VIOMUNDO

O Globo dá manchete garrafal para Marcier mas não fala de Welber

07 de outubro de 2014 às 23h58

welber

Welber, o assessor do ex-secretário de Estado Bruno Covas, do governo tucano de Geraldo Alckmin: PF sentou-se sobre a apreensão.

Captura de Tela 2014-10-07 às 23.52.25

PS do Viomundo: A pessoa que nos enviou a dica lembra que, em São Paulo, foi preciso a Conceição Lemes correr atrás para que a Polícia Federal confirmasse a apreensão de R$ 102 mil reais e 16 cheques assinados em branco do candidato a deputado federal Bruno Covas, nas mãos de um assessor. O assessor fugiu da Lemes mas falou ao Estadão, que deu ao detido 60% do texto para se defender. Depois de ler a “reportagem” do Estadão a gente ficava com dó do assessor. Já em Brasília, recorde! A notícia chegou ao jornal em menos de 3 horas! Quanto tempo vai levar até vazarem as fotos? Depende: se for petista vaza na véspera do segundo turno; se for tucano, a notícia será soterrada.

PS2: Como bem notou o Alexandre Tambelli nos comentários, no Estadão o assessor de Bruno Covas foi chamado de “apoiador”.

PS3 do Viomundo: Foi dito e feito. Olhem só o que aconteceu horas depois deste post ter sido publicado. Chequem o tamanho da manchete de O Globo: 31 x 8 centímetros:

Captura de Tela 2014-10-08 às 16.16.33

E aqui, a da Folha:

Captura de Tela 2014-10-08 às 17.22.12

Para entender melhor, leia:

Assessor de tucano detido com 102 mil em dinheiro vivo

Welber ia torrar o patrimônio para comprar um automóvel?

Investigação VIOMUNDO

Estamos investigando a hipocrisia de deputados e senadores que dizem uma coisa ao condenar Dilma Rousseff ao impeachment mas fazem outra fora do Parlamento. Hipocrisia, sim, mas também maracutaias que deveriam fazer corar as esposas e filhos aos quais dedicaram seus votos. Muitos destes parlamentares obscuros controlam a mídia local ou regional contra qualquer tipo de investigação e estão fora do radar de jornalistas investigativos que trabalham nos grandes meios. Precisamos de sua ajuda para financiar esta investigação permanente e para manter um banco de dados digital que os eleitores poderão consultar já em 2016. Estamos recebendo dezenas de sugestões, links e documentos pelo [email protected]

R$0,00

% arrecadado

arrecadados da meta de
R$ 20.000,00

90 dias restantes

QUERO CONTRIBUIR
44 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Léo

09/10/2014 - 14h30

Helicóptero com 500 kg de cocaína pura, ninguém liga;
povo de SP ficando sem água, a culpa é sempre de seres divinos. exceto agora que a pobre Amazônia se tornou a culpada pelo problema de investimento do Alkmin em saneamento básico;

Fico me perguntando o que o brasileiro tem na cabeça.

Responder

jose marcos

09/10/2014 - 13h02

A Sra. Paula Matos, que acusou o Azenha acima vai, confirmar a acusação ou vai fugir, numa tipica atitude de reacionários da direita que adoram repetir feito papagaios o que a grande mídia vomita?????????

Responder

Urbano

09/10/2014 - 12h54

Isso para o imbecis vem a ser a sopa no mel…

Responder

Fernando Lopes

09/10/2014 - 12h03

O que mais me preocupa neste clima todo anti-petista é manipulação do ódio! O ódio é um dos sentimentos mais incontroláveis que nós temos como seres humanos. Se Aécio ganhar todos estes monstros anti-petistas se sentirão livres para fazer o que quiserem. Grupos violentos incentivados pelo ódio anti-petistas incentivados pelos Jabores e Scherazades da TV farão acertos de contas com os petistas e serão elogiados!
Por isso Aécio vencendo jogue fora todas as suas roupas vermelhas pois usá-las pode levar você a amanhecer num lote vago morte, decepado e esquartejado, mesmo que você tenho votado no Aécio, pelo simples fato de estar de vermelho, a cor do PT!

Responder

Carlos de Sá

09/10/2014 - 11h16

E tem gente que acredita que a PF é Republicana.
Esses vazamentos seletivos da PF deixa claro que ela é mais tucana que republica.
Falei!

Responder

    Carlos de Sá

    09/10/2014 - 11h17

    Melhor, republicana!

Ricardo

09/10/2014 - 10h02

Primeira medida da Dilma quando se reeleger (e será) deve ser OBRIGATORIAMENTE tirar Cardozo do Ministério da Justiça e substituir em seguida o diretor da PF, que está empenhado em tirar o PT do poder.

Responder

Cesar Augusto Engroff

09/10/2014 - 08h33

…e tudo abaixo das barbas do esclerosado TSE.
a grande mídia está aplicando o seu golpe numa batalha desonesta e lacerdista.

Responder

Ricardo

08/10/2014 - 22h58

É o ciclo segue com reportagem de 2,5 min no jornal nacional. Próxima etapa: colunistas?

Responder

Marat

08/10/2014 - 22h35

Imaginem se esse cara ganha… Com essa imprensa suja e este judiciário corrupto e ineficiente, será uma farra só…
Creio que devamos nós, virarmos bléqui blóquis!

Responder

Marat

08/10/2014 - 22h33

Impren$$$a porca… PIG

Responder

Cesar Augusto M

08/10/2014 - 21h54

que vergonha dessa poliçazinha vendida e tucana. uma cambada de bandidos fardados a serviço dos vendilhos.
que vergonha da puliça tucana.

Responder

Gabriel Braga

08/10/2014 - 21h23

Caramba, difícil lutar contra todos ao mesmo tempo.

O pior é que a derrota,que pra mim é cada vez mais provável,se deve muito ao sentimento anti PT que tomou conta do Brasil e esse sentimento é obra do PIG,que conseguiu colar no partido a pecha de corrupto.

E o pior é que o monstro do PIG foi alimentado pelo próprio PT,com a política do controle remoto da Dilma e a mídia técnica da Helena Chagas.

Responder

Euler

08/10/2014 - 20h03

Uma coisa é a autonomia da PF para apurar a TODOS de forma igual. Outra coisa é a Polícia Federal a serviço dos tucanos. Aí não, né Cardoso. Quantos milhões de dólares a CIA deve estar molhando as mãos de alguns? Sei. É esta a polícia que Dilma anda elogiando para baixo e para cima? Será que estão com raivinha porque queriam aumentos salariais maiores? Ou é o PSDB que controla uma parte substancial da PF? Ou quem sabe Aécio prometeu dar aumento em dobro para a PF? Aqui em Minas, o único setor que recebeu aumento salarial substancioso foi a Polícia Militar, para não fazer greve e ser usada contra os movimentos sociais. Em compensação, os professores e os profissionais da Saúde, que são ampla maioria dos servidores públicos, conheceram o verdadeiro choque de gestão: confisco salarial, arrocho e corte de direitos.

Responder

Luiz Moreira

08/10/2014 - 19h24

Sabem o que estão colocando para o pessoal pobre em MINAS? Se a Dilma vencer, o meio quilo de feijão vai para R$ 10,00. Não é fofoca. Me foi perguntado esta tarde
por um vendedor de abacaxi, aqui no BAIRRO ERMELINDA, rua AMERICO VESPUCIO. Põe tropa de mentirosos nisto. Sempre o canalhas de direita fizeram isto.

Responder

Ricardo

08/10/2014 - 17h14

E não para por aí… A CBN já está repercutindo com direito a declaração de Aecio Neves. Resta saber se Jornal Nacional vai completar o ciclo.

Curioso também para saber se vai ter manchete nos impressos de amanhã e o destaque.

Responder

Seu Zé

08/10/2014 - 17h02

Azenha, não deixe passar. Acione essa Sra Paula. Isso tem que acabar.

Responder

Liz Almeida

08/10/2014 - 16h41

É revoltante a parcialidade da mídia.

Mas indigna também que psdb e pt usem dessas práticas.

#reformapoliticaja

Responder

Chapiro

08/10/2014 - 15h20

Está na capa do site d’O Globo em letras garrafais.

Fazendo uma busca no site não há nenhuma menção à apreensão feita com o Mario Welber, levando R$ 100 mil e 16 cheques assinados em branco do tucano Bruno Covas.

Responder

Maria

08/10/2014 - 11h57

Uma plantação da direita?

Responder

Julio Silveira

08/10/2014 - 11h56

Isso só mostra o quanto as instituições não estão aparelhadas pelo PT conforme os falaciosos dizem, a PF está aparelhada sim pelos tucanos. Eu não esqueço, nem do advogado geral tucano que foi para o STF fazer politica partidária e defender ferrenhamente os seus parceiros.

Responder

Andrea

08/10/2014 - 09h55

Não sei de qual partido é esse assessor, porém todo mundo também esqueceu daquele avião que foi apreeendido com 500 mil em dinheiro e diversos santinhos do candidato Marcelo Miranda do PMDB(que foi eleito). O povo tem memória seletiva e sempre acham que é armação pra cima do candidato.

Responder

    TONY-SC

    09/10/2014 - 00h36

    Isso sem falar no helicóptero dos Perrellas, aliados de Aécio em MG, apreendido com 500kg de pasta de cocaína, que apenas foi citado em letras pequenas envergonhadas pela midia. Nenhum repórter foi enviado a investigar e nadinha foi vazado (estranho, né?) pela PF do Zé. Até o piloto foi solto e saiu assobiando baixinho. Vergonhoso, cidadãos que se dizem “informados” não questionam o vinculo do candidato a Presidente com este ilícito, ainda mais com os boatos sobre suas “preferências”. “Silenzio stampa…”

Leandro_O

08/10/2014 - 09h21

Se eu votar na Dilma no segundo turno será só porque ainda tenho um pingo de esperança de ela quebrar o monopólio midiático – que para mim representa muita coisa em vários sentidos. Se ela vencer mas não fizer nada até 2018, o PT nem precisa se candidatar novamente.

Responder

    Celso

    08/10/2014 - 12h20

    Idem.

    L@!r [email protected]+e5

    08/10/2014 - 17h05

    De acordo.

clodoaldo

08/10/2014 - 08h54

Imagina se o Aécio ganha as eleições, acabaria notícias de corrupção no país, dando a enganosa impressão de que tudo estaria certo. Mas quando se lembrarem das privatizações sem retorno ao país, da Petrobrax, das ambulâncias superfaturadas (sangue-sugas), do sucateamento da educação pública, do fechamento de universidades federais, plataforma afundada, reeleição com denúncia de compra de votos no congresso, veríamos que o silêncio é providencial.

Responder

Romanelli

08/10/2014 - 05h35

Mas a PF não tinha se transformado em Republicana ? ..uai, mudou ou não mudou ?

mudou nada

Agora, sobre a apreensão tudo depende da forma como foi feita a operação.

Lembro que aqui em SP noticiaram que o escritório do PT foi assaltado e levaram R$ 300 mil ..em TICKET REFEIÇÃO !!! foio que foi dito ..não é interessante ? em ticket ? em nome de quem ? ..mais ainda foi ver que o assunto SUMIU

Convenhamos, depois eu falo que nosso problema NÃO é a reforma política e ainda me xingam ..se assim, CAIXA 2 existiu e vai sempre existir ..no máximo estão querendo criar entraves pra quem não tem a MÁQUINA na mão, do tipo que quem esta fora não entra, e quem esta dentro não sai.

