VIOMUNDO

Diário da Resistência


Delegado é afastado em Pernambuco por postagem contra Marielle, mas diz que sua conta no Facebook foi invadida
Denúncias

Delegado é afastado em Pernambuco por postagem contra Marielle, mas diz que sua conta no Facebook foi invadida


18/03/2018 - 21h57

No Facebook, o delegado segue o padrão da direita: posts esculhambando Dilma…

Delegado é afastado do cargo por postagem contra vereadora Marielle Franco

As declarações foram publicadas pelo policial em uma rede social

Do Diario de Pernambuco

A Secretaria de Defesa Social (SDS) divulgou nota no final da manhã deste domingo (18), comunicando o afastamento do delegado Jorge Ferreira do plantão da Delegacia da Mulher.

A decisão foi tomada por conta de declarações postadas pelo policial em uma rede social sobre o assassinato da vereadora Marielle Franco (Psol/RJ), morta a tiros no dia 14 deste mês.

Há apenas um mês, ele dava plantões na Delegacia da Mulher de Santo Amaro, sem exercer cargos de chefia ou coordenação na unidade.

De acordo com a nota, o conteúdo da postagem foi encaminhado à Corregedoria Geral da SDS, que iniciou uma investigação preliminar, na qual o servidor terá direito à ampla defesa e ao contraditório.

“Até a conclusão do procedimento administrativo, o servidor ficará à disposição do setor de recursos humanos da PCPE”, diz o texto.

Ainda de acordo com a nota, o teor das afirmações é incompatível com o posicionamento do Governo, da Secretaria de Defesa Social e da Polícia Civil, “que prezam e focam todos os seus esforços na preservação da vida, proteção dos cidadãos, tolerância e paz social”.

O texto é assinado pelo Governo do Estado de Pernambuco, Secretaria de Defesa Social de Pernambuco e Polícia Civil de Pernambuco.

Defesa



Também foi por meio das redes sociais que o delegado Jorge Ferreira resolveu se defender sobre o assunto.

Em um vídeo com cerca de dez minutos, o delegado disse não ter sido o autor da postagem.

“Fui informado por um amigo sobre a publicação. Quando eu sair da rede social eu vi que tinham vários aparelhos logados na minha conta e eu nem sabia. Tinha inclusive um no Crato, mas eu nunca estive lá. Eu sai imediatamente de todos mas não sei como postaram isso”, enfatizou.

Ainda no vídeo, o delegado disse defender que antes das acusações sejam realizadas as investigações.

“Eu tenho posturas políticas muito claras, todo mundo sabe. Eu sou a favor da lei, da ordem, do trabalho bem executado. O que eu venho postando e replicado é para fomentar a discussão porque defendo a ideia de que antes de se acusar se apure. Mal aconteceu o homicídio e já se começou a acusar a Policia Militar. Eu defendo que não, que seria interessante antes ver todas as possibilidades”, diz.

Já a Associação dos Delegados de Polícia de Pernambuco (ADEPPE) divulgou uma nota afirmando que o post não é de autoria do referido Delegado.

“Jorge Ferreira é um profissional responsável e extremamente dedicado à missão a que foi incumbido, na defesa dos direitos da mulher. Aqueles que o conhecem minimamente sabem que Jorge possui um temperamento completamente incompatível com o conteúdo chulo e grosseiro do texto publicado”, diz o texto.

Por fim, a associação disse estar apurando como se deu a fraude perpetrada, se através de uma conta falsa ou se houve invasão da conta do delegado Jorge Ferreira.

A pré-candidata ao governo de Pernambuco pelo Psol, Dani Portela, por sua vez,  divulgou nota de repúdio exigindo apuração imediata sobre supostas postagens do delegado Jorge Ferreira.

“Não bastasse o assassinato de Marielle Franco, uma mulher negra e militante, algumas pessoas começaram a replicar nas redes sociais conteúdo falso, as famosas Fake News, com o objetivo de assassinar, dessa vez, a reputação de Marielle. Exigimos, diante da gravidade e da repercussão, a devida investigação da postagem e, caso se confirme autoria do delegado na produção do conteúdo, que ele seja punido dentro dos rigores da lei. É inadmissível que agentes públicos, que têm por objetivo servir à população, sejam instrumentos de propagação de ódio, difamação e mentiras. Principalmente quando ocupam espaços em que devem garantir a segurança das mulheres. Não iremos retribuir com a mesma moeda ataques que nada contribuem para o bem-estar social, mas exigimos uma apuração rigorosa dos fatos”, destaca a nota.

Leia também:

Desembargadora que acusou vereadora assassinada de ligação com o Comando Vermelho já pediu fuzilamento de deputado





12 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Fabio Silva

19 de março de 2018 às 15h46

É impressionante como ódio e covardia andam de mãos dadas: quando o linchador olha pro lado e vê que está sozinho, bate o cagaço.

Responder

enganado

19 de março de 2018 às 15h30

Prêmio para o delegado da DEMOCRADURA do “”regime”” ANGLO_SIONISTA dU$$ ___braZiU$$$A. Vai trabalhar na equipe seleta do vagabundo-juiz-apátrida __çerjiou murrow__, com diária / auxílio moradia / auxílio munição / seguro contra qq agressão dos 14P’s / auxílio férias em qq parte dos U$$$raHell , com estadia paga pela PF_DB / curso de tortura no FBI-CIA-GUANTÂNAMO – . . . / . . . etc; enfim todas as benesses de quem assina o ponto na ___çerjiou murrow’S Gang____ .

Responder

FrancoAtirador

19 de março de 2018 às 13h50

.
.
Esse Delegado ficará à disposição do setor de recursos Desumanos da PCPE
.
.

Responder

Ta-sunko-witko

19 de março de 2018 às 10h37

Cara só fazendo uma depuração ao estilo Stalin, tem tanta gente estupida ocupando cargos (importantes, juízes, deputados, desembargadoras, procuradores, artistas jornalistas) que ganhar a eleição não vai adiantar muita coisa. Ao meu ver deveríamos fazer uma revolução e mandar muita gente para el paredon

Responder

Heitor

19 de março de 2018 às 10h22

Nada que não se possa verificar de qual ip ou computador saiu a postagem caluniosa.

Responder

Jorge Pereira

19 de março de 2018 às 09h41

Agora não foi ele. Mas o post ficou lá na conta dele por dias. É um frouxo mesmo.

Responder

Julio Silveira

19 de março de 2018 às 07h06

Diante do historico, não duvido que tenha sido mesmo postado pelo proprio, e que após as varias denuncias de inverdades nestas publicações replicadas por malfeitores facistas, neste outro crime contra a vereadora, tenha recuado de forma covarde. Como todos os que praticam esses atos são quando se veem diante da iminencia de sua responsabilização.

Responder

Josuelton

18 de março de 2018 às 22h56

“Os negros sofrem no Brasil por conta da escravidão de seus ancestrais e por isso merecem reparações!!
Não importa se, segundo estudos genéticos, 85% da população brasileira é descendente de negros e indígenas, ou seja, que 85% da população brasileira descende de escravos”

Mas a polícia sabe muito bem identificar quem tem mais genes africanos, seus brancos opressores!!

Eu sei que 90% de vocês vêm de famílias que nunca foram donos de latifúndios ou comércio de escravos, mas são opressores do mesmo jeito!!

Viva Shabazz, o matador de branco!!

Viva a gulag branca!!

Responder

Josuelton

18 de março de 2018 às 22h46

http://desciclopedia.org/wiki/Movimento_Negro
.
.
.
.
Vejam esse artigo denegrindo o valoroso Movimento Negro.
Triste…triste

E ainda querem denegrir a santa Marielle dizendo que ela foi morta por alguém com passagem por tráfico.
O que o povo mulato que pensa ser preto desse país vai ter que aguentar ainda!!
Já são 500 anos de opressão desde que nossos antepassados foram vendidos por reis africanos na Costa Africana.
Chega de opressão!
Povo mulat….digo, preto, merece até a alma de todos os brancos do Brasil, mesmo aqueles cujas famílias nada tiveram a ver com a escravidão.
Sim, eu sei que segundo estudos genéticos, 85% da população brasileira é descendente de negros e indígenas, ou seja, que 85% da população brasileira descende de escravos, mas não importa.
Só o povo mulato… digo, preto, sabe o que passa!!!

Responder

a.ali

18 de março de 2018 às 22h24

sei, qdo. a coisa vem à publico se borram e culpam os outros… são bem corajosos no teclado e só!
são, na real, um bando de covardes!

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding