VIOMUNDO

Diário da Resistência


Em evento de campanha, Bolsonaro promete unir “homos e héteros”. Mas, qual Bolsonaro?
Rio de Janeiro RJ 10 10 2018 O candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, fala à imprensa após gravação de campanha, no bairro Jardim Botânico, Rio de Janeiro.Foto Fernando Frazão/Agencia Brasil
Política

Em evento de campanha, Bolsonaro promete unir “homos e héteros”. Mas, qual Bolsonaro?


11/10/2018 - 23h43

Nós acreditamos em todo o Brasil. Vamos unir o Brasil, branco e negros, homos e héteros, pais e filhos, nordestinos e sulistas, homens e mulheres, vamos unir o nosso Brasil e pacificá-lo. Jair Bolsonaro, em seu primeiro evento de campanha desde que foi esfaqueado, no Rio, segundo transcrição do Jornal Nacional

Da Redação

Em seu primeiro evento de campanha desde que foi esfaqueado em Juiz de Fora, o neofascista Jair Bolsonaro prometeu união nacional.

Certamente sua frase mais polêmica na entrevista coletiva foi a de que pretende juntar “homos e héteros”.

Trata-se de uma óbvia tentativa de amenizar a imagem do candidato, repudiada até mesmo pela extremista francesa Marine Le Pen, que sugeriu que na França seriam inaceitáveis o racismo, o machismo e a homofobia atribuídos a Bolsonaro — e fartamente documentados ao longo de sua carreira política.

No twitter, o perfil @polianices recuperou clipe do vídeo de uma entrevista dada por Bolsonaro na Câmara dos Deputados (ver abaixo).

O vídeo não deixa qualquer dúvida.

Fica a pergunta: qual Bolsonaro?



3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Francisco Martins

12 de outubro de 2018 às 08h19

Os apoiadores dele não aceitarão esse discurso de fraternidade agora, estão sedentos de sangue, e podem até matar o próprio “Mito” se ele prosseguir com esse discurso. Bolsonaro parece não saber que o fascismo é algo que não se controla ou se combate por meio de palavras.

Responder

IVSON JUSTINO DE MELO

11 de outubro de 2018 às 23h57

ESTE SER PERIGOSO SOFRE DE EQUIZOFRÊNIA PARANÓICA VIOLENTA, VOCeS NÃO SABEM DO QUE ELE É CAPAZ PRÁ SATISFAZER OS SEUS INSTINTOS BESTIAIS VIOLENTOS, DEUS NOS LIVRE DESTE COISO, ELE É O HITLER BRASILEIRO ! !

Responder

IVSON JUSTINO DE MELO

11 de outubro de 2018 às 23h52

ESTE DESPREZÍVEL É UM SER PERIGOSÍSSIMO PARA A PAZ DA SOCIEDADE BRASILEIRA , POIS SOFRE DE EQUIZOFRÊNIA PARANÓICA VIOLENTA. VOCES NÃO SABEM DO QUE ELE É CAPAZ PRÁ DAR EXPANSÃO AO SEU GENIO E SEU OBJETIVOS DE PERVERCIDADE, DEUS NOS LIVRE DESSE COISO. É O HITLER BRASILEIRO ! !

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!