VIOMUNDO

Diário da Resistência


Denúncias

Avaaz: Congresso dos EUA tenta impor censura global à internet


17/11/2011 - 21h08

Sugestão de Morvan Bliasby

do Avaaz

Nesse exato momento, o Congresso dos EUA está debatendo uma lei que pode conferir ao país o poder de censurar a Internet do mundo inteiro — criando uma lista negra que pode ter o YouTube, Wikileaks e até mesmo a Avaaz como alvos.

Sob essa nova lei, os EUA podem forçar os provedores de Internet a bloquearem qualquer website que seja suspeito de violar as leis de copyright e propriedade intelectual, ou que falhem em policiar suficientemente as atividades de seus usuários. E, por conta da maioria dos serviços de hospedagem de Internet estarem localizados nos EUA, essa lista negra poderia reprimir a web livre para todos nós.

A votação pode acontecer a qualquer dia, mas podemos ajudar a impedir isso — alguns membros do Congresso querem preservar a liberdade de expressão e nos informaram que um clamor internacional ajudaria a aumentar a força deles lá dentro. Vamos urgentemente levantar nossas vozes de todos os cantos do mundo e criar uma petição global como nunca antes vista, apelando para que os tomadores de decisão nos EUA rejeitem esse projeto de lei e impeçam a censura da Internet.

Clique AQUI para assinar  a petição. Em seguida, encaminhe para a maior quantidade de pessoas possível — nossa mensagem será entregue diretamente para membros do Congresso dos EUA antes da votação crucial.

Leia aqui

Franklin Martins:“Há uma tentativa de interditar o debate sobre o marco regulatório da mídia”

Claudio Baldino Maciel: “Liberdade de imprensa não é um direito absoluto”

Venício Lima: A distância entre os princípios e a prática

Livro do Luiz Carlos Azenha
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

A Trama de Propinas, Negociatas e Traições que Abalou o Esporte Mais Popular do Mundo.

Por Luiz Carlos Azenha, Amaury Ribeiro Jr., Leandro Cipoloni e Tony Chastinet



23 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Erle Carrara

03 de janeiro de 2012 às 14h56

Talvez a intenção da lei seja boa (ou não) mas quem seria responsável por determinar se um site ou servidor deve sair do ar ou não?? Algumas poucas pessoas. O 0.1% controlaria a opinião dos outros 99.9%.

Responder

Sérgio

17 de dezembro de 2011 às 01h35

Amigos: Avaaz é golpe , vejam http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/avaaz-go

Responder

Pitagoras

25 de novembro de 2011 às 23h22

Admiro-me de não já terem feito antes. Afinal tudo na Internet está nas mãos dos gringos, dos satélites ao administrador dos domínios. É credulidade em excesso ou imbecilidade nossa relação com a realidade?

Responder

mad hatter

22 de novembro de 2011 às 08h43

Eu acho até uma boa.
No começo é claro que o impacto é grande, mas uma prensa deste tamanho poderá com o tempo fortalecer a internet fora do EUA, criando estruturas alternativas e diminuindo a dependencia mundial deles nesta área.

Responder

Anita

19 de novembro de 2011 às 19h48

Isto e p/ se preocupar! .E parar p/ pensar o que mais pode vir…

Responder

Josi

19 de novembro de 2011 às 09h49

Já experimentaram fazer uma consultinha ao seu nome no Google para ver o que aparece? Podem se surpreender com a quantidade de informações públicas!!

Responder

marcus_fitz

19 de novembro de 2011 às 00h27

O Big Brother já existe e não nos damos conta…
Primeiro: "Existem 13 servidores DNS raiz no mundo todo e sem eles a Internet não funcionaria. Destes, dez estão localizados nos Estados Unidos da América, um na Ásia e dois na Europa. Para Aumentar a base instalada destes servidores, foram criadas réplicas localizadas por todo o mundo, inclusive no Brasil desde 2003." – Wikipedia
Segundo: Como o Facebook rastreia seus 800 milhões de usuários: http://blogs.estadao.com.br/radar-tecnologico/201

São dados assustadores, pois não damos conta (ou a maioria não se interessa) de como estamos sendo monitorados…
Privacidade já!!

MF

Responder

Nelson

18 de novembro de 2011 às 23h42

Você já imaginou se fosse o governo de Hugo Chávez, Rafael Correa, Evo Morales, Ahmadinejad ou de outros desafeto qualquer dos governos dos EUA e da Europa a debater a implantação de censura à TV, rádio, Internet ou coisa que o valha como seriam as manchetes a respeito e o quanto seriam repetidas?
Como é coisa do governo dos EUA, ninguém, ou quase ninguém, ficou sabendo.

Responder

Eduardo Raio X

18 de novembro de 2011 às 20h36

Puxa uma censura igualzinho a uma ditadura feita numa dessas republiquetas das bananas! E se acham os paladinos da democracia e liberdade?!?! SERÁ???

Responder

Regina Braga

18 de novembro de 2011 às 14h52

Pois é…ainda têm gente garantindo que Cháves é ditador…È que não conhecem a ditatura dos 1%,tudo feito na surdina,no come quietoou trabalhando em silêncio como o Azeredo.Ave Maria,ninguém vê a ditadura da direita nazista.

Responder

Valdeci Elias

18 de novembro de 2011 às 08h43

Ha males ,que vem para o bem. Quem sabe, só assim a Internet se livra dos EUA, e se torna internacional.

Responder

    Morvan

    18 de novembro de 2011 às 14h18

    Boa tarde.

    Valdeci, o problema é muito sério; como eles detém o maior número de controladores de DNS, eles podem impedir – Legalmente – que um Governo "do Eixo do Mal" roteie pelos servidores de DNS deles. É o tipo do poder que precisamos evitar.

    :-)

    Morvan, Usuário Linux #433640.

    Mário SF Alves

    18 de novembro de 2011 às 18h32

    Hora de comprar mais uns teras de espaço em discos rígidos. Hora de armazenar, engenherizar e partilhar "a foto" mostrando que o rei está nú.
    Mas, afinal, qual o propósito "político" (ou melhor anti-político) do ACTA , e, enfim, que tipo de informação iriam querer censurar?

francisco.latorre

18 de novembro de 2011 às 02h00

demorô.

..

Responder

SILOÉ-RJ

18 de novembro de 2011 às 01h58

Com certeza os congressistas sofrem pressões da mídia, além da maioria deles temerem a internet .
É um concorrente fortíssimo ao PIG de lá também, pois embora fazendo parte do sistema, perdem o poder de influência, pela falta de credibilidade e pelo crescimento do nº de blogueiros e de sites influentes.

Responder

Werner_Piana

17 de novembro de 2011 às 23h25

Ah… a maior "democracia" do universo… seria cômico se trágico não fosse!
"Democracia" dos 1%. NOJO!

Responder

Francisco - Niterói

17 de novembro de 2011 às 23h13

É um país sofisticado, vcs não acham?

Responder

João-PR

17 de novembro de 2011 às 22h51

Nossa! Até parece que o Eduardo Azeredo virou congressista nas terras do tio sam!

Responder

    Morvan

    18 de novembro de 2011 às 14h22

    Boa tarde.

    Bem lembrado, João-PR.
    Acontece que o sr. Eduardo Mensalista Azeredo atende ao mesmo lobby, ao mesmo tipo de gente e a seus interesses escusos.

    :-)

    Morvan, Usuário Linux #433640.

    Mário SF Alves

    18 de novembro de 2011 às 18h21

    Sim, mesmo lobby. Rezam pela mesma cartilha; mesmo catecismo e um único fim. E, como de praxe, não é um fim que interesse ao povo. Muitíssimo pelo contrário.

    marcus_fitz

    19 de novembro de 2011 às 01h11

    A oposição é fraca no mundo virtual, por isso que eles trabalham silenciosamente querendo calar as vozes dissonantes em meios onde eles não têm controle.
    A Internet não gera lucros exorbitantes como os jornais impressos e a tv – receita essa vinda da publicidade – um jornal se parece cada vez mais um catálogo comercial.
    A mídia tradicional está encolhendo com a proliferação de sites e blogs que combinam notícia e análise – e que não custam nada…
    A Folha tem que vender DVDs e outras coisas embutidas para bombarem a edição de domingo – no caso do UOL é até humilhante – criaram até uma seção pornô! E surge direto a chamada na página principal do seu novo 'produto'…
    Essa atitude do deputado leva a outra questão: E a Ley dos Médios?

Lu_Witovisk

17 de novembro de 2011 às 21h57

Essa é a DEMOCRACIA.

Avisando o povo..

Responder

    Mário SF Alves

    18 de novembro de 2011 às 18h37

    Ah! Essa democracia à qual tudo, o menor espirro, fragiliza. Ah! Que primor de democracia se tornou essa tal demociacia americana. Salvemo-nos dela!


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!