VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.

Globo inventa “tinta” que escorreu na Paulista e entra na onda das ciclovias do mal

03 de março de 2015 às 23h35

Captura de Tela 2015-03-03 às 23.15.41

À esquerda, repórter Natália Ariede bota o dedo “na tinta”. Na conclusão da reportagem, ela disse: “Com a chuva de hoje, o dinheiro público investido na tinta acabou aí, na sarjeta”. Na volta para o âncora Cesar Tralli, do SPTV, ele disse: “Inacreditável, né, gente?!”e “Você viu o desperdício, no mínimo, de tinta, né?”. À direita, foto do site VádeBike mostrando que não se trata de tinta, que mancha, mas de restos de pó de concreto pigmentado, que sempre sobram nesse tipo de obra — e saem com água.

3 de março de 2015 – 17h45

O sistema Globo e as ciclovias como símbolos da luta política 

do Vermelho

Quem é contra ciclovia? A bicicleta é um veículo barato, não poluente, contribui para a saúde do usuário e necessita de pouco espaço. É quase uma unanimidade, correto? Depende, se o prefeito que optar por investir na construção de ciclovias, dentro de um projeto integrado de mobilidade urbana, der o “azar” de pertencer a um partido do campo popular, pode contar que a luta política vai prevalecer e o sistema Globo vem pra cima, inventando até vazamento de tinta em ciclovia que não foi pintada.

O sistema Globo é a favor das ciclovias? É contra?

A cidade do Rio de Janeiro tem a maior malha cicloviária da América Latina com 380 km, devendo chegar aos 450 km até o final deste ano. Em setembro de 2014 o jornal O Globo noticiava com simpatia, com direito a chamada de capa, a construção da “Ciclovia da Niemeyer”, na zona sul da cidade maravilhosa, e informava que 70 mil moradores seriam beneficiados. Além disso “com essa nova pista e a que está sendo construída ao longo do Elevado do Joá, o ciclista poderá fazer o trajeto do Recreio até o Centro”. Em março de 2014, o especialista em mobilidade Alexandre Delijaicov, da Universidade de São Paulo (USP), ouvido pelo G1, declarava que “mais de um terço das viagens no país é feita a pé, a maior parte por uma população que não tem dinheiro para se locomover. Não construir calçadas mais largas e ciclovias é um absurdo”, diz. Porém, Fernando Haddad, prefeito de São Paulo, está investindo em ciclovias e planeja construir 400 km até o fim do mandato como uma das soluções para o transporte público da cidade. Como ele é do PT, o sistema Globo em SP bate nas ciclovias dia e noite, coadunada por seus parceiros da mídia hegemônica.

Nem a favor nem contra. O sistema Globo trava a luta política

A campanha sistemática do sistema Globo contra as ciclovias em São Paulo repete a velha técnica de manipular e distorcer informações, provocando reações inusitadas dos setores conservadores paulistanos e da camada média que absorve como esponja as posições da mídia hegemônica. Reinaldo Azevedo, comentarista da CBN e articulista da revista Veja, diz que as ciclovias são o Estado Islâmico em duas rodas: “As loucuras de Fernando Haddad (PT), o ciclofaixista que aterroriza São Paulo, não tem limites. Ele é a versão sobre duas rodas do Estado Islâmico”. Como tudo na mídia monopolizada, esta campanha é articulada com os outros veículos.

Ciclovia vai aumentar o número de assaltos

O jornal O Estado de S. Paulo, em matéria de dezembro de 2014 intitulada: “Moradores de áreas nobres da capital acionam MP contra ciclovias de Haddad” conta sobre a “revolta” em Jardim Paulista, bairro da classe alta paulistana. Uma médica ouvida declara: “Eu quase surtei quando vi a faixa da Prefeitura”, e indaga: “se eu oferecer um jantar e quiser receber meus amigos, onde eles vão parar (o carro)?”. O aposentado Francisco Augusto teme o aumento no número de assaltos por conta da ciclovia: “Quem anda de bicicleta não presta, hoje nós sabemos disso. São pessoas não qualificadas, Então vamos ficar sujeitos a este risco aqui?”.

Faixas do diabo tem signo oculto

Estudos indicam que para distâncias de até 5 km, em áreas com grande densidade populacional, a bicicleta é o veículo mais rápido. Mas em São Paulo, em 2012, morreram 52 ciclistas, um por semana. Mesmo assim, a professora de Semiótica da PUC-SP, Lúcia Santaella, não gosta das ciclovias, conforme publicou em seu facebook: “o sr. prefeito de São Paulo, vocacionado pintor, não de telas, nem de paredes, mas de ruas, agora parece estar querendo fazer troça dos cidadãos desta cidade. Está enchendo as ruas de horrendas faixas vermelhas, provavelmente encomendadas do diabo em pessoa”. E a professora de semiótica descobre o signo oculto das ciclovias: “será que sou tão ingênua em não perceber que isso não passa da mais descarada propaganda vermelha do PT?”. Reinaldo Melo, que analisou a fundo a postagem de Lúcia, esclarece: “Santaella deveria deixar de analisar o fato através de sua semiótica estática e estudar um pouquinho mais para constatar que a cor vermelha foi estabelecida pelas normas nacionais de trânsito, no intuito de chamar a atenção do motorista mesmo, não se compondo como poluição visual. De onde se conclui também que não se caracteriza como propaganda política partidária”.

A ciclovia escorre tinta

Neste sábado, dia 28 de fevereiro, o SPTV 2ª edição, da Globo, fez uma reportagem onde mostra que o asfalto da Avenida Paulista foi manchado com o vermelho da “tinta” usada para pintar a ciclovia. Vejam o vídeo. A cara do âncora é de quem não aguenta mais tanta incompetência! E a repórter diz que “a nova cor do asfalto surpreendeu os motoristas e sobraram reclamações”. No final o âncora condena o desperdício de tinta e diz que tal fato é “inacreditável”. O site Vádebike, que defende as ciclovias, explica: “A ciclovia da Av. Paulista não está sendo pintada. Nem um pingo de tinta foi aplicado até o momento. O pavimento está sendo feito com concreto pigmentado, ou concreto tingido. Ou seja, ele já vem na cor certa, não há aplicação de tinta. O pigmento vermelho é aplicado ainda na betoneira, que ao ser misturado ao concreto lhe confere a coloração adequada. O mesmo processo foi utilizado nas ciclovias da Av. Faria Lima e da Av. Eliseu de Almeida. Mas como sempre sobra material em forma de pó na superfície ou nas laterais, fora da área da laje, a chuva (que não foi pouca) dispersou esse pó. O que escorreu para a avenida foi, portanto, pó do concreto vermelho. Não foi tinta. A moça que (na reportagem do SPTV) se preocupou em estragar o carro pode ficar tranquila: aquela coisa vermelha que pode ter aderido à lataria sai com água sem deixar rastro. Na verdade, sai até com a mão depois de seco”.

Como diria o âncora

Resumindo: a ciclovia do Haddad representa o Estado Islâmico, será usada por malfeitores, tem parte com o diabo, faz propaganda do PT e escorre tinta. Quem estranha pessoas que deviam, por sua formação, ter alguma lucidez, e dizem absurdos motivados por puro ódio político devem atentar na máquina de moer cérebro que representa uma mídia hegemônica que durante 24 horas desinforma e mente. Como diria o âncora da Globo: inacreditável.

A coluna Notas Vermelhas de hoje contou com as contribuições dos jornalistas Thiago Cassis e Mariana Serafini.

PS do Viomundo: A desinformação da Globo mereceria a seção de Humor, não tivesse sido corroborada pela CET. Consultada pela Globo, a Companhia de Engenharia de Tráfego não soube dar a resposta correta, como fez o Vádebike. Segundo a Globo, a CET disse que depois da limpeza da Paulista com um caminhão de água de reuso, a pintura seria refeita! É com essa assessoria que o prefeito Fernando Haddad quer se reeleger? Esqueçam.

Leia também:

Senadora petista rebate o Globo e diz que mídia promove o ódio

O livro da blogosfera em defesa da democracia - Golpe 16

Golpe 16 é a versão da blogosfera de uma história de ruptura democrática que ainda está em curso. É um livro feito a quente, mas imprescindível para entender o atual momento político brasileiro

Organizado por Renato Rovai, o livro oferece textos de Adriana Delorenzo, Altamiro Borges, Beatriz Barbosa, Conceição Oliveira, Cynara Menezes, Dennis de Oliveira, Eduardo Guimarães, Fernando Brito, Gilberto Maringoni, Glauco Faria, Ivana Bentes, Lola Aronovich, Luiz Carlos Azenha, Maíra Streit, Marco Aurélio Weissheimer, Miguel do Rosário, Paulo Henrique Amorim, Paulo Nogueira, Paulo Salvador, Renata Mielli, Rodrigo Vianna, Sérgio Amadeu da Silveira e Tarso Cabral Violin. Com prefácio de Luiz Inácio Lula de Silva e entrevista de Dilma Rousseff.

Compre agora online e receba na sua casa!

 

48 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

FrancoAtirador

06/03/2015 - 02h30

.
.
Certeza que não era Sangue?
.
.

Responder

Ozzy Gasosa

05/03/2015 - 21h04

Precisar ver se é verdade da Glbo que a CET falou isso mesmo, que a pintura seria refeita.
Pode ser mentira do “Tralha” também …

Responder

Maria

05/03/2015 - 17h56

Execrar a coxinha: asssim ela já conhece as agruras de ser coxinha e cai na real.

Natália Ariede é o nome.

Responder

Francisco

05/03/2015 - 15h31

Porque isso ocorre?

Porque o PT, em todas as esferas, ao invés de construir ciclovia, Norte-sul, ou o que fosse, deveria se empenhar em construir a própria estrutura midiática.

Desde ACM, é o que a direita faz. Aécio fez, Alckmin “aluga” e assim vai…

Se seria ruim para o país? Claro que seria, mas atravessamos oito anos de FHC sem UMA ÚNICA OBRA e não morremos…

Com liberdade de expressão no país, poderíamos DEPOIS ter todas as ciclovias, Norte-sul e o escambau que quiséssemos. Há doze anos no poder, o problema já estaria resolvido há pelo menos dez.

Responder

francisco Gilton de Souza

05/03/2015 - 10h38

Eu não sei por que estes jornalistas da dita, “grande” mídia brasileira, pensam,depois de demitir muitos profissionais no Sudeste, agora é a vez do nordeste, das afiliadas da Globo. Esta semana foi aqui na Bahia, nas empresas do antigo coronel ACM. Não seria hora dos sindicatos da categoria fazer um trabalho de politização nessa turma,que acha que patrão é colega , como diz MINO CARTA.

Responder

Vixe

05/03/2015 - 09h49

A CET é a ruína do Haddad.
Entra prefeito, sai prefeito e a inoperância, incapacidade e inépcia dos dirigentes da CET continua a mesma.
Quem trafega nas marginais no período da noite para a madrugada sabe do que eu falo.
Interditam a faixa expressa sem prévio aviso e sem fechar os acessos existentes para que os motoristas não caiam na arapuca criada por ela mesma.
CET não nos serve de NADA.

Responder

Juliana

05/03/2015 - 08h22

Caros
Reinaldo Azevedo não é comentarista da CBN. Ele trabalha na Jovem Pan.

Responder

clodoaldo

05/03/2015 - 08h13

O Brasil passa por um momento muito complicado e assustador, pois temos um aparato formado por mídia tendenciosa, oposição medíocre em propostas e ideias convincentes, um sistema investigativo viciado e um sistema punidor seletivo. O mais grave é que as conquistas dos últimos anos estão por um fio, pois a elite nativa se sente menosprezada (certamente por sua autoestima baixa) com a evolução das classes menos favorecidas. As investigações não estão se estendendo a períodos anteriores aos do PT (lembrar que muitos dos envolvidos são profissionais de carreira que estão ou estavam em seus cargos no período dos governos do PSDB, por exemplo), com essa linha de procedimento ataca-se as instituições (empresas) e não os verdadeiros culpados (pessoas físicas), o que faz com que a economia, o governo federal e principalmente o país entrem em crise profunda. Fico apreensivo com esse modelo de oposição adotado atualmente, pois se vê nitidamente que o único objetivo e destruir o PT, mesmo que para isso, haja a divisão ou a aniquilação do Brasil.

Responder

Julio Silveira

05/03/2015 - 07h35

E isso que dá mandarem um reporter fazer um trabalho dobre um campo que desconhece, provavelmente seu nivel de acerto tivesse sido maior se estivese falando do S.P fashion week, por que de ingles a Globo sabe tudo.

Responder

Julio

04/03/2015 - 23h34

Sou anti PT, acho o sr Kit Gay patético, mas há de se reconhecer que as ciclovias são muito positivas, acho apenas que deveriam ser mais ciclovias e nenhuma ciclofaixa pois não oferecem segurança aos ciclistas.

Responder

    J. M.

    05/03/2015 - 02h13

    Primeiramente, não acho o “Kit Gay” patético, mas não vou entrar no assunto. Quanto as ciclovias, acho que todos (menos os nobres de São Paulo que não querem bicicleta de forma alguma) acham que seria a melhor forma de se implantar uma melhora no transporte para ciclistas. Mas em uma cidade como São Paulo fica difícil e em muitos lugares impossível a implantação de ciclovias visto que se trata de uma cidade completamente não-planejada cujo resultado vê-se no trânsito atual. Ruas confusas, como se tivessem sido apertadas onde couberam e duzias de trevos e outras grandes obras que só existem por não haver alternativa para o fluxo de carros no local. Ciclovias exigem um espaço que não existe na maior parte de São Paulo.

roberto

04/03/2015 - 23h20

A apedeuta,na dúvida, antes de dizer algo estúpido, deveria lamber para verificar se era tinta.
Mais uma com fama de energúmena ,na Globo. O número já deve beirar algumas centenas.
Globo, a Cidadela dos Energúmenos.

Responder

Bacellar

04/03/2015 - 21h58

Passo todo dia na Paulista e já tinha visto a lama que escorre da ciclovia, igual a qq outra obra, sinceramente nem tinha reparado na vermelhidão…Ta mais pra marrom mesmo. Marrom como o jornalismo da Globo.

Responder

Luís CPPrudente

04/03/2015 - 21h29

Famiglia Marinho sempre procurando pelo em ovo!

Famiglia Marinho, como sempre, sonegando a realidade e no Fisco.

Responder

ricardo

04/03/2015 - 20h46

Tevê bobo. Rede bobo. Organizações bobo. Bem sugestivo.

Responder

Vixe

04/03/2015 - 15h52

Ué?
Esperavam que a Globo publicasse verdades?
É pedir demais para quem elegeu como objetivo de vida, exterminar primeiro o PT e depois os petistas.
Tenho vontade de publicar o que penso sobre este Cesar Tralli, mas, como o judiciário brasileiro é extremamente parcial, prefiro guardar comigo.. por enquanto…

Responder

FrancoAtirador

04/03/2015 - 13h39

.
.
Há tempos a Globo e sua Trupe perderam
o Escrúpulo, a Vergonha e a Decência.
.
.

Responder

    Luiz A. Fonseca

    04/03/2015 - 15h33

    Concordo totalmente.

Elias

04/03/2015 - 13h36

Peço licença ao Viomundo para um Fora de Pauta:

Fidel Castro recebeu o Prêmio Confúcio da Paz, uma alternativa chinesa para o Nobel. Com 88 anos, Fidel não pode ir à China. O prêmio na forma de uma estatueta de ouro e 15.000 dólares foi recebido por um estudante cubano que vai passá-lo para Castro.

http://rt.com/news/213643-china-peace-prize-castro/

Responder

    lulipe

    04/03/2015 - 16h34

    Só faltou ser um prêmio em defesa dos direitos humanos dado pela China, país conhecido por não saber nem o que é isso, a um ditador!!! Seria cômico não fosse trágico!!

    De Paula

    05/03/2015 - 09h16

    Lulipe invejoso; fosse um dos tucanos o portador do valioso troféu, jamais chegaria ao destinatário. Está lembrado daquela famosa taça? Pois é…

Sta. Catarina

04/03/2015 - 13h08

O objetivo é desfazer os esforços do prefeito Haddad pouco importando com a verdade dos fatos. Essa é o posicionamento da nossa mídia mal-caráter. Eles detém os meios de comunicações de massas e espalham suas notícias manipuladas aos cidadãos que por ignorância ou preguiça mesmo não conseguem raciocinar sobre a questão.

Assim caminha a humanidade!

Responder

Leo V

04/03/2015 - 13h05

E o Haddad rasgou elogios pra CET contradizendo o Marco Antonio Villa em entrevista à radio Jovem Pan.

Responder

Marat

04/03/2015 - 11h45

Quando o Kassab ainda era cria do Serra, a impren$$$a o elogia e lambia diuturnamente… Como o Haddad não é serviçal da direita ou filhote do PSDB, é pau 24h por dia….
Cadê o judiciário do Brasil? Cadê a decência?
Globo+veja=escória da escória!!!

Responder

Marat

04/03/2015 - 11h43

As tintas da globo são vermelha, azul e branca, aquelas da bandeira do estado terrorista da América do Norte… Diferiu daquilo, os cães de Washington começam a rosnar… Triste fim para o Brasil, cair na mão destes ladrões, incompetentes, corruptos e serviçais do Tio Sam, que infestam PSDB, PMDB, impren$$$a e a banda podre (que é bem grande) do judiciário!

Responder

    Eunice

    05/03/2015 - 18h03

    Cães de Washington. Esse nome é bem bom. Sejamos todos Hugos Chaves. Usemos frases de efeito e defendamos nossos empregos e moradias. Os cães de Washington podem fugir para Washsington. Alguns já fogem desde 64, via Chile. Outros obtém diplomas falsos e empregos fáceis e salários bons. E por isso sempre podem latir alto contra o povo.

    Se o povo é quem trabalha, pode bani-los. Basta união. Poderemos identificar os capatazes em todas as instituições. Alguns já são bem conhecidos.

Eridan

04/03/2015 - 11h37

Só matando essa proli.

Responder

henrique de oliveira

04/03/2015 - 11h23

A equipe Ferrari é patrocinada pelo PT.

Responder

abolicionista

04/03/2015 - 10h45

Só mais uma informação que talvez interesse: o “estudante” que aparece na reportagem, não é estudante coisíssima nenhuma: na sua página do Facebook, até mesmo os amigos estranham: “como assim, estudande, Abud? Você é adinistrador”). Abud Kamel estudou no Mackenzie, tem um blog chamado “testosterona, o Blog do macho moderno!” e adora compartilhar vídeos de policiais torturando grafiteiros.
Por isso, insisto: vocês acham que a Globo dá ponto sem nó?

Responder

Antonio

04/03/2015 - 10h38

Sérgio, a CET é municipal, controlada pelo município e desde que o Serra foi prefeito, mantém no seu conselho o deputado Freire.
Inegável que foi uma barrigada da Globo e do seu pseudo-âncora, um misto de jornalista e delegado de polícia.
Aliás, qual o parentesco dele com um certo delegado Tralli que atuava na repressão?
Com relação ao prefeito e as ciclovias, o prefeito acertou quando criou as faixas de ônibus e a controladoria do município.
Na minha opinião erra e errou feio com as ciclovias, feitas de forma atabalhoada.
O prefeito Kassab, bem ou mal, reformou a Paulista e agora estão reformando novamente para fazer ciclovias.
Não sou contra ciclovias, mas deveria ter havido um critério para implantá-las. Não da forma como foram feitas.
Ciclovias sem sentido como a que existe em torno da rodoviária da Barra Funda e outras em ruas de bairros movimentados que reduziram o espaço para circulação de veículos, criaram inúmeros problemas para o comércio e geraram um grande aumento nas taxas dos estacionamentos particulares.
A forma atabalhoada de implantação das ciclovias mostram quanto dinheiro foi para o ralo.
Se na Paulista era o pó que serve para colorir o concreto, em muitas ciclovias a tinta já se foi ou então está amarelada.
Até prova em contrário tenho duas perguntas que estão sem resposta:
– Quanto o Sr. Tatto e sua famiglia estão levando de comissão das empresas que fazem as ciclovias?
– Quanto o Sr. Tatto e sua famiglia estão levando das empresas de estacionamento que em São Paulo formam um cartel e que pelas ciclovias mais que dobraram os preços que cobravam?
São perguntas apenas, alguém se dispõe a responder!

Responder

    Nelson

    04/03/2015 - 11h56

    Meu caro Antônio.

    Se as ciclovias “reduziram o espaço para circulação de veículos”, estão cumprindo o seu papel. O objetivo é esse mesmo, pois a cidade não foi feita para ter suas ruas entulhadas de automóveis. Para termos cidades mais saudáveis, a bicicleta e o transporte coletivo têm que tomar espaço dos automóveis particulares, sim.

    De outra parte, aonde é que deveriam ser construídas as ciclovias? Por cima dos canteiros das avenidas? Deveriam construir elevadas para as bicicletas? É claro que não.

    Para terminar, creio que você está contribuindo com a onda de criminalização da política, cujo porta-voz maior é a mídia, ao já colocar este tipo de suspeita sobre o Sr Tatto.

    Em tempo. Não conheço este senhor e nem mesmo moro em São Paulo. Portanto, não estou aqui a querer defendê-lo sem conhecimento de causa.

abolicionista

04/03/2015 - 10h20

Mais uma para o teatro do absurdo promovido pela Globo todos os dias. Quanto ao PS do Viomundo, eu não acho que o Haddad tenha que se reeleger, eu acho que chegou a hora da esquerda definir quem são seus inimigos. O PT vai tomar um pé na bunda homérico porque achou que poderia jogar o jogo. Agora quero ver o Haddad cumprir o tão propalado “ritual democrático” e evitar essa difamação. Sabe o que vai acontecer? Nada, porque a Globo tem as costas quentes. A Globo está acima da lei, e o prefeito que se cuide.

Responder

ana ali

04/03/2015 - 10h08

Então, Sra. Professora a cor vermelha é propaganda do PT ? kkkkk e mais kkk
já li asneira mas esta ganha o troféu.
Chego a conclusão de que todos estes coxinhas sabem o publico que os lê e dizem todo este monte de asneira, afinal, eles não pensam e raciocínio é coisa prá doido mesmo, são boiada

Responder

    abolicionista

    04/03/2015 - 22h44

    Está com dificuldade, querido? É falta de hábito, o cérebro fica enferrujado…

    abolicionista

    05/03/2015 - 10h50

    ana ali, desculpe, peço que ignore o comentário acima, foi uma resposta para o reaça ali embaixo.

Marcio

04/03/2015 - 09h34

Texto carregado de ódio…
Você não pode simplesmente usar a estupidez ou desconhecimento da repórter como uma tática pra derrubar governos…
Quanto aos “riquinhos” que reclamam da ciclovia, a globo não tem nada a ver com isso, noticiou, assim como outros meios também noticiaram, a mesquinhez desses cidadãos que só olham para o próprio umbigo…
Não sou fã da globo e muito menos do PT, mas essa perseguição que a “besta barbuda” e a “presidAnta” gostam de gritar é a forma do pilantra retirar os holofotes de si mesmos, se fazendo de coitadinhos… Tática medíocre, de gente baixa…

Responder

    Nelson

    04/03/2015 - 12h05

    Você não tem direito ao benefício de se fazer de inocente ou incauto, Márcio.

    O caso da “tinta” que escorre das ciclovias é apenas mais um dentre inúmeras barrigadas, que são intencionais, deliberadas, eu diria, cometidas contra o PT ou qualquer outro partido que esteja no governo e que ouse tomar medidas, por mínimas que sejam, que contrariem os interesses dominantes.

    A repetição continuada dessas supostas barrigadas tem o objetivo de minar a credibilidade desse tal partido e, aos poucos, ir criando esse clima de ódio irracional que já temos instalado no Brasil e também na Venezuela. A Argentina, se já não está sob clima semelhante, caminha para ele.

Liberal

04/03/2015 - 09h29

Nossa como sobrou pó de concreto vermelho(vulgo: tinta) hein?

Responder

    abolicionista

    04/03/2015 - 15h08

    O Pó Xadrez é um pigmento à base de óxido de ferro que pode ser utilizado nos mais diversos campos de aplicação.

    “Pó” e “tinta”, percebe que, apesar da semelhança fonética, são palavras diferentes?

    De resto, ficou ótima a declaração do “estudante” fake, que na verdade é gerente e blogueiro masculinista, não acha?

    Liberal

    04/03/2015 - 16h45

    Você tem certeza que leu o que você escreveu?

    abolicionista

    05/03/2015 - 10h49

    Está com dificuldade, querido? É falta de hábito, o cérebro fica enferrujado…

Sérgio Santos

04/03/2015 - 07h50

Só para deixar claro: a CET é estadual e, portanto, não tem interesse em ajudar o Prefeito Haddad em uma eventual campanha de reeleição. Por isso, talvez, a resposta absurda… ou isso foi só incompetência, mesmo.

Responder

Deixe uma resposta