Marcio Pochmann vai ao segundo turno em Campinas

Tempo de leitura: 3 min

Coligação, propostas e militância conduzem Marcio Pochmann (PT) ao 2º turno

Única candidatura com crescimento contínuo, Marcio e sua vice, Adriana Flosi (PSD), estão otimistas com vitória no segundo turno das eleições em Campinas

Da assessoria do candidato

Campinas, 7 de outubro de 2012 – A composição da coligação Campinas com a Força do Brasil, representada pelo setor produtivo (empreendedores e trabalhadores), uma campanha focada em propostas construídas com a população e a força da militância são os motivos elencados por Marcio Pochmann (PT) que colocaram no segundo turno das eleições sua candidatura a prefeito, com Adriana Flosi (PSD), vice. Ele destacou que sua candidatura foi a única com crescimento contínuo nestas eleições.

“Somos a única candidatura que cresceu em todas as pesquisas, ao contrário de outras que reduziram seu peso do ponto de vista eleitoral ou outras que se paralisaram”, comentou o candidato. Marcio Pochmann começou a campanha com 1% das intenções de voto e os resultados das eleições, 28,56% dos votos válidos (com 100% das urnas apuradas), o colocam no segundo turno, já que o terceiro colocado, Pedro Serafim (PDT), obteve 18,47% e o primeiro, Jonas Donizette (PSB), 47,6%.

Em discurso a militantes e apoiadores, que lotaram o comitê de campanha, há pouco, Marcio disse: “Hoje é um grande dia para a gente aqui em Campinas, de grande alegria! Não nos afastamos da luta, estamos aqui por nossa capacidade de fazer política. Na diversidade, construímos uma nova hegemonia. É isso que vamos levar adiante. Nós que nadamos tanto até agora, não vamos morrer na praia”.

O candidato petista agradeceu aos militantes, à coordenação da campanha, ao ex-presidente Lula, “liderança máxima do PT”, à presidente Dilma Rousseff (PT) e seus ministros (seis deles estiveram em Campinas para apoiar Marcio durante a campanha). Adriana Flosi também agradeceu aos militantes. “O trabalho de cada um de vocês fez a diferença que nos favoreceu nesse primeiro turno. Nós vamos vencer essas eleições!”, disse ela.

Crescimento

Marcio relacionou três fatores ao crescimento da campanha. O primeiro, ele credita à composição da coligação Campinas com a Força do Brasil (PT, PSD, PTC e PRP). “Construímos uma coligação que reúne a força da produção, com empreendedores e trabalhadores”, explicou ele. O segundo é o fato da candidatura ser baseada em propostas.

“Nós estudamos a cidade, nós tivemos um diálogo muito importante com diferentes segmentos da sociedade, de diferentes regiões e segmentos. Nós passamos quatro meses discutindo com a população propostas para cidade e o que nós verificamos é que na medida em que nossas propostas eram apresentadas, a população reconhecia e tinha identidade. É uma campanha com uma pauta que aponta para o futuro da cidade”, disse o candidato.

O terceiro fator listado por Marcio é o trabalho dos militantes. “Nós tivemos uma plenária na semana passada que foi magnífica. Reuniu militantes antigos, que ajudaram a construir o partido, e militantes novos, demonstrando que a defesa da dignidade da política, a política como vocação para a transformação coletiva da sociedade, é um elemento que ainda está em alta aqui na nossa cidade”, disse ele.

Lula

O candidato petista também destacou a importância da participação do ex-presidente Lula, que esteve em Campinas para apoiá-lo, dia 28 de setembro.  “Ele foi o principal presidente contemporâneo do Brasil. É um militante, veio aqui como militante, me convocou como um militante. Há um ano e pouco, quando me chamou para um diálogo, Lula me falou justamente isto. Da necessidade de renovação dentro do Partido dos Trabalhadores. E ele me falou isso como militante, não como presidente”, comentou.

Hipóteses não se confirmaram

Marcio relembrou algumas hipóteses contrárias à sua campanha, que surgiram nos últimos meses, e que agora se provaram errôneas. “Em primeiro lugar, aquelas que já vinham desde o ano passado, que o Partido dos Trabalhadores não teria candidato, que se aliaria a outra candidatura e não teria candidatura própria. Pois, nós tivemos candidatura própria. Depois foi dito que nós não teríamos capacidade de construir uma coligação, nós mostramos nossa capacidade e montamos uma candidatura ampla do ponto de vista social e político, uma coligação que mostrou a sua força”, disse.

“Depois, foi dito também que nós não teríamos condições de chegar ao segundo turno. E o nosso planejamento estratégico demonstrou o quanto nós conseguimos chegar àquilo que nós imaginávamos, esperávamos”, concluiu Marcio Pochmann.

Leia também:

Lula: “Disputa em SP é a mais complicada que já vi”

Cynara Menezes: Celia Lundberg, vítima esquecida do terror

Lighia Horodynski-Matsushigue: Por que a greve das federais foi unificada

Fátima Oliveira: Senador maranhense, Gracimar e a maca fria do corredor do hospital

Serra pede apreensão de jornal alegando que texto denegria sua imagem; Sindicato dos Bancários acusa tucano de praticar censura

Altamiro Borges: Kassab e o “mensalão” da Veja

Vereadora denuncia instalação de SAMU de “lata” em SP: custam caro, são provisórios e desconfortáveis

Leonardo Boff: Justiça ou preconceito jurídico?

Apoie o jornalismo independente


Siga-nos no


Comentários

Clique aqui para ler e comentar

Fabiano Guilherme Santos: O faro político de Lula « Viomundo – O que você não vê na mídia

[…] Marcio Pochmann vai ao segundo turno em Campinas […]

Em São José dos Campos, Pinheirinho derrota o mensalão « Viomundo – O que você não vê na mídia

[…] Marcio Pochmann vai ao segundo turno em Campinas […]

Donato: Foco do segundo turno será nos problemas da cidade « Viomundo – O que você não vê na mídia

[…] Marcio Pochmann vai ao segundo turno em Campinas […]

O balanço da eleição dos vereadores no Brasil « Viomundo – O que você não vê na mídia

[…] Marcio Pochmann vai ao segundo turno em Campinas […]

Reeleito, Chávez agradece mensagens de Lula e Dilma « Viomundo – O que você não vê na mídia

[…] Marcio Pochmann vai ao segundo turno em Campinas […]

Narr

Depois de tantos “erros” do Datafolha, só resta a manchete: REALIDADE ENVOLVIDA NO ESCÂNDALO DO MENSALÃO.

vinicius

Notícia boa!!!

E em Osasco!?! O vice do Paulo Cunha ganhou!?!?

O balanço da eleição para as prefeituras « Viomundo – O que você não vê na mídia

[…] Marcio Pochmann vai ao segundo turno em Campinas […]

Márcia

Parabéns, Márcio Pochmann!

Antonio Donizeti Costa

Parabéns ao Marcio Porchman pela disputa do segundo turno em Campinas, grande cidade do estado de São Paulo.

Marcio também é uma renovação lançada pelo Lula para arejar a política paulista e brasileira, é um cidadão muito bem preparado intelectualmente, formado e professor da UNICAMP e deve ganhar a disputa em Campinas em segundo turno, pois o outro candidato representa o estilo antigo de fazer política, é apoiado pelo governador tucano e tem até um projeto de instalar um pedágio, fetiche dos tucanos, na área urbana da cidade.

augusto2

saudaçoes ao Marcio pochman,e aos torcedores tanto do bugre como da macaca!
O homem que mudou o IPEA e sustentou o fogo contra a banca, a midia e a academia.
Se o povo campineiro o colocar no centro das decisoes, será um gol do titulo para a cidade.
Sugiro a pessoas de fora de campinas mas que tenham nela quaisquer relaçoes ou contatos,que deem uma força extra ao candidato. Campinas já é uma Barcelona,como sabemos. Porque se contentar com menos do que um Guardiola?

Mardones Ferreira

Isso mostra que ainda há espaço para fazer política no Brasil. Ótima notícia!

Gerson Carneiro

“Luz para Todos”

Lula espalha postes em diversas cidades do país.

    Luís Carlos

    Muito boa Gerson!

    LuizCarlosDias

    Com tantos postes o Lula vai iluminando nossa moral. confiança e esperança, avante cá do Ipea rio meu msn de forças e vitoria.
    Pra falar de Marcio mire-se em Haddad, dois jovens fortissimos.
    Viva Dilma e o povo Brasileiro.

NilvaSader

Agora é lá e cá em São Paulo.
Duas ótimas candidaturas para renovar os ares de nossas cidades.

Rui Falcão: “A população mostrou que tem um desejo de mudança” « Viomundo – O que você não vê na mídia

[…] Marcio Pochmann vai ao segundo turno em Campinas […]

Bertold

Fui um dos que no início comentei sobre a dificuldade até do Marcio Pochmann ir para o segundo turno em função dos desgaste político vivido pelo PT campineiro. Contudo já há cerca de vinte dias eu vinha percebendo um bom desempenho do Marcio nas redes sociais, principlamente no Facebook. Os debates nas radios e tvs foram fundamentais para a sua ascensão nas pesuisas ao mostrar as diferenças gritantes entre um político e tecnico preparado e candidatos aventureiros apoiados pela mídia local. Agora, o Marcio tem tudo para ser eleito num repeteco do que foi a eleição do Toninho n ano de 2000.

Luís Carlos

E as pesquisas ” cinetíficas” que davam Pochmann com pífias intenções de voto??? Mais uma vez a farsa das
pesquisas foi desmascarada. Além disso, outra farsa, do julgamento do ” mensalão” foi derrotado.
Parabéns Pochamnn. Parabéns Campinas.

Bertold

Caro Edson Tadeu.

Essa eu respondo para você tranquilamente. Ela é do PSD – já foi do DEM – mas é confiável e séria, já tendo demonstrado isso inúmeras vezes, inclusive fazendo campanha com o PT e contra os candidatos de seu partido. Não se bica com o Kassab e apoiaria Marcio Pochmann de qualquer jeito. É representante empresarial ligada a ACIC e sempre teve simpatia e trânsito com o PT local há mais de duas décadas. Apoiou materialmente e participou ativamente da eleição do Toninho em 2000 e depois, infelizmente, com a morte deste sempre esteve ao lado apoiando a Izalene. Em todas as últimas eleições sempre apoiou o PT.

    Willian

    A vice é do PSD do Kassab? Será que ele vai parecer por lá para dar uma “forcinha”? Revolução socialista é isto aí!!! rs

Chávez sobrevive à mídia e é reeleito com 54% dos votos « Viomundo – O que você não vê na mídia

[…] Marcio Pochmann vai ao segundo turno em Campinas […]

Fabio Passos

Excelente notícia.
Para Campinas e para todo o Brasil.
Marcio Pochmann é uma oportunidade ótima de evolução política.

Deixe seu comentário

Leia também