VIOMUNDO

Diário da Resistência


Política

Aloysio Nunes: “Mesmo a guerra é sujeita a convenções”


13/12/2012 - 16h35

13/12/2012 – 11h40

Plenário – Pronunciamentos – Atualizado em 13/12/2012 – 15h30

Aloysio Nunes critica convite a FHC para explicar ‘Lista de Furnas’

Da Redação, Agência Senado

O senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) fez duras críticas à aprovação de um convite para que o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso venha ao Congresso Nacional dar explicações sobre um suposto esquema de corrupção conhecido como Lista de Furnas. A vinda do ex-presidente foi decidida nesta quarta-feira (12) por deputados e senadores da Comissão Mista Controle das Atividades de Inteligência (CCAI).

Aloysio Nunes classificou a aprovação do convite de “episódio triste e lamentável”. Em discurso no Plenário na manhã desta quinta-feira (13), ele disse tratar-se de um “acinte” promovido pelo líder do PT na Câmara, deputado Jilmar Tatto (SP).

– Esta Lista de Furnas é um documento produzido em oficinas criminosas que operam sob o comando do PT com objetivo de atacar a reputação dos adversários, com uma série de nomes de políticos que teriam recebido contribuição ilegal da estatal. Submetida à investigação, a perícia já constatou ser uma fraude. As assinaturas foram falsificadas – afirmou o senador.

Aloysio Nunes Ferreira também criticou Jilmar Tatto, o qual, em entrevista após a aprovação do convite, declarou guerra à oposição, numa referência à iniciativa dos oposicionistas de pedir ao Ministério Público investigação sobre as declarações do empresário Marcos Valério de que parte dos recursos públicos desviados no esquema do mensalão beneficiou o ex-presidente Lula.

– Depois da sessão, ele [Tatto] declarou numa linguagem mais própria de gangues de rua que agora é guerra. Acontece que mesmo a guerra é sujeita a determinadas convenções – disse Aloysio.

De acordo com o senador, as acusações de Valério foram feitas na presença de procuradores da República e de advogados. Portanto, nada mais correto do que pedir que a denúncia seja levada adiante a fim de que uma investigação seja iniciada.

O parlamentar também citou outros exemplos classificados por ele de “crônica da baixa política brasileira”. Na opinião de Aloysio Nunes, outras farsas já foram promovidas pelo PT para atacar adversários políticos.

– Não poderia deixar de expressar minha indignação contra o uso de um instrumento para promover uma guerra suja e sem quartel contra um ex-presidente da República a quem o Brasil deve tanto – concluiu, referindo-se a Fernando Henrique Cardoso.

Leia também:

Dalmo Dallari: Supremo criará embaraço jurídico extremo se cassar deputados condenados na AP 470

Pedro Serrano: Só o Congresso pode cassar o mandato de deputados envolvidos no mensalão

Marcos Coimbra: STF invade atribuições dos demais Poderes

Santayana: Julgamento da AP 470 corre o risco de ser um dos erros judiciários mais pesados da História

Patrick Mariano: Decisão do ministro Joaquim Barbosa viola a Constituição e as leis vigentes

Ramatis Jacino, do Inspir: O sonho do ministro Joaquim Barbosa pode virar pesadelo

Comparato: Pretos, pobres, prostitutas e petistas

Dalmo Dallari critica vazamento de votos e diz que mídia cobre STF “como se fosse um comício”

Rubens Casara: “Risco da tentação populista é produzir decisões casuísticas”

Luiz Flávio Gomes: “Um mesmo ministro do Supremo investigar e julgar é do tempo da Inquisição”

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



51 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Marcos Alberto

25 de novembro de 2013 às 14h56

Em 2014 nas urnas eletrozônicas é: 000000 CONFIRMA. Acho que agora toda a nação brasileira já viu que não tem mais jeito. Os políticos juntamente com seus partidos são todos corruptos. E isso só vai melhorar quando o país inteiro anularem os votos. Se não fizermos isso somos bandidos iguais a eles.

