VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.

Com a mão no queixo Agripino, acusado de receber R$ 1 milhão em propina, assiste a discurso contra a corrupção

15 de abril de 2015 às 18h53

Captura de Tela 2015-04-15 às 18.17.17

O senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA) foi preso na Operação Pororoca, da Polícia Federal, conforme notaram comentaristas. Ele aparece  na frente, à direita de Agripino Maia.

Da Redação

O Brasil ingressou esta tarde em um novo capítulo na História da cara-de-pau, quando líderes da oposição receberam no Congresso representantes dos movimentos que promoveram as manifestações de 15 de março e 12 de abril.

Estavam presentes os presidentes do PSDB, Aécio Neves, do Solidariedade, Paulinho da Força, do PV, Luiz Penna, do PPS, Roberto Freire e o representante do PSB, ex-deputado Beto Albuquerque.

Aécio Neves foi citado pelo doleiro Alberto Yousseff por envolvimento em suposto esquema de desvio de verbas públicas da estatal Furnas. O principal aliado político de Aécio, senador Antonio Anastasia, está no rol dos investigados na Operação Lava Jato.

Paulinho da Força integra a galeria de escândalos da — no caso dele — insuspeita revista Veja.

Mas a maior cara-de-pau foi exibida pelo presidente do DEM, Agripino Maia, que colocou a mão no queixo para ouvir inflamado discurso denunciando a corrupção de uma integrante do movimento Vem Pra Rua.

Depois, o denunciado pontificou: “Os fatos se impõem. Chegou a hora de colocar o impeachment e a investigação de Dilma para valer na pauta. A oposição está unida”.

Agripino Maia foi acusado de receber R$ 1 milhão em propina num esquema que envolvia a inspeção de veículos em seu estado de origem, o Rio Grande do Norte. A acusação foi feita pelo empresário George Olímpio. O STF abriu investigação sobre Agripino atendendo a pedido da Procuradoria Geral da República.

Antes de se reunir com os líderes da oposição, os integrantes dos movimentos que organizaram protestos apresentaram sua pauta de reivindicações ao Congresso:

Enfrentamento real da corrupção, através do fim da impunidade;

Aprovar as 10 medidas de combate à corrupção apresentadas pelo Ministério Público Federal. Submeter acordos de leniência de empresas envolvidas na Lava Jato ao Ministério Público Federal. Aumentar a pena dos crimes de corrupção. Indicar servidores públicos de carreira para o Tribunal Superior Eleitoral, o Supremo Tribunal Federal e o Superior Tribunal de Justiça, com prazo de mandato estabelecido;

Implementar eleições diretas para escolha dos procuradores gerais. Afastar o ministro José Dias Toffoli do STF e do TSE por não atender ao critério de imparcialidade;

Pedir ao STF e à PGR abertura de investigação por crime comum de Dilma Rousseff e apreciar com transparência pedidos de impeachment apresentados ao Congresso;

Choque de ordem na gestão pública: Abertura dos empréstimos concedidos pelo BNDES e impedir empréstimos do banco ao exterior; Exigir Revalida de todos os médicos estrangeiros atuando no Brasil. Reduzir e otimizar impostos;

Educação: Fim da doutrinação ideológica e partidária nas escolas do país;

Ajustes no processo político-eleitoral: Eleições com registro impressos dos votos, auditáveis por partidos e empresas. Fim do financiamento público de campanha. Mandato único, pondo fim à reeleição.

É uma espécie de programa de governo pós-Dilma ou pós-terceiro turno.

Leia também:

Lula: “Tentaram fazer comigo exatamente o que estão fazendo com a Dilma”

 

33 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Luís CPPrudente

16/04/2015 - 17h28

#ExplicaMoroPorQueSoPT

Responder

Carlos Elísio

16/04/2015 - 13h24

Pessoal, proponho encomendarmos algumas caixas de óleo de peroba e enviarmos para a próxima reunião deste grupo de caras de pau. E entregar também para a doidivanas boca aberta levar para seu grupo em SP.

Responder

Luiz

16/04/2015 - 12h30

Nooooooooooooossa como eles amam o país, querem mesmo é abaixar o dólar para voltarem a viajar para Miami

Responder

Sidnei Brito

16/04/2015 - 10h54

Agripino, Flexa e outros não estão errados em exibir a sua cara de pau.
Estão no papel deles.
Aliás, nem muita cara de pau, no fundo, não é.
Cara de pau mesmo é a desses caras do tal movimento Vem Pra Rua. O comportamento dessa turma, reunindo-se com essas figuras, dá razão àquele texto do Leandro Fortes, republicado no DCM (http://www.diariodocentrodomundo.com.br/admita-voce-foi-para-a-rua-para-odiar/).
Ainda bem que a blogosfera progressista não teve tempo de endeusar esses “jovens idealistas”, como infelizmente se fez com aquele tal MPL.

Responder

Pedro Ribeiro

16/04/2015 - 10h53

Se alguém gritasse “PEGA LADRÃO”
Ia morrer gente pisoteada. Chama a polícia!

Responder

Marcus

16/04/2015 - 10h09

A última proposta que é ótima: urna eletrônica com impressão imediata, para conferência do eleitor e posterior auditoria.

Só uma pergunta para as pessoas do 15 de março: as mesmas pessoas que pedem isso, são as mesmas que criticava a Venezuela por utilizar esse tipo de tecnologia? A qual a Veja destilou veneno falando sobre o fim do voto secreto e a volta do voto de cabresto?

Responder

Flavio

16/04/2015 - 07h51

Até onde a vista alcança, estão lá o Agripinodóstenes, o Caiadóstenes, o Aeciodóstenes…só não está o Demóstenes, que serviu de bode expiatório para a catarse purificadora dos demais.

Responder

Antonio

16/04/2015 - 03h04

O discurso é uma ode ao retrocesso.
Todos que aparecem na foto não suportam uma verificação de origem do patrimônio.
Mas, pelo andar da carruagem, tenho para mim que é apenas uma questão de tempo.
O governo não se defende.
A presidente, mandatária da nação não nos dá o norte. Governa como uma tecnocrata.
Está fazendo o que é correto, acredito eu mas, governar não é apenas praticar atos de governo. É também política e onde está a política.
O governo é fustigado diariamente e não se mexe.
Quantos dias ainda nessa agonia esperando o primeiro pedido de impeachment?

Responder

Carlos de Sá

16/04/2015 - 01h19

Se gritar pega ladrão nem os revoltados do vem pra rua fica na sala, seria um salve-se quem puder!!!

Responder

Milton Pereira Neves

16/04/2015 - 00h27

Desculpem o palavrão mas: Que porra é essa? Foi o Merval Pereira ou o Marco Antonio Vila que escreveu isso? Isso foi recortado de algum jornalão. Não são apenas analfabetos políticos, são realmente marionetes. Se tomarmos um golpe desses caras temos realmente que votar para senzalas.

Responder

ANDRE

16/04/2015 - 00h22

http://br29.com.br/militantes-ganharam-r-100-para-colher-assinaturas-em-manifestacao-na-paulista/
Militantes ganharam R$ 100 para colher assinaturas em manifestação na Paulista
O Movimento Liberal Acorda Brasil contratou dez garotas para atuar coletando assinaturas anticorrupção no protesto pró-impeachment deste domingo (15), que rolou na Avenida Paulista. Cada uma delas levou R$ 100 pelo trabalho, segundo me relatou uma das representantes do Acorda Brasil, Alessandra Andrade.

Enquanto eu almoçava no restaurante Subito, dentro do Conjunto Nacional, testemunhei membros da ONG pagando as garotas que atuaram na manifestação. O acerto de contas foi feito numa área fechada para o acesso público, no mezanino, às 17h44. Um policial militar estava de pé, a poucos metros do grupo, dentro do restaurante.

Durante o período de dispersão do protesto que pedia a saída da presidente Dilma Rousseff (PT) e o fim da corrupção, grupos de militantes se revezavam numa mesa sobre a qual havia maços de notas e planilhas feitas à mão, nas quais uma organizadora do movimento dava baixa depois de acertar as contas. As meninas deixavam o uniforme do Acorda Brasil sobre a mesa e saíam em seguida. Nenhuma delas quis falar para a reportagem.

Conversei com a Alessandra Andrade no carro de som da ONG. Ela confirmou o pagamento, mas disse que a ação foi algo restrito. “A gente tinha só dez meninas colhendo as assinaturas. Todos nós somos voluntários, todas as pessoas que você está vendo com a camiseta do Acorda (são voluntárias), menos elas, porque a gente vê muita responsabilidade nessas assinaturas. Então, como nós temos de ficar atendendo pessoas, recebendo, a gente achou que quem deveria estar com a prancheta na mão tinha de ter um profissionalismo”, disse.

Questionada sobre as denúncias de pagamento no último protesto realizado pela CUT, em 13 de março, Alessandra disse: “Não representa a opinião do povo, das ruas, não é popular. Quem quer, está aqui como eu, ralando desde ontem [sábado], dormindo pra liberar caminhão, e nós estamos fazendo isso do bolso”. Para a organizadora, o pagamento para as dez pessoas é uma “questão de responsabilidade”.
(via portal Vice)

Responder

Apolônio

15/04/2015 - 22h53

Com essas manifestações que a CUT, que os sindicatos e movimentos sociais fizeram, acho que a direita está começando a perder espaço político. Agora nossa missão é ir ao encontro de nossos amigos e amigas conscientizando o que de verdadeiramente está ocorrendo no Brasil. Temos que conversar com as pessoas onde der e onde for possível. O Brasil não pode retroceder.

Responder

Igor_

15/04/2015 - 22h08

O PIG & Cia continuará firme e forte em conjunto com seu fiel aliado o juiz Moro a “produzir” ações propositalmente planejadas e organizadas 100 % seletivas contra o membros do PT. Pois o PIG só tem um objetivo que é tirar Dilma e o PT do poder custe o que custar através de ações golpistas como temos visto diariamente. O PIG está desesperado para se salvar da falência $$$ em que se encontra e colocar um representante seu no lugar e fará o que puder para alcançar esse objetivo não é verdade ? o PT precisa ficar 100% atento a isso se quiser continuar na luta.

Responder

MarceloBA

15/04/2015 - 22h05

Nossa! Aquela senhora loura loquaz, de blusa amarela, vai longe! Amanhã, quem sabe deputada pelo partido VPR?

Responder

Julio Silveira

15/04/2015 - 21h32

O pais está cheio desse tipo de elemento, mas também tem os que rolam a seu comando.

Responder

Almir

15/04/2015 - 21h27

Eu quero ver os coxinhas tudo FERRADO, trabalhando 5 horas a mais, pra ganhar 40% a menos. Nem férias vão poder mais tirar, muito menos licença-maternidade, por medo de perder o lugar pra outro terceirizado. Tenho 2 colegas (agora ex-coxinhas) que estão torcendo para que Dilma vete o PL 4.330, rojeto que os deputados que eles votaram aprovou.

Responder

wandeley ferraz

15/04/2015 - 21h25

tanto nojo; quem sabe uma reforma nos três poderes, e também quarto com a regulação da mídia……., botaria um pouco a casa em ordem …….

Responder

Leo

15/04/2015 - 21h12

Não sou partidário nem de Situação e nem de Oposição. Sério: o Brasil está numa encalacrada. Se por um lado há uma mulher que não se locupleta, mas que precisa de corruptos para governar, de outro temos falsos moralistas pensando em impedimento. Queima tudo e faz outra vez!

Responder

Luiz

15/04/2015 - 21h06

NOJO

Responder

João marighella

15/04/2015 - 20h50

Que não tenhamos dúvidas, eles, a direita, sabem que estão perdendo espaço e, querem derrubar um governo eleito democraticamente pelo voto da maioria, mas, cá pra nós, o que tem à ver com a governabilidade, a presença do Sr. Wellington Moreira Franco, no Governo Dilma, notório direitista, cupincha da Rede Globo, que tentou roubar a vitória de Leonel Brizola nas eleições de 1982, e, conseguindo roubar descaradamente a vitória do Senador Darci Ribeiro em 1996 e saqueando o Rio de janeiro, destruindo os CIEPS e aumentando o número de favelas em toda a capital do RJ.

Responder

Zeca Junior

15/04/2015 - 20h25

Como diria um antigo X-9, essa é uma imagem que desperta os meus instintos mais animais.

Responder

J Ferreira

15/04/2015 - 20h22

Olhando esta foto, eu fico pensando, há se fosse um vaso sanitário e nós pudéssemos apertar o botão, amanhã o Brasil seria outro completamente diferente.

Responder

Messias Franca de Macedo

15/04/2015 - 20h21

“NUMDISSEMOS”?!

Ah esses matutos ‘bananienses’!…

Ah esses blogues ‘sujos’!…

#######################

PAULO MOREIRA LEITE: PARA JURISTA, MORO ANTECIPA PENA DE VACCARI

PASSOS CALCULADOS E MEDIDOS DE SERGIO MORO LEVAM JOÃO VACCARI À PRISÃO

Advogado e professor de Direito Constitucional da PUC, Pedro Serrano, uma das vozes mais acatadas em sua especialidade, comenta o argumento utilizado pelos investigadores da Lava Jato para a prisão do tesoureiro do PT, João Vaccari Neto: pagamentos feitos a uma gráfica; “É uma decisão a ser respeitada. Mas se o fundamento for apenas este, parece que há uma antecipação da pena, sem respeito pelo direito de defesa e ao devido processo legal, com grave atentado aos direitos fundamentais previstos em nossa Constituição”, diz, em entrevista a Paulo Moreira Leite, diretor do 247 em Brasília; para PML, “a prisão de Vaccari não é um drama individual. Nem de um deslize, ou erro judiciário, inevitável em toda obra humana. É parte de um plano elaborado e detalhado, a partir de passos frios e calculados”

15 DE ABRIL DE 2015 ÀS 19:10

(…)

FONTE [LÍMPIDA!]: http://paulomoreiraleite.com/2015/04/15/passos-calculados-e-medidos-de-sergio-moro-levam-joao-vaccari-prisao/

Responder

    Mário SF Alves

    15/04/2015 - 22h49

    Você deve imaginar qual é a entidade corporativa que está produzindo esse roteiro do vaza à jato, não?
    Quem ou o que que ao sabor das circunstâncias/IBOPE altera o roteiro, antecipa capítulos, inclui personagens e espicha a trama até o distinto público não aguentar mais?

Edgar Rocha

15/04/2015 - 20h11

É tanta gente boa reunida numa foto só que eu fico até emocionado.

Responder

carlos cruz

15/04/2015 - 19h33

Quanta cara de pau. Mas a atual situação política nos faz refletir . Quantos erros foram cometidos pelo PT que levaram a atual situação de a direita ser a defensora da honestidade e moral em nosso país? Ao aceitar a “Carta a nação”, em que aceita ser tutelado pela direita . Ao não efetuar auditoria nas contas públicas no recebimento de um pais quebrado e em depressão por escandalos. Ao salvar a Globo da falencia sem nenhuma contra partida, como a entrega de parte de suas concessões. Ao não enfrentar a direita no tal “mensalão”. Ao aceitar a soltura do Sr. Daniel Dantas, sem NADA efetuar e submetendo-se ao Sr. Gilmar Mendes nas acusações sem fundamentos de espionagem, destruindo a Abin. Nas indicações de INIMIGOS a PGR, que agiam politicamente contra o governo, “sentavam” em processos, arquivavam, davam andamentos a mentiras. A indicação de Ministros do STF que se submeteram a mídia. A indicação do Sr. Joaquim Barbosa. A inação do Min. da Justiça. Ao se submeter a ação política de integrantes da PF. Idem quanto a procuradores federais. Ao aceitar gastar bilhoes em propaganda em emissoras falidas, salvas pelo BNDES e BB. Ao distanciar-se dos movimentos sociais, sincicatos, ongs, etc, isolando-se e fazendo-as adversárias. O que falta errar?

Responder

    Mário SF Alves

    15/04/2015 - 23h19

    Quantos erros foram cometidos pela democracia relativa [tão variável quanto variedades de laranja] ao permitir que crianças fossem educadas por babás eletrônicas? Isso, sim.

Mauro

15/04/2015 - 19h32

Flexa não é aquele que foi PRESO ou tô enganado?

Neste país a direita pode tudo. Impressionante. Até matar e sair impune eles podem.

Responder

    MIGUEL ANGELO MARTINS

    15/04/2015 - 20h13

    EXATAMENTE, AQUELE QUE FOI PRESO E ALGEMADO PELA PF, AQUI NO PARÁ É UM SANTO DO PAU OCO

    Mário SF Alves

    15/04/2015 - 23h23

    Não é neste país. É nesse sistema econômico.

Sergio

15/04/2015 - 19h27

Haja estômago!!

Responder

wilson

15/04/2015 - 19h22

Enquanto estamos discutindo o financiamento privado, o movimento já tá pedindo o fim do financiamento público de campanha!!

Responder

Sergio

15/04/2015 - 19h16

Haja estômago!!!!!

Responder

Deixe uma resposta