VIOMUNDO

Diário da Resistência


Leitora denuncia tentativa de arrancar bandeiras de sacada em Chapecó
Denúncias

Leitora denuncia tentativa de arrancar bandeiras de sacada em Chapecó


02/03/2015 - 10h51

Captura de Tela 2015-03-02 às 10.45.28

da leitora Maris, em comentário, a partir da página Renova Santa Catarina

Sábado, dia 28 de fevereiro, ocorreu uma manifestação anti-Dilma e anti-PT, convocada por empresários de Chapecó-SC, muitos dos quais obrigaram seus funcionários a participar. Num certo momento a turba passou em frente a um prédio onde um dos dos apartamentos exibia uma bandeira do PC do B e outra do MST.

Um dos manifestantes, pasmem, invadiu o prédio, chegou até o apartamento, agrediu verbal e fisicamente as duas moradoras e tentou arrancar as bandeiras à força, sendo impedido pela dona do apartamento.

PS do Viomundo: É impressionante o clima fascista que vai tomando conta das ruas brasileiras…

Leia também:

Na era FHC, brasileiro quase usou crachá emitido pelos EUA em território nacional

Livro do Luiz Carlos Azenha
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

A Trama de Propinas, Negociatas e Traições que Abalou o Esporte Mais Popular do Mundo.

Por Luiz Carlos Azenha, Amaury Ribeiro Jr., Leandro Cipoloni e Tony Chastinet



47 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

abolicionista

03 de março de 2015 às 15h24

Os tucanos estão adotando práticas de regimes ditatoriais. É vergonhoso…

Responder

Sidnei Brito

02 de março de 2015 às 19h02

Pois é.
E em 1989, diziam que a esquerda é que iria invadir apartamentos…

Responder

    FrancoAtirador

    02 de março de 2015 às 20h00

    .
    .
    E 26 anos depois,
    os Muares Fascistas
    continuam dizendo.
    .
    .

Leo V

02 de março de 2015 às 18h43

Há noticias de que se tratava de parente da moça, e não alguem que invadiu o apartamento. Faz mais sentido pelas imagens.

Responder

    FrancoAtirador

    02 de março de 2015 às 21h29

    .
    .
    Então é mais Grave ainda.
    .
    Lei Maria da Penha nele!
    .
    .

FrancoAtirador

02 de março de 2015 às 18h03

.
.
Grande parte dos Policiais Militares e Civis, Estaduais e Federais,
.
e Membros do Ministério Público, do Poder Judiciário e das FFAA
.
aderiram ao ‘AntiComunoPetismo’ promovido pela Mídia-Empresa.
.
.
Então, quem vai prender os NeoFascistas que invadem os Domicílios
.
para agredir as pessoas e arrancar bandeiras vermelhas das janelas?
.
.

Responder

    FrancoAtirador

    02 de março de 2015 às 18h16

    .
    .
    Cabe aqui uma Mensagem Poética à Cúpula NeoPetista:
    .
    “Na primeira noite, eles se aproximam
    e roubam uma flor do nosso jardim.
    E não dizemos nada.
    .
    Na segunda noite, já não se escondem:
    pisam as flores, matam nosso cão,
    e não dizemos nada.
    .
    Até que um dia, o mais frágil deles
    entra sozinho em nossa casa,
    rouba-nos a luz,
    .
    e, conhecendo nosso medo,
    arranca-nos a voz da garganta.
    E já não podemos dizer nada.”
    .
    Eduardo Alves da Costa
    “No Caminho, com Maiakóvski”
    .
    (http://www.ricardomattos.com/no_caminho.html)
    (http://geracaoeditorial.com.br/caminho-com-maiakovski-no)
    .
    .

    Carlos

    06 de abril de 2015 às 09h56

    Ninguém, os órgãos de coerção do Estado, são Fascistas.

FrancoAtirador

02 de março de 2015 às 17h48

.
.
UCRANISTÃO: NEONAZISTAS NO PODER.
.
.

Responder

Tiago Tobias

02 de março de 2015 às 17h11

Azenha, sou professor de Sociologia aqui no Estado de SP e hoje, numa aula sobre Kant e a filosofia Iluminista, sabe-se lá como, o assunto foi parar no impedimento da presidenta. Os alunos do 1º ano do ensino médio disseram as maiores asneiras e atrocidades…disseram que o problema do Brasil é a “vaca”, “vagabunda” da Dilma e que se pudessem, dariam um tiro nela. Detalhe: um dos alunos que disse isso recebe BOLSA FAMÍLIA. Foi-se o tempo em que os blogs progressistas eram um contraponto contra a ditadura da mídia. De início, os blogs desequilibraram a balança e ajudaram a esquerda a vencer as eleições (se não fossem os blogs e o desmonte da farsa da bolinha de papel, em 2010 o Zé Chirico poderia ter levado). Hoje no facebook e no whatsapp, a direita se articulou de tal forma que uma página da categoria do “revoltados online” conseguiu 600 mil curtidas. Os boatos chegam via whatsapp de forma avassaladora. Meus alunos vieram me mostrar a surrada história de que o filho do Lula é dono da Friboi e desmenti. Mas não adianta, sou eu contra 38, 40 mini-Hitlers. Eu é que passo por louco e por alienado ao tentar desmontar as mentiras. Certo estou de que essa molecada reproduz as idiotices que os pais dizem em casa, pais de classe média baixa que só estão empregados e comendo por causa das políticas sociais implementadas de 2003 pra cá. Em todas as salas do 1º ano (tenho 7, com 40 alunos), o discurso é o mesmo. O serviço da mídia e das centrais de boataria são muito rápidos e a lavagem cerebral está feita. É assustador. Acho que a ditadura militar alcançou o seu objetivo que era não atingir os pais, mas os filhos da geração que viveu calada entre 1970 e 1980. São esses filhos que estão nas salas de aula hoje, sem o mínimo conhecimento da História de seu país. Quando pergunto se eles já ouviram falar de ditadura militar, todos eles ficam com cara de paisagem, nunca NINGUÉM explicou pra eles. Pode ser falha de sistema educacional? Sim. Mas a culpa também é da lavagem cerebral feita nos pais que repassam a ideologia fascista aos seus rebentos, que estão em sala de aula arrotando idiotices típicas de uma “rebeldia” cretina contra “todos os políticos corruptos”. E todos os meus alunos discordaram de mim certo dia por eu defender a teoria da evolução e achar um absurdo que alguém em sã consciência acredite na Arca de Noé. Que juventude estúpida e fascista é essa? Tá foda!

Responder

    Kátia Gerab Baggio

    02 de março de 2015 às 20h34

    Caro Tiago Tobias, tomei a liberdade de copiar e compartilhar seu relato no meu perfil no facebook. Tenho estado cada vez mais preocupada com o avanço desses atos de intolerância, que têm um viés nitidamente fascista. Sou professora de História na UFMG. Entre os meus alunos (pelo menos a grande maioria), não tenho observado esse fenômeno. Ao contrário, acho que estão preocupados, também, com esse avanço de concepções nitidamente fascistas. Abraços, Kátia Gerab Baggio

    Sidnei Brito

    03 de março de 2015 às 09h45

    Tiago,

    a coisa tá tão feia, que minha mulher já está começando a torcer por uma restauração conservadora.
    Ela sempre lembra que boa parte da galera que está embarcando nessa é muito jovem, e não conheceu – ou não se recorda – dos anos do PSDB à frente do governo federal.
    A tese dela – curiosamente uma tese cara aos tucanos – é de que o aprendizado virá meio que por “dor e sofrimento”.
    Eu só não sei se a direita já precificou um risco óbvio: fácil era implementar programas radicais de concentração de renda sobre um povo que não estava acostumado a comprar o último lançamento tecnológico. O “reformismo fraco” (na feliz expressão de André Singer), que caracteriza o lulismo, trouxe um pouco mais do que migalhas para os mais pobres.
    Teriam que ser cautelosos no “acabar com tudo o que está aí” e, neste caso, decepcionar os seus entusiastas mais, por assim dizer, ideologizados.

Luiz

02 de março de 2015 às 15h42

Bando de alienados que não percebem que isso é anti-democrático, pessoas iguais essas são perigosas pois colocam novamente a ditadura no governo.

Responder

revenger

02 de março de 2015 às 15h04

Se eu morasse em pédio onde se fazem manifestações fascistas, já guardava duas dúzias de ovos enterrados na areia pro dia 15! Só ovo voando em cima dos coxinha.

Ovo por que eu sou bonzinho!

Responder

revenger

02 de março de 2015 às 14h59

Ah se esse covardão entrasse na minha casa!

Ia toma um coro de doido!

Responder

Leonardo

02 de março de 2015 às 14h16

Sobre o PS do Viomundo

“PS do Viomundo: É impressionante o clima fascista que vai tomando conta das ruas brasileiras…”

Eu acho impressionante como o PT e a “esquerda” conduziram a campanha mais separatista, pautada em ódio de classes e baixa de todos os tempos começando lá no inicio com o terrorismo dos “fantasmas do passado” e agora se diz surpresa com o ódio transbordando pelas sacadas.

Responder

    abolicionista

    02 de março de 2015 às 14h42

    Leonardo, essas pessoas são idiotas úteis: em vez de defenderem o MST e a reforma agrária, preferem defender os latifundiários. Qualquer mudança real no Brasil desperta uma reação violenta por parte da classe dominante. Isso é consequência de um processo de redemocratização incompleto e mal-feito. Quem mais semeou o ódio ao PT foi a mídia, que, além do ódio de classe, ficou enraivecida desde que o ex-presidente Lula cortou algumas das regalias dos coronéis da mídia brasileira. O fascismo pode levar esse país a reviver seus anos mais obscuros, onde assassinatos, tortura, estupros e todo tipo de crimes contra a humanidade eram cometidos impunemente. Eu não voto mais no PT, mas esse ódio é anti-democrático, é anti-político, é um incentivo à ditadura, e não podemos colaborar com isso.

    Romanelli

    02 de março de 2015 às 15h23

    espera, só pra não parece que vc tem lado..
    .
    Quem iniciou a agressão ? Difícil dizer ..Lá atrás lembro de Leme, de Miriam Cordeiro, das ofensas rasas ditas nas rádios e na TV, do LULA jatinho de ouro de LULA, do cachaceiro no New York times, da forçação pela carta aos brasileiros, das mentiras sobre a culpa na febre aftosa, depois teve a febre amarela, o terrorismo na queda e depois no acidente com os aviões (e nada sobre o SIVAN de Dom Fernando), lembro do apagão que nunca veio, do “pior natal de todos os tempos” repito aos píncaros pela Federação do Comércio de SP, enfim..
    .
    claro, claro que com o tempo e com os ERROS CRASSOS de Mantega o desgaste seria inevitável, mas antes disso teve muita canelada.
    .
    Agora, verdade o que vc fala, visto de outra forma, diante de qualquer erro, o governo petista encurralado buscava DISSIMULAR criando um certo clima de cizania, como se o país pudesse ser explicado e curado pelas inúmeras dicotomias trazidas (ora era o negro contra o branco, depois a elite de olhos azuis contra os de pé no chão, os paulistas contra o nordestinos, os reacionários contra os progressistas, e por aí vai.)
    .
    sim, deu no que deu ..e hoje concordo com articulistas que afirmam que NENHUMA das correntes e líderes esta preparada pra nos governar com a seriedade e urgência que o país necessita.
    .
    LULA e THC que deveriam ser exemplos de equilíbrio, são os 1o a insuflar os ânimos ..ao final talvez sejam reconhecidos como o que de fato se tornaram, ANÕES MORAIS
    .
    De DILMA então, esta é piada pronta, depois de 13 anos empoleirada, MANDANDO, ditando, COMANDANDO, e atolada até as mamas, a qq pergunta sobre suas imperícias, omissões e irresponsabilidades vai logo dizendo que a culpa de THC, dos militares, enfim ..triste, muito triste tudo isso
    .
    e pior que esta “turba” continua, e nem percebe, que esta sendo manipulada, NÃO importando se por uma mídia concessionada, ou se por uma blogosfera patrocinada por estatais ou até por municípios falidos,

    Adilson

    02 de março de 2015 às 15h56

    Ao contrário, quem sempre usou na campanha o clima de ódio foi o PSDB começando em 2010 com o Serra. Sem contar que nas campanhas eleitorais o PSDB saia distribuindo panfletos difamando o PT. Numa das propagandas do Serra ele chegou a usar um personagem parecido com o Lula com pitbulls. E teve o caso do vídeo também onde ele aparecia fugindo do Brasil caso a Dilma ganhasse. Clima de ódio tem autores: PSDB e mídia.

    francisco

    02 de março de 2015 às 16h32

    Leonardo, a campanha do PSDB foi limpa não foi? vc deve ter 05 anos, não seu corpo, sua mente.

    Vanusa

    02 de março de 2015 às 16h55

    Leornardo, Leonardo, o que fazer pra te ajudar? Cê viu isso na tevê acreditou. Agora infelizmente acho que não tem mais jeito não. Perda total de cérebro. O seguro não cobre…

    renato

    02 de março de 2015 às 17h24

    Não sou contra o teu pensamento..
    Você tem razão..
    Mas, não posso deixar de ter o meu lado..
    Sem agressões, afinal o meu lado é o Brasil.
    E só luto armado se for contra os EUA ou USA, ou UE.

    jonas

    02 de março de 2015 às 17h26

    Tudo bem. O PT é o pior partido do mundo. O PT só tem vandalos, imbecis e ladrões. O Brasil antes do PT era uma Dinamarca com tudo de bom. Não havia ladrões, nem estupradores, nem traficantes. Hava escola pra todo mundo, e hopsitais e uma PM exemplar com um policial em cada esquina de cada cidade, ajudando os cidadãos deste pais a atravessar a rua e carregar suas compras.

    Havia emprego farto, vagas nas universidades para todo mundo, salarios equivalentes aos do primeiro mundo. Nada de preconceitos contra gays, negros pobres e prostitutas. E um hospital em cada quarteirão com medicos de todas as especialidades e prontos a atender qualquer um a qualquer hora.

    Mas dai o PT chegou e trasformou essa verdadeira ilha da fantasia em um inferno.

    E não há um só petista que preste. Todos deveriam ser queimados em praça publica. este bando de comunistas celerados.

    Só que não.

    E me explique sr Leonardo quem é que deu o direito de invadir um apto, agredir suas moradoras e tentar cala-las na sua manifestação ideologica? Elas estão erradas e o invasor brutamontes esta certo?

    Grandes abraços

    Leonardo

    03 de março de 2015 às 09h57

    A todos: eu nunca disse que alguém deu o outro direito a alguém de invadir o apartamento de outra pessoa, eu só disse que as ruas hoje são um reflexo do que foi a corrida política ano passado. Depois de uma corrida eleitoral de absurda hostilidade e mentira, vinda dos dois lados, porém muito mais acentuada no lado do PT desta vez (ou neste 2014) as ruas refletem todo clima de ódio gerado nas eleições e em outubro de 2014 eu já dizia que isto não acabaria bem, dividiria o país e estávamos andando a passos largos para o caos.

    A alguns: Reconheço que a campanha de ódio historicamente sempre foi feita pelo PSDB, mas finalmente o PT conseguiu se tornar o que sempre quis, o próprio PSDB.

    Neste 2014 não faltaram exemplos:

    Seja com o “Aécio bate em mulher” em razão da nota de um jornalista que o Aécio não processou.
    Seja o terrorismo dos fantasmas do passado que a própria Dilma reviveria em menos de seis meses.
    Seja acusando o opositor de fazer coisas que ele jamais havia dito que faria.

    Enfim…

    A poucos: O nível dos comentários que recebi reflete exatamente aquilo que estou tentando dizer. A esquerda, ou o PT, já não tem mais onde enfiar a cara no debate, pois já se desmentiu algumas centenas de vezes e agora segue para o atrito ad hominem.

    Eu posso ser o idiota que todos disseram aqui, entretanto, fico feliz e de consciência de não contribuir com este clima de guerra que toma conta das ruas ao contrário de alguns aqui, que ainda batem no peito para monopolizar virtudes.

    Típica Esquerda…

    Andre

    03 de março de 2015 às 15h08

    Por favor nomeia ‘a esquerda’ (quais partidos? quais organizações? quais pessoas?); aproveite e nomeie também ‘a direita'(quais partidos? quais organizações? quais pessoas?). É hora de jogar as claras.

italo

02 de março de 2015 às 13h44

Está cada dia mais fácil se contaminar de ódio em tele jornais, agir como idiota guiado, e garantir à outros privilégios e direitos que nunca experimentamos.

Responder

italo

02 de março de 2015 às 13h37

Se investigar corrupção derruba governo, é melhor entrar para industria do crime.

Responder

ma.rosa

02 de março de 2015 às 13h14

As Pessoas de bem e do bem não podem aceitar isto temos que denunciar sempre! FORA, FORA FASCISTAS!!! Este País, embora muitos não queiram, é uma Democracia e Santa Catarina é Brasil! Todo o meu apoio a estas mulheres, corajosas e democráticas! Como cidadã livre, vivendo num país que eu ainda acredito livre, não aceito e não compactuo com esta barbárie!

Responder

Eridan

02 de março de 2015 às 12h50

Ah, eu lá…
Iriam pensar que esse bandido teria criado asas do voo que daria dali para o chão… Ah, como iriam.

Responder

Paulo Renato

02 de março de 2015 às 12h50

Olha descarregar o revólver eu não descarregaria por não tê-lo. Agora que ele sairia com uma faca cravada no buxo, ah sairia.

Responder

Elias

02 de março de 2015 às 12h34

O fascismo é irmão do nazismo. E o fascismo, sabe-se lá por qual razão, é mais tolerado que o nazismo. Tolerado e de certa forma até apoiado pelo capitalismo. Basta olharmos um pouco para trás e veremos as ditaduras fascistas que infestaram a América Latina com aval dos imperialistas. Só espero que nossas Forças Armadas, outrora comprometidas com a Guerra Fria, hoje, não mais aceitem golpes por encomenda dos que não tem nada a ver com a ordem e o progresso do povo brasileiro.

Responder

abolicionista

02 de março de 2015 às 12h26

A direita fazendo o que sempre fez…

Responder

Edgar Rocha

02 de março de 2015 às 12h19

A única razão pra alguém desejar uma batalha é o fato de que esta seria a única saída pra defender-se. Queria ver se aqueles que defendem o governo se propusessem a cortar cabeças. Tenho certeza que os “revolucionários”, ávidos por agressões e injúrias no varejo, dispostos a implantar o caos como mote pra reivindicar a ordem institucional (ditadura, entenda-se) ficariam quietinhos em suas casas articulando com forças externas, colocando-se como vítima. Aguentar calado este tipo de agressão, temendo a coação moral, só vai fazer a vítima apanhar mais. de um jeito ou de outro, o “provocador” é aquele que colocou a bandeira na janela. É isto que vão dizer.

Responder

Fabio SP

02 de março de 2015 às 11h17

Ué, quem falou que ia botar o seu “exército” nas ruas…

Responder

    Seu Zé

    02 de março de 2015 às 12h12

    Realmente, a ignorância é explícita. Você distorce falas por não as entender ou por maldade apenas. Eu fico com a segunda.

    Iza

    02 de março de 2015 às 12h15

    Entra na minha casa seu coxinha babaca? Tu vai tomar um tiro na sua boca fascista!

    abolicionista

    02 de março de 2015 às 12h28

    Defendendo criminoso, Fábio? Às vezes vocês deixam a máscara cair, né? Em qualquer lugar civilizado o lugar para gente do seu tipo é na cadeia.

    Santana

    02 de março de 2015 às 13h04

    “botar exército na sua” sr. Fábio é no sentido figurado, quer dizer chamar os militantes das causas sociais para rua. O sr. tá querendo é complicar como todo tucanalha despeitado.

    Leo V

    02 de março de 2015 às 14h14

    Nas ruas, manifestação.

    Invadir residência para impor aos outros.

    Depois vão invadir as residências para levar aos prorões de tortura.

Almir

02 de março de 2015 às 11h11

Se eles fazem isso pensando que agradam aos americanos, estão enganados. Os ianques têm nojo de capachos.

Responder

    Edgar Rocha

    02 de março de 2015 às 12h07

    Tem razão colega. Você me fez lembrar o episódio do assassinato de Viriato, líder da resistência lusitana ao Império Romano. Na impossibilidade de vencer o comandante celta, romanos apelaram ao suborno de traidores, que o mataram enquanto dormia em sua tenda. A retornar a Roma, esperando o pagamento por ter degolado seu líder, o Império Romano lhes deu a resposta merecida: “não pagamos traidores”. O destino dos três assassinos ficou traçado. Sem pertencer ao Império e execrados em sua própria terra, vagaram no limbo social pelo resto de suas vidas. Há quinhentos anos esta cepa vaga pelas terras do Brasil, esperando o soldo pelo serviço sujo que nunca lhes é pago devidamente, vivendo de migalhas aos cachorros e desterrados em sua própria terra. Governam, traem, subjugam, mas seu desejo não é manter o reino dos súditos de pele escura. Por eles, degolariam a todos, esperando entregar de mão beijada os despojos aos que lhes fazem de escravos mentais. Preferem ser escravos dos que idealizaram como raça superior, na crença vã de que um dia usaram a mesma toga, a descer ao nível dos que julgam ser superiores. É triste, pois são do mesmo sangue que eles, os traidores. Mais triste é que não apagarão esta marca jamais, descendo ao nível mais baixo para provar que são diferentes dos que lutam contra os dominadores.

Horridus Bendegó

02 de março de 2015 às 10h57

Oba, será que enfim teremos nossa tão faltosa guerra civil?

Responder

    Paulo Piza

    02 de março de 2015 às 11h59

    Vc. não sabe o que é uma guerra civil!Se soubesse não ia ficar neste oba oba.Espero que vc. não tenha filhos nem netos,pois seria terrível principalmente para eles!Guerra,qualquer que seja,nunca melhorou o mundo.Por acaso vc. é cego?

    Edgar Rocha

    02 de março de 2015 às 13h40

    Quem festeja a guerra civil não aguenta uma gata pelo rabo. Se alguém demonstrar resistência, logo apontam o dedo e chamam de covardes e violentos os que ouviram calados doto tipo de injúria. Horridus Bendegó, você não assume nem seu nome verdadeiro. Volta pra toca e fica quieto.


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!