VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Conceição Lemes rejeita rótulo de ‘youtuber bozominion’ e rebate leitor
Denúncias

Conceição Lemes rejeita rótulo de ‘youtuber bozominion’ e rebate leitor


06/01/2021 - 15h23

Por Conceição Lemes

Em 5 de dezembro de 2020,  postamos a reportagem Senador publica vídeo da Federação Nacional dos Petroleiros como se fosse o autor.

O senador é Rogério Carvalho (SE), líder do PT no Senado.

A Federação Nacional dos Petroleiros  é a FNP.

Esta repórter é a autora da matéria.

Os detalhes do caso podem ser lidos aqui.

Nos comentários, o senhor Titan de Lima postou o comentário abaixo:

Diante das graves acusações, achamos mais adequado responder em novo post em vez de fazê-lo nos comentários, como é o habitual no Viomundo.

Vamos por partes.

1. De saída, me impinge o rótulo de agir “tipo youtuber bozominion”, mas usa linguagem e estilo típicos de um bolsonarista.

2. Aliás, tornou-se prática comum em certos segmentos da esquerda acusar de bolsominion quem os critica.

3. A função da verdade verdadeira é aparecer, demore o tempo que for.

4. Não me refiro à minha opinião pessoal ou à sua. Mas à verdade factual.

5.Na minha reportagem, me ative aos fatos, entrevistei as pessoas mencionadas. Não usei juízos de valor, ao contrário de Titan de Lima, que o faz do começo ao final da sua mensagem.

6. Dar crédito é essencial. É questão de honestidade intelectual. Infelizmente, cada vez mais em desuso.

7. O correto seria dar o crédito à Federação Nacional dos Petroleiros (FNP) logo no início do vídeo.

8. Ao não fazer isso de cara, faz parecer, sim, que o senador é o autor.

9. O senador (ao telefone, comigo) e seu assessor de comunicação (em mensagens por whatsapp) insistem em dizer que o crédito à FNP teria sido dado ao final do vídeo.

10. Acontece que aquele crédito (veja imagem abaixo) no derradeiro instante do filme de 1 minuto e 28 segundos não é do vídeo, mas da petição online. Isso, inclusive, está no vídeo original.

11. Já o nome do senador aparece o tempo inteiro na tarja inferior que a assessoria dele criou para o vídeo.

12. Não se trata de mera opinião pessoal.

O petroleiro João Antônio Moraes, que me enviou o vídeo do senador, diz que deveria ter sido dado o crédito.

Moraes já foi coordenador-geral da Federação Única dos Petroleiros (FUP) e, atualmente, é diretor do Sindipetro Unificado SP.

13. Titan de Lima fala que parti “para constrangimento” para fazer minha “verdade valer!”

Essa é a sua visão, a sua opinião.

Eu não busquei constrangimento de qualquer parte, apenas me ative ao fato de que, no vídeo do senador, não havia o crédito da FNP.

Agora, se esse fato em si é constrangedor para o senador, a culpa não é minha.

14. Por sinal, o título do vídeo mudou.

Na versão original, da FNP, era Assalto ao Brasil.

Já na do senador passou  a ser Futuro ameaçado, com os acréscimos URGENTE! Petroleiros denunciam o roubo do milênio na Petrobras!

No pé, logo na abertura, aparece escrito senador Rogério Carvalho (PT-SE).

De modo que, quem assiste ao vídeo, é levado a achar que o senador é o autor.

15. Viomundo não tem medo de caras feias e de esbravejamentos. Tanto que publicamos o comentário de Titan de Lima com acusações a esta repórter.

16.O Viomundo também não tem compromisso com o erro. Se tivéssemos nos equivocado, seríamos os primeiros a reconhecer.

Afinal, reza velho ditado popular, “errar é humano, mas perserverar no erro é burrice”.

17. Por que o senador não se retratou nem pediu desculpas prontamente à FNP, por exemplo? Era o mínimo que deveria ter feito, e, a partir daí, dar o crédito corretamente, por exemplo. Por que não o fez também?

Para aqueles que não sabem, há duas federações de petroleiros.

A FNP, ligada ao Conlutas e ao PSOL.

Já a FUP tem proximidade política com o PT e é filiada à CUT.

“A FUP sempre atuou com autonomia em relação ao PT”, diz João Antônio de Moraes.

“Fizemos greve e acampamos durante 30 dias em frente ao Congresso Nacional contra o leilão do campo de Libra [pré-sal], promovido pelo governo Dilma”, relembra o ex-coordenador-geral da FUP .

18. Em vez da retratação e do pedido de desculpas, o senhor Titan de Lima, o senador e o assessor de comunicação dele insistem – repito – em não admitir o equívoco.

Preferem bater na tecla do crédito no final do vídeo – que, reitero, é para a petição online e não para o vídeo.

19. Aliás, se eu fosse bolsominion mesmo ou petista de carteirinha de um dos 136 municípios brasileiros em que PT e PSL se coligaram nas eleições de 2020, eu poderia ficar ofendida.

O PSL, afinal, é o partido pelo qual Jair Bolsonaro se elegeu presidente em 2018.

Essa radiografia foi feita pelo Congresso Em Foco, que trouxe outro dado curioso.

Na Câmara, o PSL — que tem a segunda maior bancada da Casa – votou com o governo em 93% dos casos.

O PT– com a maior bancada da Câmara – se alinhou ao governo em apenas 20% dos casos.

O deputado federal Odair Cunha, do PT mineiro, foi o único a passar de 25% de governismo.

Já no Senado, a situação é diferente.

Segundo o Congresso em Foco, os dois senadores do PSL — Major Olímpio e Soraya Thronicke  —  têm, respectivamente, 88% e 92% de alinhamento com o governo.

Já os seis senadores do PT, também de acordo com o Congresso Em Foco, se alinham entre 71% e 74% às causas governistas.

20. Sabia que, além de defender Rogério Carvalho com unhas e dentes, o senhor tem um outro ponto em comum com o assessor de comunicação dele?

Ao se referir ao parlamentar, ambos têm o hábito de usar o termo “Senador”, com letra maiúscula.

21. Inicialmente, descobrimos que o IP do computador que Titan de Lima usou para nos enviar a mensagem é de Brasília.

Aprofundando mais as pesquisas, chegamos ao seu nome completo: IRACILDE Titan de Lima e SILVA, como aparece no Currículo Lattes.

22. De 1999 a 2018, ele fez parte da assessoria parlamentar do PT na Câmara dos Deputados.

23. Nessa condição, em 2000, Titan de Lima e Alexandra Reschke fizeram um parecer técnico contra a transposição do rio São Francisco, que cinco anos depois criou saia justa para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

24. Em 2000, vale relembrar, o presidente Fernando Henrique Cardoso lançou o projeto de transposição do São Francisco, desenvolvido por seu ministro da Integração Nacional, o senador potiguar Fernando Bezerra.

Desde o início, a proposta dividiu o Nordeste entre os estados “com água” (BA, PE, SE, AL) e os “sem água” (RN, CE, PB, PI).

25. Ainda em 2000, o PFL assassinou o projeto, tirando-lhe as verbas através de manobras orçamentárias do senador Paulo Souto e do deputado federal José Carlos Aleluia, ambos da Bahia e aliados do também senador Antônio Carlos de Magalhães, que era contra a transposição.

26. Em 2003, Lula ainda não tinha muito o que dizer sobre o projeto.

Em 1º de maio, ao enviar ao Congresso as propostas de reformas, prometeu a transposição do São Francisco para diminuir a  resistência dos governadores e da bancada do Nordeste à reforma tributária:

A tal da Transposição das águas do São Francisco, que me recusei a debater por tanto tempo, e que dependendo do Estado que você fala, é vaiado ou aplaudido, eu não sei se do São Francisco ou de onde, mas vai haver transposição das águas para o semi-árido

27. Em 2005, a transposição ressurgiu com tudo. Fernando Bezerra, senador pelo Rio Grande do Norte, voltou a ser ministro da Integração Nacional, e o projeto tornou-se prioridade máxima do governo Lula.

28. A decisão provocou muitas reações.

E o parecer de Titan de Lima, que, em 2000, não teve muita repercussão, em 2005 tornou-se a “bala de prata” contra a transposição no governo Lula.

O governador de Sergipe, João Alves Filho, maior opositor da transposição, utilizou-o para obter uma liminar suspendendo o projeto.

O assunto foi tema de matéria na Tribuna da Imprensa, de 4 de fevereiro de 2005.
Em março de 2005, o então senador tucano Álvaro Dias do Paraná (atualmente no Podemos), disse na tribuna do Senado:
“Essa nota técnica traz todo o embasamento necessário e todos os argumentos  para a rejeição da transposição do rio São Francisco”.
Pediu que ela fosse transcrita nos Anais do Senado (na íntegra, ao final).

29. Afinal, quem estaria faltando com a verdade?

Seguramente, a nossa matéria não é enganosa. Reafirmamos o seu conteúdo na íntegra.

30. Lembre-se de que os fatos verdadeiros sempre aparecem, não importa quanto tempo se passar.

Parecer de Titan de Lima sobre  transposição do São Francisco by Conceição Lemes on Scribd





5 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Anesio

09 de janeiro de 2021 às 17h19

Sra. Jornalista: Vá fazer reportagens sobre os grandes LADRÕES do CENTRÃO. Perde muito tempo com uma bobagem de um senador do PT… Por que tanto ódio do PT?Para apoiar descaradamente o PSOL, seu partido? A Sra. é divisionista da esquerda e contribui para a Direita extrema do Bozo. Parabéns!

Responder

Fernando Nunes dos Santos

07 de janeiro de 2021 às 22h51

arqueologia completa quebrou o titan em pedacinhos de bozo!!!

Responder

Morvan

07 de janeiro de 2021 às 11h58

Bom dia. O sr. Titan se mostrou um pigmeu, ou “pigdeles”, pois, em vez de tratar dos eventuais equívocos da matéria, fez ataques vis “ad hominem” a uma da smais atuantes e íntegras jornalistas (com J!) deste país. Que desagradável, sr. Titan.

Responder

Fernanda Giannasi

07 de janeiro de 2021 às 11h41

Não posso deixar de me manifestar sobre a crítica feroz de Titan de Lima à matéria de Conceição Lemes, uma das jornalistas mais atuantes, dignas e respeitadas deste país. Que não concorde com o teor da matéria, é um direito que lhe assiste, como assessor parlamentar da bancada do PT que foi e que, creio, continua sendo, mas atribuir à editora de Viomundo, a pecha de “BOZOMINION”, além de uma covardia é um insulto inaceitável e demonstra, além de tudo, ignorância absoluta sobre a trajetória de vida, profissional e política de Conceição Lemes.
Conheci Titan de Lima, quando todos éramos autênticos opositores dos (des)governantes que se sucedem no Palácio do Planalto há décadas (ou eterna e será inexoravelmente na História política deste país miserável?) . Militamos nas mesmas trincheiras ambientalistas até que, surpreendentemente, ele (Titan) impediu, numa manobra execrável, que um dos mais importantes relatórios sobre a tragédia socioambiental do amianto – o DOSSIÊ AMIANTO BRASIL – disponível em https://drive.google.com/file/d/1kWdOyxJvWfvzgAR9XyvS4BombHxfHkH-/view – fosse aprovado na CMADS (Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável) da Câmara dos Deputados federais. Ele agiu, como o fez agora virulentamente contra Conceição Lemes, como um “cão de guarda” feroz para proteger o governo petista, que estava aliado aos interesses da indústria assassina que explora o amianto no Brasil. De lá para cá, meu respeito e admiração pelos posicionamentos firmes e trabalhos, até então, prestados à causa ambientalista, de Titan de Lima, desapareceram e agora, isto fica mais cristalizado com esta grosseria e acusações infundadas contra Conceição Lemes. Deplorável é só o que posso dizer e lamentar.

Responder

Gerson Carneiro

06 de janeiro de 2021 às 16h00

Jornalismo destemido sem rabo preso.
Parabéns áquela que considero a melhor jornalista desse país: Conceição Lemes.
👏👏👏

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding