VIOMUNDO

Diário da Resistência

Sobre


Altamiro Borges: Apóstolo que faz milagre com feijão de R$ 1 mil e vende toalhas bentas não junta R$ 248 mil para pagar dívida
Reprodução
Denúncias

Altamiro Borges: Apóstolo que faz milagre com feijão de R$ 1 mil e vende toalhas bentas não junta R$ 248 mil para pagar dívida


12/08/2021 - 20h57

Apóstolo Valdemiro esconde conta bancária

Por Altamiro Borges, em seu blog

O site Metrópoles postou na sexta-feira (16) que “o pastor Valdemiro Santiago, fundador da Igreja Mundial do Poder de Deus, pediu ao Tribunal de Justiça de São Paulo a decretação de segredo judicial sobre a apuração que será feita em suas contas bancárias. O pedido tramita na 4ª Vara Cível de Carapicuíba”, região metropolitana de São Paulo.

Uma correção: o site rebaixou o líder neopentecostal – que se autointitula “apóstolo” e não um mero pastor!

Em junho passado, a juíza Rossana Luiza de Faria determinou que os extratos bancários do “religioso” fossem enviados à Justiça para investigar se há confusão patrimonial entre as suas contas pessoais e as da Igreja Mundial.

Segundo o site, “a medida, que atinge também as informações fiscais do apóstolo, foi tomada em um processo no qual o proprietário de um imóvel em Carapicuíba, onde funcionava um templo, cobra uma dívida de R$ 248 mil entre aluguéis e encargos”.

O advogado Carlos Alberto Pereira, que representa o locador sacaneado, afirmou à Justiça que haveria indícios de que os valores doados pelos fiéis foram “ocultados” nas contas bancárias de Valdemiro Santiago.

O sinistro “apóstolo”, o mesmo que recentemente foi acusado de charlatanismo e processado por vender sementes “milagrosas” de feijão contra a Covid-19, estaria escondendo algo nas suas contas bancárias? Será?





Nenhum comentário

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding