VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.

Delator acusa Eduardo Cunha de receber propina de 5 milhões de dólares e apresenta planilha; “o meu preciso rapidamente”; veja a íntegra do depoimento

16 de julho de 2015 às 16h46

Eduardo Cunha

Delator da Lava-Jato diz que Cunha pediu propina de US$ 5 milhões

Presidente da Câmara nega acusação e afirma que Júlio Camargo é um “mentiroso”

POR RENATO ONOFRE E THAIS SKODOWSKI, em O Globo

16/07/2015 15:46 / ATUALIZADO 16/07/2015 16:24

SÃO PAULO – O consultor Júlio Camargo afirmou à Justiça Federal, nesta quinta-feira, que foi pressionado pelo presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) a pagar US$ 10 milhões em propinas para que um contrato de navios-sonda da Petrobras fosse viabilizado. A informação foi confirmada ao GLOBO por três pessoas presentes no depoimento. Segundo Camargo, Cunha pediu US$ 5 milhões pessoalmente a ele.

Ao GLOBO, Cunha negou a acusação e afirmou que o delator é um “mentiroso”.

— Ele (Júlio Camargo) é mentiroso. Um número enorme de vezes dele negando qualquer relação comigo e agora (ele) passa a dizer isso. Obviamente, ele foi pressionado a esse tipo de depoimento. É ele que tem que provar. A mim, eu nunca tive conversa dessa natureza, não tenho conhecimento disso. É mentira — disse Eduardo Cunha.

Um dos primeiros delatores da Lava-Jato, Júlio Camargo trabalhou como consultor das empreiteiras Toyo Setal e Camargo Corrêa. Nesta semana, ele voltou a ser interrogado pelo juiz Sérgio Moro e fez novas revelações que não constavam de seus primeiros depoimentos.

Anteontem, disse ter dado R$ 4 milhões em propina para o ex-ministro José Dirceu (PT) a pedido do ex-diretor da Petrobras Renato Duque, indicado pelo PT. Nesta quinta, segundo os relatos colhidos pela reportagem, acusou Eduardo Cunha de tê-lo extorquido.

Pelo relato de presentes no depoimento, Júlio Camargo afirmou que Cunha teria lhe dito que estava “no comando de 260 deputados” e mostrado “agressividade” na conversa.

Ao ser questionado por que não havia revelado esses fatos antes, o consultor afirmou que tinha medo de possíveis retaliações às empresas que ele representava e a sua própria pessoa.

Ao fim do depoimento, pelos menos três advogados que deixaram a sala de audiência confirmaram que Camargo citou Cunha e que ele seria responsável pela divisão dos pagamentos irregulares com Fernando Baiano.

Um dos defensores ouvidos pelo GLOBO confirmou a citação ao presidente da Câmara:

— Cunha é o beneficiário final. Júlio Camargo imputou ao Eduardo Cunha divisão da eventual propina ou do valor que o Fernando Baiano ganhou, metade para cada um — disse um advogado.

Da propina que Camargo afirmou ter pago em nome de Cunha, US$ 5 milhões foram repassados por meio do doleiro Alberto Youssef, também delator da Operação Lava-Jato.

De acordo com o consultor, Youssef foi acionado porque a operação precisava ser feita com agilidade, e o doleiro tinha dinheiro disponível. A outra metade da propina foi paga por meio de outro operador, Fernando Baiano.

— Fernando Baiano é sócio oculto de Eduardo Cunha — declarou Camargo, segundo pessoas que acompanharam a audiência desta quinta-feira.

O clima da audiência foi descrito como tenso por quem acompanhou o interrogatório. Depois que o advogado Nélio Machado se exaltou, o juiz Moro pediu “urbanidade” aos presentes.

O advogado de Júlio Camargo pediu decretação de sigilo sobre o interrogatório do seu cliente. mas o juiz Moro ainda não decidiu.

DOCUMENTOS REFORÇAM ACUSAÇÃO DE YOUSSEF

Dois requerimentos da Câmara encontrados pelo GLOBO, em março, reforçam as acusações do doleiro Alberto Youssef que relacionaram o esquema de propina na Petrobras ao presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ).

Procuradores da Operação Lava-Jato incluíram em abril nas investigações sobre Cunha, o documento com a indicação de que dois requerimentos de informação sobre empresas vinculadas ao executivo Júlio Camargo foram emitidos num dos computadores do gabinete gabinete da Câmara, em 2011.

Em um dos depoimentos da delação premiada, Youssef disse que os dois requerimentos eram parte de uma manobra de Cunha para pressionar o executivo a pagar propina para Fernando Baiano.

