VIOMUNDO

Diário da Resistência


Lincoln Secco: O enésimo escândalo e a passividade do PT
Política

Lincoln Secco: O enésimo escândalo e a passividade do PT


14/12/2012 - 19h23

por Lincoln Secco, especial para o Viomundo

“Irene preta / Irene boa / Irene sempre de bom humor./ Imagino Irene entrando no céu:/ — Licença, meu branco!/ E São Pedro bonachão:/ — Entra, Irene. Você não precisa pedir licença.” (Manuel Bandeira).

É de Manuel Bandeira o belo poema “Irene no Céu”.  Os três primeiros versos são sempre ritmados por uma acentuação das sílabas poéticas que facilmente nos convida a cantar. Assim, mais que a cor de Irene, também o ritmo parece popular. Ao mesmo tempo é visível o distanciamento entre o eu poético e a voz da própria Irene ao entrar onde, a princípio, não seria convidada. Afinal, Irene pede licença.  Ela não deveria, posto que seja seu o direito de entrar no céu, já que é boa.

Desde 2003, quando Lula se tornou presidente, o Partido dos Trabalhadores (PT) aparece na grande imprensa como uma imensa coleção de escândalos. E desde então uma pergunta tem incomodado a base social do PT: por que os dirigentes petistas têm tanto medo? A resposta não é simples e poderia ser reformulada: Por que alguém que recebe o poder das mãos do povo pede licença para exercê-lo?

Recentemente, a Polícia Federal invadiu o escritório da Presidente da República para encontrar “provas” contra o seu antecessor, que é simplesmente o seu maior apoiador. A primeira e única defesa petista foi a de que agora a PF age como instituição republicana e independente blá blá blá blá… Da mesma maneira o STF agiu como instituição independente…  Ora, alguém imaginaria a PF invadindo o escritório de Fernando Henrique Cardoso quando ele era presidente?

Ante a condenação de José Dirceu, José Genoino e João Paulo Cunha, o PT não reagiu. Aceitou o julgamento como legítimo. Ante o receio do confronto com a imprensa, o relator Odair Cunha buscou refúgio no presidente do PT, Rui Falcão. E este, escondeu-se em algum lugar.

É certo que há políticos em qualquer partido que ganham com a queda de seus adversários internos e o PT não é diferente. Mas nada disso explica um comportamento coletivo de uma passividade bovina.

A explicação da covardia política não é, evidentemente, a de que os dirigentes petistas sejam naturalmente medrosos. Como em todos os partidos existem os covardes, os corruptos, os que se associam a banqueiros etc. Mas há também os que não se curvam e lutam.

Que o “oprimido” se ache sem o direito de ocupar um lugar que não é o seu, é bastante compreensível. O PT forjou em sua história uma nova elite de sindicalistas, professores de ensino fundamental, líderes de movimentos sociais e pessoas de classe média que oportunamente aderiram ao partido. A ascensão social e política dessas pessoas não teve correspondência na ideologia, a qual continua sendo a dos que detêm os meios de produção de mercadorias materiais e espirituais.

Contudo, por mais que ataquem o PT e destruam seletivamente suas lideranças, os opositores não conseguem retomar o governo. E isto acontece porque eles não dispõem de programa alternativo nenhum. Sem discutir os erros estruturais do Governo Lula, é visível a melhoria social que ele gerou.

Enquanto durar esta conjuntura, as armas da oposição serão inúteis e o PT poderá continuar jogando seus timoneiros ao mar. Há “petistas” que imaginam que é bom que a imprensa “limpe” o partido. Há os que acreditam que os escândalos apenas maculam a sua História. Nada mais falso. Não é a história do PT que está em jogo. É o seu futuro.

Lincoln Secco é Professor de História Contemporânea na USP e autor de “A História do PT” (São Paulo, Ateliê Editorial)

Leia também:

Folha dá aula de como tirar declaração de Lula do contexto

Pablo Gutiérrez: Corte Internacional de Direitos Humanos pode ordenar anulação do julgamento da AP 470

Dalmo Dallari: Supremo criará embaraço jurídico extremo se cassar deputados condenados na AP 470

Pedro Serrano: Só o Congresso pode cassar o mandato de deputados envolvidos no mensalão

Marcos Coimbra: STF invade atribuições dos demais Poderes

Santayana: Julgamento da AP 470 corre o risco de ser um dos erros judiciários mais pesados da História

Patrick Mariano: Decisão do ministro Joaquim Barbosa viola a Constituição e as leis vigentes

Ramatis Jacino, do Inspir: O sonho do ministro Joaquim Barbosa pode virar pesadelo

Comparato: Pretos, pobres, prostitutas e petistas

Dalmo Dallari critica vazamento de votos e diz que mídia cobre STF “como se fosse um comício”

Rubens Casara: “Risco da tentação populista é produzir decisões casuísticas”

Luiz Flávio Gomes: “Um mesmo ministro do Supremo investigar e julgar é do tempo da Inquisição”

Paulo Moreira Leite: O risco de brincar com a Constituição

Luiz Moreira: Ação Penal 470, sem provas nem teoria

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



80 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Guilherme Scalzilli

17 de dezembro de 2012 às 12h45

A maldição de Rosemary

Inquérito recém-nascido, personagens caricaturados, violações de privacidade, fariseus babando regras morais: já vimos esse filme tantas vezes que podemos antever seus desdobramentos. O noticiário gastará o tema até o limite da idiotia, alimentado por informantes obscuros e “apurações” de bastidores. A Veja excretará falsas entrevistas e difamações, que a imprensa dita “séria” reproduzirá como se tivessem mínima credibilidade. Propagadores involuntários desses veículos, alguns blogueiros progressistas contribuirão para legitimar fofocas e imbecilidades.

As mentiras receberão desculpas e correções discretas, num futuro longínquo, mas os prejuízos causados a inocentes restarão impunes e irremediáveis. Alguém talvez encontre um conveniente uso do foro privilegiado para que o STF desempenhe de novo seu teatro saneador de mão única.

No final, pouco importará se a administração demotucana de São Paulo perpetua milhares de cargos políticos e esquemas de apadrinhamento semelhantes aos orquestrados por Rosemary Noronha, ou ainda mais obscuros e lesivos do que eles. Pouco importará, aliás, discutir uma rotina da vida política brasileira característica até dos menores municípios. A questão é transformá-la em marca exclusiva do PT, como o chamado “mensalão” e outras novidades que há uma década ninguém ousava enxergar, por exemplo, nos lídimos e transparentes governos FHC.

Depois das bebedeiras e da ameaça de violência sexual, Lula agora recebe a pecha de adúltero safado. Esse tipo de baixaria não o atinge por acaso. É a reprodução de uma imagem vulgar que o preconceito elitista associa à própria gentalha que forma a sua base eleitoral. E é vulgaridade conveniente a salas de espera e balcões de botequim, onde qualquer sinal de astúcia pode insinuar perigosas ambigüidades estadistas à figura do tosco líder operário.

Mas convém desconfiar da versão de que o núcleo do governo foi pego de surpresa com a iniciativa “secreta” da Polícia Federal. O desabamento do esquema de Rosemary Noronha teve beneficiários no próprio PT, para não citar uma administração preocupada com sua imagem pública e lideranças empenhadas em estabelecer rupturas com as redes de influência herdadas da era Lula. Ademais, Dilma e o ministro José Eduardo Cardoso não se encaixam com facilidade na fantasia de mandatários que perdem o controle dos subordinados. Acontece que a indicação de sagacidade proibida a Lula, no caso da sua sucessora, periga denotar lisura e respeito pelas instituições.

http://www.guilhermescalzilli.blogspot.com.br/

Responder

Lucas

16 de dezembro de 2012 às 22h45

“Contudo, por mais que ataquem o PT e destruam seletivamente suas lideranças, os opositores não conseguem retomar o governo. E isto acontece porque eles não dispõem de programa alternativo nenhum. Sem discutir os erros estruturais do Governo Lula, é visível a melhoria social que ele gerou.”

Por isso eu ainda voto no PT. Quando não for mais capaz de promover melhoria social, discutiremos uma eventual alternativa, coisa que simplesmente inexiste hoje em dia.

Responder

lindivaldo

16 de dezembro de 2012 às 22h19

Realmente,o PT precisa assumir, de fato,o poder que o povo lhe outorgou!
Escutar o clamor das ruas e criar coragem!
As praças clamam por reação e não covardia!
Acabar com esses discursos de bonzinhos, de que é feio o “o olho por olho…”
Ir avante com a CPI da privataria tucana e não recuar diante de uma trégua estratégica da oposição/mídia!
Desengavetar a lei dos meios!
Discutir e ir em frente com a reforma do judiciário!
Entupir a PGR com as roubalheiras tucanas!
Fazer o STF tirar da geladeira o processo do mensalão tucano
e tantos outros que irão caducar se não forem cutucados!

No entanto, o PT parou no tempo…
Houve uma inversão de posições nas suas relações com as massas!
O povo, agora na vanguarda, estende debalde as mãos para puxar o partido da retaguarda em que se encontra!
E o povo só faz isso porque não tem outro partido de esquerda a que possa entregar a bandeira!
Não é bobo também para acreditar no PSOL, PSTU e etc que andam de beijos e abraços com os partidos do atraso (DEM/PSDB/PPS)!

Enquanto isso, a mídia conservadora avança em seus objetivos golpistas!
Ora ataca, ora recua, mas sempre avaliando os estragos e o tamanho da reação, para, em seguida, golpear sem nenhuma piedade!
É um morde-assopra sem fim!
O partido lamenta, chora, emite uma notinha e depois abaixa a cabeça para uma próxima paulada!
E, assim, tirando um pedaço daqui, outro dali, o PT, o Lula e outros vão, pouco a pouco, sendo destruídos!

Responder

    Pedro Cruz

    17 de dezembro de 2012 às 16h30

    O povo, em 2012, votou em uma aliança para governar o país. É só olharmos para a composição da Câmara Federal e Senado. As ruas, as praças clamam por alguma coisa??? Quem??? Aonde???

    lindivaldo

    18 de dezembro de 2012 às 00h31

    Pedro,
    Você está fora do Brasil ou está contratado pelo PT para justificar o injustificável?
    O Brasil, sim, é governado por uma aliança, porém o PT é o único alvo dos ataques desferidos pela por uma mídia golpista!
    Que tem feito o PT concretamente para se defender? Ou você entende que caberia aos outros partidos da base, e que são estrategicamente poupados, a defesa do PT, tanto em relação à gestão0, quanto aos atos das lideranças do partido?
    Quanto à insatisfação do povo com a passividade do PT, basta escutar os comentários nas praças, nas ruas, escolas, faculdades, ambientes de trabalho, nas redes sociais e na blogosfera, etc. etc…
    Olha, estamos no mesmo barco! Há muito, que luto por este projeto, por isto me sinto na obrigação de criticar!
    E não é negando o óbvio e fechando os ouvidos para as críticas de sua militância, que o PT vai enfrentar uma direita raivosa e reacionária.

luiz pinheiro

16 de dezembro de 2012 às 21h58

Do blog do Edu Guimarães:
“Nos últimos dias, pesquisas do Ibope e do Datafolha revelaram um quadro de polarização e cristalização de posições políticas na sociedade, com vantagem renitente para os atuais detentores do poder federal, que aparecem com popularidade inabalada.
Mas, apesar da reiterada pregação no sentido de que seria “inútil” a campanha da grande imprensa contra Lula, PT e Dilma, as pesquisas revelam que, cada um a seu modo, direita e esquerda têm razão em suas táticas atuais.
Ambos os lados confiam em suas estratégias com base em elucubrações racionais e amplamente discutidas internamente. É, pois, ingenuidade achar que a passividade do PT e a virulência da oposição midiática derivam de não saberem o que estão fazendo.
Não há bobinhos no Palácio do Planalto, nem no PT, tampouco no PSDB e na Globo, Folha, Veja ou Estadão. A forma como agem ou reagem ao jogo político é produto de intensa reflexão, de sondagens do eleitorado e de sólidas teorias políticas.
Um leitor petista poderia dizer que a perenidade da aprovação de Lula, Dilma e PT mostra que do lado da direita midiática, se não há “bobinhos”, há dementes, pois quanto mais batem mais o PT se fortalece na opinião pública.
As lideranças da direita midiática serão tão alucinadas que não enxergam que foi inútil tudo o que fizeram desde o início concomitante da campanha eleitoral de 2012 e do julgamento do mensalão? Nem a militância destro-midiática é alucinada nem foi inútil sua campanha. Já conversei com muitos desses militantes e sei porque persistem na artilharia incesssante. Há uma lógica no que a mídia faz. Sem as campanhas acusatórias aos petistas e aliados, estariam com popularidade muito mais alta ainda.
Popr exemplo, Dilma anunciou duas medidas com potencial imensurável de beneficiar a sociedade: a forte redução nos juros e no valor da conta de luz. Imagine o que aconteceria se essas medidas fossem implantadas sem que ninguém tentasse minimizar e até desmentir, ainda que de forma absurda, o potencial delas para melhorar a vida da sociedade e fomentar o desenvolvimento. A esta altura, Dilma teria 99,99% de aprovação.
A mídia, pois, apela à idiotia ou ao preconceito ou à falta de instrução ou ao egoísmo ou à falta de caráter de setores da sociedade – ou a tudo isso junto – para formar seu exército antilulista e antipetista. E consegue”.

Responder

    prova de bala

    17 de dezembro de 2012 às 16h36

    correta análise do quadro, se não fosse o massacre da mídia, teríamos conseguido manter as prefeituras nas capitais do nordeste, e em varias cidades de porte médio no brasil afora.

    a oposição partidária esta esfacelada no pais, mas em compensação encontramos uma mídia que nunca fez tanta oposição a um governo antes, isso pode equilibrar as próximas eleições, ou até mesmo criar um clima de instabilidade institucional no país, devido ao acirramento do ódio de classe.

FrancoAtirador

16 de dezembro de 2012 às 18h36

.
.
Datafolha e a força de Dilma-Lula

Por Ricardo Kotscho, no blog Balaio do Kotscho, via Blog do Miro

“Se a eleição fosse hoje, Dilma ou Lula venceria” (http://noticias.r7.com/blogs/ricardo-kotscho/2012/12/16/datafolha-de-onde-vem-a-forca-de-dilma-lula/),
anuncia a manchete da “Folha” deste domingo para surpresa dos muitos analistas da grande imprensa que nos últimos meses chegaram a prever o fim da hegemonia do PT e das suas principais lideranças, que em janeiro completam dez anos no comando do país.

Após sofrer o mais violento bombardeio midiático desde a sua fundação, em 1980, o PT chega ao final de 2012, em meio do seu terceiro mandato consecutivo no Palácio do Planalto, como franco favorito para a sucessão presidencial, sem adversários à vista, segundo o Datafolha.

Os dois petistas estão praticamente empatados: Dilma teria 57% dos votos e Lula, 56%, ambos com mais votos do que todos os adversários juntos.

Na pesquisa espontânea, Lula, Dilma e o PT chegariam a 39%, enquanto os candidatos de oposição somariam apenas 7%.

A grande surpresa da pesquisa é a força demonstrada por Marina Silva (ex-PT e ex-PV), que ficaria em segundo lugar nos quatro cenários pesquisados.

O curioso é que Marina, que teve 19,3% dos votos na eleição de 2010, está há dois anos sem partido, desaparecida do noticiário político, e chega a 18% das intenções de voto na pesquisa estimulada, bem acima do principal candidato da oposição, o tucano Aécio Neves, que oscila entre 9% e 14%.

Por mais que a mídia se empenhe em jogar criador contra criatura, a verdade é que a atual presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva parecem formar uma entidade só, a “Dilmalula” – e é exatamente daí que emana a força da dupla, cada um fazendo a sua parte no intricado jogo do poder.

Dilma, que até aqui vem sendo preservada pela imprensa, mais preocupada em destruir a imagem de Lula e do seu governo, saiu esta semana em defesa do ex-presidente quando se tornaram mais violentos os ataques – e foi bastante criticada por isso.

Mas é exatamente na lealdade entre os dois, tanto pessoal como no projeto político, que se baseia esta parceria aprovada por 62% da população brasileira, de acordo com a pesquisa CNI-Ibope divulgada esta semana.

Desde a posse em janeiro do ano passado, Dilma e Lula combinaram de se encontrar a cada 15 dias para conversar pessoalmente sobre os rumos do governo, afastando assim as intrigas que costumam frequentar os salões palacianos.

O resultado está aí: com julgamento do mensalão, Operação Porto Seguro e novas denúncias contra o PT e Lula quase todos os dias, as pesquisas mostram que a grande maioria da população continua satisfeita com o governo e quer que ele continue.

No auge do bombardeio dos últimos dias, e certamente ainda sem saber os resultados das pesquisas, Gilberto Carvalho, ministro da secretaria-geral da Presidência da República, amigo tanto de Dilma como de Lula, desabafou:

“Os ataques sem limites que estão fazendo ao nosso querido presidente Lula têm um único objetivo: destruir nosso projeto, destruir o PT, destruir o nosso governo”.

Pelo jeito, até agora não conseguiram. Ao contrário, apenas revelaram o tamanho do abismo que existe hoje entre o mundo real dos brasileiros, que vivem melhor do que antes, e o noticiário dos principais meios de imprensa, que coloca o país permanentemente à beira do abismo, envolvido em crises sem fim.

Isso talvez explique também porque aumentou, no mesmo Datafolha, o índice dos que não confiam na imprensa, que passou de 18% em agosto para 28% em dezembro.

Por tudo isso, penso que é hora do PT sair da defensiva e contar ao país e aos seus militantes o que está em jogo neste momento, dizendo de onde partem e com que interesses os ataques denunciados por Gilberto Carvalho.

http://altamiroborges.blogspot.com.br/2012/12/datafolha-e-forca-de-dilma-lula.html

Responder

Nedi

16 de dezembro de 2012 às 13h27

Grandes figuras do partido estão sentadas no colo do “Dono do Brasil” e vcs querem que os caras reajam…vcs tão brincando comigo, né?
O partido foi capturado pelo “PODRE PUDÊ”.
Por que o articulista não diz isso, de forma clara, pra que todos entendam?

Responder

Pedro Cruz

16 de dezembro de 2012 às 11h23

Quem não estiver contente com o PT, a democracia oferece outros caminhos, psdb, pps, dem, psol, pstu, varias. Assumam seu lado e pratiquem a sua política. Podem, tambem, se aliarem à grande imprensa e tentarem desconstruir o partido que mudou o país, O PARTIDO DOS TRABALHADORES, que governa esse país para os brasileiros. Mais de 70% estão satisfeito e apoiam. Em 2014, assumam seus lados e pratiquem as suas políticas, é da democracia. O PT contnuará melhorando o Brasil com seus aliados. Melhorando o Brasil e influenciando, cada vez mais, o mundo. Vejam o sucesso que Dilma e Lula fazem na França. Vejam a capa do Le monde. Não adianta voces e a grande imprensa esconder.

Responder

FrancoAtirador

16 de dezembro de 2012 às 10h27

Responder

Alexandro Rodrigues

16 de dezembro de 2012 às 08h50

O que muitos idiotas, lulistas fanáticos ainda não perceberam: uma das causas da hegemonia do PT é a total perda de discurso do projeto opositor ao petista.

Ao se render ao establishment e aderir a social democracia covarde, o PT jogou o PSDB e seus lambe botas à direita. Lá, tucanos que em grande maioria tem origem progressista, ficaram completamente tontos e sem ação. Por mais que tenha sido derrotado em 2010, foi nesta eleição que o início da reorganização da direita no Brasil começou! E de uma forma que me assusta bastante. A receita já é conhecida e tem no Partido Republicano americano sua imagem e semelhança. Opositores raivosos, mídia e religião.

Agora em 2012, com a economia estagnada, a direita vê sua chance de impor sua agenda para retomar o poder em 2014. Infelizmente não sou tão otimista como os fanáticos lulistas. A vitória de Dilma em 2014 não é tão óbvia quanto pensam. A guerra já está em ação. O clima de que por causa do PT vivemos em um mar de lama está a todo momento na mídia, e por mais que esta já não tenha mais o poder de outrora acreditem, isso pode ajudar à direita brasileira a se posicionar como alternativa. Aliado ao baixo crescimento econômico, a imagem negativa que o PT possui junto com a classe média vagabunda de Higienópolis pode SIM influenciar os rumos da eleição de 2014. A classe C não é fiel ao PT. Esta será fiel àquele que garantir que seu direito de consumir não seja suprimido.

Se o PT não reagir, Dilma pagará o mesmo mico de FHC quando concorreu a prefeitura de São Paulo. Subirá a rampa do Planalto antes da hora e entrará para história da política brasileira como uma presidente bem avaliada mas rejeitada numa eleição. Será o preço que o PT pagará por sua covardia!

Responder

    prova de bala

    17 de dezembro de 2012 às 16h29

    o lula sempre foi um conciliador, mas agora com todos esses ataques, acho importante contra-atacar.

    sinceramente sera difícil imaginar o que vai acontecer na próxima eleição se o PT, continuar na defensiva.

    ou o Brasil cresce os 4% nos próximos dois anos, ou teremos fortes emoções na próxima eleição, e uma enxurrada de escanda-los e denuncias…

    ministério publico, policia federal, STF,imprensa, todos contra o executivo..uma verdadeira guerra politica sera travada.

Walter

16 de dezembro de 2012 às 08h16

Eu e minha familia éramos da chamada base social. Aqueles que durante quase 30 anos só votaram no PT, sem sermos sindicalistas, sem sermos filiados, sem usarmos estrelinha no peito, sem termos empregos públicos por indicação.
Cadê o imposto sobre grandes fortunas?Cadê o imposto sobre heranças? Cadê a reforma agrária? Cadê a defesa incondicional do servidor público? Cadê a regulamentação dos artigos da Comunicação Social da Constituição? Cadê a database dos servidores públicos federais? Cadê o fim dos milhares de DAS sem concurso? Cadê as reformas na educação de base?
O que eu ganhei do PT foram 7 anos sem sequer reposição da inflação no meu salário. Arrocho salarial e decadência social.O que eu ganhei do PT no Poder foi muita corrupção, muita contradição, muita mentira.
Eu quero o antigo PT de volta. Para isso vou colaborar para mandá-lo de volta para a oposição, seja quem for o adversário. Eu ajudei a dar maioria para o PT fazer reformas constitucionais e o PT se transformou numa continuidade do PSDB. Saudades de Leonel Brizola, esse sim, um homem de esquerda e de palavra. O PT traiu.É hoje a cara de figuras menores , como Vaccareza, Marco Maia, Chinaglia e outros ratões burgueses de São Paulo.Com essa gente não tem acordo, são stalinistas que só querem o melhor para seus bolsos e a enxurrada de processos falam por si só.Arrotam de esquerda mas se seduzem por uma página amarela da Veja. COVARDES!!!!!!

Responder

    FrancoAtirador

    16 de dezembro de 2012 às 11h29

    .
    .
    ESSE WALTER É FAKE!

    “vou colaborar para mandá-lo
    de volta para a oposição,
    seja quem for o adversário” (SIC)

    ELEITOR DA CHAPA AÉBRIO-HICK
    .
    .

    Walter

    16 de dezembro de 2012 às 11h56

    Antes de me chamar de fake, e certamente o Azenha deve ter o historico dos meus posts para saber que nao sou, me responde as perguntas:
    Cadê o imposto sobre grandes fortunas?Cadê o imposto sobre heranças? Cadê a reforma agrária? Cadê a defesa incondicional do servidor público? Cadê a regulamentação dos artigos da Comunicação Social da Constituição? Cadê a database dos servidores públicos federais? Cadê o fim dos milhares de DAS sem concurso? Cadê as reformas na educação de base?
    Nao basta ser Franco Atirador, amigo. Atire no alvo certo.Porque foi graças a votos de pessoas de boa fé que acreditavam no PT que o PT ganhou.Enquanto eram só os francos atiradores de estrelinha no peito ou cargo em sindicato , não ganhava nada.Sem mais polêmicas. Just my 2 cents.

    FrancoAtirador

    16 de dezembro de 2012 às 19h14

    .
    .
    BOM VOTO NO AÉCIO-HICK, Walter.
    .
    .

    Matheus

    17 de dezembro de 2012 às 16h46

    Um sujeitinho que usa o nome de “Franco Atirador” acusando os outros de “fake”, e acusando de “eleitor de Aécio” uma pessoa que claramente é eleitora do antigo PT e faz uma crítica ao atual neoPTcostalismo pela esquerda?

    A única promeça de campanha cumprida pelo Lula foram os compromissos com a expansão dos lucros financeiros expressa na “Carta aos Banqueiros”. Reforma agrária, educação, saúde, fim das privatizações, etc., nada disso foi cumprido nestes 10 anos de PT. E 10 anos não é pouco!

    Não torço pela vitória dos demotucanalhas, mas também não tenho entusiasmo pelo PT. Como uma multidão cada vez maior, eu vejo as eleições com crescente indiferença. Tem-se a impressão de que já está tudo decidido de antemão, e que os partidos são máquinas eleitorais cujos donos (clãs políticos e grandes empresas e bancos privados) competem entre si apenas para ficar com os benefícios advindos das trocas de favores, depois que o resultado eleitoral definir qual é o poder de negociação de cada um nos legislativos e executivos.

    Uma frente de esquerda radical (Psol, PCB, PSTU) poderia ser uma alternativa? Não sei. Mesmo que superem as brigas sectárias, me parece que no atual sistema político, temos uma plutocracia mascarada de democracia, razão pela qual até mesmo partidos com o discurso alinhado aos interesses populares tem pouca voz, sem contar que há muitos oportunistas.

Ana Cruzzeli

16 de dezembro de 2012 às 07h20

Eu acho esse trabalho da PF muito estranho, a presidenta fez o correto. A investigação tem que correr.
Eu confesso que não saberia, se fosse presidente do PT, o que fazer nesse momento, afinal é uma questão judiciária no executivo federal.

No caso do julgamento no STF, a aglomeração na praça do Supremo em defesa dos petistas, temia-se atrapalhar mais do que ajudar. No primeiro momento eu estava dispostas a chamar alguns estudantes secundaristas ( tenho acesso a ubes/Samambaia/DF) para o evento, depois eu fiquei pensando: Se eles forem condenados em resposta a aglomeração não nos perdoaremos.
Agora a situação é diferente. O julgamento foi uma atentado e cabe sim enfrentamento, mas ainda tem que se saber pisar nesse terreno. Hoje os olhares estão no congresso ali se travará a primeira de uma série de batalhas que estão por vir.
– Primeira a politica
– Segundo a juridica/imprensa que devem ser feitas nas faculdades de direito pelo Brasil afora. A Constituição foi violada, cabe aos violadores pagar por esse crime. As faculdades de comunicação social pelo país precisam também pressionar. Cada cidadão que tem o poder de argumentação não pode ficar parado.

ATRÁS DA CARAVANA DO LULA, SÓ NÃO VAI QUEM JÁ MORREU.
( A tucanada tá morta só esqueceu de deitar na Br 3 ou melhor na Br 13)

Essa será a oportunidade de passar a imprensa e o judiciário a limpo. E Lula como um bom passista é só no sapatinho. Se tem alguém que pode fazer isso é ele. Lula sabe pisar nos traidores da patria amada e idolatrada sem atentado aos direitos humanos, afinal ele é da PAZ.

Ainda há…

BRAVA GENTE BRASILEIRA EM SOLO PÁTRIO.

Quem não gostar do samba do Lula ou é ruim da cabeça ou doente do pé. Já estou treinando alguns passinhos para não passar vergonha.

Responder

Pedro Cruz

16 de dezembro de 2012 às 07h06

Pesquisa Data Falha de hoje (16/12). Se as eleições fossem hoje LULA ou DILMA ganharia no PRIMEIRO TURNO. Para a tristeza da Grande Imprensa e deste blog. O grande psol, não aparece, não representa nem uma porcentagenzinha da sociedade, para a sociedade brasileira não existe. Só existe para dar um votozinho para a direita no Senado ou na Câmara.

Responder

Thomas Nok

15 de dezembro de 2012 às 23h46

“Pai dos pobres”…
Como dinheiro que ele roubou dos aposentados é fácil. E a sucessora ainda rouba. Disse que não quer o fim do Fator Previdenciário e neste ano deu aumento menor que a inflação a quem ganha mais de um mínimo.
Mas eu tenho duas perguntas a fazer para o Lula e gostaria que este blogueiro, como defensor dele, fizesse:
Primeiro quero esclarecer que o desprezo que sinto por Lula, Dilma, Marco Maia, e o PT de um modo geral, é o mesmo que sinto por FHC.
Gostaria de saber se o blogueiro já leu os livros HISTÓRIAS SOBRE CORRUPÇÃO E GANÂNCIA (o qual não se acha mais nos sites das livrarias), do CORAJOSO Jornalista Wilson J. Gasino ?
E o livro Privataria Tucana que tanto a imprensa anti-PIG recomenda ?
O primeiro é uma descrição completa de como o Banestado foi arruinado pela gangue do ex-governador que o venDEU ao Itaú, conforme investigações feitas pela PF, MP e outros órgãos e que geraram a CPI do Banestado.
No total, considerando-se todas as falcatruas paralelas, foram desviados 19 BILHÕES.
O governo da época emprestou do governo Federal 5,6 bilhões para “sanear’ o Banestado e o venDEU para o Itaú por 1,568 bilhões. Prejuízo para o povo do Paraná de 4 bilhões e caquerada…
Este empréstimo gerou uma prestação mensal de 52 milhões, corrigidas, que será paga até 2029. Isto foi mais ou menos em 1998.
Com esta prestação, daria para construir umas 4 mil casas populares e uns 5 hospitais, conforme custos da época.
Já o livro Provataria Tucana muitos conhecem…
Fiz esta descrição porque em ambos os casos o ‘santo e puro’ Lula é citado.
Veja bem, os dois jornalistas não têm nenhuma opção política e não torcem como torcedor de time.
Wilson Gasino mostra que a CPI estava investigando a lavagem de dinheiro (contas CC5) nos EUA com o delegado Castilho e o perito Renato Barbosa, ambos da PF.
Segundo o autor (com base em docs da CPI) os dois trabalharam com afinco e foram fundamentais para desvendar a lavagem de dinheiro – houve coperação internacional com quebra de sigilos das contas nos EUA.
Escrevo extamente como está escrito no livro: Como “prêmio”, o governo federal, já na gestão do Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, cortou as diárias dos dois em Nova Iorque, retirando-os das investigações e colocou-os na geladeira.
No outro caso, o autor do livro Privataria Tucana, deu uma entrevista quando veio lançar seu livro em Curitiba, em que conta da guerra interna do PT por cargos antes mesmo da Dilma ganhar as eleições.
Mas o mais grave é quando ele fala que a CPI do Banestado (a mesma que o Gasino escreveu o livro) só foi parada após chegar perto de PETISTAS, quando então foi feito um acordão.
Vejam a entrevista no link abaixo
http://www.gazetadopovo.com.br/vidapublica/conteudo.phtml?id=1214839

PRIVATIZAÇÕES DE FHC
“A sociedade quer a abertura desta CPI”
Amaury Ribeiro Jr., jornalista.

Então a pergunta ao Lula:
Por que a CPI do Banestado, que teve como relator o deputado José Mentor, petista, foi abortada por estes dois atos governistas ?
A CPI do Banestado é a mais importante CPI já feita nesta País. Nela aparecem vários políticos de vários partidos.
Foram 19 BILHÕES, muito mais que mensalão, pasta rosa, Rose ou corrupção da Copa 2014.
Fui petista. Fui enganado por estes como fui por Lerner, Cássio, FHC e outros.
Por que o PT acabou com a CPI do Banestado ?
Aconselho a quem quiser saber o que foi este roubo, que envie cartas ou ligue à Feller Editoração e peça o livro. Ele é demais. E assim vocês conhecerão o grande esquema montado por políticos, principalmente Lerner, para destruir um banco e endividar um povo.
(41) 9914-1848 ou http://www.fellereditora.com.br.
Estes dados são de 2006, quando o livro foi lançado.
Mas não sei não, acho que os corruptos citados no livro (com base no relatório das investigações da CPI) compraram todas as publicações e edições.
Vale a pena. Você verá que não vale a pena acreditar em políticos quer se fazem passar por honestos ou que não sabem de nada.
Se o Lula me esclarecer os casos levantados por Amaury Ribeiro JR e por Wilson J Gasino, eu volto a acreditar nele.
Caso contrário, ele e o M Valério são iguais, mentirosos.

Responder

Pedro Cruz

15 de dezembro de 2012 às 22h39

Calma pessoal. Tudo tem a sua hora. Agora é hora de investir em infra estrutura, manter a economia legal, enfrentar o capital financeiro especulador, enfrentar as concessionárias de energia elétrica, diminuir o custo Brasil, dar um arranque no setor industrial, continuar sangrando a oposição e conquistar uma GRANDE VITÓRIA EM 2014. A HORA DA GRANDE IMPRENSA CHEGARÁ. Por enquanto, demos corda.

Responder

Pedro Cruz

15 de dezembro de 2012 às 22h29

Pt, partido de quase 30% dos brasileiros, governa o Brasil desde 2003, mudou o país, enfrenta o capital financeiro especulador como nunca se fez, juros mais baixos da História do país, enfrenta as concessionárias de energia elétrica como nunca, programas sociais e bancos públicos estimulando a economia, investe em infra estrutura com nunca, governo popular com mais de 70% de aprovação, deixa a grande imprensa falando sózinha, isolando cada vez mais a oposição, se preparando para mais uma vez derrotar a grande imprensa e a oposição em 2014, Lula e Dilma os maiores lideres mundiais, As menores taxas de desemprego da História, o partido mais votado em 2012. Este partido teme algum inimigo??? O PT tem prioridades diferentes que as tuas, pode??? Voces estão de brincadeiras. Gostaria de saber quem ganha com os ataques que este blog faz ao PT???

Responder

emerson57

15 de dezembro de 2012 às 21h48

o pt é o povo, não os seus representantes.
quando o petista ou outro progressista se elege ele vira “gente bem”.
arruma logo um dinheiro, compra um carrão importado, põe as crianças na melhor escola, e a sua mulher passa a desfilar com a bolsa que está na moda.
e as gravatas? nem me fale das gravatas!
do povo que o elegeu ele quer é distância.
em sã consciência alguém acha que eles vão por em risco tudo isso?
o que eles mais querem é aparecer no jornal nacional e nas páginas amarelas da revistinha.

Responder

Paulo Cesar G. da Silva

15 de dezembro de 2012 às 21h44

Infelizmente a maioria são da mesma laia. Conheço muitas mulheres que dizem que o problema do Brasil é falta de homem, com H.
Lula mesmo com 65 milhões de votos sentou e rebolou.
Chega!

Responder

Abelardo

15 de dezembro de 2012 às 21h36

Azenha, o PT parece que vive sob o domínio do medo. É como se estivesse sendo chantageado por uma mídia inescrupulosa, sobre algo muito vergonhoso e, talvez, muito tenebroso que tenha feito. Quando digo que suponho ser por uma mídia inescrupulosa, a origem dessa imaginária chantagem é porque, além de ser inescrupulosa, é ela a que mais bate no PT, é ela a que mais ultrapassa seus limites para tentar o enfraquecer o governo do PT perante a opinião pública e é ela quem continua, incansavelmente, perseguindo o PT, dia a dia, sem lhe dar um minuto de folga, mesmo que tenha que atropelar os princípios éticos, morais e profissionais, aos quais são submetidos para poderem usufruir das concessões públicas que lhes foram concedidas. Ela parece ter algo forte contra o PT, mas não forte o suficiente para derrubá-lo do poder. Por sua vez, o PT parece ter alguma coisa contra algum(s) protegido(s) dessa Elite despudorada, porém com poder de fogo insuficiente para bloquear os constantes bombardeios dos inimigos. É, também, de se supor que ela faça isso, ou para agradar a Elite despudorada e/ou, talvez, o faça para obedecer às ordens que a Elite inescrupulosa lhe determinou. Não deve ser difícil de comprovar que uma não pode viver sem a outra. Afinal, para que uma mídia despudorada se mantenha tão protegida e atuante por tanto tempo, mesmo após de deixar vários rastros, nas muitas “reporcagens” que vem fazendo desde a posse do Presidente Luis Inácio Lula da Silva, é preciso que tenha a cobertura dessa Elite despudorada que, possivelmente, tem braços fortes e decisivos em setores chaves nos três poderes. É como um jogo infantil, mas com vítimas reais. Quem chegar primeiro ao objetivo ganha o jogo.Enquanto isso não acontece, só o PT vai apanhando.

Responder

Gerson Carneiro

15 de dezembro de 2012 às 21h15

E Lula disse: “Faça-se a Luz”.

E Dilma disse: “Reduza-se a conta”.

E FHC disse: “Assim não pode. Assim não dá”.

PT(13, v13)

Responder

Go Oliveria

15 de dezembro de 2012 às 21h05

E o relator do PT na CPI do Cachoeira?

Amarelou, sujou a cueca e tirou os nomes de Policarpo e Quetais!

Eles querem entrar no céu como mártires, não como representantes de um povo ficando cansado.

Afinal estes políticos são seres humanos que ainda ficam indignados ou são APENAS UNS PRATOS DE PAPA?

Responder

Gerson Carneiro

15 de dezembro de 2012 às 20h50

LULA nosso que estais na terra.

… não nos deixeis cair em MENSALÃO, mas livrai-nos do PSDB.

Amém.

Responder

Gerson Carneiro

15 de dezembro de 2012 às 20h34

Lula fez a Dilma, e viu que era bom. Então fez Haddad, e no sétimo mandato descansou. PT(13;v13).

Responder

    Ana Cruzzeli

    16 de dezembro de 2012 às 06h51

    Lula diz: Senhor fazei de mim instrumento de vossa PAZ
    FHC diz: Senhor Mercado fazei de mim instrumento de vossas pás

    luiz pinheiro

    16 de dezembro de 2012 às 22h12

    Tô para ver o Lula descansar. Ele tem um projeto claro para o Brasil e vai lutar por ele enquanto puder. Em 2014, vai fazer campanha para Dilma e tem grandeza suficiente, apesar de ex-presidente, para disputar o governo paulista e enfim libertar São Paulo da ditadura tucana, abrindo caminho para consolidar de vez o projeto político petista, que é derrotar o subdesenvolvimento e a miséria em todo o país.

Miranda

15 de dezembro de 2012 às 17h53

“Contudo, por mais que ataquem o PT e destruam seletivamente suas lideranças, os opositores não conseguem retomar o governo. ”
Gostei do artigo, mas esse trecho acima e o paragrafo que o segue transborda um otimismo injustificável. A direita ganha espaço sim, e as opiniões emitidas pela imprensa corporativa, não se pode dizer que são inócuas, pois ampliam seu eco nos varios segmentos sociais. Por outro lado, o PT e os governos Lula e Dilma perderam e perdem espaços nos movimentos sociais, não dão a devida atenção ao movimento indigena e aos ambientalistas. Votei no Lula e na Dilma, mas creio que é importante não tratarem com descaso setores que sempre participaram de uma frente progressista em seu apoio.

Responder

jõao

15 de dezembro de 2012 às 17h42

Caso Escola Base: Globo terá de pagar R$ 1,35 mi

A Rede Globo foi condenada a pagar R$ 1,35 milhão para reparar os danos morais sofridos pelos donos e pelo motorista da Escola Base de São Paulo. Icushiro Shimada, Maria Aparecida Shimada e Maurício Monteiro de Alvarenga devem receber, cada um, o equivalente a 1,5 mil salários mínimos (R$ 450 mil).

A assessoria de imprensa da Globo afirmou que a emissora “está recorrendo e que não divulga a informação por questão de estratégia jurídica”
.
Os jornais O Estado de S. Paulo, Folha de S. Paulo e a revista IstoÉ também já foram condenados. Em todos os casos já julgados, ainda não houve decisões do Superior Tribunal de Justiça.Segundo o site Espaço Vital, a decisão contra a Globo foi tomada por unanimidade na manhã de quarta-feira pela 7ª Câmara de Direito Privado do TJ-SP. O TJ entendeu que a atuação da imprensa deve se pautar pelo cuidado na divulgação ou veiculação de fatos ofensivos à dignidade e aos direitos de cidadania.

Em março de 1994, a imprensa publicou reportagens sobre seis pessoas que estariam envolvidas no abuso sexual de crianças, alunas da Escola Base, localizada no Bairro da Aclimação, em São Paulo. Jornais, revistas, emissoras de rádio e de tevê basearam-se em “ouvir dizer” sem investigar o caso . Quando foi descoberto, a escola já havia sido depredada, os donos estavam falidos e eram ameaçados de morte em telefonemas anônimos.

Responder

Pedro

15 de dezembro de 2012 às 14h00

Não concordo com essa de se apresentar de peito aberto numa briga que está sendo preparada exatamente para que o PT, o Lula, a Dilma lutem no terreno inimigo. Toda vez que falaram mal do Lula, e é quase sempre, sua popularidade aumentou. O mesmo está acontecendo com a Dilma. Não deduzo, apressadamente, que a causa do aumento da popularidade do PT decorra das denúncias lacerdistas contra o Lula, o Dirceu, o Genoino e tantos outros. Mas…dá o que pensar.

Responder

    José Ricardo Romero

    15 de dezembro de 2012 às 14h45

    O problema, Pedro, é que agora não se trata mais de ganhar eleições. A oposição não ganha nunca, são uns fracassados e o povo não gosta de fracassados. O problema é o golpe que a mídia velha e o judiciário preparam: a mídia cria denúncias, esquentam a matéria, a PGR denuncía e o judiciário condena. Tudo orquestrado e “dentro da lei”. Aí o PT, a Dilma e o Lula não vão poder se candidatar por causa da lei da ficha limpa.

    J Souza

    15 de dezembro de 2012 às 23h46

    Exatamente!
    Espero que os “vencedores de eleições” se atentem para as tentativas de golpes jurídicos…

J.Carlos

15 de dezembro de 2012 às 11h51

Concordo. A passividade dos dirigentes e portadores de mandatos populares petistas, ou mesmo da base governamental, chama mais a atenção do que qualquer outra notícia do mundo político.
Se teem tanto medo da velha mídia crucificá-los e impedir o financiamento e a renovação de seus mandatos, porque não teem medo da revolta de seus eleitores que, esses sim, podem inviabilizar suas reeleições de tanta indignação com suas passividades diante do massacre de petistas pelo PiG?

Responder

RicardãoCarioca

15 de dezembro de 2012 às 11h47

Cópia do processo “Lista de Furnas”:
http://anexo.novojornal.com/91428_2.pdf

Jô Gurgel está sentado no processo “Lista de Furnas” há mais de 6 meses:
http://www.novojornal.com/politica/noticia/dr-gurgel-que-vergonha-voce-sabe-que-a-lista-de-furnas-e-autentica-13-12-2012.html

Joaquim Barbosa já pode avocar processo da “Lista de Furnas”:
http://www.novojornal.com/politica/noticia/joaquim-barbosa-ja-pode-avocar-processo-da-lista-de-furnas-06-11-2012.html

Responder

De Paula

15 de dezembro de 2012 às 10h49

Povo oprimido não é povo deprimido; fosse assim, Irene não pensaria duas vezes: Batia no peito e mergulharia nas trevas. Companheiros lamuriantes, pensem nisso: Lamúria só leva à segunda divisão.

Responder

Messias Franca de Macedo

15 de dezembro de 2012 às 10h41

[O GOLPISMO NÃO SOSSEGA, APOSTANDO TODAS AS FICHAS(!) NAS ÚLTIMAS CONSEQUÊNCIAS!… OU, ‘CADÊ’ AS CONVENÇÕES DAS GUERRAS [SUJAS E INESCRUPULOSAS!] DO [DEMotucano] *ALOYSIO NUNES FERREIRA?!…

########################################

(I) ZÉ DE ABREU APONTA TRAMA PARA VALÉRIO FALAR
Acordo de R$ 17 milhões teria convencido o empresário a envolver o ex-presidente Lula no ‘mensalão’, de acordo com o ator; dinheiro teria sido reunido por grupo de empresários, políticos, além de Roberto Civita, dono da Veja; condição era que declarações saíssem primeiro na revista semanal, que em setembro deu capa com Marcos Valério; procurada, editora Abril não se pronunciou.
(…)
(II) VEJA PEDE ABERTURA DE AÇÃO CRIMINAL CONTRA LULA

Reportagem deste fim de semana repercute depoimento prestado pelo empresário Marcos Valério em setembro, que foi divulgado pelo Estadão, sem trazer fatos novos; na Carta ao Leitor, a revista afirma que “não adianta dizer que tudo é mentira” e sugere que a quebra do sigilo bancário de Freud Godoy comprovaria a procedência das denúncias.
(…)

MARCOS VALÉRIO FEZ ATAQUE SOB MEDIDA PARA CAIR NO STF

Sem mais nem menos, Marcos Valério resolveu acusar também o senador Humberto Costa, na mesma audiência em que incriminou Lula. O motivo: permitir a abertura de inquérito no Supremo Tribunal Federal e não em primeira instância, pois Costa goza do foro privilegiado, ao contrário de Lula.
(…)

FONTE: http://www.brasil247.com/

#####################################

… *Aloysio Nunes Ferreira Filho – assumiu na clandestinidade o pseudônimo Mateus. Durante muito tempo foi motorista e guarda-costas de Marighella…
Em agosto de1968, Aloysio Nunes participou do assalto ao trem pagador da antiga Estrada de Ferro Santos-Jundiaí. Segundo relatos da imprensa da época, a ação ocorreu sem que houvesse o disparo de qualquer tiro. Aloysio Nunes foi o motorista do carro no qual os assaltantes fugiram do local com os malotes que continham NCr$ 108 milhões(US$ 21.600), dinheiro suficiente para o pagamento de todos os funcionários da Companhia Paulista de Estradas de Ferro. Em outubro do mesmo ano, participou do assalto ao carro-pagador da Massey-Ferguson interceptando o veículo na praça Benedito Calixto, no bairro paulistano de Pinheiros.
Sofrendo um processo penal em que já havia um pedido de prisão preventiva e com a possibilidade de que descobrissem algo sobre suas ações armadas, foi enviado a Paris por Marighella utilizando um passaporte falso…
(…)
FONTE: http://pt.wikipedia.org/wiki/Aloysio_Nunes

RESCALDO: o José (S)erra deverá sair em defesa do amigo, e afirmar, peremptoriamente: “Esta fonte [a wikipedia] é um lixo! E eu não comento sobre lixo! Sou leitor [e colaborador (sic)] da ‘veja’!… Você é de onde?!…”]

NOTA ACAUTELATÓRIA: estamos (quase-)perdidos: portanto, somente no resta a vigília cívica e legítima da resistência!…

AINDA HÁ TEMPO?! AS RUAS, BECOS, AVENIDAS, GUETOS… JÁ ESTÃO CANSADOS DE ESPERAR – E CLAMAR -, ANSIOSOS E TEMERÁRIOS, POR VOZES! OU NÃO?!…

Que país é este, sô?! … República da [eterna] OPOSIÇÃO AO BRASIL, fascista, aloprada, alienada, histriônica, impunemente terrorista, MENTEcapta, néscia, golpista de meia-tigela, antinacionalista, corrupta… ‘O cheiro dos cavalos ao do povo!’ (“elite estúpida que despreza as próprias ignorâncias”, lembrando o enunciado lapidar do eminente escritor uruguaio Eduardo Galeano)

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

    edson

    16 de dezembro de 2012 às 19h48

    Acho q essa crise de identidade tem outra raiz. Mas acho q em pouco tempo será superada. Chamo isso de “mudar o jogo, jogando”.
    Não sou petista, não conheço a realidade da militância, nem os meandros das decisões dos Partidos Políticos. Enfim, dentro do meu achismo vejo o seguinte:
    Para poder chegar ao poder foi necessário ao PT se render à duas realidades, a do Marketing e a das Coligações.
    A do MKT se referia à impossibilidade de alcançar o Executivo sem que uma campanha de produto fosse elaborada. Isso colocou o PT dentro das cifras milionárias investidas nas campanhas eleitorais, e possibilitou que a comunicação mudasse de um viés mais ideológico para um viés mais publicitário. Funcionou, e hoje vemos que a imagem construída pelo PT está muito sólida. Claro que o fianciamento das campanhas se tornou um problema.

    A realidade das Coligações, acredito eu, tenha gerado muita polêmica dentro do PT. Mas ao meu ver não fosse esta abertura do PT, o primeiro governo Lula seria, no máximo, o q foi o governo da Erundina em sp. Mas coligações também precisam de caixa. Cargos, despesas de campanha, concessões de TV e rádio, enfim, são várias as moedas de troca q poderiam entrar nessa conta.

    Com a sucessão dos governos petistas vemos q o jogo está mudando. As regras ainda são as mesmas. Acho q a estratégia de entrar no jogo do adversário (coligar com a direita e caixa dois para financiar campanhas e conexos) foi acertada. Tanto é q o custo político de assumir um caixa dois poderia muito bem ser revertido para a discussão do financiamento público, por isso os adversários saíram das regras, pois dentro das “regras” o mensalão não colaria (uma vergonha o papel do STF, mas mostra como muita coisa ainda tem que mudar).

    Mas alguém acredita q sem as campanhas milionárias o Lula teria sido eleito? E alguém acredita q sem as coligações fisiológicas o Lula teria permanecido no cargo até o final do mandato?

    Acho uma pena perceber um certo distanciamento entre governo e movimentos sociais e ainda assim, estou muito satisfeito com o trabalho do PT.
    Mas o mais urgente é cobrar o respeito à constituição. Isso é o mais grave. Alguns falam em sair às ruas em defesa de Dirceu, Genuino e Lula, acho isso um erro de comunicação. Precisamos apenas sair em defesa da constituição.

gabriel chaleira

15 de dezembro de 2012 às 10h11

O PT vive uma crise de identidade. Lembremos que nos primórdios do governo Lula o partido teve rachas que resultou na saida de valorosos membros do governo e quadros do partido por conta do redirecionamento ideológico adotado por Lula. Se foi certa ou errada esta postura só o tempo dirá, mas o partido ficou fragmentado de lá para cá. Hoje não existe mais coesão doutrinária no partido, que conta com filiados vindos de toda seara politica em busca de cargos no governo. Os velhos militantes petistas já não querem mais dar a cara pra bater em defesa dos caciques do partido que, segundo eles, trairam a causa.

Responder

    CarmenLya

    15 de dezembro de 2012 às 22h21

    Falou e disse!!!!!!! nunca vou esquecer o porre de felicidade na eleição de Olivio Dutra em Porto Alegre, em 1988…valeu a pena participar da campanha do Lulalá, enrolados na bandeira vermelha e acreditando que uma nova era surgiria para a juventude brasileira. Hoje, meu amigo, me deixem fora dessa!!!!!!!! A presidenta afastou todos os movimentos sociais, bancários, funcionários públicos e está brigando bravamente para acabar com a era Vargas e as conquistas dos trabalhadores. Procure agora seus novos amigos, com quem convive tão “republicanamente”. Quanto ao Lula…quem dorme com porcos, acorda…???????

    vinícius

    15 de dezembro de 2012 às 23h53

    Carmem Lya e Lincon, penso que é muito difícil para qq governante enfrentar a grande imprensa. O mesmo ocorre com um partido político como o PT.
    Sinceramente, sei que há problemas relacionado a ética, discurso, asoportunist que pegam carona no partido etc e tal.

    Mas, sejamos franco, a realidade muda! Não somos os mesmos!!

    Não penso que falte coragem, ética ou o que for ao partido.
    Mas o fato é que o PT mudou com o tempo.

    Para melhor? Para pior?

    A resposta está na forma como interpretamos informação que chegam até nós.
    A resposta está na forma como enxergamos a realidade que vivemos.

