VIOMUNDO

Diário da Resistência


Denúncias

Comissão adia pela 2ª vez julgamento de diretor da ANS


20/09/2013 - 16h54

 

Novas denúncias contra Elano Figueiredo levaram a Comissão de Ética da Presidência da República a adiar pela segunda vez o seu julgamento

por Conceição Lemes

A Comissão de Ética Pública da Presidência da República posterga pela segunda vez o julgamento do novo diretor de Gestão da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS),  o advogado Elane Rodrigues de Figueiredo.Será em outubro.

Assim como aconteceu da primeira vez, o adiamento  foi motivado por novas denúncias recebidas pela Comissão contra Figueiredo.

Agora, o Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) e a Associação Brasileira de Saúde Coletiva (Abrasco) informaram à Comissão de Ética que Figueiredo está julgando processos de operadoras de planos privados de saúde, nos quais já trabalhou.

A primeira denúncia foi de que Figueiredo omitiu do currículo que enviou à presidenta Dilma Rousseff e na sabatina no Senado um grave conflito de interesse. A de que advogou para planos de saúde. Mais precisamente foi diretor-jurídico da HapVida (como celetista), além de ter trabalhado como advogado da Unimed.

Para o Idec e a Abrasco as duas situações demonstram grave conflito de interesse, para alguém que é diretor da ANS. Por isso, defendem a exoneração dele.

Em seu despacho, o relator da Comissão de Ética da Presidência, o advogado Mauro de Azevedo Menezes, observa que o Conselho Nacional de Saúde (CNS), pelos mesmos motivos do Idec, repudia a nomeação de Elano Figueiredo para o cargo de diretor da ANS.  Abaixo, a íntegra do seu despacho, que é bastante didático.

Leia também:

 





6 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Mardones

23 de setembro de 2013 às 09h35

Meus deuses! Tirem esse bandido de lá!

Responder

Urbano

22 de setembro de 2013 às 13h01

Para quem fica patinando nas coisas mais simples, querer botar banca pra cima dos donos do mundo (no caso da espionagem e Internet) é simplesmente risível.

Responder

Seabra

22 de setembro de 2013 às 11h14

Esse IDEC tinha que ganhar medalha de honra ao mérito, já o diretor de vida dupla precisa ser defenestrado…mas com carinho para não se machucar…

Responder

FrancoAtirador

22 de setembro de 2013 às 03h30

.
.
LEI No 9.961 DE 28 DE JANEIRO DE 2000.

Regulamento da MP 2.012-2, de 30.12.99
Conversão da MPv nº 2.012-2, de 2000

Cria a Agência Nacional de Saúde Suplementar – ANS e dá outras providências.

O PRESIDENTE DA REPÚBLICA Faço saber que o Congresso Nacional decreta e eu sanciono a seguinte Lei:

(…)

Brasília, 28 de janeiro de 2000; 179º da Independência e 112º da República.

FERNANDO HENRIQUE CARDOSO
José Serra

(http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/leis/L9961.htm)

Responder

Julio Silveira

21 de setembro de 2013 às 10h53

É a teimosia do governo e seus parceiros usando o tempo como aliado para que o esquecimento trate de auxiliar seu protegido.

Responder

    Ednaldo

    21 de setembro de 2013 às 23h27

    é por isso que temos que cobrar o governo como qualquer outro antes – com a contudência!!

    Dilma, não ferra pô!!!


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding