VIOMUNDO

Diário da Resistência


Mesmo preso, Lula continua no centro do tabuleiro eleitoral: lidera em todos os cenários
Foto: Ricardo Stuckert
Política

Mesmo preso, Lula continua no centro do tabuleiro eleitoral: lidera em todos os cenários


15/04/2018 - 05h49

Foto Ricardo Stuckert

Da Redação

O ex-presidente Lula, mesmo cumprindo pena, derrota qualquer adversário nos cenários de segundo turno propostos pelo Datafolha na pesquisa divulgada neste domingo, 15: 59% contra 41% de Marina, 64% x 34% de Geraldo Alckmin e 61% x 39% de Jair Bolsonaro.

Isso ajuda a explicar os fogos e os buzinaços da noite da prisão de Lula, no sábado, 7 de abril: os adversários políticos dele se beneficiam enormemente de uma eventual retirada da candidatura do ex-presidente, que o PT pretende registrar em agosto.

Também é por isso que a direita trata de naturalizar o fim da carreira política de Lula.

Embora a leitura da Folha é de que o apoio a Lula tenha enfraquecido — num cenário de primeiro turno, caiu de até 37% para 31% –, o fato é que muitos eleitores já consideram o ex-presidente carta fora do baralho e exercem outras escolhas, o que é absolutamente natural.

Isso não significa que Lula perderia os votos, se de fato concorrer.

Está aí justamente o nó da questão e o maior desafio diante do PT: com a extensão da prisão de Lula, que pode permanecer encarcerado durante alguns anos, impedido de contato com eleitores, como mantê-lo ativo através de intermediários no cenário eleitoral?

De olho nisso, os conservadores tentam isolar o ex-presidente completamente, impedindo-o de receber visitas de políticos e atacando o acampamento que mantém o foco dos militantes em Curitiba — e no próprio Lula.

No cenário em que Lula aparece como candidato em primeiro turno, ele tem 31%, contra 15% de Bolsonaro, 10% de Marina Silva e 8% de Joaquim Barbosa, 6% de Geraldo Alckmin e 5% de Ciro Gomes.

Sem Lula, Bolsonaro lidera com 17%, Marina tem 15%, Ciro Gomes e Joaquim Barbosa aparecem com 9%.

Os dados indicam que Lula é capaz de transferir até 2/3 de seus votos, o que continua sendo suficiente para levar um candidato indicado por ele ao segundo turno — algo crucial numa eleição tão pulverizada.

Hoje, pelos números, o mais factível seria o pedetista Ciro Gomes.

Os candidatos Fernando Haddad, Jacques Wagner, Manuela DÁvila e Guilherme Boulos ainda aparecem dentro da margem de erro da pesquisa, que é de 2% para mais ou para menos.

A maior surpresa da pesquisa é o considerável apoio ao ex-ministro do STF, Joaquim Barbosa, que ainda não confirmou sua candidatura pelo PSB.

Para complicar ainda mais o cenário dos tucanos, ele cresce tirando votos de Geraldo Alckmin.

Apesar da prisão, a eleição de 2018 continua tendo o ex-presidente Lula no centro do tabuleiro. E desenha um cenário devastador para os tucanos, promotores de primeira hora do golpe de 2016.

Também demonstra que a especulada chapa Joaquim Barbosa-Marina teria futuro, por juntar o apelo da luta contra a corrupção com o dos que sairam de baixo e ascenderam socialmente.

Leia também:

55% acham que Lava Jato persegue Lula



24 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

FrancoAtirador

16 de abril de 2018 às 21h03

.
DataFrias
ESPONTÂNEA
Brasil

LULA = 13%
BolsoNazi = 11%
GeneralAlckmin = 1% [UM POR CENTO]
JB = 1% [UM POR CENTO]
MariNéca = 1% [UM POR CENTO]

http://media.folha.uol.com.br/datafolha/2018/04/16/3416374d208f7def05d1476d05ede73e.pdf

Responder

FrancoAtirador

16 de abril de 2018 às 19h19 Responder

João

16 de abril de 2018 às 07h34

FORA DE PAUTA

depois da Segunda Guerra Mundial. O Império americano, seus mercenários terroristas e, recentemente, a vingança dos Estados Unidos por terem perdido uma guerra cuja vitória parecia favas contadas. Muitos dos acontecimentos dramáticos encontram-se narrados no primeiro vídeo por uma correspondente internacional independente, uma mulher extraordinária que vivenciou o drama dos refugiados e ouviu as histórias de horror vividas pelos sobreviventes desse massacre que ja dura sete anos. Uma guerra que gerou mais de 400 mil mortos e mais de 10 milhões de refugiados.

E o pior é que Trump cedeu às pressões dos generais do Pentágono e de Wall Street, que querem vingança e continuar faturando com a venda de armas de destruição em massa porque a guerra é um grande negócio e sem guerras o Império não sobrevive. É o que sugere o segundo vídeo com o depoimento do General Wesley Clark, Comandante Supremo da Organização do Tratado do Atlântico Norte durante a Guerra do Kosovo.

https://youtu.be/2PjMqV-KXPY

https://youtu.be/2PjMqV-KXPY%5D%5D%5D

Responder

    José wellington

    16 de abril de 2018 às 23h56

    Como pode o supremo que se julga o guardião da constituição cometer dois erros grosseiros contra o povo!
    1* o impedimento de Dilma; constatado que a mesma nada tinha o supremo aceita participar do circo. Mesmo que a consultoria do Senado falando ela não tem culpa.
    2* sabendo da ilegalidade do processo de lula que não contêm uma única prova,aceita discutir a ilegalidade! Pior; aceita rasgar a constituição!
    3* Lula ficou fora 4 anos do cenário político! Neste período os ânimos estavam brando; foi lula tentar ajudar Dilma do golpe do PSDB e cia, que tudo veio a tona e os movimentos que hoje vive no poder, foram contra Lula nas ruas. Eles não foram contra a corrupção ele queriam o poder para desfrutar junto com os golpistas e sabotadores das investigações. O grande acordo! Deu no que deu; 13 milhões de desempregado e gasolina a r$ 4,20!

FrancoAtirador

15 de abril de 2018 às 23h27 Responder

FrancoAtirador

15 de abril de 2018 às 22h55

Este Foi o Melhor Resultado:

LULA GANHA DE TODOS OS OUTROS
NA PROVÍNCIA FASCIPAULISTA
E NA INTENDÊNCIA PAULISTANA

ESTADO SP
1º Turno

LULA = 20%
BolsoNazi = 14%
GeneralAlckmin = 13%
MariNéca = 11%
JB = 11%
Margem de Erro = 2%

SP CAPITAL
1º Turno

LULA = 23%
JB = 12%
GeneralAlckmin = 11%
MariNéca = 10%
BolsoNazi = 10%
Margem de Erro = 3%

Responder

    FrancoAtirador

    15 de abril de 2018 às 23h02

    DESTAQUE

    Em São Paulo (Estado e Capital)
    o PSDB FICA EM TERCEIRO
    em Qualquer Cenário.

FrancoAtirador

15 de abril de 2018 às 22h06

Se é pra comparar essa Enquete Eleitoral
com Pesquisas Anteriores do Próprio DataFrias,
como fizeram os Jornais da Mídia Venal,
então, Comparada com a de 2 Anos Atrás,
o LULA CRESCEU 10 PONTOS PERCENTUAIS.
http://media.folha.uol.com.br/datafolha/2016/04/11/intencao_de_voto_presidente.pdf

Responder

FrancoAtirador

15 de abril de 2018 às 21h56 Responder

FrancoAtirador

15 de abril de 2018 às 21h44 Responder

FrancoAtirador

15 de abril de 2018 às 21h15

https://pbs.twimg.com/media/Da0muyzW4AArBex.jpg

Hora Dessas, Aquela Faixa Vermelha,
com o Percentual de Votos do LULA,
Não Vai Mais Caber na Moldura.

https://pbs.twimg.com/media/Da1W1geXcAEVYG-.jpg
https://twitter.com/lindberghfarias/status/985539381267238914

Responder

Daniela

15 de abril de 2018 às 20h46

Na minha humilde opinião, primeiro vem o Lula ser humano e cidadão,
O PT e o próprio Lula precisam pensar primeiro na vida dele, depois em eleição. Isso não é ser covarde, mas sim garantir a proteção e os direitos inerentes à vida da pessoa.
Lula foi candidato a presidente 5 vezes, duas vezes presidente, elegeu Dilma, elegeu Haddad em SP. Saiu com popularidade altíssima da presidência… Por que deixaram a situação chegar no ponto em que chegou?
O PT é muito responsável por estarmos vendo tudo isso.
Prá que passar por tudo isso? Não precisamos de heróis, mártires.
Mandela é o maior exemplo de alguém que fez seu mandato e seguiu sua vida, pois sofreu muito na prisão. Cumpriu sua missão e seguiu sua vida.
O Lula tinha que ter seguido o mesmo exemplo, após os mandatos presidenciais, sua missão como presidente, seguir seu caminho, se dedicar a outros projetos.
Como pode um ex-presidente se submeter a tudo isso que está passando? Isso não tem cabimento. Você está aí com sua vida, de-repente te enfiam numa cadeia.
Desculpem, mas é a minha opinião. Lula e o PT nunca deveriam ter permitido que isso acontecesse.
Fernando Collor está livre, leve e solto por aí. Fernando Henrique Cardoso idem. José Sarney idem.
Mais uma vez, desculpem, mas pra mim é insano o que Lula e PT deixaram acontecer, principalmente depois do que aconteceu com a Dilma.
É o fim, nada justifica. Não precisamos de salvadores da pátria, heróis ou mártires. Ninguém precisa entregar a sua vida por causa de política.

Responder

Falçao Gomes

15 de abril de 2018 às 17h33

E o troféu jegue de ouro vai para, Morou, o ultimo jenio ” democrata “. É um jenio mesmo, né !
Serra solto, Alckimin solto, Aécio solto, Temer solto, Azeredo solto, Beto Richa solto, Agripino Solto, Jucá Solto, Rocha Loures solto, Paulo Preto, temporariamente, preso para se supor que há isençao.

Responder

Hildermes José Medeiros

15 de abril de 2018 às 15h14

Não tem essa de Haddad, não hã plano B, nem muito menos Ciro Gomes: o nome é Lula, Lula lá, O golpe que se resolva, ou encontre seu candidato e o eleja, numa disputa limpa, ou parta para consolidar, se puder e tiver apoio, a ditadura, impondo um outro títere, para dar continuidade ao desmonte do país. O caminho que se impõe, é registrar a candidatura de Lula, mesmo que o golpe continue no erro de mantê=lo preso, e vencer o pleito como indicam as pesquisas, mesmo a seis meses de sua realização. Em liberdade, caso haja bom senso, e prevaleçam as Leis e a Constituição é disputar nas regras postas a eleição.. Caso contrário, o limite será o provável julgamento no Tribunal Eleitoral, após o pleito, que, espera-se, com bom senso, definirá a posse e os termos do mandato. Antes disso, não há porque pensar em alternativa ao Presidente Lula, seja no PT ou outro partido. É o correto nessa resistência ao golpe, sem compactuar com quem quer que seja, sem trair os que querem Lula presidente.

Responder

Jose fernandes

15 de abril de 2018 às 14h01

A mídia vai fazer de tudo pra convencer os eleitores do Lula que os votos foram transferido pra Marina,a santinha do pau oco, e o bolsonaro ,o fascista….temos que ficar atento……e votar em que o Lula indicar simples assim, ou votar nele

Responder

lulipe

15 de abril de 2018 às 13h18

O condenado está I-n-e-l-e-g-í-v-e-l. Quem vence em todos os cenários é o mito. É melhor JAIR se acostumando….

Responder

    Bovino

    15 de abril de 2018 às 13h35

    Melhor Jair se acostumando, os GOLPISTAS irão condenar BolsoMICO também, a utilidade dele já acabou.

    Mauricio

    15 de abril de 2018 às 17h29

    Mito? Um fascista, racista, machista, homofóbico, ignorante, que tem mais processos que projetos aprovados? Só pode ser considerado mito por gente tão burra e fascista quanto ele. Aliás, eu não consigo entender essa obsessão doentia que vocês fascistas têm pelos blogs de esquerda. Vá procurar um veterinário seu doente!

Julio Silveira

15 de abril de 2018 às 11h10

A questão é por conta da lei de mercado. O povo é burro, rsrsrs, mas mesmo burro já esta ficando escolado com os golpes dos peixes que a direita lhes vende. Ou seja, ela pesca aqueles seus marinheiros que ficam boiando a deriva no oceano, vestem uma fantasia de salmão, rosada de muita maquiagem, e expõem na frente para pegar os incautos, que não se atentam pro cheiro que costumam exalar depois de adquiridos.
Kkkkkk, o povo está ficando cansado de levar as merdas que a propaganda dos diretas vendem.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!