VIOMUNDO

Diário da Resistência


Altamiro Borges: O sonegador da Fiesp, os patos da Paulista e a corja de larápios
Denúncias

Altamiro Borges: O sonegador da Fiesp, os patos da Paulista e a corja de larápios


18/07/2016 - 20h21

Captura de Tela 2016-07-18 às 20.20.53

O sonegador da Fiesp e os patos da Paulista

Por Altamiro Borges, em seu blog

Após esconderem as suas máscaras carnavalesca do “Japonês da Federal”, o contrabandista, muitos midiotas devem estar pensando o que farão com os patinhos amarelos distribuídos pela Federação das Indústrias de São Paulo (Fiesp) nas marchas golpistas pelo impeachment de Dilma.

Nesta segunda-feira (18), o Estadão revelou que um importante diretor da entidade patronal deve R$ 6,9 bilhões em impostos ao governo federal — mais do que as dívidas dos estados da Bahia e Pernambuco.

O jornal oligárquico, que adora usar adjetivos contra os seus adversários políticos, evita chamar o ricaço de “sonegador” ou “corrupto”.

Mas a matéria confirma que os midiotas serviram de massa de manobra aos falsos moralistas que se travestem de éticos para enganar os otários. Vale conferir alguns trechos:

O empresário Laodse de Abreu Duarte, um dos diretores da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), é o maior devedor da União entre as pessoas físicas. Sua dívida é maior do que a dos governos da Bahia, de Pernambuco e de outros 16 Estados individualmente: R$ 6,9 bilhões.

Laodse – que já foi condenado à prisão por crime contra a ordem tributária, mas recorreu – é um dos milhares de integrantes do cadastro da dívida ativa da União, que concentra débitos de difícil recuperação. Além de Laodse, aparecem no topo do ranking dos devedores pessoas físicas dois de seus irmãos: Luiz Lian e Luce Cleo, com dívidas superiores a R$ 6,6 bilhões.

No caso desses três irmãos, quase a totalidade do valor atribuído a cada um diz respeito a uma mesma dívida, já que eles eram gestores de um mesmo grupo empresarial familiar que está sendo cobrado pela Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional.

A soma dos valores devidos por empresas e pessoas para o governo federal ultrapassou recentemente R$ 1 trilhão. São milhões de devedores, mas uma pequena elite domina o topo desse indesejável ranking: os 13,5 mil que devem mais de R$ 15 milhões são responsáveis, juntos, por uma dívida de R$ 812 bilhões aos cofres federais – mais de três quartos do total devido à União.

O débito desses maiores devedores representa cinco vezes o buraco total no Orçamento federal previsto para 2016.

Nesse grupo – que exclui dívidas do estoque previdenciário, do FGTS e dos casos em que há suspensão da cobrança por determinação judicial – estão desde empresas quebradas, como a Varig e a Vasp, mas também motores do PIB nacional, como a Vale, a Carital Brasil (antiga Parmalat) e até a estatal Petrobras.

Mas como pessoas físicas chegam a dever tanto ao Fisco? A explicação é que os integrantes da família Abreu Duarte foram incluídos como corresponsáveis em um processo tributário que envolveu uma de suas empresas, a Duagro – que deve, no total, R$ 6,84 bilhões ao governo.

Segundo a Fazenda, a empresa realizou supostas operações de compra e venda de títulos da Argentina e dos Estados Unidos sem pagar os devidos tributos entre 1999 e 2002. Denúncia do Ministério Público apontou que a Duagro “fraudou a fiscalização tributária.” Para o MP, há dúvida sobre a real existência dos títulos negociados, já que alguns não foram lançados nas datas registradas na contabilidade.

A Procuradoria suspeita que a empresa tenha servido como “laranja” em “um esquema de sonegação ainda maior, envolvendo dezenas de outras renomadas e grandes empresas, cujo valor somente poderá vir a ser recuperado, em tese, se houver um grande estudo do núcleo central do esquema”.

Segundo o site da Fiesp, Laodse é um dos atuais 86 diretores da entidade, sem especificação. Ele também integra o Conselho Superior do Agronegócio da federação e preside o Sindicato da Indústria de Óleos Vegetais e seus derivados em São Paulo.

Foi esta corja de larápios que orquestrou e financiou o “golpe dos corruptos” que depôs a presidenta eleita democraticamente pela maioria dos brasileiros.

No maior cinismo, ela incentivou as marchas contra a corrupção e distribuiu os patinhos amarelos na Avenida Paulista.

Acostumada a fazer lobby para corromper políticos, ela nunca teve qualquer compromisso com a ética.

Seu intento sempre foi o de sabotar o “reformismo brando” dos governos Lula e Dilma que garantiu alguns avanços sociais nos últimos anos.

Seu desejo sempre foi o de sonegar impostos, remeter ilegalmente suas fortunas ao exterior, retirar direitos trabalhistas e reduzir os gastos nas áreas sociais para elevar os seus lucros.

Na prática, os midiotas que carregaram os patinhos da Fiesp foram os patéticos patos dos sonegadores!

Leia também:

Roberto Amaral: Jornalistas da “tiragem” continuam na caça a Lula

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



21 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

FrancoAtirador

19 de julho de 2016 às 16h36 Responder

FrancoAtirador

19 de julho de 2016 às 14h31

.
.
UátzÁpi e Feicibuquistão Colaboram com o Crime Organizado no braZil

afirma Juíza Estadual da Vara de Execuções Penais do Rio de Janeiro
.
http://imgur.com/DQqsdpc
.
A Juíza de Fiscalização da Vara de Execuções Penais do Rio de Janeiro,
Daniela Barbosa Assunção de Souza Determinou a Suspensão
do Serviço do Aplicativo de Mensagens WhatsApp em todo o Brasil,
por mais uma vez a Facebook haver Desobedecido uma Ordem Judicial.

As Operadoras de Telefonia foram Notificadas da Decisão Judicial
por volta das 11h30 e Deverão Suspender Imediatamente o Serviço.
.
A WhatsApp, a Instagram, a Oculus VR e a PrivateCore são Empresas
Subsidiárias da Holding Norte-Americana Facebook Corporation.

https://en.wikipedia.org/wiki/Facebook
.
Para quem ainda não sabe, as Corporações Estrangeiras Instaladas no Brasil

também devem Cumprir a Legislação Brasileira, como as Empresas Nacionais.

Portanto estão Obrigadas a Atender às Solicitações do Poder Judiciário Brasileiro,

e a Obedecer às Ordens Judiciais de Quebra de Sigilo das Telecomunicações de Réus.
.
Lei nº 4.117 de 27 de Agosto de 1962

Institui o Código Brasileiro de Telecomunicações – CBT.

Art 57. Não constitui violação de telecomunicação:
[…]
II – O conhecimento dado:
[…]
e) ao Juiz Competente, mediante requisição ou intimação dêste.

http://presrepublica.jusbrasil.com.br/legislacao/91626/codigo-brasileiro-de-telecomunicacoes-lei-4117-62#art-57
.
.

Responder

    FrancoAtirador

    19 de julho de 2016 às 15h15

    .
    .
    O PODER SUPREMO DAS CORPORAÇÕES PRIVADAS
    .
    A Prepotência de uma Corporação Econômica Estrangeira

    ante a Solicitação do Poder Judiciário do Estado Brasileiro:

    A Facebook, Dona do WhatsApp, alega que não pode revelar

    os Dados Sigilosos dos Criminosos que usam o Aplicativo,

    mas exige que a Juíza forneça Informações Detalhadas

    sobre o Processo que Tramita em Segredo de Justiça.
    .
    As 5 Perguntas Enviadas pela Empresa Facebook
    como Resposta à Ordem da Magistrada do Brasil:
    .
    FB Original Inglês: 1. Is this a criminal matter?

    Tradução: 1. Isso é um assunto criminal?
    .
    FB Original Inglês: 2. What organization is conducting the investigation (Federal Police, Civil Police, Prosecutor’sOffice)?

    Tradução: 2. Que organizações estão conduzindo a investigação (Polícia Federal, Polícia Civil, Ministério Público)?
    .
    FB Original Inglês: 3. What is the nature of the crime being investigated (corruption, drug trafficking, gun violence/homicide, child exploitation, terrorism, etc.)?

    Tradução: 3. Qual é a natureza do crime que está sendo investigado (corrupção, tráfigo de drogas, violência armada/homicídio, exploração infantil, terrorismo etc)
    .
    FB Original Inglês: 4. What are the specific WhatsApp accounts that are the target of this legal process (including all applicable country codes)?

    Tradução: 4. Quais são as contas específicas do WhatsApp que estão sendo alvo desse processo legal (incluindo todos os códigos nacionais)?
    .
    FB Original Inglês: 5. What data are you requesting for each of the targets listed above?

    Tradução: 5. Quais dados vocês estão solicitando para cada um dos alvos listados acima?
    .
    .
    19 de Julho de 2016 – 14:41
    MidiaCon News
    .
    Facebook Corporation foi Notificada por 3 Vezes
    e Respondeu à Juíza com 5 Perguntas em Inglês.
    .
    No pedido de bloqueio do WhatsApp, emitido nesta terça-feira (19),
    a juíza Daniela Barbosa Assumpção de Souza, da Justiça do Rio,
    afirmou que a Facebook lida com a “autoridade judicial” com “deszelo”.
    .
    Um dos argumentos da magistrada é que a empresa,
    após ser notificada três vezes para fornecer o conteúdo
    de mensagens para alimentar uma investigação policial,
    apenas enviou cinco perguntas escritas em inglês
    e pediu que as respostas fossem enviadas no mesmo idioma.
    .
    “Ao ofício assinado por esta magistrada, contendo a ordem de quebra
    e interceptação telemáticas das mensagens do aplicativo Whatsapp,
    a referida empresa respondeu através de e-mail redigido em inglês,
    como se esta fosse a língua oficial deste país,
    em total desprezo às leis nacionais, inclusive porque se trata de empresa
    que possui estabelecida filial no Brasil e, portanto, sujeita às leis e à língua nacional,
    tratando o país como uma “republiqueta” com a qual parece estar acostumada
    a tratar”, afirmou a juíza.
    .
    “Duvida esta magistrada que em seu país de origem uma autoridade judicial,
    ou qualquer outra autoridade, seja tratada com tal deszelo.”
    .
    A juíza faz referência ao pedido do Facebook para que respondesse,
    “se possível”, às perguntas enviadas à Justiça.

    “Curioso o fato de que o aplicativo do WhatsApp funciona plenamente no Brasil
    com enorme número de usuários, sendo que, por óbvio, o mesmo é utilizado
    na língua portuguesa, possuindo, inclusive, corretor ortográfico em português”,
    escreve a juíza.
    .
    Outro fato que irritou a magistrada é que o Facebook solicita informações
    sobre uma investigação sigilosa, a qual nem mesmo ela tem acesso.

    “Neste sentido, os representantes do aplicativo Whatsapp nada fazem
    para cumprimento efetivo da ordem judicial, sendo que ordens idênticas
    já foram determinadas por juízes de diversos Estados deste País,
    no entanto, aqueles têm comparecido em Juízo e em sede policial
    pretendendo ter acesso aos autos e à decisão judicial (na forma certificada),
    em total desrespeito à Justiça, vez que plenamente cientificados
    de que se trata de processo sigiloso, em relação ao qual
    nem mesmo a serventia judicial tem acesso!!”.
    .
    http://midiacon.com.br/materia.asp?id_canal=14&id=93095
    .
    .

    FrancoAtirador

    19 de julho de 2016 às 15h25

    .
    .
    E Diante Dessa Afronta ao Brasil, os ‘Cidadões’ Otários,

    Telespectadores da Globo e do Resto da Mídia Jabáculê,

    estão se Manifestando contra a Magistrada Brasileira.
    .
    A Viviane tinha razão: Tempos em que a “Empresa é Cidadã”

    e os Cidadãos, Meros Consumidores Usuários Dependentes.
    .
    .

    FrancoAtirador

    19 de julho de 2016 às 18h09

    .
    .
    Presidente do STF acaba de revogar a Ordem Judicial de Bloqueio do UátzÁpi.

    Assim, apenas @s [email protected] estão obrigados a cumprir as Decisões dos Juízes.
    .
    .

    FrancoAtirador

    19 de julho de 2016 às 18h16

    .
    .
    Cúpula do Poder Judiciário Abriu as Pernas

    aos Grupos Econômicos Norte-Americanos.
    .
    O braZil é o Novo Porto Rico dos IúnáitStêits:

    Reles Território Sem Personalidade Jurídica.
    .
    .

    FrancoAtirador

    19 de julho de 2016 às 18h17

    FrancoAtirador

    19 de julho de 2016 às 18h25

    .
    .
    Só a NSA, o FBI e a CIA Pódem Ter Acesso aos Dados

    das Empresas Aqui no Brazil, Sobretudo da Petrobras.
    .
    .

    FrancoAtirador

    19 de julho de 2016 às 18h28

    FrancoAtirador

    19 de julho de 2016 às 18h30

    FrancoAtirador

    19 de julho de 2016 às 18h38

FrancoAtirador

19 de julho de 2016 às 13h12

.
.
Os Ricos, que nunca pagaram Imposto,
convenceram os Pobres, que o pagam,
de que Ninguém deve pagar Imposto.
.
.

Responder

    FrancoAtirador

    19 de julho de 2016 às 13h40

    .
    .
    E o Juiz Moro e os Procuradores da República do Paraná
    Persuadiram a Maioria Menos Esclarecida da População,
    a crer que o Brasil é o País Mais Corrupto do Mundo;

    que as Estatais e as Empresas Nacionais do Setor Privado
    não funcionam bem, porque existem 2 Tipos de Capitalismo:
    um Mau, aqui, e Outro Bom, nos Países do Hemisfério Norte;

    que ‘todo político é desonesto’, que ‘tudo sempre foi assim’
    e que ‘nada vai mudar mesmo’, que devemos nos conformar,
    trabalhando de sol a sol, e esperar por um Milagre Divino.
    .
    .

Messias Franca de Macedo

19 de julho de 2016 às 12h42

BOMBA! EXTRA! SENSACIONAL! O ‘golpeachment’ mais vagabundo de que se tem notícia cada vez mais fazendo lama!
Perdão aos manguezais!…

Mais um escândalo da Casa Grande do DEMoTucano ‘Aécim Decadelatado Somente no Petrolão Furnas Forever’ “que não virá ao caso”!
O juizeco DEMoTucano da mísera e vulgar primeira instância e (ir)responsável pela gloriosa (sic) ‘Guantánamo da Província do Paraná’ que o diga!

Entenda

$$$$$$$$$$$$$$$$$

EM ALTA
POLITICA AÉCIO NEVES
‘Mamãe disse pra Cleide que vai dar R$ 100 se conseguir 50 votos pro Aécio’, diz filha de empreiteiroPF recuperou mensagens em tom de brincadeira no WhatsApp de Otavio Azevedo, da Andrade Gutierrez, e suas filhas na véspera das eleições presidenciais de 2014 em que o tucano foi derrotado por Dilma

19 Julho 2016 | 11h00

Crime previsto na legislação eleitoral, a compra de votos é motivo de brincadeiras para a família do segundo maior empreiteiro do País, o ex-presidente da Andrade Gutierrez Otávio Marques Azevedo. Em um diálogo no whatsapp com suas filhas no dia 17 de outubro de 2014, a uma semana do segundo turno das eleições presidenciais, ele e sua família, apoiadores públicos da candidatura de Aécio Neves (PSDB) à presidência em 2014, chegam a sugerir, em tom de brincadeira, a compra de votos em favor do tucano.
“Mamãe ligou pra Cleide hoje e disse pra ela que vai dar R$ 100 pra ela caso ela consiga 50 votos pro Aécio!!! kkk”, diz uma das filhas do executivo. Ao que outra responde:
“Eu tenho uma oferta melhor”. Antes de comentar sua “proposta” porém, ela é interrompida por Otávio Azevedo:
“Crime eleitoral, pode impugnar o Aécio se vazar”, diz o pai. A segunda filha, contudo, já havia escrito a mensagem:
“Eu dou R$ 50.000 pra mamãe se ela conseguir fazer a Raquelzinha filha da Constança votar no Aécio!!!”
A CONVERSA DA FAMÍLIA AZEVEDO SOBRE COMPRA DE VOTOS PARA AÉCIO:
(…)

FONTE, pasme: http://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/mamae-vai-dar-r-100-pra-cleide-conseguir-votos-pro-aecio-brinca-filha-de-ex-presidente-da-andrade-no-celular/

Responder

Nelson

19 de julho de 2016 às 11h15

Assim se faz o sucesso dos que gostam de ser chamados de empreendedores e gostariam também de ser eleitos o “empresário do ano”, “o homem de visão do ano” e de aparecerem nas páginas VIP.

Empréstimos altamente subsidiados, sonegação de impostos, benesses sem fim e “y otras cositas”. Esse é o cardápio para o empresário que quer ser catapultado, em tempo breve, ao estrelato.

“Um país capitalista se faz com homens corruptos e livros caixas rasurados” (Alfred Neumann).
Cada vez dou mais razão à frase que Neumann escreveu em um número da revista MAD na já um tanto longínqua década de 1980.

Responder

Cláudio

19 de julho de 2016 às 04h13

:
: * * * * 04:13 * * * * .:. Ouvindo As Vozes do Bra♥♥S♥♥il e postando: A grande mídia (mérdia) é composta por sabujos sujos a serviço dos ianque$ e do $ionismo de capital especulativo internacional e outras máfias (como a ma$$onaria) dos canalhas direitistas…

.:.
* 1 * 2 * 13 * 4
*************
.:.
♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
* * * * * * * * * * * * *
* * * *
Por uma verdadeira e justa Ley de Medios Já pra antonti (anteontem. Eu muito avisei…) !!!! Lula 2018 neles !!!!
* * * *
* * * * * * * * * * * * *
♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

Responder

Patrice L

18 de julho de 2016 às 23h53

A elite sempre querendo ajustes pela precarização das condições de trabalho e de vida das camadas médias e pobres da população.
O que precisa reformar mesmo é no sentido de acabar com esta ciranda em que empresários sonegam bilhões e o governo, com menos dinheiro, vai a mercado tomá-lo em troca de juros altos ou, para refazer-se, ao resto da sociedade atrás de mais impostos.
Se tem algo que torna o Estado pesado é justamente esta trilionária sonegação empresarial e o bolsa-rentista.
Aliás, esse empresário citado hoje nas manchetes como sonegador-mor e com suspeitas de evasão fiscal via Banestado, esse empresário, se faz uma delação premiada, quebra o pato da Fiesp em estilhaços…leiam isto aqui na Folha (arghh)…

http://www1.folha.uol.com.br/folha/dinheiro/ult91u88031.shtml

Responder

marcio gaúcho

18 de julho de 2016 às 20h41

Parabéns à toda equipe do Viomundo pelas investigações e reportagens que estão nos apresentando no decorrer deste ano de 2017. É a luz do sol que tudo ilumina e higieniza. Por isso, contribuo financeiramente com o site – recurso muito bem empregado!
Mais uma vez, congratulações!

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.