VIOMUNDO

Diário da Resistência


Humberto Costa pede apuração dos crimes de exortação ao homicídio e linchamento público praticados por Ratinho contra Natália Bonavides
Fotos: Reprodução SBT e Marina Ramos/Câmara dos Deputados
Denúncias

Humberto Costa pede apuração dos crimes de exortação ao homicídio e linchamento público praticados por Ratinho contra Natália Bonavides


16/12/2021 - 15h05

Da Redação

Nessa quarta-feira,15-12, durante o seu programa na Rádio Massa FM, o apresentador Carlos Roberto Massa, o Ratinho, sugeriu “pegar uma metralhadora” contra a deputada federal Natália Bonavides (PT-RN).

Foi após ela apresentar um projeto de lei, que propõe eliminar os termos “marido e mulher” em celebração de casamento firmado em cartório.

“A gente tinha que eliminar esses loucos. Não dá para pegar uma metralhadora?”, disse Ratinho..

“A declaração foi absurda e criminosa porque incitou violência contra mim. Isso vai ser apurado e investigado”, diz a  deputada. 

Em entrevista ao Estadão, Natália explica que sua proposta não é que o Ratinho disse sobre ela:

“É um projeto que faz uma alteração simples no Código Civil para incluir termos que valham para todos os casais, todas as famílias. O Ratinho criticou dizendo que eu havia proposto tirar pai e mãe da certidão de nascimento, o que não existe. Isso revela incapacidade de atacar o projeto por si só, porque ele só garante direitos, não tira de ninguém, não afeta negativamente ninguém, de tal forma que para atacar precisam inventar coisas que não são reais”

BANCADA SE SOLIDARIZA

A bancada do PT na Câmara divulgou nesta quinta-feira, 16-12, uma nota (na íntegra, ao final) em solidariedade à deputada Natália Bonavides. Ela é assinada pelo líder Elvino Bohn Gass.

“Ao sugerir “pegar uma metralhadora” contra a parlamentar, Ratinho extrapolou qualquer limite do direito de opinião e cometeu crime. Ele colocou a vida e a integridade física da deputada em risco”, afirma Bohn Gass.

“A Bancada do PT manifesta profunda solidariedade e apoio às medidas judiciais a serem adotadas contra o apresentador e empresário. Aberrações como a que foram cometidas, alcançando milhares de pessoas, devem ser punidas com o rigor da lei”, frisa o líder.

HUMBERTO PEDE APURAÇÃO 

Em mensagem no twitter, o senador Humberto Costa (@senadorhumberto) informou que oficiou hoje o Ministéro Público Federal (MPF) em São Paulo e a Procuradoria Federal dos Direitos do Cidadão para que apurem o cometimento de crime por parte de Ratinho contra a deputada @natbonavides.

No ofício (na íntegra, abaixo), o @senadorhumberto observa:

“Além de, em tese, haver incitação ao ódio em plena transmissão a partir de concessão pública, o epigrafado senhor acomete-se, a priori, de exortação ao homicídio, ao linchamento público de uma parlamentar federal, por simples razão de o ofensor discordar de um posicionamento da eminente Congressista”

Translate Tweet

Nota da Bancada do PT de solidariedade à deputada Natália Bonavides

PT na Câmara

A Bancada do PT na Câmara se solidariza com a deputada Natália Bonavides (PT-RN) e repudia os ataques desferidos contra ela pelo apresentador Carlos Roberto Massa, o Ratinho. Por meio de uma concessão pública, em sua rádio Massa FM, o apresentador fez insinuações machistas, preconceituosas e com incitação ao homicídio, uma atitude absolutamente criminosa que precisa ser investigada e punida exemplarmente.

Ao sugerir “pegar uma metralhadora” contra a parlamentar, Ratinho extrapolou qualquer limite do direito de opinião e cometeu crime. Ele colocou a vida e a integridade física da deputada em risco.

Em uma sociedade democrática e em pleno século 21, não se podem naturalizar ameaças, violência e ataques misóginos.

A Bancada do PT manifesta profunda solidariedade e apoio às medidas judiciais a serem adotadas contra o apresentador e empresário. Aberrações como a que foram cometidas, alcançando milhares de pessoas, devem ser punidas com o rigor da lei.

O ódio não irá vencer.

Brasília, 16 de dezembro de 2021

Elvino Bohn Gass, líder da Bancada do PT na Câmara dos Deputados





7 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

João Ferreira Bastos

17 de dezembro de 2021 às 13h34

Esses dias o sonegador-criminoso veio da havan levou um copo de cerveja ou mijo na cara
O sonegador-criminoso ratinho deveria ser o proximo

chega de oposição namastê

Responder

Cláudio Carvalho Fernandes

17 de dezembro de 2021 às 00h49

É um ratinho mesmo ( ou será uma velha ratazana? ) nos esgotos sujos do Paraná.

Responder

Cláudio Carvalho Fernandes de

17 de dezembro de 2021 às 00h43

É um ratinho mesmo ( ou será que é uma velha ratazana ? ) nos esgotos do Paraná.

Responder

Zé Maria

16 de dezembro de 2021 às 23h35

Substituir a expressão ‘marido e mulher’ por ‘eu @s declaro [email protected]
na celebração do casamento civil em cartório, agora dá Pena de Morte?
(https://www.camara.leg.br/propostas-legislativas/2306938)

Íntegra do PL 4004/2021:

“PROJETO DE LEI Nº 4004, DE 2021
(Da Dep. Natália Bonavides)

Altera a Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002 (Código Civil)
para modificar os termos da declaração feita pela presidência
da cerimônia de casamento para celebração do casamento civil,
assegurando o tratamento igual entre casais.

O Congresso Nacional decreta:

Art. 1º Esta Lei tem como objetivo modificar os termos da declaração feita
pela presidência da cerimônia de casamento para celebração do casamento civil,
assegurando o tratamento igual entre casais.

Art. 2º A Lei nº 10.406, de 10 de janeiro de 2002 (Código Civil) passa a vigorar com
a seguinte redação:
“……………………………………………………………………………
Art. 1.535. Presentes os contraentes, em pessoa ou
por procurador especial, juntamente com as testemunhas
e o oficial do registro, a presidência do ato, ouvida aos nubentes
a afirmação de que pretendem casar por livre e espontânea
vontade, declarará efetuado o casamento, nestes termos:
‘De acordo com a vontade que acabam de declarar perante mim,
eu, em nome da lei, declaro firmado o casamento.’
…………………………………………………………………………” (NR)

Art. 3º Esta Lei entra em vigor na data de sua publicação.

https://www.camara.leg.br/proposicoesWeb/prop_mostrarintegra?codteor=2104400

Só mesmo uma Ratazana Fascista Mercenária
para pensar em Metralhadora nessa hora feliz.

Responder

    Zé Maria

    17 de dezembro de 2021 às 00h49

    “Concordo Totalmente” com o Projeto de Lei 4004/2021 da Câmara dos Deputados:

    Vote: (https://sso.camara.leg.br/login)

    Zé Maria

    17 de dezembro de 2021 às 23h30

    https://forms.camara.leg.br/ex/enquetes/2306938

Maciel Silva

16 de dezembro de 2021 às 20h32

Com um agravante. Ele pede para metralhar uma MULHER num país que todo dia tem 2 ou 3 mulheres mortas por feminicidio. 2 ou 3 que aparecem no jornal, mas lógico que é muito mais fora as que apanham do marido. Fora homossexuais tb mortos.
Um país bastante intolerante com as questões de gênero.
Sinceramente se mulher continuar a dar Ibope para o Ratinho é pq não caiu a ficha.
Ele disse com todas as letras para METRALHAR uma MULHER.
Isso é incentivar a morte de mulheres.
É de lascar.
Fora que a Mariele foi morta assim.
É lógico que o Ratinho pai do ratão sabe que a deputada é MULHER.
Falou de caso pensado. Não foi erro.

Responder

Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Últimas matérias