Youssef afirmou que Cunha era um dos beneficiários das propinas vindas da estatal, mais especificamente em um contrato de aluguel de um navio-plataforma das empresas Samsung e Mitsui, que teria como representante no Brasil o executivo Júlio Camargo.

CÂMARA DOS DEPUTADOS RECEBEU CONTRATOS DA MITSUI

Os requerimentos de informação atribuídos ao presidente da Câmara, Eduardo Cunha (PMDB-RJ) — e sob investigação do Ministério Público na Operação Lava-Jato —, levaram a Petrobras, o Ministério de Minas e Energia e o Tribunal de Contas da União (TCU) a fornecer ao Congresso detalhes estratégicos de contratos, empréstimos e sociedades das empresas do grupo Mitsui.

Documentos sigilosos obtidos pelo GLOBO mostram que dois requerimentos protocolados na Câmara em 2011 pela então deputada Solange Almeida (PMDB-RJ) foram respondidos pelos três órgãos, com informações sobre todos os contratos e operações empresariais da Mitsui.

PS do Viomundo: Ao fim e ao cabo do processo, só vão sobrar os tucanos inimputáveis em 2018.

Leia também:

Plano para afastar Dilma já contaria com 348 votos

 

22 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Gutemberg Araújo

17/07/2015 - 14h22

O Globo com acesso a documentos sigilosos de novo? Que vazamento é esse rapaz?

Responder

Manoel Teixeira

17/07/2015 - 13h32

Por que as acusações contra o PT seriam falsas e às contra Cunha seriam verdadeiras?
Considero Cunha um grande FDP, mas não é possível considerar as acusações das delações premiadas como fato.
O processo de Lava-Jato está corrompido.

Responder

Urbano

17/07/2015 - 11h52

Nosso povo brasileiro precisa gritar e espernear muito; muito mesmo, pois os nossos poderes republicanos foram tomados de assalto e na tora.

Responder

Lukas

17/07/2015 - 07h34

“Eu não respeito delatores.”

Dilma Roussef

Responder

    Elias

    17/07/2015 - 11h48

    Dilma Rousseff não respeita detratores.

    Julio Silveira

    17/07/2015 - 20h41

    Tá com pena cara? leva para tua casa.

Messias Franca de Macedo

17/07/2015 - 00h08

O que une e reúne Gilmar e Cunha [&$ o Paulinho da Força do ‘Aécio Furnas Forever’ &$ das [mega]pedaladas do TCÚÚÚÚÚÚÚÚÚÚÚ…! Adendo do matuto!]

https://www.youtube.com/watch?v=sh8dIIUyu6E

“O Triunvirado” do Impítim

Ministro do Supremo é que nem tucano: inimputável

Publicado em 16/07/2015

(…)

FONTE [LÍMPIDA!]: http://www.conversaafiada.com.br/tv-afiada/2015/07/16/o-que-une-e-reune-gilmar-e-cunha/

Responder

Marat

16/07/2015 - 23h50

A impren$$a e o judi$$$iário se assustaram com a força (força de malandro, que se diga) do Eduardo Cunha, de modo que o queridinho dos citado$$$, o PSDB, mais uma vez, perderia as eleições em 2018 e com isso toda a turma do conluio golpista iria ganhar menos… Com a presidência em 2018 ofertada ao PSDB, cada um dos próceres da plutocracia terá direito a seu enorme quinhão, só que dessa vez, imprensa e judiciário ficarão calados diante da corrupção, tal como é em SP e no PR… Finalmente eles conseguiram… Morre o Brasil, nasce o brazil da PQP… Estou como nojo do nosso triste, pobre e ignorante país, desse povo burro que não sabe votar e acredita na nossa torpe impren$$$a… Em 2018 essa porcaria acaba de vez!

Responder

José Martins

16/07/2015 - 23h33

E esse deputado, uma grande reserva moral do parlamento brasileiro, foi eleito presidente da Câmara. Esse é o resultado que vem sendo produzido por eleições com campanhas financiadas por empresários. O financiamento é a fonte da corrupção e o eleito é o produto, ou seja, um corrupto.

Responder

Messias Franca de Macedo

16/07/2015 - 22h55

Ameaça a Yousseff deixa *Eduardo Cunha mais perto da prisão

QUI, 16/07/2015 – 20:06

Luis Nassif

https://www.youtube.com/watch?v=IKaIFfk3mlQ

(…)

FONTE [LÍMPIDA!]: http://jornalggn.com.br/noticia/ameaca-a-yousseff-deixa-eduardo-cunha-mais-perto-da-prisao

[E ainda assim o pilantra/vigarista/achacador fascigolpista…
Exame antidoping e camisa de força no energúmeno ensandecido!]

Cunha diz que julgamento das contas de Dilma será político

QUI, 16/07/2015 – 18:14

Jornal GGN – Eduardo Cunha, presidente da Câmara, disse nesta quinta-feira (16) que caberá ao Congresso dar a palavra final sobre as contas de Dilma Rousseff em relação ao exercício fiscal de 2014. Segundo o deputado do PMDB, a discussão em torno de uma possível rejeição das contas pelo TCU (Tribunal de Contas da União) é “supervalorizada”. Isso porque, segundo ele, “pode haver um parecer pela rejeição [por parte do TCU] e o Congresso aprovar. E vice-versa.” O julgamento, ao final, será de ordem “política”, endossou o parlamentar. “O que tem que ser valorizada é a posição que o Congresso vai tomar para votar o parecer da decisão”, disse, segundo informações do portal Veja.
(…)

FONTE [LÍMPIDA!]: http://jornalggn.com.br/noticia/cunha-diz-que-julgamento-das-contas-de-dilma-sera-politico

Responder

Eduardo

16/07/2015 - 21h11

Como agirá o STF, agora que o mundo inteiro viu o depoimento de Julio Camargo na Web o qual escandalizou quando abriu parte minúscula da ficha do Deputado Eduardo Cunha? Um presidente da câmara federal pode ter prisão preventiva? Acho que com 260 deputados nas mãos, dinheiro à rodo e tanto rabo preso por aí, o deputado Eduardo Cunha é de altíssima periculosidade para a País! O Ministro Teori poderia mandar prendê-lo?

Responder

FrancoAtirador

16/07/2015 - 20h46

.
.
O Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot,
.
esclareceu hoje que o depoimento de Julio Camargo,
.
que foi prestado em audiência realizada no Paraná,
.
ocorreu a pedido da defesa de Fernando Baiano
.
e por deferimento do Juiz Federal Sergio Moro,
.
e que não tem a ver com as delações dos Inquéritos
.
da Lava-Jato em trâmite no Supremo Tribunal Federal:
.
.
Leia abaixo íntegra da Nota divulgada pela PGR
.
Procuradoria-Geral da República.
.
Nota de Esclarecimento
.
“A Procuradoria-Geral da República esclarece
que o depoimento prestado na presente data
por Júlio Camargo à Justiça Federal do Paraná
não tem qualquer relação com as investigações (Inquéritos)
em trâmite no âmbito do Supremo Tribunal Federal.
A audiência referente à ação penal da primeira instância
– que tem réu preso, ou seja, tem prioridade de julgamento –
foi marcada pelo Juiz Federal Sergio Moro
há semanas (em 19 de junho),
a pedido da defesa de Fernando Soares,
e a PGR não tem qualquer ingerência
sobre a pauta de audiências do Poder Judiciário,
tampouco sobre o teor dos depoimentos
prestados perante o Juiz”
.
(http://g1.globo.com/politica/operacao-lava-jato/noticia/2015/07/delator-relata-pedido-de-propina-de-cunha-que-o-desafia-provar.html)
(http://oglobo.globo.com/brasil/cunha-acusa-janot-de-obrigar-delator-mentir-para-constranger-legislativo-16797146)
.
.

Responder

    Caracol

    17/07/2015 - 07h47

    Ah, bom!
    Então, tá.

Messias Franca de Macedo

16/07/2015 - 19h52

A casa [IMUNDA] &$ o telhado de vidro do ‘CU(nha)’ “do ‘Aécio Furnas Forever'” caíram!…

$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

PS do Viomundo: Ao fim e ao cabo do processo, só vão sobrar os tucanos inimputáveis em 2018.

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

FONTE [LÍMPIDA!]: http://www.viomundo.com.br/denuncias/delator-agora-acusa-eduardo-cunha-de-pedir-pessoalmente-propina-de-5-mihoes-de-dolares.html

Responder

    Messias Franca de Macedo

    16/07/2015 - 21h48

    … O telhado de vidro do achacador geral da nação dá para cobrir o Maracanã!…

    Viu, estropício maligno?!…

FrancoAtirador

16/07/2015 - 19h50

.
.
EDU CÃO mente desesperadamente
quando afirma que o MPF está agindo
em conjunto com o Poder Executivo.
.
Na Verdade, é exatamente o contrário:
o Governo Federal não manda nada
nem na PGR e nem na Polícia Federal,
muito menos no Poder Judiciário.
.
Se ilegalidade há, é lá no Paraná,
entre alguns Procuradores e Policiais
em conluio com a Mídia Fascista,
tudo sob vista grossa da JF-PR.
.
(http://www.leiaja.com/politica/2015/07/16/delator-foi-obrigado-por-janot-mentir-acusa-cunha)
(http://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/ADMINISTRACAO-PUBLICA/492368-CARDOZO-DIZ-QUE-FOI-INFORMADO-SOBRE-ESCUTAS-NA-PF-E-AGUARDA-RESULTADO-DE-SINDICANCIA.html)
.
.

Responder

Euler

16/07/2015 - 19h38

É este aí que quer derrubar Dilma e se tornar primeiro-ministro do país? E outro, presidente do senado, faz chantagem contra o governo para não ser denunciado? E um outro ainda, candidato derrotado dos tucanos, citado pelo doleiro Youssef, que teria recebido mensalão de Furnas, além de construir aeroportos para os parentes e repassar publicidade em rádio da família dele… É este pessoal que quer derrubar o governo Dilma com a bandeira do moralismo? Nos poupem, ridículos!

Responder

Cláudio

16/07/2015 - 19h13

:
.:. 19:13
… .
Ouvindo A Voz do Bra♥S♥il e postando:
Valeu a pena ! ! ! ! Dá gosto ser o cantor do seu povo ! ! ! !
… .
* 1 * 2 * 13 * 4
*************
… .
Uns poemas (acrósticos) de autoria de Cláudio Carvalho Fernandes (poeta anarcoexistencialista) para Dilma Rousseff, a depenadora de tucanus, e Lula, o comedor de tucanus :
.:.
D uas vezes contra o espectro atro
I nscreveu já seu nome na história
L utando contra mídia venal & Cia e seu teatro
M ulher forte de mais uma vitória
A deixar tucanus na ó-posição de quatro ! ! ! ! de quatro ! ! ! ! de quatro ! ! ! ! DE QUATRO ! ! ! !
.:.
D ilma, coração valente,
I magem de todo o bem em que se sente
L ivre o amor maior pela brasileira gente
M uito humana e inteligente
A PresidentA do nosso Lula 2018 de novo Presidente
.:.
D ignidade
I ntegridade
L iberdade
M aturidade
A mabilidade
.:.

D ilma, de uma nação vitoriosa
I lustre brasileira lutadora
L uz de dedicação esplendorosa
M otivando a pátria gloriosa
A uma luta digna, vencedora.
::
L uz do povo brasileiro
U m digno e fiel lutador
L astreando com real valor
A honra do Brasil inteiro.
.:.
D ilma, os conscientes te agradecem
I nfinitamente por tua digna história
L utando por todos que reconhecem
M ais a vida no bem comum de fazer na glória
A grande pátria-nação que os brasileiros merecem
.:.
D ilma, coração valente,
I sso que a gente sente
L ibertar o ser plenamente
M antendo sempre presente
A humanidade inteligente
.:.
D ilma deu mais uma surra na ó-posição
I gual ao que Lula também já fez
L ivrando o povo brasileiro da infelicitação
M ostrando que o Brasil tem voz e vez
A o mundo todo dignificando sua população
.:.
L ula livrou 40 milhões da pobreza
U m feito memorável sem precedentes
L utando contra a mídia venal, teve a certeza
A bsoluta de estar ao lado dos brasileiros conscientes
.:.

D ilmais deu mais uma surra na ó-posição
I nstalada na grande mídia venal
L ula teve a sua participação
M andando o pig & Cia ao
A bismo na quarta eleição
.:.
D oar-se a seu povo é exemplo dignificante
I luminando a vida de outros seres lhanos
L ouve-se quem bem merece que se cante
M aravilhas de se acreditar nos humanos
A promover em cada ser o mais do ser em ser interessante
.:.
L ivrando da pobreza absoluta 40 milhões de brasileiros
U m feito sem igual que por si só já bastaria
L ula segue sendo no mundo um dos primeiros
A fazer de seu povo a eterna rima rica de sua poesia
… .
♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥
Ley de Medios Já ! ! ! ! Lula 2018 ! ! ! !
♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥ ♥

Valeu a pena ! ! ! ! Dá gosto ser o cantor do seu povo ! ! ! !

Responder

Silvio

16/07/2015 - 18h27

Acho que a imprensa livre está dependendo muito do PIG. Temos que ter mais protagonismo nas manchetes, sob pena de sermos levados para aquilo que não queremos.

Responder

Gilberto

16/07/2015 - 18h16

Se fosse alguém do PT já estava condenado pela imprensa golpista.

Responder

Israel Just da Rocha Pita

16/07/2015 - 17h19

Quando é comigo é mentira só é verdade quando é com o PT: Eduardo Cunha

Responder

Deixe uma resposta