VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Política

Sakamoto: Protesto expõe médico acusado de encobrir torturas durante a ditadura


07/04/2012 - 14h50

por Leonardo Sakamoto, em seu blog

Postes, muros e pontos de ônibus dos bairros da Vila Madalena e Pinheiros amanheceram com centenas de cartazes de protesto contra Harry Shibata, médico legista e ex-diretor do Instituto Médico Legal de São Paulo. Acusado de ser responsável por falsos atestados de óbito usados para acobertar assassinatos de opositores pela ditadura militar, ele teria ignorado marcas deixadas por sessões de tortura produzindo laudos de acordo com as necessidades dos militares. Os cartazes foram colados por um grupo de manifestantes na madrugada deste sábado (7).

Shibata é acusado de, sem ter visto o corpo, atestar como suicídio a morte de Vladimir Herzog, então diretor da TV Cultura, que fora convocado para “prestar esclarecimentos” no DOI-Codi, em em outubro de 1975. O orgão, ligado ao regime, tinha o objetivo de reprimir opositores e se transformou em um dos principais centros de tortura do país.

A morte do jornalista após sessão de tortura tornou-se um símbolo na luta contra a ditadura. E o culto ecumênico realizado em sua homenagem, em dezembro daquele ano, na Catedral da Sé, foi o primeiro grande ato da sociedade civil contra as atrocidades cometidas pelos militares.

Nos dias 31 de março e 1o de abril, manifestações no Rio de Janeiro e em São Paulo reuniram centenas de pessoas para lembrar o aniversário do golpe de 1964. Elas exigiram que os crimes cometidos pelo Estado durante a ditadura militar sejam esclarecidos e os envolvidos em casos de tortura punidos por crime contra a humanidade.

Como parte dos protestos, residências de militares acusados de envolvimento em tortura foram marcadas. Da mesma forma, parte dos cartazes fornece o endereço do médico legista, em uma rua de classe média alta.

Neste sábado, comemora-se o Dia do Médico Legista. E o Dia do Jornalista.

Fotos: Leonardo Sakamoto

Leia também:

Lista de clientes de ex-torturador some de site da empresa



Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

O lado sujo do futebol: Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - O lado sujo do futebol e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


12 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Renato

09 de abril de 2012 às 12h31

Prefiro mil vezes a ditadura militar do que a ditadura cubana. Os militares fizeram o serviço deles, eliminar a possibilidade do socialismo no Brasil. Essa possibilidade está de volta e precisa ser eliminada.
Cortar relações com a China, Cuba, Venezuela, Bolívia, Coréia do Norte, Angola e Equador.

Responder

    abolicionista

    11 de abril de 2012 às 02h08

    Comentário mais fascista e vergonhoso que já li no Viomundo. Espero que você não viva para ver o Brasil se tornar essa ditadura que você tanto deseja.

souza

08 de abril de 2012 às 19h44

que serão punidos, é certo.
todas as formas de manifestação pro punição dos culpados pelas tortura e desaparecimento são legítimas.
o estado, da forma que é organizado, jamais fará o seu papel sem representação.

Responder

beattrice

08 de abril de 2012 às 14h08

Esses fatos comprovam o quanto a sociedade brasileira está farta desta postergação injustificável do julgamento dos fatos e personagens que destruiram o país na ditadura militar.

Responder

    pperez

    08 de abril de 2012 às 19h23

    Esse aí não é um personagem.
    É um verme que ha muito deveria estar no seu habitat natural!

tião medonho

08 de abril de 2012 às 10h15

tem um documentario sueco muito bom chamado Arquitetura da Destruição onde se aprende muito sobre o nazismo; inclusive que entre seus membros, a atividade profissional que forneceu, proporcionalmente, maior numero de sócios foram…os médicos..

Responder

Sakamoto: Manifestantes protestam em frente à casa de legista acusado de encobrir tortura | Viomundo - O que você não vê na mídia

07 de abril de 2012 às 19h17

[…] Ele é acusado de ser responsável por falsos atestados de óbito usados para acobertar assassinatos de opositores pela ditadura militar, ignorando marcas deixadas por sessões de tortura e produzindo laudos de acordo com as necessidades dos militares. Na manhã deste sábado, os bairros de Pinheiros e da Vila Madalena já haviam amanhecido com centenas de cartazes acusando S… […]

Responder

pperez

07 de abril de 2012 às 17h40

Vamos ver se com esse movimento, o ministro Cardozo justifique ao que veio!

Responder

    Marcio H Silva

    07 de abril de 2012 às 19h31

    Não vai justificar nunca a que veio.

abolicionista

07 de abril de 2012 às 16h17

Monstro, espero sirva de exemplo para as viuvinhas da ditadura que às vezes aparecem aqui no blog do Azenha.

Responder

SILVA

07 de abril de 2012 às 15h48

Eles são assim. Hoje se escondem no anonimato. Fazem o estereótipo de "gente do bem". Ouvi falar de um, que era um elemento tido como " soldado raso" -pau mandado – na época, que disse os corpos eram amarrados à barras de concreto, e na ponte da Vila Maria, de madrugada, que era interditada e os corpos eram lançados lá embaixo no Rio Tietê,.

Responder

    beattrice

    08 de abril de 2012 às 14h07

    Em Montevideo e em Buenos Aires eram lançados no Rio da Prata, os "vuelos de la muerte".
    Muitos desaparecidos de um país foram encontrados no outro levados pelas águas. http://www.pagina12.com.ar/diario/elpais/1-183431


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!