VIOMUNDO

Diário da Resistência


Folha “detona” reprise de Lula com vice empresário, mas usando executivos meia-boca
Reprodução
Opinião do blog

Folha “detona” reprise de Lula com vice empresário, mas usando executivos meia-boca


21/03/2021 - 16h24

Da Redação

O diário conservador paulistano Folha de S. Paulo demonstrou hoje que teme a reprise de uma chapa que junte o ex-presidente Lula a um empresário, como aconteceu em 2002 com o dono da Coteminas, José de Alencar.

Obteve os depoimentos de três empresários que já se posicionaram abertamente contra a volta do ex-presidente Lula ao Planalto.

Pedro Passos, da Natura, Luiz Biagi, da envasadora Soracaba Refrescos (da Coca Cola) e Alexandre Ostrowiecki, da Multilaser se abriram à Folha de S. Paulo.

“Uma polarização entre Lula e Bolsonaro não seria boa para o Brasil, e vejo com maus olhos a possibilidade de Lula voltar”, afirmou Alexandre ao diário conservador paulistano.

A Multilaser, de eletroeletrônicos e informática, tem cerca de 2.500 empregados e faturamento estimado em R$ 2 bilhões.

Biagi, dos refrigerantes, escolheria Romeu Zema, do Novo, como terceira via. Ele é irmão de Maurílio Biagi Filho, que chegou a ser conhecido como o “Rei da Cana”.

“Considero uma pessoa correta e que sabe executar o trabalho com ética”, disse Biagi à Folha.

A Natura já forneceu seu presidente, Guilherme Leal, como vice de Marina Silva.

O Instituto Democracia e Sustentabilidade (IDS), ligado a Marina, teve como principais doadores Guilherme e a educadora e herdeira do banco Itaú, Maria Alice Setubal, a Neca.

“O Brasil merece algo melhor do que essa polarização entre Bolsonaro e Lula. Nós precisamos criar uma alternativa mais moderna para o país, que nos coloque novamente numa posição alinhada com as demandas do século 21”, disse Pedro Passo, da Natura, sem definir quais são as “demandas” do século 21.

Reforma tributária que acabe com a penalização dos mais pobres? Imposto sobre fortunas? Combate à desigualdade de renda?

Embora alguns empresários citados pela Folha tenham ficado sobre o muro ou preferido o anonimato, ao menos três estão correndo atrás da “terceira via”.

A Natura é certamente a empresa mais influente, com seus 40 mil empregados e valor de mercado de cerca de R$ 30 bilhões — e é possível que Marina encontre uma identidade com Ciro Gomes (PDT), numa chapa de centro-direita com o DEM.

Luciano Hang, o orelhudo Véio da Havan, não foi ouvido pela Folha, que certamente sabe que quem manda mesmo são o Bradesco e o Itaú.





3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Anjo Mau

24 de março de 2021 às 10h19

Graças a Deus não assino folha e estadão.
2 jornais de extrema direita.
Aplaudiram o juiz ladrão sempre.
Não são povo, são jornais para classe A e B.
Não tem nenhum compromisso com o povo. Escrevem para médico, juiz etc.
E esses empresários são completos desconhecidos. Ninguém os conhece.
Lula não é extremo. Isso e óbvio.
A Folha e o estadão a chamar Lula de extremo querem dizer que são centro democrático. E não são. São 2 jornais golpistas, de reaças, que não respeitam a vontade do povo e da democracia.
Querem marcar posição neutra ou centro para dar a entender que não ajudaram dar o golpe e são democráticos. Mas não são.
Qtas vezes oferecem o contraditório ou ouviram sindicatos ligados aos partidos de esquerda nesses últimos 5 anos. Nunca ouviram esses sindicatos, e sempre negaram seus microfones a esquerda.
Hj vemos com clareza que aquela história de publicar receitas de comida na ditadura é um conto da carochinha. Apoiavam os generais descaradamente assim como foram eles que puseram o Bozo na presidência para matar o povo.
Generais continuam a assassinar o povo, agora por outros meios.
Não comprar o kit intubação, não aplicar vacinas, desfazer constantemente de isolamento e do uso de máscaras ES COM CERTEZA TORTURA AO POVO.
Isso e tortura.
Itaú ganhou 25 ou 50 Bilhões de perdão de dividas do governo Temer.

Responder

abelardo

22 de março de 2021 às 18h39

Que autoridade pode ter uma empresa que alinhou a ditadura militar que sequestrava, torturava e assassinava todos os que lhe eram contra e que era considerado inimigo? Que autoridade tem uma empresa jornalística, detentora uma concessão de serviço público, que promove a criação de dossiês falsos para prejudicar gratuitamente a carreira e destruir de modo odioso a sua honra e a sua reputação?
Que autoridade pode ter uma empresa que só não fechou as portas porque o seu destino é continuar amargando a sua decadência, como também experimentar o sabor do repúdio, da rejeição e do desprezo.

Responder

Zé Maria

22 de março de 2021 às 00h26

Os Frias Oliveira querem agora escolher @ Vice do Lula?
Seriam mais coerentes se escolhessem o vice do Dória Jr
que é o Candidato da Folha do PSDB Paulista

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding