VIOMUNDO

Feltrin: Globo não admite crime, diz que pagou multa e que operação nas ilhas Virgens foi legal

29 de junho de 2013 às 20h40

Parecer da Receita falou em simulação, sonegação e crime “em tese”.

Globo pagou multa de R$ 274 mi à Receita por causa da Copa 2002

Ricardo Feltrin, colunista do UOL

29/06/201317h50

Em comunicado oficial, a Globo Comunicação e Participações confirmou neste sábado (29) que pagou multa de mais de R$ 270 milhões à Receita Federal em 2006. O motivo da multa foi — no entendimento da Receita — irregularidades na operação de compra dos direitos exclusivos de transmissão da Copa do Mundo de 2002. A notícia sobre o auto de infração lavrado contra a emissora foi dado pelo repórter e blogueiro Miguel do Rosário.

No total, a emissora teve de desembolsar entre multa (R$ 274 milhões) , juros de mora (R$ 157 mi) e imposto não pago (R$ 183 milhões) um total de mais de R$ 615 milhões. A emissora “disfarçou” a compra dos direitos sobre a rubrica “investimentos e participação societária no exterior”, utilizando para esse fim um paraíso fiscal, as Ilhas Virgens. O Fisco discordou da estratégia contábil e aplicou a multa, que já foi paga, segundo a emissora.

O processo correu em sigilo até então.

Usando de eufemismo, a assessoria que responde pela Globo nesse assunto (uma assessoria particular, e não a CGCom) tentou a princípio tergiversar.

“A Globo Comunicação e Participações esclarece que não existe nenhuma pendência tributária da empresa com a Receita Federal referente à aquisição dos direitos de transmissão da Copa do Mundo de Futebol de 2002. Os impostos devidos foram integralmente pagos.”

Ao ser novamente questionada pelo fato de que não havia respondido à pergunta inicial e fundamental desta coluna — a Globo foi multada ou não pela Receita? –, a assessoria enviou uma nova nota esclarecendo que, sim, a TV Globo fora multada.

“Todos os procedimentos de aquisição de direitos de transmissão da Copa do Mundo de 2002 pela TV Globo deram-se de acordo com as legislações aplicáveis, segundo nosso entendimento. Houve entendimento diferente por parte do Fisco. Este entendimento é passível de discussão, como permite a lei, mas a empresa acabou optando pelo pagamento”, informava uma segunda nota oficial enviada neste sábado.

A Receita Federal entendeu que houve erro ou sonegação, não aceitou as justificativas contábeis e fez a cobrança.

“A pessoa jurídica realizou operações simuladas, ocultando as circunstâncias materiais do fato gerador de imposto de renda na fonte”, afirma página do processo 0719000/0409/2006, obtida pelo blog de Rosário.

Leia também:

Investigação VIOMUNDO

Estamos investigando a hipocrisia de deputados e senadores que dizem uma coisa ao condenar Dilma Rousseff ao impeachment mas fazem outra fora do Parlamento. Hipocrisia, sim, mas também maracutaias que deveriam fazer corar as esposas e filhos aos quais dedicaram seus votos. Muitos destes parlamentares obscuros controlam a mídia local ou regional contra qualquer tipo de investigação e estão fora do radar de jornalistas investigativos que trabalham nos grandes meios. Precisamos de sua ajuda para financiar esta investigação permanente e para manter um banco de dados digital que os eleitores poderão consultar já em 2016. Estamos recebendo dezenas de sugestões, links e documentos pelo [email protected]

R$0,00

% arrecadado

arrecadados da meta de
R$ 20.000,00

90 dias restantes

QUERO CONTRIBUIR

 

128 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Edson Teles: Os protestos e a Doutrina da Segurança Nacional - Viomundo - O que você não vê na mídia

20/03/2014 - 15h30

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

Dois médicos norte-americanos avaliam o sistema de saúde de Cuba - Viomundo - O que você não vê na mídia

25/08/2013 - 20h42

[…] Globo diz que pagou multa e não cometeu crime […]

Responder

Sartori: Globo não quer que PMDB investigue sonegação fiscal - Viomundo - O que você não vê na mídia

12/08/2013 - 14h48

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

Pedro Delarue: Rico paga menos imposto no Brasil; lanchas e jatinhos isentos - Viomundo - O que você não vê na mídia

25/07/2013 - 15h39

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

Wagner William: A Constituição que vai de triciclo - Viomundo - O que você não vê na mídia

25/07/2013 - 12h37

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

Acusada de sumir com processo diz que não sabe que foi condenada - Viomundo - O que você não vê na mídia

23/07/2013 - 15h12

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

Amaury Ribeiro Jr. e Rodrigo Lopes: Globo tem bens bloqueados - Viomundo - O que você não vê na mídia

22/07/2013 - 22h02

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

A prisão do Ninja por indícios de "incitar movimento" - Viomundo - O que você não vê na mídia

22/07/2013 - 21h48

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

Amadeu, sobre ministro: Colocou Marcola para fiscalizar o PCC - Viomundo - O que você não vê na mídia

20/07/2013 - 12h56

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

Das empresas que funcionária da Receita envolveu em suas fraudes, só Globopar escapou de testemunhar na Justiça - Viomundo - O que você não vê na mídia

19/07/2013 - 21h44

[…] A empresa havia informado, em nota anterior, que não tem qualquer dívida com a Receita relativa ao fato que motivou a acusação de sonegação, a compra dos direitos de TV da Copa do Mundo de 2002. Para a Receita, a Globo usou indevidamente uma empresa de nome Empire no refúgio fiscal das ilhas Virgens britânicas. Investiu nela e, um ano depois, se desfez da empresa. Com o capital, pagou pelos direitos de TV sem recolher os impostos devidos ao Fisco, aplicáveis na compra dos direitos de eventos internacionais. […]

Responder

Nossos aliados para esclarecer o papel de Cristina no Globogate - Viomundo - O que você não vê na mídia

13/07/2013 - 00h22

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

As fotos de Felipe Cabral: "Nos mijam e o jornal diz que chove" - Viomundo - O que você não vê na mídia

12/07/2013 - 14h49

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

Conselho Nacional de Saúde: Vetos à Lei do Ato Médico, vitória do SUS - Viomundo - O que você não vê na mídia

11/07/2013 - 20h18

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

O escracho contra a RBS em Porto Alegre - Viomundo - O que você não vê na mídia

11/07/2013 - 20h17

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

Rodrigo Vianna: MPF não se consternou com R$ 600 milhões - Viomundo - O que você não vê na mídia

10/07/2013 - 11h43

[…] Feltrin: Globo não admite crime, mas diz que pagou […]

Responder

TV Globo, sonegação e negócios obscuros | Blog coletivo Outras Palavras

04/07/2013 - 19h27

[…] do repórter e blogueiro Miguel do Rosário – a Globo afirmou semana passada, em nota oficial a Ricardo Feltrin, colunista do UOL, ter feito o pagamento – sem contudo admitir que […]

Responder

Heloisa Villela: Empresas que sonegam ajudam a solapar a democracia - Viomundo - O que você não vê na mídia

01/07/2013 - 15h15

[…] Globo diz que não cometeu crime nas ilhas Virgens […]

Responder

João Da Silva

01/07/2013 - 13h26

Azenha, Leia isto:

Manifestação na porta da Globo quer ver recibo da sonegação pago

http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com.br/2013/06/manifestacao-na-porta-da-globo-exigira.html

Responder

Messias Franca de Macedo

01/07/2013 - 10h41

… NOBLAT [“das organizações(!) Globo”!]! ENTENDA

NA COLUNA “POBRE DILMA”, NOBLAT CANTA VITÓRIA
Colunista do Globo afirma que ela poderá passar à história como a presidente que marcou o fim da era do PT no poder
1 DE JULHO DE 2013 ÀS 08:52

LÁ VEM O MATUTO COM ‘O DIÁRIO DO MENTIRÃO E DE OUTRAS MENTIRAS GOLPISTAS’ NAS MÃOS [‘SUJAS’]

POBRE, PAUPÉRRIMA É A COLUNA DO E O PRÓPRIO NOBLAT “DAS [SONEGADORAS] ORGANIZAÇÕES(!) GLOBO.” A MESMA Rede Globo que opera em agências bancárias estabelecidas em paraísos fiscais!

