VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.
Cartas de Minas

Nassif suspeita que Aécio indicou delegado que o “absolveu” em Furnas

10 de agosto de 2017 às 16h31

E o Dimas, cadê o Dimas?

O inquérito que absolveu Aécio se esqueceu do personagem principal

por Luis Nassif, no GGN

Dimas Toledo costumava se vangloriar de ter mais de cem deputados no bolso.

Durante anos e anos foi o principal operador de Furnas.

Eram públicas suas relações com Aécio Neves e outros políticos.

No inquérito, menciona a existência de enorme quantidade de documentos, que levaram à reabertura do inquérito contra Aécio, e não menciona nenhum.

Limita-se a indicar os depoimentos que livrariam Aécio, dentre os quais os de Lula, José Dirceu e Silvinho Pereira, de que Dimas não teria sido nomeado por influência de Aécio.

E também do filho do dono da Bauruense, afirmando que o pai nunca lhe mencionara o nome de Aécio.

Bauruense teria sido a empresa através do qual se lavava o dinheiro de Furnas para Aécio.

Foi uma beleza de inquérito amigo, sem nenhuma condução coercitiva, nenhuma menção a depoimento de Dimas.

Dimas Toledo seria uma síntese de Paulo Roberto Costa com Alberto Yousseff.

Mantinha o cargo em Furnas e providenciava a lavagem de dinheiro com fornecedores.

Não há sequer fotos atualizadas dele.

No inquérito, assinado pelo delegado Alex Levi Bersan de Rezende, não há nenhuma menção às contas de Aécio em Liechtenstein, nenhum rastreamento das contas da Bauruense, nenhuma apreensão de documentos da empresa no período em que os pagamentos supostamente teriam sido feitos.

Alex serviu muito tempo à PF em Minas Gerias.

Por lá, a cada mês a PF divulga um escândalo novo ou requentado contra o governador Fernando Pimentel, baseada exclusivamente em delações sem provas de um ex-marqueteiro.

O que comprova que os deuses beneficiaram Aécio não apenas interferindo na roleta dos sorteios do Supremo, mas também na escolha dos delegados.

Leia também:

Lula foi condenado com instrumentos de exceção, diz advogado

 

2 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

RONALD

11/08/2017 - 15h24

Os crimes de aécio são segredos de polichinelo. Todo mundo sabe, mas ninguém ouve falar…

Responder

Raimundo nonato Martins de Santana

11/08/2017 - 09h38

Partindo do Aécio e do PSDB , podemos esperar por tudo .
Ou vamos esquecer o controle que ele é a irmã dele exercem sobre a mídia principalmente lá em minas gerais .
É só procurar no Google que vcs irão achar um vasto material . Até hj não entendi porque essas perseguição deles a imprensa não foi divulgado , só ficamos sabendo através da internet , isso é uma vergonha esse cara foi governo de estado senador e quase foi presidente da república , e a imprensa não divulgava essas perseguição , jornalista só podiam falar bem do governo deles se falasse contra se mostrasse a realidade eram perseguidos , existem vários depoimento aí na internet ou será tudo mentira. houve casos de profissionais que foram preso .
E nois aqui achando que estamos em uma democracia que a imprensa e livre , que tristeza até quando vamos ver isso .

Responder

Deixe uma resposta