Messias Franca de Macedo

15 de dezembro de 2012 às 09h56

AINDA SOBRE A PASSIVIDADE BOVINA DO PT! POR QUE O PT NÃO DENUNCIA À SOCIEDADE O CARÁTER DO STF?!… NO MÍNIMO, O TAL PROPALADO ‘NOTÓRIO SABER JURÍDICO’ NÃO PASSA DE UMA ‘QUIMERA!… ENTENDA

Toda esculhambação tem limite! Concorda?!… Pois muito bem: além de pretender rasgar a Constituição ‘à luz do dia dos nossos olhos e cérebros’, alguns “supremos do supremoTF” – que acreditam ser mais supremos do que a supremacia lhes conferiu (sic) – propugnam, açodada e ILEGALMENTE, pasme, que os parlamentares condenados na Ação Penal 470 [ Ação Penal do PT, revisor!] percam, de chofre, os seus mandatos, “mandando o crivo da Câmara dos Deputados para o limbo da virtualidade e da insignificância”! A agravante é a de que os parlamentares são escolhidos pelo voto popular, enquanto a nomeação dos juízes do STF é submetida, prevalentemente, às manobras do tipo “mato no peito” do réu confesso Luiz Fux, para o qual “a verdade é uma quimera!”… E mais, os açodados do “supremoTF” “querem porque querem se achar os representantes de todas as divindades celestiais nas plagas do Brasil” de modo que, segundo “os tais supremos”, a perda dos mandatos deve acontecer antes mesmo do período dos embargos declaratórios e de infringência e outros recursos, inclusive perante ao próprio STF e, sendo necessário, a uma Corte Internacional!…

DAS DUAS, UMA! Ou esta parte do “supremoTF” está ensandecida por cumprir a pauta e o ‘script’ golpista ou não tem nada de suprema… Ínfima, quiça!…

… E, aí, como se fosse uma lembrança indesejada de uma cena de um filme de horror, vem à mente *”os lábios autoassoprados pelo ‘ilibado’ Gilmar Mendes, adornando-lhe a ‘facies’ da mais suprema (sic) e vestal (idem sic) indignação”, abre aspas: **”É impensável… [pausa para enfatizar a perplexidade ao público!]… É impensável que parlamentares condenados por esta Corte continuem a exercer os respectivos mandatos! Isto é algo inaceitável!…”
*o que é (a)quilo televisionado, sô?!…
**ultimamente, por aquelas “pautas desinteressadas” da ‘grobonews’, esta “peça grotesca” vem sendo apresentada nas inserções comerciais(!) do julgamento do mensalão!… [“o mensalão do PT, revisor! “O mensalão nascedouro do ‘Valerioduto’ – o mensalão tucanoDEMoníaco mineiro – ‘nem as paredes dos estúdios confessam!’…” [HAJA SORRISOS!] Ô! Fazer o quê?!…

[INACEITÁVEL é uma corte suprema literalmente DESM:-)RALIZADA!…

… O que não deixa de ser um risco à nossa subdemocracia de bananas, inclusive togadas com dinheiro público!…]

NOTA FÚNEBRE!: este infame golpe televisonado, tendo como protagonista o [nefasto, imoral e famigerado] consórcio PIG/STF, não passa de uma tragicomédia que envergonha as ***chanchadas de ****antanho…

***Chanchada, em arte, é o espetáculo ou filme em que predomina um humor ingênuo, burlesco, de caráter popular. As chanchadas foram comuns no Brasil entre as décadas de 1930 e 1960.
(…)
FONTE: http://pt.wikipedia.org/wiki/Chanchada

****antanho: adv (cast antaño) 1 No ano passado. 2 Nos tempos passados, outrora. sm Tempos antigos.
FONTE: http://michaelis.uol.com.br/moderno/portugues/index.php?lingua=portugues-portugues&palavra=antanho

Que país é este, sô?!… O golpismo pretende torná-lo uma ‘Brazinduras’ e/ou um ‘Brazilguai’!…

NOTA ACAUTELATÓRIA: estamos (quase-)perdidos: portanto, somente no resta a vigília cívica e legítima da resistência!…

AINDA HÁ TEMPO?! AS RUAS, BECOS, AVENIDAS, GUETOS… JÁ ESTÃO CANSADOS DE ESPERAR – E CLAMAR -, ANSIOSOS E TEMERÁRIOS, POR VOZES! OU NÃO?!…

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Paulo Ribeiro

15 de dezembro de 2012 às 09h43

O PT precisa aproveitar a popularidade da presidenta Dilma e do presidente Lula para conclamar a população a sair às ruas e baixar o sarrafo nesta oposição safada e nesta mídia golpista. O momento é agora. Se deixarmos esta oportunidade para trás, talvez não tenhamos nova chance.

Responder

José Ricardo Romero

15 de dezembro de 2012 às 09h05

Aos rastejantes Vacarezzas e Sandros (aí em cima): vocês não têm o direito de desqualificar os petistas e outros esquerdistas chamando-os de “travestidos de conselheiros indignados”. As nossas críticas procedem e este artigo está coberto de razão. Saibam que o governo não precisa pedir licença para governar. Se o faz, com o parabéns a você para a FSP e o omelete na Globo, bem como as sugestões de mudar de canal, é porque não tem o poder, deixam que ele governe conforme dá. Estejam certo: votos não confere poder. O que confere poder são músculos: determinação, vergonha na cara, personalidade, coisas que o PT não tem mais.

Responder

Roberto Locatelli

15 de dezembro de 2012 às 06h16

Concordo com várias colocações do autor. Só que, neste momento, nossa luta será para defender o PT e o Governo contra os ataques da direita.

Há um golpe de estado sendo preparado pelo PIG (Partido da Imprensa Golpista) juntamente com o circo midiático do Joaquim Batman, somando-se com Gurgel e, de menos importância, os partidos de oposição (PSDB, Dem e PSOL, basicamente).

Se é verdade que o PT é tímido nas ações em sua própria defesa, então, que o movimento social se posicione à frente em defesa da democracia ameaçada.

Responder

    Mário SF Alves

    15 de dezembro de 2012 às 17h40

    E esse o passo que falta e é essa a estratégia de defesa da quase-democracia que temos. Constituição neles! Cidadania neles!

    Mário SF Alves

    15 de dezembro de 2012 às 18h00

    Essa tática de desmoralizar o PT já está indo longe demais. O capitalismo subdesenvolvimentista brasileiro sabe que o PT é o único partido suficientemente forte e organizado o bastante para romper com o injusto e humilhante atraso socio-econômico que há séculos impõem neste imoralmente rico País. É essa a razão de tanto ódio, tanta calúnia e tanta difamação.

    ________________________________________________

    Revista (in)Veja: se te oferecem agradeça, mas não aceite; se aceitar,não leia; se ler, pelo amordedeus não acredite; se acreditar, aí, não tem jeito, relinche.

Lincoln Secco: “Por que alguém que recebe o poder das mãos do povo pede licença para exercê-lo?” | Maria Frô

15 de dezembro de 2012 às 02h26

[…] Por Lincoln Secco, especial para o Viomundo […]

Responder

Messias Franca de Macedo

15 de dezembro de 2012 às 01h27

AINDA SOBRE A PASSIVIDADE BOVINA DO PT

… Era uma vez, ‘o PT da governança’ dormia embalado pelo sonho do fisiologismo e do pragmatismo, picado por uma ‘mosca azul’, a mesma ‘mosca azul’ há muito denunciada pelo eminente Frei Betto!… Durante o sono majestoso, ‘moscas azuis’, ‘traças’, ‘baratas alienígenas – e nativas'(!), ‘reles ratos reles beligerantes’, ‘ave bicuda que não voa’ e outros insetos perniciosos infestavam este e outros sonhos – e as estruturas palacianas…
(…)
Nos estertores da tal história, eis que o moribundo recobrou o gosto pela *leitura!…
*Líder do PT agora defende a CPI da Privataria Tucana. [Amaury Ribeiro Junior! Agora! (A)de(n)do sujo do matuto ‘bananiense’ – e contador de histórias!…]

EM TEMPO, AINDA!: Líder do PT agora defende a CPI da Privataria Tucana!
A [eterna] DIREITONA OPOSIÇÃO AO BRASIL ‘se fuxeu’!… [RISOS DO MATUTO!]

Por que não ‘vazas’, DIREITONA?!… [HAJA SORRISOS!]

República de ‘Nois’ Bananas
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

sandro

15 de dezembro de 2012 às 01h02

É pT prá lá é PT prá cá, daqui 100 anos deve ser ainda a mesma coisa.
Não me importo tanto com isso, essa passividade tem dado certo, as vezes
se perdem algumas batalhas etc..mas o que doi mesmo é o fogo amigo
travestido de conselheiro indignado.

Responder

FrancoAtirador

15 de dezembro de 2012 às 00h45

.
.
Meus amigos e minhas amigas:

A vida da maioria das pessoas se resume a emprego, salário e consumo.
Sendo que o emprego é o meio de obter o salário para realizar o consumo.

Enquanto o governo, através de um gerenciamento razoável da economia,
oportunizar a essas pessoas a obtenção de um emprego que as proporcione
receber um salário suficiente para proverem-se de determinados bens
e, portanto, de alcançarem uma meta subjetiva de satisfação pessoal,
não haverá, da parte dessa maioria, a necessidade de mudança de status.

Por ora, do ponto de vista meramente eleitoral, a situação é confortável.

Estamos no estágio do ‘quanto mais tenho comprado, mais quero comprar’.

Entretanto, essa realização ocorre no ambiente particular e individual,
à revelia da atuação do Estado, onde orbita a esfera pública e coletiva.

E quando as partes isoladas, auto-alienadas, não respondem pelo todo,
há sérios riscos de desagregação social, de desassociação da sociedade.

O senso de coletividade, por conseguinte, é abandonado pelo indivíduo.

Obviamente que as aspirações individuais são legítimas e até necessárias,
mas não devem estar desacompanhadas dos sonhos coletivos de uma Nação.

E, infelizmente, é assim que se vislumbra o futuro, a partir do presente:

Primeiro o cidadão sonha com um prato de comida e consegue comprar comida,
enquanto a Rede Globo de Televisão repercute a Veja, a Folha e o Estadão;

Depois passa a sonhar com três refeições ao dia e consegue fazer as três,
enquanto a Rede Globo de Televisão repercute a Veja, a Folha e o Estadão;

Depois sonha em comprar um aparelho de TV e efetivamente obtém sucesso,
enquanto a Rede Globo de Televisão repercute a Veja, a Folha e o Estadão;

Depois realiza o sonho da casa própria, e o do carro e o do computador,
e a Rede Globo repercutindo as mentiras da Veja, da Folha e do Estadão;

Aí, o indivíduo começa a sonhar em comprar os produtos anunciados na TV,
e, enquanto a Globo repercute as mentiras da Veja, da Folha e do Estadão,
troca a poupança da Caixa por uma conta no Bradesco ou no Itaú-Unibanco,
adquire cartões de crédito e compra tudo o que vê na vitrine do shopping.

Então, como no êxtase de quem realiza o sonho de consumo mais desejável,
vai à banca e compra um exemplar da Veja e outros da Folha e do Estadão.

Assim, já não importa mais se o JN repercute a Veja, a Folha e o Estadão.

Nesse dia, talvez a situação eleitoral não esteja tão confortável assim.
.
.

Responder

    Caracol

    15 de dezembro de 2012 às 08h48

    É por aí mesmo, Franco Atirador. Vejo todos se preocupando com o resfriado, e enquanto isso, o câncer está devorando as entranhas.
    Esse câncer do neoliberalismo, representado pelo consumismo desenfreado e alucinado, essa perseguição pelas coisas das quais ninguém precisa para viver uma vida saudável com a família, com os amigos e os vizinhos, esse câncer já está no sangue da sociedade brasileira, e a vaca foi pro brejo.

    Já vai longe o tempo em que usávamos a expressão e o conceito de “espírito público”. Há quanto tempo você deixou de ouvir isso? A síndrome do big bosta, essa praga disseminada pela televisão… acabou com o que de melhor havia no brasileiro.

    Já não importa mais se é PT ou PSDB ou outra big bosta qualquer.
    De alguma forma vamos ter que começar tudo de novo.
    Bem… mãos à obra.

    De Paula

    16 de dezembro de 2012 às 20h32

    Penso que as coisas não se passam dessa forma tão linear descrita pelo Livre Atirador; fosse assim já teriamos entrado no estagio da sociedade perfeita da utopia. As pessoas divisam horizontes para si que não são necessariamente os mesmos de todos; muitas vezes completan-se mas muitas vezes tambem competem-se entre si e até mesmo se antagonizam. O importante é que lhes sejam abertos os caminhos para alcançá-los; as oportunidades em igualdade de condições. Este, me parece, foi o própósito do PT em seu projeto de poder e que vem sendo cumprido pelos seus dois últimos governos. É claro que as coisas não se fazem da noite para o dia, mas se olharmos para trás veremos que tivemos avanços substanciais nesse aspecto. De resto, essas preferencias e seus efeitos nas pessoas, é uma questão que vem lá de Adão e Eva e a maçã; uma questão de livre arbitrio, coisa que nem Deus conseguiu administar. Mas tranquilize-se, Livre Atirador; as pessoas que estão chegando lá tem um paladar menos rançoso que os atuais donos do pedaço.

Messias Franca de Macedo

15 de dezembro de 2012 às 00h44

[SEN-SA-CI:-)NAL! SENSACI:-)NAL!]

MÍSSEL DO STANLEY BURBURINHO – E DISPARADO TAMBÉM POR *MIGUEL DO ROSÁRIO!

Não foi só Celso. Fux, Marco e Gilmar também!
Por Stanley Burburinho, no Twitter Long
Além de Celso Mello em 95, em 2011, Fux, Marco Mello e Gilmar Mendes disseram: “STF não pode cassar mandato”
(…)

*em http://www.ocafezinho.com/2012/12/14/nao-foi-so-celso-fix-marco-e-gilmar-tambem/

LÁ VEM O MATUTO COM O TERMOMÊTRO E O ESTETOSCÓPIO NAS MÃOS!…

… A febre do decano Celso de Mello deve ser decorrência de um quadro sintomático(!) de ‘pipoquite aguda’! Ou seja, o decano está acometido de um pavor atroz!… “Vá lá”, “pavor supremo”! [RISOS DO MATUTO!]… “Se matar no peito” para o PIG, tomará gol contra dos juristas eminentes, coerentes, independentes e seguidores do que determina ‘o domínio do fato [factual!]’ (sic) da Constituição Federal! Por outro lado, “se matar no peito da Lei”, “tomará sucessivas ‘bicudas’ do mesmo PIG”;… E tome-lhe ‘caneladas’… “Do supremo que *‘mata no peito’”; “do **protagonista do [inédito e ‘não crível‘(!)] ‘grampo sem áudio’!”; ***“do supremo que acredita que ‘é impensável o não cumprimento de uma decisão do ‘supremoTF’”; e, principalmente, do atual ****presidente do “supremoTF”!…
*Luiz Fux, “supremo ‘réu confesso’”!
**Gilmar Mendes, autor dos dois [indecorosos] habeas corpus notívagos em favor do banqueiro bandido e condenado!
***Marco Aurélio Mello: “A ditadura militar no Brasil foi um mal necessário!”
****denunciado em um B.O. (Boletim de Ocorrência) registrado em uma delegacia polícia de um bairro qualquer! A queixa-crime foi prestada pela ex-esposa do “inclemente”, covardemente agredida fisicamente pelo mesmo!…
… Portanto, o quadro febril é perfeitamente ‘crível e plausível’!… E o internamento do Celso de Mello ratifica a tese do seguinte ‘domínio do fato’: o conluio PIG/ “supremoTF” ‘se fuxeu’!… Tragicomédia anunciada!…

EM TEMPO DE MAL SÚBITO! I: haja vista que “o sinal amarelou”(!), é hora de consultar “o ‘dotô’ enciclopédia” Merval da Globo!… Merval é aquele “imortal” ‘pós-douto em jornalismo Penal e Constitucional’. Para Merval, ‘também jornalista amigo dos patrões barões da grande ‘MÉRDIA’ nativa’, “tudo o que é simples e/ou complexo não passa de algo perfeitamente simples, indubitável…!” [DE NOVO, RISOS DO MATUTO ‘BANANIENSE’!]

EM TEMPO DE MAL SÚBITO! II: é deveras ‘plausível’ o não comparecimento do palestrante(!) Brindeiro Gurgel! O procurador irá – mais uma vez – prevaricar, agora alegando que comeu uma ‘buchada com pimenta malagueta’, resultando-lhe um quadro agudo de disenteria, o que provocou-lhe sucessivos (sic) ‘vazamentos’, digamos, fluidos, ‘tênues’, miasmáticos… ‘Cheirosos’, segundo a Eliane Cantanhêde!…

QUESTÃO DE ESCLARECIMENTO: “supremoTF”: aspas monstruosas e letras submicroscópicas! Corte literalmente DESMRALIZADA(!)… O que não deixa de ser um sério risco à nossa ‘tênue’ subdemocracia!…

… Quem (sobre)viver, verá!…

Lá isto é Corte Suprema?!…

Procuradoria e/ou ‘Prevaricadoria’ e/ou ‘Vazadoria’ [Seletiva!] Genérica – perdão, ato falho -, Geral da República de ‘Nois’ Bananas!…

… O fim do mundo é aqui!…

Bahia, Feira de Sanatana
Messias Franca de Macedo

Responder

Messias Franca de Macedo

14 de dezembro de 2012 às 23h23

Oposição pede cópia do depoimento de Valério à procuradoria

“Mensalão”
12.12.2012 14:19
em http://www.cartacapital.com.br/politica/oposicao-pede-copia-do-depoimento-de-valerio-a-procuradoria/#todos-comentarios

#####################

LÁ VEM O MATUTO CONSELHEIRO DE UMA FIGA!…

… O PT deve seguir o mesmo rito: de imediato – e sem pestanejar – solicitar cópia do depoimento de Marcos Valério à Procuradoria! Em polvorosa, o Marcos Valério aposta todas as fichas(!) na delação premiada! Portanto, “vai atirar no que viu e no que não viu!” Em seguida, a Polícia Federal deverá investigar o caso, separando o joio do trigo, *’o visto’ ‘e o não visto’, respectivamente!…
*É mais do que plausível (sic) que nestes – e em outros depoimentos – o Marcos Valério tenha, reiteradas vezes, ‘chamado o DEMotucano Eduardo AZARedo às falas!…
… E daí?! Bom, aí, nós veremos quem tem ‘a farinha da verdade no saco’!…
… Ou o PT, tripudiado, esperará que seja feita uma montagem na degravação do áudio do Valério?! Degravação executada sob a batuta do PIG e do misto de prevaricador e vazador-mor da nação!…

RESCALDO: com a palavra o PT da luta!… É hora de esquecer ‘a governança pela governança’ – e buscar (re)encontrar o caminho do encontro às bases confiáveis da sociedade brasileira, nacionalista…

BRASIL (QUASE-)NAÇÃO
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Luiz Fortaleza

14 de dezembro de 2012 às 23h16

Para mim tem gente no PT de rabo preso com a direita.

Responder

    LEANDRO

    15 de dezembro de 2012 às 08h22

    Meu Deus..como você chegou a essa conclusão?? Será verdade??

    Luiz Fortaleza

    15 de dezembro de 2012 às 14h18

    Claro que cheguei, ker saber p q? Ker q eu diga os malfeitos do irmão do José Genuíno aqui?

Messias Franca de Macedo

14 de dezembro de 2012 às 23h07

AINDA SOBRE A PASSIVIDADE BOVINA DO ‘PT [DA GOVERNANÇA]’!

Conferindo a lista *“falsa” [de Furnas!]! ENTENDA

EM NOME DA VERDADE:

Para um [oportunista e desprovido de qualquer pejo] assecla falastrão serviçal uma dose cavalar de verdades, documentais e factuais!…

http://caixadoistucanodefurnas.blogspot.com.br/

*segundo o [DEMo]tucano **Aloysio Nunes Ferreira, um dos protagonistas do ‘assalto ao trem pagador’!

**FONTE: http://pt.wikipedia.org/wiki/Aloysio_Nunes

RESCALDO: o José (S)erra deverá sair em defesa do amigo, e afirmar, peremptoriamente: “Esta fonte [a wikipedia] é um lixo! E eu não comento sobre lixo! Sou leitor [e colaborador (sic)] da ‘veja’!… E você é de onde?!…”

… Com a palavra a centenária Polícia Federal!…

República da DIREITONA OPOSIÇÃO AO BRASIL, fascista eterna, MENTEcapta, aloprada, alienada, histriônica, impunemente terrorista, antinacionalista, golpista de meia-tigela, corrupta… ‘O cheiro dos cavalos ao do povo’!… (“elite estúpida que despreza as próprias ignorâncias”, lembrando o enunciado lapidar do eminente escritor uruguaio Eduardo Galeano)

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

rudi

14 de dezembro de 2012 às 22h58

Me parece que o acesso amplo à internet é o melhor antídoto para o veneno do PIG. Já disseram que não é possível enganar todos o tempo todo. Pouco a pouco a midia de direita se desmoraliza.