… Ah! Na próxima quarta-feira (03/07/13), ‘as legítimas vozes das ruas’ baterão à porta da Rede globo onde o Noblat “está hospedado”! [Risos] E, ali, os lacaios da Globo, inclua-se o Noblat, ouviram, em uníssono! ABAIXO A REDE GLOBO! “Mostre o *DARF!” “O POVO NÃO É BOBO, ABAIXO A REDE GLOBO SENSACIONALISTA E FASCISTA, GOLPISTA!”…

E, segundo um internauta: “Pobre TEREZA SCRATUT”, vai ter que devolver 33 milhões desviados do INCRA. A ação está no STF. Pobre Tereza vem a ser esposa do Nobláblá.

BRASIL (QUASE-)NAÇÃO [depende de nós enquanto ações e reações!]
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Flor de Ipê

01/07/2013 - 10h09

Exigimos uma resposta de Receita Federal.
Afinal, foi ou não foi uma fraude?
precisamos que as instituições funcionem sem capangas.

Responder

Messias Franca de Macedo

01/07/2013 - 09h20

O TÉCNICO FELIPÃO “JOGOU LIMONADA NA CARA DOS CARETAS”!

########################

Em um raro momento que perdeu o bom humor, no seu encontro com os jornalistas depois da conquista da Copa das Confederações, o técnico Luiz Felipe Scolari se irritou com a pergunta de um jornalista inglês e o criticou duramente: “Antes de falar mal do meu país, olhe para o seu”.
Tariq Panja, da Bloomberg, questionou o técnico sobre o contraste entre a alegria dentro do Maracanã e os protestos fora do estádio, reprimidos pela polícia. “Um amigo comentou que havia policiais em número suficiente para invadir o Paraguai.” De pronto, Felipão disse: “Não vou responder”.
Mas emendou: “Aos ingleses, eu gostaria de perguntar: o que aconteceu lá antes dos Jogos Olímpicos?” A referência era às manifestações ocorridas em Londres por causa dos gastos com o evento.
O tom nacionalista do técnico reapareceu, mas em chave bem-humorada, em várias respostas sobre o papel do público na conquista da seleção. “O que estivemos vendo é muito bonito, gente. É assim que precisamos agir, não só no futebol como na vida”.
O técnico também observou: “A nossa equipe hoje representa os anseios do povo brasileiro. É isso que queremos: representar o povo na nossa área.”

em
http://copadomundo.uol.com.br/noticias/redacao/2013/06/30/antes-de-falar-mal-do-meu-pais-olhe-para-o-seu-diz-felipao-a-jornalista-ingles.htm

#################################

LÁ VEM O MATUTO VESTINDO UMA CAMISA CANARINHA!

Parabéns ao competente, valoroso e intrépido brasileiro técnico Luiz Felipe Scolari! A seleção brasileira realizou uma partida quase que perfeita contra a seleção da Espanha, uma das melhores do mundo! E o pronunciamento do Felipão – de natureza cívica e pedagógica – lavou a alma do povo trabalhador brasileiro! Ao mesmo tempo em que o técnico da seleção nacional do Brasil fez o que todos(as) os(as) verdadeiros(as) brasileiros e brasileiras desejavam: “jogou limonada na cara dos ‘caretas’” fascistas/neonazistas/terroristas/antinacionalistas/golpistas de meia tigela!…

Viva o Brasil! E viva o honesto, leal, sapiente e impávido povo trabalhador brasileiro!

BRASIL (QUASE-)NAÇÃO

Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

Julio Silveira

01/07/2013 - 09h04

As fragilidades legais em nosso país é que dão a sonegadores convictos essa empáfia para agir como se cidadãos impolutos fossem. Essa é só mais uma faceta da grande injustiça que graça nestas terras. Tem possibilitado aqueles que tem recursos e nadam de braçada no entendimento do nosso tortuoso arcabouço legal ,lucrar manipulando-o. Enriquecem cada vez mais, inclusive amparados por recursos públicos, muitas vezes via Bancos de fomento tipo BNDES, além de receberem isenções e doações (como verificamos no terreno da cidade de São Paulo certamente já incorporado como patrimônio da empresa), conseguidas através de artifícios, que sabemos quais são e que utilizam, com isso amansam governos que de tão solidários se tornam cumplices.

Responder

indignado

01/07/2013 - 09h01

Todos de forma uníssona queremos ver o DARF. Engana bobo cadê o DAAAAAAARRRRRRFFFFFFF? Só não vale falsificar.

Responder

claiton de souza

01/07/2013 - 08h13

Poucas vezes vi uma partida de futebol onde uma equipe impusesse com tanto poder sua superioridade, este ano tive a felicidade de assistir a duas partidas que encheram meus olhos de torcedor amante do futebol, uma foi o jogo do Bayer de Munique contra o Barcelona, e a outra foi o de ontem, onde a seleção do Brasil impôs de maneira radical e incontestável a qualidade e a superioridade do futebol brasileiro ao derrotar magnificamente a seleção da Espanha com um futebol brilhante, onde a raça, a tática e arte se impuseram de forma plena. Quero aqui deixar meu desprezo com grande parte de jornalistas esportivos demagogos e invejosos, principalmente com os da ESPN, que não escondiam sempre sua mágoa e despeito. Viva o Brasil, viva a seleção, viva as obras dos estádios, viva Dilma, viva a verdade e viva, viva, viva, o povo brasileiro.

Responder

PPP

01/07/2013 - 07h37

” A história secreta da rede Globo ”
http://brasil.indymedia.org/media/2012/08//511437.pdf

Responder

jose carlos lima

01/07/2013 - 04h30

A Globo apagou o débito

Responder

Ozzy Gasosa

30/06/2013 - 23h48

Globo e Padim Cerra, unidos até no paraíso fiscal.

Responder

dxavado

30/06/2013 - 22h52

Tenho a mesma opinião do Miguel do Rosário, só acredito
vendo o DARF do pagamento efetuado, no mais é só conversa protelatória até a poeira baixar e ninguém mais falar nisso, afinal essa notícia não foi e nem será dada por nenhuma emissora.

Responder

Edie

30/06/2013 - 21h55

Evasão fiscal tem de ter cadeia também.só devolução de roubo e pagamento de multa não é o suficiente.

Responder

Fabio Passos

30/06/2013 - 21h47

Responder

FrancoAtirador

30/06/2013 - 20h27

.
.
REDE GLOBO É CONTUMAZ

TV Globo fez remessa ilegal de 100 milhões de dólares
a paraíso fiscal nas Ilhas Bahamas.
Depósito em conta secreta no Banco Credit Suisse.

Trata-se de um escândalo abafado pela Mídia Comparsa.

A denúncia foi feita em pronunciamento da ex-governadora Rosinha Garotinha, na Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro, onde denunciou a existência de uma conta secreta da Globo em paraíso fiscal.

Deu até o número da conta:

Conta nº 91493, no Banco Credit Suisse, nas Ilhas Bahamas, com mais de 100 milhões de dólares.

(http://www.youtube.com/watch?v=29gN27JEs6A)

Responder

Marat

30/06/2013 - 20h20

Aliás, os golpistas poderiam aproveitar que o Brasil massacrou um país de “primeiro mundo” e ir embora ao “primeiro mundo”, e nos deixar em paz aqui no “terceiro mundo”… kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Responder

Marat

30/06/2013 - 20h06

Fred acaba de fazer 3 x 0 – kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk – adorei!!!! Nunca torci tanto pelo Brasil!!!!!!!!!!!!!! Golpistas: tentem outra vez… podem gritar gollllllllllllllllllllll – rsrsrsrsrsrsrsrs

Responder

Maria Thereza

30/06/2013 - 19h43

a globo já começou com ilegalidades, lá pelos anos de 1965, com o tal acordo time/life. Daí pra frente foi só se aperfeiçoando na matéria. Esse caso apenas foi descoberto. Em quase 50 anos de existência,com seu histórico, foi o único?

Responder

Zé Roberto

30/06/2013 - 18h54

o Uol é porta-voz da Globo? Ou apenas mantém, deliberadamente, uma relação promiscua de submissão?

Responder

Gersier

30/06/2013 - 17h57

A famigerada globo é corrupta e faz falcatruas desde a sua “criação”.
Os SEIS milhões de dólares não estavam na cueca do senhor roberto marinho certamente porque lá não cabiam.
Para burlar as leis do Brasil,usam nomes de parentes na compra de emissoras em cidades do interior do Brasil,os famosos “laranjas”.
E essa turma tem a cara de pau e a hipocrisia de posarem de ÉTICOS.

Responder

Lando Carlos

30/06/2013 - 16h39

a globo e essencialmente corrupta , se fosse eu que sou da periferia me chamariam de ladrão, por pegar um sorvete, da clobo e fraude, então ta

Responder

Luis Cortinhas

30/06/2013 - 15h51

Pq o blog não dá o mesmo destaque para outras empresas com problemas com a Receita Federal, como VALE e PETROBRAS, por exemplo?

Responder

    Luiz Carlos Azenha

    30/06/2013 - 15h53

    A Petrobras e a Vale montaram empresas de fachada em refúgios fiscais? Conte-nos mais a respeito.

    Luiz Carlos Azenha

    30/06/2013 - 16h10

    Quando você faz esse tipo de crítica, tem a obrigação de mostrar as provas. Caso contrário, será desmoralizado pelos outros comentaristas.

    Luiz Carlos Azenha

    30/06/2013 - 16h57

    Aliás, você é um grande mentiroso ao espalhar por aí que fui demitido pela Globo. Eu pedi demissão. Tenha respeito pela verdade factual, por favor!

    FrancoAtirador

    30/06/2013 - 19h52

    .
    .
    Reinaldo Azevedo trollando no Blog, é ?!?
    .
    .

    abolicionista

    30/06/2013 - 21h18

    Azenha, desculpe pelo trocadilho, mas é que a mentira tem pernas cortinhas.

    A propósito, vocês do Viomundo estão de parabéns. Fazer jornalismo independente num país como o nosso exige coragem. Passaram por todas as recentes turbulências incólumes, prova de coerência e de ética profissional.

Hélio Pereira

30/06/2013 - 14h47

Pagamento de multa,não absolve ninguém de nenhum tipo de crime.
A GLOBO cometeu um crime contra o país,cometeu um crime contra o Povo mais Pobre,pois o Dinheiro que poderia ser usado em Saúde,Transporte e Educação,foi desviado ilegalmente pra beneficiar os Donos da Rede globo de Televisão.
Temos que ir pras Ruas denunciar a Globo,pedir que o MP apure as denuncias e entre com um Processo crime contra os donos desta Empresa.
Temos que pedir e cobrar do Governo federal,que não gaste um centavo seguer em Propaganda nos orgãos de comunicação desta empresa.
FORA REDE GLOBO de CORRUPÇÃO!

Responder

Marat

30/06/2013 - 14h40

Grito de guerra: Ô Glooooobooooooooo, cadê o DARF???????????

Responder

Abelardo

30/06/2013 - 13h35

Sugiro unir as boas idéias de Márcio Gaspar e Francisco Niterói = SONEGÔMETRO + da CPMF regulatória + aplicação integral dos valores de autuação arrecadados com base na CPMF, na SAÚDE OU EDUCAÇÃO + que o judiciário reconheça URGENTEMENTE que HOUVE O CRIME contra a ordem tributaria + fazermos barulho, SEM TRÉGUA, para a Receita confirmar (com provas) se o valor TOTAL foi pago ou não, para a criação do Sonegômetro e para o judiciário reconhecer o crime.

Responder

Gerson Carneiro

30/06/2013 - 13h24

E tome-lhe Criança Esperança!

Responder

Urbano

30/06/2013 - 13h16

Pelos noticiários da groubonoma, tem-se o tamanho da verdade desse pagamento…

Responder

emanoel

30/06/2013 - 12h47

Cadê o MP? ele sumiu e ninguém viu.
Cadê a indignação da classe média Brasileira? Ela sumiu e ninguém viu.
Cadê o MPL ele sumiu e ninguém viu.
Só vou declarar meu imposto de renda corretamente quando vê o DARF da globo pago, também vou sonegar porque não?

Responder

Jose Mario HRP

30/06/2013 - 12h21

PUTZ! PQP!, A Dilma cortou a zero a propaganda nos meios de comunicação privados!
A Fonte secou cambada!
A Mamata acabou, Globo, Bandeirantes e outras menos cotadas!
Valeu Dilma!

Responder

abolicionista

30/06/2013 - 12h04

Há motivos de sobra para criar o mensalão da Globo. Claro que o governo não fará nada, até porque o ministro fará de tudo para acobertar esse tipo de falcatrua. O Bernardo está muito ocupado dando entrevista para a Veja e a Dilma preparando a maquiagem para o próximo programa da globo. Fico me perguntando o que, afinal, o governo Dilma leva nessa história. Certamente alguma vantagem o governo obtém em proteger a mídia corporativa, resta saber qual.

Hoje o governo mostra sua verdadeira “estratégia”: ludibriar a militância “radical” para manter o status de governo de esquerda e. O objetivo era simplesmente o poder – e não avançar nas conquistas sociais (esse era o modo de manter o poder). Agora se percebe o quanto foi importante que o Viomundo se mantivesse independente, só isso possibilita trazer à tona conteúdos desse tipo, que seriam utilizados como moeda política caso permanecessem nas mãos do governo.

Responder

jõao

30/06/2013 - 12h04

MENSALÃO DA GLOBO: SE PAGOU, MOSTRA O DARF!

Minha fonte me liga para contestar a informação divulgada pela Globo, via UOL, (clique aqui), de que ela quitou a dívida de R$ 615 milhões com a Receita Federal.

A dívida é a soma do impostos mais juros e multa, resultantes de um auto de infração no qual a Receita detectou a intenção da Globo de fraudar o fisco. Em valores atualizados, chegaria perto de R$ 1 bilhão.

“Se ela pagou, então mostra o Darf, o povo quer saber”, diz o garganta profunda deste humilde blogueiro. Darf, como todo bom pagador de impostos sabe, é o documento da receita onde o contribuinte registra o pagamento de uma dívida tributária.

“Se tivesse pago, o processo não estaria constando como ‘em trânsito’, conforme se pode verificar com uma Consulta Processual no site da Receita Federal”.

Eu, um simples blogueiro leigo em assuntos tributários, que não trabalho na Receita, posso apenas repetir os garotos que protestam na rua e dizer à Globo: desculpe o transtorno, estamos mudando o Brasil: mostre o DARF.

Eu consultei o site da Receita e, de fato, consta lá “em trânsito” no processo que investiga a fraude da Globo. O leitor mesmo pode acessar o site da Receita e checar:

http://comprot.fazenda.gov.br/E-Gov/cons_generica_processos.asp

Outra coisa, na matéria do UOL, o número do processo está errado. O número é de uma etapa anterior. O processo mais atualizado, com o assunto ” representação fiscal para fins penais”, é o que reproduzimos acima.

De qualquer forma, nos consideramos parcialmente satisfeitos por saber que a Globo admitiu a sua estrepolia. A Receita concluiu que houve uma gravíssima e comprovada fraude tributária e aplicou multa à empresa. O que está em aberto é se a Globo pagou ou não. A Globo diz que sim, mas minha fonte diz que não. Se pagou, diz ela, porque o processo consta ainda “em trânsito”?

Um detalhe: quem responde pela Globo, na matéria do UOL, é uma “assessoria particular”. Não é a assessoria oficial da empresa, nem nenhum funcionário autorizado. “Isso está me cheirando a bucha. Jogaram um verde, pra ver se cola”, diz minha fonte.

Bem, talvez a emissora esteja correndo contra o tempo, juntando as economias aqui e ali, para pagar logo o débito. Para uma família cuja fortuna é estimada em mais de R$ 20 bilhões, uma dívida de R$ 1 bilhão não é nada de outro mundo. Para o povo brasileiro, contudo, é muito dinheiro. Suficiente para dar passe livre a estudantes de todo o Brasil, por um ou dois anos.

A minha fonte pergunta: “por que, após a procuradora da receita dar um voto dela – está lá no slideshare – recomendando que o processo fosse criminalizado, o Ministério Público não entrou em campo? Por que a Globo não foi inscrita na Dívida Ativa da União? A Globo é detentora de uma concessão pública, de maneira que o MP tem obrigação constitucional de investigar minuciosamente qualquer irregularidade.”

À guisa de conclusão, algumas observações importantes.

1. Mesmo que a Globo tenha pago a dívida, o que ela terá de provar mostrando o Darf, isso não a exime do crime contra o fisco. Quando um ladrão de galinha é flagrado com a galinha em sua panela, o fato de devolvê-la ao dono não lhe tira a desonra de ter roubado. A gente fica imaginando quantas vezes isso não aconteceu antes, quando sua influência junto às autoridades era ainda maior do que hoje. Sendo que sonegação fiscal é o menor crime da Globo. Seus crimes políticos são piores: mensalão dos EUA pra jogar contra o Brasil e apoiar um golpe de Estado; edição de debates em favor de Collor; tentativa de fraudar eleições no Rio de Janeiro, contra o Brizola; tentativas sucessivas de aplicar um golpe em Lula e agora em Dilma. A sonegação e o Darf são o menor problema. Vale um cartaz: não é só o Darf.

2. O Barão de Itararé, núcleo Rio de Janeiro, estará, segunda-feira, protocolando esses documentos junto ao Ministério Público, para que investigue a tentativa dos platinados de desviar dinheiro público.

3. No dia 03, quarta-feira, movimentos sociais farão uma manifestação em frente à Globo, no Jardim Botânico. Começa às 17 horas, com entrega do documento da fraude fiscal na portaria da empresa. Às 17:30, haverá assembléia popular no local, para discutir regulação da mídia; e às 18:00 começará um protesto, no mesmo local, contra o monopólio da Globo.

PS: Outra pesquisa que acabo de fazer, junto ao site do Ministério da Fazenda, com o histórico criminal da fraude da Globo. É mais um indício negativo, porque sugere que o processo está parado nas instâncias burocráticas do governo. Ou seja, não foi pago, não foi concluído.

Você mesmo pode pesquisar: http://comprot.fazenda.gov.br/E-Gov/PvC_Mov_Consulta_Movimentos.asp?processoQ=18471001126200614&DDMovimentoQ=29122006&SQOrdemQ=0

Em tempo: convém não esquecer que a sonegação da Globo tem o fedor de Privataria .

Não deixe de ler a primeira denuncia sensacional do Miguel: “a Globo sonegou o Imposto de Renda – a Dilma vai cobrar?”

Paulo Henrique Amorim

Responder

Zanchetta

30/06/2013 - 11h54

Será que a Globo tentou usar o mesmo esquema que o Lula usou para pagar o Duda Mendonça?

Responder

    wagner paulista de souza

    30/06/2013 - 17h50

    Acuma mesmo, esse mininu ? Esse mantra que a Imprensalona incutiu em sua pobre caixa encefálica parece interminááááááááável. Sai dessa, ô coisa ruim que atormenta o nosso amigo Zanchetta. Se liga, meu.!

    Luís Carlos

    30/06/2013 - 21h44

    Ou será que usou o mesmo do Serra já contado pelo Amaury Jr?

    FrancoAtirador

    30/06/2013 - 23h05

    .
    .
    NAVALHA DO PHA

    Não é preciso ser um engenheiro da NASA para entender a acrobacia.

    A Globo derruba o Governo nas manifestações, dá posse ao Temer e paga a dívida em suaves prestações mensais ao longo de 100 anos.

    Interessante também foi a interpretação que o ansioso blogueiro recolheu do Vasco, que leu e releu o Privataria Tucana, do Amaury Ribeiro jr.

    (Engraçado, o pessoal da doença infantil do transportismo não levou nenhuma faixa para a Avenida Paulista pedindo a apuração da Privataria ou a legitimação da Satiagraha. Deve ter sido um lapso…)

    O relatório do auditor Alberto Sodré Zile – que jamais aparecerá para as suaves apresentadoras da GloboNews – fala em “em aparência” para “dissimular”, ao descrever a operação da Globo num paraíso fiscal.

    O Vasco mergulhou no relatório e no livro do Amaury e concluiu.

    A Globo pode ter aberto uma empresa de fachada nas Ilhas Virgens para adquirir os direitos de transmitir a Copa do Mundo.

    Uma empresa dela mesma, a Globo.

    Para não pagar o imposto devido – deve ser em torno de 15% !!! – ela simula que essa empresa offshore foi que comprou os direitos.

    A Globo do Brasil manda o dinheiro para a Globo offshore.

    A Globo offshore compra os direitos.

    A Globo fica com os direitos.

    Não paga o imposto e em seguida fecha a empresa offshore.

    Bingo !

    Isso fede a Privataria Tucana, lembrou o Vasco, sempre alerta.

    Essa é a tecnologia descrita no livro do Amaury para as operações do clã Cerra:

    Ricardo Sergio de Oliveira, o “Mr Big”, aquele do ‘se isso der m….’, Verônica Cerra e seu marido, Alexandre Bourgeois.

    Abria a empresa nas Ilhas Virgens – as mesmas ilhas, coitadas, estupradas por brasileiros ‘ilustres’… – o clã Cerra fazia a negociata, não pagava imposto, lavava o dinheiro aqui dentro, numa boa, e depois fechava a empresa.

    Tudo isso debaixo das barbas da Polícia Federal do zé Cardozo !

    E quem vai em cana é o Genoíno.

    Quá, quá, quá !

    Viva o Brasil !

    Paulo Henrique Amorim

    Em tempo: o Bessinha, como se vê, presta singela homenagem ao Faustão, o filósofo do Faustão, que recebe os amigos para uma pizza em casa. Esse Bessinha…

    http://www.conversaafiada.com.br/pig/2013/06/29/sonegacao-da-globo-tem-o-fedor-da-privataria/

João de Deus

30/06/2013 - 11h38

Exijam da Globo que mostre o DARF. Mas levem à tira-colo um perito para verificar se o documento foi realmente emitido pela Receita Federal.

A Rede Globo, ou melhor, seus donos e seus empregados são capazes de tudo. Perito neles.

Responder

Fabio Passos

30/06/2013 - 11h37

Assim são os udenistas: Moralistas fajutos.
A globo, líder do PiG, mergulhada em um escândalo de sonegação!

É preciso divulgar o nome do sonegador: josé roberto marinho – CPF 374.224.487-68

Responder

Antonio Lopes

30/06/2013 - 11h23

Neo nazistas pagos pelo psdb e dem
EU JÁ SABIA!!!!

https://www.facebook.com/media/set/?set=a.599353793429812.1073741830.465652103466649&type=1

Militante de extrema direita se diz arrependido e denuncia esquema de manipulação das passeatas – denúncia é investigada

Responder

Salgueiro/PE

30/06/2013 - 11h22

Esses criminosos filhos do Roberto Marinho, deveriam já está cadeia há muito tempo.

Responder

Luís Carlos

30/06/2013 - 11h18

Toda essa corrupção não merece uma grande manifestação com 1 milhão de pessoas em frente a Globo? Ou o movimento só se indigna com corrupção de políticos? Os mascarados do V de vingança que estão divulgando vídeos contra o governo farão vídeos contra a corrupção da Globo e convocarão manifestação contra a Globo ou são comparças da sonegadora Globo? Os mesmos mascarados que tem medo de mostrar a cara como fascistas que são, vão dizer que todo esse dinheiro faz falta para a saúde e educação ou ficarão calados demonstrando a farsa que são, pagos por “sócios” estrangeiros da Globo e congêneres?

Responder

José de Queiroz

30/06/2013 - 11h12

Como bem lembra o Miguel do Rosário, basta mostrar o DARF.

http://www.ocafezinho.com/2013/06/29/mensalao-da-globo-se-pagou-mostra-o-darf/

Responder

AlvaroTadeu

30/06/2013 - 11h08

Aposta: você joga dois reais na Mega Sena. Se ganhar, leva uma bolada para casa. Se perder, o dinheiro não paga nem um cafezinho. É uma excelente aposta, risco alto, perda irrisória. Sem cadeia, um ser terrestre ou marinho sonega. Se não descobrirem, bamburrou. Se descobrirem, paga a multa e acessórios e “segue o jogo”. Mas sem exibir o DARF, significa que NÃO PAGOU.

Responder

Fabio Passos

30/06/2013 - 11h07

Assim são os udenistas: Moralistas fajutos.
A globo, líder do PiG, mergulhada em um escândalo de sonegação!

É preciso divulgar o nome do trampa: josé roberto marinho – CPF 374.224.487-68.
Devolva o dinheiro do povo, seu sonegador vagabundo!

Responder

Luís Carlos

30/06/2013 - 11h06

Globo e corrupção, inseparáveis! Mas é claro, assim como a Globo não divulgou a relação da Veja com o criminoso Cachoeira, a Veja também não divulgará as sonegações fiscais da Globo. A combatividade da Globo contra a corrupção é seletiva, apenas contra a corrupção dos outros, as dela e de seus comparças jamais serão “televisionadas”. Globo está mentindo. Se não, deve apresentar a prova do pagamento de todos impostos devidos, ou seja, a totalidade do valor, corrigido. Globo deve fazer exatamente o que exige de quem ela ataca, apresentar provas documentais. Enquanto isso não acontece, conforme comportamento da própria Globo contra outros acusados/suspeitos, deve ser tratada como culpada e criminosa.

