VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Campanha alerta para abuso sexual médico: “Só nós, que passamos por isso, sabemos onde dói”; vídeo
Denúncias

Campanha alerta para abuso sexual médico: “Só nós, que passamos por isso, sabemos onde dói”; vídeo


11/12/2019 - 23h20

CAMPANHA ONDEDÓI

A visita ao pediatra para rever resultados de exame de estômago foi a oportunidade que o médico de Umuarama, no Paraná, usou para abusar sexualmente da paciente de dezesseis anos.

Nina Marqueti se calou por dez anos. Mas sempre pensou que um dia encontraria uma maneira de denunciar o pediatra e evitar que muitas outras meninas e jovens passassem pelo mesmo trauma.

Chegou a hora. Nina encabeça uma campanha, que entra no ar essa semana, chamada #ONDEDÓI porque, como ela mesma diz, “só nós, que passamos por isso, sabemos onde dói”.

O objetivo dessa campanha é mapear os casos de abusos cometidos por profissionais de saúde nos consultórios, hospitais, postos e ambulatórios.

Através de um questionário, no site da #ONDEDÓI, as mulheres poderão relatar suas histórias anonimamente e ler o que outras passaram. É importante entender que não estamos sozinhas.

O site também vai indicar grupos de profissionais que acolhem e orientam as vítimas nas áreas jurídica e emocional.

A campanha ainda está produzindo um manual ilustrado para explicar às pacientes quais são os direitos delas e como proceder para se defender desse tipo de abuso.

É possível ter sempre uma pessoa presente na consulta, além da paciente e do médico?

Quando uma pergunta ou um gesto incomoda a paciente, qual deve ser a primeira atitude para evitar que a situação constrangedora vá adiante?

Você pode conhecer melhor essa campanha no site ​www.ondedoi.org e no Instagram: @CampanhaOndeDoi

QUEM SOMOS

Somos uma coalizão de coletivos feministas que reúne mulheres brasileiras no mundo todo empenhadas em eliminar a violência de gênero, combater a homofobia, o racismo e qualquer outro tipo de preconceito.

A partir da experiência da atriz e ativista Nina Marqueti, nos reunimos para estruturar o projeto #ondedoi.

Nosso objetivo é promover a conscientização da sociedade a respeito da violência contra as mulheres praticada por profissionais de saúde.

Queremos mapear esses casos e oferecer uma rede de apoio, emocional e jurídico, às vítimas.

Levantar um volume de informações sobre esses abusos também vai possibilitar exercer pressão sobre o poder público para que tome as providências necessárias e esses crimes sejam investigados, processados e julgados para que casos como o da Nina não se repitam.

ORGANIZAÇÃO

Mulheres da Resistência no Exterior

MUCB

GAMBE

W.A.V.E.

Plataforma Geni

Resist Brasil – Mulheres no Exterior Unidas pela Democracia

Elas Por Elas – Flórida

APOIO

Mapa do Acolhimento

Revibra

Coletivo Entre Elas

Think Olga

Mães Pela Diversidade

Vítimas Unidas

Raquel Ajuda

Papo Preta

Veja também:

Heloísa Villela: Após dez anos de muita dor, até tentativas de suicídio, atriz denuncia pediatra do Paraná por abuso sexual

Cláudia Dutra: Quem é o estuprador que está no teu caminho no Brasil bolsonarista?; vídeos de arrepiar 

Ajude o VIOMUNDO a sobreviver

Nós precisamos da ajuda financeira de vocês, leitores, por isso ajudem-nos a garantir nossa sobrevivência comprando um de nossos livros.

Rede Globo: 40 anos de poder e hegemonia

Edição Limitada

R$ 79 + frete

O lado sujo do futebol: Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!

R$ 40 + frete

Pacote de 2 livros - O lado sujo do futebol e Rede Globo

Promoção

R$ 99 + frete

A gente sobrevive. Você lê!


Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding
Loja
Compre aqui
O lado sujo do futebol

Tudo o que a Globo escondeu de você sobre o futebol brasileiro durante meio século!