Nosso cancro é MORAL ..é a impunidade, a cara de pau, a falta de ética pra onde quer que se vá.

AQUI hoje ser honestos é que causa espanto ..infelizmente a população até já se acostumou a ver militantes defendendo BANDIDOS, fazendo de déspotas ou astutos heróis ..ofendendo as Instituições e desdenhando da lei ..e isso vale pra TODOS

Responder

Francisco

08/10/2014 - 03h46

O legal, legal. legal mesmo é que o Ministro das Comunicações Paulo Bernardo impediu a sua esposa Gleisi Hoffmann, Ministra da Casa Civil, de colher os frutos da sua luta, junto com outros Ministérios, para acabar com a fome no sexto pais mais populoso do mundo.

Acabar com a fome, num país em desenvolvimento, equivale (ou deveria equivaler…) a acabar com o câncer num país desenvolvido.

Paulo Bernardo é, também,o responsável pessoal e intransferível do fiasco Padilha, em São Paulo.

Responder

Lasagna

08/10/2014 - 02h10

Antes de cada eleição presidencial na última década há alguma apreensão, operação, armação etc da PF, que fica meses sentada sobre investigações e detona tudo no momento oportuno, não sem antes dar uma marmita pro Estadão, uma pra Veja, outra pra Folha e uma pro Globo. Só que se o político é da oposição o partido desaparece do noticiário. Se é do governo, guilhotina é carinho.

Responder

Euler

08/10/2014 - 01h57

Veja o que saiu no site de O Tempo, de Minas;

Na chamada de capa:

“Assessores de políticos

PF faz apreensão em avião vindo de BH com dinheiro suspeito.

Três pessoas estavam na aeronave; segundo “Estado de S. Paulo”, eles são ligados a senador e a Ministério das Cidades e R$ 110 mil seriam dinheiro de campanha”.

Na página interna:

“Montante ficará sob guarda

PF faz apreensão em avião vindo de BH com dinheiro suspeito

Três pessoas estavam na aeronave; identidade dos passageiros não foi revelada, mas a reportagem apurou que dois deles teriam se identificado como assessores de políticos

PUBLICADO EM 07/10/14 – 22h53
DA REDAÇÃO

A Polícia Federal apreendeu na noite desta terça-feira (7), no aeroporto de Brasília, pelo menos R$ 110 mil, em dinheiro vivo, que estava sendo transportado em um avião. Três pessoas estavam na aeronave, que tinha saído de Belo Horizonte (MG).

A identidade dos passageiros não foi revelada, mas a reportagem apurou que dois deles teriam se identificado como assessores de políticos.

A polícia recebeu denúncias no início da noite desta terça (7) de que um avião pertencente a uma empresa de taxi aéreo, que havia deixado a capital mineira em direção a Brasília, transportava carregamento ilícito. A informação chegou à PF por volta das 19h.

Agentes se posicionaram na pista do aeroporto para averiguações e encontraram o dinheiro. Um passageiro portava R$ 80 mil; outro, R$ 30 mil.

O montante ficará sob a guarda da PF até que se apure a origem do dinheiro. Os passageiros estão prestando esclarecimentos neste momento [23h desta terça].

Dinheiro de campanha

Segundo reportagem divulgada pelo portal do “Estado de S. Paulo”, o dinheiro seria de campanha. Além disso, segundo o mesmo jornal paulista, uma das pessoas que estava com o dinheiro é assessor do ministério das Cidades e uma outra assessora um senador.”

Fonte: http://www.otempo.com.br/cmlink/hotsites/elei%C3%A7%C3%B5es-2014/pf-faz-apreens%C3%A3o-em-avi%C3%A3o-vindo-de-bh-com-dinheiro-suspeito-1.928524

Responder

Alexandre Tambelli

08/10/2014 - 00h18

O legal é que o sujeito com o dinheiro virou assessor e não mais colaborador!

Responder

Deixe uma resposta