Responder

Antonio Lopes

30/06/2013 - 11h05

TODOS À PORTA DA GLOBO.
PEC-37 ? DÁ PRA ENTENDER
Cabral, Bernardo, Gurgel – o Barão tá de olho !


R. Von Martius, 22 – Jardim Botânico – RJ

17:00 – Protocolaremos na Globo o documento da Receita Federal que comprova a sonegação da Globo.

17:30 – Início da Assembleia Temática “Democratização da Mídia”

Durante a assembleia recolheremos assinaturas do abaixo-assinado da Lei da Mídia Democrática.

Organização:
Cidadania Sim! Pig Nunca mais.
Barão de Itararé

Em tempo: então, é por isso que a Globo e seus telejornais (sic) defenderam tanto o Gurgel … Por isso tentaram sepultar a PEC-37 … Deve ser porque o Ministério Público não quer dar um pulinho às Ilhas Virgens …

Clique aqui para ler “PEC-37 – a Globo e o Gurgel ganharam mas não levam” E aqui para ler “O MP é o DOI-CODI da Democracia !”.

Em tempo2: se o Ministro Bernardo não desse entrevista ao detrito sólido de maré baixa, ele ia pra cima da Globo: como é que uma concessionaria de serviço público faz escala nas Ilhas Virgens para comprar os direitos de transmissão de um evento que será exibido – com lucro fabuloso ! – aos espectadores brasileiros. Mas, amigo navegante, esqueça, O Bernardo lê a Veja …

Em tempo3: a PM de São Paulo não deixou os manifestantes irem à porta da Globo. O que fará o Cabral, que, como o Paes, governa para merecer os aplausos do Ancelmo Góis ?




http://www.conversaafiada.com.br/brasil/2013/06/30/todos-a-porta-da-globo-pec-37-da-pra-entender/

Responder

Roberto Locatelli

30/06/2013 - 10h41

Por isso temos que lutar pela democratização dos meios de comunicação. A mídia brasileira é praticamente um monopólio da Globo, já que os jornalecões estão falindo, assim como as revistas semanais.

Responder

Messias Franca de Macedo

30/06/2013 - 10h37

Partindo da premissa de que a presidente Dilma Rousseff, A Magnífica, tem os votos dos(as) eleitores(as) que votam nela + os votos dos(as) eleitores(as) que votam ‘na candidata’ apoiada irrestritamente pelo [eterno] presidente Lula + os votos daqueles(as) que votariam no Lula caso o ex-presidente fosse candidato…

… Considerando este axioma, a presidente Dilma Rousseff será reeleita em primeiríssimo turno!

“NÃO SE AVEXEM, NÃO(!)”: A DIREITONA – [eterna] oposição ao Brasil e ao povo brasileiro está em polvorosa, sobretudo, porque sabe que A MAGNÍFICA fará sucessor… Ou sucessora!…

EM TEMPO: creio, também, que está na hora de o presidente Lula assumir publicamente o apoio irrestrito à reeleição da presidente Dilma Rousseff! Do contrário, o Lula estaria – ainda que indiretamente – ajudando a fomentar essa campanha criminosa contra a nossa presidente! Ademais, a presidente Dilma Rousseff precisa trabalhar, para o bem da nação!…

E continuemos pintados para a guerra! Mesmo porque a luta contra o fascismo é interminável!

Hasta la Victoria Siempre!

BRASIL (QUASE-)NAÇÃO [depende de nós enquanto ações e reações!
Bahia, Feira de Santana
Messias Franca de Macedo

Responder

francisco niterói

30/06/2013 - 10h14

Azenha/ conceicao

Sobre o assunto, e lembrando muitos comentarios meus sobre a legislacao protetora dos sonegadores, gostaria de acrescentar um comentario que fiz no blog do rodrigo vianna:
Fiz um comentario sobre a lei 9249/95 e gostaria de fazer um outro, mas amarrando no mesmo pano de fundo: a esquerda muitas vezes fica no generico e perde oportunidades de enriquecer o debate.

O post sobre a divida dos marinhos foi importantissimo pois foi focado e mostrou a hipocrisia. E foi facil dialogar com a classe media midiatizada com este tema.

Alem de propormos a revogacao do perdao aos sonegadores ( o que tem apelo popular), podemos ir alem na linha que demonstra que nao so a politica do Brasil é uma merda, tudo é uma merda pois o poder da grana captura tudo.

Sabe a CPMF? Pois é, ela é o grande inibidor da sonegacao. Podemos deixar de lado a questao da mesma para a saude e vermos a mesma como reguladora das atividaes fiscais. Sendo assim, acho que devemos propor uma CPMF com aliquota de, ex, 0,001% e isencao ate 10.000, 00 reais de renda. E assumindo que a CPMF seria pra controle contra a sonegacao.
Ou seja, nao tem aumento de carga tributaria. Quem tem movimentacao de 20.000,00 pagaria dois centavos.
Poderiamos propor junto que o tratamento das informacoes seria “de ordem prioritaria por parte dos fiscos”. Ou seja, um CPF com movimentacao imenso e imposto minimo teria que ser tratado de forma urgente. Digo isto pois muitas vezes a gente se esquece que a questao do CPF ( pode ser de alguem influente) pode dormir nos escaninhos da reparticao e ai, bingo, decai.

Acho que a midia iria gritar e assim demonstrariamos ao publico que eles nao sao serios. Vamos investigar mesmo os sonegadores? Entao CPMF regulatoria.

Ainda faria mais uma coisa: APLICACAO INTEGRAL, DOS VALORES DE AUTUACAO ARRECADADOS COM BASE NA CPMF, NA SAUDE OU EDUCACAO. QUERO VER A MIDIA E A CLASSE MEDIA ALTA GRITAR CONTRA ISSO.

TA NA HORA DE MOSTRAR A CONTRADICAO. ISTO É FAZER POLITICA.

Responder

    Marisa

    30/06/2013 - 17h55

    Gostei da proposta. Mas ainda tem algo que me incomoda nesse caso d sonegação e desvio de conduta fiscal da GLOBO; essa empresa detém uma concessão pública e para tal, reza a constituição, tem que ser ilibada, portanto a partir do momento da comprovação do ilícito, não deveria a concessão ter sido mediatamente suspensa?

ma.rosa

30/06/2013 - 09h58

E agora, tais atos, tais fatos “expúrios” da “vênus platinada” serão capa da “revistinha oia”? Ou as “parceras” daquela irão se calar? KKKKKKKKK

Como já vi postado aqui:”O QUE PASSA NA “GROBO”, NÃO É UM PAÍS PARA TODOS. MAS UM PAÍS PARA BOBOS”, acabou. Abaixo esta emissorazinha sem escrúpulos
ou moral para julgar quem quer que seja.

Responder

francisco niterói

30/06/2013 - 09h21

ATENCAO a todos quanto a uma desculpa esfarrapada: PARECER DA RECEITA FALOU “EM TESE”.

Uma informacao IMPORTANTE: o parecer da receita NUNCA poderia falar que houve crime de forma peremptoria. Sabem por que?

A Receita demonstra a falta de recolhimento e tipifica a infracao às leis tributarias. POREM, quanto à lei penal, isto É ATRIBUICAO DO MP OFERECER A DENUNCIA E O JUDICIARIO DIZER QUE HOUVE O CRIME.

Portanto, um PARECER ADMINISTRATIVO NAO PODE dizer que ocorreu situacao tipificada no CODIGO PENAL. Diz-se entao EM TESE.

ALGUEM AÍ SE ESQUECEU DA SEPARACAO ENTRE PODERES? Portanto, nao caiamos nessa. No popular, a traducao do linguajar administrativo do parecer é a seguinte: HOUVE O CRIME CONTRA A ORDEM TRIBUTARIA E PEDIMOS QUE O JUDICIARIO ASSIM O RECONHEÇA.

Responder

Francisco Cavalcante Souto

30/06/2013 - 08h57

Até que enfim apareceu alguma coisa errada contra a rede globo. E precisamos continuar com a matéria na mídia – blogs para não deixar esfriar. Temos que cobrar uma posição da Receita Federal, cobrar o DARF do pagamento. Cavucar (quando eu era pequeno diziam lá em casa “escacaviar”) todo o processo, dar publicidade no Facebook, etc. O povo precisa saber de tudo isso.

Responder

Antônio

30/06/2013 - 08h23

E por falar em Ilhas Virgens, nós estamos nos esquecendo de fazer uma baita de uma manifestação defronte da casa da VERÔNICA SERRA, filha de JOSÉ SERRA, para exigir dela explicações sobre as falcatruas feitas com o dinheiro das privatizações. Está tudo documentado no livro A PRIVATARIA TUCANA, de Amaury Ribeiro Júnior. Que tal irmos à casa da VERôNICA?

Responder

jose humberto malheiros

30/06/2013 - 07h01

A Globo vai fazer igual Al Capone e colocar a culpa em nós Contadores que não soubemos interpretar. Agora quero ver eles noticiarem isso no tal de Fantastico. Inocência minha. Vamos desmascara-los, se não fecharmos a Globo, o Brasil não tem solução. E as novelas?

Responder

Cláudio

30/06/2013 - 04h13

Globo em pele de cordeiro

“Com o tempo, uma imprensa [mídia] cínica, mercenária, demagógica e corruta formará um público tão vil como ela mesma.” >>> Joseph Pulitzer


“Se você não for cuidadoso, os jornais [mídias] farão você odiar as pessoas que estão sendo oprimidas, e amar as pessoas que estão oprimindo” >>> Malcolm X



Ley de Medios Já ! ! !



Responder

Pedro

30/06/2013 - 02h06

Conforme nome dito pelo Márcio Gaspar, pq não construir um “sonegômetro” para mensurar a quantidade de sonegação de impostos por minuto? Fica aí a minha sugestão para a associação comercial, fiesp ou quem quer que seja.

Responder

sergio

30/06/2013 - 02h03

Boa notícia, se a Globo pagar o que sonegou vamos ter escolas e hospitais com o padrão FIFA (hehe).

Responder

Luiz Fernando

30/06/2013 - 01h33

A Globo que se cuide. Al Capone caiu por um crime tributário.

Responder

FrancoAtirador

30/06/2013 - 01h32

.
.
É importante ressaltar o valor do imposto de renda

sonegado aos brasileiros pela Rede Globo de Televisão.

Agora está claro, inclusive, que é fato incontroverso.

Porém o mais grave é o crime praticado contra a ordem tributária.

[Aliás, foi para se livrar da condenação criminal que a Globo pagou a dívida ou parte dela, por exemplo, quitando o valor nominal do imposto (R$ 183 milhões) mais os juros de mora (R$ 157 milhões, mais atualização pela SELIC até o dia do pagamento), e continuando a discutir administrativamente (até prescrever?) a multa de 150%, tentando provar que não houve dolo por sonegação mediante simulação, como está sendo acusada pela Receita. É uma das hipóteses que explica por que o processo ainda está em aberto].

Se tivesse-se à disposição para leitura a íntegra

do “Termo de Verificação e de Constatação Fiscal de fls 310/338″

e do “Auto de Infração de fls 339/343″, acima mencionados

na “Representação Fiscal para Fins Penais”, ora publicada,

poderia-se verificar com exatidão a falcatrua armada

mediante simulação de negócio jurídico no exterior.

Mas, pelo que descrito na referida Representação Fiscal

lavrada pela fiscalização da Receita Federal do Brasil,

pode-se deduzir que foi realizada uma operação ilícita

nos moldes daquelas utilizadas por empresas e bancos

para fazer remessa ilegal de divisas e lavagem de dinheiro

através de contas bancárias em paraísos fiscais no exterior.

Lendo-se com atenção o Item III da Representação Fiscal,
que trata da “Descrição dos Fatos Caracterizadores do Ilícito”, e o segundo parágrafo do “Relatório”, chega-se às seguintes conclusões:

1) Alguém [um laranja da FIFA ou a própria?] constituiu ou já havia constituído uma empresa de fachada nas Ilhas Virgens Britânicas (paraíso fiscal/offshore).

2) A TV Globo simulou a aquisição de ações (“investimentos em participações societárias”) dessa empresa offshore, porque esse tipo de transação é isenta de imposto (“retenção dispensada”) pela legislação brasileira,
depositando um determinado valor equivalente ou superior ao estabelecido pela FIFA para aquisição dos Direitos de Transmissão da Copa do Mundo que seriam passíveis de tributação pela Receita Federal (Imposto de Renda Retido na Fonte-IRRF), se fossem adquiridos diretamente pela Globo, aqui no Brasil, perante a FIFA.

3) A tal empresa fictícia estabelecida no exterior adquiriu da FIFA os Direitos de Transmissão da Copa do Mundo.

4) Logo após a realização dessa operação (“menos de um ano depois”) a mesma empresa fantasma foi dissolvida e reverteu o patrimônio, repartindo-o entre os sócios constituintes, dentre estes a TV Globo, a quem coube, ‘por estranha, misteriosa e santa coincidência’, os Direitos de Transmissão da Copa do Mundo de 2002.

Entende-se agora por que se fala tanto em MÍDIA BANDIDA !!!

?1372359136

Responder

Só na Moita

30/06/2013 - 00h36

A globo sonega IRPJ e o processo corre em segredo de justiça! sob qual fundamentação? privilegio concedido pelo Palocci? pelo Paulo Bernardo? pior, por mandado de segurança do Gilmar Dantas?
eita, esse PT já foi bom…

Responder

    lukas

    30/06/2013 - 10h07

    Sigilo fiscal. Está no próprio dumento. Vale pra Globo, pra mim e pra você.

    abolicionista

    30/06/2013 - 21h21

    Só não vale pro PT, né, fofitcho?

Barão pedirá que MP use seus poderes para investigar emissora - Viomundo - O que você não vê na mídia

30/06/2013 - 00h27

[…] Globo diz ao UOL que pagou multa por sonegação fiscal […]

Responder

Ednaldo Vieira osta

29/06/2013 - 23h59

Gente,esses Marinhos devem ser gênios,construir esse império em tão pouco tempo!!!

Responder

abolicionista

29/06/2013 - 23h53

Já passou da hora de invadirmos a Globo e instaurarmos a democracia naquela joça…

Responder

@naldovalenca

29/06/2013 - 23h42

Não vejo alternativa se não colocarmos o time em campo. Não adianta ficarmos no vestiário, apavorados, com medo de 1% da torcida do “contra tudo que está aí”. Nós temos que mostrar que quem tem experiência com as ruas é nós! Que não vamos mais compartilhar de um golpe midiático com o apoio de delinqüentes do Facebook! Cadê o MST? Cadê a CUT? Onde está a UNE? Todos os movimentos sociais legítimos? Vamos convocar os 40 milhões de pessoas que saíram da miséria! Os 20 milhões de beneficiários do Bolsa Família! Os 1,5 milhões de bolsistas do Prouni! Os mais de 1,5 milhões de cidadãos do MCMV! Vamos berrar se é no grito que eles querem ganhar! Temos que chamar todos os trabalhadores que estão empregados por conta da política do governo! Vamos apontar o dedo para os traidores da pátria e alertar a população que estes querem tomar o poder e entregar o PRÉ-SAL para os EUA. É verossímil! O povo sabe disto tanto quanto sabe que político é ladrão! Vamos apontar os corruptores, sonegadores e as agencias de conspiradores do PIG! Lula, eu estou pronto! Eu estou pronto PH! Vamos pra rua!

Responder

Márcio Gaspar

29/06/2013 - 23h32

Quantos hospitais daria para construir com o “sonegômetro” de 615 milhões da Globo?

Responder

    Mário SF Alves

    30/06/2013 - 14h49

    E o que é igualmente importante: no padrão Fifa! Quantos?
    __________________________________
    E quantos Zilhões a mais poderiam ser construídos se se considerasse o valor total da sonegação de impostos praticado [apenas] pelas mega empresas que atuam no Brasil?

H.92

29/06/2013 - 23h28

Mensalão da Globo: se pagou, mostra o DARF!

Minha fonte me liga para contestar a informação divulgada pela Globo, via UOL, de que ela quitou a dívida de R$ 615 milhões com a Receita Federal.

A dívida é a soma do impostos mais juros e multa, resultantes de um auto de infração no qual a Receita detectou a intenção da Globo de fraudar o fisco.

“Se ela pagou, então mostra o Darf, o povo quer saber”, diz o garganta profunda deste humilde blogueiro. Darf, como todo bom pagador de impostos sabe, é o documento da receita onde o contribuinte registra o pagamento de uma dívida tributária.

