VIOMUNDO

Diário da Resistência


Bolsogate: Líder do PT quer investigação sobre transações suspeitas envolvendo ex-motorista de Flávio Bolsonaro e futura primeira dama; leia íntegra
A futura primeira-dama Michelle Bolsonaro chega a Brasília para a primeira viagem à cidade onde nasceu, depois da eleição do marido – Jair Bolsonaro. A agenda dela inclui visitas ao Palácio do Alvorada e à Granja do Torto e encontro com a primeira-dama Marcela Temer.Foto José Cruz/Agência Brasil
Denúncias

Bolsogate: Líder do PT quer investigação sobre transações suspeitas envolvendo ex-motorista de Flávio Bolsonaro e futura primeira dama; leia íntegra


07/12/2018 - 09h59

Pimenta ingressa com representação criminal contra Flávio e Michele Bolsonaro

do PT na Câmara

O líder do PT na Câmara, Paulo Pimenta (RS), ingressou hoje (6) na Procuradoria-Geral da República com representação criminal pedindo a abertura de procedimento de investigação para apurar possíveis ilícitos criminais e administrativos envolvendo o deputado estadual Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) – filho do presidente eleito Jair Bolsonaro – e a futura primeira-dama da República, Michele Bolsonaro.

A representação baseia-se em relatório do Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras) que classifica como “suspeitas” movimentações financeiras do policial militar Fabrício José Carlos de Queiroz, ex-motorista de Flávio Bolsonaro na Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro.

Conforme publicou o jornal O Estado de S. Paulo, o PM movimentou R$ 1,2 milhão entre janeiro de 2016 e o mesmo mês de 2017.

Deste total, R$ 320 mil foram em movimentações em espécie, além de saques na mesma agência bancária no valor de R$ 159 mil.

Primeira-dama – Conforme o relatório do Coaf citado pelo jornal, uma das transações é um cheque de R$ 24 mil destinado à futura primeira-dama Michele Bolsonaro.

Esse cheque está entre as várias transações feitas pelo militar.

“Dentre eles constam como favorecidos a ex-secretária parlamentar e atual esposa de pessoa com foro por prerrogativa de função – Michele de Paula Firmo Reinaldo Bolsonaro, no valor de R$ 24 mil”, diz o documento do Coaf.

O deputado destaca que a movimentação financeira do militar é incompatível com os seus ganhos como assessor parlamentar.

Segundo o próprio jornal publicou, as autoridades consideram os saques suspeitos porque podem ter sido utilizados como método para dificultar o rastreio do destino dos recursos.

Ilícitos – Paulo Pimenta pediu à PGR “a abertura de procedimento de investigação específico, com vistas a apurar principalmente a participação” de Flávio e de Michele em “possíveis ilícitos criminais e administrativos”, tendo em vista que as condutas do PM já são objeto de investigação penal”.

O líder do PT pede também para que seja verificado se a futura primeira-dama declarou ao Fisco a movimentação financeira, inclusive com o recolhimento de impostos devidos.

Assim, solicita a cooperação junto à Secretaria da Receita Federal do Brasil, com o objetivo de verificar se Michele não praticou possíveis crimes tributários e/ou outros ilícitos civis.

“Os fatos noticiados são graves e merecem uma investigação aprofundada”, alerta Paulo Pimenta.

O Ministério Público Federal (MPF) divulgou uma nota na tarde desta quinta-feira (6), em que confirma a existência do relatório do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) sobre movimentações atípicas envolvendo profissionais da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj).

O documento faz parte da Operação Furna da Onça, que prendeu 10 deputados estaduais do Rio de Janeiro, segundo o MPF, envolvidos em um esquema de pagamento de ‘mensalinho’.

Leia também:

Motorista de Flávio Bolsonaro movimentou R$ 1,2 milhão

Livro do Luiz Carlos Azenha
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

A Trama de Propinas, Negociatas e Traições que Abalou o Esporte Mais Popular do Mundo.

Por Luiz Carlos Azenha, Amaury Ribeiro Jr., Leandro Cipoloni e Tony Chastinet



3 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Julio Silveira

07 de dezembro de 2018 às 14h46

Quero ver os cara de laje de sempre, que para todas as sacanagens que aparecem que ligam a seu mito, como acontecia com o Aécio mafia, virem gritar para que se faça justiça a esses nos mesmos termos que gritavam e gritam contra o Lula. Essa cambada de sabujos golpistas que vivem canalhamente a afirmar que querem justiça,

Responder

Zé Maria

07 de dezembro de 2018 às 12h34

íntegra da Defesa da Barbie Neopentecostal:

https://pbs.twimg.com/media/DtvzErFWoAArBIb.jpg

Responder

LEOPOLDO CORREA

07 de dezembro de 2018 às 11h36

Tá certo. Tem que fazer isso mesmo. Espero que ele faça isso sempre, com TODOS que sejam suspeitos, sem seletividade.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!