VIOMUNDO

Médico moralista do Movimento Brasil Livre recebeu sem trabalhar

12 de março de 2016 às 22h43

 

5 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

Eduardo Guimarães

14/03/2016 - 09h24

O caiado é bandido com ficha suja, velho conhecido dos brasileiros! O outro novinho começou cedo na ladroagem e na bandidagem! Já passou da hora de colocar médicos, engenheiros,filhinhos de papai, enfim encher as cadeias de brancos e coxinhas vagabundos, todos dormindo hoje até tarde porque se esbaldaram ontem na ignorância e na cachaça! Esta hora tá cheio de promotor, PM, PF, político, juiz, madames burras,paneleirose outros vagabundos todos dormindo enquanto o povo já levantou cedo para trabalhar!

Responder

fernando oliveira

13/03/2016 - 16h43

Não estou acompanhando a marcha dos enganados. Mas, aqui prá nós, fazer manifestação com aécio, eduardo cunha, moro, paulinho da força, fhc, serra, gilmar dantas, conserino etc, etc, etc… é no mínmo muito mal intencionado.

Responder

carlos

13/03/2016 - 09h29

Esses dois são uma dupla de vagabundos de Goias, esse da UDR, deveria está preso por ter contratado jagunços para mandar matar camponês, o outro é vagabundo porque não vai trabalhar e recebe como se tivesse trabalhando normalmente, é vagabundo também.

Responder

Dan

13/03/2016 - 00h21

Só pessoas muito ingênuas mesmo para achar que a manifestação do dia 13 é contra a corrupção. Na verdade, é o contrário.

Responder

    Mauricio Gomes

    13/03/2016 - 07h07

    Não acho que sejam ingênuas, a maioria quer mesmo é eliminar o PT para trazer os “bons tempos de volta”, quando preto e pobre sabiam o seu lugar e não tinham a ousadia de querer as mesmas coisas que eles. Simples assim.

Deixe uma resposta