VIOMUNDO
O VIOMUNDO só é possível também através de anunciantes, e detectamos que você utiliza um AdBlock, bloqueador de anúncios.
Por favor considere ajudar o VIOMUNDO desativando o bloqueador para este site.
Cartas de Minas
Cartas de Minas

Denise Gentil: Jovens não terão futuro com a reforma da Previdência e terceirização do Temer; ouça entrevista

03 de abril de 2017 às 22h45

Da Redação

Nesta segunda-feira (03/04), a professora e pesquisadora Denise Gentil, da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), concedeu entrevista ao programa Roda de Conversa, que vai ao ar de 11h às 12h,  na Rádio Autêntica Favela FM (106,7).

Denise falou à jornalista Vera Lima sobre os impactos da reforma da Previdência na vida das mulheres, das professoras,  dos trabalhadores e trabalhadoras do campo e dos jovens.

Roda de Conversa é uma produção dos sindicatos Único dos Trabalhadores em Educação de Minas Gerais (Sind-UTE/MG), dos Auditores Fiscais da Receita Estadual de Minas Gerais (Sindifisco/MG), CUT/Minas e Jornal Brasil de Fato.

Ouça a entrevista. É muito esclarecedora.

 

3 Comentários escrever comentário »

Os comentários aqui postados são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do VIOMUNDO. Todos as mensagens são moderadas. Não serão aceitos comentários com ofensas, com links externos ao site, e em letras maiúsculas. Em casos de ofensas pessoais, preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, denuncie. Leia o nosso termo de uso.

FrancoAtirador

05/04/2017 - 06h20

.
.
Terceirização

Supremo Tribunal Federal (STF) Decidiu Que o Estado

Não É Responsável Subsidiário Por Débitos Trabalhistas.

Presidente da Anamatra Afirma que a Decisão do STF

Poderá Impactar na Vida de Milhares de Terceirizados:

“É importante que a tese-síntese da decisão, a ser adotada pelo STF,
não exclua em termos absolutos, em toda e qualquer circunstância,
a responsabilidade estatal, sob pena de termos, na realidade concreta
inúmeros processos em curso, a simples impossibilidade de executar
o direito reconhecido em favor de milhares e milhares de trabalhadores,
frustrando-se a concretização de direitos alimentares”

https://t.co/0XHJlxmOWb
https://twitter.com/Anamatra/status/847620152912887810
.
.

Responder

Mineiro

04/04/2017 - 14h41

Se não der um jeito de parar esses golpistas, verdade seja dita e não adianta mentir ,estamos todos ferrados e acabados. E não tem meias palavras, o Brasil vai para o fundo do poço. Ou a dita ou maldita esquerda ,se é que ainda existe toma vergonha na cara é diz para o povo se vai mesmo fazer greve geral e botar o pau pra quebrar ou deixa de frescura. Até agora é só conversa e mais nada ,tirando um ou outro movimento social que realmente entrou na guerra, porque o resto da esquerda está acovardada igual aos partidos da oposição que mais parece que ainda está no governo. É só ver quem do PCdoB, do Pt que está botando a cara pra bater ,conta nos dedos porque o resto está acovardado e pior ainda faz acordos com golpistas.

Responder

Mineiro

04/04/2017 - 14h27

Ou se entra na guerra pra valer ou vamos todos deixar de conversa fiada. Não tem mais como ,ainda tem gente imbecil que faz denúncia nesse judiciário golpista. O judiciário maldito desgraçado facista entreguista sempre teve lado ,só lulinha paz e amor dos acórdãos ,o Pt é aquela desgraça de pres que entregou o poder para os golpistas sem lutar e ainda fica aí fingindo de coitada. Pergunta para os moradores das favelas esquecidos pelo poder público de que lado o judiciário e a polícia militar assassina que lado eles sempre esteve. Esse golpe nao é de agora é de muitos anos e todo mundo pra min sem exceção tem culpa sim nesse golpe. Todos se acorvadaram diante das atrocidades que já vinham acontecendo a muito anos e agora ficam com cara de imbecis.

Responder

Deixe uma resposta