VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Política

Gadelha: Os jovens e a virada de Humala


03/06/2011 - 20h11

Por que Ollanta Humala vai vencer

do blog do Gadelha

Hoje de manhã fiquei ansioso, esperando a Sandra (Recalde) e o Juan (Pessoa), da MPI, amigos e parceiros de algumas campanhas políticas, acordarem e acessarem o skype. Eles estão no Peru (duas horas mais cedo…) dando consultoria em Redes Sociais à campanha de Humala, e eu estava louco pelas novidades da campanha presidencial de lá.

Não é uma eleição fácil. A Filha de Fujimori saiu na frente e sabemos que ela (graças ao pai) tem grande força junto ao eleitorado de perfil popular. Mas não era apenas esse o problema: ela também liderava (com folga) em Lima. Ou seja, questões como ditadura ou esterilizações sem autorizações não serviam para motivar o povão contra a Filha de Fujimori e, além disso, a classe média não se motivava a favor de Ollanta Humala, por ele ser militar ou por medo de um fracasso econômico (como fizeram aqui com Lula). Foi preciso repensar a estratégia de Ollanta, dando mais valor ao voto classe média. E para isso nada melhor do que as chamadas redes sociais.

77% dos eleitores utilizam o Facebook! As comunidades independentes, de jovens, principalmente, são muito fortes e com grande tendência anti-ditadura, em defesa da democracia – tanto que a comunidade “No a Keiko” já contava com 60.000 seguidores. Foi mais do que natural aproximar-se dessas comunidades. A equipe Humala foi atrás das classe B e C, dos intelectuais, jovens, estudantes, professores, artistas, de todos que eram contra a ditadura. Mostrou-se que a Filha de Fujimori tem a mesma mão pesada do pai, que ela possivelmente tem forte complexo de Electra, desejando reencarnar o pai.

A primeira grande demonstração de força dessa nova atitude da campanha com apoio das redes sociais foi o # 26mFujimori nunca más!, que ajudou a mobilizar 20.000 pessoas, predominantemente jovens, que foram para as ruas, à maneira da Espanha, em defesa da democracia, não à ditadura. Paralelamente, Ollanta tratou de provar flexibilidade e amor à democracia. O resultado positivo já é visível. Talvez ainda estejam em empate técnico. Mas o sentimento da vitória de Ollanta já ganha as ruas. Na última pesquisa da Universidad Católica, Ollanta Humala já aparece com 51,8% contra 48,2% da Filha de Fujimori. A democracia vencerá.

Leia aqui o que um analista de Washington escreveu sobre Obama e Fujimori.

PS do Viomundo: Eleição só se ganha ganhando…





32 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

flavio jose

04 de junho de 2011 às 16h26

Esta acontecendo um festival de mentiras. Quem desses babacas fez acompanhamento da politica no peru ao longo deste vinte anos. Deixem de dizer bobagem, estão demonstrando um festival de ignorancia e estupidez. Eu apenas fico rindo com a ignorancia e fanatismo alheio ha ha ha ha

Responder

Juan Pessoa

04 de junho de 2011 às 14h23

Ola Azenha.. a luta aqui realmente é ardua muito lembra a campanha lula de 2002, só faltou a regina duarte… ontem a noite começou uma avalanche de ligações telefônicas com o discurso do medo e montagens com fala de ollanta chamando todos os peruanos "ao comunismo". Já foi denunciado aos observadores da OEA e com entrevistas a TV e Rádios e claro nas redes socias. Ligações operadas dos EUA. Segue link da página no Facebook – No a Keiko – para que acompanhem as ultimas horas antes das eleições. um abraço Juan – http://www.facebook.com/noakeiko

Responder

Nelson Menezes

04 de junho de 2011 às 10h51

Não esquente a cabeça internaltas, os Blogs sujos estão se lavando e estão ficando limpinhos,graças ao PIG,logo,logo em 2014 estaremos com uma nova direitona para curtimos mais 500 anos de um Bresil vira -latas e submisso.

Responder

    Leider_Lincoln

    04 de junho de 2011 às 12h19

    Para onde quer que enviemos a melancia?.

João Bahia

04 de junho de 2011 às 10h02

Espero que essa mobilização social consiga virar o jogo a favor de Humala e espero que ele nunca se esqueça disso, a exemplo do que aconteceu aqui no Brasil.

Responder

Hélio Pereira

04 de junho de 2011 às 09h30

Espero que o Gadelha esteja certo.

Responder

Chico Doido

04 de junho de 2011 às 06h16

A juventude quer um futuro melhor e já se ligou que o néoliberalismo é a causa dos males que assolam o mundo nos dias de hoje , por isso foi as ruas em peso apoiar Omala .Depois do advento da internet e das redes sociais ficou difícil para as elites e seu braço midiático manipular o povo .

Responder

Elisabeth

04 de junho de 2011 às 00h15

Confiem, vai da Gadelha! To acompanhando noticias da eleição do Peru. Grande a mobilização dos jovens. O que eu gosto de ver esta mobilização dos jovens por democracia verdadeira e não dar bola aos “médios” Tanto na Espanha e peru a bronca é grande com a midia

PS; #BrasilSemMiséria

Responder

Gustavo Pamplona

04 de junho de 2011 às 00h06

O que é que leva peruanos a votarem numa descendente de japoneses?

Talvez porque segundo teorias da civilização humana, indígenas são asiáticos que atravessaram o estreito de Bering durante um período gelado atravessando sobre o mar e depois nunca mais voltaram populando o continente americano.

Bom… indígenas e asiáticos são bem parecidos, a única diferença é que o indígena tomou sol demais e acabou ficando com a pele vermelha, algo semelhante ocorre com os brancos da Índia, são "brancos" mas tomaram sol demais.

E como peruanos em sua maioria assim como bolivianos em especial o cocaleiro Evo Morales (hahahahahah) são de ascendência indígena, talvez seja um encontro as "origens".

E pergunto: Qual é a relevância de um país que tem um PIB rídiculo de menos de 300 bilhões para o Brasil?

Nenhuma… bom.. não sei quanto a vocês, indepedentemente ou não do governante lá eles vão ter que negociar com o Brasil de qualquer jeito senão nem eles mesmo conseguem se sustentar.

Responder

    carlao75

    04 de junho de 2011 às 11h24

    Você é um total idiota ou se faz de….. ler um pouco ajuda, quem sabe seu tempo fosse melhor empregado lendo ao invés de ficar comentando essa baboseiras.

    Jorge Nunes

    04 de junho de 2011 às 11h27

    Pelo que vi no youtube o Brasil tem interesse em construir hidrelétricas no Peru, acho que cinco para abastecer as demandas brasileiras (aos moldes do que ocorreu com o Paraguai).

    Deusdédit R Morais

    04 de junho de 2011 às 14h58

    "O que é que leva peruanos a votarem numa descendente de japoneses?

    Talvez porque segundo teorias da civilização humana, indígenas são asiáticos que atravessaram o estreito de Bering durante um período gelado atravessando sobre o mar e depois nunca mais voltaram populando o continente americano. "

    Não, meu caro gustavo! A lógica é outra, e transcende reconhecimento etnico semelhante. É simplesmente a nada boa relação que os ignorantes -forte, não é mesmo? que tal incultos? – costumam fazer entre políticos sérios -que se utilizam da força- e os outros, os afeitos a diálogos, sempre colocando os primeiros como étcamente superiores aos segundos. Lá como cá -e na maior parte dos países- a lógica é a mesma. Aqui votam em Serra e Maluf, lá em Fujimoris. Sinto informar mas grande parte da humanidade realmente não sabe -ou não acredita- o que é civilização de fato.

    Saudações fraternas,
    .
    Deusdédit R Morais.

    M. S. Romares

    04 de junho de 2011 às 15h45

    Sinceramente, voce acha que ele entendeu alguma coisa? Nem perca seu tempo, Deusdédit. Contar formigas no chão é mais produtivo.

VERA

03 de junho de 2011 às 23h05

Poxa, Azenha!!! Que linda notícia!!!

Responder

FrancoAtirador

03 de junho de 2011 às 21h59

.
.
Depois que a Marina obteve 20 milhões de votos, no 1º turno,

e o Serra 44 milhões, no 2º turno, nas eleições brasileiras,

eu acho que qualquer coisa é possível na América Latina,

até a filha do Fujimori vencer as eleições no Peru.
.
.

Responder

    Aristharco

    04 de junho de 2011 às 10h55

    fruto dos trolls americanos… sob o comando do nobel…

    Carmem Leporace

    04 de junho de 2011 às 11h47

    Você tem toda razão rapaz… Dilma não virou presidente na marra???

    O resultado é esse mesmo… país sem comando, sem liderança e completamente sem agenda.

    Virou uma balbúrdia.

    Tchau velho.

    zinguinha

    04 de junho de 2011 às 16h44

    Voce, com certeza vota no Padim Pade Cerra e assiste JN, né não?!

roberto gimenes

03 de junho de 2011 às 21h41

é por aí ! a luta vai ser com festa ou ela não vai acontecer . fora keiko fujimori , montesinos e cambio 90.

Responder

@NilvaSader

03 de junho de 2011 às 21h26

No a Fujimori !

Responder

ANDRE

03 de junho de 2011 às 21h01

Heheh… Até parece que a direita neoliberal estaria vencendo… mas o contrario, estão todos caído pro lixo da história da América Latina

Responder

ZePovinho

03 de junho de 2011 às 20h54

Nós também temos nosso José Serra: O Mala

Responder

Zé Fake

03 de junho de 2011 às 20h26

Usar o complexo de Electra foi um pouquinho forçado :) mas mesmo assim eu tô aqui torcendo pelo Humala. Se até o insuportável Vargas Llosa não quer nada com os Fujimori é porque a situação lá tá braba mesmo.

Responder

    HMS TIRELESS

    03 de junho de 2011 às 21h08

    Pobres dos Peruanos! De uma lado a Fujimorizinha! Do outro (mais) um lacaio de Hugo "Idi Amin" Chávez….melhor sair do país..rs!

    Leider_Lincoln

    03 de junho de 2011 às 22h57

    Pobres leitores do Viomundo, que se tornaram um pouco trouxas só de ler essa porcaria que você chama de comentário… rs…sds!

    Lucas

    03 de junho de 2011 às 23h32

    O Hugo Chávez é o melhor presidente que a Venezuela já teve (não que isso seja lá essas coisas, considerando o perfil dos outros presidentes de lá). Todos os outros líderes da América do Sul têm boas relações com ele. É também o líder latino-americano que passou por mais referendos populares. O povo da Venezuela quer o Hugo Chávez, simplesmente porque a oposição não tem ninguém melhor. Ele não é ditador.

    Fora isso, ser de esquerda não torna ninguém lacaio do Chávez. Cristina Kirchner é lacaia do Chávez? Evo Morales é Lacaio do Chávez? Fernando Lugo é lacaio do Chávez? Todos eles fazem governos fortes e independentes.

    Carmem Leporace

    04 de junho de 2011 às 11h50

    Os caras estão é lascados mesmo….os países do socialismo bolivariano estão entre os piores em todos os índices econômicos e sociais do continente.. esses fanáticos por aqui ainda apoiam esses porras loucas.

    Leonardo

    04 de junho de 2011 às 16h40

    Carmem, a Bolívia acabou com o analfabetismo. Sabe qual teu problema? Você se informa pelo PIG (partido da imprensa golpista). Deve adorar a Mirian Leitão que tudo que fala… acontece o contrário; deve idolatrar sardemberg, william waach, william bonner, boris casoy… pobre Carmem.

    Leider_Lincoln

    04 de junho de 2011 às 17h22

    A Venezuela também acabou com o analfabetismo… E Leonardo, o Richard Smith (nome verdadeiro do troll que assina como Carmem e muitos outros) sabe que isto é mentira… Ele quer é repetir mil vezes, para ver se alguém acredita. Só isso…

    M. S. Romares

    04 de junho de 2011 às 15h47

    Tireless….voce não é turma do "cansei"?? Tentando disfarçar, hein, seu sabidão.

Fabio SP

03 de junho de 2011 às 20h20

"Leia aqui o que um analista de Washington escreveu sobre Obama e Fujimori."

Tá parecendo o PIG. O tal analista de Washington é um britânico do the guardian.
Será que ele representa o pensamento do governo americano? Ou também é um PIG.

Responder

    Luiz Carlos Azenha

    04 de junho de 2011 às 17h59

    Fabio, o tal analista é razoavelmente bem informado sobre assuntos da América Latina, publica artigos no Guardian britânico mas mora em Washington, DC.


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding