VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Você escreve

Marco Aurélio Mello: A quem interessa a denúncia envolvendo Demóstenes Torres?


19/03/2012 - 09h18

por Marco Aurélio Mello, DoLaDoDeLá

Lembrei-me do episódio que narro em seguida depois de ver o nome de Carlinhos Cachoeira de volta ao noticiário, no caso envolvendo o senador Demóstenes Torres.

Partindo de onde partiu, resolvi por as “barbas de molho”. Por quê? Explico.

Era 2004. Trabalhava na TV Globo, em São Paulo.

Um deputado estadual do Rio, não me lembro mais quem, havia passado para o Fantástico a gravação que incriminava Waldomiro Diniz, então assessor da Casa Civil do primeiro governo Lula.

O “furo” da Revista Época (leia-se Editora Globo), em fevereiro daquele ano, abriu caminho para a CPI dos Bingos, na Câmara Federal e excitou a mídia, que festejava a descoberta do caixa dois da campanha do PT à presidência.

De quebra, enfraquecia o principal artífice do projeto político ora no poder: José Dirceu.

Luiz Carlos Azenha e eu fomos incumbidos, em São Paulo, de produzir uma reportagem especial esmiuçando a gravação entre Cachoeira e Diniz a procura de desdobramentos.

Produzimos um vt de quase 8 minutos. A princípio seria para o JN (duvidávamos, por causa da longa duração), depois passaram para o Fantástico e, por fim, reeditamos para o Jornal da Globo, depois de cortes e mais cortes.

A certa altura da edição, toca o telefone na minha mesa. Pasmo, atendo, do outro lado da linha, Carlos Augusto Ramos, Carlinhos Cachoeira, o próprio. Pergunto aos meus botões: como foi que ele descobriu a produção da nossa reportagem? E mais, quem teria dado o meu ramal a ele?

Conversamos com franqueza e cordialidade. Ele desqualifica a reportagem que estamos fazendo e diz (numa tentativa de barganhar a seu favor) que tem como nos dar com exclusividade o caminho para o caixa dois do PSDB (seria uma isca?).

Digo a ele que não tenho poder para mudar o trabalho em curso, mas sugiro que me explique qual é a denúncia exatamente, para encaminhar à direção.

Ele me conta que o negócio de caça-níqueis, bingos e loterias deixou de ser rentável e que migou para o ramo de medicamentos genéricos, mais “limpo” e atrativo. Estava disposto a contar “em off” como era o esquema na Anvisa para liberação das fórmulas.

Era denúncia grave. Envolvia o ex-ministro da Saúde e candidato derrotado à presidência, José Serra, e o ex-presidente da República, Fernando Henrique Cardoso, que, segundo meu interlocutor, teria até participado de um encontro com ele, Cachoeira, e outros na base aérea de Anápolis, quando de um evento da aeronáutica.

Desligo o telefone, consulto o arquivo e bingo! Temos a imagem do então presidente desembarcando e sendo recebido na pista da base aérea de Anápolis, no dia apontado por Cachoeira. Peço para “descer” a imagem e conto para o Azenha.

Decidimos fazer uma menção discreta dentro da reportagem, para não chamar a atenção da nossa chefia, e que, indo ao ar, poderia servir de pista para repórteres investigativos, cujos veículos fossem mais isentos e independentes.

Diante desta nova bomba, que poderia equilibrar o jogo em favor do governo Lula que, àquela altura, estava imobilizado nas cordas, apanhando sem parar, apresentei um relatório à chefia e fui pessoalmente contar ao chefe de reportagens especiais, Luiz Malavolta, o que tínhamos em mãos.

“Pode esquecer”, disse o Mala. “Denúncia contra o Serra a casa não vai dar”. Dito e feito. Até hoje ninguém abriu a caixa preta da indústria farmacêutica dos genéricos. Ou será que o Amaury Ribeiro Jr. não desvendará esse mistério para nós em: A Privataria Tucana 2?

Por isso, quando ouço falar de Carlinhos Cachoeira, Revista Época, Globo e congêneres já fico com uma preguiça danada.

Foi o que disse ao meu sobrinho dia desses: “Toda denúncia serve ao interesse de alguém.” No caso desta última, envolvendo o senador por Goiás, a quem interessa?

Leia também:

Brasil de Fato levará Privataria a todos os cantos do Brasil

Haddad: Serra esteve “de passagem” por São Paulo





45 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Jorge Nunes

20 de março de 2012 às 23h31

Assisti o Jornal Nacional hoje, falou das irregularidades da licitações de certas empresas com hospitais. Falou do Rio de Janeiro e do Hospital do Andaraí. Mas, foi omitido que a mesma empresa evolvida neste caso presta serviço em São Paulo.

Denunciada pelo Fantástico por manipular licitações, a Toesa Services tem um website bem montado

Na página "Quem Somos" fica-se sabendo que "em 2005, como consequência da expansão de todos os serviços operados pela empresa, a Toesa inaugurou sua filial São Paulo, atendendo já de início à Prefeitura da Cidade de São Paulo e diversos planos de saúde". http://www.advivo.com.br/blog/luisnassif/empresa-

Ou seja só o Rio de Janeiro e o Governo federal é que combaterão esta máfia, mas como fica São Paulo?
Assim, é difícil levar a sério qualquer combate a corrupção onde certas aéreas pode tudo devido a proteção da mídia. Aí as más práticas permanecem devido a proteção dos guardachuva hipócrita da mídia nativa.

Responder

ANA LISTA

20 de março de 2012 às 19h23

Vige, um Ministro do Supremo sair em defesa de um contraventor…tá ruim mesmo a coisa.

Responder

Bley

20 de março de 2012 às 14h51

Triste Goiás, tornado refém de tão torpe e vil camarilha de figuras públicas: Demóstenes Torres, Marconi Perillo, Íris Rezende, Ronaldo Caiado, Kátia Abreu e o faz-tudo Cachoeira! Nessa contexto de Goiás, quem é o Hildebrando Pascoal? Só me falta isso para que a farsa alcance o paroxismo da tragédia a nós sempre recorrente!

Responder

Yarus

19 de março de 2012 às 21h00

Álvaro dias (o último dos paladinos da ética) e Globo querem CPI…PIG, cadê o Demóstenes?

Responder

FrancoAtirador

19 de março de 2012 às 19h50

.
.
Para a Rede Globo, o caso Demóstenes
é apenas um efeito colateral tolerável.
O genérico foi dosado para o PT.
.
.

Responder

    Yarus

    19 de março de 2012 às 23h34

    É verdade FrancoAtirador,
    e jogaram a receita genérica fora, mas a PF achou.

Jorge Nunes

19 de março de 2012 às 16h02

Só o universo político do Brasil explica isso.
Se a Globo e suas copiadoras fizessem cobertura isenta para todos os lados, com certeza não haveria oposição. Só nesse esquema dos genéricos iriam embora os principias nomes da oposição, que são os mesmo até hoje.

Mas na minha opinião atitudes como essas só enfraquecem a oposição, pois, sem este tipo de blindagem ela já seria renovada e teria mais qualidade. E hoje quem a globo chama para ser oposição depois que o Torres foi pro saco?

Só três nomes:

Alvaro Dias -O cidadão é senador e só reage para a Globo e usa a Veja como documento.
José Serra – Que só tem voz ativa por causa da proteção mídia… depois de privataria tucana e ao que parece se cavar mais um pouco nos genéricos também roda.
Aécio Neves – Que pode facilmente pular para o PSB e ser governo.

Ou seja a coisa tá feia, para o lado da oposição. Sem proteção da mídia some. Mas isso funciona como uma faca de dois gumes, essa proteção da mídia também impede a renovação da direita.

Responder

    beattrice

    20 de março de 2012 às 01h07

    Na verdade, para a sociedade brasileira não é vantagem nenhuma não haver oposição democrática.
    O governo democrático e popular de fato deve se definir no confronto com forças políticas OPOSTAS, o que se vê mais e mais é uma nivelação por baixo numa disputa infame para definir o pior dos piores.

    narsiza batista

    25 de março de 2012 às 21h01

    Quanto ao Aecin Baladeiro eu posso lhe afirmar se a eleição para Senador fosse hoje ele a perderia na certa. Imagine para Presidente da República. Ele (Aecin) tá sujo em Minas.

Yarus

19 de março de 2012 às 15h19

MAIS UMA MARACUTAIA DA GLOBO:

"Juiz manda derrubar casa dos Marinho em Paraty

Essa notícia não sairá no Jornal Nacional, nem no Globo Ecologia e nem merecerá comentários do André Trigueiro no Jornal da Globo:

A família Marinho, dona da TV Globo, assim como outros milionários brasileiros, foram alvos de reportagem da Bloomberg, dizendo que "Ricos brasileiros não têm vergonha de construírem suas casas em áreas de preservação ambiental". (Quer entender a história vá aqui.)

Um trecho diz que os Marinho violaram leis ambientais para construir, sem permissão, uma mansão de 1300 metros quadrados em Paraty (RJ), além de anexarem uma área pública na praia e desmatarem floresta protegida para construir um heliporto (local para pouso de helicópteros).

Graziela Moraes Barros, inspetora do ICMBio (Instituto Chico Mendes), que participou de uma autuação na propriedade movida pelo Ministério Público, foi ouvida na reportagem. Ela disse:

"Essa casa é um exemplo de um dos mais sérios crimes ambientais que nós vimos na região…

… muitas pessoas dizem que os Marinhos mandam no Brasil. A casa de praia mostra que a família certamente pensa que está acima da lei…

… Dois seguranças armados com pistolas patrulham a área, espantando qualquer um que tenta usar a praia pública", diz ela.

Um juiz federal, em novembro de 2010, ordenou a família para demolir a casa e todos os outros edifícios na área. Os Marinhos apelaram a recurso na justiça ainda não julgado. (Com informações da Bloomberg, em inglês:
http://maureliomello.blogspot.com.br/2012/03/pelo

Responder

Tio Chico

19 de março de 2012 às 15h19

fora de pauta.[youtube 90g-NqhZ8Hs&feature=context&context=G2149ee1FUAAAAAAAAAA http://www.youtube.com/watch?v=90g-NqhZ8Hs&feature=context&context=G2149ee1FUAAAAAAAAAA youtube]

Responder

    marcio gaúcho

    22 de março de 2012 às 18h52

    O que esse cara está fazendo aqui????

SILOÉ-RJ

19 de março de 2012 às 14h52

Aberta a temporada de caça, dessa vez teremos tiros de todos os lados.
A globo já começou. Investindo dessa vez , muito malandramente também, contra os corruptores.
Esses claro, préviamente e minuciosamente selecionados pela emissora, para serem defenestrados.
Nesse tipo ardiloso de "denúncia reportagem" que a globo gosta muito de fazer, nunca são selecionados "os amiguinhos", escancarando dessa forma, as portas para eles se darem bem.
Essa é a verdadeira FÓRMULA que usam em todos sentidos para eliminar a concorrência.
Não que os concorrentes sejam santos, não, mas, muito burros para brigar com raposas velhas, experientes e inescrupulosas como essas, e nós, verdadeiros idiotas, se acreditármos que a Globo mais suja do que pau de galinheiro, realmente queira passar o BRASIL A LIMPO.

Responder

beattrice

19 de março de 2012 às 14h49

O Brasil precisa de uma vez por todas parar com este péssimo hábito
de desqualificar as denúncias de corrupção, de crime organizado e de bandidagem deslavada.
Porque interessa a A, B, ou C não se apura? Não se julga e nem se condena?
Na época do "estamos no limite da ilegalidade" do des-governo FHC
queriam discutir quem tinha grampeado e por que, ao inves de discutir a ilegalidade em si!
Quanto à ANVISA,
ela merece uma CPI séria e uma investigação decente faz muitissimo tempo
e a historia da luta pelos genericos e a implantação deles
negociada nos porões pelo Zé da Bolinha ainda está para ser contada.
Até as pedras da rua sabem disso.

Responder

    pperez

    19 de março de 2012 às 19h11

    Mas o mais bacana disto é que a cara do Demostenes é de cachorro que caiu do caminhão de mudanças…perdidinho.

SILOÉ-RJ

19 de março de 2012 às 14h45

Aberta a temporada de caça. dessa vez teremos tiros de todos os lados.
A globo já começou. Investido dessa vez , muito malandramente também, contra os corruptores. Esses claro, préviamente e minuciosamente selecionados pela emissora para serem defenestrados.
Nesse tipo ardiloso de "denúncia reportagem" que a globo gosta muito de fazer, nunca são selecionados "os amiguinhos", escancarando dessa forma, as portas para eles.
Essa é a verdadeira FÓRMULA que eles usam em todos sentidos para eliminar a concorrência.
Não que os concorrentes sejam santos, não, mas, muito burros para brigar com raposas velhas, experientes e inescrupulosas como essas, e nós, verdadeiros idiotas, se acreditármos que a Globo mais suja do que pau de galinheiro, realmente queira passar o BRASIL A LIMPO.

Responder

Ivan Arruda

19 de março de 2012 às 14h24

Agora há pouco, no jornal da tarde, em close promocional, um possível interessado nessas denúncias. O senador convocador. Que não faz outra coisa a não ser convocar. Só não convocou seu correligionário Paulo Preto. Se o telefone habilitado nos EUA, de número um pertencia ao Demóstenes, o de número dois, é bem possível que seja do senador informante da revista de esgoto. Estava sempre por trás de denúncias de venda de dossiês e das armações alopreiras. Ah, um outro dado, estava indignado como sempre. Mas esse fato não invalida as denúncias onde apareceram apenas os intermediários das propinas. Causou maior estranheza o pronunciamento modorrento do presidente do TCU dizendo que se provado os fatos, as empresas seriam desabiitadas ou descrenciadas. Parece qu o ministério público junto aos tribunais de contas não estão funcionando. Mas nem é bom falar isso pois logo criam um outro para atuar fora dos tribunais. Não se sabe o que fica mais caro, se os superfaturamentos ou os custos das parasitas.

Responder

m cruz

19 de março de 2012 às 14h15

“Pode esquecer”, disse o Mala. “Denúncia contra o Serra a casa não vai dar”. Só isso, em qualquer país civilizado, mereceria investigações dos órgãos públicos sobre os motivos ($$$$, ideologia) que levam certa mídia a omitir ou desvirtuar informações relevantes, que podem mudar o jogo político e os destinos do país. Com direito a ampla divulgação e punição dos responsáveis.
Só não dá para entender o que o autor do texto diz sobre a quem interessa as denúncias contra o Demóstenes. Não seria a todos nós, brasileiros, doa a quem doer?

Responder

Ramalho

19 de março de 2012 às 13h35

Se bem entendi, o Marco Aurélio Melo, que nome (!), está sendo aristotélico, recomendando que se aborde o assunto considerando-se a causa eficiente, ou seja, a quem interessa a denúncia, ou "cui bono". Perfeito. Esta é pergunta a ser respondida, sim, independentemente do seguimento das investigações da relação curiosa entre Demóstenes e Cachoeirinha. Aliás, a resposta à pergunta facilitará as investigações, com absoluta certeza.

Responder

damastor dagobé

19 de março de 2012 às 13h00

"a verdade é sempre revolucionaria" VI Lenin…ou não é mais???
agora está condicionada ao interesse de alguém???
tempos estranhos…muito estranhos….

Responder

SILOÉ-RJ

19 de março de 2012 às 12h58

Excluindo a todos nós cidadãos brasileiros que querem o melhor para o país, politicamente interessa diretamente ao Serra e ao PSDB, que elimina dessa forma, um concorrente.
O Demóstenes no início, "achava" que o Cachoeira não tinha mais envolvimento com a contravenção, era um "empresário" ligado ao ramo de labolatórios. Quem sabe ele não tenha em parte, razão!!!
Quem sabe não seja esse, o outro braço criminal da quadrilha. A FALSIFICAÇÃO DE GENÉRICOS.
Lendo no blog do Nassif parte dos autos dessa operação, me chamou atenção a classificação de "ESTARRECEDORA" dada pelo relator do inquérito.
Para quem vive no RIO esse tipo de organização com envolvimento de policiais, políticos e mídia, é super comum e de longa data. e por incível que pareça o PIG daquí bem ou mal noticia.
Causa estranheza o SILÊNCIO do PIG também, sôbre essa operação, parecendo até avestruz.
Tem muito mais a ser revelado nessa operação, para ela ser considerada de ESTARRECEDORA.

Responder

Alício

19 de março de 2012 às 12h47

Toda bandidagem referente aos demo-tucanos dá em nada. Todos os três poderes são corruptos e corruptíveis e se vendem a quem os paga bem(demo-tucanos), principalmente os paulistas.

Responder

t tonucci

19 de março de 2012 às 12h40

Gostaria da confirmação do Azenha e se possível do Mala.

Responder

    Maria José Rêgo

    19 de março de 2012 às 13h24

    A publicação deste relato do Marco Aurélio, no site do Azenha, não é suficiente para você, t tonucci?

    Geysa Guimarães

    20 de março de 2012 às 17h32

    t tonucci:
    O Azenha certamente confirma, mas o tal Mala acho que vai ficar difícil.
    Precisa tanto?
    Nota-se que vc não faz ideia do poder de fogo do Serra neste Estado. Ele e seu alter ego, Aloysio Nunes, são INTOCÁVEIS.

José DF

19 de março de 2012 às 12h33

A casa caiu para o telefonista da veja.
Fosse ministro da Dilma, a oposição já o teria exigido sua demissão.

Responder

erivaldosilva

19 de março de 2012 às 12h00

A pergunta que se faz é a seguinte: Por que abandonaram ,jogaram o senador Demóstenes Torres a sua propia sorte? Por que a mídia não o socorreu como faz com o Serra?

Responder

    Geysa Guimarães

    20 de março de 2012 às 00h05

    erivaldo:
    Não o socorreu? O Boris teve até o desplante de arrematar a notícia com " Eu tenho o senador Demóstenes como um homem honrado".
    E a Globo, se divulgou, o fez tão palidamente que nem me lembro de ter visto.

    narsiza batista

    25 de março de 2012 às 21h03

    Eu lhe respondo: É melhor perder os aneis e salvar os dedos.
    Tem muita coisa envolvidas neste imbróglio.
    Vamos esperar o andamento dos fatos.

Waldir Ferreira

19 de março de 2012 às 11h45

verdade,
a denuncia a mim me interressa,como Brasileiro,pagador de impostos,
acho inportante desmascarar este santo Senhor Senador.

Responder

Gustavo Pamplona

19 de março de 2012 às 11h35

Enquanto isto…

[Oposição defende CPI para investigar casos de corrupção na saúde]
http://g1.globo.com/politica/noticia/2012/03/opos

Ai… queridos… é para vocês verem como são as coisas, né… o pobrezinho do Protogénes perde tempo coletando assinaturas e mais assinaturas e nem sequer "a casa" (leia-se: Câmara dos Deputados) dele acolhe as denúncias (leia-se: instala uma CPI) hahahhahahaha

Conforme vocês leram acima… “Denúncia contra o Serra a casa não vai dar”, queridos… desde que o mundo é mundo… o Serra sempre teve o poder!

E será que vai ter mesmo um "Privataria Tucana 2"? Não será outra obra de ficção como o primeiro? hahahhahaha

E vou responder a pergunta: A denúncia envolvendo não serve para ninguém… só serve para desviar a atenção de assuntos mais importantes… pesquisem bem… bom… dia 25/03 agora o PSDB diz que escolhe o candidato a prefeito de São Paulo e estou esperançoso que seja o todo poderoso e onipresente José Serra.

Não podemos em hipótese alguma pemitir que o PT ameace a nossa cidade de São Paulo, afinal… temos vários contratos com Alston's, etc. (aliás… vocês viram a última do Metrô) e não esquecendo das compras de revistas, jornais, etc do nosso querido e ultra odiado PORCO. hahahahha

Falando em Carlinhos Cachoeira, bom… acho que vocês sabem que ele é chamado de Charlie Waterfall então lá vai uma pequena contribuição minha… que tal nós chamarmos o Demóstenes de Demosthenes Towers? hahahhaha

—-
Desde Jun/2007 desviando a atenção de assuntos mais importantes com denúncias no "Vi o Mundo"! ;-)
Fundador do PORCO – Partido de Oligarcas Representantes de Capitalistas Opressores (PIG)

Responder

    André

    19 de março de 2012 às 15h02

    Sai do armário, ou saia de cima do muro, vc é comédia.

    JOSE DANTAS

    19 de março de 2012 às 17h02

    Em cima do muro sempre estão os mais espertos, os trouxas pulam de cabeça de um lado ou do outro e se arrebentam. O Lula só decolou a partir do muro, levou a Dilma com ele e juntos estão "afundando" o Zé Bolinha.

    Jorge Nunes

    19 de março de 2012 às 15h30

    No mesmo texto: "Já o líder do PT no Senado, Walter Pinheiro, disse que a reportagem mostrou a banalização da corrupção, de casos em que se rouba debochando do povo. Para ele, as empresas que aparecem na reportagem devem ser proibidas de ter negócios com o serviço público. Ele defende que o governo mude a forma de fazer licitações e a contratação de empresas deve ser mais transparente."
    ——————————————–
    Mas em matéria de dinheiro gasto o esquema dos genéricos usa cifras bem maiores.

dukrai

19 de março de 2012 às 11h32

Brasília é uma rocinha e quem sabe das coisas não precisa ver a gLobo ou ler o Correio Braziliense, é só esticar azorêia. Essa estória do Serra já é falada há tempos, é dono de não sei qual e não sei quantos laboratórios de genéricos em Anápolis, isto é uma grana sem tamanho, só não contavam que FgagáC tava no rolo.

Responder

ZePovinho

19 de março de 2012 às 11h28

Para mim,o PT está infestado de infiltrados do PSDB e DEM.

Responder

Willian

19 de março de 2012 às 11h26

Marco Aurélio Mello todos os dias acorda e recita: Graças a Deus não trabalho mais na Globo!, Graças a Deus não trabalho mais na Globo!, Graças a Deus não trabalho mais na Globo! Feliz, pega seu carro e vai para a… Record?!

Responder

Antônio

19 de março de 2012 às 11h06

Eu não entendi. O Carlinhos Cachoeira é fabricante de genéricos? Ou é distribuidor? Agora eu estou entendendo porque eu tomei o genérico do viagra e passei uma semana com o dedo indicador duro. Mas só o dedo indicador.

Seja lá como for, eu vou fazer aqui uma oração: Meu Deus, me livrai dessa quadrilha de bandidos e não deixai que eu tome nunca um genérico fabricado ou distribuído por Carlinhos Cachoeira. Apelo para Ti, Senhor, porque eu sei que a justiça brasileira é cega e não está nem aí para essas quadrilhas de criminosos que envolvem políticos, líderes evangélicos (às vezes), empresários dos meios de comunicação (quase sempre), lobistas, torturadores, arapongas, policiais corruptos, muitos jornalistas picaretas, bicheiros, traficantes e milícias organizadas. Afasta de mim tais elementos nocivos à saúde mental e física do povo brasileiro. Em compensação eu Te prometo que farei o melhor possível para merecer o paraíso. Mas não precisa arrebatar-me aos céus, como fizeste com Enoch, pois eu pretendo ficar por aqui por mais uns 20 anos. Peço perdão pelos meus pecados e aguardo, não muito ansioso, a tua volta.

Responder

    Yarus

    19 de março de 2012 às 19h05

    Quem mandou tomar genéricos do Padim Pade Cerra?

Regina Braga

19 de março de 2012 às 10h56

Com certeza ao povo brasileiro…Afinal,querem criar os Estados Unidos de São Paulo…e nós precisamos saber os motivos…Pode ser a industria farmacêutica…os sanguessugas.. a venda de orgãos…genéricos ou outros motivos.Pode ser que ,a fonte das Ilhas Virgens tenha se esgotado e trabalhar com a saúde é mais rentável…atende o mercado.

Responder

Reginaldo

19 de março de 2012 às 10h52

Acho que ando distraido ou lendo depressa demais. nao entendi onde é que o articulista quer chegar. Acho que ele deveria responder a pergunta que faz: a quem interessa essa denuncia? Do jeito que está, fica parecendo uma insinuação de que a denuncia é armação ou um convite a que deixemos de dar importancia à denuncia. É isso mesmo que o autor pretende? A quem interessa essa ambiguidade do artigo dele?

Responder

Henrique Jonas

19 de março de 2012 às 10h42

Pergunta: A quem interessa a denúncia envolvendo Demóstenes Torres?

Resposta: A mim, que sou cidadão brasileiro e não suporto ver um marginal, travestido de santo, no senado da república.

Comissão de ética e cassação do senhor Demostenes Torres, já !!!

Responder

Daci

19 de março de 2012 às 10h41

Aí meu est|ômago, não deve ser facil trabalhar nesse lixo de Rede Golpe
Vendo por esse lado não é para ficar feliz com tais denuncias!
Até quando?
A gente vai levando porrada, porrada… até quando?

Responder

Nara Serra

19 de março de 2012 às 10h27

Interessa a todos para desmascarar esse paladino da falsa moral, conhecido como Demóstenes Torres, que tinha a pretensão megalomaníaca de se candidatar à Presidência da República. É uma pena que não está sendo explorada como deveria pela grande mídia com manchetes garrafais todos os dias e não chegou com a profundidade necessária ao Palácio das Esmeraldas.

Se há interesses por trás, isso, por enquanto, não me interessa. Cabe à PF e ao MPU investigar e o judiciário punir todos que estejam envolvido no mal feito.

Responder

    narsiza batista

    25 de março de 2012 às 21h29

    Nada me tira a impressão de que qualquer um que se assanhar a candidatar a Presidente da Républica vai levar um dossíe nas fuças. Vocês se lembram do caso da Roseane Sarney, do Aecin pó Governador e agora o Demostenes! Estes metódos é próprio do Padin Pade Çerra e do Coronel Itagiba!


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding