VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Denúncias

Jornal da Band: Os tucanos e a Castelo de Areia


28/08/2013 - 12h02

Leia também:

Presidente do CRM/MG vai denunciar médicos cubanos na delegacia, mas nega que sugeriu omissão de socorro

Médico que duvida de estrangeiros tem filhos “importados” de Cuba

Mílton de Arruda Martins: “Elitização brutal” ajudou a concentrar médicos

O mau jornalismo da Folha no caso dos médicos “desistentes”

Juan Carlos Raxach: Carta de um médico cubano

Cebes: O SUS precisa de mais médicos. E muito mais!

Dr. Rosinha: Médicos estrangeiros são bem-vindos

Fátima Oliveira: Quem deve lavar as louças sujas são os governos



Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

O lado sujo do futebol: Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - O lado sujo do futebol e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


10 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Aécio, Alckmin, Serra e os ‘propineiros’ | Altamiro Borges

09 de dezembro de 2014 às 08h42

[…] O coordenador da Casa Civil de Alckmin, Edson Aparecido, é tricampeão em citações: casos Castelo de Areia, Demop e agora o propinoduto tucano (Alston /Siemens) (aqui e aqui). […]

Responder

Propineiros nas chapas de Aécio, Alckmin e Serra são “esquecidos” - Bem Blogado

10 de setembro de 2014 às 14h43

[…] O coordenador da Casa Civil de Alckmin, Edson Aparecido, é tricampeão em citações: casos Castelo de Areia, Demop e agora o propinoduto tucano (Alston /Siemens) (aqui e aqui). […]

Responder

» Antônio de Souza: Mídia e direita se “esquecem” de propineiros nas chapas de Aécio, Alckmin e SerraEntre Fatos

09 de setembro de 2014 às 17h52

[…] O coordenador da Casa Civil de Alckmin, Edson Aparecido, é tricampeão em citações: casos Castelo de Areia, Demop e agora o propinoduto tucano (Alston /Siemens) (aqui e aqui). […]

Responder

Antônio de Souza: Mídia e a direita se "esquecem" dos propineiros na chapa de Aécio, Alckmin e Serra « Viomundo - O que você não vê na mídia

09 de setembro de 2014 às 15h07

[…] O coordenador da Casa Civil de Alckmin, Edson Aparecido, é tricampeão em citações: casos Castelo de Areia, Demop e agora o propinoduto tucano (Alston /Siemens) (aqui e aqui). […]

Responder

Eduardo

29 de agosto de 2013 às 08h32

A Band está se armando para 2014 ! A fraca Rede é apenas caixa de ressonância ! Não tem capacidade investigativa. Essas coisinhas que faz tem o objetivo de matar o problema desqualificando-o na raíz! Não levem a sério! Em 2014 isto estará esquecido e ela dará ressonância ao PIG.

Responder

Messias Franca de Macedo

29 de agosto de 2013 às 01h05

Calma, sua hora vai chegar
28/08/2013

Era uma vez um sujeito que achava que com seu poder e sua fortuna podia intimidar os outros. Reclamava à Justiça direitos absurdos, que não poderia obter. Em seu desatino não compreendia que não era a vítima e sim o algoz. Porém, com a fé cega e uma faca amolada nas mãos, o poder moderador não alcançava seu ideal. E, por causa disso, muitos achavam que o silêncio poderia ser a arma dos fracos. No entanto, a resistência se avolumava, uma força enorme crescia entre aqueles que se sentiam injustiçados e uma onda gigante se formava no horizonte. E ela vinha lenta, caudalosa e arrebatadora. Alguns segredos, quando revelados, deixarão os poderosos de joelhos. É quando vão implorar por perdão e, humilhados, terão nossa misericórdia. Ou não. Não subestime aqueles que escolheu para ser seus inimigos. Eles podem revelar a verdade tão cuidadosamente escondida.

http://maureliomello.blogspot.com.br/2013/08/calma-sua-hora-vai-chegar.html#sthash.S7RbKarF.dpuf

Por jornalista Marco Aurélio Mello

http://maureliomello.blogspot.com.br/2013/08/calma-sua-hora-vai-chegar.html

Responder

Marat

28 de agosto de 2013 às 20h12

A Bandeirantes é uma espécie de anexo do Governo de SP… Se até eles, mesmo que, cheios de cuidado (aliás, como deveria ser também com outros partidos…) estão pondo o dedo, é porque a coisa deve ser pra lá de tenebrosa… Lógico que os Supremos, as Procuradorias e outros quejandos da tal de justiça, sempre, digamos, dão uma ajeitada nos problemas dos tucanos, é bem capaz, mais uma vez… que tudo não passe de uma bronquinha e um expedito arquivamento!

Responder

Helio Pereira

28 de agosto de 2013 às 19h03

PINDA ?
Pinda poderia ser PINDAMONHANGABA,cidade natal de Geraldo Alckmin e de alguns parentes seus,que estiveram envolvidos com o “esquemão” das Merendas escolares…sera ?
Edson Aparecido ?
Este já foi citado no caso SANASA de Campinas,que acabou com o mandato do ex Prefeito do PDT, o dr Hélio de Oliveira santos,estranhamente quando foi citado o nome de Edson Aparecido nas escutas da Policia,nossa midia “perdeu o interesse” no caso.

Responder

Arthur Araújo

28 de agosto de 2013 às 16h57

Se a Band, que é PIG enrustido, está noticiando é porque a sujeira tucana está transbordando.

Responder

Mardones

28 de agosto de 2013 às 15h07

Sempre defendendo os ricos, o judiciário tenta apagar todo o trabalho do De Sanctis.

“O Superior Tribunal de Justiça (STJ) anulou ontem todas as escutas telefônicas da Operação Suíça – investigação da Polícia Federal que imputava a 13 ex-executivos do Credit Suisse prática de lavagem de dinheiro, gestão fraudulenta, evasão de divisas, crimes financeiros e formação de quadrilha.

Em votação unânime, a 6.ª Turma do STJ acolheu habeas corpus em favor de três acusados – Peter Weiss, Carlos Miguel Martins e Alexander Seigenthaler – e concluiu que as interceptações foram autorizadas exclusivamente com base em denúncias anônimas, sem que houvessem investigações preliminares.

A decisão praticamente põe fim à Operação Suíça, deflagrada em 2006 por ordem do juiz Fausto Martin De Sanctis, da 6.ª Vara Criminal Federal em São Paulo – De Sanctis, atualmente, é desembargador do Tribunal Regional Federal da 3.ª Região (TRF3). O Superior Tribunal de Justiça mandou expedir um ofício à 6.ª Vara Federal para que seja apurado o que restou da ação, ou seja, se alguma prova ainda subsiste além daquelas obtidas por meio dos grampos declarados ilícitos.”

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!