VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Política

Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra


25/07/2012 - 19h07

A blogofobia de José Serra

por Leandro Fortes, em seu blog na CartaCapital

A blogosfera e as redes sociais são o calcanhar de Aquiles de José Serra, e não é de agora. Na campanha eleitoral de 2010, o tucano experimentou, pela primeira vez, o gosto amargo da quebra da hegemonia da mídia que o apóia – toda a velha mídia, incluindo os jornalões, as Organizações Globo e afins. O marco zero desse processo foi a desconstrução imediata,online, da farsa da bolinha de papel na careca do tucano, naquele mesmo ano, talvez a ação mais vexatória da relação imprensa/política desde a edição do debate Collor x Lula, em 1989, pela TV Globo. Aliás, não houvesse a internet, o que restaria do episódio do “atentado” ao candidato tucano seria a versão risível e jornalisticamente degradante do ataque do rolo de fita crepe montado às pressas pelo Jornal Nacional, à custa da inesquecível performance do perito Ricardo Molina.

A repercussão desse desmonte midiático na rede mundial de computadores acendeu o sinal amarelo nas campanhas de marketing do PSDB, mas não o suficiente para se bolar uma solução competente nas hostes tucanas. Desmascarado em 2010, Serra reagiu mal, chamou os blogueiros que lhe faziam oposição de “sujos”, o que, como tudo o mais na internet, virou motivo de piada e gerou um efeito reverso. Ser “sujo” passou a ser um mérito na blogosfera em contraposição aos blogueiros “limpinhos” instalados nos conglomerados de mídia, a replicar como papagaios o discurso e as diatribes dos patrões, todos, aliás, alinhados à campanha de Serra.

Ainda em 2010, Serra tentou montar uma tropa de trolls na internet comandada pelo tucano Eduardo Graeff, ex-secretário-geral do governo Fernando Henrique Cardoso. Este exército de brucutus, organizado de forma primária na rede, foi facilmente desarticulado, primeiro, por uma reportagem de CartaCapital, depois, por uma investigação do Tijolaço.com, blog noticioso, atualmente desativado, do ministro Brizola Neto, do Trabalho.

Desde então, a única estratégia possível para José Serra foi a de desqualificar a atuação da blogosfera a partir da acusação, iniciada por alguns acólitos ainda mantidos por ele nas redações, de que os blogueiros “sujos” são financiados pelo governo do PT para injuriá-lo. Tenta, assim, generalizar para todo o movimento de blogs uma realidade de poucos, pouquíssimos blogueiros que conseguiram montar um esquema comercial minimamente viável e, é preciso que se diga, absolutamente legítimo.

Nos encontros nacionais e regionais de blogueiros dos quais participo, há pelo menos três anos, costumo dar boas risadas com a rapaziada da blogosfera que enfrenta sozinha coronéis da política e o Poder Judiciário sobre essa acusação de financiamento estatal. Como 99% dos chamados blogueiros progressistas (de esquerda, os “sujos”) se bancam pelo próprio bolso, e com muita dificuldade, essa discussão soa não somente surreal, mas intelectualmente desonesta. Isso porque nada é mais financiado por propaganda governamental e estatal do que a velha mídia nacional, esta mesma que perfila incondicionalmente com Serra e para ele produz, não raramente, óbvias reportagens manipuladas. Sem a propaganda oficial do Banco do Brasil, da Caixa Econômica Federal e da Petrobras, todos esses gigantes que se unem para defender a liberdade de imprensa e expressão nos convescotes do Instituto Millenium estariam mendigando patrocínio de açougues e padarias de bairro para sobreviver.

Como nunca conseguiu quebrar a espinha dorsal da blogosfera e é um fiasco quando atua nas redes sociais, a turma de Serra tenta emplacar, agora, a pecha de “nazista” naqueles que antes chamou de “sujo”. É uma estratégia tão primária que às vezes duvido que tenha sido bolada por adultos.

Um candidato de direita, apoiado pelos setores mais reacionários, homofóbicos, racistas e conservadores da sociedade brasileira a chamar seus opositores de nazistas. Antes fosse só uma piada de mau gosto.

Leia também:

Altamiro Borges: Mais um assassinato de reputação impune

A crença míope nos superpoderes dos blogueiros

Paulo Nogueira: Internautas antevêem o futuro de Serra

Últimas unidades

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



56 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Antonio Lassance: Quando o ativismo judicial transborda para a política « Viomundo – O que você não vê na mídia

13 de agosto de 2012 às 14h44

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Cachoeira pagou a escritório de Geraldo Brindeiro « Viomundo – O que você não vê na mídia

07 de agosto de 2012 às 11h53

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Janio de Freitas: Dois pesos e dois mensalões « Viomundo – O que você não vê na mídia

05 de agosto de 2012 às 18h58

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Claudir Nespolo: As mudanças na cobrança de pedágios no RS « Viomundo – O que você não vê na mídia

03 de agosto de 2012 às 00h09

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Saul Leblon: Enfrentamentos reais e miragens conservadoras « Viomundo – O que você não vê na mídia

02 de agosto de 2012 às 23h30

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Najla Passos: Primeiro dia de julgamento expõe diferença de tratamento entre valeriodutos « Viomundo – O que você não vê na mídia

02 de agosto de 2012 às 23h15

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Dr. Rosinha: Liberdade de expressão vs. liberdade de mercado « Viomundo – O que você não vê na mídia

02 de agosto de 2012 às 19h11

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Mensalão no JN: Acusação vence defesa por 1151 a 8 « Viomundo – O que você não vê na mídia

02 de agosto de 2012 às 12h28

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Procuradoria manda arquivar ação do PSDB contra blogs « Viomundo – O que você não vê na mídia

01 de agosto de 2012 às 10h34

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Aline Cristina Pavia: Enfrentando alguns mitos sobre o pedágio « Viomundo – O que você não vê na mídia

27 de julho de 2012 às 19h28

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Rafael Castilho: A liberdade de expressão como privilégio dos ricos « Viomundo – O que você não vê na mídia

27 de julho de 2012 às 19h26

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Emir Sader: A crise de credibilidade da velha mídia « Viomundo – O que você não vê na mídia

27 de julho de 2012 às 18h46

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Santayana: Tentando segurar o sol com as mãos « Viomundo – O que você não vê na mídia

27 de julho de 2012 às 11h06

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Fabio Passos

27 de julho de 2012 às 07h43

O ladrão jose serra tentando perseguir a imprensa… com apoio do PIG.

O PIG é sócio e cúmplice dos roubos praticados por jose serra.

Por que o ladrão josé serra, ao invés de rebater as denúncias de corrupção, tenta censurar informações da população brasileira?

Será porque josé serra não consegue refutar as denúncias documentadas de que meteu a mão em dinheiro ilícito?

Responder

Regina Braga

26 de julho de 2012 às 19h46

Cerra perdeu o ritmo,o movimento e o corpo…Quer ser virtual,mas vírus sempre acaba e quarentena.

Responder

FrancoAtirador

26 de julho de 2012 às 18h15

.
.
Alfinetada da Carta Maior:

“Revista Veja circula com oito páginas
de anúncios do Ministério da Educação…”
.
.

Responder

Marat

26 de julho de 2012 às 18h04

Leandro lembrou bem do calcanhar… mas é necessário que nas fileiras adversárias haja um Páris ou um Teucro muito bom de mira, pois o “herói” pigueano, embora seja vazio por dentro (jamais será comparável ao grande filho de Tétis e Peleu, mas no máximo a um Ulisses), é considerado um semideus!

Responder

kalifa

26 de julho de 2012 às 12h04

Dá privataria corre leite e mel, sabe para onde para as contas das ilhas virgens e caimãs!

Responder

Geysa Guimarães

26 de julho de 2012 às 10h58

Mais um artigo a confirmar a excelência da “grife” Leandro Fortes.

Responder

Geysa Guimarães

26 de julho de 2012 às 10h48

Fernando:

O fato é que o sistema acaba absorvendo os profissionais ainda bem jovens, e sujeitando-os às ordens do patrão.
Vale lembrar que muitos dos maiores ícones do jornalismo progressista não agiam diferente, quando integravam o “plantel do PIG”.
Será que eles “gostavam”?

Responder

Horridus Bendegó

26 de julho de 2012 às 10h38

Nunca pensei que um dia me sentiria orgulhoso por ser chamado de nazista! KKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Responder

O_Brasileiro

26 de julho de 2012 às 10h21

Quer ver o PSDB “pipocar” dessa representação?
É só o governo federal e as estatais suspenderem TODAS as propagandas, tanto nos blogs quanto na mídia golpista pelo menos até as eleições!
Ai vocês verão a mídia golpista voltando a defender a liberdade de encher os bolsos, digo, a “liberdade de expressão”! Se duvidar, defenderão até os blogs “sujos”…

Responder

José da Mota

26 de julho de 2012 às 10h17

Não querem que digamos entre nós e para todos, por exemplo:
Mensalão do golpe Branco IX. STF ou mata, ou dá espetáculo de graça, ou morre! Faltam 8 dias.
“A partir de hoje este artigo será republicado sob novo título de “Mensalão… em contagem regressiva. Até começar ou acabar este processo, espero que antes mesmo que comece. Para Alertar todos sobre o risco que nós brasileiros corremos. Com pequenas, mas relevantes, alterações sobre o original” Ayres Britto e demais ministros do Supremo tribunal federal terão que pisar em ovos com alguns da grande imprensa durante o processo do Mensalão do PT, porque eles representam o golpe branco em si, lobos travestidos de cordeiros, estão por trás desta grande arapuca minuciosamente aguardada desde o início…
Ou o que esta nos links abaixo em meu Blog e que só os incomoda:
2 – http://josedamota.blogspot.com.br/2012/07/erundina-so-lula-com-haddad-e-maluf.html 3 – http://josedamota.blogspot.com.br/2012/07/mensalao-saga-iii-ricardo-lewandowski-e.html 4a b à escolha: http://josedamota.blogspot.com.br/2012/07/mensalao-do-golpe-branco-no-brasil.html4bhttp://josedamota.blogspot.com.br/2012/07/o-beijo-patriota-ayres-britto-e-dilma.html 5 – http://josedamota.blogspot.com.br/2012/07/mensalao-do-golpe-branco-v-do-pt.html 6 – http://josedamota.blogspot.com.br/2012/07/mensaloes-e-chance-de-alguns-grandes.html 7 – http://josedamota.blogspot.com.br/2012/07/mensaloes-de-bois-de-piranha-marcos_20.html 8 – http://josedamota.blogspot.com.br/2012/07/stf-na-mira-dos-golpistas-ou-mata-da.html Como se o leitor e ou eleitor brasileiro fossemos idiotas o artigo a seguir retrata bem esta realidade:Aécio Neves no xadrez x PSB com PT aguardando a vez: http://josedamota.blogspot.com.br/2012/07/aecio-no-xadrez-x-psb-com-pt-aguardando.html

Responder

Romanelli

26 de julho de 2012 às 10h06

vem cá ..o que se passa na abeça duma pessoa que CENSURA outro sem ser ofendida ..será que é ofensa perguntar ?

Responder

Gerson Carneiro

26 de julho de 2012 às 09h42

Não entendi a birra da Coreia nas Olimpíadas.

O Çerra também já confundiu a bandeira do Maranhão com a dos EUA. É normal, gente.

Responder

    kalifa

    26 de julho de 2012 às 12h09

    Para não ser derrotado o çerra beija até nádegas de nenê mas vai ser derrotado assim mesmo!

Zezinho

26 de julho de 2012 às 08h12

A encenacao da bolinha de papel só serviu para encobrir o mais grave da história que foi o fato do pelotão do PT ter entrado em confronto com a passeata do Serra. Típico dos fascistas e autoritários enrustidos. A tropa de choque se reuniu exclusivamente para confrontar a passeata.

Responder

Hélio Jorge Cordeiro

26 de julho de 2012 às 08h00

Azenha, a atividade política em nosso país, por exemplo, é de fazer chorar. Nunca na história, essa atividade tão fundamental para a humanidade, foi levada ao fundo do poço sem fim. O pior é que não vejo no mundo, nada em que possamos nos espelhar para sermos seres verdadeiramente políticos. Uma pena, pois parece que há solução à vista.

Responder

RicardãoCarioca

26 de julho de 2012 às 07h56

O PSSDB está tão acostumado com repórteres da mídia amestrada do PiG que se descontrola com a mais singela pergunta fora da combinação entre eles.

Estava assistindo alguns vídeos do Serra e demais tucanos se descontrolando em entrevistas. São vários.

Responder

Jose Mario HRP

26 de julho de 2012 às 05h08

O Çerra já era!

Responder

    kalifa

    26 de julho de 2012 às 12h06

    Não e não…ainda vai ser……derrotado!

Gerson Carneiro

26 de julho de 2012 às 03h26

Outro exemplo de “piada” de mau gosto: Serra se arvorando em falar sobre coragem (e ainda, “copiando” o título da biografia da Presidenta Dilma).

RT @joseserra_ “A vida é assim: O que ela quer da gente é coragem”

Coragem que o Serra nunca teve para concluir mandatos. Nem o da UNE.

Aliás, foi o primeiro a fugir para o Chile quando a Ditadura ainda era Ditabranda.

Responder

Elias

26 de julho de 2012 às 00h21

“…segundo lugar (de Russomanno) será um “voo de galinha” –acaba rápido” Eliane Catanhêde

“…Serra foi a 31% e empacou nos 30%, será uma galinha choca?” Elias

Responder

    Geysa Guimarães

    26 de julho de 2012 às 10h34

    Essa sua sacada “galinácea” é ótima!

Cacá Oliveira

25 de julho de 2012 às 22h20

A turma do “descendo” a Serra não aprende mesmo! É um caso de atonia “megapatológico” ou seria de atuação da “maga patológica”? Sim, porque exercícios de inópia tão corriqueiros, só podem partir da mente “diabólica” daquela bruxa desastrada que, mesmo jamais conseguindo roubar a moedinha número um, vai morrer tentando… Que venha 2014 (mesmo com o patrocínio dos tios Patinhas e dos Metralhas de plantão).

Responder

ed.

25 de julho de 2012 às 22h16

A míRdia (PIG) se farta de propaganda estatal, onde recebem para fazer publicidade, um processo natural de 2 mãos … Embora ao mesmo tempo, no conteúdo editorial, fazem frequentemente contra-publicidade, falando mal das estatais que anunciam rmuneradamente.
É o mesmo nos blogs: pagam por propaganda, a contra-partida.
A pergunta que não quer calar é:
Qual a contra-partida para a compra de assinaturas (sem licitação) dos governos demotucanos?
E é seletiva (ex: não compram Carta Capital)…
Não é relação comercial de prestação de servicos.
E se levarmos em conta que assinatura é pagamento antecipado e costuma ter deconto, as compras são superfaturadas.
Sem entrar no mério de serem efetivamente entregues ou não…
Isto sim é verba pública desviada para órgãos de mídia.
Seletivamente.

Responder

Gerson Carneiro

25 de julho de 2012 às 21h50

O Serra é queimado na blogosfera e nas redes sociais. E os capangas dele andam batendo em repórter do PIG (Jovem Pan) que é exatamente aonde ele faz campanha fora de época. Ou seja, ele se queima em qualquer lugar.

Mas repórter do PIG puxa o saco, apanha, mas gosta.

Responder

    Geysa Guimarães

    25 de julho de 2012 às 23h35

    Gosta ou precisa?

    Fernando

    26 de julho de 2012 às 08h44

    “Gosta ou precisa?”, um juiz poderia se fazer a mesma pergunta ao julgar um ladrão, um traficante, um estelionatário, etc., ou seja para qualquer criminoso, ou todos são porque gostam ou precisam?

    Uma pessoa que mente, omite, engana, seja por qual motivo for, é mau caráter, e ponto, seja ele de que profissão for, com agravante para os jornalistas, esse papo de que “precisam”, só serve para querer esconder falhas de caráter.

    Ruim é só o dono do jornal e não o jornalista que faz o trabalho sujo, é isso?

    É como costumam dizer os assassinos “eu só puxo o gatilho, quem mata é Deus”, neste caso seria “eu só escrevo o que ele quer, quem publica é o patrão”

    MARCELO

    26 de julho de 2012 às 12h06

    É,a Jovem Pan é a rádio onde o Neumanne faz seus comentários.
    Aliás,com muuuuuuuita verba de publicidade do governo federal.

    Marat

    25 de julho de 2012 às 23h38

    Gérson, o PIG é a autêntica mulher do malandro!

    Gerson Carneiro

    26 de julho de 2012 às 03h28

    Marat,

    A expressão, politicamente incorreta, “Mulher de Malandro”, está extinta. Agora é “Repórter do PIG”.

    Marat

    26 de julho de 2012 às 18h01

    Então, Gerson, não dá para ser politicamente correto com o PIG, que reiteradamente é incorreto – rsrsrs – se apanha do “chefe” se apaixona mais e mais??? – que dizer? – rsrsrs

FrancoAtirador

25 de julho de 2012 às 21h26

.
.

.
.
A seguir, assista vídeo da campanha de 2010…

FOI O ÚNICO DIA QUE A REDE GLOBO TRANSMITIU

A VERDADE INTEGRAL SOBRE SERRA E O PSDB.

CHEGA A DAR DÓ DA CARINHA DA MÔNICA NA GN.

PENA QUE O CEBOLINHA DA VEJA NÃO ESTAVA LÁ.

O dia em que a Globo desnudou Serra e a oposição:

http://www.youtube.com/watch?v=_COH1ca2RRg

Publicado originalmente no saudoso Tijolaço.

Responder

    kalifa

    26 de julho de 2012 às 12h08

    Essa é a indústria da privataria….o Brasil progrediu saiu da indústria da seca para a indústria da privataria!

Marat

25 de julho de 2012 às 21h18

Gente autoritária odeia lidar com constesdadores! Que vengam los blogues!!!

Responder

FrancoAtirador

25 de julho de 2012 às 21h08

.
.
A truculência reiterada de Serra

Autor: Luis Nassif

Aqui vai um apanhado da truculência de José Serra, a partir da contribuição de vocês [leitores e comentaristas do Blog Luís Nassif Online].

1. Inspirado por José Serra, o diretório nacional do PSDB entrou com representação junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), questionando a publicidade da Caixa Econômica Federal (CEF) no Blog Luís Nassif Online.

2. Recentemente, a Burson Mursteller considerou o Blog um dos 4 jornalísticos mais influentes do Twitter e o único independente.

3. O Blog tem conteúdo analítico e informativo. Grande parte do conteúdo é constituído de clipping de jornais, sugeridos pelos leitores.

4. No dia em que foi noticiada a representação, a análise dos últimos 300 posts do Blog revelavam o seguinte: 8 apenas foram sobre o mensalão, todos decorrência da decisão recente do TCU (Tribunal de Contas da União) de considerar regulares as contas do BB no período Pizolatto; cinco deles, reprodução de matérias de jornais; dois deles, de leitores analisando o papel dos ministros do TCU; outros dois, minimizando o relatório do TCU: um, a nota do próprio TCU, outro, matéria do Globo informando que o Procurador Geral da República não se deixaria influenciar pela decisão do TCU. Em relação às eleições, 11 posts, dentre os últimos 300: desses, 6 de jornalões e portais; um de site de esquerda; dois do blog, sobre a tropa de choque de Serra e sobre a foto ridícula dele no skate; dentre os 11, um do Globo com Serra acusando os blogs.

5. O que Serra pretende é calar qualquer voz crítica em relação a ele, como usualmente faz com jornalistas da própria velha mídia.

6. No mesmo dia, era possível identificar publicidade da mesma CEF e de outras estatais em blogs claramente militantes pró-Serra, como os da Veja.

Quanto a Serra, um apanhado de como atua em relação aos críticos:

1. Por pressão de Serra, a TV Cultura não renovou meu contrato em 2008 devido a comentários no meu blog sobre os maus resultados da Sabesp. Na época critiquei os gastos da Sabesp com uma campanha publicitária veiculada em todo o país, incompatível para uma empresa de saneamento estadual. A não renovação do contrato foi cumprida por Paulo Markun e Gabriel Priolli.

2. O apresentador Heródoto Barbeiro foi afastado da TV Cultura por ter feito uma pergunta sobre pedágio a Serra, durante um Roda Viva. No programa, Serra mente, diz que o pedágio da Ayrton Senna baixou pela metade. Não explicou que a cobrança, que antes era em apenas uma direção, passou a ser nas duas.

http://www.youtube.com/watch?v=JK8LGTzLoNU

3. Depois de ter siodo instrumento de Serra para meu afastamento, o próprio chefe de jornalismo Gabriel Priolli foi afastado por ter feito uma pauta sobre pedágio.

4. O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso – a quem Serra deve sua carreira – foi duramente atacado pelo historiador Marco Antonio Villa (praticamente único intelectual militante que ainda se alinha com Serra) dias depois de ter declarado que o candidato do PSDB à presidência, em 2014, seria Aécio Neves.

http://www.advivo.com.br/sites/default/files/oposicao_sem_rumo_-_opiniao_-_versaoimpressa_-_estadao.pdf

5. Em fins de 2009, publiquei um artigo sobre o estilo de administrar de Serra, mostrando sua total inapetência para gestão. O Secretário de Comunicação Social procurou jornais do interior paulista – que republicam a coluna – ameaçando com cortes de verbas.

6. Minha irmã Maria Inês Nassif foi alvo de uma pressão pesada da Secretaria de Comunicação Social do governo Serra – a mando do próprio governador – por ter se pronunciado, em coluna no Valor Econômico, contra o instituto da delação na lei antifumo. Dias e dias de pressão até que o Valor aceitou pubicr artigo do Secretário de Justiça acusando-a de fazer lobby da indústria do cigarro.

7. A jornalista Márcia Peltier foi destratada por Serra, com palavras duras, por ter feito perguntas julgadas impertinentes pelo candidato.

http://www.youtube.com/watch?v=dYmmQ2tuNlA

8. Destrata ao vivo repórter da rádio Capital que perguntou sobre as novas pesquisas políticas em 2010.
(http://www.youtube.com/watch?v=tVQMmnBQ2JU)

9. Esse mesmo comportamento se observou em entrevista concedida por ele à rede RBS, no Rio Grande do Sul.

http://www.youtube.com/watch?v=-DphJFHyzbo

10. A resposta ríspida à repórter da TV Brasil que perguntou sobre problemas de água em São Paulo.

http://www.youtube.com/watch?v=rlPrV–StUk

11. O portal Brasilianas não faz militância política: trata de política públicas. A Sala de Gestão, que está para ser lançada, contém parcerias já firmadas, entre outros, com os governos de Minas Gerais e Pernambuco, através de seus governadores Antonio Anastasia (PSDB) e Eduardo Campos (PSB), o que demonstra o pluralismo do projeto.

12. Desde que os métodos de Serra se tornaram conhecidos, tornei-me um crítico acerbo de seu estilo de gestão e de fazer política. Até por débito com a opinião pública, por ter acreditado em Serra anteriormente. Reitero que, hoje em dia, o predomínio de Serra sobre o PSDB ajudou no afastamento de toda uma geração de intelectuais de peso que historicamente apoiaram o partido. Aliás, o maior mal que o estilo truculento de Serra provoca, é contra seu próprio partido.

http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/a-truculencia-reiterada-de-serra

A FOTO EMBLEMÁTICA DO CANDIDATO HIGIENISTA

Responder

    kalifa

    26 de julho de 2012 às 12h11

    O çerra está para os dias atuais assim como esteve o maluf nos anos oitenta…….fadado a derrota!

vitor - aracaju

25 de julho de 2012 às 21h08

Azenha, há um texto do Reinaldo Azevedo no site da Veja em que ele afirma que a PM de São Paulo é mais eficiente do Brasil, etc, e logo abaixo do texto há uma publicidade que anuncia aluguel de carros blindados em SP Simplesmente hilário. Fica a dica.

Responder

Alcides Lino Cunha

25 de julho de 2012 às 21h05

Eu queria comentar o seguinte: Não entendo por que a Rede Globo vem sistematicamente batendo na mesma tecla: ( inadimplência do povo brasileiro) particularmente, não acredito que chegue aos níveis propalados
pela ‘Vênus Platinada’. É de manhã, tarde e noite. Isso deve ter um objetivo. Faz uns 10 anos que não uso cheques e é raro ver pessoas pagando com cheques. Muitos estabelecimentos nem aceitam cheques.Não pode estar havendo um aumento de cheques sem fundos , pelas razões expostas.

Responder

lulipe

25 de julho de 2012 às 20h40

“…Como 99% dos chamados blogueiros progressistas (de esquerda, os “sujos”) se bancam pelo próprio bolso, e com muita dificuldade…”

Eu também acredito em papai-noel e saci-pererê!!!Ah, e que o lula não sabia de nada!!!

Responder

    RicardãoCarioca

    26 de julho de 2012 às 08h01

    Você inclusive acredita no Serra, no FHC, no PSSDB, no PiG… É um crente nato!

    kalifa

    26 de julho de 2012 às 12h13

    Você é novo e vai aprender ……a suportar a derrota!Aposte no çerra e na brutalidade da classe dominante!

Vlad

25 de julho de 2012 às 20h31

Exatamente.
Por isso e pra não votar nos aliados do Maluf DOI-CODI nem nos vendilhões dizimistas, reinvente-se, vote Giannazi.

http://twitter.com/psolsp

Responder

Altamiro Borges: Mais um assassinato de reputação impune « Viomundo – O que você não vê na mídia

25 de julho de 2012 às 19h36

[…] Leandro Fortes: Sobre o calcanhar de Aquiles de José Serra […]

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.