Responder

Guilherme Souto

14 de dezembro de 2012 às 22h57

Engraçado falarem de passividade petista…

Pô, sacanagem!!! Todos?? sabemos que a janela de comunicação, e a consequente possibilidade de esclarecer as coisas, é a dita grande mídia, e ela está fechada com a oposição.

Ainda bem que estamos em tempos de blogs – sujos, o que dá um certo contrapeso.

Responder

Francisco

14 de dezembro de 2012 às 22h27

O problema é esse. O futuro do PT é problema do PT. O meu futuro é problema meu. O PT é uma ferramenta de que me utilizo para gerar o meu futuro. E vice-versa.

Acontece que o PT começa a ter comportamentos quanto a seu futuro que eu não tenho para com o meu e ai surge uma desintonia perigosa, para o futuro politico do PT e para o meu.

Há algum tempo que chamo a atenção para o papel da teologia da libertação na estrutura do pensamento petista. A direção petista tem uma postura de beata que adora carregar uma cruz, ser surrado e “ter certeza” de que a História (e o espirito santo) absolverá.

Eu não como nada disso.

O meu “mix” ideológico não é Marx e Jesus (nessa ordem?).
Meu mix é Marx, Maquiavel e Nietzsche.

Eu não faço questão de ir para o céu, faço questão de ir ao poder.

Responder

    Tito Bahiense

    14 de dezembro de 2012 às 23h01

    Francisco botou pra “F…” agora véi…esta caixa de pandora petista se não abrir por bem abrise-a por mal…fazer o quê? Meu PaTido é um coração ParTido e passividade demais é bandeira pura!

assalariado.

14 de dezembro de 2012 às 22h19

Final da semana passada estive na casa de um casal, companheiros de lutas. O assunto que entrou é justamente este que o Sr. Lincoln Secco aborda. Quando escreve: “…O PT forjou em sua história uma nova elite de sindicalistas, professores de ensino fundamental, líderes de movimentos sociais e pessoas de classe média que oportunamente aderiram ao partido. A ascensão social e política dessas pessoas não teve correspondência na ideologia, a qual continua sendo a dos que detêm os meios de produção de mercadorias materiais e espirituais.”

Sim, Sr. Lincoln, a conclusão que chegamos no nosso bate papo foi a mesma que a sua, o partido se aburguesou, perdeu o chão ideologico e o chão das fabricas/ empresas. Tanto é que, se o Sr. Lula sair desse partido, com que (CARA) ficará?

Não é a toa que Karl Marx escreveu:

(…) De todas as classes que, nos dias de hoje, enfrentam-se com a burguesia, apenas o proletariado é uma classe realmente revolucionária. As demais degradam-se e sucumbem com a grande indústria. Desta, pelo contrário, o proletariado é o produto mais genuíno.

As classes médias, o pequeno industrial, o pequeno comerciante, o artesão, o camponês, todos eles combatem a burguesia, a fim de salvar a sua existência como classes médias em face da decadência. Portanto, não são revolucionárias, mas sim conservadoras.

Mais ainda : são reacionárias, procuram girar para trás a roda da história.

Se são revolucionárias, são-no em vista de sua transição iminente ao proletariado, defendendo não seus interesses presentes, mas sim seus interesses futuros, abandonando seu próprio ponto de vista, para aderirem ao ponto de vista do proletariado.

Endereço: http://www.scientific-socialism.de/KMFEDireitoCAP17Port.htm

Saudações Socialistas.

Responder

    Mário SF Alves

    16 de dezembro de 2012 às 13h08

    “As classes médias, o pequeno industrial, o pequeno comerciante, o artesão, o camponês, todos eles combatem a burguesia, a fim de salvar a sua existência como classes médias em face da decadência. Portanto, não são revolucionárias, mas sim conservadoras.”

    ________________________________________
    Estamos em 2012 e na América Latina, a ciência que possibilitou a referida tese é de quando e de onde, mesmo? Início do Século XVIII e eurocentrista, não

    ________________________________________________________

    Convém pensar, prezado assalariado. E mais do que isso, convém – e é hora de – DIALOGAR. Hoje, talvez como nunca dantes, as portas para conteúdos de reflexão encontram-se escancaradas. As ferramentas foram dadas. A dialética e o materialismo histórico dialético são ferramentas antigas, mas nem por isso menos funcionais ou menos eficientes. Seu uso, no entanto, como sempre, exige competência; pressupõe permanente opção (vigília?) antidogmática. Sua eficácia é diretamente proporcional ao imprescindível conhecimento e incondicional respeito à dialética. Só assim, entendo ser possível o respectivo diálogo entre cidadãos de uma dada classe.
    Prova disso parece ter sido o seu final de semana com o casal de companheiros.
    ___________________________________________________________ ____
    Vale lembrar o que foi dito pelo Francisco (14/12/2012 – 22:27)
    “O meu “mix” ideológico não é Marx e Jesus (nessa ordem?).
    Meu mix é Marx, Maquiavel e Nietzsche. Eu não faço questão de ir para o céu, faço questão de ir ao poder.”
    ___________________________________________________________________
    Tá claro o que disse o Francisco. Especialmente a questão da interatividade política entre o Francisco cidadão e o PT.
    Resta saber:
    1- Qual o sentido e importância social de tal referido poder? A meu ver um poder que, dadas as circunstâncias – apenas seria conquistado mediante processo revolucionário.
    2- Qual o problema com essa outra face ideologicamente menos hegemonizada de Jesus? As armas devem ser proporcionais ao impacto a ser causado no inimigo. Assim, na crítica do Francisco, até que ponto se justificaria politicamente a exclusão desse mesmo Jesus se a luta preconizada pelo PT jamais foi a luta revolucionária?

    assalariado.

    16 de dezembro de 2012 às 20h49

    Caro Mário SF, como sempre, travando o bom combate no viomundo.

    Quanto as duas primeiras partes de seu comentário/ resposta, devo lhe dizer que, seja século 18 ou 21 o que ocorre no planeta, do ponto de vista da luta de classes (isso que interessa, este é meu o mote histórico), é que, o modo de produção capitalista, hoje, mais do que nunca, se acentuada, quanto a sua lógica de exploração de (MAIS VALIA), do capital sobre a sociedade e o trabalho assalariado. Os assalariados da Europa que o digam, não é verdade?

    Quanto a terceira parte, digo o seguinte: o que mais penso é este o momento exato e dialetico, para as esquerdas DIALOGAREM com suas bases partidárias, de como sair do colo da burguesia capitalista. Ferramentas é que não faltam. Porém o “amigo” preferencial das “esquerdas” da social democracia é, se aliar e se alinhar com a direita, essa mesma que tanto lhe da golpes e mais golpes no dia/ dia. Assim como nos séculos 18, 19, 20 ou 21, o que a teoria marxista nos propõe é, ter como aliado preferencial e com muito DIALOGO (politização?), com as massas exploradas pelo capital. Qual DIALOGO as esquerdas tem neste momento com a massas e a sociedade?

    Quanto ao comentário do Sr. Francisco, digo que, este é o pecado original do poder pelo poder, logo, cade a atuação organica das esquerdas para com as organizações sociais e para com os assalariados. Sim, falta interatividade das esquerdas para com o povo, a qual esses dizem representar. Quanto ao ‘mix’ revolucionário Jesus, Marx, Maquiavel, Nietzsche entre tantos, em maior ou menor grau, dependendo da época histórica em que viveram, tem e tiveram, seu grau dialético revolucionário. Construirmos a HEGEMONIA de esquerda nesta sociedade, esta é a senha. Então comecemos já!

    Abraços Fraternos.

    Mário SF Alves

    17 de dezembro de 2012 às 14h06

    Pois é. Obrigado pela consideração, prezado assalariado. Valeu mesmo. Devo refletir mais sobre tudo isso aí.

    Abraços,

    MSFA

Policarpo Pai

14 de dezembro de 2012 às 22h09

Pesquisa sobre o governo Dilma.
Fonte: UOL notícia

“Avaliação pessoal de Dilma tem novo recorde e chega a 78%, diz pesquisa CNI/Ibope”.

Geralmente esse tipo de pesquisa era casada. Pesquisava-se a popularidade do governo, da Dilma e a popularidade do Lula, na mesmíssima pesquisa. Agora, somente a da Dilma. Estranho, muito estranho.

Responder

Liz Vasconcellos

14 de dezembro de 2012 às 21h36

Um dos artigos mais instigantes que li ultimamente.
O tema merece reflexões e debates, pois traz questões fundamentais, que precisam ser abertas e conscientizadas.
A referência à negra Irene, de Manuel Bandeira, foi genial.
Parabéns ao autor!

Responder

ricardo silveira

14 de dezembro de 2012 às 20h49

No quadro partidário ideológico que temos o PT é o único que, objetivamente, oferece, com seus governos, a oportunidade para o crescimento político dos cidadãos. Ao não lutar contra a mídia golpista que monopoliza o espaço público e impede o exercício da política, quem perde não é o PT, é a cidadania, a democracia.

Responder

    paulo Sergio

    14 de dezembro de 2012 às 21h41

    Excelnte Ricardo !

    Mário SF Alves

    16 de dezembro de 2012 às 13h14

    Também pra mim a coisa toda deve ser vista assim.

renato

14 de dezembro de 2012 às 20h40

Qual é o futuro do PT?
O de Lula é o de ficar para a História!

Responder

Julio Silveira

14 de dezembro de 2012 às 20h35

É o que tenho dito.

Responder

J Souza

14 de dezembro de 2012 às 20h14

Caro Professor Lincoln,
Não é só o futuro do PT que está em jogo! E, sim, o futuro de toda a esquerda do país, e com isto, todo o futuro do povo brasileiro.
O capitalismo, “filho” da anarquia, sofre com os maus tratos de sua “madrasta”, o neoliberalismo. E só a “mãe-irmã” do capitalismo, o socialismo, o mantém vivo.
Se o país perder o equilíbrio gerado pela vitória do PT, o país ficará a mercê dos plutocratas. E ai, coitado desse povo que o Lula tanto ama, e que tanto o ama…

Responder

antonio

14 de dezembro de 2012 às 20h10

Ótimo artigo.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.