Responder

Rogério Correia: “Valério operou ao mesmo tempo para o Aécio em Minas e o PT em Brasília” « Viomundo – O que você não vê na mídia

21 de dezembro de 2012 às 08h02

[…] discurso no plenário, o senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) […]

Responder

Geysa Guimarães

15 de dezembro de 2012 às 02h00

Esse é o ex-chefe da Casa Civil do Serra e amigo do Paulo Preto!(o tal que “emprestou” os famosos 300 mil para Aloysio comprar apto.).
Já que ele acusa o PT de tantos crimes, o que será que ele acha sobre o Paulo Preto? Até preso em flagrante foi, em famosa joalheria do shopping Iguatemi, Sampa. Por receptação de joia roubada, lembram?
Deve achar que a polícia passou sobre as “convenções”, lógico!

Responder

Almerindo

14 de dezembro de 2012 às 12h43

Querem apostar que o “queridinho Fernandinho” não vai?

Responder

    Julio Silveira

    14 de dezembro de 2012 às 14h05

    Ele só não irá se tiver em cima de qualquer suspeita.kkkkkkk.

Valcir Barsanulfo

14 de dezembro de 2012 às 11h50

Qual é o valor da opinião do Aloysio 300mil?
Maior coadjuvante na produção de dossiês,junto com Itagiba, em toda a história do País. Nada devem ao corvo Carlos Lacerda.
Aloysio 300mil, está atrasado, o DEPUTADO ROGÉRIO CORRÊA de Minas Gerais já provou com mais de 10 perícias que a lista é verdadeira, e nela consta nomes expressivos do Tukanato Mineiro e nacional. Verba pública legítima e não da Visanet.

Responder

    Geysa Guimarães

    15 de dezembro de 2012 às 01h42

    Bravo, Valcir!

yeda lima

14 de dezembro de 2012 às 10h15

“Não poderia deixar de expressar minha indignação contra o uso de um instrumento para promover uma guerra suja e sem quartel contra um ex-presidente da República a quem o Brasil deve tanto.”

Juro que pensei que o senador estava defendendo outro ex-presidente – Lula.

Responder

Bart

14 de dezembro de 2012 às 09h57

Importante artigo de Lula Miranda.
“Carta a um historiador de um tempo futuro”

Prezado historiador, pode registrar aí em suas anotações de campo: o governo do presidente Lula não foi o mais corrupto governo da história do Brasil. Não foi. Isso é uma deslavada mentira.

http://www.cartamaior.com.br/templates/materiaImprimir.cfm?materia_id=12487
———————————————————————–
Sem uma marco regulatório das comunicações no Brasil , uma ley de médio Argentina para quebrar o monopólio e democratizar a mídia , quem vai continuar escrevendo a história manipulando e distorcendo essa história vai ser essa mídia golpistas e seus colonistas sabujos e bandidos. Não é atoa que a Abril mafiosa quer tanto partir para o campo da educação. Parabéns Lula Miranda , é necessário sim umtrabalho incansável de pessoas verdadeiras, isentas, dignas, honestas, capazes e que não tem o rabo preso como você, para realmente escrever a verdadeira história dos nossos tempos; e fazer assim o contraponto real, frente as mentiras e abusos dessa mídia, elitista ,direitista, conservadora, golpista manipuladora, censora, ditadora e mentirosa.

Responder

Carlos Lima

14 de dezembro de 2012 às 09h22

O Aloisio está de brincadeira, pois ele não é o mesmo que denunciou o sumiço do dinheiro da campanha por Paulo Preto? A moral do Aluisio é pequena para merecer alguma confiança, só foi eleito porque a folha matou o senador Romeu Tuma antes dele morrer.

Responder

Antonio Donizeti - SP

14 de dezembro de 2012 às 08h20

Está certíssimo o Deputado Federal Jilmar Tatto, Líder do PT na Câmara em usar as mesmas armas que a oposição usa com apoio cerrado da mídia para atacar o PT e Lula.

O PT sofre uma guerra política do PSDB e da sua mídia aliada desde 2003 quando Lula assumiu a Presidencia da República, usam até criminosos contra o PT, basta recordar do empresário-bandido Quicoli na eleição de 2010 e agora do Marcos Valério, então é bom usar um pouco do mesmo remédio contra esses políticos sem ética nenhuma, chega de apanhar quieto no cantinho, vamos para cima desses golpistas.

Esse tucano Aloísio é da banda raivosa do PSDB e só ganhou a eleição para senador por são paulo pelo fato da mídia tucana(a Foha de S.Paulo) ter “matado o candidato Romeu Tuma” antes da hora e depois da polícia paulista sbo comando do PSDB ter invadido a casa do outro candidato Netinho as vesperas da eleição de 2010.

E é esse cara é que vem falar de ética e regras na luta politica, vou mandar uma lata de óleo de peroba para o Aloisio, assim ele vai aparecer com a cara bem brilhente na sua próxima fala.

Responder

João-PR

14 de dezembro de 2012 às 04h22

Pau que bate em Chico também bate em Francisco.
Aguardem: a interpretação da Teoria do Domínio do Fato feita pelos “ilustres juristas do STF” permite-me concluir que FHC sabia de tudo sobre a compra de votos para sua reeleição.
Por falar nisso, alguém sabe se o Serra processou o Amaury Ribeiro Jùnior??? Li “a privataria tucana” (tenho um exemplar autografaro pelo Amaury, que ganhei em sorteio aqui no Viomundo), e aguardo ansioso que o Serra processe o Amaury, pois pelo livro dá para ter uma noção do acervo documental que esse grande jornalista tem guardado.

Responder

Pereira

14 de dezembro de 2012 às 03h48

(…) “ex-presidente da República a quem o Brasil deve tanto”.

Ah, esse desgraçado! que me deixou oito anos praticamente sem reajuste salarial, castrou meu plano de cargos e carreiras, massacrou-me com o fator previdenciário, relatam-se até casos de suicídios entre meus colegas, sem contar a quase falência que impôs a parentes meus que eram pequenos comerciantes, pois ele promoveu desemprego e a queda da renda do trabalhador.
Portanto, eu tenho uma dívida imensa e gostaria de lhe pagar, e acho que só uma forma seria adequada: escarrando na cara dele.

Responder

Maria Izabel L Silva

14 de dezembro de 2012 às 03h22

Muito barulho por nada. O FHC não é obrigado a ir e não vai.Ai vem a oposição direitosa se fazendo de vitima, como se FHC fosse uma virgem vestal que sera desvirginada e estrupada pelo PT.É muita cara de pau!!!!!!!!!

Responder

Leonardo Câmara

14 de dezembro de 2012 às 01h03

Basta aplicar os milenares ensinamentos de Sun Tzu. Não há que se deixar pedra sobre pedra. Lista de Furnas, Satiagraha, Castelo de Areia, Privataria Tucana, representação contra o prevaricador geral da república, e o que mais o arsenal permitir, até que não exista mais oposição udenista e demotucana.

Responder

prova de bala

14 de dezembro de 2012 às 00h47

ou o PT e o LULA , mostram a munição e o arsenal disponivel para lançarmos, ou eles vão continuar avançando território.

Lembrem-se o que disse Max Weber ” o estado é o monopólio legitimo da violência” seja ela, militar, juridica ou moral.

E ATRAVESSAMOS UM “ESTADO DE GUERRA MORAL”

aleluia um deputado resumiu em uma palavra o que esta acontecendo “guerra”.

Responder

ricardo silveira

14 de dezembro de 2012 às 00h45

Aconteceram muitas denúncias no governo FHC que o PGR, por ele indicado, engavetou, um governo que dilapidou o patrimônio público, parte do que é conhecido, com documentos, como a “privataria tucana”, uma coisa escandalosa que continua debaixo do tapete, sem falar da comprovada compra de votos para a reeleição do FHC. De modo que, ou o FHC é um parvo, que foi preservado para que a bandalheira ocorrece solta, ou foi o Capo. Acho que está passando da hora desse sujeito prestar contas ao Brasil.

Responder

Alberto Nasiasene

14 de dezembro de 2012 às 00h28

A regra da guerra tucana ao PT é a seguinte: ao amigos demos-tucanos (com imprensa aliada), tudo; aos inimigos, a lei; ou, prisioneiro do PT tem que ser executado, mas antes precisa passar pela tortura e execração pública por meses a fio, se possível, em época de eleições, mas o outro lado não tem o direito de fazer prisioneiros de modo algum (só o de ser preso); muito menos de acertar o alvo.

Responder

Maurício Queiroz

14 de dezembro de 2012 às 00h25

Aquele garoto “hacker” do Rio de Janeiro, detalhou como se faz uma fraude eleitoral adicionando votos a quem não tem. Será que está ai a explicação para a eleição, até certo ponto, inesperada do Senador Aloysio Nunes?

Responder

paulo roberto

14 de dezembro de 2012 às 00h13

Segundo ele, o Aloysio 300 mil, o único ex-presidente que pode ser atacado é o Lula. E essa gente ainda quer ser levada a sério.

Responder

Messias Franca de Macedo

13 de dezembro de 2012 às 23h55

Conferindo a lista “falsa”! ENTENDA

http://caixadoistucanodefurnas.blogspot.com.br/

Para um [oportunista e desprovido de qualquer pejo] assecla falastrão serviçal uma dose cavalar de verdades, documentais e factuais!…

Com a palavra a centenária Polícia Federal!…

República da DIREITONA OPOSIÇÃO AO BRASIL, fascista eterna, MENTEcapta, aloprada, alienada, histriônica, impunemente terrorista, antinacionalista, golpista de meia-tigela, corrupta… ‘O cheiro dos cavalos ao do povo’!… (“elite estúpida que despreza as próprias ignorâncias”, lembrando o enunciado lapidar do eminente escritor uruguaio Eduardo Galeano)

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

kodaly

13 de dezembro de 2012 às 22h23

Quem deve 300.000, se presta a qualquer coisa.

Responder

Giordano

13 de dezembro de 2012 às 22h01

Que merda é essa, que o Brasil deve àquele sujeito, que renegou o que ele mesmo escreveu? Aquele covarde é quem deve muito ao Brasil. Ou não foi sob o desgoverno dele que se perpetrou o crime de lesa-pátria da venda das estatais a preço de banana, também conhecido como PRIVATARIA TUCANA? Tem hora que não dá mais pra aguentar tanto cinismo dessa gente e alguns palavrões tornam-se inevitáveis.

Responder

MTHEREZA

13 de dezembro de 2012 às 21h53

Ué.. quem começou a não respeitar NENHUMA civilidadae, se valendo dos artifícios mais espúrios? Quem fala o que quer, ouve o que não quer. Agora, aguenta, porque vem reação (espero) e eles não estão em posição de reclamar de nada!

Responder

J Souza

13 de dezembro de 2012 às 21h15

Olha o sujo falando do mal lavado…
O PT foi uma “mãe” para o PSDB.
Poderia, nesses 10 anos, ter mostrado toda a sujeira dos tucanos e desmascarado os safados hipócritas!

Responder

    Julio Silveira

    14 de dezembro de 2012 às 14h04

    Concordo contigo, mas tem uma coisa que me intriga, por que não o fez?

Terezinha

13 de dezembro de 2012 às 21h09

Se a lista não tem valor não há o que temer. O povo sabe separar os excessos – Em São Paulo está sendo julgado parte da privataria tucana que quase levou o Brasil a falencia total. E nem um plavrinha na grande imprensa.

Responder

Marks

13 de dezembro de 2012 às 21h02

Então o cafajesta do PSDB acha que pode falar o que quiser, (toda e qualquer baixaria, grosseria, até sobre a vida pessoal) contra qualquer deputado do PT, contra o presidente Lula, contra Dilma, mas quando colocam o “adorado” FHC na roda, não pode?
Vá se f….. tucano cara de PAU!
Sua sorte é que a direção do PT nunca faz o que a militância pede.
Se fizesse, o sr. cara de pau, cafajeste, estaria lascado!

Responder

    Julio Silveira

    14 de dezembro de 2012 às 08h06

    Taí uma verdade, os dirigentes do PT se separaram de seus militantes a muito tempo, só buscam reconciliar em epoca de eleição ou de crise conjugal com os novos parceiros.

elizabeth pretel

13 de dezembro de 2012 às 20h58

Esse é um indivíduo que não merece um segundo de atenção das pessoas que o conhecem só um pouquinho. Imaginem quem o conhece realmente.

Responder

Julio Silveira

13 de dezembro de 2012 às 20h40

Realmente entender politica é dificil. Todos são bem intencionados, e o criminoso e sempre o adversário, identificar o bem intencionado está cada vez mais complicado. Uma coisa facil de constatar com alguma boa vontade é que “a boa intenção” está sempre com quem tem a midia corporativa conservadora militante a seu favor. Agora mais essa do Tucano, ele está instituindo uma novidade brasileira, o politico inocente e indefeso. Essa é demais kkkkkkkkk.

Responder

FrancoAtirador

13 de dezembro de 2012 às 20h38

.
.
Um tipo que só se elegeu devido à morte antecipada de Romeu Tuma,

mentira promovida em conluio com a bandidagem midiática paulista,

não tem a menor credibilidade para falar de moral e de ética.
.
.
Senador Aloysio Nunes é acusado de fraudar assinatura de Senador do PSoL

A fraude diz respeito à utilização irregular de uma suposta assinatura do Senador Randolfe Rodrigues (PSOL-AP) para simular o apoio à tramitação da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) de autoria do senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP) que pretende reduzir a maioridade penal de 18 para 16 anos nos casos de crimes hediondos, tráfico de drogas, tortura e terrorismo (SIC).

Em seu blog, Randolfe afirmou que não apoia o projeto e que sua assinatura está “em folha avulsa”.

A proposta é de Aloysio e tramita na Comissão de Constituição e Justiça do Senado.

“Não autorizo que minha assinatura seja utilizada em apoiamento a este projeto”, escreveu Randolfe.

Logo no começo da reunião da CCJ, Aloysio afirmou que a assinatura foi colhida por uma de suas assessoras “mais experientes”.

Fonte: G1
.
.
QUADRILHA !
.
.

Responder

    Messias Franca de Macedo

    13 de dezembro de 2012 às 21h36

    … Este *’senador de um mandato’ (sic), alinhado com a DIREITONA [eterna] OPOSIÇÃO AO BRASIL(!), ainda vai sentir na pele [e na reputação!] “a mão pesada e suja” do conluio PIG/STF/PSDB-DEMo!…

    *Randolfe Rodrigues (PSOL-AP)

    EM TEMPO: o tempo é o Senhor de todas as coisas! E de todas as verdades!…

    AINDA EM TEMPO: o senhor Randolfe Rodrigues e o partido dele (o PSOL) não perdem por esperar! Vamos para a frente porque ‘a fila tem que andar’! “Tá aí” o Ali Kamel para não deixar-nos mentir!…

    República da DIREITONA OPOSIÇÃO AO BRASIL, fascista eterna, MENTEcapta, aloprada, alienada, histriônica, impunemente terrorista, antinacionalista, golpista de meia-tigela, corrupta… ‘O cheiro dos cavalos ao do povo’!… (“elite estúpida que despreza as próprias ignorâncias”, lembrando o enunciado lapidar do eminente escritor uruguaio Eduardo Galeano)

    Bahia, Feira de Santana
    Messias Franca de Macedo

Tomudjin

13 de dezembro de 2012 às 20h09

Convenhamos, pois!
Contanto que todos mostrem, à todos, que qualquer guerra é necessariamente convencional.

Responder

Messias Franca de Macedo

13 de dezembro de 2012 às 19h39

… *’O assalto ao trem pagador’ também deve “tratar-se de um ‘acinte’ promovido pelo líder do PT na Câmara”, em um tempo em que o PT sequer existia! (sic)… Estes [DEMo]tucanos são ‘experts pós-douto’ na ciência da desfaçatez! Seres desprovidos de qualquer escrúpulo!… O senhor Aloysio Nunes deveria reservar o repertório de bravatas para as reuniões do Conselho Deliberativo da Fundação FHC! Este discurso raso engana os incautos, “devidamente reciclados”, diria o correligionário José (S)erra!… A imagem de ‘santo do pau oco’ e de ‘frade no Confessionário’ servem, apenas, para o regozijo do PIG e dos seus (e)leitores, trupe de fundamentalistas, atores mambembes…
*Aloysio Nunes Ferreira Filho – assumiu na clandestinidade o pseudônimo Mateus. Durante muito tempo foi motorista e guarda-costas de Marighella…
Em agosto de1968, Aloysio Nunes participou do assalto ao trem pagador da antiga Estrada de Ferro Santos-Jundiaí. Segundo relatos da imprensa da época, a ação ocorreu sem que houvesse o disparo de qualquer tiro. Aloysio Nunes foi o motorista do carro no qual os assaltantes fugiram do local com os malotes que continham NCr$ 108 milhões(US$ 21.600), dinheiro suficiente para o pagamento de todos os funcionários da Companhia Paulista de Estradas de Ferro. Em outubro do mesmo ano, participou do assalto ao carro-pagador da Massey-Ferguson interceptando o veículo na praça Benedito Calixto, no bairro paulistano de Pinheiros.
Sofrendo um processo penal em que já havia um pedido de prisão preventiva e com a possibilidade de que descobrissem algo sobre suas ações armadas, foi enviado a Paris por Marighella utilizando um passaporte falso…
(…)
FONTE: http://pt.wikipedia.org/wiki/Aloysio_Nunes

RESCALDO: o José (S)erra deverá sair na defesa do amigo, e afirmar, peremptoriamente: “Esta fonte [a wikipedia] é um lixo! E eu não comento sobre lixo! Sou leitor [e colaborador (sic)] da ‘veja’!… E você, é de onde?!…”

Que país é este, sô?! … República Destes Bananas da [eterna] OPOSIÇÃO AO BRASIL, fascista, aloprada, alienada, histriônica, impunemente terrorista, MENTEcapta, néscia, golpista de meia-tigela, antinacionalista, corrupta… ‘O cheiro dos cavalos ao do povo!’ (“elite estúpida que despreza as próprias ignorâncias”, lembrando o enunciado lapidar do eminente escritor uruguaio Eduardo Galeano)

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Bonifa

13 de dezembro de 2012 às 19h26

Aluysio Nunes pode se pronunciar à vontade. Mas não pode mais, por mil razões conhecidas, ser levado a sério. Nem pelos velhos companheiros de partido.

Responder

    francisco niterói

    13 de dezembro de 2012 às 20h20

    Mas eles estao passando recibo do medo do tiroteio. E o aluisio tem servido de moleque de recados, especialmentw do serra.

    Acho que agora o PT deve partir pra tudo.

    Se é guerra, vamos à guerra. Privataria, banestado, lista de furnas, etc. A midia vai omitir mas a blogosfera pode repercutir.

    Eles estao com medo. O PT tinha deixado a midia, PGR, tucanos e outros em uma zona de conforto. Agora devemos jogar lama. Acho lamentavel mas nao nos resta alternativa.

    C. Khosta y Alzamendi

    13 de dezembro de 2012 às 22h19

    Trezentas mil razões, pra ser mais preciso…

ZePovinho

13 de dezembro de 2012 às 18h54

Tudo o que FHC “fez” se deveu a Itamar Franco,o verdadeiro impulsionador do plano real que já estava gestado no BNDES de Sarney.É só ler o livro “Os cabeças de planilha” do Nassif.

Responder

Mário SF Alves

13 de dezembro de 2012 às 18h43

Pausa, pausa, bandeira braaaanca. Olhem as convenções. Êpa! Cuidado aí, pisaram nos calos do ociólogo, do blindadinho e queridinho da mídia oposicionista. Êpa! Assim não dá, assim não pode. See the convections.

______________________________________________________________________
Oficina endiabrada do PT, né? Sei. Chamem o Clinton, chamem o Clinton.

Responder

Mário SF Alves

13 de dezembro de 2012 às 18h31

Se chiou doeu, se doeu sentiu, se sentiu entendeu, se entendeu lembrou o que andam fazendo com ex-presidente mais amado do Brasil. E não me refiro ao FHC(b), o exterminador.

Responder

MariaC

13 de dezembro de 2012 às 18h30

Ele está atrasado com as noticias. A lista não é falsa, foi confirmada verdadeira.

Responder

    Bonifa

    13 de dezembro de 2012 às 20h03

    Exato. A lista é verdadeira não apenas pelas perícias nos ducumentos, como também por depoimentos e levantamentos que coincidem em tudo com o conteúdo da lista. Aluysio Nunes (que lamentável fim para um excomunista) está, quem diria, praticando wishful thinking midiático.

José Antônio P Pereira

13 de dezembro de 2012 às 18h26

O povo brasileiro não deve nada ao ex-presidente FHC… Pelo contrário o FHC é que deve muito ao povo brasileiro, pois surrupiou o patrimônio público em prol dos amigos do PSDB e subtraiu inúmeros direitos dos trablhadores brasileiros também em favor da mesma corja. O Senador Aloisio Nunes precisa é tomar um chá de simancol.Se alguém tem sido achincalhado em sua honra é o Presidente LULA, o qual sempre honrou a classe trabalhadora. Viva LULA e vamos a guerra.

Responder

    Mário SF Alves

    13 de dezembro de 2012 às 18h37

    Nada, companheiro, “aquele limite da irresponsabilidade” (naquele contexto lá, das mega/priva/entregações) era só figura de linguagem, era só modo de dizer, né não? E a gente, tudo quanto é cabeça de vento do mundo, acredita… tá.

francisco niterói

13 de dezembro de 2012 às 17h11

Dado o clima criado no Brasil pela midia, com apoio da oposicao tb, espero que o PT faca deste episodio somente um inicio.

Talvez a oposicao resolva ser propositiva, no lugar de golpista. E a midiazona, por sua vez, adquira um pouco de vergonha e deixe de ser reduto de canalhas.

Os tucanos estao passando recibo e devemos faze-los ver que o Lula tem passado por situacoes muito piores do que essa de um convite ao FHC.

Infelizmente esta na hora de partirmos pra baixaria oque, em outros tempos, eu repudiaria.

Ja que os tucanos e a midia resolveram criar um mar de kamas na politica, devemos deixar claro que:

AO CONTRARIO DA MIDIA, A LAMA NAO ESCOLHE LADO. ATINGE A TODOS.

Responder

    francisco niterói

    13 de dezembro de 2012 às 18h14

    Em tempo:

    Só a guerra contra o PT nao é sujeita a convençoes.

    Vamos lá, PT, eles pediram guerra entao vamos. Com um simples convite eles ja passaram recibo do desespero.

    VAMOS AO ATAQUE, PIOR DO QUE ESTÁ NAO PODE FICAR.

    Nesta guerra o Brasil só pode ganhar pois teremos um ar mais respiravel pois atualmente esta imoossivel.

    O PT ja foi investigado, achincalhado, etc. Agora ta na hora de fazer a oposicao, e seu lider maior, experimentar do veneno que eles tanto servem.

    Vcs viram que um minimo de reacao e o Celso de Mello esta no c*gaço.

    Desculpem a baixaria, mas QUEM TEM C* TEM MEDO.

    prova de bala

    14 de dezembro de 2012 às 00h41

    Guerra é a palavra certa!!!

    até que enfim, algum deputado ta falando o estado que as coisas chegaram….

    ou o PT e o LULA , mostram a munição e o arsenal disponivel para lançarmos, ou eles vão continuar avançando território.

    Lembrem-se o que disse Max Weber ” o estado é o monopólio legitimo da violência” seja ela, militar, juridica ou moral.

Eugenio L.da Costa

13 de dezembro de 2012 às 17h03

Como sempre repetia o jornalista Hélio Fernandes, Amaury Riberio Jr com “A Privataria Tucana”, Ciro Gomes, em parte Delfim Neto… etc etc. O GOVERNO FHC FOI O GOVERNO MAIS CORRUPTO DE NOSSA REPUBLICA e ele poderia explicar porque é considerado TÃO CORRUPTO!

Responder

RicardãoCarioca

13 de dezembro de 2012 às 16h47

“Aloysio Nunes classificou a aprovação do convite de “episódio triste e lamentável”. Em discurso no Plenário na manhã desta quinta-feira (13), ele disse tratar-se de um “acinte” promovido pelo líder do PT na Câmara, deputado Jilmar Tatto (SP).

– Esta Lista de Furnas é um documento produzido em oficinas criminosas que operam sob o comando do PT com objetivo de atacar a reputação dos adversários, com uma série de nomes de políticos que teriam recebido contribuição ilegal da estatal. Submetida à investigação, a perícia já constatou ser uma fraude. As assinaturas foram falsificadas – afirmou o senador.”…

Convidar é “acinte”, “episódio triste e lamentável”. Mas, no parágrafo seguinte, ofende o PT com mentiras, pois desconhece o laudo da PF.

Esse PSDB só existe por causa da Globo mesmo…

Responder

    Mário SF Alves

    13 de dezembro de 2012 às 18h54

    Caras como esse Nunes, aí, vivem onde? Na ilha da fantasia? Na ilha do “sou capitalista subdesenvolvimentista” e, portanto, faço-tudo-o-que-eu-quero e não devo …orra nenhuma?

    ___________________________________________________________
    O nome disso é inconsequência política e/ou irresponsabilidade cívica; tudo por obra e graça das convenções (ocultas). Estas independem de guerra.
    Se bem que pensando melhor, dependem, sim; dependem da eterna guerra contra o povo, contra o desenvolvimento da País.


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.