“Se tivesse pago, o processo não estaria constando como ‘em trânsito’, conforme se pode verificar com uma Consulta Processual no site da Receita Federal”.

Leia mais em:
http://www.ocafezinho.com/2013/06/29/mensalao-da-globo-se-pagou-mostra-o-darf/

Responder

Abelardo

29/06/2013 - 23h27

Corrigindo o texto anterior:
A Globo quando quer derrubar alguém não mede esforços para, em caso de não haver provas substanciais, induzir a opinião pública de que a sua caça é culpada, até que se prove o contrário, e faz de tudo para aniquilá-la o mais breve possível antes que ela consiga se provar inocente. No caso de mais uma das suas tentativa de burlar a lei, agora através de crime fiscal intencional e premeditado, conforme a Receita Federal relata no processo, é de grande interesse público (por ser uma concessionária do governo)que a Receita Federal publique uma nota, ao público em geral, confirmando ou desmentindo a afirmação da ré de que já pagou o valor da multa estipulada pelo crime de sonegação fiscal que praticou. Em caso positivo (de pagamento feito) que se publique a informação da data, dos registros e da publicação no DO da União. Caso contrário, continuaremos imaginando que o poder dessa empresa, que já tem um histórico de ficha suja bem conhecido pelas diversas acusações de envolvimentos em fraudes eleitorais, depósitos em paraísos fiscais, cochavos com a ditadura para não abrir falência e outros,continua sendo maior que o da própria Receita Federal, inclusive no que se refere a censura que possa fazer a própria Receita Federal das notícias constrangedoras em que seu nome esteja envolvido, ainda que tudo seja verdade.PLAM PLUM, a casa está caindo.

Responder

Rodrigo Vianna

29/06/2013 - 23h26

Azenha, há um dado curioso: a Globo agora admite que pagou a multa por sonegação. Mas na sexta a Veja publicou uma nota em que afirma que a Globo vai recorrer…

A nota na Veja foi publicada na coluna de Lauro Jardim Botanico(jornalista recebeu este apelido porque seria extremamente próximo de certos diretores globais):
“Depois de uma longa discussão jurídica, o Leão rugiu mais alto: a Globo perdeu e terá que pagar 2,1 bilhões de reais à Receita Federal por operações que resultaram em um recolhimento menor de impostos. Das setenta grandes empresas autuadas em procedimentos semelhantes, a Globo foi a única cujos argumentos não foram aceitos. Cabe, no entanto, recurso.”

Percebe a confusão? Lauro Jardim Botanico quis dar uma aliviada pra Globo, e afirmou que ela vai recorrer (e que, coitada, é perseguida pelo Leao). Mas por que vai recorrer se ja pagou a multa?

Confuso, não?

A resposta da Globo, aliás, lembra-me Bill Clinton quando pergutando se ja fumara maconha: “sim, fumei mas não traguei”.
Globo: “dei uma sonegadinha de cento e poucos milhões, ok. Mas ja paguei. E as ilhas nem eram virgens…”
Rodrigo.

Responder

    Luís CPPrudente

    30/06/2013 - 11h04

    Se a famiglia Marinho diz que pagou, ela tem que comprovar isto com documento. A Receita Federal não pode ter um cagão nesta hora e dizer que a famiglia Marinho pagou quando não pagou.

    2 bilhões de reais é muito dinheiro que pode ser usado para a construção de hospitais, melhorias na educação, pavimentação de estradas vicinais, etc. A Receita Federal não pode amarelar e ter um cagão neste momento.

    A famiglia Marinho tem que pagar e isto tem que ter repercussão pública.

xacal

29/06/2013 - 23h23

Se foi paga a multa e recolhido o tributo devido, não há de se falar mais em crime (lei 8137, artigo 1º, incisos).

De todo modo, sendo os crimes ali punidos com pena de 2 a 5 anos, ,mesmo que a multa não tenha sido paga, e o procedimento fiscal administrativo instrua a ação penal, ela prescreverá em 12 anos, ou seja, 2014.

Alguém tem dúvida de que o MP e o Judiciário manteriam este processo na gaveta?

Pois é…é para estas e outras que o MP precisa do “poder de investigar”, embora afaste a OBRIGAÇÃO de investigar!

Responder

Abelardo

29/06/2013 - 23h21

A Globo quando quer derrubar alguém não mede esforços para, em caso de não haver provas substanciais, induzir a opinião pública de que a sua caça é culpada, até que se prove o contrário, e faz de tudo para aniquilá-la o mais breve possível antes que consiga se provar inocente. No caso de mais uma das suas tentativa de burlar a lei, agora através de crime fiscal intencional e premeditado, conforme a Receita Federal relata no processo, de interesse público (por ser uma concessionária do governo)que a Receita Federal publique publique uma nota ao público confirmando ou desmentindo a afirmação da ré de que já pagou o valor da multa estipulada pelo crime de sonegação fiscal que praticou. Em caso positivo (de pagamento feito) que se publique a informação da data, dos registros e da publicação no DO da União. Caso contrário, continuaremos imaginando que o poder dessa empresa, que já tem um histórico de ficha suja bem conhecido oelas diversas acusações de envolvimentos em fraudes eleitorais, depósitos em paraísos fiscais, cochavos com a ditadura para abrir falência e outros,continua sendo maior que o da própria Receita Federal, inclusive no que se refere a censura, a própria Receita Federal, de notícias constrangedoras em que seu nome esteja envolvido, ainda que seja verdade.PLAM PLUM, a casa está caindo.

Responder

Luís CPPrudente

29/06/2013 - 23h19

A famiglia Marinho pagou mesmo? Cadê a prova que pagou?

Responder

renato

29/06/2013 - 23h01

Quem anda de mãos dadas com a corrupção.
Quem as vezes se deita com a corrupção.
Nada mais nada menos que a nossa querida
e conhecida SONEGAÇÃO.
Tomara que ela esteja no pacote dos crimes hediondos.

Responder

abolicionista

29/06/2013 - 22h56

A Globo vai pedir para a Dilma passar um pano e, em troca, cancela umas duas matérias do JN.

Responder

Ozzy Gasosa

29/06/2013 - 22h43

Deveria ir para a cadeia esses Marinhos e sua corja de jornalistas corruptos.

Responder

H.92

29/06/2013 - 22h32

Pagou mesmo ou é só mais um engodo? Por isso apoiaram tanto a PEC 37, pra colher apoio do mp pra sentar em cima disso tudo?

É uma montanha de grana, hein!

Responder

Luiz

29/06/2013 - 22h00

Tem que botar essa BANDIDA na cadeia se não pagar, é assim com todo cidadão brasileiro que não paga seus impostos CADEIA NELA DILMA !!!!!!!

Responder

Giordano

29/06/2013 - 21h21

O que os otários colonizados do tal “change brazil” deveriam saber é que se eles fizerem isso lá na terra do falido “tio sam” vão em cana na hora. Lá, não adianta ser da “massa cheirosa”, ou recorrer à “suprema corte”, vai em cana assim mesmo. Aqui, ninguém consegue prender “os filhos do dr. roberto”, daniel dantas, jereissati, cerra, aébrio…, não é mesmo, gilmar mendes?

Responder

Rodrigo

29/06/2013 - 21h21

O Fisco não é Bobo!
E Multa a Rede Grobo!

Responder

Aluisio Pessoa

29/06/2013 - 21h20

Parabéns ao AFTN que autuou a empresa infratora. Seu sindicato deve ficar muito atento para defendê-lo em caso de possível revanche dos criminosos globais.

Responder

Cristian Dutra

29/06/2013 - 21h17

Ok, a Copa de 2002 não foi qdo saiu aquele escândalo grande da ISL? uma coisa não parece estar relacionada com a outra?

Responder

francisco pereira neto

29/06/2013 - 21h13

Tá! Não respondeu a pergunta.
Então vai outra.
E a falsificação da procuração para roubar a antiga TV Paulista, é verdade ou mentira?
A falsificação da assinatura da procuração é verdade ou mentira?
A Globo tem moral para chamar os políticos de ladrões?
Como pode alguém que faz parte da bandidagem, só chamar a outra parte de ladrão?

Responder

Marat

29/06/2013 - 21h11

Parabéns ao Miguel do Rosário, ao Viomundo e ao Paulo Henrique Amorim, abnegados lutadores, pois praticaram Jornalismo… Quanto ao PIG, como era de se esperar, calou-se até o momento onde havia mais como esconder… após isso, fizeram uma materiazinha meia-boca e chapa branquíssima com o grande irmão… Mais uma vez, o PIG falado causa náuseas, o escrito só serve para recolher fezes dos cãezinhos!

Responder

FrancoAtirador

29/06/2013 - 21h08

.
.
GLOBO & SIMULAÇÃO: TUDO A VER

“Simulação dos atos jurídicos”

A simulação compõe-se de três elementos:

a)intencionalidade da divergência entre a vontade interna [NO CASO DA GLOBO, SONEGAÇÃO DE IMPOSTO DE RENDA RETIDO NA FONTE]
e a declarada [SUPOSTO NEGÓCIO EMPRESARIAL EM PARAÍSO FISCAL NO EXTERIOR (ILHAS VIRGENS BRITÂNICAS)];

b)intuito de enganar [É SÓ O QUE A GLOBO TEM];

c)conluio entre os contratantes [GLOBO E FIFA].

E possui os seguintes propósitos:

a)enganar terceiros [190 MILHÕES DE BRASILEIROS] estranhos ao negócio jurídico;

b)fraudar a lei [TRIBUTÁRIA BRASILEIRA].

Código Civil de 2002

Art.167. É nulo o negócio jurídico simulado, mas subsistirá o que se dissimulou, se válido for na substância e na forma.

§1° Haverá simulação nos negócios jurídicos quando:

I – aparentarem conferir ou transmitir direitos a pessoas diversas daquelas às quais realmente se conferem, ou transmitem;

II – contiverem declaração, confissão, condição ou cláusula não verdadeira;

III – os instrumentos particulares forem antedatados, ou pós-datados.

§2° Ressalvam-se os direitos de terceiros de boa-fé em face dos contraentes do negócio jurídico simulado.

Art. 168. As nulidades dos artigos antecedentes podem ser alegadas por qualquer interessado, ou pelo Ministério Público, quando lhe couber intervir.

Parágrafo único. As nulidades devem ser pronunciadas pelo juiz, quando conhecer do negócio jurídico ou dos seus efeitos e as encontrar provadas, não lhe sendo permitido supri-las, ainda que a requerimento das partes.

Art. 169. O negócio jurídico nulo não é suscetível de confirmação, nem convalesce pelo decurso do tempo.

Art. 170. Se, porém, o negócio jurídico nulo contiver os requisitos de outro, subsistirá este quando o fim a que visavam as partes permitir supor que o teriam querido, se houvessem previsto a nulidade.

Art. 171. Além dos casos expressamente declarados na lei, é anulável o negócio jurídico:

I – por incapacidade relativa do agente;

II – por vício resultante de erro, dolo, coação, estado de perigo, lesão ou fraude contra credores.

(http://www.dji.com.br/codigos/2002_lei_010406_cc/010406_2002_cc_0166_a_0184.htm)

http://www.egov.ufsc.br/portal/conteudo/simula%C3%A7%C3%A3o-dos-atos-jur%C3%ADdicos

Responder

    FrancoAtirador

    29/06/2013 - 21h37

    .
    .
    Folha de S. Paulo, 16.10.06

    Dinheiro sujo tira o capitalismo do rumo

    Segundo estimativas, práticas ilegais tiram US$ 500 bilhões por ano de países pobres e os transferem para nações ricas.

    A Rede de Justiça Fiscal (Tax Justice Network) do Reino Unido estima que existem US$ 11 trilhões escondidos em paraísos fiscais e jurisdições protegidas por sigilo.

    Esses trilhões enfraquecem ainda mais os países pobres, contribuindo para a criminalidade, o terrorismo, a desestabilização e a pobreza de bilhões de pessoas.

    Por Raymond Baker e Jennifer Nordin

    Se contrabandear drogas através de fronteiras é ruim, será que também o é contrabandear lucros?

    Se a evasão de impostos de um país é prejudicial, será que o fluxo de dinheiro que entra em outro país, fugindo dos impostos cobrados no anterior, também o é?

    Se a lavagem de dinheiro por terroristas é perigosa, será que também é perigoso o uso de técnicas semelhantes por empresas?

    Mais do que em qualquer outro momento na história do capitalismo, nosso sistema econômico se vê pressionado pelas tensões entre o que é legal, o que é ético e o que fomenta o bem comum.
    Essas tensões apontam para uma pergunta fundamental:

    o que deve vir em primeiro lugar para o capitalista, maximizar os lucros ou buscar fazer transações justas e que se enquadrem na legalidade?

    Ao longo das últimas quatro décadas, foi sendo aperfeiçoada uma estrutura que facilita as transações financeiras internacionais ilegais.

    Essa estrutura de “dinheiro sujo” consiste em paraísos fiscais, jurisdições sigilosas, cobrança de preços por transferências, empresas de fachada, fundações anônimas, contas secretas, solicitação de lucros obtidos de fontes ilegítimas, propinas e brechas remanescentes nas leis dos países ocidentais que encorajam a entrada de dinheiro criminoso e decorrente da sonegação de impostos.

    Apenas o esboço dessa estrutura já existia em 1960, por exemplo.
    Hoje, aproximadamente metade do comércio entre países envolve partes deste sistema, que freqüentemente é usado para gerar, transferir e ocultar dinheiro ilegal.

    Muitas multinacionais e bancos internacionais fazem uso rotineiro dessa estrutura, que funciona ignorando ou desviando-se das tarifas, dos impostos, das leis financeiras e da legislação contra a lavagem de dinheiro.

    O resultado é pura e simplesmente a legitimação da ilegalidade.

    Maximização de lucros

    Se a sonegação de impostos fosse a única conseqüência dessa estrutura do dinheiro sujo, algumas pessoas poderiam argumentar que ela serve a uma finalidade útil, na medida em que maximiza os lucros e valores pagos aos acionistas.

    Mas a verdade é que esse mesmo sistema é o que ajuda os traficantes, chefões da máfia e grupos terroristas.

    Segundo nossas estimativas, o sistema retira ilegalmente das economias em desenvolvimento e em transição cerca de US$ 500 bilhões por ano e os transfere para cofres ocidentais.

    A Rede de Justiça Fiscal (Tax Justice Network) do Reino Unido estima que existem US$ 11 trilhões escondidos em paraísos fiscais e jurisdições protegidas por sigilo. Esses trilhões enfraquecem ainda mais os países pobres, contribuindo para a criminalidade, o terrorismo, a desestabilização e a pobreza de bilhões de pessoas.

    Por que é que tanto comportamento antiético passou a ser visto como “business as usual”?

    Uma explicação está na cobiça pura e simples.
    Mas isso não explica o fenômeno por completo, além de amesquinhar muitos empresários que acreditam operar de maneira ética.

    O que cresce é um compromisso avassalador com a maximização dos lucros, objetivo que é priorizado acima de qualquer outro princípio.

    (http://www.bresserpereira.org.br/view.asp?cod=1623)

    JOTACE

    30/06/2013 - 01h49

    Caro Franco,

    Mr. Baker e Mr. Nordin não explicam se contrabandear equipamentos é ruim… Será que eles esqueceram de fazê-lo. ou se trata de algo que deve ser interpretado apenas como um ‘usual business’ ? Abs, Jotace

Daniel Menezes

29/06/2013 - 21h06

Azenha,
Não foi esta a última vez que o Grupo Globo deixou de cumprir suas obrigações. A Net Serviços de Comunicação S.A. deve mais de 7 milhões ao erário. É só colocar o CNPJ deles no site da PGFN que você confirma a informação (00.108.786/0001-65, está no verso da fatura) e o site é: http://www2.pgfn.fazenda.gov.br/ecac/contribuinte/devedores/listaDevedores.jsf

Responder

marco

29/06/2013 - 20h57

Sr.Feltrin,o sr. conhece,conheceu ou ouviu falar de criminoso confessando ser criminoso,a não ser que tenha sido submetido a tortura?

Responder

lukas

29/06/2013 - 20h53

Se a Globo pagou o auto de infração, por que o processo ainda não foi arquivado?

Responder

    FrancoAtirador

    29/06/2013 - 23h02

    .
    .
    Ora, lukas, klaus, kulas, lakus,
    seja qual for o nome do advogado do diabo,

    se tu, que é o defensor-mor da Rede Globo,
    não sabes o andamento do processo na Receita,

    como é que nós, pobres contribuintes lesados,
    que só conhecemos a verdade nos blogs, vamos saber?
    .
    .

Deixe uma resposta