No Pezão. Ele diminuiu o IPVA para os donos de empresas de ônibus. Por que que os donos de empresas de ônibus têm direito a ter desconto em IPVA e você que está me assistindo em casa não tem?”. perguntou. Procurado pelos repórteres do G1, o governador Pezão não respondeu às críticas até a publicação dessa reportagem.

Já quando questionado sobre a escolha do secretário de Saúde Gilson Cantarino quando foi governador do Estado e a permanência dele durante o governo Rosinha, o candidato alegou confiar no ex-secretário. Em 2008, Gilson Cantarino chegou a ficar preso por cerca de 40 dias por causar prejuízo de R$ 234 milhões aos cofres públicos do estado.

Garotinho ainda comparou o secretário de saúde do seu governo com o ex-secretário de Saúde do governo de Sérgio Cabral, Sérgio Cortes. “Às vezes você escolhe pessoas que depois você vê que ela não correspondia a expectativa. Eu diria que ele foi um bom secretário, comparado, por exemplo, ao Sérgio Cortes, ele foi muito melhor”, afirmou.

Quando indagado sobre o fato de ser réu no processo que envolve Cantarino, Garotinho afirmou que no sistema brasileiro a acusação cabe ao promotor, a defesa ao advogado ou defensor público e o julgamento ao juiz, e destacou que acusação todos podem ter. Neste momento, o candidato afirmou que a TV Globo é investigada pela Polícia Federal em inquérito sobre sonegação de impostos. A apresentadora do RJTV Mariana Gross esclareceu que a TV Globo nada sonegou e que a emissora paga seus impostos.

[O livro O Lado Sujo do Futebol documenta a sonegação da TV Globo e mostra a teia de interesses da emissora nos bastidores do futebol]

Sobre o fato de a sua mulher, Rosinha Garotinho, ter sido condenada ano passado por improbidade administrativa pela construção de 254 salas de informática na Fundação Euclides da Cunha sem licitação pública, o candidato ironizou afirmando não saber onde foi parar o dinheiro. “Quem comprou fazenda foi o Picciani [Jorge Picciani, candidato a deputado federal], o milionário, o rei do gado. Quem comprou casa em Mangaratiba foi o Cabral [Sérgio Cabral, ex-governador do Rio], lanchas, iates e vive viajando para Paris. Quem montou uma fazenda cinematográfica mostrada pela ‘Veja’ foi o Paulo Melo [ex-presidente da Alerj]. Eu levo uma vida normal, de classe média. Eu devo ser incompetente para roubar”, afirmou o candidato.

Procurado pelos repórteres do G1, o presidente do PMDB-RJ, Jorge Picciani, informou, por meio da assessoria de imprensa, que vai processar Anthony Garotinho pelas declarações dadas na entrevista e informou que suas atividades como fazendeiro são anteriores à entrada dele na carreira política. Já Sérgio Cabral, por meio de sua assessoria, informou que não iria comentar as acusações.

Apesar de não citar especificamente o combate às milícias em seu plano de governo, Garotinho destacou que cita o combate a organizações criminosas, onde a milícia se enquadra. “Quando a gente combate crime organizado e é o que está lá [no programa de governo], na palavra crime organizado está incluído milícia”, disse Garotinho, destacando que nos governos Cabral e Pezão as milícias cresceram 300%, segundo o deputado Marcelo Freixo.

Garotinho criticou o desempenho do governo Pezão na educação. “O que eles fizeram com a educação no Rio é uma covardia. O secretário devia ser preso. Ele e o Pezão. Fecharam 300 escolas. Pegaram as escolas e mandaram para as prefeituras, municipalizando, e acabaram com as salas de jovens e adultos. Ou seja, concertar a educação mandando os problemas para os municípios, isso é papel da educação? Então, eles prejudicaram os municípios para o Rio aparecer bonzinho na fotografia”, criticou.

Na quarta-feira (17), o candidato Lindberg Farias (PT) foi o penúltimo a ser entrevistado por Mariana Gross no estúdio do telejornal. A rodada de entrevistas começou na segunda-feira (15), com a entrevista do candidato Marcelo Crivella (PR). Na terça (16), o candidato à reeleição,Luiz Fernando Pezão (PMDB), respondeu às perguntas da apresentadora.

Primeira rodada


O RJTV 2ª edição entrevistou os principais candidatos ao Governo do Rio de Janeiro entre os dias 18 e 21 de agosto. A ordem das entrevistas foi definida por sorteio com os representantes.

O governador Luiz Fernando Pezão foi o primeiro a ser entrevistado, seguido por Lindberg Farias, Anthony Garotinho e Marcelo Crivella. Foram abordados temas polêmicos da trajetória dos quatro candidatos.

[Quer ajudar a financiar nosso livro-documentário sobre a Globo? Clique aqui]

PS do Viomundo: Veja abaixo duas reportagens sobre o caso, uma delas sobre a funcionária da Receita que sumiu com o processo da Globo de dentro de uma repartição pública:

Leia também:

Miguel do Rosário: Globo cobrada em R$ 615 milhões por sonegação

Processo de sonegação da Globo vazou todo no Exterior

Polícia Federal vai investigar sonegação da Globo

Funcionária da Receita foi condenada por sumir com processo da Globo

 

28 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

jõao

20/09/2014 - 15h30

Discurso de ódio contra o PT e a política mata militante do partido em Curitiba

20
SET
Imagem de manifestação de ódio contra o PT
Imagem de manifestação de ódio contra o PT em junho/2013
O discurso do ódio ao Partido dos Trabalhadores, e contra a política, da oposição, da velha mídia e dos setores mais atrasados da sociedade fez uma vítima fatal ontem (19) em Curitiba.

Um militante da campanha de Gleisi Hoffmann (PT) ao governo do estado do Paraná, que também fazia campanha para a presidenta Dilma Housseff (PT), chamado Hiago Augusto Jatoba de Camargo, de 21 anos, foi assassinado com uma facada na Praça da Ucrânia, em Curitiba, onde há uma Feira Noturna frequentada pela classe-média e alta da cidade, no Bigorrilho (Champagnat).

O jovem que sofreu o homicídio era responsável por cavaletes das candidatas e um homem, possivelmente com um grupo, iniciou discussão com o menino e deferiu um golpe de faca contra ele.

O assassino tem barba ruiva e vestia camiseta de time de futebol, e já vinha causando problemas na região.

O Blog do Tarso já havia denunciado a campanha criminosa contra os cavaletes de políticos (clique aqui), o que é crime.

Além disso os candidatos Aécio Neves (PSDB), Marina Silva (PSB, ex-PT, ex-PV, futura Rede Sustentabilidade), Beto Richa (PSDB), Alvaro Dias (PSDB), a revista Veja e demais órgãos da velha mídia, já faziam uma campanha de ódio contra o Partido dos Trabalhadores. Espero que com esse crime seja paralisada essa campanha do ódio.

Nota de pesar pela morte de

Responder

jõao

20/09/2014 - 15h09

olha até a onde chegou o ódio da direita para com a esquerda

http://www.gazetadopovo.com.br/m/conteudo.phtml?id=1500246&comp=facebook
Rapaz que fazia campanha política é morto na Praça da Ucrânia
Ele foi esfaqueado no fim da tarde da sexta-feira (19), após uma discussão

20/09/2014, 12:51
BRUNA KOMARCHESQUI
WhatsAppGoogle PlusTwitterFacebook
Uma discussão na Praça da Ucrânia, no Bigorrilho, resultou na morte de um rapaz de 21 anos, no fim da tarde da sexta-feira (19). Segundo informações da Polícia Militar (PM), o crime ocorreu após um bate-boca envolvendo pessoas que carregavam faixas políticas, durante uma feirinha na praça.

A PM foi acionada por volta das 18 horas, para atender o caso. Na briga, Hiago Augusto Jatobá de Camargo acabou sendo esfaqueado. Ele foi atendido pelo Samu e encaminhado à UPA do Campo Comprido, mas não resistiu aos ferimentos.

O caso está sendo investigado pela Divisão de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP). A equipe de plantão na manhã deste sábado (20) não soube dizer se já há informação do paradeiro do autor do crime, nem se havia motivação política na discussão.

Em nota, a coligação da candidata ao governo do estado Gleisi Hoffmann (PT) lamentou a morte do jovem, que fazia campanha para o partido, no momento em que foi agredido. “Pedimos à Secretaria de Estado da Segurança Pública que tome todas as providências no sentido de identificar e punir os responsáveis por tal agressão”, diz o documento

Responder

Elias

19/09/2014 - 13h40

“A Globo não sonegou nada”, sem dúvida foi uma frase dita no ponto (ouvido) da entrevistadora.

Responder

José Ademar

19/09/2014 - 12h58

Ontem a noite estava vendo o dia dos candidatos em um canal de tv e acabei vendo,por incrível que pareça,um rapaz atrás da candidata Marina Silva ao mesmo tempo em que dava uma entrevista,com um adesivo do partido Rede Sustentabilidade colado no bolso da camisa.
Onde está então a fidelidade ao PSB?
Fica ou não cada vez mais explicito que Marina Silva só estava usando o PSB e Eduardo Campos?
Na minha contabilidade essa já é pelo menos a oitava contradição de Marina Silva nessa campanha:casamento gay,energia nuclear,banco central independente,mudanças na CLT,deixar o pré sal de lado,Beto Albuquerque do agronegócio como vice,nova politica com Silas Malafaia,é do PSB mas vai fundar o Rede Sustentabilidade e etc.

Responder

Sertanejo/PE

19/09/2014 - 11h05

Parabéns Garotinho, você lembrou o velho e corajoso Brizola. Fora Globo/Marina e o Itaú da Neca.

Responder

abolicionista

19/09/2014 - 11h02

Alguém sabe se cabe processo pela Globo veiculado reiteradamente uma informação falsa? Quer dizer, a jornalista diz que a Globo não sonega, mas há provas de que isso é mentira. Fica por isso mesmo? O Garotinho poderia processar a emissora?

Responder

El Cid

19/09/2014 - 03h57

vídeo disponível aqui:

https://vimeo.com/106524073

Responder

Glaucio

19/09/2014 - 03h57

Imagine se não fosse um “GAROTINHO”, a “rede esgoto” iria a nocaute, bom seria se fosse o “BONERZINHO E A PATRICINHA”, seria hilário o “NOCAUTE MORAL” que a “PLIN, PLIN” sofreria.

Responder

Léo Medeiros

19/09/2014 - 02h25

O vídeo editado de Garotinho no RJTV, falando a verdade que muita gente queria dizer e não tem espaço na grande mídia foi retirado do canal Youtube, mas dá para assistir neste link http://goo.gl/jPFJ7i

Responder

FrancoAtirador

19/09/2014 - 00h24

.
.
NÃO É SÓ POR R$ 615 MILHÕES:

BOTA MAIS R$ 713.164.070,48

NA CONTA DA SONEGAÇÃO DA GLOBO
.
.
MINISTÉRIO DA FAZENDA
CONSELHO ADMINISTRATIVO DE RECURSOS FISCAIS [CARF]
PRIMEIRA SEÇÃO DE JULGAMENTO

Processo n° 12898.002308/2009-68

Recurso n° Voluntário
Acórdão n° 1101-00.766 — la Câmara / la Turma Ordinária
Sessão de 05 de julho de 2012

Matéria IRPJ e CSLL – Amortização de Ágio e outro

Recorrente GLOBO COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÕES S/A

Recorrida FAZENDA NACIONAL

ASSUNTO: IMPOSTO SOBRE A RENDA DE PESSOA JURÍDICA – IRPJ
Ano-calendário: 2005, 2006, 2007, 2008

Relatório

“GLOBO COMUNICAÇÃO E PARTICIPAÇÕES S/A, já qualificada nos autos,
recorre de decisão proferida pela lª Turma da Delegacia da Receita Federal de Julgamento do Rio de Janeiro-I que, por unanimidade de votos,
julgou IMPROCEDENTE a impugnação interposta contra lançamento formalizado em 18/12/2009,
exigindo crédito tributário no valor total de R$ 713.164.070,48.”

[SETECENTOS E TREZE MILHÕES E CENTO E SESSENTA E QUATRO MIL
E SETENTA REAIS, E QUARENTA E OITO CENTAVOS].

0 Termo de Constatação Fiscal de fls. 574/586 detalha os fatos constatados
no procedimento fiscal e as conclusões da autoridade lançadora:

“3 – Considerações desta Fiscalização
[…]
3.6 – Estamos diante de um caso impar, onde uma empresa (Globopar),
amortiza um ágio do qual foi pago apenas 2,72%,
e que foi constituído pela aquisição das próprias ações.

Cabe salientar, ainda, que a Globopar passou a desfrutar de um ágio a amortizar
que nada mais é que seu próprio Patrimônio Liquido Negativo.

3.7- Trata-se o presente caso de incorporação as avessas,
onde a empresa controlada incorpora sua controladora.

Com este expediente, e sustentado nas operações mencionadas,
a empresa incorporadora absorve ágio de si própria,
do qual 97,28% decorreu de equivalência patrimonial,
configurando, a nosso ver, abuso de direito…”
[…]

Quanto à glosa de amortização do ágio, o voto condutor da decisão recorrida também reconheceu a validade do lançamento promovido:

“No caso concreto, observa-se claramente que
aquisição da GLOBOPAR pela TV GLOBO, realizada junto a GLOBO RIO;
a incorporação da TV GLOBO pela GLOBOPAR;
e toda a transformação do patrimônio liquido do interessado,
ocorreram em um prazo exíguo de 60 dias.

Constata-se ainda que todas as aquisições foram efetivadas
por intermédio de acertos de passivo existentes entre as empresas,
ou seja, não ocorreu transferência de numerário.

Por fim, frise-se, como claramente exposto no Termo de Constatação Fiscal, que a empresa GLOBO RIO, proprietária das ações da GLOBOPAR em 01/07/2005,
ou seja, no início da operação ora em comento,
confunde-se com aquela que em 31/12/2005 constava como proprietária da GLOBOPAR,
isto é, a CARDEIROS Participações S/A, que, inclusive,
procedeu a incorporação da GLOBO RIO em 31/12/2005.

Aliás, todas as empresas citadas possuem os mesmos sócios:
Roberto Irineu Marinho,
José Roberto Marinho e
João Roberto Marinho.

Tal fato representa mais um indício de que as operações
foram realizadas apenas para a criação, transferência e amortização
de um ágio inexistente, a reduzir indevidamente os tributos devidos pelo interessado…”
.
.
Acordam os membros do colegiado, em:

1) relativamente à glosa de amortização do ágio, por maioria de votos, NEGAR PROVIMENTO ao recurso voluntário…;

2) relativamente à tributação da receita de deságio, por maioria de votos,
NEGAR PROVIMENTO ao recurso voluntário…; e

3) relativamente aos juros de mora sobre a multa de oficio, por voto de qualidade
NEGAR PROVIMENTO ao recurso voluntário…
Fizeram declaração de voto os Conselheiros Benedicto Celso Benicio Junior,
Carlos Eduardo de Almeida Guerreiro e José Ricardo da Silva.

VALMAR FONSECA DE MENEZES – Presidente.

EDELI PEREIRA BESSA – Relatora

Participaram da sessão de julgamento os conselheiros:
Valmar Fonseca de Menezes (presidente da turma), José Ricardo da Silva (vice-presidente), Edeli Pereira Bessa, Benedicto Celso Benicio Júnior, Carlos Eduardo de Almeida Guerreiro e Nara Cristina Takeda Taga.

(http://abre.ai/globo_sonega_700_milhoes_de_reais)
.
.

Responder

Fabio Silva

18/09/2014 - 23h46

E a rádio Cultura, no programa do Alexandre Machado das 18H colocou uma “especialista” e professora para descer o cacete no PT. Foi inacreditável! Ela dizia que as únicas opções viáveis para o Brasil são Aécio e Marina, que contavam com assessorias “competentes” e “inteligentes”. Cara, não sei quem era a mulher, e não achei essa entrevista de hoje no site da CulturaFM. Ela que o PT era um partido mentiroso e nazista! Programa “jornalístico”? E ainda uma emissora pública! Imagine se a TV Brasil faz uma porcalhisse dessas!

Responder

Gersier

18/09/2014 - 22h35

Os “inquisidores” da globo travestidos de repórteres,tão levando traulitadas de tudo quanto é lado quando vem com suas perguntas cretinas.Agora mesmo,finalizado o jogo entre Santos e Grêmio,o goleiro Aranha,depois de ouvir uma delas de uma repórter(?)da globo deu-lhe uma resposta a altura,transmitido ao vivo e a cores pelo sport tv que representam aqui no Brasil.Até que enfim aos poucos estão colocando essa emissora no seu devido lugar,na lata do lixo.

Responder

José Fernandes

18/09/2014 - 21h54

kkkkkkkkkkk,Garotinho e Requião..esses dois estão estão horando o mandato;. espero que a Presidenta o ano que vem faça a Regulamentação da Mídia e Reforma Politica.

Responder

paulo bueno

18/09/2014 - 20h34

mexer com a GLOBo é caixão e vela preta
veja o PT os blogs sujos incomodam a GLOBO
e em função disso eles detonam os governos do PT e suas prefeituras
e detonam a DILMA em suas programações …
agora seráa vez do GAROTINHO
que mexeu com a GLOBO e sofrerá “perseguição” até a sua destruição.
se depender da GLOBO a partir de hoje GAROTINHO vai ser detonado todo dia até o fim da sua vida.

Responder

    Fabio Passos

    18/09/2014 - 22h09

    Qualquer pessoa que defenda trabalhador pobre, e se oponha aos privilégios dos ricos, será perseguida todo dia até o fim da vida pela globo.

    Mário SF Alves

    18/09/2014 - 22h41

    Se correr o bicho pega…
    Se ficar o bicho come…
    Se todo mundo encarar o bicho foge.
    ___________________
    Geraldinos e Arquibaldos II

    “Matilda
    É Matilda
    No campo do adversário
    É bom jogar com muita calma
    Procurando pela brecha
    Pra poder ganhar

    É Matilda

    Pode escrever no quadro
    Ô sinhá
    Deixa todo mundo ler
    O bicho ruim quando não tem
    Do que dar cabo
    Primeiro morder o rabo
    E logo após vai se comer
    Deixa comer”

    Gonzaguinha

Léo

18/09/2014 - 20h28

Será que alguem vai ter a ombridade do garotinho? ashashash

Responder

Fabio Passos

18/09/2014 - 18h51

Parabéns ao Anthony Garotinho.
Foi no ninho da serpente… e detonou com os patifes da globo.

É dever de todo cidadão brasileiro combater a globo.
A globo é a organização mais corrupta do Brasil.
Livrar-se dos pilantras da globo é fundamental para conquistar um Brasil mais justo e próspero.

Responder

Guillermo

18/09/2014 - 18h39

A entrevistadora pagou caro, teve que mentir no ar.

Responder

Guillermo

18/09/2014 - 18h31

A Rede Globo paga seus impostos e o papai noel tem breve de piloto de trenó e nunca foi multado.
https://www.youtube.com/watch?v=vaJmNBq4IVE

Responder

fabio

18/09/2014 - 18h20

A chapa vai queimar os corruptos da globo, mafia dos marinhos.

Responder

fabio

18/09/2014 - 18h12

Já passou da hora do povo e os políticos da um cala bica na imprensa mentirosa, corrupta e sonegadores como a globo. Fora rede globo!

Responder

    sonia maria lacerda

    18/09/2014 - 22h52

    Tenho certeza que o Leonel de Moura Brizola, está as rizadaskkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Chapiro

18/09/2014 - 18h07

Muito boa a matéria do G1: “A apresentadora do RJTV Mariana Gross esclareceu que a TV Globo nada sonegou e que a emissora paga seus impostos.”

Então para a Globo “esclarecer” é dizer que não fez e pronto? Só rindo mesmo…

Responder

    Daniel

    19/09/2014 - 08h53

    A globo estão tão acostumada a mentir que ela passou a acreditar nas próprias mentiras.

Deixe uma resposta