VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


64 revisitado: Em Belo Horizonte, a “caça” aos padres comunistas
Você escreve

64 revisitado: Em Belo Horizonte, a “caça” aos padres comunistas


12/04/2015 - 21h59

Captura de Tela 2015-04-12 às 21.48.41 Captura de Tela 2015-04-12 às 21.48.55 Captura de Tela 2015-04-12 às 21.49.11

Da Redação

Os cartazes acima foram colocados na Casa dos Bispos de Belo Horizonte, que fica perto de onde manifestantes se concentraram na capital mineira.

Enviado por Igor Fellipe, que também mandou o meme do dia:

Captura de Tela 2015-04-12 às 21.49.30

Veja também:

A imperdível aula de História que Raul Castro deu a Obama





9 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Mário SF Alves

14 de abril de 2015 às 11h04

Se insistirem muito mais nessa estória de comunismo ainda vão acabar por forçar o povo a considerar como válida a hipótese da adoção de um regime de radical de esquerda. E, salvo engano, tem uma certa esquerda por aí que em havendo brecha ela entra com tudo, e sem critério, nada previamente discutido com ninguém, igual a boi faminto em meio à palhada.
________________________________
Eu, mesmo, de tanto ouvir essa ladainha anticomunista, que nada mais é do que o velho e surrado pretexto de todos os sádicos, escravagistas, rentistas e entreguistas de plantão na eterna embromação do povo brasileiro, começo a acreditar que seria bom um choque de socialismo no Brasil. Algo como, a exemplo da ditadura de direita, uns vinte e um anos de reestatização e socialização da CVRD; uns vinte e um anos de supressão da propriedade privada dos meios de produção, especialmente dos latifúndios improdutivos; uns vinte e um anos de supressão da dívida pública interna; uns vinte e um anos de educação libertadora; uns vinte e um anos de segurança pública exemplar; uns vinte e um anos de alimentação saudável; uns vinte e um anos de respeito ao meio ambiente; uns vinte e um anos de teatro e música clássica para todos; uns vinte e um anos de afastamento de todo o totalitarismo ideológico de direita, a começar pela supressão da propaganda capitalista mentirosa, socialmente desagregante e consumista.
_______________________________________________________
Enquanto isso, democracia econômica e jurídica que é bom mesmo, nada. Ora, [email protected] não basta democracia política. Essa já temos. Mas, não foi essa a promessa. A promessa foi a de redemocratização do Brasil. Salvo a possibilidade de o Brasil jamais tenha sido um país democrático, e que em nossas circunstâncias a democracia seja, de fato, igual a laranja, conforme entendimento do último general presidente, a promessa não foi cumprida. E a cada dia que passa mais e mais resta provado isso.
A única conclusão que se pode chegar é que para os que sempre mandaram no Brasil a democracia de verdade é o que menos interessa. Não fosse assim um certo ministro do STF não estaria a um ano retendo desnecessária e autoritariamente o processo que visa coibir as milionárias, vergonhosas e inconstitucionais/ antidemocráticas “doações” de campanha; não fosse assim, já teríamos a regulamentação constitucional do uso das concessões públicas de comunicação (rádio e TV).

Temos democracia política como nunca a tivemos antes. E isso prova-o as pessoas nas ruas, inclusive, com plena liberdade de manifestação, algumas das quais em ataques abertos, registrados, e televisionados contra esta mesma democracia.

Enfim… na falta de amor pelo Brasil e pelo povo brasileiro, no desrespeito à Constituição, e na contingência de atender interesses publicamente inconfessáveis, nada mais manjado do que esse eterno e vergonhoso aceno à fantasmagoria, ao fantasma predileto, a ameaça comunista… mais uma vez e sempre; por mais extemporânea e absurda que seja tal hipótese/ameaça.

Mas… de tanto ir à fonte, o cântaro… um dia quebra. Um ditado mais do que manjado.

Responder

    Andre

    15 de abril de 2015 às 22h46

    É meu caro, se a presidente vai para a TV dizer que pedir ‘morte aos comunista’ e ‘ditadura militar’ é ‘uma manifestação de democracia’, só vão restar mesmo uma ‘certa esquerda’ para deter a onda de extrema direita. O governo liberal democrático não está fazendo absolutamente nada para preservar a democracia diante do avanço da extrema direita; se houver ‘radicalismo de esquerda’ é melhor culpar ‘certa esquerda’ que está no governo por omissão em relação à extrema direita. Quanto mais não seja os comunistas – os que realmente são e os que são chamados de sem nunca terem sido – acabarão tendo que reagir por legitima defesa, para se manterem vivos se o governo continuar se omitindo e dizendo que isso é ‘manifestação de democracia’.

    Essa ‘certa esquerda’ está aturando paulada politica e ideológica da ‘certa esquerda’ do governo e politica, ideológica e fisica da extrema direita e não teve nenhuma reação de violência extrema até agora. Essa ‘certa esquerda’ que você cita está fazendo mais para preservar a democracia que o governo omisso diante da extrema direita. Não a toa quando o fascismo tomou a europa – com a omissão e cumplicidade dos liberais dito democráticos como estamos vendo o executivo e o legislativo fazerem agora no Brasil – a única resitencia organizada foi a dos… comunistas. Se querem deter o ‘radicalismo de esquerda’, é melhor deter logo a extrema direita, antes que apareça um cadáver.

Márcio Gaspar

13 de abril de 2015 às 22h33

Pessoas leitoras da revistinha óia, que deixaram suas mentes serem terceirizadas por “infomentiras” propagadas pela oposição e grupos de mídias. E a oposição também faz parte disto, pois em vez de fazer um oposição com proposta para o Brasil ficou é repetindo estas idiotices de bolivarianismo, comunismos, Foro de São Paulo, ditadura bolivariana, ditadura petista, Lula dono da Friboi, fazenda, avião, Lulinha na lista de Forbes(tem gente escolarizada com nível superior e muito bem empregada que que acredita nisso. eu conheço) dá nisso.

Responder

Eduardo

13 de abril de 2015 às 14h22

Avenida paulista, Leblon, praça da liberdade, são pequenas ilhas azuis do mar vermelho!

Responder

Léo

13 de abril de 2015 às 12h35

Minha solidariedade a CNBB, e a todos padres e bispos que defendem a democraacia.

Como dizia Dom Paulo Evaristo Arns: Ditadura Nunca Mais.

Responder

Fernando L

13 de abril de 2015 às 10h56

Não sei se foi mérito mas arranquei o cartaz da CNBB e outros que estavam pregados na Cúria Metropolitana na Praça da Liberdade. Vale dizer que as 13h de domingo no auge da manifestação não estavam na Praça da Liberdade ao todo (juntando multidão dispersa e manifestantes concentrados) nem 2 mil pessoas. Um fracasso total. Mas tinha carro de som pedindo intervenção militar, ou seja a grana de financiamento rolou.

Responder

Lukas

13 de abril de 2015 às 09h50

Evidentemente que os progressistas investem na confusão ao pegar a parte pelo todo.

Era o esperado.

Responder

El Cid

13 de abril de 2015 às 08h44

A nossa sociopatia nos deixou doentes… doentes demais… mas essa mulher aí abaixo do vídeo fez a diferença:

https://vimeo.com/124783950

Responder

FrancoAtirador

12 de abril de 2015 às 23h14 Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding