VIOMUNDO

Diário da Resistência


Você escreve

Daniel Ellsberg: A vergonhosa violência contra Bradley Manning


12/03/2011 - 13h11

11/3/20011

por Daniel Ellsberg*, Guardian, UK

Traduzido pelo Coletivo da Vila Vudu

O presidente Obama diz que pediu informações ao Pentágono sobre as condições do confinamento de Bradley Manning – o soldado acusado de haver vazado segredos de Estado. – “Fui informado de que sim, as condições são apropriadas e conforme nossos padrões básicos. Garantiram-me que são.”

Se Obama acredita nisso, acreditará em qualquer coisa. Seria de esperar que fizesse mais e melhor do que perguntar aos criminosos se estão agindo como devem agir. Posso até ouvir a voz do presidente Nixon, dizendo à imprensa: “Os empregados da manutenção dos encanamentos da Casa Branca que assaltaram o escritório do Dr. Daniel Ellsberg em Los Angeles informaram-me que seus atos são apropriados e conforme nossos padrões básicos.”

Quando afinal se comprovou que o assalto ao meu escritório fora ordenado diretamente pelo Salão Oval, Nixon, para não sofrer um impeachment, teve de renunciar. Sim, os tempos são outros.

Bradley Manning

Mas, se o presidente Obama realmente desconhece as reais condições da prisão de Manning – se realmente acredita, como disse, que “parte dos procedimentos adotados [ser mantido nu, em isolamento, impedido de dormir, sob iluminação direta e sob vigilância de câmeras 24 horas por dia] têm a ver com preservar a integridade física do prisioneiro”, apesar do laudo do psicólogo da prisão, que diz exatamente o contrário –, então, estão mentindo ao presidente, e é preciso que o presidente retome as rédeas do próprio governo.

Se sabe e aprova os procedimentos inadequados e, mesmo, ilegais, então, é sinal de que já esqueceu tudo o que ensinava em suas aulas de Direito Constitucional.

O presidente recusou-se a comentar o que disse PJ Crowley, para quem o tratamento dado ao soldado Manning é “ridículo, contraproducente, estúpido”. São palavras verdadeiras e, provavelmente, são o máximo a que se pode atrever o porta-voz do Departamento de Estado, comentando ações do Departamento da Defesa. Mas faltam aí mais dois adjetivos: abusivo e ilegal.

Crowley respondia a uma pergunta sobre “tortura” de cidadão norte-americano, e, pelo que se sabe, não protestou contra esse modo de por as coisas. Isolamento prolongado, privação de sono, nudez – são procedimento aprendidos diretamente do manual da CIA para “interrogatório estimulado” [ing. “enhanced interrogation”].

Já vimos os mesmos procedimentos aplicados em Guantánamo e Abu Ghraib. Trata-se do que a CIA chama de “tortura sem contato” [ing. “no-touch torture”], e o objetivo, como no caso do soldado Manning, é claro: desmoralizar alguém a ponto de alguém agradecer quando lhe oferecerem a oportunidade de “confessar” qualquer coisa, onde o torturador precise de determinada ‘confissão’. É exatamente o caso, como suspeito, com Manning. A ninguém preocupa que a confissão seja falsa ou verdadeira, desde que implique WikiLeaks, de qualquer modo que ajude o Departamento de Defesa a acusar e processar Julian Assange.

São desconfianças minhas, sobre os motivos pelos quais fazem o que fazem, mas nada disso altera a ilegalidade dos procedimentos dos soldados que mantém preso o soldado Manning. Se eu estiver certo, o tratamento ilegal imposto ao prisioneiro não foi ordenado no plano do oficial encarregado nem do comandante da prisão. O fato de que os maus tratos, o tratamento ilegal e os sofrimentos infligidos ao prisioneiro continuem, apesar de, há semanas, o Conselho Militar do Exército dos EUA encarregado da defesa de Manning ter publicamente protestado e de os procedimentos já terem sido condenados também por organizações como a Anistia Internacional, sugere que a ordem para torturar pode ter vindo “de cima”, dos altos escalões do Departamento de Defesa e do Departamento de Justiça – ou, mesmo, da própria Casa Branca.

Não é coincidência que alguém do Departamento de Estado esteja hoje na imprensa, autor de comentário que pode ser apresentado como ‘desabafo pessoal’, denunciando também – quem denuncia é o porta-voz do Departamento de Estado! – a tortura do soldado Manning. Quando o braço armado do governo dos EUA zomba do dever de respeitar a lei – especificamente do dever de os EUA não torturarem prisioneiros – os piores efeitos recaem sobre o Departamento de Estado, e afetam a própria imagem dos EUA em todo o mundo.

O fato de que Manning esteja sendo torturado em Quantico – onde fiz meu curso básico de formação de oficial da Marinha, durante nove meses – e de que haja Marines que mentem ao mundo sobre a prisão do soldado Manning, faz-se sentir vergonha por toda a corporação. Bastaram-me três meses como oficial de infantaria, para saber que o que está acontecendo em Quantico é ilegal. Tem de ser contido. Tem de ser disciplinado.

*Daniel Ellsberg (Chicago, 7 de Abril de 1931) é um ex-analista militar norte-americano, empregado pela RAND Corporation e depois funcionário do Pentágono, que causou um furor no governo e na opinião pública em 1971, quando forneceu ao jornal The New York Times os Papéis do Pentágono, documentos secretos do Departamento de Defesa contendo detalhes sobre as atividades das Forças Armadas dos Estados Unidos durante a Guerra do Vietnã. A publicação dos documentos alertou o povo norte-americano sobre como eles foram enganados por seu próprio governo a respeito da guerra. Esses dados são do Wikipedia.

Livro do Luiz Carlos Azenha
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

A Trama de Propinas, Negociatas e Traições que Abalou o Esporte Mais Popular do Mundo.

Por Luiz Carlos Azenha, Amaury Ribeiro Jr., Leandro Cipoloni e Tony Chastinet



34 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Paulo Nogueira: Times e Post recusaram o material que o Wikileaks publicou « Viomundo – O que você não vê na mídia

02 de março de 2013 às 16h51

[…] Daniel Ellsberg: A vergonhosa violência contra Bradley Manning […]

Responder

Izaías Almada a Yoani: Interceda pela vida do soldado Bradley Manning « Viomundo – O que você não vê na mídia

21 de fevereiro de 2013 às 00h28

[…] Daniel Ellsberg: A vergonhosa violência contra Bradley Manning […]

Responder

Sandro

17 de abril de 2011 às 04h14

Para quem quiser conhecer a grande história de Daniel Ellsberg, há um excelente documentário sobre o que ele realizou e quem ele foi e, pelo visto, continua sendo no seguinte link: http://youtu.be/o4xU-Lo3crI.
Parabéns a este cidadão americano que mostra ser um grande ser humano! O triste é ver que hoje temos muito menos princípios que durante o final de 60 e início de 70, quando ele fez uma coisa tão complicada quanto esse atual Manning e o Assange. Naquela época, ao menos as instituições funicionaram, a imprensa, a Justiça, onde teve um juiz corajoso o suficiente para colocar um basta nos absurdos que Ellsberg sofreu, mas que não chega aos pés do que este Manning está sofrendo. Absurdo que o país que se diz terra da liberdade e que seu presidente, além de ter sido professor de direito constitucional é também titular de um prêmio nobel da paz, perpetrem tamanha crueldade contra um cidadão de seu próprio país, ferindo de morte o mais comezinho princípio de direitos humanos e a própria Constituição americana!

Responder

Sobre a visita de Obama, que apoia a tortura, ao Brasil | ESTADO ANARQUISTA

14 de março de 2011 às 15h05

[…] Leia aqui a denúncia de Daniel Ellsberg sobre o caso Manning […]

Responder

Rodrigo Prado

14 de março de 2011 às 02h00

Quando o Obama vai devolver o Nobel da Paz que ele recebeu?

Responder

Um caso para Dilma tratar com Obama | Viomundo - O que você não vê na mídia

14 de março de 2011 às 00h47

[…] Leia aqui a denúncia de Daniel Elsberg sobre o caso Manning […]

Responder

LULA VESCOVI

13 de março de 2011 às 19h35

Nojento,para dizer o mínimo,é a UOL dar a notícia da demissão de Crowley sem informar o que ele disse a respeito das condições da prisão de Manning.Quem não leu outra fonte antes,sai com a impressão que esse Crowley cometeu um grande delito e está profundamente arrependido do que fez.A manipulação é enorme,1984 (orwell)não fica atrás.Como pode hoje,depois da possibilidade dos blogs destruirem as versões oficialescas alguém achar que os EUA são exemplo de democracia.Alguns anos atrás era muito mais fácil engolirmos qualquer coisa.Essa chamada democracia ocidental é a mais completa farsa,imagine se fosse em Cuba,na Venezuela ou no Irã esse tipo de prisão de que é vítima esse soldado Manning.Estou completamente enojado dessa nossa imprensa.Fora PIG.

Responder

Alexei_Alves

13 de março de 2011 às 17h39

Azenha.
Se um dia tiver tempo, fale algo sobre a situação de Puerto Rico. Trata-se da última colônia do nosso continente, onde seus cidadão não tem direito a votar no lider estrangeiro que os governa, e que tem um movimento de independência totalmente reprimido e ocultado dos olhos da mídia local e mundial. Dois dos principais líderes do movimento independentista de porto-rico são prisioneiros políticos nos EUA há quase 40 anos, e ninguém em nossos distintos noticiarios da um piu sobre o assunto.
Valeu

Responder

Julio Silveira

13 de março de 2011 às 16h15

Os States estão podres.

Responder

Obama Osama

13 de março de 2011 às 05h29

Estados Unidos é uma estado ASSASSINO! Monstuoso. Disfarçado de democracia!

Responder

rodrigo.aft

13 de março de 2011 às 02h09

Azenha e colegas,

aproveito para conclamar as forças "democráticas" q tanto bradam (seletivamente, e não o fazem em tal magnitude nem para outros brasileiros em piores condições) pelo battisti.

cadê aquela mobilização toda pelo battisti? (performance em praças, artigos e mais artigos "humanitários", encheção de saco em tudo qto é blog q falava do battisti)

vamos aproveitar essa "força, vontade, espírito humanístico, desprendimento" para lutar pelo Assange e pelo Bradley?
estes correm bem mais riscos q battisti (mesmo voltando pra Itália).

o nível de informação e evidências proporcionados pelo Assange e pelo Brandley foi muito, muito mais importante para a sociedade q o battisti.

lutem pelos nosso irmãos brasileiros em "trocentas" situações de risco (e morte!!!) por falta de amparo do estado, lutem pelo Assange e pelo Bradley q eu passarei a lutar pelo battisti.

não vi nenhum dos defensores do battisti defendendo irmãos brasileiros… e pedi montes de vezes para me indicarem onde já haviam ajudado antes algum brasileiro; sempre sem resposta… estranho, não?
será q só ajudam pessoas necessitadas da mesma e específica vertente política deles?

falando em atenções seletivas, COMO ANDA A APURAÇÃO DA OCUPAÇÃO IRREGULAR DAS ENCOSTAS E IDENTIFICAÇÃO DE RESPONSÁVEIS PELA OCUPAÇÃO (EMPRESARIOS, PREFEITURAS E FISCAIS BANDIDOS, VAGABUNDOS) IRREGULAR, E RESPECTIVAOS PROCESSOS E PUNIÇÕES, PRINCIPALMENTE NO RIO DE JANEIRO?????? (já foi aberto algum processo?)

A REDE CÂNCER-GLOBO JÁ DEVOLVEU OS 24 MILHÕES DE DINHEIRO PÚBLICO Q O CABRALZINHO FAZ-FESTA-COM-O-CHAPÉU-DOS-OUTROS DOOU PARA ESSA QUADRILHA MIDIÁTICA?

MORRERAM, APROXIMADAMENTE, 1.000 (MIL) PESSOAS!!!!!!!!!!!!!!!!! E FICA ASSIM, NUMA NICE??????????

viva a especulação imobiliária! (o kassab q o diga, não Associação Imobiliária Brasileira (AIB)?)
viva o molha a mão nas prefeituras pra fazer vista grossa!
viva a novela, futebol e carnaval!
viva nossa apatia!
viva nosso judiciário!
viva o executivo e legislativo onde nenhum pode criticar o outro pois todos tem telhado de vidro!
viva a casa do huck e do cabral em áreas de preservação!
viva o d.dantas, livre, leve e solto, transitando por TODOS PARTIDOS… eba!!!!
viva a indignação atrás de uma tela de computador ou na tv (sair de casa e protestar, nem pensar!)!

nossa, me arrumem uma corda q vou me enforcar no 1o. pé de couve q encontrar… rsrs (rir pra não ter um surto de raiva)

Responder

beattrice

13 de março de 2011 às 00h19

O episódio Ellsberg foi relatado numa dramatização de sua história "Segredos do Pentágono", um retrato fiel dos bastidores e de todos os envolvidos.

Responder

Marat

13 de março de 2011 às 00h15

Se analisarmos friamente os EEUU, logo perceberemos que aquilo ali está caminhando a passos largos, à bancarrota moral e ética.

Responder

    Marcelo Fraga

    13 de março de 2011 às 11h04

    A bancarrota moral e ética dos EUA aconteceu lá no fim do séc. XIX, quando começou essa louca política de expansão territorial. Começou com a ocupação das Filipinas e continua hoje com o Iraque.

Marat

13 de março de 2011 às 00h11

Os EEUU da Disneylandia e de Miami, adoradaos pela direita brasileira, são considerados "democráticos", "progressitas", "modernos", "inteligentes", "elegantes", "sofisticados" etc… Cada vez mais acredito que certos adoradores merecem seus ídolos e vice-versa!

Responder

FrancoAtirador

12 de março de 2011 às 22h03

.
Os EUA estão como São Paulo:

QUALQUER DELEGACIA DA ESQUINA É LOCAL DE TORTURA.
.

Responder

SILOÉ

12 de março de 2011 às 21h59

E aonde está a mobilização do Assenge, do Wikileakes,e dos direitos humanos de lá???

Responder

Regina Braga

12 de março de 2011 às 21h23

Prá começar ,deveria ser retirado o Nobel da Paz das maõs do Mu Barak…Depois,o título de humanitários…e em seguida ,a crença de que saõ legalistas.Aproveita,Presidenta e fala com o Obama…Nós somos um país que respeita os direitos humanos.Tortura,Nunca mais,Manning.

Responder

Carlos Cruz

12 de março de 2011 às 20h25

Quando da eleição do sr. Obama escrevi que era como mudar os moveis de lugar para tudo ficar como estava, que nada iria mudar. Que Obama seguiria o "script" do cargo, mais uma pessoa resignada e sem liberdade para tomar as ações necessárias em seu pais. Obama faz o mesmo que Bush pai e filho fizeram, o que Regan fez, Nixon, Ford, Kennedy, … Quem manda é a industria da guerra, que tem o Congresso nas mãos, em conjunto com os grandes bancos e financeiras americanas. Com ele foi proposto (e foi/será) o maior orçamento militar da historia americana. Trilhoes, bilhoes que serão gastos com armas. Mais um pau mandado.

Responder

    Mário SF Alves

    13 de março de 2011 às 00h13

    Às vezes tento justificar o US President Berack Obema. Tudo bem. Ele não era nenhum cristão novo no entendimento da degeneração política daquele país. Mas, será que a coisa é tão fechada, tão jogo de cartas marcadas assim? Será que ele não teria um grau de liberdade qualquer que o permitisse em dado instante resgatar a ação verdadeiramente política?
    É… infelizmente, parece que não.

Ronaldo Irion

12 de março de 2011 às 19h04

Os EUA transformam-se rapidamente em um estado totalitário. "Democracia" e "liberdade" são somente palavras vazias, utilizadas com fins propagandísticos. A realidade é o inverso: um "estado bandido" que invade e mata para dominar e saquear recursos naturais de outras nações, e elimina toda e qualquer oposição. De pátria da liberdade, os EUA hoje estão mais para "1984" (George Orwell)…

Responder

    Thiago M Silva

    12 de março de 2011 às 20h12

    Não foi por aqui nesse blog que se publicou um artigo que cogitava a possibilidade de os EUA se tornarem uma nação facista daqui uns anos, num futuro não muito distante? Isso se a esquerda de lá não fizer nada né…Parece que há cada vez mais sinais que confirmam isso…

| ESTADO ANARQUISTA

12 de março de 2011 às 18h34

[…] Daniel Ellsberg*, do  Guardian, traduzido pelo Coletivo da Vila Vudu no Viomundo […]

Responder

O_Brasileiro

12 de março de 2011 às 17h14

É desprezível a covardia dos que torturam Manning, como se a vulnerabilidade de todo o sistema de informações do Departamento de Estado fosse responsabilidade apenas dele.
Muita gente está se escondendo, e escondendo sua incompetência através da tortura de Manning e da perseguição a Assange.
Lembra a indignação de Alckmin sobre a divulgação do vídeo que mostra abuso sexual por parte de delegados da Corregedoria de Polícia Civil de SP.

Responder

Bonifa

12 de março de 2011 às 17h07

O Vaticano tem por norma consagrar como santo apenas quem seja torturado por razões religiosas, não políticas. Um absurdo, quando se sabe que a religião é, sempre foi, essencialmente política. Enquanto isso, o atual Papa manda recados político-religiosos aos eleitores católicos, benéficos a determinado candidato em plena campanha eleitoral. Se tivéssemos um grande Papa, ele beatificaria o legionário Bradley Manning mesmo em vida, não importa que não seja católico. É um mártir da Humanidade.

Responder

ZePovinho

12 de março de 2011 às 15h36

A integridade desse homem é impressionante,Azenha.Muito antes da onda neoliberal,Ellsberg já tinha detonado a teoria das espectativas racionais que sustenta a teoria neoliberal.Está aqui:
http://resistir.info/eua/ellsberg_dez10.html

Daniel Ellsberg:Precursor do WikiLeaks e inimigo da teoria económica neoliberal

Responder

betinho2

12 de março de 2011 às 15h25

"OBAMA, NÃO TORTURE BRADLEY MANNING"

Não seria uma bela faixa de recepção ao "mericano"?

Responder

    Marat

    13 de março de 2011 às 00h13

    O malandrão que está no poder do IV Reich nem vai ler tal faixa, e, se o fizer, dirá que aquilo é algum tipo de manobra de opositores…

    clotilde

    13 de março de 2011 às 18h34

    Nao importa o que O Berak dirá. Não vai deixar de fazer algo por causa da hipocrisia alheia. Nao sei se ele vem a sp mas se vier eu concordaria em protestar contra a presença dele.

    beattrice

    13 de março de 2011 às 19h46

    Isso para não mencionar a segurança que bloqueia quadras e quadras, pois eles trabalham com vários roteiros alternativos impedindo inclusive a livre circulação da população local.

giovani montagner

12 de março de 2011 às 14h50

e depois os estados unidos querem propagar e defender os direitos humanos.

Responder

    Marat

    13 de março de 2011 às 00h12

    A hipocrisia é o elemento mais forte daquele país (ou hospício?)

Marcelo Fraga

12 de março de 2011 às 14h46

Essa é a dita maior democracia do mundo…

Responder

    Marat

    13 de março de 2011 às 00h11

    rsrsrsrsrsrsrsrsrs


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!