VIOMUNDO

Diário da Resistência


Rillo: O dia em que Neder disputou a presidência da Alesp e só teve 2 dos 16 votos do PT; a maioria votou no tucano Cauê Macris
Repolitizando

Rillo: O dia em que Neder disputou a presidência da Alesp e só teve 2 dos 16 votos do PT; a maioria votou no tucano Cauê Macris


25/09/2021 - 17h47

Intenso demais, cedo demais

Por João Paulo Rillo*

Hoje, os socialistas, comunistas, humanistas e todos os lutadores e lutadoras do povo perderam um combatente.
Eu perdi um amigo, um irmão mais velho, um camarada leal e um companheiro de todas as caminhadas.

Essa foto (no topo) diz muito sobre o que vivemos e construímos juntos na bancada de deputados estaduais do Partido dos Trabalhadores.

Esse foi o dia em que, juntamente com a maioria da base de militantes, resolvemos não seguir a orientação da bancada na eleição da Mesa Diretora da Assembleia Legislativa de São Paulo.

Nos recusamos a votar em golpistas e a reproduzir um acordo de décadas que existia entre PT e o PSDB sobre a composição da mesa.

Neder fez a sua inscrição para presidente da ALESP e contou com apenas dois votos dos dezesseis deputados que compunham a bancada do PT, a maioria votou em Cauê Macris do PSDB (veja PS do Viomundo).

Eu já estava em exílio interno desde o término da minha liderança na bancada, portanto, podia eu mesmo me inscrever para a disputa.

No entanto, Neder disse que, se eu fizesse isso, iria ficar ainda mais isolado e enfraquecido e, num gesto grandioso de solidariedade, colocou a própria pele para arder no mármore da desobediência.  

Esse gesto só fez agigantar ainda mais a minha admiração e respeito por um dos militantes mais preparados com que convivi.

Neder dominava a arte de ouvir, foi um monge da escuta e um samurai no raciocínio e capacidade argumentativa. Um sniper contra a hipocrisia e o cinismo.

Sim, eu tô muito indignado pelos mais de 600 mil brasileiros vitimados pelos vermes que alimentaram esse maldito vírus. E muito, muito triste porque meu amigo comunista se somou a essa diáspora involuntária da morte.

Neder fará muita falta para nós, amigos e militantes orgânicos da esquerda, mas fará muito mais falta para milhares de pessoas que conheceram a dignidade humana, o respeito, a inclusão política feita com afeto pela sua querida e imprescindível presença nas periferias, ocupações, favelas e assentamentos.

Minha lembrança do Neder será sempre doce e gentil. Como eram suas plenárias de mandato, com democracia, cheiro de povo e café com bolo de laranja.

Carlos Neder, um comunista brilhante, sempre presente!

*João Paulo Rillo é vereador em Rio Preto e presidente do PSOL-SP.

Correção: Carlos Neder disputou a presidência da Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) em 2017.

À época, a bancada do PT na Alesp tinha 16 deputados e não14 como foi publicado inicialmente.

PS do Viomundo: Neder recebeu apenas 2 votos do PT. O dele próprio e o de João Paulo Rillo.

Além dos dois integravam a bancada do PT na Alesp em 2017 os seguintes deputados estaduais:

Alencar Santana Braga, Ana do Carmo, Beth Sahão, Ênio Tatto, Geraldo Cruz, Gerson Bittencourt, José Américo, José Zico Prado, Luiz Fernando Ferreira, Luiz Turco, Márcia Lia, Marcos Martins, Professor Auriel, Teonílio Barba

Leia também:

Homenagem do Sindsep a Neder, defensor da saúde pública e dos trabalhadores





5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Nelson

26 de setembro de 2021 às 15h22

É de desacorçoar o peão. O que é que sobra para nós quando vemos restar apenas uma nesga do PDT e do PSB com algum compromisso com o povo brasileiro?

O que é que sobra para nós quando vemos que boa parte do PT e do PSOL, parte que parece só aumentar, quer mesmo é se acomodar no seio do liberalismo, liberalismo que, invariavelmente, só quer é mesmo servir ao grande capital?

Essa corja do PSDB só trabalha para o grande capital, de preferência o estrangeiro, é golpista de primeira hora, e essa ala liberal do PT, abjeta, vive a bajular a tucanaiada.

É de “pegá nojo”.

Responder

Nelson

26 de setembro de 2021 às 15h12

E não é que eu andava otimista demais, cara pálida. Nos últimos tempos, eu costumava afirmar que uns 20% do PT deveriam pegar as malas e irem para a sua casa verdadeira que é o PSDB. Pelo jeito, estava errando feio.

Responder

Marco Vitis

26 de setembro de 2021 às 13h27

Os petistas fanáticos virão aqui ofender ao Rillo ou vão olhar de lado como se nada tivesse ocorrido ? Realpolitik é a desculpa usada pra cometer crimes, ilegalidades e enganar os militantes de boa-fé

Responder

Jabes campos

26 de setembro de 2021 às 12h23

Desculpa rillo, mas vc lembrar disso agora é de um mal gosto e oportunismo desmedido. Carlos Neder sempre foi além do seu tempo, um visionário, um formulador, era ouvido por todos e respeitado por todos, mesmo aqueles que discurdavam dele, um critico, mas sempre com respeito àqueles que o cercavam, um PETISTA de verdade. Carlos Neder tem que ser lembrado pelos inúmeros feitos na vida partidária e na vida da nação.
Descanse em paz meu amigo.

Responder

NEVES Thaos Closs

25 de setembro de 2021 às 23h24

O povo brasileiro deve ser tudo investidor da Petrobrás na Bovespa.
https://g1.globo.com/economia/noticia/2021/09/25/com-gasolina-cara-brasileiros-se-arriscam-com-gas-de-cozinha-em-carro.ghtml
Qto ao Neder. Meus sentimentos a família. Que Deus o tenha !
Do PT só conheço o Marcos Martins mesmo na alesp.
Vivemos a insanidade de matar velhinhos na Prevent senior para agradar políticos.
Vai me desculpar mais a vida não é mercadoria.
Velhinho, malaqueza, pq vc acha que eu respondi baixo ?
Se jajá escuta eu tava lá até hj no sol quente.
Não me vá perder aquele empregao.
Os caras tb tava rindo de vc. Os guerreiros, nossos colegas.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding