VIOMUNDO

Diário da Resistência


600 mil brasileiros mortos por covid: Médicos cearenses denunciam governo federal e CFM, cobram apuração e punições; vídeos
Fotos: Coletivo Rebento/CE
Blog da Saúde

600 mil brasileiros mortos por covid: Médicos cearenses denunciam governo federal e CFM, cobram apuração e punições; vídeos


08/10/2021 - 20h35

600 mil mortes por Covid-19: médicos cearenses realizaram manifestação nesta sexta, na Praia de Iracema

Coletivo Rebento

Denunciando o crime contra a humanidade concretizado na marca de mais de 600 mil mortes por Covid-19 no Brasil, médicos cearenses realizaram manifestação na manhã desta sexta-feira, na Praia de Iracema, perto da estátua de Iracema.

Os médicos e médicas participantes da manifestação integram o Coletivo Rebento/Médicos em Defesa da Vida, da Ciência e do SUS, a Associação Brasileira de Médicos e Médicas pela Democacia e a Rede Nacional de Médicos Populares/Ceará.

Os profissionais de saúde denunciaram a necropolítica, o projeto de morte, o boicote às atitudes que teriam evitado centenas de milhares de mortes.

Os manifestantes cobraram a apuração das responsabilidades e a punição do do Governo Federal, do Conselho Federal de Medicina (CFM) e de todos que agiram com falta de seriedade contra a pandemia, ampliando os riscos para a população brasileira e os patamares de novos casos, internações e mortes, números que se tornaram motivo de lamento e escândalo mundial.

Inclusive com a defesa de que a população se expusesse e se contaminasse, sem isolamento social, com falsa dicotomia entre vidas e empregos, e com a defesa de medicamentos ineficazes contra a Covid-19, como tentativa de justificar o boicote mesmo de medidas básicas, como distanciamento social e uso de máscaras.

A manifestação de médicos nesta sexta-feira denunciou as consequências das ações e omissões do Governo Federal para o elevadíssimo número de mortes pela doença no Brasil – muito acima da média mundial.

Em grande parte, mortes evitáveis. Apenas dois países atingiram a terrível marca de 600 mil mortes: EUA, onde após ampla vacinação os números de internações e mortes caíram rapidamente, e Brasil, onde a vacinação começou muito tardiamente e segue lenta. 

A manifestação realizada na Praia de Iracema foi  simbólica, sem aglomeração, realizadas com pequeno número de participantes, com distanciamento entre as pessoas e uso de máscaras.

Os médicos destacaram em faixas, cartazes e outros recursos visuais a luta por mudanças urgentes no Governo Federal, para que não haja ainda mais vítimas da doença e para que haja verdadeiramente suporte às pessoas e às famílias, com auxílio emergencial em valor digno e outras medidas de geração de emprego e enfrentamento às consequências econômicas e sociais da pandemia.





4 comentários

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Zé Maria

09 de outubro de 2021 às 07h58

O CFM é Autarquia Federal que por meio do atual Presidente confessa a prática de Crime contra a Humanidade. O Conselho deve ser urgentemente interditado.

“Se eu entendi bem, o presidente do CFM afirmou que,
como Bolsonaro atendeu reivindicações corporativas
da categoria, ele liberou o governo para promover
desinformação que causou a morte de milhares de
brasileiros. Isso é caso para tribunal internacional.”

https://twitter.com/Haddad_Fernando/status/1446535800817082373

Responder

    Zé Maria

    09 de outubro de 2021 às 08h10

    Há tempos, não há no CFM a Figura do Médico que
    busca a Cura Humana, senão o Dinheiro e o Poder.

    Não à toa, a Diretoria do Conselho fez Campanha
    insidiosa contra Dilma e o Programa Mais Médicos.

    Hoje, os Povos Nativos da Amazônia e do Pantanal
    são Entupidos de Cloroquina por Mengeles do CFM.

    Zé Maria

    09 de outubro de 2021 às 10h48

    Mesmo agora, com todas as evidências científicas
    atestando que a Cloroquina não tem Eficácia para
    tratamento de Coronavírus nem de Nenhum Vírus,
    muitos ‘Médicos’ Inescrupulosos – ou incompetentes –
    continuam receitando ou recomendando pacientes
    a fazer uso desse falso medicamento para COVID-19.

    Atualmente, o Brasil é o Único País no Mundo em que
    médicos receitam o tal Kit-COVID para ‘tratamento’ de
    Infecção por SARS-COV-2.
    E o mais Grave, com Autorização Oficial por Resolução
    do Conselho Federal de Medicina (CFM).

    Zé Maria

    09 de outubro de 2021 às 14h28

    “Bolsonaro tem de ser julgado em tribunal
    internacional pelo genocídio brasileiro.
    Nós não podemos naturalizar esta barbárie.
    Crimes comuns em série foram cometidos.
    E Lira deve ser esculhambado noite e dia,
    é inadmissível que este genocida
    continue a nos matar.”
    #ImpeachmentJá
    https://twitter.com/Maria_Fro/status/1446862278775775247

    “Todos os cúmplices de Bolsonaro devem ser punidos.
    Do juiz ladrão aos militares de pijama, de Little, anão
    ao CFM, passando pela prevent senior.
    São 600 mil vidas perdidas pra uma política deliberada
    de ampliar o contágio e usar remédios ineficazes,
    e matar vítimas asfixiadas”

    https://twitter.com/Maria_Fro/status/1446867660701057025


Deixe uma resposta

Apoie o VIOMUNDO - Crowdfunding