VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Zema mente no twitter: “Ordem judicial não foi suspensa, despejo continua nesta quinta e com mais policiais”, lamenta deputado
Fotos: Governo de Minas Gerais, MST e Fernando Bola/CDHM
Denúncias

Zema mente no twitter: “Ordem judicial não foi suspensa, despejo continua nesta quinta e com mais policiais”, lamenta deputado


13/08/2020 - 00h06

por Conceição Lemes

Nesta quarta-feira, 12/08, o governador de Minas Gerais, Romeu Zema (Novo), ficou definitivamente nu, escancarando gigantescas vilania e crueldade.

Um monstro dissimulado, que, na maior desfaçatez, faltou com a verdade.

Acompanhe a cronologia dos fatos:

15h25 — 65 deputados federais junto com a Comissão Nacional de Direitos Humanos (CNDH) enviaram um ofício a Zema, solicitando reunião urgente para tratar da reintegração de posse contra trabalhadores rurais sem-terra do acampamento Quilombo Campo Grande, em Campo do Meio.

Apesar de todos os apelos ao Tribunal de Justiça e ao Governo de Minas Gerais, o despejo começou nesta quarta-feira.

17h24 — Zema tuita que a Secretaria de Desenvolvimento Social havia solicitado a suspensão do cumprimento da ordem judicial para reintegração de posse durante a pandemia.

19h01  — O governador Romeu Zema volta ao twitter, desdizendo o que havia tuitado um pouco antes.

Alegou que o pedido a que se referira era, na verdade, o oficio enviado nessa terça-feira, 11/08, ao presidente do Tribunal de Justiça de Minas Gerais, assinado por várias autoridades, entre as quais o presidente da CDHM. Não tinha sido, portanto, um pedido judicial.

 E reafirmou, também no Twitter, que a PM cumpre a decisão judicial.

  

“Portanto, a ordem judicial não foi suspensa”, lamenta o deputado federal Helder Salomão (PT-ES), presidente da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM), da Câmara dos Deputados.

Ao contrário do que chegou divulgado em redes sociais logo após o primeiro twitter de Zema, a Polícia Militar não arredou o pé do local, sequer minimamente.

”Segundo a mesa de diálogo, a PM permanecerá a toda noite no acampamento com um efetivo ainda  maior”, informa o deputado.

A PM já desocupou os espaços coletivos: a escola e os barracões

As residências dos trabalhadores rurais não foram retiradas da área e as lavouras seguem preservadas

A tensão permanece grande, inclusive com pessoas passando mal.

Agora à noite, o TJMG negou novo pedido da Defensoria Pública para reconsiderar a decisão.

Ou seja, confirmada para esta quinta-feira a continuação do despejo do Acampamento do Quilombo. E com tropa aumentada.

A propósito, por que o governador mentiu no twitter?

Foi pra tentar ficar bonito na fita e, assim, gerar uma fake news?

Será que achava iludiria os trabalhadores rurais sem-terra?

Ou teria teria sido um momentâneo ataque de empatia humana em plena pandemia?

Uma coisa é certa. Romeu Zema se apequenou ainda mais como pessoa.



Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

O lado sujo do futebol: Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - O lado sujo do futebol e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


1 comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

a.ali

13 de agosto de 2020 às 15h29

´e outro genocida da laia do de brasilia…

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!