VIOMUNDO

Diário da Resistência


Menos de 24h após Alckmin dizer que não usaria a PM em “escolas invadidas”, há repressão policial em três; veja vídeos
Denúncias

Menos de 24h após Alckmin dizer que não usaria a PM em “escolas invadidas”, há repressão policial em três; veja vídeos


19/11/2015 - 22h03

marilia 1 marilia 2

Ocupação da EE Sylvia Ribeiro, na cidade de Marília:  antes e depois da PM baixar os cassetetes. Fotos: Diário de Marília

por Conceição Lemes

Desde que os estudantes da rede pública estadual começaram a ocupar as escolas em protesto contra o fechamento de 93 e desestruturação outras 700, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB) tinha só uma estratégia: reintegração de posse pela Polícia Militar (PM). Tanto que foi à Justiça requerê-la para várias unidades. E PM, todos nós sabemos, significa, no mínimo, porrada, cacetadas, gás pimenta.

Nessa quarta-feira 18, ele resolveu mudar de atitude: “Alckmin diz que não usará PM em escolas invadidas”, publica o Estadão.

Na manhã desta quinta-feira 19, portanto, em menos de 24h, houve repressão policial em três escolas ocupadas: Professora Francisca Lisboa Peralta, no município de Osasco, Professora Maria Petronila Limeira dos Milagres, em Santo Amaro, e na Sylvia Ribeiro, na cidade de Marília, ocupada por 150 estudantes.

Diário de Marília chama a atenção para o que aconteceu lá:  

No momento da invasão policiais militares desferiram borrachadas e utilizaram gás pimenta para tentar disperçar a multidão. Pelo menos dois estudantes com cerca de 16 anos ficaram feridos e foram levados para o Hospital das Clínicas em ambulâncias do SAMU. Uma outra aluna foi detida e levada ao Plantão Policial.

 Os dois vídeos abaixo, gravados na Sylvia Ribeiro, em Marília, comprovam:

A pergunta que fica: governador, quem então mandou a sua própria PM desocupar à força as escolas Francisca Lisboa Peralta, a Maria Petronila e Sylvia Ribeiro?

Como é de praxe, a mídia se cala.

Leia também:

Explicado por que Alckmin quer fechar escolas: ele cortará R$ 2 bi da Educação em 2006 

A mídia descontrolada: Episódios da luta contra o pensamento único
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação.

A publicação traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.

Por Laurindo Lalo Leal Filho



14 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

FrancoAtirador

21 de novembro de 2015 às 00h49

.
.
Alunos Paulistas já ocupam 74 Escolas Estaduais
.
e Governo FasciTucano Tá Nem Aí pra Educação.
.
.
Plano Desmonte GerAlck do PSDB de São Paulo
.
afeta 311 Mil Alunos e 74 Mil Professores no Estado.
.
.

Responder

dinarte

21 de novembro de 2015 às 00h13

Com TUCANOS é assim mesmo, SELFIE com PM é só em manifestação contra a DILMA e pedido de DITADURA, em todos os outros casos é PAU DE SELFIE NO LOMBO.

Responder

[email protected]!r [email protected]+3$

20 de novembro de 2015 às 16h23

4 palavras: Eleito no primeiro turno.

Vamos ver se essa revolta vai até 2018. Muitos deles vão votar em 2018.

Responder

Urbano

20 de novembro de 2015 às 15h13

Da maledicência quem se ausenta primeiro é a verdade…

Responder

GILENO ARAÚJO

20 de novembro de 2015 às 12h56

Tentaram enganar os alunos dizendo que a reestruturação estava suspensa, e quando viram que os alunos não iam mudar o foco, estão começando a perder as estribeiras. Precisa insistir e ocupar. Esses putos não podem bater em menores. É vergonha pra eles. OS SECUNDARISTAS TÊM FORÇA QUE A PRÓPRIA SOCIEDADE E O ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE GARANTE PRA ELES. A PROPORÇÃO DE ESCOLAS OCUPADAS TAMBÉM É GARANTIA DE FORÇA. PRECISAM RECEBER APOIO DE ONGS INTERESSADAS NO BEM ESTAR DESSES ADOLESCENTES.

Responder

FrancoAtirador

20 de novembro de 2015 às 12h15 Responder

Luiz Henrique

20 de novembro de 2015 às 11h16

Polícia, que vergonha!

Responder

tiao

20 de novembro de 2015 às 10h38

Sempre que voce ver uma viatura da PM passar em alta velocidade,é porque saiu uma fritada der coxinha em alguma padaria.

Responder

Julio Silveira

20 de novembro de 2015 às 10h13

Acredita em tucano quem quiser. Os caras são tradicionais mitômanos, os reis do engodo. Promovem a Jihad ante nacional no Brasil, enquanto reprimem a cidadania que quer nada mais que justiça. Esse partido que quer transformar o país num grande Tucanistão é que deveria ser caso de policia. Mas como dominam todas as instituições dos cidadãos especiais das elites, que levam grandes vantagens sobre a maioria dos cidadãos comuns, nos seus governos, acabam por navegarem livres, como marinheiros flutuando ao sabor das marés, enquanto contaminam o meio ambiente.

Responder

Leo V

20 de novembro de 2015 às 00h09

É o tipo da coisa e das cenas que deixam a gente meio sem palavras.

Mas fico pensando no diretor de uma escola que chama a polícia para entrar na escola, e para reprimir alunos que lutam por seus direitos. E alunos que ele deve conviver e conhecer. Não consigo pensar nada de bom de um diretor desse. Aliás, só consigo pensar o que pode ser pensado de pior.

Responder

Gerson Carneiro

19 de novembro de 2015 às 23h56

Mendigos de padaria.

Alckmin forma mais 2.820 mendigos de padaria para dar porrada em professores e alunos adolescentes.

Estes mendigam café da manhã nas padarias. Não têm condições financeiras de manter filhos em escolas particulares e dão porrada em estudantes que estão defendendo as escolas dos filhos deles contra a política de fechamento de escolas do Alckmin. São uns coitados. Falam grosso com estudantes adolescentes e fino com atendentes de padaria.

Responder

Gerson Carneiro

19 de novembro de 2015 às 23h17

Babacas covardes.
Não podem manter os filhos em escolas particulares.
Não têm vale-refeição e mendigam café da manhã nas padarias.
Falam grosso com estudantes e fino com atendentes de padaria.

Responder

FrancoAtirador

19 de novembro de 2015 às 22h15

.
.
Palavra de Tucano Fascista é tão Confiável quanto a do Edu Cão.
.
.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
A mídia descontrolada

O livro analisa atuação dos meios de comunicação e traz uma coletânea de artigos produzidos por um dos maiores especialistas do Brasil no tema da democratização da comunicação.